Show da Fé

 

Embed or link this publication

Description

fe

Popular Pages


p. 1

Jornal Show da Fé A Palavra que salva os pecadores PÁGINA 22 ANO 1 - Nº 06 - USA - JULHO DE 2014 SHOWda FÉ O JORNAL DA PALAVRA DE DEUS MARCELO NEJM Mensagens de fé do Missionário PÁGINA 24 Vida sem dor Ao usar o Nome de Jesus, milhares de pessoas voltaram a andar normalmente e ficaram livres de dores durante os cultos realizados pelo Missionário R. R. Soares. “Você precisa acreditar e dar um passo de fé para alcançar a vitória”. Páginas B1 a B10 MARCELO NEJM Já não precisa mais usar colar cervical Página B3 Chorava todo o dia devido à dor nas pernas Página B1 MARCELO NEJM Maria de Lourdes Gonçalves usava bengala para conseguir caminhar Deus do Impossível Rafael Viana e Keila conheceram o poder de Deus quando ele sobreviveu a um grave acidente de carro. Em coma por 25 dias, Rafael corria risco de vida. Com fé, a esposa orava sem cessar, e o milagre aconteceu. MARCELO NEJM Surpreso ao receber a bênção Por mais de uma semana, Nelson Freitas Correa sofreu de dores inexplicáveis pelo corpo, por isso nem trabalhar podia mais. Porém, ao orar com fé com o Missionário na Igreja da Graça em Pompano Beach, os sintomas sumiram. Caderno B7 Página 2

[close]

p. 2

2 Editorial ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 SHOWda FÉ Editorial Mensagens de fé do Missionário PÁGINA 24 Expediente Jornal Show da Fé A Palavra que salva os pecadores PÁGINA 22 ANO 1 - Nº 06 - USA - JULHO DE 2014 SHOWda FÉ O JORNAL DA PALAVRA DE DEUS MARCELO NEJM Vida sem dor Ao usar o Nome de Jesus, milhares de pessoas voltaram a andar normalmente e ficaram livres de dores durante os cultos realizados pelo Missionário R. R. Soares. “Você precisa acreditar e dar um passo de fé para alcançar a vitória”. Páginas B1 a B10 MARCELO NEJM O mais importante é conhecer o senhor Missionário R. R. Soares Já não precisa mais usar colar cervical Página B3 Chorava todo o dia devido à dor nas pernas Página B1 MARCELO NEJM Maria de Lourdes Gonçalves usava bengala para conseguir caminhar Deus do Impossível Rafael Viana e Keila conheceram o poder de Deus quando ele sobreviveu a um grave acidente de carro. Em coma por 25 dias, Rafael corria risco de vida. Com fé, a esposa orava sem cessar, e o milagre aconteceu. MARCELO NEJM Surpreso ao receber a bênção Por mais de uma semana, Nelson Freitas Correa sofreu de dores inexplicáveis pelo corpo, por isso nem trabalhar podia mais. Porém, ao orar com fé com o Missionário na Igreja da Graça em Pompano Beach, os sintoCaderno B7 mas sumiram. A Página 2 Diretor-executivo R. R. Soares Conselheiro editorial Eber Cocareli Editora Elaine Monteiro R epórteres Amanda Pieranti Claudia Santos Mônica Ferreira R epórteres colaboradores Isabel Querino e Marcos Couto Fotografia Marcos AC Luiz Fernando Marcelo Nejm R evisão Célia Cândido (Direção), Renata Valérie (Supervisão), Magdalena Soares (Prova), Eliana Nunes e Marcella Peçanha Direção de arte Kleber Ribeiro Diagramação e A rte-final Bruno Moraes (coordenação), Renan Marcolino Rodrigo Magno Tatyanne Rangel Site www.ongrace.com/ jornalshowdafe E-mail jornalshowdafe@ongrace. com R edação Estrada dos Bandeirantes, Janeiro - RJ - CEP 22.710-113 Telefone: (0xx21) 3077-5168 É expressamente proibida a reprodução total ou parcial de matérias, entrevistas, artigos, fotos e ilustrações sem prévia autorização dos titulares dos direitos autorais. O Jornal Show da Fé é uma publicação da Graça Artes Gráficas e Editora LTDA. 1.000 Taquara - Rio de maior realização do homem não é ser considerado o mais rico, o mais importante do país ou um grande benemérito, mas, sim, conhecer o poder que, no Criador, ele tem para fazer o bem. Todos nós somos produtos de um sonho que Deus teve: fazer um ser à Sua imagem e semelhança, e, por incrível que pareça, até o bandido mais perigoso do país tem dentro de si essa capacidade. No entanto, o diabo, que é malvado, tem levado muita gente a sofrer, a se destruir nas drogas, a viver de prostituição, quando o Altíssimo planejou um lindo futuro para todos. Por isso, estamos publicando este jornal que veio às suas mãos gratuitamen- te, pois é uma maneira de dizermos muito obrigado pelo que Ele nos fez. Assim, você poderá crer também no que Ele diz e ser liberto de qualquer opressão. Não importa quem você seja, nós o ajudaremos a se livrar dos seus sofrimentos. Tu és o Deus que fazes maravilhas (Salmo 77.14). Rapaz se recupera de acidente grave Rafael ficou em coma, com o pulmão cheio de líquido e sangue, não conseguia respirar e contraiu bactérias e fungos Claudia Santos claudia.jornalshowdafe@gmail.com MARCELO NEJM C om menos de um ano de casados, Rafael Laurentino Viana e Keila viveram uma tragédia. Ele sofreu um grave acidente automobilístico, teve hemorragia pulmonar e colocou um dreno no tórax. A cada minuto, o estado de saúde dele piorava e, após 48 horas do ocorrido, Rafael já havia perdido dois litros de sangue e mais três litros estavam coagulados dentro do tórax. “Ele ficou instável durante o final daquela semana, porém, o seu pulmão DIVULGAÇÃO IIGD estava cheio de líquido, impossibilitando a sua respiração”, recorda-se a esposa. O marido ficou em coma por 25 dias e, por causa de uma traqueostomia, contraiu bactérias e fungos. Para agravar o quadro, Rafael além de perder massa muscular e os movimentos, ainda precisava de auxílio para respirar. Devido a isso, foi retirado um pedaço da traqueia. “Eu não perdi a fé e permaneci em oração. Contava com a oração da Igreja Internacional da Graça de Deus, e o milagre aconteceu. Ele corria risco de morte, mas o Pai celestial deu a última palavra”. Após um tempo, Rafael começou a melhorar gradativamente, até obter alta, porém continuava na cadeira de rodas. “No entanto, depois de três semanas, ele já estava caminhando, curado e sem sequelas”, testemunha Keila, declarando que Deus fez o impossível na vida do casal. Fim da febre reumática e de problemas nos olhos

[close]

p. 3

SHOWda FÉ ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 3 Milagres pela TV O Show da Fé, programa de TV que alcança diariamente milhões de pessoas, está levando os sofredores a receberem as mais fantásticas bênçãos em suas casas. “TOMEI POSSE DA BÊNÇÃO” MARCELO NEJM MARIANA ALMEIDA EXEMPLO DE PROSPERIDADE E FÉ “Tinha uma vida sofrida”. Essas são as palavras com as quais Maria Sônia dos Santos resume seu passado, quando foi vítima de preconceito e humilhação por parte de familiares. “Eles me rejeitavam e me desprezavam. Diziam que eu nunca venceria na vida. Só ouvia palavras de maldição. Eu também sofria maus-tratos do meu companheiro. No entanto, mesmo sem conhecer Jesus verdadeiramente, eu sabia que Ele cuidava de mim”. Um dia, ao assistir ao programa Show da Fé, Maria teve o seu primeiro encontro com Cristo e conheceu a Igreja da Graça, onde se converteu ao Evangelho. “Com Jesus me direcionando, comecei a estudar, ignorei todas as declarações malditas e venci. Passei em um concurso e, hoje, sou funcionária pública”. Maria Sônia afirma que as bênçãos se estenderam para os seus filhos, os quais se casaram e também se renderam a Jesus. “Atualmente, sou proprietária de quatro residências e exemplo de prosperidade e fé”. Hipertensão, labirintite, síndrome do pânico e hérnia umbilical eram alguns dos males que afetavam Mirian dos Santos Cunha. “Eu tomava vários remédios por dia para tentar controlar todas essas doenças”. No entanto, a situação só mudou quando Mirian conheceu o programa Show da Fé e descobriu que havia uma saída para a vida dela. Ao procurar a Igreja Internacional da Graça de Deus, Mirian ouviu não só palavras de ânimo, como também de fé e se rendeu a Cristo. “Aprendi, finalmente, a determinar a minha cura. Nos ensinamentos, descobri que Cristo levou sobre Si todas as minhas dores e enfermidades e tomei posse da bênção. Hoje, curada, posso subir e descer escadas, tarefa que era impossível antes por causa das constantes tonteiras. Também fui liberada dos demais medicamentos e, hoje, sou uma pessoa saudável”. CURADA DE FOGO SELVAGEM Rosilaine Mota de Almeida conviveu por mais de 20 anos com pênfigo OAL foliáceo, uma doença de pele conhecida como “fogo selvagem”. Trata- ARQUIVO PESS -se de uma enfermidade autoimune, caracterizada pela formação de bolhas por todo o corpo que, ao se romperem, podem servir de porta de entrada para infecções. “Era uma doença hereditária, pois minha mãe e minha bisavó também desenvolveram esse mal. Meu corpo ficava queimando dia e noite, sem cessar. Nunca passei um final de ano em família, porque vivia no hospital. Infelizmente, os médicos não sabiam diagnosticar essa enfermidade na época”. “Tinha muita vergonha. Trocava cinco peças de roupa por dia porque ficavam sujas de pus. Na busca incessante para diminuir a dor, jogava 20 envelopes de permanganato dentro da cisterna de água, com muitos cubos de gelo. Era também nesse local que fazia minhas refeições. Parecia que eu estava pegando fogo. Essa situação acabou com minha autoestima, por isso pensei em suicídio”. Ao assistir ao Missionário pela TV, Rosilaine aprendeu a orar e determinar. “Eu senti a presença de Deus, e algo inexplicável aconteceu: minha pele ficou nova, saíram várias escamas. Já faz seis anos que estou curada; hoje, posso me vestir com roupas lindas, levo uma vida normal e minha autoestima está elevada. Sou muito grata ao Altíssimo por esse milagre”. MARCOS AC VIDA ESPIRITUAL RENOVADA Há um ano e meio, quando decidiu ser assinante da Nossa TV, a vida de Sandra Helena da Cruz passou por transformações, principalmente, no aspecto espiritual. “Cresci na fé, tenho mais tranquilidade, porque aprendi mais do Evangelho. A programação tem palavras que edificam e testemunhos que me renovam dia a dia. É uma bênção. Eu recomendo e divulgo para todos. Estou muito feliz por ter a Nossa TV dentro da minha casa”.

[close]

p. 4

4 Fotonovela ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 SHOWda FÉ Era viciado, mendigo e louco Separação, vício em drogas e bebidas alcoólicas, relações íntimas com espíritos malignos, quadro de loucura e depressão, mendicância e desejo de suicídio. Assim, foi a vida de Nelson da Silva Santos, que ainda jovem ajudava a mãe nos rituais de feitiçaria. “Perambulando pela rua cheguei a comer restos de comida com bicho”. A transformação só aconteceu depois que Nelson buscou a ajuda de Deus. Hoje, ele pode dizer: “Eu tenho uma nova vida com Cristo”. Há 12 anos, Nelson tem envolvimento com os espíritos malignos. Ele cumpre obrigações com a mãe nos rituais. Depois de casado, larga a família em casa para beber, o que provoca brigas constantes com a primeira mulher. Eles moram em uma comunidade, e com raiva dele, a esposa faz queixas aos traficantes, que o agridem muito. Ele pensa que vai morrer. No auge da rebeldia, usa drogas e anda no meio da marginalidade. Depois de separado, ele conhece as drogas, e sua vida fica ainda mais arruinada. O sofrimento e desespero são tão grandes que ele é internado em uma clínica psiquiátrica. É quando o diabo aparece para ele e fala: “Eu não disse que deixaria você maluco?”. Após receber alta, Nelson decide mudar-se de estado. Ao chegar à cidade, é assaltado e agredido. Os bandidos levam tudo dele. Ele acaba mendigando e dormindo pelas ruas. Em um momento, o diabo o faz entrar em uma fossa e beber água, como se fosse limpa. Um homem enviado por Deus lhe aparece e fala do amor do Senhor e do plano dEle de libertá-lo dessa escravidão. PROTAGONISTA: PARTICIPAÇÃO: Deus coloca pessoas no caminho de Nelson para ajudá-lo a voltar à sua cidade natal. Lá, ele vai à Igreja Internacional da Graça de Deus e luta pela sua libertação. ARTE: ROTEIRO E PRODUÇÃO: FOTOS: ASSISTENTE: Hoje, ele é obreiro e tem uma vida abençoada em todas as áreas. “Já são 11 anos caminhando com Jesus. Estou muito feliz!”. EDITORA:

[close]

p. 5

SHOWda FÉ MILAGRES TUDO É POSSÍVEL AO QUE CRÊ (MARCOS 9.23). JULHO DE 2014 B1 Editorial Adeus à bengala Amanda Pieranti amanda.jornalshowdafe@gmail.com FOTOS: MARCOS AC Missionário R. R. Soares  oder de Deus P à disposição Aquilo que os olhos nunca viram, os ouvidos nunca ouviram (1 Co 2.9) e pernas, braços e demais órgãos do corpo nunca fizeram ou estavam impossibilitados de realizar é o que Jesus faz acontecer quando, após termos dado atenção à pregação do Evangelho, oramos. Sim, hoje é tempo de provar se o que a Bíblia diz é verdade ou não. Milhões de pessoas têm participado das nossas reuniões ao redor do mundo e, em todas essas nações, temos, em Nome de “A graça do Senhor repousa sobre a humanidade. Pela fé, entra-se nela, mas é preciso permanecer firme. Talvez você já esteja cansado de tanto sofrimento, tantas más notícias e de diagnósticos comprometedores. Porém, você precisa crer e dar um passo de fé para alcançar a vitória”. Muitas pessoas renovaram sua confiança em Deus após essa mensagem do Missionário R. R. Soares no culto especial realizado na Igreja Internacional da Graça de Deus, no dia 2 de maio. Maria de Lourdes Gonçalves de Almeida foi uma delas. Ao determinar sua cura no momento da oração, alcançou o milagre que foi buscar. Nos últimos dois anos, a bengala que Maria ganhou de presente lhe trouxe alívio e a chance de caminhar, pois, por dez anos, ela teve sérios problemas na coluna devido ao desgaste dos ossos do quadril. “Além de trabalhar muito nas casas de família, eu andava e carregava peso. Forcei demais, e a situação só foi piorando”. Tarefas domésticas simples eram impossíveis para ela, já que não conseguia se abaixar ou andar. “Passava os dias sentada ou deitada”. Depois da oração feita pelo Missionário, Maria finalmente pôde dizer adeus às dores, às limitações e até mesmo à bengala. “Agora, ando e me abaixo normalmente, graças ao Senhor”, testemunha ela, carregando a bengala nas costas. “Chorava todos os dias sentindo dores” Maria Nilza da Silva Monteiro também largou a bengala e caminhou sem sentir dor em um dos cultos realizados por R. R. Soares, no dia 9 de maio. “Desde o dia em que fiz uma simples cirurgia, voltei para casa com o apoio da bengala. Vivi assim por dois anos e meio. Eu saía da cama me arrastando e chorava todos os dias sentindo dores, as quais não me deixavam andar direito. Eram 24 horas de sofrimento. Fazia tratamento, tomava nove comprimidos por dia, mas não melhorava”. Até que Maria viu, pela televisão, que o Missionário estaria na capital mineira e pediu a uma amiga que a levasse à reunião na sede estadual da Igreja da Graça. “Cheguei ao culto de bengala, sentindo muita dor, mas confiante na minha cura e alcancei a vitória. Saí da Igreja andando sem problema algum. O dia 9 de maio de 2014 ficará marcado para sempre na minha vida”. Receba a sua libertação e cura Jesus, expulsado de muitas vidas doenças, demônios e suas opressões. Venha, veja por si mesmo e receba a sua libertação e cura. Por que ficar no pior, se o melhor é melhor? Nós cremos que o poder de Deus é forte para desfazer tudo de ruim que oprime qualquer pessoa. Não falamos isso como se fôssemos especiais, mas porque o Mestre operou desse modo quando estava aqui, na Terra, e ordenou que aqueles que nEle cressem também fizessem o mesmo. Vida nova depois do milagre “Estou tão feliz, porque agora acabaram as minhas limitações. Passei a fazer caminhada sozinha, a levar minha netinha para o colégio e até correr”. Essa declaração de Nilza ao Jornal Show da Fé, dias depois da cura, mostra como a vida dela mudou. “Agora, também faço faxina em casa e voltei a fazer meus doces, atividade que não realizei por dois anos. Minha família está maravilhada com a minha cura. Quando as pessoas me veem na rua e perguntam quem fez esse milagre, eu digo que foi Jesus”.

[close]

p. 6

“Foram 20 anos de sofrimento” Maria sofria de vários males, como hérnia de disco e osteoporose, as quais a impediam até de se deitar. Após a oração da fé, as dores sumiram, e ela voltou a se movimentar Marcos Couto bico de papagaio. Depois, veio a hérnia de disco. Por fim, a osteoporose. Tentei me tratar, mas não adiantava, pois sentia dores intensas. Também não conseguia me deitar e, para dormir, só de bruços”. Maria estava confiante na vitória, e a mensagem do Missionário fortaleceu ainda mais sua fé. “Deus não quer ninguém caído, vivendo com medo, com remorso, oprimido e limitado, mas, sim, que a pessoa se levante e se ‘desligue’ de tudo o que não presta”, disse R. R. Soares, antes de ministrar a oração da fé, durante a qual Jesus curou Maria das Graças. “A dor sumiu. Agora, faço movimentos que eram impossíveis antes de fazer, tais como me abaixar e virar as costas para a esquerda ou direita. Estou sarada”. MARCELO NEJM B2 SHOWda FÉ ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 MARCELO NEJM marcosstefano@gmail.com M uitas pessoas foram curadas de várias enfermidades durante as reuniões do Missionário. Maria das Graças de Faria, por exemplo, ficou livre de problemas na coluna, que a impediam de se abaixar ou ficar de pé por mais do que alguns poucos minutos. “Foram 20 anos de sofrimento. Começou com MARCOS AC Jesus cura esposa e marido Maria do Carmo Vilaça chegou mancando à reunião com o Missionário. “Eu estava puxando da perna esquerda, por causa de uma torção que sofri há uma semana. Não podia me abaixar e muito menos me levantar de tanta dor. Para dormir, tinha de tomar remédio”. Maria foi ao culto não só para buscar a restituição da saúde dela, mas também pelo marido José Sebastião Cândido, que padecia de crises de convulsão. No entanto, durante o clamor feito com fé, Jesus curou o casal. “Não sinto mais dor e voltei a andar normalmente. Meu esposo não teve mais convulsões”, relatou ela ao Jornal Show da Fé dias depois do milagre. “Ele está reformando a nossa casa, e eu agora faço caminhada”. MARCOS AC Não podia trabalhar por causa das dores nas pernas Carmem Turrão de Mello chegou ao culto de R. R. Soares com fortes dores nas pernas por causa da osteoporose. “Sofri devido a esse problema durante três anos. Não podia trabalhar nem andar direito. Porém, hoje, após a intercessão, fui curada. Não sinto mais nada”, disse ela ao Missionário, emocionada. Curada dos joelhos, pode ir à casa do filho As dores nos joelhos não deixavam Isa Natália do Nascimento andar direito. “Durante cinco anos, esse problema me afligiu. Meu filho mora em cima da minha casa, e eu não podia subir as escadas para vê-lo”. Segundo Isa, o médico disse que ela era uma forte candidata a ser cadeirante, mesmo se operasse os dois joelhos. “Por causa disso, decidi buscar em Deus a minha cura. Fui ao culto, determinei a vitória, e Jesus me sarou. No momento da oração, a dor nos joelhos desapareceu”. Dias depois da bênção recebida, Isa contou ao Jornal Show da Fé que, agora, visita o filho no andar de cima. “Também posso cozinhar e fazer faxina na casa”. Conseguiu se abaixar Durante uma semana, Maria das Graças da Silva Araújo não era capaz nem mesmo de se deitar por estar com problemas de coluna. “Era um sufoco”. No entanto, depois da oração da fé ministrada pelo Missionário, Maria comemorava o fato de estar livre daquele mal. “A dor sumiu, e consegui até me abaixar, o que não fazia antes”. MARCELO NEJM

[close]

p. 7

SHOWda FÉ “N Tirou o colar cervical após ser curada pela fé FOTOS: MARCOS AC ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 B3 ão sou eu que curo. Quem cura é o Senhor Jesus. Durante 30 anos, eu clamava e chorava pedindo ao Senhor que me curasse, mas nada adiantava. Foi aí que aprendi o significado do verbo pedir, que em grego é aiteó, que significa exigir, determinar, tomar posse. Percebi que Jesus estava me dando voz, autoridade, para repreender o mal. Assim, tomei uma posição e, no mesmo momento, fui curado”. Esse ensinamento do Missionário R. R. Soares, na reunião realizada no dia 14 de maio, ajudou muitas pessoas a fortalecerem a fé e alcançarem o milagre. Uma delas foi Lucia Diorio de Camargo. Com sérios problemas na coluna, para chegar ao culto, Lucia contou com a ajuda da irmã. “Quando cheguei à Igreja, estava tremendo, debilitada e usando um colar cervical para proteger o pescoço, pois não podia virar o rosto para o lado esquerdo. Necessitava de ajuda para caminhar e não me abaixava”. Na oração, ela foi curada de tudo o que a afligiu. “Agora, eu me agacho e viro a minha cabeça de um lado para o outro, sem dor ou limitação”, afirmou Lucia ao Missionário após tirar o colar cervical. “Também posso andar perfeitamente e parei de tremer”. Fim do sofrimento que durou 40 anos Desde os 16 anos, Sebastião Eustáquio Viana sentia dores na coluna e nas pernas. “Tudo começou depois que sofri um acidente na adolescência e tive escoliose. Foram mais de 40 anos padecendo. Como meu trabalho requer muito esforço, o incômodo aumentava à noite, na hora de dormir”. No entanto, depois que Sebastião clamou com fé a Deus durante o culto com R. R. Soares, os males desapareceram milagrosamente. Dias após a cura, ele relatou ao Jornal Show da Fé que está bastante feliz. “Estou trabalhando com mais disposição e dormindo melhor”. Voltou a trabalhar após ficar livre das dores nas pernas “Era uma dor horrorosa, parecia que tinham jogado uma panela de água fervente nas minhas pernas”. A declaração de Tereza de Jesus Oliveira, que participou do culto, mostra o quanto ela padecia. Esse sofrimento se iniciou há um ano. Desde então, ela não podia andar direito nem subir uma pequena escada para alimentar os cachorros dela. “Os médicos não conseguiam descobrir a causa do problema, e os medicamentos que eu tomava não faziam efeito”. Tereza, que é costureira, teve de parar de trabalhar, pois se sentia pior quando ficava sentada. Porém, depois de interceder com fé, o sofrimento chegou ao fim. “As dores nas pernas sumiram. Jesus me curou.” Alguns dias após a reunião, ela contou à equipe do Jornal Show da Fé que está bem contente com a cura. “Hoje, faço todos os afazeres domésticos, alimento meus cachorros e voltei a trabalhar”. “Jesus me sarou” Há quatro meses, Maria Madalena Aguiar sofreu uma queda e passou a sentir uma forte dor no joelho esquerdo. “Não podia andar normalmente e tinha dificuldade para me levantar.” Maria foi mais uma das abençoadas durante a oração ministrada pelo Missionário. “Jesus me sarou. Não sinto mais o incômodo de antes e consigo até pular”, disse ela, visivelmente emocionada enquanto dava pulinhos. Dias depois do milagre, ela relatou ao Jornal Show da Fé que está andando com rapidez e não tem mais dificuldade para se erguer. “Agora, dou faxina, subo escada e caminho”.

[close]

p. 8

B4 SHOWda FÉ ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 MARCOS COUTO “Dá até para jogar bola” Quando chegou à reunião da Volta da Vitória, Washington Valério da Silva passava por um drama. Há dez anos, ele teve um derrame articular no joelho direito. A partir daí, o local não parou de inchar, e ele não conseguiu mais dobrar a perna. “Os médicos disseram que eu estava com água no joelho e com um cisto. Era terrível”. No entanto, enquanto Washington orava com o Missionário, o inchaço desapareceu, a dor passou e ele recuperou o movimento. “Voltei a dobrar a perna, sem dificuldade. Dá até para jogar bola”. MARCOS AC MARCOS AC Ela não tinha esperança de cura Marisa Aparecida Cornélio Ramos descobriu o programa Show da Fé há algum tempo e, pela televisão, tem aprendido a Palavra de Deus. “Quando soube que o Missionário faria um culto na cidade, decidi participar da reunião, para Jesus me curar”. Marisa tinha problemas nos dois tornozelos. “Vivia mancando e sofri de fortes dores por dois anos. Os médicos diziam se tratar de dor articular e não me davam esperanças. Mas, na oração, fui sarada. Agora, ando e não sinto mais nada”. Foi buscar a bênção e saiu curada “N ão importa quão pecador você seja, se houver um encontro com Cristo e um arrependimento, a graça divina perdoa, liberta do mal, expulsa os demônios, cura crise de consciência, sara as enfermidades e muda a vida financeira”. Essa declaração fez parte da mensagem do Missionário na reunião realizada no dia 13 de maio. O local do evento ficou lotado de pessoas que foram louvar a Deus e buscar a solução para os problemas que enfrentavam. No momento da oração da fé, muitas delas foram curadas. Mercedes dos Santos Nishi, que, durante cinco anos, sofreu de osteoporose, doença que deixa os ossos mais frágeis e suscetíveis a fraturas, foi uma das abençoadas. Junto à enfermidade, vieram também a dor no joelho esquerdo e os estalos. “Já não conseguia mais flexionar a perna. Mancava e mal podia andar. Sem falar no mal-estar, insuportável”. Mercedes revela que tentou todo o tipo de tratamento, sem solução. “Porém, durante a oração, Jesus restabeleceu minha saúde. Agora, ando rapidamente, dobro a perna e o joelho. Tudo sem qualquer problema”. Dor nos joelhos desapareceu Há cinco anos, Franquelina Pereira padecia de dores intensas nos joelhos, as quais a impediam de se movimentar. “Não conseguia caminhar normalmente. Porém, no momento da intercessão, clamei com fé, determinei a vitória, e o Senhor me curou. Não sinto mais dor”, afirmou em um dos cultos de R. R. Soares pelo Brasil. Dias após o milagre, Franquelina afirmou à equipe do Jornal Show da Fé que está muito feliz. “Agora, caminho com tranquilidade”. MARCELO NEJM

[close]

p. 9

SHOWda FÉ Andava apoiada em um guarda-chuva MARCELO NEJM ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 B5 MARCELO NEJM A fim de poder andar, Maria de Lourdes Marques Santana precisava de seu guarda-chuva, que usava como bengala. Não tinha firmeza, além disso, não conseguia dobrar a perna esquerda, por causa do joelho. “Quantas vezes, tentei subir ou descer do ônibus e caí. Por causa disso, deixei de ir à igreja.” Esses não eram os únicos motivos da tristeza de Maria. Ela estava também preocupada com um nódulo que surgira em seu pescoço havia algum tempo. Confiante na vitória, ela decidiu participar do culto realizado por R. R. Soares. “No momento da oração, senti um arrepio. A primeira coisa que fiz foi passar a mão no pescoço. Para minha surpresa, o nódulo havia desaparecido.” E, quando foi ao altar da Igreja testemunhar esse milagre, percebeu que não sentia mais dores e podia dobrar a perna. “Recuperei a firmeza nas pernas. Agora, posso subir e descer degraus sem ajuda. “Deus me curou.” Dias depois da reunião, ela contou ao Jornal Show da Fé que voltou a participar dos cultos na igreja e a ser patrocinadora da obra do Altíssimo. “Estou andando normalmente. Aposentei o guarda-chuva. Só vou usá-lo quando chover”. “Vim com a certeza de que Deus responderia ao meu clamor” Arlete Simil da Silva chegou à reunião com muita inchação nas pernas, além de dores nos tendões e joelhos. “Por anos, sofri dessas dores. Mas vim com a certeza de que Deus responderia ao meu clamor, e Jesus me curou”. Dias depois de recuperar a saúde, ela contou ao Jornal Show da Fé que agora consegue pisar com firmeza e sem dor. “Não podia sequer dobrar a perna nem caminhar. Porém, agora estou me movimentando bastante”. MARCELO NEJM Calcificação na coluna causava dores fortes Após muito tempo com dor na coluna, exames e quatro diferentes médicos, Edimeia Pavan de Oliveira recebeu o diagnóstico. “Tive uma calcificação na coluna. Estava com uma vértebra a mais. Como consequência, não podia virar o tronco, nem para a esquerda nem para a direita. Sentia muita dor, e os remédios não faziam efeito”. Ficar muito tempo sentada ou de pé também era um sofrimento. “Cheguei à Igreja da Graça cedo para participar do culto com o Missionário e garantir um lugar. Sentei-me, mas, quando começou a reunião, já não aguentava de tanta dor.” Na oração, Edimeia clamou com fé, determinou e venceu o problema em Nome de Jesus. “Estou de pé há um bom tempo e não sinto mais dor. Além disso, movimento meu tronco e o quadril sem restrições”. MARCELO NEJM Sequelas de AVC desapareceram Há três anos, Oswaldo Teófilo sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Levou quase um ano para se recuperar. Durante um bom tempo, inclusive, ficou em uma cadeira de rodas. “Foi pela fé e com a mão de Deus que me recuperei, pois quase morri.” Só que ainda ficaram problemas, como dores na coluna e na perna esquerda, que o impediam de realizar movimentos simples, dentre eles, se abaixar. Na oração, porém, recuperou todos os movimentos. “Agora posso me agachar, levantar-me e fazer qualquer movimento sem dores”.

[close]

p. 10

B6 SHOWda FÉ ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 Manteve a fé e foi curado mais uma vez FOTOS: MARCOS AC Claudia Santos claudia.jornalshowdafe@gmail.com F oram 20 anos de luta e dificuldade. Esse é o tempo em que Francisco Chagas Galvão padeceu de problemas na coluna, incluindo uma hérnia de disco. Recentemente, no entanto, a situação se agravou. “Comecei a ter muitas cólicas e a sentir uma forte dor. Os exames diagnosticaram que eu estava com pedras nos rins”. Mesmo assim, Francisco não se deixou abater. Há alguns anos, enquanto assistia ao Show da Fé, pela televisão, ele foi curado de um grave problema de pedras na vesícula. Dessa vez, também manteve a fé e decidiu participar do culto do Missionário em busca de mais um milagre na vida dele. “Cheguei lá bastante debilitado, com muito incômodo. Porém, após a oração, não senti mais nada. Antes, me abaixava e caminhava com esforço e força de vontade. Hoje, faço esses movimentos normalmente. Estou curado”. “Minha meta era receber essa cura” Marilene Ribeiro Ruiz sofreu, há cerca de dois anos, de dor nas costas. Ela repuxava a perna e mancava. Os médicos diziam que esse problema era devido a ela ter machucado as costas, só que remédios e tratamentos nada resolviam. “Não aguentava nem me abaixar”. Marilene foi mais uma das abençoadas durante o clamor de fé no culto na Igreja da Graça. “Minha meta era receber esse milagre de Jesus e alcancei a vitória. Agora, abaixo-me sem impedimento algum. Fui sarada”. MARCELO NEJM “Tinha cinco bicos de papagaio”. Foi dessa forma que Maria Neusa Gonçalves Mantovani descreveu a situação na qual se encontrou por muito tempo. Segundo ela, alguns dias não aguentava nem se levantar da cama. “Às vezes, teimava e tentava lavar roupa, porém, logo depois, tinha de parar, pois ia encostando-me até me sentar”. Maria Neusa costuma assistir ao Missionário pela TV. Quando soube que o pregador estaria em uma cidade próxima, decidiu ir à reunião para dar sua volta da vitória. Maria foi com uma amiga e, quando R. R. Soares chamou à frente do altar para orar pelas pessoas que estavam com problemas na coluna, ela se esforçou para se levantar mais rápido. “No momento da intercessão, Jesus restaurou minha saúde. Estou sem dor alguma. Antes, era impossível me abaixar. Depois da oração, agacho-me e faço qualquer movimento”. E o bico de papagaio se foi “Coluna está 100%” Lúcia Ferreira Santos sofria de fibromialgia e chegou ao culto com muita dor na coluna. “Durante seis anos, padeci desse problema. Não ficava em pé nem muito tempo sentada. Também não tinha posição para dormir e não levantava os braços sem que doesse, fora os cansaços que sentia. Meu joelho ficava travado”. Mas, após a intercessão, Lúcia foi curada pelo Senhor. “Minha coluna está 100% e faço o que antes não fazia”. Dias depois, Lúcia relatou ao Jornal Show da Fé que voltou a caminhar, pois os incômodos acabaram. “Foi a primeira vez que assisti a uma reunião com R. R. Soares, e Jesus me abençoou. Após o milagre, tenho vida nova. Agradeço, porque foi o Médico dos médicos quem me curou”. Venha receber a sua bênção IIGD POMPANO BEACH - 1261 East Sample Road Pompano Beach, FL 33064 - Igreja: (954) 785-3699 Pr. Willian Sodré - pompano@iigdusa.com ENTRADA GRÁTIS Missionário R. R. Soares Reuniões: segundas, quartas e sextas-feiras - 7:30pm Domingos - 10am e 7pm

[close]

p. 11

SHOWda FÉ JULHO DE 2014 B7 CAMPANHAS DE FÉ ASSIM QUE, SE ALGUÉM ESTÁ EM CRISTO, NOVA CRIATURA É: AS COISAS VELHAS JÁ PASSARAM; EIS QUE TUDO SE FEZ NOVO (2 Coríntios 5.17). Editorial FOTOS: DIVULGAÇÃO IIGD Bênçãos sobre os Estados Unidos Missionário R. R. Soares O maior milagre ocorre dentro de você É admirável o que Deus faz no meio do Seu povo, quando este se reúne em Nome de Jesus. O Senhor Se faz presente e, como Ele é o mesmo ontem, hoje e para sempre (Hb 13.8), entra em ação e opera maravilhas após as pessoas darem ouvidos à pregação da Sua Palavra. Então, vemos muitas delas sendo curadas de diversas enfermidades que adoecem pernas, braços, ouvidos, olhos e tantos outros órgãos. “Q uando damos ouvidos à voz do Senhor, Ele opera milagres em nossa vida”. Com essa orientação, o Missionário R. R. Soares abriu uma das reuniões especiais que ele fez em Pompano Beach, Sul da Flórida, em junho, nos dias 18, 19 e 22. No segundo dia, ele ministrou, pela primeira vez, o culto em espa- nhol, e muitas pessoas foram abençoadas. O pregador também citou Isaías capítulo 30, versículo 1, Salmo 29.7, Hebreus 4.12 e afirmou que a Palavra de Deus é capaz de se- parar todas as coisas. Já nos dias 20 e 22, R. R. Soares levou a mensagem à cidade de Miami, onde também ensinou todos a praticarem a fé e orou pelos doentes.  O Senhor Se faz presente No entanto, tenho visto que o maior milagre ocorre no interior de cada um, pois quem ouve a Palavra de Deus chega à conclusão de que era disso que precisava e não sabia. Com isso, muitos testificam que viviam presos a ódio, pensamentos imorais e negativos, e até vontade de se matar, mas, ao darem atenção ao que Deus lhes falou em seu coração, tudo que era ruim desapareceu depois da oração. Isso também pode acontecer com você. A sensação de angústia afligiu Iva Castro por algum tempo. Enfrentando problemas na vida financeira, ela afirmou que, após a oração da fé, sentiu suas forças serem renovadas, assim como a confiança dela em Deus. “Pela fé, já fui abençoada e fiquei livre da angústia”. Fim da angústia Liberta Thejenany Cavalcante sofria de vários problemas emocionais, dentre eles, depressão e angústia. “Mas, ao seguir as orientações do Missionário e orar com fé, senti que fui liberta de tudo”. Sem tristeza Problemas no casamento estavam causando aflições em Joana Arrington. Foi com muita tristeza no coração e choro compulsivo que ela chegou à Igreja em Pompano. “Depois da oração, senti paz e fortalecimento”. Adeus às dores Dores pelo corpo importunaram Nelson Freitas Correa por mais de uma semana. O incômodo era tanto que ele não podia trabalhar normalmente. “Agora, não sinto mais nada”, declarou Nelson, movimentando-se perfeitamente. Transformação Dircélia chegou à Igreja da Graça em Pompano com uma tristeza profunda e um vazio muito grande. No momento da oração, ela sentiu um calor pelo corpo todo e, logo depois, percebeu que já não estava mais com esses sentimentos ruins. “O mal-estar e aquela fraqueza de alma e do espírito desapareceram”.

[close]

p. 12

B8 SHOWda FÉ ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 FOTOS: MARCELO NEJM Confiou e alcançou o milagre Q uando Antônio Tesunoda morava no Japão, ele trabalhava perto de máquinas barulhentas e, como consequência, perdeu a audição. “Fiquei surdo por dez anos. Mesmo usando aparelho auditivo, ouvia muito pouco. Para escutar o que as pessoas falavam, elas tinham de repetir várias vezes gritando. Era constrangedor”. Antônio chegou ao culto confiante na cura dele. Por isso, ele clamou com fé junto ao Missioná- Agora, estou escutando perfeitamente rio, que pediu às pessoas as quais tivessem problemas de audição que colocassem a mão no ouvido, e o milagre aconteceu. “Jesus me sarou. Recuperei a minha audição”, afirmou Antônio após receber a bênção. Antônio disse ao Jornal Show da Fé, após o evento, que a vida dele mudou muito. “Agora, peço às pessoas que falem baixo, pois estou escutando perfeitamente. Não uso mais aparelho auditivo”. A bênção de Santa Santa Lúcia de Oliveira estava perdendo a audição gradativamente. “O problema começou há dois anos, e os tratamentos não davam resultado. Por isso, meu médico indicou um aparelho de surdez”. No entanto, durante a oração da fé, Deus realizou o milagre na vida de Santa. “Após o clamor, ouvi as pessoas falando e cantando dentro da Igreja, inclusive o Missionário”. Procurada pelo Jornal Show da Fé , Santa relatou que, agora, pode conversar em um tom mais baixo. “Consigo entender o que as pessoas falam comigo, inclusive ao telefone. Recuperei completamente a minha audição e não preciso mais de aparelho”. “E a vitória aconteceu” Durante dois anos, Aroldo Ribas não era capaz de ouvir direito por causa de um chiado que tinha no ouvido. “Os médicos não conseguiam diagnosticar a causa desse incômodo”. Por isso, quando Aroldo soube que R. R. Soares faria um culto, decidiu ir clamar pela restauração da saúde dele. “Submeti-me a vários tratamentos sem êxito, mas, hoje, saí de casa crendo que seria curado, e a vitória aconteceu. Após a oração da fé, o chiado no ouvido sumiu, e passei a ouvir normalmente”. Dias depois da cura, Aroldo declarou à equipe do Jornal Show da Fé que, agora, pode até atender ao telefone, algo que não fazia antes. “Também escuto tudo o que as pessoas falam comigo, sem precisar que gritem”. Depois de 45 anos, a cura Desde os nove anos, Leila Maria Nogueira não tinha a audição normal do lado direito. Entretanto, 45 anos depois, ao determinar a sua cura na reunião especial, ela a recuperou. “Estou ouvindo tudo com perfeição”. Comprovando a sua restauração, Leila ouviu e respondeu a todas as perguntas feitas pelo Missionário.  Jacy Azevedo Rodrigues também foi curada em um dos cultos do Missionário. Ela ficou surda por cinco anos. “Que beleza! Deus curou a senhora”, falou R. R. Soares após entrevistá-la, e ela respondeu a todas as perguntas sem a ajuda de microfone. Elas também alcançaram o MILAGRE Rita Alves de Guimarães não escutava com o ouvido direito desde a infância. “Minha mãe dizia que falava comigo, mas parecia que eu não ouvia”. Porém, no momento do clamor, Rita foi curada. “Senti que o meu ouvido se abriu e, agora, ouço”.

[close]

p. 13

SHOWda FÉ ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 FOTOS: MARCELO NEJM B9 Fim de dez anos de sofrimento “Surdez no ouvido esquerdo durante dez anos e muito sofrimento”. É assim que Galeno Diaz da Costa define sua vida antes de ser curado, na oração de fé, em uma das reuniões realizadas por R. R. Soares no Brasil. “Usava aparelho auditivo, porém a melhora era mínima. No entanto, ao participar da  Campanha da Volta da Vitória, Jesus me sarou”, declarou ele, contente, após a bênção. O Jornal Show da Fé o contatou dias depois do milagre, e ele atendeu ao telefonema bem alegre. “Estou feliz, pois, hoje, posso conversar ao telefone e ouvir a televisão no volume normal. Estou ouvindo bem e sem o auxílio do aparelho. Acabou meu sofrimento”. “Esse é o meu Deus” H á dois anos, Antonia Domingues Rodrigues percebeu que, mesmo que as pessoas falassem alto e perto dela, não conseguia escutá-las. “Estava perdendo a audição, mas os médicos me examinavam e não achavam nada”. Antonia só escutava um pouco com o ouvido direito. No esquerdo, nada. Ao saber da campanha a Volta da Vitória, ela decidiu participar. Porém, na véspera do culto, seus planos quase foram desfeitos. “Comecei a passar mal e tive uma falta de ar terrível. Mas, ao assistir ao programa Show da Fé, pedi a Deus que repreendesse aquele mal e voltei a respirar bem”. No local da reunião, Antonia não precisou esperar nem a oração para tomar posse da bênção. “Quando o Missionário começou a pregar, meus ouvidos foram abertos. Voltei a escutar perfeitamente. Esse é o meu Deus. Ele não falha”. Respostas na ponta da língua O mesmo milagre alcançou Denilda dos Santos Soares, que tinha a audição direita prejudicada. “Qual é o nome da sua mãe? E o do seu pai? Que dia você faz aniversário?” foram as perguntas que o Missionário fez a ela depois da cura, respondidas sem titubear. “Estou ouvindo maravilhosamente bem”. Jussara Bernardi Boscardim ficou sem a audição de um dos ouvidos durante uma semana. “Sentia como se ele estivesse tampado”. Essa situação atrapalhava o seu trabalho. “Sou operadora de caixa e não conseguia ouvir os clientes. Ouvia apenas ecos, e as pessoas tinham de gritar para que eu pudesse escutá-las”. Curada no culto, ela “Ouvia apenas ecos” voltou a escutar com clareza. “Disse ao Senhor que aquela era a minha vez de ser abençoada, e Jesus me concedeu a vitória”. Dias após o milagre, ela contou ao Jornal Show da Fé que a sensação de ouvido tampado desapareceu completamente, e pode trabalhar em paz. “Agora, escuto tudo o que as pessoas falam, mesmo em tom baixo”. “Ser uma verdadeira bênção depende de você” Em uma das reuniões que realizou no Brasil, o Missionário ensinou o que é necessário fazer para ser uma verdadeira bênção nas mãos do Senhor. “Sempre ouvimos falar só em condenação e no que não presta. Assim, o sentimento de indignidade é presente na vida de todos. Falou em Deus, a pessoa já abaixa a cabeça e acha que não tem condições de servir-Lhe. Na verdade, diante do Senhor, temos de levantar nosso rosto e resplandecer, porque a nossa Luz, Jesus, já nasceu. É direito nosso tomar posse de tudo o que nos pertence”. Na ocasião, R. R. Soares se lembrou do que Jesus disse ao homem que tinha a mão ressequida, citado em Marcos, capítulo 3, versículo 5. “Aquele homem representa eu e você – cheio de impossibilidades e problemas que não se resolvem. Jesus ordenou: ‘Estende a mão’. Ele a estendeu, e o poder do Senhor o curou. O que, de fato, você deve fazer para ser abençoado é assumir Jesus. Não aceite carregar nenhuma doença ou dor no seu corpo. Assim como aquele homem estendeu a mão e foi sarado, você também será, quando assumir o Mestre. A sua vida e a da sua família mudará completamente. Ser uma verdadeira bênção depende de você”.

[close]

p. 14

B10 SHOWda FÉ ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 FOTOS: MARCELO NEJM “Voltei a respirar e me alimentar normalmente” D ilamar de Carvalho sofreu, por quase seis anos, de um nódulo nas costas, na altura da barriga. “Por causa desse problema, tinha dificuldade para respirar e me alimentar”. Apesar das constantes avaliações médicas, a enfermidade não era resolvida, por isso Dilamar decidiu clamar ao Senhor por sua cura no culto realizado por R. R Soares. “Quando o Missionário chamou todos os que tinham nódulos no corpo para irem à frente do altar, fui para receber a oração e depositei toda a minha fé em Deus. Assim, o milagre aconteceu. Após o clamor, os nódulos desapareceram. Jesus me curou”. Dias depois do evento, o Jornal Show da Fé entrou em contato com Dilamar, que atestou estar muito bem de saúde. “Sem os nódulos, voltei a respirar e me alimentar normalmente. Agora, vivo tranquilo”. Nódulo desaparece milagrosamente Há dois anos, Adriana Dutra padeceu de um nódulo na altura do quadril esquerdo. “Ele media, aproximadamente, 2cm e surgiu devido a um problema que tive no nervo ciático, ardia demais e causava desconforto”. Porém, na hora da oração, o mal foi embora. “Depois do clamor, coloquei a mão no quadril e percebi que o nódulo havia sumido”. Procurada alguns dias depois da reunião pelo Jornal Show da Fé, Adriana disse que, sem o nódulo, pôde entrar na academia. “Faço esteira, musculação e não sinto nenhum desconforto”. Usou a fé e obteve a bênção Rita de Cássia Rodrigues de Oliveira chegou à reunião confiante na vitória e foi abençoada. “Submeti-me a uma cirurgia de vesícula e, após sete dias, surgiu um nódulo no local, que causava um grande incômodo quando me sentava e me deitava ou fazia alguns movimentos”. No momento em que Rita foi tirar os pontos, não comunicou o fato ao médico, pois tinha medo de que ele fizesse uma nova operação. “Ao orar com o Missionário, usei a fé, determinei que o mal saísse, e o milagre aconteceu, pois o nódulo desapareceu. Jesus me curou”, disse, emocionada, ao Missionário. Dias depois da cura, ela falou ao Jornal Show da Fé que agora pode sentar-se e deitar-se sem problema. “Também consigo fazer minhas tarefas domésticas sem sentir nenhum desconforto”. Vida nova depois da cura João Cascais Martins tinha um nódulo dentro do nariz, do lado esquerdo, que dificultava a respiração dele. “Sofri, por quatro anos, mas, ao interceder, Jesus restituiu a minha saúde. O nódulo sumiu, e voltei a respirar normalmente”, testemunhou ele ao Missionário. João relatou ao Jornal Show da Fé, dias após o culto, que sua vida mudou depois de ter recebido essa bênção. “Agora, respiro tão bem que estou fazendo até caminhada”. Nódulo de nascença sumiu Luiz Henrique Cardoso de Oliveira tinha um nódulo de nascença no pescoço e foi mais um dos abençoados na capital gaúcha. “Não doía, mas incomodava. Durante a oração, clamei ao Senhor, e o nódulo sumiu milagrosamente, graças a Deus”. Fim de um incômodo de dez anos Vitor Rosa também usou a fé e recebeu o milagre que foi buscar no culto do Missionário. “Eu tinha um nódulo nas costas havia dez anos, o qual me incomodava bastante. Mas, ao orar com fé, Jesus me livrou desse mal. Depois da oração, passei a mão nas minhas costas, e o nódulo havia desaparecido”.

[close]

p. 15

SHOWda FÉ ANO 1 - Nº 06 - USA - Julho de 2014 FOTOS: MARCELO NEJM B11 Alcançou a bênção que foi buscar Ormi Marques de Almeida machucou o braço ao cair. “Isso aconteceu há sete meses e, desde então, não conseguia movimentá-lo sem dificuldade”. Por isso, Ormi decidiu clamar ao Senhor por sua cura no culto em Santa Margarida e, no momento da intercessão, alcançou a bênção que foi buscar. “Não erguia o braço, mas, agora, posso levantá-lo sem nenhum desconforto”. Ao ser procurada pelo Jornal Show da Fé, Ormi assegurou que está levando uma vida normal. “Faço tudo, sem restrição”. Clamou com fé, e o milagre aconteceu Zenir Gaudard do Nascimento sentiu muita dor no braço direito por quase dois meses. “Não podia erguer o braço e precisava da ajuda da minha neta para executar tarefas domésticas simples, como colocar roupa no varal”. Zenir chegou ao culto do Missionário confiante na vitória. Ao clamar com fé, o milagre aconteceu. “Consigo erguê-lo e não sinto mais nada”, afirmou a R. R. Soares após a cura. Zenir ratificou ao Jornal Show da Fé que sua rotina mudou completamente. “Agora, faço minhas tarefas de casa sozinha, graças a Jesus”. D Sofreu por dez anos ro de maio, o sofrimento dele chegou ao fim. “Agora, posso movimentar e erguer meus braços perfeitamente”, disse a R. R. Soares, emocionado. Dias depois da reunião, Gutemberg contou ao Jornal Show da Fé como o milagre mudou a vida dele. “Tinha dificuldade para vestir a camisa e dormir. Porém, agora, consigo mover os braços e durmo bem”. Deu a volta da vitória com os braços erguidos Por quatro anos, Marisa Belo da Silva sentiu dor no braço direito por ter distorcido o músculo ao sofrer um acidente na sua casa. “Não podia fazer minhas tarefas domésticas nem escovar o cabelo”. Porém, durante a oração da fé, Marisa foi abençoada e pôde dar a volta da vitória com os braços erguidos. “Não conseguia ficar com o braço direto levantado por muito tempo. Agora, já estou com ele erguido há algum tempo e não sinto dor”. Alguns dias após o milagre, ela declarou ao Jornal Show da Fé que está muito feliz. “Posso fazer o que não podia antes”. urante mais de dez anos, Gutemberg Faustino não pôde movimentar os braços normalmente. “Tinha cistos nos dois braços e, apesar de ter feito cirurgia para retirá-los, as dores continuaram. Doía do ombro até o punho, e os tratamentos não faziam efeito”. No entanto, durante a oração ministrada pelo Missionário R. R. Soares, no dia primei- Dor desapareceu milagrosamente Raimunda Ramos Soares chegou à reunião em Santa Margarida sentindo muita dor nos braços. “ As dores eram tão intensas que não conseguia nem pentear o cabelo”. No entanto, ela creu que alcançaria o milagre, e Jesus a abençoou. “Durante a oração da fé, minha saúde foi restaurada”. Agora, pode fazer faxina na casa Glaci Pacheco da Silva padeceu de tendinite no braço esquerdo. “Por dois anos, padeci desse problema, e os tratamentos que fazia não davam resultado, mas, ao determinar minha cura durante a oração, Jesus me sarou. Estou livre daquela inflamação”. Para o Jornal Show da Fé, Glaci relatou que, hoje, pode mexer o braço sem dor. “Faço faxina na minha casa e levo uma vida normal”.

[close]

Comments

no comments yet