Jornal Sindsaudeprev - número 14 - Agosto de 2013

 

Embed or link this publication

Description

Jornal Sindsaudeprev - número 14 - Agosto de 2013

Popular Pages


p. 1

impresso filiado À fenasps ano 02 nº 14 junho/julho agosto 2013 informativo do sindicato dos trabalhadores e trabalhadoras federais estaduais e municipais da saúde trabalho previdência e assistência social no estado do espírito santo sindsaudeprev-es sindsaudeprev-es participa da ocupação que reivindica 30 horas para todos fenasps ocupa prédio do inss n o dia 5 de agosto a fenasps e seus sindicatos filiados entre eles o sindsaudeprev-es realizaram um dia de intensa mobilização em brasília o ato começou pela manhã no edifício-sede do inss em brasília o objetivo era pressionar a direção do instituto para se reunir e discutir as reivindicações dos trabalhadores e trabalhadoras a princípio apenas cinco representantes dos trabalhadores foram recebidos pelo inss dois da fenasps e três das agências da previdência social aps cruzeiro e pimentas de taubaté-sp e guarulhos-sp respectivamente essas aps perderam o direito de funcionar no turno estendido e por isso paralisaram as atividades ocupaÇÃo do edifÍcio do inss fenasps ocupação foi essencial para reunião acontecer com a demora do inss em realizar a reunião com a federação e os sindicatos os trabalhadores ocuparam o hall de entrada do edifício quem chegava para trabalhar era convocado para entrar na luta em seguida a reunião teve início com representantes dos trabalhadores das aps em greve e contou com a participação do diretor de gestão de pessoas do inss do procurador-geral entre outras assessorias os representantes do inss ouviram os problemas apresentados pelos trabalhadores das aps paralisadas e se comprometeram a buscar soluções para as condições de trabalho e o turno estendido em relação às outras aps e agências de demandas judiciais adj que perderam o turno estendido em nível nacional o inss fará uma audiência ainda em agosto para tratar do assunto o inss confirmou também uma reunião para o dia 14 de agosto onde será apresentado o modelo do plano de ação e planejamento do instituto ministério da saúde no dia 05 em brasília os trabalhadores também se concentraram em frente ao ministério da saúde por conta da manifestação foi realizada uma reunião no dia seguinte nessa reunião ficou acordado que vamos instalar um grupo de trabalho gt para discutir nossas reivindicações agendamos para o dia 13 de agosto a primeira reunião do gt onde serão remetidas para a mesa setorial do sus todas as problemáticas como cessão de servidores ponto eletrônico jornada de trabalho e os demais pontos frisou a diretora da fenasps lídia de jesus mte também foi escolhida uma comissão da fenasps para ir ao ministério do trabalho e emprego mte para reiterar o pedido de audiência para tratar das reivindicações dos trabalhadores na pauta a necessidade de realização de concurso público para o mte e a retomada da discussão sobre o plano de carreiras categoria mostra sua indignação com o governo do es página 3 confira a luta do sindicato em favor dos acs e ace página 4 sindsaudeprev cobra direitos sociais em protestos encarte

[close]

p. 2

2 jurídico insalubridade governo para de pagar e sindsaudeprev entra na justiça atenção trabalhadores cuidado com os golpes e propostas milagrosas os trabalhadores da base do sindsaudeprev têm recebido correspondências em suas casas com propostas de advogados para entrarem com ações na justiça alguns chegam a garantir a vitória na ação o sindicato alerta tome muito cuidado com isso na maioria dos casos os serviços oferecidos já são prestados pelo sindsaudeprev e muitos trabalhadores já têm ações iguais às que são propostas É importante saber que a duplicidade de processos na justiça pode acarretar o pagamentos de custas processuais portanto fique atento e ao receber qualquer correspondência ou proposta estranha entre em contato com o sindsaudeprev a quem está no subsídio não recebe mais o direito e o sindicato luta contra isso ofício dizendo que está em fase de análise para definir os graus de insalubridade de cada local mas isso é enrolação quando apresentaram para o sindicato o subsídio prometeram que os trabalhadores teriam a insalubridade mas estamos há mais de um ano sem receber esse direito que é nosso por isso a insalubridade também é reivindicada nas paralisações pipoca da saúde destacou a coordenadora do sindsaudeprev margarida nascimento acompanhe o site do sindsaudeprev para mais informações sobre esta ação impetrada pelo setor jurídico do sindicato ntes do subsídio os trabalhadores da saúde não tinham e continuam sem ter um plano de carreiras adequado no entanto eles recebiam a insalubridade que é um direito do trabalhador que atua em áreas insalubres mas adivinha o que o governo fez parou de pagar a insalubridade a quem optou pelo subsídio diante desse ataque o sindsaudeprev vai entrar com ação na justiça para garantir que esse direito volte a ser pago aos trabalhadores a secretaria estadual de gestão e recursos humanos seger encaminhou sindsaudeprev restabelece pensão os governos não perdoam veja só que o governo federal fez em junho o governo tirou a pensão de uma menina de 17 anos com paralisia cerebral isso mesmo a menina recebia a pensão deixada pela avó mas o benefício foi cancelado pelo ministério do trabalho ao tomar conhecimento do caso o sindsaudeprev entrou com uma ação na justiça e conseguiu restabelecer dentro do mesmo mês de junho o pagamento da pensão a avó da beneficiada era servidora da ex-drt É importante ressaltar que a pensão deixada por ela é a única fonte de renda de uma família de quatro pessoas da mãe viúva da menina com paralisia cerebral e de dois irmãos menores de idade a ação rápida do sindicato evitou que a família virasse o mês sem o recebimento do benefício notas rápidas aposentado no dia 9 de agosto o sindsaudeprev realizou o vi encontro estadual dos aposentados e pensionistas da base do sindicato o evento teve discussão de temas de interesse dos aposentados e pensionistas como previdência geap subsídio dos aposentados aids na 3ª idade etc houve ainda a eleição de delegados e delegadas para o encontro nacional em brasília de 28 a 30 de agosto mais informações www.sindsaudeprev-es.org.br no dia 5 de agosto foi entregue à câmara dos deputados o projeto de lei pl que prevê o repasse de 10 da receita corrente bruta da união para a saúde de iniciativa popular o pl recebeu quase 1,9 milhão de assinaturas sendo 19 mil do es o movimento saúde 10 vai agora cobrar que o congresso aprove o pl o sindsaudeprev esteve em brasília no dia 05 e também participa dessa luta saúde 10 atenção a diretoria do sindsaudeprev informa que o centro social em bicanga na serra não funcionará durante a baixa temporada para a contenção de despesas e para a realização de algumas reformas o espaço será reaberto em novembro de 2013 filie-se trabalhador e trabalhadora federal estadual e municipal em saúde trabalho e previdência no estado filie-se ao sindsaudeprev informativo do sindicato dos trabalhadores e trabalhadoras federais estaduais e municipais da saúde trabalho previdência e assistência social no estado do espírito santo sindsaudeprev-es edição nº 14 ano 02 novo endereÇo rua barão de monjardim número 190 centro ­ vitória es cep 29.010-390 telefones 27 2121 2600 e 27 3024 5900 unificados somos mais fortes a divisão só favorece ao patrão www.sindsaudeprev-es.org.br o conteúdo dos textos publicados neste informativo é de inteira responsabilidade da diretoria executiva do sindsaudeprev e os artigos assinados responsabilidade dos seus autores.

[close]

p. 3

3 categoria realiza paralisações `pipoca para cobrar o pagamento da insalubridade e repostas sobre o subsídio insatisfação é grande com o governo enrolador que não garante os direitos dos trabalhadores sindsaudeprev-es e m 25 de julho os trabalhadores e as trabalhadoras do hospital dório silva o nosso dório iniciaram a série de paralisações `pipoca da categoria da saúde em seguida os trabalhadores do hospital infantil e do são lucas em vitória do silvio avidos e do cre em colatina do joão santos neves em baixo guandu do crefes em vila velha do heac antigo adauto botelho em cariacica e também no hospital dra rita de cássia em barra de são francisco aderiram às paralisações tudo isso para mostrar a total insatisfação da categoria com as políticas de enrolação do governo casagrande a discriminação da modalidade salarial que o governo ofereceu à saúde a falta de condições de trabalho o assédio moral a avaliação de desempenho bem como o não pagamento da insalubridade foram os principais motivos que levaram a assembleia geral do sindsaudeprev de 18 de junho trabalhadores mostram a força da categoria no dório silva no joão santos neves e em outros hospitais do estado de 2013 a deflagrar estado de greve manifestações e paralisações de atividades a partir dali o sindicato informou ao governo e os trabalhadores foram às ruas de vitória no dia 04 de julho e agora estão fazendo as paralisações em todo o estado para lutar por seus direitos e por uma saúde 100 pública para toda a população opção da saúde suicídio ou forca o sindsaudeprev realizou um protesto na secretaria estadual de saúde sesa em vitória durante a entrega de ambulâncias pelo governo do estado realizada no dia 23 de julho de 2013 na ocasião a coordenadora do sindsaudeprev eliane mauro olhou nos olhos do governador casagrande e protestou o subsídio é um suicídio para o trabalhador governador diante do protesto casagrande questionou mas não é opcional para a direção colegiada do sindicato o questionamento do governador indica que o subsídio não é a melhor opção como dizia a secretaria de gestão e recursos humanos seger quando apresentou a proposta para a categoria em 2012 ficamos entre a forca que é aquele vencimento que sempre tivemos sem ter plano de carreiras nenhum e com um tíquete-alimentação congelado há quase 20 anos ou podemos optar pelo subsídio que parece de fato um suicídio para o trabalhador informa a diretoria colegiada É muito descaso com a categoria que ajuda a fazer a saúde no estado já que nem o governador defende a política salarial de seu governo sérgio cardoso

[close]

p. 4

4 acs e ace ace e acs da serra caso prefeitura não avance nas negociações categoria pode paralisar as atividades e prefeito pode evitar greve em setembro saudeprev domingos frança ele revelou que os agentes já estão trabalhando de forma diferenciada os ace e acs estão fazendo suas atividades em operação padrão realizando atendimentos de forma detalhada sem ceder a pressão das chefias conforme decisão da assembleia que fizemos em junho na câmara aliás se o número de agentes fosse suficiente para o atender o povo essa deveria ser a forma de se trabalhar todos os dias a operação padrão é para pressionar o governo e mostrar à população a realidade dos ace e acs frisou a categoria reivindica o piso nacional sindsaudeprev-es stá nas mãos do prefeito da serra audifax barcelos decidir se a população serrana terá prejuízo nos serviços de atenção básica à saúde e no combate a endemias como a dengue ou não É que os ace e acs poderão deflagrar greve no município a partir de setembro caso a prefeitura não atenda às reivindicações da categoria que vêm sendo discutidas há mais de três meses o executivo ficou de nos receber em setembro se nesta reunião o município continuar a enrolar e não avançar nas negociações os ace e acs poderão deflagrar uma greve por tempo indeterminado alertou o coordenador do sind trabalhadores aprovam operação padrão em assembleia realizada em junho de r 950 reajuste no tíquete-alimentação revisão da insalubridade e melhores condições de trabalho são mateus após greve acs e ace sofrem assédio após mais de 50 dias de greve os acs e ace de são mateus norte do estado decidiram suspender o movimento no dia 02 de julho de 2013 a categoria aceitou sair da greve em negociação na justiça do trabalho onde ficou acordado que a prefeitura municipal atenderia uma série de reivindicações em vez de cumprir acordo o que se viu foi ataque aos trabalhadores até o momento não aconteceu nada em benefício da categoria mas sim um ato que repudiamos que é o assédio moral praticado pela administração de são mateus no dia 05 de agosto essa administração veio com ameaça de demissão sindsaudeprev-es assembleia em maio deflagrou entrada no movimento paredista onde seriam demitidos os representantes da categoria na comissão de negociação não vamos aceitar esse absurdo frisou a coordenadora da regional norte ii do sindsaudeprev geiza pinheiro acordo segundo geiza na negociação na justiça do trabalho a prefeitura se comprometeu em fornecer os uniformes dos acs e ace em devolver os descontos efetuados no período da greve e em retomar as negociações salariais junto ao sindicato nós do sindsaudeprev e da comissão de acs e ace demos um prazo de 60 dias até agora a prefeitura assediou os trabalhadores e não apresentou nada a categoria está indignada e fez uma greve forte todos têm disposição para voltar para greve na luta pelo que é de direito dos trabalhadores garantiu geiza alô prefeito estamos de olho mais negociações de acs e ace pedro canÁrio ­ a partir de agosto a categoria vai receber r 950 de salário já que foi negociado o repasse do governo federal e mais a insalubridade joÃo neiva incorporação da gratificação de r 200 mais r 72 de acréscimo no salário atual ficando em r 950 e tíquete-alimentação de r 150 montanha sindicato está cobrando da secretaria de saúde o fechamento do acordo coletivo de trabalho que vai garantir salário de r 792 mais insalubridade incentivo uniformes dentre outros pontos negociados pancas acs e ace vão receber aumento de 8,26 em seus salários a partir de agosto e a lei federal 11.350/2006 vale no município garantindo o emprego público aos agentes vila velha ­ acs e ace estão fazendo operação padrão para pressionar prefeitura a atender as reivindicações Águia branca o sindsaudeprev agora também representa os acs de Águia branca no noroeste do estado sejam bem vindos trabalhadores e trabalhadoras luta em brasÍlia entre os dias 12 e 15 de agosto o sindsaudeprev-es junto a vários trabalhadores acs e ace esteve em brasília na 2ª vigília nacional do piso salarial da categoria não abrimos mão dessa reivindicação até ela virar conquista saiba mais em www.sindsaudprev-es.org.br.

[close]

p. 5

encarte especial luta unificada base do sindsaudeprev vai às ruas e mostra sua força e reivindicações como mais investimentos para a saúde pública valorização das aposentadorias e redução da jornada de trabalho marcaram os atos sindsaudeprev-es m junho de 2013 diversas manifestações sacudiram o brasil muitas pessoas disseram que o país acordou no entanto a verdade é que a classe trabalhadora que sempre lutou por direitos no brasil nunca dormiu em sua constante luta É o caso da base do sindsaudeprev e da fenasps esses trabalhadores mostraram mais uma vez sua força nos dias 04 e 11 de julho em dois protestos realizados em vitória no dia 4 de julho centenas de trabalhadores federais estaduais e municipais da base do sindsaudeprev saíram às ruas de vitória em defesa dos direitos da classe trabalhadora dos serviços públicos de qualidade e contra a privatização do sus portas fechadas trabalhadores se unem e cobram direitos da categoria e protestam contra os desmandos dos governos dilma/casagrande o ato saiu de frente da secretaria estadual de saúde sesa em bento ferreira ao chegar à agência do inss os trabalhadores tentaram panfletar nas dependências do instituto mas foram impedidos o inss fechou as portas para os trabalhadores queremos mostrar aos usuários e aos colegas que estão lá trabalhando os motivos do nosso protesto mas essa diretoria impede a nossa entrada repudiamos essa diretoria criticou a coordenadora do sindsaudeprev marli brígida abraÇo blica a categoria promoveu um abraço simbólico ao hospital que é mais uma unidade vítima da política de privatização do governo casagrande repudiamos o que o governo está fazendo com são lucas que será administrado por uma fundação o hospital não vai continuar 100 sus por conta dessa política de privatização somos totalmente contra destacou a coordenadora do sindsaudeprev luceni de novaes respeito aos acs e ace o protesto seguiu em direção ao hospital são lucas em defesa da saúde pú os trabalhadores seguiram em direção ao centro rumo ao palácio anchieta no trajeto o coordenador domingos frança destacou a importância dos agentes comunitários de saúde acs e dos agentes de combate às endemias ace os acs e ace estão nessa luta eles são de imensa importância para a saúde básica e para o combate à dengue mas muitas prefeituras não tratam esses trabalhadores com dignidade cobrou o coordenador em frente ao palácio anchieta a pauta dos trabalhadores da saúde estadual foi o foco da cobrança temos que dar um basta nessa enrolação do governo casagrande que não responde as questões sobre o subsídio e não define os níveis da insalubridade os trabalhadores estão atuando em área insalubre sem receber por isso basta alertou o coordenador do sindsaudprev willian aguair a manifestação teve a participação de outros sindicatos e grande cobertura da imprensa capixaba sindsaudeprev marca presença na greve geral 11 de julho de 2013 entrou para a história como o dia em que as centrais sindicais se uniram numa greve geral nacional foi o dia de luta que parou a grande vitória onde mais de 700 mil pessoas não trabalharam o sindsaudeprev marcou presença no ato que reivindicou redução da jornada de trabalho fim do fator previdenciário valorização das aposentadorias mais investimentos para a saúde e educação etc a pauta foi entregue ao governador casagrande no palácio anchieta dia de luta momento histórico com participação do sindicato sindsaudeprev-es

[close]

p. 6

encarte especial categoria aprova as contas do sindsaudeprev confira o balanço financeiro referente às contas de 2012 do sindicato em assembleia geral realizada no dia 18 de junho a categoria aprovou as contas do sindsaudeprev referente ao exercício do ano de 2012 a assembleia foi realizada no alice vitória hotel no centro de vitória as contas do sindicato já haviam sido aprovadas pelo conselho fiscal do sindsaudeprev antes de serem referendadas pela categoria confira abaixo o balanço financeiro sindicato dos trabalhadores e trabalhadoras federais estaduais e municipais da saÚde trabalho previdÊncia e assistencia social no estado do es sindsaudeprev/es balanÇo patrimonial em 31 de dezembro ativo ativo circulante disponÍvel caixa bancos c/movimento aplicaÇÕes mercado aberto ativo nÃo circulante imobilizado imÓveis veÍculos instalaÇÕes em geral mÓveis e utensÍlios em geral conta retificadora do ativo nÃo circulante provisÃo p/depreciaÇÃo total do ativo demonstraÇÃo do superÁvit ou dÉficit dos exercÍcios findos em 31 de dezembro 2012 138.314,41 138.314,41 14.865,95 118.822,76 4.625,70 7.488.273,06 7.527.452,12 5.728.519,94 177.428,43 765.100,25 856.403,50 39.179,06 39.179,06 7.626.587,47 despesas ordinÁrias despesas de pessoal despesas manutenÇÃo/administrativas despesas tributÁrias/contribuiÇÕes sociais utilidades e serviÇos receitas ordinÁrias mensalidades e contribuiÇÕes receitas financeiras receitas patrimoniais bar centro social total de receitas 2012 3.101.595,58 2.717.758,61 2.620,19 347.618,76 33.598,02 3.101.595,58 2012 2.840.533,64 804.645,81 1.270.145,50 3.619,00 196.504,02 501.909,56 28.223,98 35.485,77 375.579,49 375.579,49 3.216.113,13 passivo passivo circulante suprimentos de caixa emprÉstimos/financiamentos obrigaÇÕes sociais/tributÁrias patrimÔnio social superavit exercÍcios anteriores deficit do exercÍcio total do passivo 2012 210.600,93 90.000,00 39.405,60 81.195,33 7.415.986,54 7.530.504,09 114.517,55 7.626.587,47 despesas eventos/polÍticos-sociais despesas financeiras bar centro social extraordinÁrias despesas extraordinÁrias total de despesas superavit/deficit do exercÍcio 114.517,55 demonstraÇÃo das mutaÇÕes do patrimÔnio social descriÇÃo saldos em 31 de dezembro de 2011 deficit do exercÍcio saldos em 31 de dezembro de 2012 superavit acumulado 7.530.504,09 114.517,55 7.415.986,54 total 7.530.504,09 114.517,55 7.415.986,54

[close]

Comments

no comments yet