JORNAL O MARISCO 180

 

Embed or link this publication

Description

Relíquias da Praia da Cidreira / 1ª Parada Livre do Litoral / Habite-se, Esgotos, Ressanear, MP, Cidadania, Cidreira,

Popular Pages


p. 1

Ano XI Nº 180 Esta verdadeira relíquia foi nos enviada pelo amigo Vagner Eifler, um buscador incansável de coisas preciosas, perdidas de Cidreira, e agora encontradas para todos. Trata-se de um Cartão Postal datado de 1903 onde encontramos uma fotografia de uma família de carreta e bicicletas dirigindo-se em viagem para Cidreira. Temos também uma fotografia de um rancho de madeira coberto com palha de tiririca, muito comuns nos primórdios de nossa praia. No Cartão Postal vemos as inscrições em alemão: “Reise nach Cidreira” (Em viagem para Cidreira) e “Wolmung am Strande von Cidreira” (Casa na Praia de Cidreira). É realmente encantador ver a riqueza de coisas que a história de nossa Cidreira reserva para todos aqueles que gostam e conhecem Cidreira. Nossa Cidreira é a pioneira das praias do RS, a história dos veraneios gaúchos começam aqui pela nossa praia. Este fator histórico é determinante e coloca Cidreira entre as localidades mais importantes da história do nosso estado. É claro que seria muito interessante se nós que moramos aqui em Cidreira também valorizássemos a nossa história e a nossa gente. Precisaríamos começar a pensar a história, as construções típicas praieiras como: chalés, bangalôs e ranchos, seria necessário que pensássemos em preservação e patrimônio histórico imaterial, teríamos que pensar em arte e cultura original da região praieira gaúcha. Enfim teríamos que pensar a nossa cidade como uma relíquia a ser cuidada para poder ser mostrada para todos os que quisessem conhecer a história dos veraneios gaúchos. Lave sua alma. Livre-se dos seus preconceitos A iniciativa da vereadora Esmirrá foi um verdadeiro sucesso, com o convite feito para lavar a alma, o público que foi prestigiar o evento não se assustou com a chuva que caia e literalmente aproveitou a alegria contagiante para lavar a alma. Muitas atrações artísticas desfilaram pela Concha Acústica de Cidreira encantando e fazendo vibrar os presentes. Das várias atividades propostas para a Concha neste verão 2014, esta sem dúvida foi a única que além de divertir convidou a todos para uma reflexão. Está de parabéns a equipe da Vereadora Esmirrá que fez a galera pensar.

[close]

p. 2

Fórum Quem quer pensar? Existem muitas coisas que acontecem por que acontecem. Muitas delas sem qualquer explicação. Porém para que as coisas aconteçam de modo racional é imprescindível um haja um planejamento. Partimos de um determinado ponto e queremos chegar a outro ponto. Para isso é necessário que a gente pense sobre onde estamos e onde queremos chegar. É necessário que façamos uma reflexão sobre onde estamos. Precisamos pensar a nossa cidade. O que está acontecendo? O que não está acontecendo? O que deveria estar acontecendo? É essa a cidade que queremos? É essa a cidade que vamos querer? Deste jeito que estamos vamos parar onde? O que as outras pessoas das outras cidades estão pensando para o futuro? Como as outras cidades estão se preparando para evoluir? Como nós aqui de Cidreira estamos nos preparando para melhorar a nossa cidade? O que nós estamos fazendo hoje para melhorar o nosso amanhã? Estamos de fato fazendo alguma coisa para melhorar a vida do coletivo? As ruas, as avenidas, as árvores, as plantas, os prédios públicos, as praças, os espaços públicos, a beira da praia, as dunas o mar, tudo isso pertence ao coletivo e deve ser pensado para que todos estes equipamentos estejam a serviço das comunidades. Os equipamentos e ferramentas sociais de nossa cidade estão à serviço do coletivo de moradores e veranistas de nossa praia? A Cidade está à serviço cidade? Existem espaços de encontros do coletivo de moradores para que possamos debater e pensar a nossa cidade? Existem momentos criados pelas políticas públicas para o encontro e para o debate sobre a cidade? Nós queremos de fato pensar sobre o que será a nossa cidade daqui alguns anos? Nós queremos nos preocupar com o coletivo de pessoas que habitam a cidade? Nós queremos de fato pensar? Nós queremo pensar? ANO NOVO Chegou o ano novo e como os costumes culturais e sociais, se abre uma nova página em nossos livros da vida. Entretanto, de nada adiante termos um pseudo recomeço se as atitudes e os modos permanecerem os mesmos. Na política também é assim, esperamos que com as eleições de novos candidatos as coisas mudem, mas não tem funcionado assim. Apenas mudam as pessoas, mas as coisas continuam do mesmo jeito, no mesmo velho sistema do jeitinho, das obras que serem apenas para desviar verbas públicas. Assistimos a tudo com pesar, mas na hora de promover uma mudança de fato, fazemos as mesmas escolhas e tudo continua igual. As vezes me pergunto se as pessoas se dão conta disso. De nada adianta reclamar na fila do médico que só chega as 10hs, enquanto os pacientes esperam desde as 8:30, se no único momento em que podemos dar uma chance para nossa praia recomeçar, escolhemos os mesmos. É importante pensar que para recomeçar temos que fazer novas escolhas e que para que as coisas fiquem melhores precisamos conhecer nossos direitos e nossas possibilidades. Vamos começar a pensar em recomeços reais, porque os virtuais e simbólicos em nada mudam nossas vidas sociais em comunidade. MACHISMO Ainda que a cada dia as mulheres libertem-se de diversas opressões sociais que lhes foram impostas por uma sociedade patriarcal, nos lugares mais improváveis encontramos figuras que manifestam suas convicções machistas na maior cara de pau. Ainda prevalece a ideia arcaica de que a esposa tem que cuidar do marido, assim como se este fosse um incapaz. Chega ser engraçado e ridículo que os machistas de plantão se sintam tão superiores às mulheres para subjugá-las e determinar os lugares onde elas podem ou não atuar, e ao mesmo tempo não se sintam capazes de cuidar da própria saúde ou tomar decisões acertadas em relação a si mesmo. Porque as mulheres devem comprar roupas, calçados, decidir o que devem comer? Será que os homens com toda a sua superioridade não conseguem fazer suas próprias compras, nem sua comida ou, ainda, não conseguem educar seus filhos? Claro que não estou querendo generalizar pois as coisas já não são bem assim, mas esse é o retrato do machismo: homens que não conseguem recolher suas roupas do chão e não conseguem nem mesmo servir seu próprio prato. Será mesmo que isso é superioridade? Como isso pode ter dominado tantas gerações? É mais divertido pensar assim. Lizzi Barbosa - Pedagoga/Especialista em Educação Inclusiva. Coluna do 2014. Que venha o Touro mas que venha em forma de bifes. Pessoalmente penso que 2014 não precisa nem melhorar, sendo tão bom como 2013, não precisa melhorar, não quero mais que isto. Isto, pessoalmente mas, no coletivo, temos que melhorar muito. Quero que a nossa Prefeitura comece a fornecer as Cartas de Habite-se, o que não fornece há mais de noventa dias. Quero que nossas ruas sejam mais limpas, que os nossos doentes sejam mais bem tratados, que os funcionários tratem melhor os contribuintes, que não tenha tanto lixo espalhado pelas ruas e que tenhamos uma boa temporada e principalmente que todos sejam mais felizes. Portanto, Feliz 2014 para todos. SAÚDE PÚBLICA Tem-se notícias de que os médicos de plantão, no turno da noite, dormem até que junte alguns “doentes” para serem atendidos. É por isto e não mais que isto que a Associação Médica Brasileira, o Conselho Federal de Medicina e os Conselhos Regionais de Medicina, foram tão contundentes nas críticas e, foram e ainda são contra o programa mais Médicos do Governo Federal. O juramento que os médicos fazem nas formaturas, não tem nada mais a ver com o juramento de Hipócrates, que deve estar se revirando no túmulo. Penso que a medicina deva ser “mais humana e menos mercantil”. Gostaria que estas pessoas que são contra a tudo o que é bom para o País, fossem nas Comunidades, já atendidas pelos médicos do referido Programa e consultem as pessoas para ver o grau de satisfação das mesmas. Este é mais um sonho para 2014. E, que venham Mais Médicos, para que, enquanto uns dormem, outros estejam atendendo, inclusive em Cidreira. VERANISTAS A praia serve para o descanso e divertimento. Anualmente nossa Cidade recebe milhares de veranistas, com seus problemas e busca de soluções. O descanso, a mudança de hábitos e a praia são coisas ótimas para se melhorar de humor, revigorar as forças para mais um ano de trabalho, mas temos que estar preparados para recebe-los e não termos que passar todos os anos pelos mesmos problemas de desabastecimento, engarrafamento no transito, acidentes e principalmente, o mau humor de alguns, tantos veranistas como residentes. Temos que estar mais preparados, para conviver em harmonia, uns com os outros. Meta para 2015? Acho que estou pensando muito longe mas é mais um sonho meu! PIRATA DA PERNA DE PAU Quem não lembra da marchinha do Pirata da Perna de Pau? Nos meus relacionamentos, existem dois de perna de pau ou quase. E, alguns Piratas. Minha Galera nos verdes mares não teme tufão. Mas teme queda de granizo. Ainda falta telha. SOU CIDREIRENSE E NÃO DESISTO NUNCA! Luli Insc. Municipal N°008/06 - Insc. Estadual: Isento Rua Caubi da Silveira, 286 - Praia da Cidreira - RS - CEP: 95.595-000 jornalomarisco@gmail.com /jornalomarisco /jornalomarisco /jornalomarisco 51.3681.3456 51.9981.5593 Edição N°180 - II de Verão 14 de Janeiro de 2014

[close]

p. 3

* Vem aí a Salina da Canção do Balneário Pinhal! Dias 14 e 15 de março durante o Rodeio Estadual! As inscrições estão abertas! * Em breve iniciam as atividades do Ponto de Cultura Flor da Areia de Cidreira e Balneário Pinhal! Aguardem e Participem! * Verão bombando! Tempo bom e Muita gente em Cidreira! * Estrutura de Verão do Balneário Pinhal para receber veranistas e turistas tanto na beira do mar quanto em atividades na área urbana é realmente de muito boa qualidade. * I Parada Livre em Cidreira! A favor de todos e contra o preconceito! Excelente ação de inclusão e cidadania. * Cafuné espaço cultural do nosso amigo Adilson Rodrigueiro está uma maravilha! Trazendo para Cidreira músicos e música da melhor qualidade! Vale a pena conferir! * AMOR ANTENA - Associação dos moradores da Vila da Antena completou um ano de lutas e conquistas em favor da comunidade. Parabéns aos associados! * Jorginho Aladim, presidente da Amor Antena foi reeleito e prossegue com a boa luta para a regularização da área na busca da moradia com dignidade para todos. * UESC - União das Escolas de Samba e Blocos de Cidreira trabalhando o ano todo com a comunidade para fazer uma grande carnaval em 2014! * Daniel Maíba é o coordenador do Festival Salina da Canção do Balneário Pinhal. O Festival contempla música praieira e nativista valorizando a diversidade cultural da nossa região litorânea e do RS. * Prepare a sua história! Pois ela poderá virar filme! Em breve iniciam as atividades do Ponto de Cultura Flor da Areia! Ações culturais voltadas para todas as comunidades! * Amlinorte convoca reunião de eleições para o dia 17 de janeiro. * Trechos de Rodovias que serão atendidas pela SAMU: RS-040 - Trecho entre Viamão e Balneário Pinhal e RS-784 - Trecho entre Entroncamento da RS-040 e Cidreira * Suspensa emissão de Carteira de Pescador - O Ministério da Pesca e Aquicultura suspende a solicitação de Registro Geral de Pesca (RGP) até 31 de dezembro de 2014 em todo o país. * Com base nas Leis Federais que obrigam as prefeituras a apresentar projeto de Estação e Tratamento de Esgoto e de Resíduos Sólidos, o MP impediu a emissão de Alvarás de Construção e Cartas de Habite-se em Cidreira. * Em Cidreira deveríamos ter uma ETE - Estação de Tratamento de Esgoto que trata-se os efluentes e devolvesse água limpa para a natureza de modo sustentável. Assim exige a Lei. Vamos cumprir? * Em Cidreira deveríamos ter uma política para depósito de resíduos sólidos. Inclusive com destinos apropirados para e-lixo (lixo eletrônico), pneus, pilhas, lâmpadas e outros produtos que contaminam o solo. E deveríamos ter Coleta Seletiva. Vamos cumprir? Lixo... eletrônico... Pneus, Pilhas Lâmpadas Baterias... Onde podemos descartar? * Prefeitura não conseguiu apresentar um Projeto para a construção de uma Rede de Tratamento de Esgotos em Cidreira, conforme exigido pela Lei Federal desde 2007. * Prefeitura também não conseguiu apresentar um Projeto para Políticas de Resíduos Sólidos em Cidreira conforme exige a Lei Federal. * Quantos médicos, enfermeiros, técnicos, equipamentos e materiais a Operação Golfinho enviou para Cidreira? * Como a cidade poderá atender a demanda de veraneio com uma população dez vezes maior que a fixa sem o apoio do governo do estado? * Por que será que a Nova Farmácia Municipal ainda está fechada? Já não terminaram as obras? O que está faltando? * Por que será que a Unidade de Saúde de Salinas ainda continua fechada? Já não terminaram as obras? * Se o médico só chega às 10:30 da manhã para atender a comunidade, então por que marcam para as pessoas estarem na Casa da Mulher às 8:30 da manhã? Não dá prá entender. * Se ligar a sua casa na rede de esgotos da cidade o cidadão terá que pagar 70% a mais na conta da água. Não existe quem queira pagar mais por tal serviço. No entanto é necessário para o bem da cidade Está aí o impasse! * Corsan, Não seria o caso da Corsan dar um jeito para baratear o serviço que está de fato muito caro? * CEEE, Serviço caro e volta e meia a população fica longas horas sem energia elétrica. Por qualquer chuvinha cai a luz e inclusive aos finais de semana quando a praia está lotada. Tá bem caro prá tá tão ruim! * População reclama da grande quantidade de lixões que vão se formando pelas ruas, terrenos, dunas e estradas de nossa praia. Uma verdadeira vergonha para nós que moramos na praia! * Um dos problemas é que não existe onde descartar os resíduos sólidos em nossa praia. E agora como resolver este problema? * A Cachorrada na Praia continua sendo um problema sério a ser resolvido pela fiscalização da Prefeitura. Além dos cachorros de rua que invadem a praia ainda temos os cachorrinhos das madames mal educadas que ainda não aprenderam que existe lei até para os cachorrinhos das queridas! Pô! * Vem aí a Cavalgada do Mar! E como explicar que cachorro não pode, mas cavalo pode andar pela beira da praia? Cada vez mais complicado. * Alguém sabe o número exato de mortes que tivemos no trânsito de Cidreira em 2013? * Alguém sabe o número exato de homicídios que tivemos em Cidreira no anos passado? Será que aumentou ou diminuiu? Temos alguma política pública a ser aplicada para melhorar a segurança das nossas comunidades ou não estamos pensando nas pessoas aqui em Cidreira? Estação de Tratamento de Esgoto é uma coisa... Lagoa do Merdão é esgoto a céu aberto!

[close]

p. 4

Os dados divulgados recentemente pelo IBGE , confirmam que o saneamento básico é a maior carência do País na área de serviços públicos e infraestrutura: Atualmente, apenas 10% do total de esgotos produzido recebem algum tipo de tratamento, enquanto os outros 90% são despejados "in natura" nos solos, rios, córregos e nascentes, constituindo-se na maior fonte de degradação do meio ambiente e proliferação de doenças. O saneamento básico constituído pelos serviços de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgotos, coleta da drenagem pluvial, e coleta de lixo, é condição fundamental para a saúde pública. Ele está diretamente associado aos problemas de poluição e/ou contaminação dos recursos hídricos e do solo, pois a deficiência de saneamento básico gera a disposição inadequada de esgotos, contaminando, poluindo os rios e córregos, além de favorecer a proliferação de vetores de doenças. Com o advento da Lei nº 11.445 de 2007, onde estão definidas as diretrizes nacionais para o saneamento básico, e considerando os dispositivos da própria lei, que trazem no seu conteúdo vários princípios fundamentais, dentre estes, a universalização do acesso, abastecimento de água, esgotamento sanitário, limpeza urbana e manejo dos resíduos sólidos realizados de formas adequadas à saúde pública e à proteção do meio ambiente, é urgente a aplicação destas diretrizes em consonância com o disposto na Nova Lei da Política Nacional de Resíduos Sólidos, editada em 2010. A nova lei exige que Municípios, enquanto titulares dos serviços públicos de saneamento básico, sejam responsáveis por elaborar seus Planos de Saneamento Básico, em que deve constar um diagnóstico, a definição de metas para a universalização do serviço, projetos necessários para o atendimento das metas e possíveis fontes de financiamento. A regularização fundiária, neste contexto, se faz imprescindível no intuito de abranger as habitações informais e irregulares no Plano Municipal de Saneamento Básico, mediante a utilização dos instrumentos legais disponíveis, em especial, da Lei 11.977/09 (Minha Casa, Minha Vida). Assim, visando a compatibilizar a implementação das políticas públicas na área de saneamento e a necessidade de proteger o meio ambiente e os mananciais hídricos que abastecem os Municípios, visando à manutenção da qualidade da água, a Lei da Política Nacional de Resíduos Sólidos possibilita a integração do Plano municipal de gestão integrada de resíduos sólidos e o plano de saneamento básico previsto no art. 19 da Lei nº 11.445, de 2007, para os Municípios, e, o primeiro, com conteúdo simplificado para os Municípios com menos de 20.000 habitantes. Neste contexto que o MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por seu Centro de Apoio de Defesa do Meio Ambiente - CAOMA, Centro de Apoio Operacional da Ordem Urbanística e Questões Fundiárias - CAOURB e Centro de Apoio Operacional de Defesa do Consumidor – CAOCONSUMIDOR, apresentam propostas para a execução de ações efetivas visando à implementação do PROJETO INTEGRADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS E SANEAMENTO BÁSICO, compreendidos os quatro temas: abastecimento de água, esgotamento sanitário, limpeza urbana e manejo dos resíduos sólidos. Famurs - Auxílio às prefeituras A Famurs promove encontros semanais gratuitos para ajudar os gestores municipais a desenvolver seus projetos. Interessados em agendar um encontro podem entrar em contato com a Famurs pelo fone (51) 3230.3100 ou através do email: planodesaneamento@gmail.com. Para obter financiamentos, também é possível acessar recursos junto ao Ministério das Cidades, à Fundação Nacional de Saúde (Funasa), ao Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) e ao Banco do Brasil. Exemplo de ETE - Estação de Tratamento de Esgoto Dá prá entender que desde 2007 existe uma Lei que diz que os municípios são responsáveis pela elaboração de Projetos para Saneamento Básico e Resíduos Sólidos, sob pena de os construtores não poderem mais receber o habite-se das obras. O MP e a Famurs realizaram vários encontros e disponibilizaram ferramentas para que os administradores das cidades gaúchas fizessem seus projetos, inclusive com acesso às fontes financiadoras. Mesmo assim Cidreira não apresentou o Projeto, não aprovou o Projeto, e a nossa cidade ficou sem a possibilidade de evoluir em cidadania, e sendo assim, continuamos parados nos antigos, anacrônicos e desusados conceitos de progresso praticados por Cidreira. A única Estação de Tratamento de Esgotos Aceitável é a que retorna água limpa para a Natureza, o resto é Esgotão a Céu Aberto! O Esgoto de Cidreira é todo ele bombeado pela Avenida Dep. Júlio Brunelli até uns 5Km dentro das dunas, onde está localizada a Lagoa do Merdão, espaço entaipado construído no meio das dunas e mantido pela Corsan para despejo dos dejetos fecais e outros produzidos pela cidade. Os dejetos ficam a céu aberto sem qualquer tratamento que leve a limpeza das águas para posterior retorno à natureza de modo sustentável. Aqui em Cidreira a água suja do esgoto é recolhida e fica lá fedendo a céu aberto, contaminando o lençol freático e as lagoas vizinhas. Quando a Lei diz que deve ser apresentando um Projeto para a construção de uma Rede de tratamento de esgotos, ela diz que esta Rede deve estar de acordo com os novos conceitos de preservação ambiental e sustentabilidade, ou seja, a Lei exige que o projeto resulte na devolução da água tratada para a natureza de modo sustentável. Por isso podemos afirmar que aqui em Cidreira não temos Estação de Tratamento de Esgotos de acordo com o que exige a Lei. Está formado o impasse que faz com que o MP Federal e Estadual impeçam a expedição de Alvarás de Construção e Carta e habite-se em Cidreira, pois os administradores da cidade, apesar de todo o tempo que tiveram, não conseguiram fazer um Projeto para a construção de uma ETE - estação de tratamento de esgoto e um Projeto para os Resíduos Sólidos. Enquanto isso os Engenheiros, Arquitetos, Corretores, Imobiliárias, Registro e Tabelionato, além de um grande número de pessoas que vivem da compra e vende de imóveis em Cidreira ficam impedidos de exercerem suas funções por conta do descaso com que a Prefeitura tratou a Lei Federal. E agora? Estará o MP disposto a negociar uma saída? A Prefeitura está preocupada com isto? Rádio 98.9 FM Cidreira - RS

[close]

p. 5

COTIDIANO O último prazo para que os administradores municipais acabem com os Lixões a Céu Aberto é agosto de 2014. As multas a serem aplicadas podem chegar a 50 milhões! Enquanto a maioria das cidades brasileiras vivem momentos de desenvolvimento e construção coletiva de novos pensamentos para a cidadania, aqui em Cidreira simplesmente as comunidades sequer ouvem falar de ações coletivas, desenvolvimento sustentável e participação comunitária. Temos um grande problema a ser resolvido que é a criação de um espaço para o depósito dos resíduos sólidos da cidade. A cada ano que passa nossa cidade vai criando mais lixões sem resolver o problema principal. O MP já mostrou-se ineficiente na defesa do ambiente natural, pois a Prefeitura não está dando a mínima para os acordos com a promotoria. Basta andar pela cidade e ver os inúmeros lixões que se criam a cada dia em nossa cidade. Pág.5 Em 2009 o Promotor de Justiça Leonardo Menin, fiscalizou vários depósitos irregulares de resíduos sólidos, os populares e conhecidos lixões à céu aberto que existem em Cidreira e ficou acordado com a Prefeitura que os materiais com risco de combustão seriam tirados imediatamente e que seria criado um espaço para o depósito de resíduos sólidos em Cidreira. A Prefeitura não deu a mínima para as exigências do MP, pois desde 2009 que os depósitos irregulares de resíduos sólidos continuam exatamente iguais, só que em 2014 cresceram em número e tamanho! NOSSA CIDADE PRODUZ MUITO LIXO RECICLÁVEL, EXISTEM CATADORES EM TODOS OS BAIRROS PORÉM NÃO EXISTEM POLÍTICAS PÚBLICAS QUE FAVOREÇAM A CRIAÇÃO DE COOPERATIVAS PARA VIABILIZAR O TRABALHO DE RECICLAGEM JUNTO AOS CIDADÃOS E AS COMUNIDADES. Em outras cidades ouvimos relatos de projetos bem realizados que criaram cooperativas e equiparam com maquinários possibilitando aos catadores um ganho melhor, um trabalho com mais dignidade exercendo a sua cidadania e mostrando para todas as comunidades a importância do trabalho dos recicladores. Aqui em Cidreira não se ouve falar de Coleta Seletiva, não se ouve falar em cooperativas, não se ouve falar em tomada de consciência ambiental, e isso que moramos em uma praia, zona turística que tem por principal produto turístico exatamente a natureza. Praia sem coleta seletiva é atraso de vida! Em plena temporada o lixo se acumulava no calçadão da principal avenida de Cidreira às 10 horas da manhã Prá onde vai crescer a nossa Cidreira? Sem obedecer as leis, sem estar inserida em nenhuma política pública estadual ou federal, sem pensar a cidade de modo sustentável? O MP Federal quer que se cumpra a Lei dos Resíduos Sólidos para que a Prefeitura possa voltar a emitir os alvarás de construção e as cartas de habite-se. Até agora não se ouve falar de ações da administração neste sentido. Alguns dizem que falta corpo técnico capaz para fazer projetos. Será esse o problema?

[close]

p. 6

Foto: Professora Marisa As Escolas de Samba e os tradicionais Blocos carnavalescos de Cidreira já estão aquecendo os tamborins para fazer um dos melhores carnavais do litoral gaúcho. Com a característica de fazer um carnaval popular, onde todos podem cantar, dançar a brincar o carnaval, este ano a participação será ainda melhor. Além dos bailes de rua, dos shows na concha, teremos um desfile mais elaborado, pois as escolas vem com maior estrutura e preparadas para fazer um espetáculo que por certo vai agradar à todos os que forem para a avenida Mostardeiro para brincar o Carnaval 2014 em Cidreira. Quem garante a qualidade é a amiga Estarlei Oss, presidente da UESC - União das Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos de Cidreira. Estamos nos preparando com alegria e muita emoção e por certo estaremos juntamente com todos os amigos brincando novamente na avenida, disse a carnavalesca, Adriana Grizza Pinto, membro da Escola Amigos do Gian, a grande campeã do Carnaval do ano passado. Cidreira espera que todos brinquem, cantem e dancem no nosso Carnaval 2014, com muita saúde e paz no coração. Para que a festa seja feita apenas de sorrisos e alegria que a UESC vem trabalhando o ano inteiro. A Amor Antena - Associação dos Moradores da Vila da Antena reuniu a sua comunidade para festejar o primeiro ano de criação da associação que tem muito bem representado os interesses de todos os moradores da região. Com a participação de todos foi oferecido aos associados refrigerantes e um bolo de chocolate feito pelas mãos de muitos colaboradores e colaboradoras da Vila da Antena. A Amor Antena tem se dedicado, durante este ano de existência, a regularização dos terrenos e casas da Vila da Antena, para que seus associados conquistem seus direitos com dignidade. “Todo o brasileiro tem direito a uma moradia digna! Nós somos brasileiros e também temos esse direito. Essa é a nossa luta e estamos caminhando para a vitória!”, disse Jorginho Aladim, presidente da Associação dos Moradores da Vila da Antena. A festança reuniu grande parte dos moradores e teve como destaque, além do bolo que estava muito gostoso, a alegria de todos que participaram com a certeza de estarem lutando pelo coletivo e exercendo seus direitos e a cidadania. A UESC - União das Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos de Cidreira vem, durante o ano todo, disponibilizando em sua sede oficinas de danças para quem quiser aprender um pouco mais e se divertir muito. Esta ação é coordenada pela presidente da UESC, Estarlei Oss contando com a colaboração do Oficineiro Patrik Alander que ministra aulas de dança popular. A UESC também oferece para a comunidade de Cidreira aulas de capoeira com o instrutor Chinêz. Para participar basta fazer a sua inscrição na sede na UESC na rua 6, nº 2364. Estamos às vésperas do carnaval e a UESC já está convocando a todos para que se preparem para fazer um dos melhores carnavais que Cidreira já viu. “Temos um bom número de Escolas e Blocos associados a UESC e pretendemos colorir a avenida Mostardeiro de alegria e vibração fazendo um carnaval para o coletivo”, disse a presidente Estarlei Oss. A UESC mantém atividades diversas durante todo o ano, quem quiser participar ou colaborar com a entidade basta entrar em contato com a Presidente Estarlei Oss diretamente na sede da UESC, na Rua 6, nº 2364.

[close]

p. 7

Teve fim mais um destes casos de violência contra humanidade que duram anos até que finalmente tenham um desfecho justo. O caso é conhecido por muitos, porém são poucas as vítimas que se expõem para que o violentador seja preso. Normalmente os casos são acobertados pelos próprios familiares, e as vítimas são desacreditadas socialmente, pois a nossa sociedade ainda tenta se resolver com base em conceitos machistas, relegando às vítimas, normalmente mulheres e crianças o papel de mentirosas e loucas. Pois aqui em Cidreira, principalmente pela coragem das vítimas, a polícia prendeu o pedófilo. Quantas vítimas ainda hoje estão sofrendo abusos por não terem a coragem de enfrentar todos os preconceitos sociais. O estuprador foi preso em um condomínio em Viamão onde estava escondido. Avisado pelas vítimas a polícia foi ao local e cumpriu o mandato de prisão, o pedófilo foi recolhido ao Presídio Central. “Olha aí a cara do estuprador Valercy Ferreira Costa, graças a deus consegui ontem colocar ele no central em porto alegre justiça foi feita eu acompanhei tudo pessoalmente me sinto com a alma lavada dever cumprido menos um pedófilo nas ruas vai desgraçado apodrecer no presídio vai começa a lembrar de tudo que tu fez pra nós desde quando nos éramos criança tu roubo nossa infância nossa adolescência tirou tudo de nos velho desgraçado agora tu vai ser mulherzinha no presídio e eu vou recomeçar minha vida porque foi como se eu tivesse nascido ontem estou muito feliz leve e solta isso e só pra quem tem caráter pra ter liberdade vida nova pra nós né Marluce e Camila” ! Chica da Costa via Facebook Não há nada a ser festejado, nesta notícia, mesmo que o desfecho tenha sido justo, se imaginarmos o quanto de coragem tiveram que ter essas mulheres de Cidreira para enfrentar o preconceito da sociedade, para enfrentar os equipamentos sociais, para enfrentar o descrédito dentro de casa, e mesmo assim persistir, continuar, lutar até que finalmente, passados anos, conseguir que a justiça seja finalmente feita. Quanta coragem tiveram estas mulheres de Cidreira para se exporem de toda a alma, única maneira plausível para conseguirem que a verdade prevalecesse. Casos como esse ainda estão acontecendo em muitas casas aí pela vizinhança. Não se esconda! Denuncie! Disque 100 DISQUE 100 Está acontecendo nos finais de semana, próximo ao Edifício Alvorada. Para participar basta levar um brinquedo novo ou usado e pronto! Existe uma equipe especializada que vai iniciá-lo na arte do Rafting Marítimo, todos com equipamentos adequados, muita emoção e adrenalina nas alturas. Vale a pena conhecer, experimentar e se divertir muito em mais esta atração que o verão em Cidreira está proporcionando para todos os amigos. www.blogdolobao.com.br twitter.com/lobaopc Polícia Civil x Políticos – A PC/RS está se envolvendo em coibir os crimes de corrupção nos diversos níveis da política. Talvez agora muitos serão indiciados e talvez até presos. Corrupção – Temos políticos da cidade respondendo por corrupção ativa, mas estão sempre concorrendo novamente. Isso é a impunidade, e falta de interesse das autoridades, que não fazem a sua parte. Verão – Começou e não é surpresa que está totalmente sem estrutura para receber os veranistas. Este governo conseguiu até este momento, ser pior que todos os outros que já passaram por aqui, e olha que teve um que se esmerou muito para ser ruim. Golpe – Já esta na Câmara Federal o projeto que dará o poder aos Deputados de mudar sentença do STF, Ou seja, deputados e senadores serão quem decidirão, em última instância, se vale ou não vale o que eles próprios aprovaram. Nesses casos, serão os juízes de si mesmos — em detrimento dos direitos e garantias individuais dos cidadãos, cuja garantia é a Justiça. Deputado x Blogueiro – 1º instância em Tramandaí, vitória do blogueiro, 2ª instância no TJ/RS, vitória do blogueiro, 3º round, o deputado entrou com Embargos Declaratórios, que após o dia 20/01, tem 5 dias para a decisão. Aguardemos!! Polícia Civil – O governo do estado enviou o projeto de lei 380/13, para a assembléia corrigindo erro histórico na instituição. A partir de 1º de maio todos os investigadores virarão inspetores ou escrivãos e concorrendo ao cargo de comissário de polícia. Investigadores sempre fizeram o mesmo serviço, sem esta garantia. Parabéns ao executivo e legislativo estadual pela sabedoria. Homicídios – Cresceram muito em nossa cidade, por coisas banais estão se matando. O último caso foi de uma agressão até a morte da vitima, com pauladas, pontapés. Com a agressão inclusive de mulheres. Onde vai parar a humanidade? Política – Todos os envolvidos nela sabem como funciona, alguns da oposição passam a ser amigos do poder, com a clara intenção de arrumar uma boquinha. Depois se dizem oposição e acham que enganam alguém. Na real conheço alguns que espraguejavam e hoje estão juntos achando a coisa mais linda do mundo a administração municipal. E outros que perderam a boquinha, fazendo uma gritaria contra, mas até recuperar a boca. Esta é a política de Cidreira!! Da Frase -Ninguém é tão feio como na identidade, bonito como no Orkut, feliz como no Facebook, simpático como no Twitter e ocupado como no MSN. Facebook.com

[close]

p. 8

Há muito que o Ano Velho, senhor com longas barbas, que caminha com dificuldade, entrega a chave para o Ano Novo , um bebê , com suas fraldas , chupeta e ar faceiro ! Bem vindo 2014 !! A base desta imagem, tem raízes no mesmo lugar, no sorriso, no coração, na alma das pessoas e dos contadores de histórias e traz principalmente a ESPERANÇA ! O ano de 2014, traz uma pergunta, ainda sem resposta: COMO SERÁ 2014 ? Devemos ter esperanças iluminadas pelo Presépio, sem perder a criança que está com a chave e o Velho que nos deixou. A atmosfera do litoral é sem dúvida propícia para a perpetuação de mitos, desde o boto, o folclore com suas recompensas e o acréscimo da cultura sedimentada pelos veranistas que buscam no descanso a renovação das energias do labor, mas que por certo acreditam, ainda, no caráter dos homens de BOA VONTADE . Vivemos o veraneio do tecnostress, o veraneio da falta de estrutura, o veraneio marcados pelas redes e pela tecnologia, não mais pela simples cadeira de praia, mas pelos vários aparelhos e fios, pelas ruas esburacadas, pela falta de recursos na saúde e na educação, falta de iluminação, os preços estão altos e de tudo carece o povo. Os tempos são outros, a tecnologia está solta pela casa da praia, como os assaltantes na rua. Encontramos velhos amigos e companheiros e basta a primeira chuva para destelhar a casa, encher as ruas de água e isolar os praieiros e veranistas e “ só se fala de outra coisa”. Grande pergunta é e sempre foi porque os gestores durante o ano não realizaram as tarefas para a boa estrutura de suas cidades e grande pergunta ,também é , porque o pouco do interesse só se manifesta durante as eleições . E o orçamento? Este ano de 2013, foi marcado por escândalos, compras de voto, CPI’s , Congressistas utilizando bens públicos, escondendo dinheiro público, pelo julgamento do mensalão ainda sem a tão esperada condenação . E no Rio Grande do Sul, será que serão vãs as nossas Esperanças? Por que falar uma coisa em época de campanha e fazer outra após a eleição? Esquecem os políticos das redes? Dos portais de transparência? Das manifestações? Tomara Deus, que o ano de 2014 seja doce, sem medidas amargas... e, por certo que será melhor que 2013 , pois há solução! Apesar da tecnologia, que deve ser utilizada em nosso favor, as férias são para relaxar, para reduzir o stress e não para poluir o mundo. Qual será o enredo do Carnaval ? Como será a Copa do Mundo? Parece que não paramos nunca. A arte, a música, os poetas, os artistas .... O litoral pode ser bastante prático e lindo! Por um lado, os praieiros conservam sua magia, por outro trabalham duro para agradar o veranista e se interessam em interagir, conhecer e absorver a cultura alienígena do veranista. Os turistas podem considerar a idéia de ganhar a vida do mar uma aventura romântica, barcos e marisqueiros são pitorescos , mas em verdade o povo da praia está enraizado na história e na tradição . Vamos dar férias para o celular e curtir o veraneio, com responsabilidade e sustentabilidade, respeitando o mar, a praia, as corujas, o trânsito, os valores, os mitos e as diferenças. Já que não tem estrutura, então vamos para a solidariedade, para a sustentabilidade, inclusão e respeito . Vamos pegar as mãos que nos são estendidas, pois alguém disse que “os anjos estão tocando a vida”. Podemos sim, ter a esperança e esperar por um melhor 2014. Rádio A Unidade Resinas da Celulose Irani em Balneário Pinhal acaba de conquistar o certificado ISO 9001: 2008. A certificação firma que a Empresa possui um Sistema de Gestão da Qualidade com compromisso formal aos princípios que regem a norma. Além disso, atesta que a Unidade Fabril está estruturada para atender aos seus respectivos requisitos e busca a melhoria contínua. Pioneirismo - Além de receber a ISO 9001, a Unidade também foi certificada com o FSC (Forest Stewardship Council) para o manejo florestal (FM) e para a cadeia de custódia (CoC). O FSC é o selo verde mais conhecido do mundo e atesta a atenção dada pelo empreendimento florestal às questões sociais, ambientais e econômicas. A certificação orienta compradores e consumidores sobre a origem da matéria-prima florestal, já que exige o rastreamento da mesma desde a sua colheita até a comercialização do produto acabado, para o consumidor final. Com essas conquistas, a Unidade Resinas da IRANI passa a ser a primeira empresa produtora de breu e terebintina do mundo a receber os certificados FSC. Com o objetivo de fortalecer as entidades tradicionalistas, cultuar as nossas tradições e valorizar as nossas cultura praieiras que o Balneário Pinhal se fez representar no congresso em Porto Alegre. Foi boa a participação dos tradicionalistas de Balneário atuando nas plenárias, ampliando conhecimentos e costurando novas amizades. Com "pilotagem" do querido colega Heitor, com as histórias muito arteiras, tivemos uma viagem e tanto. Registra a Pesquisadora Maria Faistauer.

[close]

Comments

no comments yet