A Cigarra e as Formiguinhas

Embed or link this publication

Description

História adaptada por Ana Paula

Popular Pages


p. 1

Ana Paula

[close]

p. 2

Quando criança na faixa de uns 5 anos eu tive uma professora que chamava-se Glorinha foi quem me ensinou as primeiras letras. Ela era muito gentil colocava-nos ao seu redor e nos relata lindas histórias. Uma das histórias que ela contava era sobre uma cigarra, me lembro como se fosse ontem, me reporto no tempo no qual o relato começava assim: 1

[close]

p. 3

Era uma vez uma linda cigarra vaidosa que só ela e tão preguiçosa que na vida só queria cantar, comer e viver. Enquanto vivia a aproveitar a vida, ficava a observar as formiguinhas que passavam em fileiras a carregar os alimentos para estocar e ela em sua boa vida ficava a falar: - Formiguinhas, formiguinhas deixem disso e venham aproveitar! As formigas respondiam: - Cigarra o inverno está a chegar e os alimentos para enfrenta-lo devemos estocar. 2

[close]

p. 4

A cigarra ficava aborrecida com a resposta, mas como não queria perder o seu tempo com trabalho, deixou as formiguinhas de lado e voltou a cantarolar. De repente o tempo mudou, uma grande tempestade chegou e as formiguinhas em fileira o seu caminho tomaram. A cigarra começou a tremer, tremer, tremer... Não tinha com que se agasalhar e nem o que comer e lembrou-se: 3

[close]

p. 5

- Hum!!! As formiguinhas tem estoque suficiente para me alimentar e folhas secas para me agasalhar... Então lá foi ela a porta das formiguinhas a chamar: -Formiguinhas, formiguinhas, por favor, venham me ajudar! - Não senhora cigarra, desculpe, mas não dá! nos 4

[close]

p. 6

A cigarra muito triste deu meia volta e sua jornada voltou a trilhar. Conseguiu a duras penas o inverno passar, mas a lição de que o trabalho é importante ela passou a internalizar. Em nossa jornada devemos lutar e perseverar naquilo que queremos e não devemos apenas esperar como se as coisas caíssem do céu. 5

[close]

p. 7

CRÉDITOS DE QUEM OUVIR A HISTÓRIA Professora Glorinha ADAPTAÇÃO Ana Paula 9

[close]

Comments

no comments yet