Revista Comércio & Indústria - Junho/2006

 

Embed or link this publication

Description

Revista Comércio & Indústria - Junho/2006 - Ano 1 - Nº 11

Popular Pages


p. 1

Commércio R E V I S TA Junho/2006 ANO 1 - N° 11 Associação Comercial e Industrial de Araraquara & Indústria NESTA COPA FAÇA UM GOL ACIA e SINCOMÉRCIO envolvidos pelo clima da Copa do Mundo realizam mega promoção para o consumidor de Araraquara e Região, sorteando no dia 15 de julho um Gol 0km e 20 aparelhos de DVD. FOTO MERAMENTE ILUSTRATIVA

[close]

p. 2



[close]

p. 3

OPINIÃO Valter Merlos Presidente da ACIA Lista telefônica com qualidade, é só o que queremos como contra-partida uando assumimos a presidência da ACIA, algumas propostas foram apresentadas visando não apenas defender os ideais de uma classe, mas principalmente, discutir com a comunidade em seu todo, questões que trouxessem benefícios à população. A ACIA deixou de ser uma entidade apenas classista, passou a ter um envolvimento mais amplo, até mesmo com ações sociais. Em meio a essa caminhada, nos deparamos com um problema que tem proporcionado aborrecimentos aos usuários de listas telefônicas, editadas por empresas que na ansiedade de baixar custos e aumentar rentabilidade, acabaram transformando suas páginas em bulas de remédios. Os números dos assinantes de linhas telefônicas, bem como os nomes, são praticamente ilegíveis e aquilo que Somos poderia ser prático, acabou se transforconsumidores mando num grande tormento. de um produto Estamos bem lembrados do padrão de que é a linha telefônica e por qualidade da antiga Telefônica e depois ele temos pago Telesp, na elaboração das listas. Além de quem sabe, até mostrar nomes e números em corpo de letra demais, pelo perfeitamente legível, havia uma preocuque recebemos pação da empresa em concentrar cidades em troca. numa única região. Araraquara, São Carlos, Matão, Taquaritinga, além de outras bem próximas, faziam parte de uma lista só. É certo que os municípios cresceram, no entanto, até mesmo as pequenas cidades deixaram de estar concentradas na lista de Araraquara, por razões plenamente comerciais. Só ficaram as que não têm potencial econômico. Em maio, após discussão deste assunto em reunião de diretoria, tomamos a liberdade de convidar representantes de empresas que editam listas telefônicas para analisarem a nossa reivindicação. Em nome da qualidade e da tradição de boas listas telefônicas que tivemos no passado, pedimos a adoção de padrão diferenciado na editoração, facilitando a busca dos nomes e números dos assinantes, pois não podemos concordar com as publicações feitas nos últimos anos. Alguém tem que reivindicar qualidade do produto que está adentrando nossos lares ou empresas, daí a interferência da ACIA pelo seu poder de estar bem próxima à classe empresarial, que praticamente dá sustentação à confecção da lista. Somos consumidores de um produto e por ele temos pago quem sabe, até demais, pelo que recebemos em troca. Nada mais justo então que lutarmos pelo direito de uma lista telefônica com qualidade. E temos certeza que é o mínimo que as editoras podem nos oferecer. 4 DE OLHO NO IMPOSTO ACIA conseguiu 11mil assinaturas Q 5 GOLPEalertam empresários Entidades 6 FACIRAem São Paulo com Já estamos a maior feira de todos os tempos Jordana, Lívia e Fernanda Leal, da LLUMAR 9 EMPREENDIMENTO Massafera inova condições de financiamento habitacional José Carlos Cardozo, do SinHoRes, e Nelson de Abreu Pinto, da FHORESP 10 MERCADO de Italianos participam workshop na ACIA 12 SAÚDE Que orgulho causa essa Beneficência SERVIÇO 16 O mundo encantado da Festolândia O ator Ricardo Dimas Gouvêa Chagas faz parte das peças da campanha criada pela W & L Piemonte, um novo empreendimento Cutrale em nossa Beneficência capa Nesta Copa faça um Gol comprando no comércio de Araraquara ACIA e SINCOMÉRCIO aliam-se em grandiosa promoção até 15 de julho contemplando o consumidor com um Gol 0km no sorteio a ser realizado na Praça da Santa Cruz. Foto: Adriano de Carvalho Pág. 15 PARA ANUNCIAR LIGUE: (16) 3336-4433 Commércio Indústria REVISTA & Ano I - N° 11 Junho/2006 Distribuição gratuita para os associados da ACIA Diretor Editorial: Ivan Roberto Peroni Assistentes: Lucas de Almeida Rosane D’Andréa Supervisora Editorial: Sônia Maria Marques Departamento Comercial: Gian Peroni Sebastião Barbosa Carlo Endrigo Peroni Designer: Bete Campos Lucas Tannuri Vicente Balbino Mário (Chiquito) Pedrolongo Impressão: Gráfica Bolsoni - (16) 3336-9008 COORDENAÇÃO E EDITORAÇÃO comunicações Fone/Fax: (16) 3336-4433 Rua Tupi, 245 - Centro Araraquara/SP - CEP: 14801-307 marzo@marzo.com.br COMMÉRCIO & INDÚSTRIA JUNHO/2006 3

[close]

p. 4

IMPOSTO ASSINATURAS FILIADA À 11MIL DIRETORIA - TRIÊNIO - 2004/2007 Presidente: Valter Merlos 1° Vice Presidente: José Carlos P Cardozo . 2° Vice Presidente: Maria Teresa Smirne 1° Secretário: Osvaldo Romio Zaniolo 2° Secretário: Edson Carlos Alves Bezerra 3° Secretário: Daphinis Pestana Fernandes 1° Tesoureiro: Antônio Junquetti 2° Tesoureiro: Mário Thuyosi Hokama 3° Tesoureiro: Marlene Porsani Diretor Social: Dorival Delbon Filho Diretor Social: Sérgio Bonini CONSELHO DELIBERATIVO EFETIVOS Ademar Ramos da Silva Edes Dalmo de Oliveira Jefferson Luis Yassuda João Luiz Ferreira Luzia Nucci Garitta Mário Rodella Nélvio De Vito Santo Petroni Sênia Mori Wanderley Camilo de Figueiredo SUPLENTES Celso Micheloni Edgar de Oliveira Valente Giuseppe Morvillo Júnior Jair Aparecido Martineli Maurício Marques Possi Orestes Ferreira Pedro Lapena Pedro Luiz Mariottini Valquiria Rodrigues O. Veloso CONSELHO FISCAL EFETIVOS Samuel Brasil Bueno Rodolfo Messali Marcos Henrique Duó SUPLENTES Renata Kitatani Quisté Morales Armando Rodrigues Martins Aparecida Camargo Fernandes ACIA Rua São Bento, 825 Araraquara/SP - CEP 14 801-300 Fone: (16) 3322-3633 acia@sunrise.com.br acia@techs.com.br PARA ANUNCIAR LIGUE: (16) 3336-4433 O presidente da ACIA, Valter Merlos, entregou na FACESP, documento que vai ajudar na elaboração do projeto de lei popular que visa informar o consumidor sobre o valor dos impostos que ele paga ao Governo. Em 28 de novembro, a sociedade organizada, representada pelas entidades que formaram a FRENTE CONTRA A MP 232, deflagrou um movimento nacional pela transparência dos impostos embutidos nos preços dos produtos e serviços, e também para mostrar quanto o Governo gasta, para que a população possa acompanhar e fiscalizar o uso dos recursos e cobrar a contra partida do Estado. Essa iniciativa, disse o presidente da ACIA, Valter Merlos, faz parte de um movimento mais amplo que pretende estabelecer um debate na sociedade, para criar uma agenda de medidas consistentes que promovam o desenvolvimento social e econômico do País. O objetivo da campanha, denominada DE OLHO NO IMPOSTO, ainda em andamento, é colher 1,5 milhão de assinaturas em apoio a um projeto de lei que torne obrigatório informar o consumidor sobre o valor dos impostos pagos (mercadorias e serviços), regulamentando o artigo 150, parágrafo 5º, que prevê que a lei determinará medidas para que os consumidores sejam esclarecidos acerca dos impostos que incidam sobre mercadorias e serviços. Sabemos que uma pesquisa encoJoão Luiz Ferreira, da Detroit, conseguiu com seu prestígio e dinamismo, cerca de 40% das assinaturas enviadas à FACESP mendada pela Associação Comercial de São Paulo já mostrou que 74% dos brasileiros não sabem quanto pagam de impostos nos bens e serviços que consomem, mas revelou também que 93% dos entrevistados gostariam de ser informados a respeito, lembrou Merlos. EM ARARAQUARA O empresário João Luiz Ferreira, da Detroit, conseguiu cerca de 4 mil das 11 mil assinaturas entregues em São Paulo pela ACIA. Pagar imposto, argumenta João Luiz, é necessidade e uma obrigação do cidadão para manter os gastos do Estado e custear os serviços públicos, mas o contribuinte tem o direito de saber o quanto paga e como o dinheiro é gasto. Ao ser cumprimentado por Valter Merlos pelo seu notável desempenho na coleta de assinaturas, João Luiz disse que tem que haver sempre uma relação positiva entre o valor dos tributos que se paga e o retorno que o cidadão recebe do Estado. Uma questão plenamente justa, concluiu o empresário. MARZO EM BREVE UMA VISITA COMO VOCÊ NUNCA IMAGINOU. 4 JUNHO/2006 COMMÉRCIO & INDÚSTRIA

[close]

p. 5

GOLPE ENTIDADES ALERTAM EMPRESÁRIOS DA CIDADE As associações comerciais e industriais de Araraquara e Marília, cada qual em sua área de abrangência, iniciaram campanha para combater um novo golpe na praça. Os presidentes da ACIA (Araraquara), Valter Merlos e da ACIM (Marília), Sérgio Lopes Sobrinho, em nota oficial, estão alertando os associados das entidades, para um novo golpe em que os empreendedores estão sendo vítimas no interior. Uma cobrança bancária aleatória em nome de Edição Anual de Marcas e Patentes está sendo enviada aos comerciantes com variação de valores, sem qualquer documento firmado com a empresa que está sendo cobrada. “Como é que alguém envia uma cobrança bancária para outra pessoa, sem que haja um acordo entre os dois”, questionou Sérgio Lopes Sobrinho ao lembrar das Listas Tele- Presidente da ACIM, Sérgio fônicas e associações fantasmas. Lopes, em trabalho conjunto com Merlos, alerta Segundo Merlos, o comer- empresários do interior ciante deve tomar muito cuidado ao efetuar os pagamentos dos compromissos mensais da empresa, para não cair neste golpe que tem na desatenção do empresário o objetivo principal. “O golpista manda a cobrança na expectativa do comerciante pagar, por ser uma cobrança bancária e o assunto ser de ordem administrativa”, lembrou o dirigente que orienta os associados a não pagarem qualquer cobrança bancária que seja duvidosa, ou que não haja um contrato entre as partes envolvidas. Juntamente com a cobrança bancária, os golpistas estão enviando uma carta anexa alertando para a importância do registro de marcas e insinuando a obrigatoriedade do pagamento, que é considerado ilegal por parte das associações comerciais. “É só ligar para os telefones que constam na correspondência, ou até mesmo acessar os sites que são citados para confirmar o golpe”, completou Merlos. o nome forte em retífica de motores Acertar é Humano. Persistir no acerto é qualidade. RETÍFICA DE MOTORES CERTIFICADA A D INSTITUT O ALIDADE QU A OTIVA OM UT I.Q.A. CONFORME NBR 13032 NOVOS ASSOCIADOS EM MAIO Av. D. Pedro II, n° 40 - Centro Araraquara - SP (16) 3301-3898 e-mail: detroit@retificadetroit.com.br RAZÃO SOCIAL Valquiria Sgobi Fiorillo Aqa Me Telemídia Comercial Ltda - Epp Quali Química Industrial Ltda Terra Presentes Araraquara Ltda - Me NOME FANTASIA Carrossel Moda Infantil Telemídia Quali Química Industrial Ltda Terra Presentes Ser associado da ACIA é desfrutar de muitos benefícios e fortalecer a nossa luta em desefa dos ideais de uma classe. Venha participar! INFORMAÇÕES: SECRETARIA DA ACIA 3322-3633 COMMÉRCIO & INDÚSTRIA JUNHO/2006 5

[close]

p. 6

LANÇAMENTO SEBRAE MOST FACIRA EM SÃO Com o propósito de fortalecer a FACIRA, o Sebrae-SP reuniu empresários na capital para apresentar a feira como centro gerador de negócios numa das regiões mais prósperas do Estado. Este foi o (FHORESP) e presidente da Associação Brasileira das Entidades de Gastrono-mia, Hospitalidade e Turismo. O lança-mento, para Joel Aranha, simbolizou a apresentação das riquezas da região de Araraquara, incorporadas ao espírito so-lidário da comunidade. Também compareceram ao lançamento, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Paulo Sérgio Sgobbi, o secretário de Esporte e Lazer, Salvador Artero Neto, os vereadores Elias Chediek Neto, Edna Martins e José Carlos Pacheco, o gerente do Sebrae Regional de Araraquara, Paulo Marcelo Tavares Ribeiro, Nelson Andujar de Oliveira, coordenador estadual executivo do Projeto Empreender, Carlos Otero de Oliveira, diretor de Relações Trabalhistas da Sucocítrico Cutrale e José Lindolfo Magalhães, gerente da Petrobras Distribuidora. Para os organizadores a repercussão foi plenamente favorável, pois a FACIRA começa a ter um conceito mais amplo sobre suas finalidades. NELSON PEDE APOIO DE RICCA Durante a apresentação da FACIRA, em seu discurso, o presidente Joel Aranha destacou a importância da pecuária para a feira, considerando-a um dos pontos fortes para sua consolidação como fonte geradora de recursos. Depois, o presidente da FHORESP, Nelson de Abreu Pinto, ressaltou que como “cidadão araraquarense” sentia-se no dever de contribuir com sua cidade e reivindicou o apoio do Sebrae-SP e do superintendente José Luiz Ricca: “É com sua colaboração que a FACIRA será maior ainda. Vamos conversar nos próximos dias, para juntos, investirmos com nosso apoio na feira, completou Nelson. O vice-prefeito Sérgio Médici, destacou o apoio do município ao evento, que ele considera, um dos principais acontecimentos para apresentação das riquezas da região. José Luiz Ricca, superintendente do Sebrae-SP, responsável pela chegada da FACIRA em São Paulo Pela primeira vez em sua história, a 17ª edição da Feira Agro Comercial e Industrial da Região de Araraquara (FACIRA 2006) foi apresentada também em São Paulo. O lançamento aconteceu na noite de 17 de maio, na sede do Sebrae, com a presença de empresários, autoridades e imprensa. A composição da mesa teve a presença de José Luiz Ricca, superintendente do Sebrae-SP; do vice-prefeito Sérgio de Oliveira Médici, representando o prefeito Edinho Silva; Ronaldo Napeloso, presidente da Câmara; Joel Aranha, presidente da FACIRA; Valter Merlos, presidente da Associação Comercial e Industrial de Araraquara (ACIA) e Nelson de Abreu Pinto, presidente da Federação de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de São Paulo Merlos incentivou a diretoria da FACIRA a propagar seu perfil num grande centro, buscando o apoio de grandes empresas APOIO À FACIRA Joel Aranha com Paulo Cardozo (UNIARA) Salvador Artero Neto (secretário municipal de Esporte) com o vice-prefeito Sérgio Médice que representou o prefeito Edson Antônio Edinho da Silva JUNHO/2006 COMMÉRCIO & INDÚSTRIA 6 6 JUNHO/2006 COMMÉRCIO & INDÚSTRIA José Lindolfo Magalhães (Petrobras) Estamos te esperando nas melhores estradas do Brasil

[close]

p. 7

ROU A O PAULO Rosemeire Lancetti, diretora comercial da FACIRA CONGRESSO DE GASTRONOMIA Em São Paulo, durante o lançamento da FACIRA, foi confirmada a realização do 19º Congresso Internacional de Gastronomia, Hospitalidade e Turismo (CIHAT), pela primeira vez no interior do Estado de São Paulo. A escolha da FACIRA para sediar o congresso foi feita pela repercussão nacional e internacional que a feira tem conquistado ao longo dos anos. “Nos últimos cinco anos, temos acompanhado o desenvolvimento e a expansão da FACIRA e concluímos que se trata de uma feira modelo: aborda questões temáticas, interesses ao agronegócio e mantém intercâmbio com os sindicatos, além de manter apoio e parceria com as entidades assistenciais da cidade, demonstrando respeito e valorização ao ser humano. Por tudo isso, achamos que chegou a hora de participarmos da feira através do CHIAT”, afirmou o presidente da FHORESP e ABRESI, Nelson de Abreu Pinto. A W&L Publicidade vem cuidando do visual gráfico e divulgação publicitária da FACIRA 2006, recebendo elogios pelo seu trabalho O 19º Congresso Internacional de Gastronomia, Hospitalidade e Turismo (CIHAT) terá a participação de cerca de 10 países, com as presenças confirmadas da Argentina, Bolívia, Peru e Equador. Serão dois dias de palestras sobre turismo ecológico e rural, agronegócio, ética e responsabilidade civil e social, além de gastronomia. ? Este anúncio teve o custo de R$ 750,00. Coordenadoria de Comunicação Social COMMÉRCIO & INDÚSTRIA JUNHO/2006 7 COMMÉRCIO & INDÚSTRIA JUNHO/2006 7

[close]

p. 8

HOMENAGEM NELSON DE ABREU PINTO GANHAMOS UM IRMÃO, A CIDADE, UM NOVO FILHO Num encontro emocionante em São Paulo, preparado pelo presidente do SinHoRes, José Carlos Pascoal Cardozo, o presidente da FHORESP, recebeu cópia do projeto da Câmara Municipal que o torna “Cidadão Araraquarense”. Durante a FACIRA/2006, em agosto, o empresário Nelson de Abreu Pinto, natural da cidade de São Paulo, presidente da FHORESP e ABRESI, receberá o título de “Cidadão Araraquarense”, outorgado por unanimidade pela Câmara Municipal. O projeto, de autoria do vereador Carlos Alberto Manço, foi entregue na segunda quinzena de maio na capital, por ocasião do lançamento da FACIRA, na FHORESP - Federação de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de São Paulo e depois no Sebrae. Mesa principal no encontro realizado em São Paulo O novo filho araraquarense é para oficializar o convite a Nelson de Abreu Pinto advogado e administrador de empresas e possui empreendimentos no gresso Internacional de Gastronomia em setor de hotelaria e gastronomia, um agosto, por ocasião da FACIRA. O homenageado, presidente da Asdeles o Restaurante Villa Távola, no tradicional bairro do Bexiga. Nelson, sociação Brasileira de Gastronomia, que passou a ter uma aproximação mui- Hospitalidade e Turismo (ABRESI), por to forte com Araraquara nos últimos 5 vocação adquirida com seus pais, semanos, logo após a posse do empresá- pre atuou no segmento de gastronomia e rio José Carlos Pascoal Cardozo na pre- turismo. Nelson também está à frente da sidência do SinHoRes, tem colaborado Confederação Nacional de Turismo de forma decisiva na expansão da área de (CNTur) e Confederação Americana dos hotelaria e gastronomia local. Um dos Organismos Empresariais Turísticos seus mais recentes presentes para nossa (CONFAMETUR). cidade é a realização do CIHAT - Con- Nelson de Abreu Pinto, na sede da FHORESP na capital, não escondeu a emoção em se tornar “Cidadão Araraquarense”, numa das mais justas homenagens a quem tem trabalhado com tanto entusiasmo por uma categoria e também por nossa cidade. Apoiado por empresários do segmento de turismo e gastronomia, traz o CIHAT para Araraquara em agosto José Carlos, presidente do SinHoRes, responsável pela vinda do congresso Napeloso, Joel Aranha, Valter Merlos e Cardozo com o novo filho que a cidade está merecidamente homenageando 8 JUNHO/2006 COMMÉRCIO & INDÚSTRIA Elias Chediek Neto fez a leitura do projeto que confere o título a Nelson de Abreu Pinto Luiz Figueira de Quental destacou o brilhante trabalho de Nelson, beneficiando a categoria Paulo Sérgio Sgobbi falou em nome de Edinho Silva, na reunião da FHORESP

[close]

p. 9

Construtora Massafera inova condições de financiamento habitacional A parceria Construtora Massafera e Santander Banespa irá proporcionar planos inéditos na área habitacional. O financiamento para o Edifício Piazza Del Carmo com prazo de até 20 anos de pagamento, possui dois sistemas: SuperCasa 20 e SuperCasa Própria. São duas grandes opções onde é feita a escolha pelo comprador em forma de prestações fixas sem reajuste ou outro sistema opcional com devolução de 20% de todas as parcelas pagas com juros e correção no final dos 20 anos e sorteio de 20 mil reais mensais. Essas novidades no mercado nacional trazem uma tendência interna para o mercado imobiliário, acreditando na economia estável do país e isso leva benefícios aos clientes. Pagamento combinando com Tenente Feminino Rosemeire Vitonto DESTAQUE O Engenheiro Luiz Antonio Massafera assinando o contrato de Financiamento do Edifício Piazza Del Carmo com o banco Santander Banespa ao lado do engenheiro Roberto Massafera e Rubens Calegari ACIA CUMPRIMENTA O POLICIAL FEMININO No dia 12 de maio, data em que se comemorou o Dia do Policial Feminino, o presidente da ACIA, Valter Merlos, enviou ofício a Tenente Feminino, Rosemeire Aparecida Vitonto, homenageada pela Polícia Militar. No documento, Merlos salienta que a ACIA sente-se orgulhosa em cumprimentá-la, e por extensão, a todas as mulheres que integram as fileiras da gloriosa Polícia Militar. Sabemos, disse ele, que a mulher conquistou espaço dentro da instituição por méritos próprios, estando hoje integrada a todas as atividades militares seu bolso, essa é a proposta do Santander Banespa. E a mistura de Itália e Brasil, o edifício Piazza Del Carmo, está ao alcance saindo dos sonhos para a realidade. Toda infra-estrutura e a melhor localização da cidade, agora também com financiamento exclusivo, Piazza Del Carmo. Agora é se valer dessa proposta. COMMÉRCIO & INDÚSTRIA JUNHO/2006 9

[close]

p. 10

MERCADO F loricultura Marco Gemelli, consultor de cooperativas que congregam produtores de vinho BUSCANDO NEGÓCIOS Empresários araraquarenses interessados em manter relações comerciais com o mercado empresarial da Úmbria participaram de workshop na ACIA, durante dois dias, vislumbrando a possibilidade de bons negócios em 2007. Grande Variedade de Cestas, Cafés, Frutas, Queijos, Vinhos Cestas Light e Cestas Maternidade Taças e Vinhos Personalizados Sugestões para seu Marido ou Namorado Antecipe sua reserva Com a finalidade de dar continuidade aos projetos do acordo de cooperação tecnológica e empresarial entre Brasil e Itália, representantes do comitê gestor italiano estiveram em Araraquara no período de 21 a 25 de maio. Os italianos Marina Cecília Sereni, Mauro Marine, Andréa Manuelli, Maria Laura Mattoli, Marco Gemelli, Lionello Punzo e Alberta Nicolini, vieram da região de Úmbria e foram recebidos por Osvaldo Zaniolo, diretor da ACIA. Os empresários participaram de workshop no auditório da ACIA, para discutir assuntos de interesse dos dois países. Foram apresentados alguns projetos como a criação de um centro de serviços para micro e pequenas empresas em forma de consórcio. A idéia é transferir tecnologia e cooperação empresarial da Itália para o Brasil, com programas direcionados às pequenas empresas. Esse acordo de cooperação entre Airton Bertochi, Osvaldo Zaniolo e Sérgio Sgobbi, durante as palestras Brasil e Itália beneficia diretamente a região de Araraquara e São Carlos. As negociações entre os governos brasileiro e italiano começaram em 2004, segundo Osvaldo Zaniolo, da ACIA. O comitê gestor local é formado pelas cidades de Araraquara, São Carlos, Ibaté, Ribeirão Bonito e Gavião Peixoto. No dia dos Namorados um gesto valerá mais que mil palavras... ADCE EMBRAER BUSCA PARCEIROS EM CONVÊNIOS A Associação Desportiva Classista Embraer, com três anos de atividades e contando com 300 associados, funcionários da Embraer, quer estabelecer parcerias com empresas de Araraquara, associadas da ACIA, tendo como objetivo formar um guia de convênios que servirá de referência para os seus empregados. A proposta de convênio visa conceder descontos e formas de pagamentos diferenciados aos associados. As empresas interessadas devem entrar em contato com a secretaria da ACIA para melhores informações (3322-3633). Disk Flores 3322 7700 / 3322 5998 TEXTIL ABRIL CONHEÇA AS NOVIDADES OUTONO-INVERNO O shopping com preço de fábrica Rua 9 de Julho, 955 (entrada também pela São Bento) 10 JUNHO/2006 COMMÉRCIO & INDÚSTRIA

[close]

p. 11

Presidente do SINCOMÉRCIO de Araraquara acompanhará negociações salariais e mudanças na estrutura sindical do País; para tanto, começa a definir equipes que atuarão em duas frentes, uma delas para equacionar divergências trabalhistas. DESAFIO Ivo Dall‘Acqua Júnior com a ministra do Supremo Tribunal Federal Ellen Gracie e o prof. Damásio Evangelista de Jesus, um dos mais respeitados especialistas em Direito Penal IVO DALL’ACQUA ASSUME CONSELHO DE RELAÇÕES TRABALHISTAS NA FECOMÉRCIO Desde o dia 10 de maio, o Conselho de Relações Trabalhistas da Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomércio), tem como presidente Ivo Dall’Acqua Júnior, presidente do SINCOMÉRCIO (Sindicato do Comércio Varejista de Araraquara). O Conselho é responsável pelas negociações trabalhistas de todo o setor terciário – atacadistas, varejistas, comércio armazenador, saúde, serviços e turismo e hospitalidade – visando ao equilíbrio das relações entre as categorias econômicas e trabalho no setor profissional. Dall’Acqua assume o cargo com grandes desafios já nesse semestre: representar a entidade nas discussões sobre a reforma sindical, já em andamento no Governo Federal, além de estabelecer uma melhor harmonia entre as necessidades da população e informação dos legisladores. “Há questões como a proposta do Governo de uma nova organização sindical e também a criação do Conselho Nacional das Relações do Trabalho que precisam de muita atenção do setor”, comenta. Para enfrentar as questões, o dirigente ainda está montando equipes para atuar em duas frentes. “Uma delas será negocial, visando equacionar divergências trabalhistas; outra será institucional, com o objetivo de sensibilizar a classe política para alguns pontos dessas reformas”, informa. INTERIOR TEM MAIS FORÇA A escolha de um sindicalista para assumir as relações trabalhistas da Fecomércio é uma reivindicação antiga do interior do Estado. “É sabido que os empresários do interior vivem realidades econômicas díspares, o que exige mais flexibilidade no momento das negociações trabalhistas”, explica Dall’Acqua. No interior, o Conselho de Relações Trabalhistas vai atuar em cinco regionais espalhadas pelo Estado. “A partir de julho já começo a freqüentar as reuniões em cada região do interior. Com isso, esperamos dar um melhor suporte aos sindicatos regionais em suas negociações”, conclui Ivo Dall’Acqua Júnior. Na cidade a indicação do seu nome para essa missão foi recebida com muito orgulho. COMMÉRCIO & INDÚSTRIA JUNHO/2006 11 Ivo Dall’Acqua, Abram Szajman (Presidente da Federação do Comércio) e Paulo Lucania (Presidente da Federação dos Empregados no Comércio do Estado de São Paulo)

[close]

p. 12

INAUGURAÇÃO BENEFICÊNCIA PO NOSSO Modernidade da entrada do Centro de Diagnósticos criada pelo arquiteto Washington Rosa Ambiente que transmite humanização Num dos momentos mais importantes dos seus 91 anos de atividades, a Beneficência Portuguesa de Araraquara entregou à comunidade o Centro de Diagnósticos “Amélia Bernardini Cutrale”, na noite de 13 de maio. A solenidade de inauguração reuniu autoridades, médicos e convidados, recepcionados pelo presidente da instituição, Fábio Donato Gomes Santiago e companheiros de diretoria. O novo centro é um dos mais modernos do interior, equipado com tecnologia de última geração, nas áreas cardiológica e vascular projetando um futuro mais humanizado para a medicina. Para compor o cerimonial foram convidados o presidente Fábio Donato Gomes Santiago e a esposa Cristina, o empresário José Luis Cutrale e a esposa Rosana, o prefeito Edinho Silva, o presidente da Câmara de Vereadores Ronaldo Napeloso, os artistas plásticos Marcelo Miura e Euzânia Andrade e a funcionária Maria de Lourdes Ramos, representando todas as mães do hospital Beneficência Portuguesa. Rosana e José Luis Cutrale recepcionados pelo casal Cristina-Fábio Santiago A SOLENIDADE A abertura das festividades foi feita com a apresentação do Coral Araraquarense sob a regência do maestro Moacir Carlos Júnior, especialmente convidado para oferecer maior brilho ao acontecimento. Em seguida, a cantora lírica Cléia Andrade interpretou a AveMaria em homenagem a Nossa Senhora de Fátima, padroeira da entidade, num dos momentos mais emocionantes do evento. Depois foi exibido um vídeo institucional contando a história do hos-pital desde sua inauguração em 1930 até a atualidade, com a entrega do Centro de Diagnósticos “Amélia Bernardini Cu-trale”. O padre Bento foi o responsável pela benção das instalações, ocorrendo logo após o descerramento das placas alusivas à inauguração do novo Centro de Diagnósticos pelo Presidente Fábio Santiago, sua esposa Cristina, e o empresário José Luis Cutrale com a esposa Rosana. Na ocasião, o artista plástico Marcelo Miura entregou um quadro da homenageada Amélia Bernardini Cutrale. Apresentação do Coral Araraquarense nas escadarias do hospital Ex-prefeitos Roberto Massafera e Waldemar De Santi no evento 12 JUNHO/2006 COMMÉRCIO & INDÚSTRIA Ivo Dall’Acqua Júnior, Osvaldo Zaniolo e Valter Merlos prestigiando a inauguração Maria do Carmo, Maria Antonia e Dóris com o casal Cutrale no restaurante do hospital Estamos te esperando nas melhores estradas do Brasil

[close]

p. 13

RTUGUESA DE ARARAQUARA ORGULHO Aparelhos digitais no atendimento Sala de Hemodinâmica ETERNAS LEMBRANÇAS Com a esposa Cristina e a filha Gláucia, o presidente Fábio Santiago descerrou placa em que descreve uma luta de 11 anos e que marca sua passagem pela administração e expansão do hospital. Acesso às unidades integradas do Centro de Diagnósticos TEXTO DA PLACA Quando incumbido de dirigir a Beneficência Portuguesa,11 anos atrás, era minha missão viabilizar soluções para o desenvolvimento do setor hospitalar e de plano de saúde em Araraquara por meio de geração, adaptação e transferência de conhecimento e novas tecnologias, visando trazer novos benefícios para os usuários do Plano de Saúde Benemed e a sociedade de uma forma geral. Minha visão era ser uma empresa referência na região central e em todo o Brasil, reconhecida pela excelência em serviços hospitalares; capacidade de catalisar e viabilizar novos parceiros e novos negócios; capacidade de oferecer diferencial para o mercado e para a sociedade; estrutura moderna, voltada para a atividade-fim. Mesmo sabendo que seria uma dura caminhada, assim mesmo consegui tornar realidade tudo o que imaginava, fazendo dela, com sublime e prosaico realismo, os desejos que enriquecem as vidas dos homens devotados ao bem fazer em prol do seu semelhante. Sei o quanto é difícil para o ser comum seguir o exemplo do navegador Cristóvão Colombo, contado a partir de 1.492, mesmo com toda fé e todo sacrifício, porém, para chegar até aqui, fui buscar a força e a inspiração na essência do pensamento que o imortalizou: “A VIDA TEM MAIS IMAGINAÇÃO DO QUE TEMOS EM SONHOS” Carlos Otero (diretor de Relações Trabalhistas da Cutrale), Rosana Cutrale, Wanderliza Bernardo, José Luis Cutrale e Fábio Santiago, enaltecem o trabalho de Marcelo Miura que pintou em quadro o retrato de Amélia Bernardini Cutrale O prefeito Edinho Silva e o empresário José Luis Cutrale recebidos pelo doutor David Chakur Brum na Hemodinâmica COMMÉRCIO & INDÚSTRIA JUNHO/2006 13 COMMÉRCIO & INDÚSTRIA JUNHO/2006 13

[close]

p. 14

REPORTAGEM DE CAPA ACIA E SINCOMÉRCIO REALIZAM UMA GRANDE PROMOÇÃO Ao comprar no comércio local até 15 de julho, o consumidor terá direito a um cupom para concorrer aos prêmios oferecidos pela ACIA e SINCOMÉRCIO: um carro zero quilômetro ou aparelhos de DVD. Em comemoração ao “Dia do Consumidor”, 15 de julho, a ACIA (Associação Comercial e Industrial de Araraquara) e o SINCOMÉRCIO (Sindicato do Comércio Varejista de Araraquara), contando com apoio do SinHoRes (Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Araraquara e Região), CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas de Araraquara) e Sincopetro (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do Estado de São Paulo) realizam uma mega promoção para o consumidor de Araraquara e Região. A campanha que tem como tema o slogan “Nesta Copa Faça um Gol Comprando no Comércio de Araraquara”, criada e desenvolvida pela agência W & L Publicidade. A promoção terá como prêmio principal um automóvel GOL 0Km, sendo ainda sorteados 20 aparelhos de DVD. Essa é uma das maiores promoções realizadas nos últimos anos e tem como oportunidade o período da Copa do Mundo de Futebol. Araraquara é um pólo regional, possuindo muitas indústrias, segmento de serviços muito ativo e um comércio forte, com tudo que a população necessita. O consumidor deve exigir na sua compra o cupom, só assim poderá marcar e concorrer a todos os prêmios da promoção. O encerramento da campanha, quando acontecerá o sorteio, será na Praça da Santa Cruz no dia 15 de julho e contará com shows de cantores populares a partir das 13 horas. Visite o Comércio de Araraquara e concorra aos melhores prêmios, mas exija seu cupom. 14 JUNHO/2006 COMMÉRCIO & INDÚSTRIA Lineu Carlos de Assis (W & L), Valter Merlos (ACIA), Neusa Guaglianoni (W & L), Ivo Dall’Acqua Jr (SINCOMÉRCIO) e Adalberto Dudalski (W & L) alter Merpresidente los, presido Sindicadente da to do ComérACIA, diz que a cio Varejista de p r o m o ç ã o Araraquara, Ivo também faz parte Dall’Acqua, endas comemoratusiasmado com ções do Dia do o lançamento da Comerciante: “É campanha e conuma data significativa não apenas para victo do seu sucesso, afirma que a a nossa associação e ao SINCOMÉR- realização da Copa do Mundo contribui CIO, mas para a própria comunidade, de forma plenamente favorável para que diante do importante papel o comércio esteja engajado que o comerciante representa Exigir o cupom no projeto, visando ampliar para o município”. Merlos nas compras as vendas. Situações como lembra que o comerciante é a durante o essa devem ser aproveitamola propulsora do mundo, período da das, lembra o dirigente, que pois não adianta nada a campanha é um tem buscado parcerias com a indústria produzir e depois dever do ACIA para criar estratégias consumidor não vender. de vendas. “A cidade só vai A promoção serve para para concorrer bem, quando o seu comércio aquecer o comércio na me- aos prêmios também caminha bem, o que tade do ano e ao consumidor é tem nos motivado a estarmos dada a oportunidade de adquirir pro- juntos com a Associação Comercial em dutos de qualidade num comércio forte e datas assim”, comenta Ivo Dall’Acqua, ao mesmo tempo ter a chance de ganhar certo de que as promoções estimulam o um carro GOL 0 KM ou DVDs, comple- comerciante a se aplicar para aprimorar tou o presidente da ACIA, no lança- o seu trabalho no atendimento aos seus mento da campanha. clientes. v O

[close]

p. 15

FOTO MERAMENTE ILUSTRATIVA Apoio CERTIFICADO DE AUTORIZAÇÃO DA CAIXA FEDERAL SOB N° 6-0291/2006

[close]

Comments

no comments yet