Revista IBMDAF

 

Embed or link this publication

Description

Revista IBMDAF Numero 01 Ano 01 Abril 2014

Popular Pages


p. 1

Ano I – nº01 – Abril/2014 www.ibmdaf.com.br | Pr.Esmael Rodrigues

[close]

p. 2

MINISTÉRIOS Além das paredes - Evangelismo Pr. Esmael Rodrigues – contato@ibmdaf.com.br Cantina IBMdaF Iracema Vasc. e Cristina Sá – contato@ibmdaf.com.br CTMA - Cia de Teatro Ministério Átomo Felipe Ponci – ctma@ibmdaf.com.br CONECT – Ministério de Comunicação Felipe Ponci – conect@ibmdaf.com.br Coral IBMdaF Bruno e Taíse Richelle – coral@ibmdaf.com.br Desperta Débora Magali Ponci – contato@ibmdaf.com.br Equipe Cola Quente Ana Paula Borges – colaquente@ibmdaf.com.br Geração de Samuel – Mintério de Jovens Celestino e Gisele Machado – jovens@ibmdaf.com.br Help Wanted – Assistência Social Cristina Sá – contato@ibmdaf.com.br Homens IBMdaF Pr. Esmael Rodrigues – contato@ibmdaf.com.br IBMdaF Kids Douglas e Paula Vasconcelos – kids@ibmdaf.com.br IBMdaF Teens Jefferson e Jaqueline Farias – tens@ibmdaf.com.br Trabalhe conosco, envie um e-mail ou procure os líderes pelo ministério nos dias de culto. Intercessão Paulete Vilella - contato@ibmdaf.com.br Introdução João Batista – contato@ibmdaf.com.br Libertartt – Minstério de Dança Gisele Machado – libertatt@ibmdaf.com.br Louvor e Adoração Pr. Renato Oliveira – louvor@ibmdaf.com.br Ministério Diaconal Mestre Walter Ponci – contato@ibmdaf.com.br MMI – Casados para Sempre Pr. Renato e Prª Joyce – mmi@ibmdaf.com.br Vertude – Minst. De Mulheres Prª. Valéria Ponci – virtude@ibmdaf.com.br Noivos Fabio e Fabiana Fagiolo – one@ibmdaf.com.br ProJetro - Visitação Pr. Valéria Ponci – contato@ibmdaf.com.br Solteiros por Enquanto Pr. Esmael e Prª Valéria – contato@ibmdaf.com.br Zeladoria João Batista – contato@ibmdaf.com.br Pastor Esmael Rodriguês E-mail: pr.esmael@ibmdaf.com.br Instagram: esmaelrs Twitter: @esmaelrs Pastora Valéria Ponci e-mail: pra.valeria@ibmdaf.com.br Instagram: vaponci Twitter: @vaponci Pastora Joyce Oliveira pra.joyce@ibmdaf.com.br Pastor Renato Oliveira e-mail: pr.renato@ibmdaf.com.br

[close]

p. 3

Página 1 •Mãos no Arado •Pr. Esmael Rodriguês Página 5 •Uma Palavra Antiga para os Dias Atuais •Pr. Renato Oliveira Página 6 •Foto do Mês •Ministério Conect •Princípio Bíblico X Sociedade •Prª Joyce Oliveira Página 7 •Tribunal de Cristo •Me Walter Ponci Página 8 •Ana •Prª Valéria Ponci •Ministério Desperta Débora Página 9 •Avisos •Aniversariantes •Aniversários de Casamento

[close]

p. 4

MÃOS NO ARADO Pr. Esmael Rodrigues Este ano de 2014 há muitas coisas que podemos fazer, para o crescimento da obra de Deus, e também em nossa vida individual. Esse texto trás um profundo ensinamento de Jesus. Observamos que três homens poderiam ter se tornado discípulos, mas eles não preenchiam os requisitos estabelecidos por Ele. Nesta passagem, Jesus deixa bem claro como é necessário superar os obstáculos que encontramos na vida para segui-lo. A vida cristã exige muita perseverança e determinação da nossa parte, as coisas não são tão fáceis quanto aparentam, surgem lutas por todos os lados, essa é a natureza da vida cristã. Encontramos incompatibilidades entre o cristão e o mundo, o espiritual e o carnal, entre o reino de Deus e o reino dos homens. Jesus afirma nesses versos e nos anteriores o quanto é difícil segui-lo. Realmente não é fácil ser seguidor de Cristo. Muitos fogem dos valores, da vontade e dos caminhos que Deus estabeleceu. Observe o que o texto quer nos falar com relação às três atitudes desses homens. O primeiro homem se prontificou a seguir Cristo, era fervoroso, acalorado e entusiasmado. O problema foi que ele não se deu conta, de forma real, do alto preço a pagar por tal decisão. Logo, provou que seu entusiasmo era baseado no calor do momento, algo que não seria forte o suficiente para sustentá-lo na amplitude da batalha que ele enfrentaria ao tornar-se um seguidor de Jesus. Jesus informa a Seus discípulos que Ele não tinha, por exemplo, o conforto de uma casa comum, diferente do restante do povo. Desta forma, Cristo ressaltou que segui-lo implicaria na renúncia de alguns confortos e prazeres terrenos, algo que é válido para nós nos dias de hoje. O segundo homem colocou a responsabilidade familiar antes de Jesus. A preocupação com a casa dele era a pedra no caminho deste homem (vs.57) qual a referência inicial?. Este homem era minucioso e pensativo. Ele analisava todo o custo da condição de discípulo. Naqueles tempos, a pureza cultual era considerada muito importante nos círculos judaicos. O problema do homem neste trecho é que ele não priorizou o que era correto e, deste modo, não compreendeu a urgência em tomar uma atitude quando Jesus o chamou. O terceiro homem até se ofereceu para ser discípulo, mas “ficou em cima do muro”. Até que ele se dispôs a ir com Jesus, mas hesitou quando olhou para as coisas que deixaria para trás. No entanto, Jesus deixou claro que a condição para segui-lo é não permitir que os empecilhos interfiram na obediência a Ele. O uso da expressão “olhar para trás” recorda a esposa de Ló (Gn.19.26). Essa observação serve de aviso de que aquele que vai até Jesus deve estar preparado para permanecer com Ele (ICo.15.2; Cl.1.2123). O que “olha para trás”, remete a não importância à tarefa a ser cumprida. Na melhor hipótese, não passa de um obreiro “morno”. Estas são as lições muito valiosas para aqueles que aspiram à condição de discípulos e querem fazer parte do Reino de Deus. “Deixa-me despedir primeiro dos que estão em minha casa” (Lc.9.61). Este pedido é parecido com o que Eliseu fez a Elias (I Rs. 19.19.20), o qual foi concedido. A atitude de Eliseu gerou a expressão “dar as costas ao seu lar” significa: rompendo com todos os laços do seu passado. Hoje em dia falamos muito em restituição, em ser vencedor e Deus nos dará o melhor, dará isso ou aquilo, que Ele nos enriquecerá... Temos que

[close]

p. 5

falar mesmo, profetizar na verdade, entretanto falamos pouco, ou até nem falamos, sobre consagração e vida com Deus. Sobre tempo de oração e leitura da palavra. Na verdade estamos sempre querendo algo, porém não queremos colocar as mãos no arado. Jesus disse que o valor do reino está oculto. Quem verdadeiramente descobre Jesus sabe por que o segue e o deve seguir até a morte. Quem decide colocar as mãos no arado sabe que não será fácil e nesta passagem JESUS nos ensina algo muito importante: Quem coloca as mãos no arado não olha para trás. O quê Jesus queria nos dizer com isso? Jesus Vamos quer nos refletir falar. O sobre a importância de três princípios que Primeiro Princípio - Existe Muito Trabalho Para Ser Feito “Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor.” 1Corintios 15:58 O arado não é um instrumento fácil de manusear ou conduzir. JESUS viveu em um mundo agrícola e pode presenciar o duro trabalho de arar a terra. Jesus faz essa comparação para quem quer segui-lo e ser cidadão do reino de Deus. No reino de Deus o trabalho é interminável, nada é fácil, então ser cristão sem trabalho não condiz com os ensinamentos de Jesus. É preciso disposição e coragem para enfrentar a dureza das pedras pelo caminho. Portanto há muito o que fazer. Não existe evangelho sem trabalho e na vida cristã não existe tempo para ociosidade. Somos chamados para trabalhar. Quem tem posto a mão no arado deve ter a consciência que o arado está em movimento e os campos precisam ser semeados. Era isso que Paulo queria dizer aos coríntios; que deveriam continuar firmes na obra de Cristo, especificamente por causa da ressurreição. “O vosso trabalho não é vão” - Quer dizer que toda obra que fazemos Quem para está Cristo, será Ninguém recompensada (II Co.5.10). disposto? recebe algo sem dar nada. O Segundo Princípio - Estabelecer Metas Definidas E Cumpri-Las “Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.” Filipenses 3:14 Quem está disposto a por a mão no arado sabe que precisa de muita atenção no trabalho, não pode se distrair. É preciso fixar metas, alvos para nos guiar e atingirmos. Na Temos exemplo na Bíblia de pessoas que não tinham metas e não acabaram bem: Saul foi um rei sem propósito, teve um reinado fracassado, Sansão terminou seus dias como um cavalo, virando pedra de moinho, Judas viveu com Jesus, mas não aprendeu nada com Ele, vendeu-o por trinta moedas. Hoje não é difícil encontrar pessoas que não estabeleceu metas em Deus, olharam para trás e hoje tem uma vida de fracassos em todos os aspectos. Deus quer contar com cada um de nós, todavia, para que isso aconteça é necessário renovar nossas metas a cada dia para não cairmos no erro de olhar para trás. Estabelecer metas de crescimento, de multiplicar igrejas, metas para alcançar nossas famílias, metas de crescer em oração, união e aliança. Devemos firmar nossas metas em Deus. Vamos pedir força e graça para que chegar Senhor. O Terceiro Princípio - Não Olhe Para O Que Já Fez, Olhe Para O Que Está Por Fazer “Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim,” Filipenses 3:14 Paulo não podia apagar o passado de sua memória. Recusou-se a deixar que ele o impedisse de avançar em direção ao seu objetivo. Ao usar o verbo “esquecendo-me”, no tempo presente, Paulo está indicando que se trata de um processo contínuo. Talvez ele até estivesse indicando que queria se possamos ao alvo pelo “E semeou naquela mesma terra e colheu, naquele mesmo ano, cem medidas, porque o Senhor o abençoava.” Gênesis 26:12 vida cristã quem vive sem meta não chega a lugar se algum, não tem propósito, dentro do reino. Muitos cristãos torna sem sentido estabelecido deixam de viver uma vida olhando para o alvo: Jesus nosso autor e consumidor da fé. Só atinge o alvo e completa a carreira quem estabelece metas definidas na vida. Temos que buscar o alvo constantemente. Assim como o agricultor fixa no alvo para colher no futuro, assim também deve ser o cristão. Jesus deixa bem claro: Olhar para trás nos leva ao fracasso e desvia nossa meta. Um dos maiores desafios de hoje é estabelecer metas em Cristo e lutarmos para atingi-las.

[close]

p. 6

esquecer de tudo, para não se apoiar em seu passado os êxitos em Cristo, mas continuar trabalhando para o Senhor. No reino de Deus não há lugar para aposentado, a missão só terá fim com a volta do Senhor Jesus. Quando olharmos para o que já foi feito, não podemos nos acomodar, porem alargar a visão e sempre avançar, nunca descansar e acomodar. Você pode perguntar: não vamos descansar nunca? Eu respondo, iremos descansar sim. Descansar na presença de Deus. Aleluia!!! Os nossos irmãos do passado colocaram a mão no arado, porque sabiam que muito havia para se fazer, em relação à implantação do reino de Deus. Por este motivo fomos alcançados, pessoas se dispuseram a olhar para o que tinham de fazer, e deram suas vidas pelo evangelho. Deus nos chama para também fazer nossa parte. Olhar para o que foi feito nos realiza, nos dá alegria, mas pensar no que temos que fazer nos desafia. A vida cristã é isso, um desafio constante. CONCLUSÃO Irmãos colocaram a mão no arado, trabalharam de coração buscando mais a vontade de Deus. Os profetas estavam sempre prontos para fazer algo novo. Paulo também tinha sempre uma tarefa a cumprir em prol do reino de Deus. Jesus não olhava para o que tinha feito, mas olhava para o que teria que fazer em nosso favor. A igreja sempre terá novos desafios, por isso não pode parar no tempo. Mas o que precisa ficar claro, é que temos ainda muito por fazer. É bom firmar bem a mão no arado e não olhar para trás. Deus conta com você. Fomos chamados a colocar a mão no arado. Resta saber: Qual a sua resposta? Você está disposto?

[close]

p. 7



[close]

p. 8

UMA PALAVRA ANTIGA PARA OS DIAS ATUAIS Pr. Renato Oliveira Sim, a palavra é antiga! Ela vem da língua grega que estima-se ter surgido entre 2500 e 1700 a.C. No seu sentido original, significa mudar o próprio pensamento, mudar de ideia. Tenho absoluta certeza que vivemos hoje uma crise endêmica e sistêmica de caráter, integridade, moral e espiritualidade. As transformações do século XXI são rápidas demais, essas e ainda mudanças não e conseguimos ter a clareza de como administrar transformações. Uma pessoa dos dias atuais, tem por semana o equivalente de informação que uma pessoa da década de 50 tinha em toda a sua vida! Assim, a mulher que faz jornada dupla, em casa e no trabalho, os filhos que agora tem turno dobrado entre a escola e os cursos, e o marido que agora divide as tarefas do lar, faz com que se crie um ambiente de confusão, onde os papéis não ficam claros, e assim, vamos perdendo a capacidade de viver em família com qualidade, de viver em sociedade com equilíbrio e viver uma vida espiritual de dedicação. A Sociedade dá sua parcela de contribuição ditando regras e no comportamentos baseados Metanóia - do grego antigo μετανοεῖν, translit. m etanoein: μετά, metá, 'além', 'depois'; νοῦς, nous, 'pensamento', 'intelecto'). interesse capitalista e político. Sim, a sociedade na verdade é manipulada, e guiada segundo interesses vis e mesquinhos. Bom, neste quadro de filme de terror entra a Igreja que deveria nortear os rumos e orientar as pessoas a respeito de Deus, mas temos um problema, hoje não basta apenas sermos guias Espirituais mestres para e as pessoas. isso Elas exige precisam de mais, de pais, mães, guias, comprometimento dos líderes e engajamento pessoal. Algumas vezes, as crises não são apenas espirituais, mas todos sabemos quão nocivo e prejudicial é uma separação dolorosa, não somente para os casais, mas principalmente para os filhos. Temos que ter não somente líderes, mas verdadeiros terapeutas familiares para cuidar dessas pessoas. Nesse ponto temos baseado nosso desafio, o de mudar as pessoas, mas os portões da mudança meus amigos. Se abram de dentro para fora. Assim, a repetição de verdades bíblicas e o desafio de mudarmos nossa mente tem sido a tônica de nossa pregação. O Apóstolo Paulo recomenda: "E não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso entendimento, qual para seja a que boa, experimenteis agradável, e perfeita vontade de Deus." Romanos 12.2 (ARC). Mas gosto mais dessa Versão: "Não vivam como vivem as pessoas deste mundo, mas deixem que Deus os transforme por meio de uma completa mudança da mente de vocês. Assim vocês conhecerão a vontade de Deus, isto é, aquilo que é bom, perfeito e agradável (NTLH). Esse é nosso desafio criar uma geração de pessoas que não tomem a forma desse mundo, que digam “porque?” ou então “como?”, que olhem além da visão e vejam além das palavras. Que estejam dispostas e incomodadas a sair do conforto do comodismo mudanças. Stephen R. Covey, escreveu o Bestseller “Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes” e diz em seu livro, que um dos maiores desafios de um ser humano é o de mudar seus hábitos. Mas ai reside o milagre, pois “Tudo posso naquele que me fortalece”. para confronto das a ele." Romanos 12.2

[close]

p. 9

FOTO DO MÊS Quem: Pr. Esmael Onde: Igreja Quando: 23 de março de 2014 Comentário: Pastor Esmael pregando em nossa igreja no penúltimo domingo antes do mês de aniversário da IBMdaF ressalta: “A graça do Pai está sobre nós e como se não bastasse, Ele ainda derrama a unção sobre nossas vidas!” PRINCIPIO BÍBLICO X SOCIEDADE Prª Joyce Oliveira Vivemos numa era pós-moderna onde os valores absolutos das escrituras não têm sido observados. A decadência moral, a perda de critérios, princípios e valores, tem contribuído com que a sociedade considere o casamento uma instituição falida, fracassada, e onde não se vale mais apena investir. Isso é o que diz a sociedade através da mídia e do próprio comportamento da população. A infidelidade conjugal tem se tornado um ato comum. Na verdade, o casamento tem sofrido ataques de todos os lados, as pessoas têm considerado o divórcio como a única solução para o casamento desfeitos em de crise, uma Isso desta forma, banal, atingido famílias têm sido destruídas e lares maneira tem irresponsável. isso podemos dizer que o casamento é uma instituição Deus. Foi Ele que instituiu o matrimonio. homens vivemos e O mulheres, em numa problema é que nós, feita por necessidade de saciar nossa alma e tudo é baseado em nós mesmos. Nenhum dos dois quer abrir mão dos seus caprichos e suas próprias luxurias, por isso erroneamente achamos que o divorcio é a melhor solução, mais na verdade só é uma solução imediata que traz uma falsa resolução. Tão falsa que hoje, alguns psicólogos já dizem que casais estão chegando à conclusão de que é mais danoso o divorcio ao enfrentar a crise no casamento juntos. Afinal, nosso lutamos por e tantas assim coisas: evitar trabalho, educação... Por não lutar pelo casamento frustrações, mágoas, filhos confusos e doentes psicologicamente, afetados pelo divorcio dos pais. Não é correto fugirmos do problema. Não estou dizendo que casamento é a coisa mais simples do mundo, são duas pessoas completamente diferentes, com costumes diferentes, que agora dividem a mesma casa, mais os casais têm desistido de lutar, se esquecem de que Deus nos fez para sermos felizes com o nosso conjugue. Precisamos dar ênfase nos casamentos estáveis, assim teremos famílias, igreja e sociedade fortes. A solução para o casamento e a família não está nos modelos da sociedade. Está na palavra de Deus que diz: “bendito seja entre todos o matrimonio e o seu leito sem macula nem ruga”. HB 13:4 Deus criou o casamento e só Ele pode restauralo trazendo esperança, cura e paz a lares destruídos. diretamente a igreja. Hoje a porcentagem do divorcio na população é de 65% e no meio cristão o divorcio tem crescido a cada dia. Em contrapartida, a bíblia segue no contra fluxo da sociedade. Quando Deus criou o Adão, viu uma necessidade no homem de ter uma auxiliadora, uma companheira, alguém que o completasse. Deus disse: “não é bom que o homem esteja só, por isso farei para si uma companheira”, com

[close]

p. 10

TRIBUNAL DE CRISTO Me. Walter Ponci Há um julgamento de suma e Cristo que está sendo formada e preparada para um dia se encontrar com o noivo que é Jesus e então participar das Bodas do Cordeiro. A noiva, uma vez unida com o noivo, jamais se separará dele. É o princípio da aliança no matrimônio, até que a morte os separe. 1 Ts 4:17 depois, nós, os vivos, os que ficarmos, Porque todos seremos arrebatados juntamente com eles, entre nuvens, para o encontro do Senhor nos ares, e, assim, estaremos para sempre com o Senhor. Ao noivo, Jesus, cabe a responsabilidade de escolher a sua noiva, a igreja. No dia do arrebatamento da igreja, é Jesus quem irá julgar cada um para constatar quem realmente creu nele e fez a sua vontade. É nessa hora que se instalará o tribunal de Cristo, e cada um, da igreja, será julgado para se constatar se será digno, ou não, de subir com o noivo. Romanos 2:16 no dia em que Deus, por meio de Cristo Jesus, julgar os segredos dos homens, de conformidade com o meu evangelho. 2Timóteo 4:1 Conjuro-te, perante Deus e Cristo Jesus, que há de julgar vivos e mortos, pela sua manifestação e pelo seu reino: Lembrar que Jesus é também nosso advogado, portanto lhe foi atribuída toda autoridade para julgar a cada um. 1João 2:1 Filhinhos meus, estas coisas vos escrevo para que não pequeis. Se, todavia, Justo; Na parábola das dez virgens, é o tribunal de Cristo que irá separar as cinco prudentes das cinco loucas, e para as cinco loucas, ou seja, para aqueles que não subirem com o noivo será dito: Mt.25: 11-12 - Mais tarde, chegaram as virgens néscias, clamando: Senhor, senhor, abre-nos a porta! Mas ele respondeu: Em verdade vos digo que não vos conheço. No dia do tribunal de Cristo haverá dois veredictos: Ou sobe para as bodas do Cordeiro, ou fica para a prova de fogo na tribulação comandada pelo anticristo e por Satanás. Este tribunal está para acontecer em breve. VOCÊ ESTÁ PREPARADO? alguém pecar, temos Advogado junto ao Pai, Jesus Cristo, o importância mencionado na Bíblia, raramente mencionado desconhecido por muitos. Trata-se do TRIBUNAL DE CRISTO. Romanos 14:10 Mas tu, por que julgas teu irmão? Ou tu, também, por que desprezas teu irmão? Pois todos havemos 2 de comparecer 5:10 ante o tribunal de Cristo. Coríntios devemos comparecer ante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o que tiver feito por meio do corpo, ou bem ou mal. Tribunal de Cristo não é o juízo final. Deus, criador dos céus e da Terra, é o juiz soberano de toda sua criação, contudo, deixou sob a autoridade de Jesus o julgamento de um povo que é exclusivamente seu, a igreja, considerada a noiva de Cristo. A principal missão de Jesus foi a redenção da humanidade através do seu sacrifício derramando seu sangue na cruz do calvário. Os homens no Antigo Testamento foram salvos por esse sacrifício mediante a obediência à palavra de Deus e serão julgados no juízo final pelas suas obras, ou seja, pela obediência. Na Nova Aliança, ou seja, no tempo da igreja, os homens são salvos também pelo sacrifício de Jesus, porém mediante o crer nele. João.3: 16 Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. A igreja é um povo especial e exclusivo de Jesus Cristo, é a noiva de

[close]

p. 11

ANA Prª Valéria Ponci “Por este menino orava eu; e o Senhor atendeu à minha petição, que eu lhe tinha feito.” I Samuel 1:27 Por que Deus respondeu a oração de Ana? Às vezes fico me questionando o quanto ela era especial. Muitas vezes não recebemos algo, pois não sabemos pedir. A própria Bíblia nos adverte sobre isso: “Pedis e não recebeis, porque pedis erradamente, para gastar em seus prazeres” Tiago 4:3. Ana pediu algo pensando em entregar. Devemos lembrar que nada é nosso. Tudo quanto temos é do Senhor. Devemos fazer uma entrega de coração, não apenas de palavras, mas com sinceridade sabendo que Ele sabe o que é melhor para cada um de nós; sejam nossos filhos, casa, esposo... Devemos colocar tudo diante de Deus para que ele cuide. Lembre-se que nós somos apenas instrumentos nas mãos de Deus para que o reino dEle seja estabelecido aqui na Terra. Quando Ele nos dá algo, sempre será para a Sua glória e não para a nossa. Nunca devemos nos orgulhar de nada, pois tudo o que temos e o que viermos a ter, sempre serão pela misericórdia e graça dEle. Deus nos ama tanto que jamais vai nos dar algo para o nosso mal. Em vez de mudar a sua lista de desejos, mude as suas intenções. A mas oração só bíblica é aquilo sempre de que respondida, nela pedimos o que queremos, recebemos necessitamos. Ele nos diz: “Porque eu bem sei os pensamentos que penso de vós, diz o SENHOR; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que esperais.” Jeremias 29:11 Com certeza Ele cuida dos seus. Ele sabe o que queremos, e sempre vai nos dar o melhor. DESPERTA DÉBORA contato@ibmdaf.com.br O Ministério Desperta Débora nasceu no coração de Deus, que tocou o pastor Jeremias Pereira da Silva por causa da Consulta Global sobre Evangelização Mundial – GCOWE, que aconteceu em maio de 1995, em Seul, Coreia. Nesse encontro teve a consagração dos primeiros 100 mil jovens para a obra missionária. Uma menção de gratidão foi feita às mães que oraram para que esse movimento se tornasse realidade. O fato fez nascer no coração do pastor Jeremias e do pastor Marcelo Gualberto – que também estava na Coreia – o sonho de ver algo semelhante no Brasil. Os dois pastores lançaram um desafio para que mães brasileiras começassem a orar intensamente por um despertamento missionário no Brasil. Ana Maria Pereira, mulher do pastor Jeremias, foi convidada a se unir a eles e assim, os três iniciaram o movimento de oração, pois não existe despertamento missionário sem oração e ninguém ora pelos seus filhos como as mães oram. O nome Desperta Débora veio da leitura de Juízes 5. 7-12. Débora foi uma juíza que se levantou como mãe para defender Israel – sua nação. Neste texto, ela desafia a si mesma dizendo: “Desperta Débora, desperta, acorda!”. Quem são as Déboras? Mães intercessoras, biológicas, adotivas ou espirituais, de qualquer denominação, comprometidas a orar diariamente por seus filhos e pela juventude, por no mínimo 15 minutos diários. O movimento tem mais de 70 mil mães cadastradas e espalhou-se mundo afora. Hoje o ministério já está em mais de 20 países. A Liderança do Desperta Débora é composta por mais de 1.500 coordenadoras locais de Cidades, de Estados, Regionais e Nacional. Como ser uma Débora? Basta aceitar o compromisso e preencher uma ficha cadastral disponível em todas as reuniões Desperta Débora, com todas as orientações necessárias. Para mais informações por esse ministério que coloca as mães de joelhos e os filhos em pé, envie um e-mail para contato@ibmdaf.com.br. Dados extraídos do site www.despertadebora.bom.br

[close]

p. 12

Aniversários de casamento 10 - Jaqueline Farias Novais de Souza e Jefferson Felipe Maia de Souza 29 - Rosana Viana Barbosa Zuca e Cristiano Do Carmo Zuca para a próxima edição deverá ser entregue até dia 15 Atenção líderes, pastores e colunistas: todo material Aniversariantes 3 - LUCIANA SANTOS DE MIRANDA 5 - DENISE BETINE DE ANDRADE 5 - MICHAEL FELIPE MAIA DE SOUZA 10 - FERNANDO GOMES PAES 11 - BRUNA DANTAS DA SILVA 15 - SUELEN PERESTRELO PEREIRA 16 - JOSÉ JOAQUIM DE ANDRADE 17 - ROSEMILDO HELENO DE ANRADE 17 - DIEGO DA SILVA PIROPO 21 - ESMAEL RODRIGUES DE SOUZA 21 - MIQUEIAS SANTOS MENEZES 22 - AMANDA DE OLIVEIRA BEZERRA 23 - MAGALI PAIVA PONCI SOUZA SANTOS 27 - GABRIELA MARTINS GALVÃO Rua Mina Rambal, 15 - Jaraguá – Jd. Ipanema - São Paulo/SP - CEP: 05187-330 - Tel.: 11 3943-6240 Pr. Esmael Rodrigues de Souza de abril de 2014.

[close]

Comments

no comments yet