Jornal Sinpol Julho 2013

 

Embed or link this publication

Description

Jornal Sinpol Julho 2013

Popular Pages


p. 1

informativo oficial do sindicato dos policiais civis ano xix julho de 2.013 nº 201 sindicato foi um dos mais atuantes na manifestação que ocorreu na capital e foi o órgão representativo de todo o interior que mais policiais civis levou para o protesto durante encontro eumauri lúcio da mata presidente do sinpol defendeu o endurecimento nas conversas com o governo que não dá resposta às reivindicações da categoria veja nas páginas 8 e 9 atenção policiais civis que se aposentaram pela lei 1062/08 e que não estão contentes com sua atual situação a diretoria do sinpol pede a todos que entrem em contato com nossa central de atendimento sinpol telefones 16 3625-3890 3612-9008 e 39792627 a presidência do sindicato está desenvolvendo um trabalho para ajuizar uma ação visando garantir a integralidade e a paridade nos vencimentos lei 51/85 sinpol participa de protesto no masp lei 1062/08 dr ottoboni que é seccional de sertãozinho e interinamente de ribeirão preto foi conhecer as obras da futura sede social do sinpol no bairro da ribeirânia em ribeirão preto saiba mais na página 2 seccional de sertÃozinho visita sinpol jurídico vai ingressar com mandados de segurança coletivos que envolvem questões de aposentadoria sindicato participa de manifestações em ribeirão preto vereadores de jaboticabal defendem pec 37 necrim avalia excelentes resultados em um ano e meio de conciliações dig elucida mais um homicídio e mais impresso especial 9912250402 dr/spi sinpol correios sinpol sindicato dos policiais civis da região de ribeirão preto rua goiás 1.697 campos elíseos ribeirão preto sp cep 14085-460 fone 16 3612-9008 fone jornal 16 3610-2886 jornaldosinpol@uol.com.br distrito de ribeirão preto que atende área com a 3º maior população da região do deinter-3 só perdendo para a própria ribeirão preto e para franca tem excelente produtividade apesar da excessiva média de ocorrências de mil por mês desde janeiro policiais civis do 2º dp já instauraram quase 500 inquéritos leia na página 6 julho/2013 2º dp tem grande produtividade

[close]

p. 2

visita dr ottoboni que está no comando da seccional de sertãozinho e interinamente da seccional de ribeirão preto conheceu as obras da futura sede social do sinpol o delegado seccional de sertãozinho dr cláudio josé ottoboni conheceu o local que será a futura sede social do sinpol no bairro da ribeirânia dr ottoboni esteve visitando as obras da construção a convite do presidente do sindicato eumauri lúcio da mata a visita ocorreu no dia 14 de junho o delegado que responde além de sertãozinho pela delegacia seccional de ribeirão preto de forma interina ficou impressionado com a magnitude das instalações que vão abrigar o sinpol achei o local muito bem planejado os espaços que me foram mostrados são bastante interessantes até porque contempla o lazer dos associados um espaço para que possam comemorar alto para atendimento de melhor qualidade gostei muito das instalações disse o dr ottoboni o delegado ingressou na polícia civil em 1986 atuando na cidade de leme depois foi transferido para jardinópolis passando em seguida para ribeirão preto onde atuou em vários dps distritos policiais dise delegacia de investigações sobre entorpecentes cadeia pública ciretran circunscrição regional de trânsito 3º dp até ser nomeado delegado seccional de sertãozinho estou respondendo também de forma interina pela seccional de ribeirão preto devido ao afastamento do dr adolfo por conta do curso superior de polícia explicou dr ottoboni na seccional de sertãozinho o delegado comentou que a reengenharia não alterou muita coisa foi feita apenas a aglutinação dos dois distritos de jaboticabal num dos distritos o movimento era de pouco mais de 20 inquéritos/mês com três escrivães enquanto o outro tinha média de 150 também com três escrivães e ambos estavam distantes um do outro 800 metros há cerca de dois anos e meio aglutinamos os dois explicou nova seccional o delegado também falou sobre a construção da nova sede da seccional de sertãozinho antes ocupávamos um prédio alugado e agora felizmente estamos construindo a nova sede que deve ser entregue entre setembro e outubro deste ano uma obra com 70 de recursos do governo do estado em convênio com a prefeitura É uma sede muito interessante bem dividida bem localizada acredito que vá proporcionar a todos uma melhor acomodação e melhor atendimento trata-se de uma reivindicação antiga afinal sertãozinho já é seccional há 14 anos sempre funcionando em prédios alugados fico feliz por poder inaugurar a nova casa em no máximo quatro meses destacou o dr ottoboni o delegado explicou que o efetivo atual está de acordo com a média do estado e atende a uma população total em torno de 400 mil habitantes em todos os municípios daquela área apesar do baixo efetivo o delegado revelou que já estão recebendo profissionais já tivemos a nomeação de agentes de telecomunicações delegados e tudo leva a crer que haverá mais suprimento das necessidades no próximo concurso admitiu sobre acumular as duas seccionais dr ottoboni garante que os dois órgãos são muito bem organizados e não estão surgindo dificuldades que prejudiquem o serviço em qualquer das unidades o dr ottoboni é associado do sinpol desde que chegou a ribeirão preto nos anos 1980 lembro que na época ainda era a apocirp [associação dos policiais civis da região de ribeirão preto depois passou a sinpol e já me filiei acho o sinpol um dos mais atuantes sindicatos a questão jurídica dos direitos e das necessidades dos policiais civis são sempre atendidas eu mesmo tenho várias ações promovidas pelo sinpol ganhei várias e tenho outras pendentes com sinais de que irei ganhar esse é um ponto positivo que eu cito jamais tive qualquer reclamação em relação ao eumauri que esteve sempre à frente do sinpol muito pelo contrário sempre que precisei de alguma coisa até mesmo em interferências em relação a internações marcação de exames médicos em algum empecilho que tenha existido em questão de urgência no nosso convênio ele sempre se habilitou e resolveu as questões com a maior tranquilidade a respeito do patrimônio que o sinpol conseguiu construir ao longo dos anos com a luta de todos os associados o delegado é direto pelo que vi aqui o atendimento continuará sendo sempre da melhor qualidade o convívio é muito importante e agora todos teremos pelo menos duas opções se quiser tratar de alguma questão mais recatada digamos assim o policial civil virá para a sede social se quiser algo menos formal vai para o clube acho que a convivência entre os policiais sempre ajuda muito a todos e o eumauri é um grande empreendedor ele começa e faz acredito nisso finalizou o dr ottoboni seccional de sertÃozinho conhece nova sede dr ottoboni esq acompanhado por eumauri ficou impressionado com a magnitude da obra da futura sede social do sinpol 02 julho/2013

[close]

p. 3

a ÇÃo especializada de ribeirão preto identificou acusado da morte de vigia na zona norte da cidade e encontrou-o escondido em monte santo de minas o desdobramento de um homicídio esclarecido pelos policiais civis da dig delegacia de investigações gerais de ribeirão preto mostra como os criminosos andam cada vez mais dissimulados e até mesmo criativos por volta de 19h00 do dia 17 de maio o vigia josé cláudio de lima trafegava em sua motocicleta pelas ruas do ipiranga zona norte da cidade ele levava uma mulher na garupa da moto que havia pedido carona próximo à divisa do bairro com os campos elíseos mais precisamente na rua dos aliados esquina com a via norte outra motocicleta com dois ocupantes se aproximou da moto conduzida por josé cláudio o condutor da outra moto fechou josé cláudio e o carona imediatamente sacou de uma arma e disparou vários tiros contra a vítima o vigia morreu no local atingido por sete disparos sem fazer nada à mulher que estava na garupa da moto imediatamente os dois iniciaram a fuga mas próximo ao local havia duas motos do rocam da pm os policiais ao ouvirem os disparos iniciaram uma perseguição aos autores do homicídio durante a fuga os suspeitos trocaram tiros com os pms e conseguiram despistá-los de posse da identificação da motocicleta os pms iniciaram imediatamente uma busca e pouco depois encontraram a motocicleta abandonada no bairro do tanquinho na rua romano coró esquina com av thomaz alberto whately a alguns quilômetros de onde ocorreu o homicídio na moto havia uma perfuração à bala e marcas de sangue o que levou a pm a suspeitar que um dos elementos fugitivos houvesse sido ferido ao levantar a placa do veículo descobriram que ela estava em nome de d.p.s que morava próximo ao local em diligência os pms encontraram d ele disse que a moto era usada por seu filho d.p.s que mora nos fundos de sua residência ele permitiu aos policiais entrarem no local mas d não estava e os pms encontraram uma porção de cocaína que foi apreendida o caso foi registrado no plantão e encaminhado à dig imediatamente a equipe iniciou as investigações e ao ouvir o filho do suposto dono da moto descobriram que o veículo havia sido vendida para um rapaz morador naquela região ao levantar os dados desse comprador os policiais civis constataram que ele possuía uma extensa ficha criminal respondendo por crimes de tráfico e roubo entre outros mas ele não foi encontrado no local os policiais civis passaram a averiguar se alguém ferido a bala havia dado entrada em hospitais na cidade naquela noite mas nada foi constatado dias depois um homem apresentou-se espontaneamente à dig para prestar um depoimento ele disse que havia dado carona a um conhecido da rua onde mora que teria sido ferido alegou não saber seu nome mas confirmou que ele era conhecido por mineiro e que havia levado o rapaz para monte santo em minas gerais e que não sabia de seu envolvimento no homicídio imediatamente os policiais civis entraram em contato com a polícia mineira na cidade de monte santo que passaram a averiguar o caso a equipe da dig descobriu que mineiro que se chama g.j.s.j teria mesmo pelas características participado do homicídio que vitimou o vigia em ribeirão preto a equipe da dig também descobriu que logo que chegou a minas gerais levado pelo amigo registrou uma ocorrência dizendo que havia levado um tiro na perna disparado na rua por um motociclista que fugiu sem que ele identificasse o autor e o motivo mineiro estava fazendo tratamento e a polícia mineira passou a levantar informações planejando sua prisão com policiais civis da dig de posse de todas as informações a dig planejou a ação e foi até monte santo no dia 06 de junho com o apoio dos policiais militares daquela cidade a equipe conseguiu prender mineiro ele foi trazido para ribeirão preto onde teve decretada a prisão temporária por 30 dias durante o interrogatório mineiro não deu qualquer informação sobre o motivo que teria levado à morte de josé cláudio mas ele passou aos policiais civis o local exato onde a arma utilizada no crime e a arma roubada do vigia assassinado estavam escondidas elas estavam abandonadas em um terreno ao lado de sua residência mineiro que tinha passagem por tráfico de drogas vai responder por homicídio as armas uma pistola 380 registrada em nome do vigia e outra com numeração raspada foram apreendidas os policiais civis da dig seguem na procura do outro elemento que teria participado da ação participaram do esclarecimento do homicídio policiais civis da equipe 1 do setor de homicídios da dig o titular da dig é o dr paulo henrique participaram o dr turra o encarregado da equipe 1 jesuíno e os investigadores roberto e cristino dig esclarece homicÍdio policiais civis que integram a dig de ribeirão preto e participaram da ação ao lado dos delegados paulo henrique e ricardo turra julho/2013 03

[close]

p. 4

editorial o brasil vive um momento ímpar cansados dos descasos dos governos federal estaduais e municipais a população foi às ruas para protestar tudo começou com o movimento reivindicando redução nas tarifas de ônibus em são paulo mas tomou uma grande proporção absorvendo no movimento outras importantes reivindicações o sinpol como não poderia deixar de ser participou ativamente deste movimento e continuamos apoiando toda e qualquer manifestação pacífica onde é possível mostrar a insatisfação até porque nós policiais civis estamos vivenciando um momento igual ao que vive o povo brasileiro neste caso especificamente relacionado à polícia civil mas que também repercute em toda a sociedade não é de hoje que estamos tentando o diálogo com o governo mas ele sequer nos atende deixa que seus secretários tratem do assunto ocorre que nos últimos tempos as reivindicações apresentadas não foram atendidas nem sequer posicionadas por esse motivo decidimos dar um basta e para que esse basta seja de fato ouvido é preciso contar com a participação de todos os policiais civis o sinpol reconhecidamente um dos mais importantes sindicatos do estado e que representa todas as carreiras da polícia civil precisa do engajamento de todos ativos hora expediente e aposentados precisamos fazer valer a nossa força igual ao que ocorreu em 2008 quando o então governador josé serra deu de ombros às nossas reivindicações e teve que enfrentar uma histórica greve da categoria ao que tudo parece alckmin segue o mesmo caminho mas para que a greve ou pelo menos a votação para definir se entramos ou não em greve aconteça é preciso que os companheiros da ativa participem de forma mais efetiva aposentado não pode aprovar uma greve porque simplesmente não faz greve para que a greve seja uma realidade é preciso que o policial civil da ativa vote por sua aprovação e faça seu papel participando do movimento cabe ao aposentado também participar apoiando e aumentando nosso número de manifestantes para que o governo veja que somos fortes mas cabe ao policial civil da ativa decidir pela greve esse poder só o companheiro da ativa detém no dia 03 de julho estaremos reunidos com o senhor secretário da segurança pública dr fernando grella vieira acreditamos que seja uma reunião definitiva onde anteriormente cobramos dele uma posição em relação às nossas reivindicações e ele se prontificou a nos informar oportunamente este é o seu momento de qualquer forma não vamos aguardar para ver no que vai dar já nos manifestamos no vão livre do masp onde o de efervescÊncia sinpol foi a representação do interior que mais integrantes levou ao ato público já demos nosso recado e mostramos as alternativas ou o governo se posiciona de verdade ou partimos para ações mais efetivas entre as ações marcharemos rumo ao palácio dos bandeirantes em grande número exigindo ser recebidos por geraldo alckmin se isso não for suficiente vamos lutar com os companheiros da ativa pela greve da categoria queremos respostas às nossas reivindicações queremos reajuste salarial queremos a contratação de muitos policiais civis para suprir as grandes lacunas de efetivo queremos a reestruturação queremos a valorização das carreiras o nível universitário e muitas outras questões devidamente respondidas mas não queremos ser tratados de forma ilusória pelo dr grella vieira pelo deputado david zaia da secretaria da gestão pública e pelo deputado júlio semeghini da secretaria de planejamento os três se comprometem a nos dar resposta mas procuram sempre adiar algo palpável queremos sim senhor governador sermos tratados com respeito o senhor e sua equipe nos devem uma resposta e vão dar certamente eumauri lÚcio damata presidente do sinpol sindicato dos policiais civis da região de ribeirão preto o jornal do sinpol é uma publicação oficial de circulação mensal do sindicato dos policiais civis da região de ribeirão preto rua goiás 1697 campos elíseos cep 14085-460 ribeirão preto sp e-mail sinpolrp@sinpolrp.com.br diretoria presidente eumauri lúcio da mata vice-presidência célio antonio santiago paulo sérgio ribeiro chagas ricardo contin luiz henrique maringoli de lima josé gonçalves neto suplentes arnaldo vaz ferreira luiz henrique batista gino augusto franco sant anna sérgio ribeiro dos santos robert schmengler guilhaume kátia patrícia pagliari de souza e edmar alberto félix secretários kalinka cintra prado e doracy alves da silva suplentes Érica arrisse esteves dias e armando pisani júnior tesoureiros júlio cesar machado e sami haddad suplentes wagner cândido da silva e jin ciosaki patrimônio olavo elias dos santos suplente cláudia braga conselho fiscal joão carlos barbosa lima maurício kusumota e prisclia yishi s hashimoto suplentes neide amábile pastori e silva marisa lelis takata e jefferson pessoti delegados sindicais darcy gonçalez e licanor de souza campos suplentes ariovaldo torrieri júnior e reinaldo josé sanches o jornal do sinpol É uma publicaÇÃo exclusiva do laboratÓrio de notÍcias r paschoal bardaro 633-a jd irajá ribeirão preto sp fone/fax 16 3610-2886 diretor de jornalismo adalberto luque mtb 19.218 editor chefe júlio castro reportagens mariana araújo parras luque o jornal do sinpol não se responsabiliza por especificações ou informações que não estejam previstas no contrato de publicidade as cobranÇas serÃo feitas exclusivamente por sub ten res pm oswaldo bonfim departamento comercial contatos exclusivos devidamente autorizados fernando mendonça marcos antonio fernandes antonio pereira alvin vanderlei garcia da costa israel leal de souza braz pereira editoraÇÃo eletrÔnica laboratório de notícias fone 16 3610-2886 e-mail jornaldosinpol@uol.com.br os artigos assinados não refletem necessariamente o conceito do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores novos associados associaram-se ao sinpol no mês de maio de 2013 os seguintes policiais civis heverson luciano barbosa escrivão de polícia joão paulo fonseca antunes investigador de polícia leandro cesar ferreira silva investigador de polícia livingstone eduard rodrigues carcereiro ieda luciane barcellos leite pádua investigadora de polícia josé francisco inácio carcereiro eurípedes antonio lopes carcereiro maria bernadete schieber cury médica legista milton bergamin investigador de polícia a diretoria do sinpol dá boas vindas aos novos associados e está à disposição de todos os policiais civis que quiserem integrar o quadro associativo do sindicato a diretoria do sinpol comunica com pesar os seguintes falecimentos nitamar bosquette de paula mãe do investigador de polícia edson eduardo de paula ocorrido em 04 de junho de 2013 anísia teresinha duarte marques esposa do dr ubaldo sbicca neto ocorrido em 22 de junho de 2013 dra elisabete aparecida alves de oliveira perita criminal ocorrido em 25 de junho de 2013 o sinpol manifesta seus sentimentos aos familiares notas atenção o sinpol comunica aos associados que está entrando com as ações referente à incorporação do ale adicional de local de exercício e do gap gratificação de atividade policial quem tiver interesse favor entrar em contato com a central de atendimento sinpol pelos fones 16 3625-3890 3612-9008 e 3979-2627 para obter maiores informações o sinpol deixa claro que não haverá problema algum de entrar com esta ação pois a que foi ingressada em relação ao ale foi um mandado de segurança munição e treino de tiro os policiais civis que pretendem adquirir munição para a arma devidamente registrada deve levar além do documento pessoal o registro da arma um dos locais de venda de munição devidamente habilitado é o edinho clube de tiro que fica na avenida caramuru 574 fone 16 3931-1515 quem também quiser fazer uso do stand há preços especiais para policiais civis principalmente no período da tarde o uso do stand de tiro sai por r 10 a hora e r 2,50 o alvo se o policial civil preferir pode utilizar munição recarregável dos calibres 38 e 380 que sai por r 1,50 a munição para tanto basta telefonar para o local e se informar quem não quiser pagar nada também tem como opção o stand de tiro alto pedreschi em cruz das posses distrito de sertãozinho maiores informações na secretaria do sinpol entrevista em sua última edição o jornal do sinpol entrevistou o ex-delegado seccional de ribeirão preto dr josé manoel de oliveira a entrevista foi transcrita e em questão a respeito do efetivo o dr josé manoel ao ser inquirido sobre o esvaziamento da polícia civil se a lei 51/85 for recepcionada deu a seguinte resposta com a aprovação da lei 51 naturalmente vai aposentar muita gente mas esperamos e torcemos para que o estado não deixe a situação piorar acho que o estado não vai deixar que isso aconteça sua resposta suscitou dúvida em um leitor e ouvido novamente o dr josé manoel foi categórico em manifestar que é a favor de se adotar a lei 51/85 assim com o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata o ex-delegado seccional acrescentou que no contexto da pergunta salientou que o governador deve tomar uma medida urgente para não permitir o esvaziamento da polícia civil com a adoção da 51/85 e essa medida é justamente a realização de novos concursos com urgência falecimentos aposentados associados do sinpol que ingressaram no quadro de aposentados em junho de 2013 alberto diogo escrivão de polícia de classe especial marcos antonio ortêncio escrivão de polícia de 1ª classe a diretoria do sinpol felicita os policiais civis por suas brilhantes carreiras desejando-lhes poder usufruir seus merecidos descansos com muita saúde e alegria 04 julho/2013

[close]

p. 5

balanÇo núcleo especial criminal obtém mais de 95 de sucesso e conciliações atingiram montante superior a r 476 mil criado em novembro de 2011 e inaugurado oficialmente no dia 20 de março de 2012 o necrim núcleo especial criminal de ribeirão preto surgiu com o objetivo de promover conciliações de crimes de menor potencial ofensivo sobretudo questões que envolvem acidentes de trânsito o órgão conta desde seu princípio com o comando do dr jorge amaro cury neto e é formado pelos investigadores júlio evandro e iossi além da escrivã andréia o necrim surgiu graças a uma parceira entre a polícia civil e a uniseb-coc que disponibiliza alunos do curso de direito para atuarem nas tentativas de conciliação aos alunos além de adquirir experiência profissional a atuação também conta como estágio obrigatório do curso semente a ideia de se promover a mediação e conciliação de crimes de menor potencial ofensivo em uma delegacia surgiu a partir da atuação de um associado do sinpol quando atuava em ribeirão corrente em 2005 dr cloves rodrigues da costa decidiu para tentar agilizar acordo chamar as partes na delegacia e formalizar um acordo antes de remeter o caso para a justiça criei o chamado termo de composição de preliminar documento para registrar o acordo e com isso as vítimas não precisavam mais se deslocar para audiências no fórum o processo passou a ser simples e rápido contou o delegado à imprensa quando assumiu o necrim de franca em 2011 ele lembra que quando foi transferido de ribeirão corrente para igarapava não conseguiu dar sequência ao projeto diante do elevado volume de trabalho mas o diretor do deinter-4 de bauru dr licurgo nunes costa leu e se interessou por um artigo que publiquei em revista especializada sobre polícia judiciária comunitária ele me procurou e começou a implantar o programa de conciliação na área de bauru que tem sete delegacias seccionais a primeira foi em lins onde fiquei dois dias dando palestras aos envolvidos no projeto o projeto desenvolvido pelo dr licurgo foi batizado de necrim e espalhou-se para outras seccionais agora a delegacia geral determinou sua implantação nas sedes das demais seccionais do estado disse o dr cloves durante a inauguração oficial do necrim de ribeirão preto em seus 18 meses de atuação o necrim realizou 2.893 conciliações de um total de 3.144 boletins de acidentes enviados ao núcleo este dado evidencia a eficácia do atendimento no que tange aos acordos realizados ou seja 96,5 das audiências de conciliações obtiveram acordo positivo entre as partes envolvidas contabilizamos apenas os acordos realizados dentro do núcleo o valor das indenizações ou danos materiais pagos pelas partes envolvidas soma mais de r 476 mil explica o dr jorge as ações além de desonerarem o poder judiciário de aproximadamente 3.100 possíveis processos judiciais envolvendo acidentes de trânsito também contribui para o restabelecimento dos envolvidos devido ao tempo extremamente curto de conciliação financeira material e de saúde entre as partes a polícia civil se preocupa com o aumento da violência no trânsito desta forma atua de maneira incisiva nos casos nos quais haja danos materiais e físicos disse o delegado durante entrevista comemorativa onde os dados obtidos pelo enorme poder de conciliação do necrim foram divulgados dr jorge aproveitou para agradecer todos os órgãos envolvidos na criação e manutenção desta ideia principalmente ao poder judiciário e à uniseb-coc força legal a grande facilidade do necrim é a desburocratização do processo não há necessidade de advogados nas audiências de conciliação além disso tudo o que for definido durante a audiência de conciliação caso haja o acordo entre as partes tem status de decisão judicial a audiência é toda documentada e o teor é enviado para o judiciário que homologa o acordo com força legal se houver o descumprimento de uma das partes deste acordo o infrator estará sujeito às penas da lei e o acordo é considerado sem efeito e a representação será feito a partir de então no judiciário sujeito às consequências legais disse o dr jorge o juiz de direito coordenador do setor de conciliação da comarca de ribeirão preto dr guacy sibille leite disse que o necrim agiliza demais a justiça estamos desenvolvendo projetos para que isso seja feito on line entre o necrim e o judiciário meu despacho é praticamente imediato e o acordo já passa a vigorar imediatamente o ganho de tempo para uma vítima é imenso porque uma causa seguindo os trâmites normais poderia levar até mais de cinco anos para se resolver disse o dr guacy feliz com os resultados dr jorge adiante que a tendência é aumentar ainda mais os números do núcleo já pensando nisso a uniseb-coc que é a responsável pela parceria efetivou a mudança da sede do necrim instalando-o mais próximo ao fórum tratase de uma ideia excelente e hoje vejo que isso será uma tendência por sua funcionalidade e agilidade tanto para o judiciário quanto para nós policiais civis conclui o dr jorge necrim comemora resultados o titular do necrim dr jorge esq e o juiz coordenador do setor de conciliação da comarca de ribeirão preto dr guacy comemoram resultados expressivos julho/2013 05

[close]

p. 6

eficiÊncia equipe do 2º dp de ribeirão preto apesar de estar em número abaixo do necessário tem obtido um excelente índice de produtividade no atendimento à comunidade a maioria das 93 cidades que integram o deinter-3 departamento de polícia judiciária do interior têm população muito menor do que a atendida única e exclusivamente pela equipe do 2º dp distrito policial de ribeirão preto localizada em um bom imóvel na rua luiz barreto o dp atende a uma população em torno de 250 mil pessoas este número só não é maior que a população total de ribeirão preto em torno de 610 mil habitantes e a população de franca com 318 mil habitantes ribeirão preto é sede do deinter-3 e de uma das oito seccionais franca também é sede de seccional as outras seis cidades sedes de seccional araraquara barretos bebedouro são carlos são joaquim da barra e sertãozinho têm população menor do que a atendida pelo 2º dp de ribeirão preto atualmente o dp conta com o delegado titular dr fernando gonçalves de oliveira e duas delegadas assistentes a dra maria de fátima daia e a dra patrícia mariane na investigação a chefia é de selvito que conta também com os investigadores ricco josé Álvaro e francisco o chefe dos escrivães é marco aurélio que conta também com os escrivães maria do carmo lígia sílvia e ismael o 2º dp conta também com dois carcereiros silvana e andré portanto três delegados quatro investigadores cinco escrivães e dois carcereiros totalizando 14 policiais civis atendem à área que reúne cerca de 250 mil moradores mesmo assim o 2º dp tem mostrado um serviço de qualidade com bastante produtividade quem garante é o titular do dp dr fernando que está no comando da unidade desde o início deste ano quando cheguei ao dp reuni todos os funcionários e decidimos atuar para sanar as pendências e procurar trabalhar com agilidade imprimimos um ritmo de trabalho dinâmico instaurando diversos inquéritos e hoje nos orgulhamos dos números apresentados pelos policiais civis do 2º dp a área de atuação do 2º dp é uma das maiores de toda a região não só em população na região do distrito estão catalogados nada menos que 86 desmanches de autopeças um setor que merece constante atenção até para evitar o comércio de veículos roubados desmontados além disso o 2º dp tem sob sua responsabilidade o aeroporto leite lopes o maior da região uma grande concentração de favelas e locais onde a violência é acima da média da cidade uma considerável área hospitalar com a santa casa santa lydia e maternidade sinhá junqueira locais onde ocorre maior incidência de furto de veículos diversos bairros além do parque permanente de exposições local onde ocorrem mutos eventos como carnabeirão ribeirão rodeo musici resultado e produtividade quando ocorrem eventos no parque permanente de exposições o número de ocorrências chega a triplicar no 2º dp ribeirão country entorta bicho joão rock entre outros com grande concentração de jovens e ocorrências como tráfico de drogas furto e roubo de veículos e pedestres brigas venda de bebidas alcoólicas a menores entre outros casos de janeiro a junho foram instaurados 480 inquéritos a média mensal é de mil b.os boletins de ocorrência incluindo os plantões percebemos que se não houvesse um esforço de todos os policiais civis o acúmulo só aumentaria então conseguimos imprimir um ritmo onde tudo o que entra é prontamente despachado quando tem um feriado ou um evento no parque permanente nossa média que é de 45 b.os por dia chega até a triplicar explica o dr fernando segundo o presidente do sinpol os resultados obtidos pelos policiais civis do 2º dp e de outras unidades são dignos de elogio absolutamente todas as unidades da polícia civil talvez não o deinter ou a seccional padecem com a falta de funcionários no 2º dp no final da década de 1970 portanto há mais 06 julho/2013

[close]

p. 7

de 30 anos havia somente na investigação 13 policiais civis e a região era muito menor não existia nem bairros como o quintino facci ii hoje é uma área muito maior e praticamente todo o efetivo de policiais civis em 2013 é o mesmo do que tinha naquela época só de investigadores ou se contrata ou os policiais civis não terão mais condições de trabalho isso é inadmissível é desumano dispara eumauri destaques o chefe dos investigadores explica que a equipe após a reunião para definir uma nova forma de trabalho elencou suas prioridades trabalhamos em casos de relativa importância apurando os crimes identificando seus autores e realizando as prisões sem deixar de atender a todos explicou o chefe dos investigadores selvito um dos casos que tiveram destaque na mídia foi o roubo de um malote com r 45 mil na avenida mogiana uma mulher atravessava a avenida para depositar quando um motociclista furtou sua bolsa contendo o malote através das imagens e de um trabalho de investigação descobriram que o autor do furto era o namorado da suposta vítima que também estava envolvida no furto outro caso envolveu um andarilho ele esfaqueou um comerciante nos campos elíseos foi identificado porque vivia perambulando pelas ruas do bairro o homem usava nome falso era usuário de crack e vivia recolhendo recicláveis pelas ruas ao levantar os dados os policiais civis descobriram que ele era foragido da penitenciária de serra azul condenado por estupro toda vez que pedíamos seus dados ele passava nome falso durante o interrogatório cada hora era um nome diferente os policiais civis que integram o 2º dp comemoram os resultados obtidos em 2013 mas desconfiamos que ele já havia sido preso anteriormente por conta das gírias que utilizava são termos próprios de estabelecimentos prisionais decidimos pelo recurso de legitimação que é a identificação digital e descobrimos sua situação de procurado explica selvito outro caso que a equipe do 2º dp esclareceu e também que teve muita repercussão foi o furto da chácara do ex-jogador sócrates no residencial campestre ele tinha a chácara que após a morte do ídolo do corinthians botafogo e seleção brasileira ocorrido em dezembro de 2011 deixou de ser utilizada com frequência em abril de 2013 a equipe do 2º dp recebeu a denúncia de furto de vários móveis e objetos os familiares do jogador começaram a notar que a cada vez que iam lá faltavam várias peças depois das investigações chegamos até a última caseira que trabalhou no imóvel ela montou uma casa com parte dos móveis furtados até um quadro talhado em madeira do sócrates enfeitava seu quarto acrescentou o chefe dos investigadores do 2º dp para o dr fernando a excelente produtividade é resultado do trabalho de toda equipe graças à excelência e ao empenho desses policiais civis é que conseguimos solucionar os casos e o andamento do dp é viabilizado essa equipe é excelente finaliza o dr fernando julho/2013 07

[close]

p. 8

protesto centenas de policiais civis se reuniram no masp para protestar contra a política de segurança pública sinpol leva mais de 100 associados o sinpol mostrou sua força e foi o sindicato que levou o maior número de manifestantes a são paulo para protestar contra a política de segurança pública do governo geraldo alckmin considerado um dos sindicatos mais participativos do estado de são paulo o sindicato conseguiu levar para a capital cerca de 130 manifestantes a concentração ocorreu por volta de 7h30 na sede do sinpol na rua goiás 1697 nos campos elíseos o presidente do sindicato eumauri lúcio da mata fretou um ônibus que foi lotado de policiais civis para são paulo o ônibus saiu rumo a são paulo às 8h00 levando os manifestantes além do fretamento em ribeirão preto o sinpol também disponibilizou uma van saindo de e franca e policiais civis de araraquara também seguiram de van organizada entre eles além disso policiais civis de toda a região foram por conta própria a são paulo levamos mais de 120 associados para mostrar ao governador à imprensa e à sociedade que estamos descontentes com a atual situação a polícia civil está sucateada há um grande déficit no efetivo que pode ficar ainda maior não há perspectivas de melhora em curto prazo os policiais civis estão sobrecarregados e a insatisfação é geral para piorar estamos há mais de um ano sem receber reajuste salarial o governo não acena com aumento e ainda coloca seus secretários que nada resolvem para conversar não queremos conversas queremos soluções reivindicamos mais policiais civis para todas as carreiras e salários dignos agora é a hora de o governador decidir se vai acatar nossas reivindicações há muito entregues à sua equipe ou se vai administrar uma greve pois é para esse caminho que ele está conduzindo a instituição dispara eumauri a manifestação no vão livre do masp museu de arte de são paulo foi organizada pela feipol se federação interestadual dos policiais civis da região sudeste da qual o sinpol é um dos fundadores o protesto contou com o apoio dos servidores estaduais da saúde e do deputado estadual major olympio o sinpol foi individualmente o sindicato com maior número de manifestantes presentes ao vão livre do masp na avenida paulista um dos cartões postais da capital paulista por volta de 15h00 centenas de manifestantes de todo o estado começaram a demonstrar seu descontentamento com o governo alckmin o ato teve por objetivo mostrar a situação atual na polícia civil queremos melhorias nas condições de trabalho dos policiais civis o efetivo está muito abaixo do necessário não há perspectivas de contratações para as carreiras em curto prazo além disso inventaram a tal da reengenharia que é juntar nada com coisa nenhuma na reengenharia estão fechando delegacias quando deveriam abrir mais delegacias juntam todos num só lugar dificultam o acesso da população à polícia civil só para dar a impressão de que com gente de vários distritos trabalhando num único lugar não existe falta de efetivo o que é mascarar a realidade também criaram essas ineficientes centrais de flagrantes pode até criar desde que contratem pessoal a polícia civil tem que expandir seus serviços na periferia não ficar restrita a prédios centrais nas cidades também queremos que o governo se posicione em relação ao aumento salarial às carreiras de nível universitário à questão da reestruturação todos projetos que estão há muito tempo parados graças à inércia deste governo continua na página 9 policiais civis realizam manifestaÇÃo o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata discursa para os manifestantes e critica a passividade do governo nas negociações 08 julho/2013

[close]

p. 9

discursou no evento o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata dois caminhões de som foram disponibilizados para a manifestação várias lideranças discursaram eumauri foi um dos mais aplaudidos e acredita que o recado foi dado com o objetivo de conscientizar a população que no dia em que ocorreu a manifestação já estava se deparando com o descontentamento geral por conta das passagens de ônibus movimento que eclodiu no brasil os policiais civis optaram por não interditar a avenida paulista durante os intervalos em que o semáforo fechava para os motoristas os policiais civis estendiam suas faixas para que os motoristas tomassem conhecimento do movimento reivindicatório a manifestação transcorreu sem qualquer ato de violência vandalismo ou enfrentamento a imprensa paulistana deu ampla cobertura e o fato foi noticiado nos principais telejornais das emissoras de tv as pessoas que passavam pelo vão livre do masp e se deparavam com a manifestação apoiavam a atitude dos policiais civis uma delas foi a aposentada dagmar borges acho que o governo tem que contratar mais policiais civis quem precisar de uma delegacia sabe que vai esperar sabemos da situação deles [policiais civis e apoiamos que recebam melhores salários o investimento em segurança acaba sendo revertido para a população que vai sofrer menos com a violência e com a insegurança disse a aposentada segundo eumauri o protesto surtiu efeito e o governo recebeu o recado em julho teremos desdobramentos vamos nos reunir com o secretário da segurança pública para saber qual será a resposta ações como uma passeata em frente ao palácio dos bandeirantes e até a greve geral não estão descartadas mas acreditamos que o governador terá juízo e vai atender às reivindicações nem que seja parte delas a pauta de reivindicações foi entregue e as questões pendentes precisam ser respondidas durante meses nos reunimos com os secretários envolvidos com a questão o secretário da segurança pública dr fernando grella vieira o secretário da gestão pública deputado david zaia e o secretário do planejamento deputado júlio semeghini os três e seus assessores nada resolvem então decidimos ir direto ao governador por isso realizamos o ato público de manifestação e se não surtir efeito faremos uma marcha até o palácio dos bandeirantes onde exigiremos uma reunião com geraldo alckmin se ele não nos der respostas imediatas fatalmente iremos organizar a greve da categoria por isso neste momento é preciso união até porque os companheiros aposentados não entram em greve precisamos contar com a participação de todos os policiais civis ativos e inativos e continuarmos mostrando nossa força como fizemos em são paulo finalizou eumauri acima à esquerda a saída de parte dos associados do sinpol rumo a são paulo no alto à direita manifestantes mostravam aos motoristas que aguardavam no semáforo as faixas com reivindicações da categoria abaixo à esquerda o registro do grande número de participantes abaixo à direita eumauri falou aos manifestantes julho/2013 09

[close]

p. 10

aniversariantes a vida é um milhão de novos começos movidos pelo desafio sempre novo de viver e fazer todo sonho brilhar feliz aniversário aos nascidos em agosto 1 roberto borges de oliveira josé carlos caporusso josé guilherme torrens de camargo jeferson marcos sedassari marcelo lázaro pereira cláudia alexandra f alves ferreira 2 joão carlos cazu antonio sérgio pereira ettore francisco brunelli 3 fátima aparecida silva rubens gracindo correa brusadim 4 antonio carlos dos santos netto ary lopes daniel nicoleti da silva eduardo bittencourt de lima dario josé cantarelli 5 jair jorge cano joão delfino de souza euclides batista de sousa júnior josé rubens dos santos rita paula de moraes bucioli 6 márcio antonio pinho bertolino josé mauro chiaretti luís henrique martin 7 jussara junqueira rosemary carlini de oliveira 8 samuel antonio zanferdini odair batista sirlei ferreira rabello simonea marangoni da silva 9 dalva aparecida chiaretti mário portugal gonçalves jeane moraes 10 maurício kusumota antonio edson ferreira de freitas luiz carlos contin filho pedro afonso da silva 12 wilson sasaki walter rossetti júlio cesar de paula gumercindo rodrigues carvalheiro 13 antonio arrisse adelino pinto ribeiro maria fátima dos santos daniel paulo radaeli rita eliza de pace 14 josé luiz tor 15 valido josé da silva paulo augusto ciampone melo carlos eduardo fabbri robert schmengler guilhaume josé silverio de paula neto marcia ap de arruda ferreira 16 antonio boleli neto celso botelho dos santos eliana aparecida do nascimento caio iberê galvão gobato joão augusto lolli josé ceará neto 17 joão gonçalo pallareti carlos moreschi hugo anselmo ravagnani rosa maria dezzotti bittencourt de lima elieu de souza 18 luís carlos chiaparini 19 luiz alberto lopes roberto rudon bettini inês paplovsks pinto danilo alves rabello josé eduardo do nascimento maria do carmo s pavanelli josé carlos de paula 20 osmar ignácio silas anselmo antonio lula de figueiredo júnior roberto flávio narducci sílvio machado júnior bergson newton berthaud fernando luiz de oliveira marconi paulo kendi takahashi 21 paulo roberto scarparo vanilda rodrigues antonio carlos rodrigues simões sílvio ruivo 22 gino augusto franco sant anna susete ap dos reis costa aguiar ricardo takahashi edmilson sandoval do vale 23 joão da silva ester marina dos santos sonia ap messias de paula lucimari cambuy da silva josé carlos travizan 24 wilson lauro leite de mello aguinaldo maciel barbosa hugo manoel ravagnani leonardo naves dos reis ivanil a alves pereira 25 hedemil gomes felipe ana palmira belini de oliveira granger 26 luiz francisco grotta paulo sérgio rossi wilson francisco araújo 27 luís carlos da silva vieira jadis dalton ferreira viella alexandre aparecido da silva wagner cândido da silva eni aparecida silva zaccaro artur assalin da silva 28 rosa maria de carvalho rocha josé augusto mendes vera terezinha dias guioto 29 clóvis chicória lilian de simone benedito de castro filho joão fernandes vieira neto josé ricardo lisi nilton ferreira borges kátia cristina ferreira da silva 30 geremias lourenço de castro mauro josé zancheta ataliba vicente júnior celebrando o trabalho e a amizade memÓria o sinpol lembra aos aniversariantes que é preciso fazer o recadastramento anual junto ao banco do brasil em qualquer agência ou naquela onde receber seus vencimentos ou em caso de portabilidade no banco em que o beneficiário optou quem não se recadastrar corre o risco de ter os vencimentos suspensos em nossa última edição publicamos esta foto faltando dois nomes segue a legenda correta em 1994 para comemorar um ano de muito trabalho mas também muito sucesso os policiais civis de santa rita do passa quatro decidiram organizar uma festa de confraternização em um clube de campo local o momento foi eternizado através da foto acima em pé a partir da esquerda jefferson advogado marlos na época investigador hoje delegado em matão sebastião ademir investigador aposentado adriana escrivã hoje em santa cruz das palmeiras doni silva investigador o único em atividade na delegacia de santa rita do passa quatro josé geraldo na época escrivão hoje delegado em campinas sérgio investigador atualmente em porto ferreira dr adão era o titular hoje delegado aposentado hérchio advogado miguel investigador hoje em são paulo dr marciel amigo e advogado e fábio na época investigador hoje advogado agachados heber filho de policial civil hoje investigador em porto ferreira dalson na época funcionário municipal hoje subprocurador da prefeitura maria josé investigadora hoje aposentada gasparoto hoje escrivão aposentado vicente policial militar e marcelo funcionário da ciretran as três crianças à frente na foto são filhos de policiais civis 10 julho/2013

[close]

p. 11

jaboticabal ofício enviado ao sinpol demonstra apoio unânime da edilidade de jaboticabal em relação à pec que fortalece as polícias civis do brasil o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata recebeu um ofício datado de 04 de junho de 2013 da câmara municipal de jaboticabal assinado pelo presidente daquela casa wilson aparecido dos santos notificando a respeito da moção de apoio 174/2013 de autoria da vereadora dra andréa cristiane fogaça de souza nogueira que também é delegada de polícia a moção aprovada por unanimidade apoia a pec proposta de emenda constitucional 37 2011 que estava tramitando na câmara federal em brasília requerendo sua urgência na entrada em pauta e votação assim como o apoio dos vereadores na aprovação o projeto foi rejeitado na câmara federal em votação realizada sob o clamor das manifestações no dia 25 de junho a seguir o texto da moção de apoio que teve cópia destinada ao presidente do sinpol como reconhecimento da luta travada pelo sindicato em favor dos policiais civis de toda a região e do estado moção de apoio ao projeto de emenda à constituição nº 37/2011 em trâmite na câmara federal requerendo sua urgÊncia na entrada em pauta e votação bem como apoio na aprovação excelentíssimo senhor presidente da câmara municipal andréa cristiane fogaça de souza nogueira vereadora infra-assinada assim como os demais vereadores abaixo assinados indicam à mesa ouvido o douto plenário e cumpridas as formalidades regimentais conste em ata moÇÃo de apoio ao projeto de emenda à constituição nº 37/2011 em trâmite na câmara federal requerendo sua urgÊncia na entrada em pauta e votação bem como apoio na aprovação a vereadora dra andréa delegada e os demais vereadores que esta subscrevem por meio desta moção declaram seu incondicional apoio à pec 37 conhecida por pec da legalidade proposta pelo deputado federal arnaldo faria de sá pelos motivos abaixo elencados `não se perde aquilo que não se tem a constituição federal não confere ao ministério público o poder de investigação o art 144 § 4º da cf estabelece que `as polícias civis dirigidas por delegados de polícia de carreira incumbem ressalvada a competência da união as funções de polícia judiciária e a apuração de infrações penais exceto as militares enquanto que o art 129 da carta magna as funções do ministério público várias instituições como conselho federal da oab advocacia geral da união presidente do tribunal justiça de sp ivan sartori assim como vários e renomados doutrinadores do mundo jurídico como josé afonso da silva guilherme souza nucci vicente grecco filho luís flávio borges d urso ex-presidente do stf carlos mário da silva velloso márcio thomaz bastos ives gandra martins entre outros visando a preservação da legalidade manifestaram-se favoráveis à pec 37 não há que se falar em pec da impunidade como tentam ludibriadamente convencer o mp eis que 100 das condenações criminais no brasil decorrem de crimes apurados em sede de inquérito policial pelo contrário são raríssimas e quase desconhecidas ou inexistentes as condenações criminais no brasil baseadas exclusivamente em investigações criminais pics conduzidas pelo mp ao invés de se admitir investigação criminal por órgãos ou instituições não legitimadas pelo nosso ordenamento jurídico vigente a sociedade deveria promover o fortalecimento da polícia judiciária e debater uma forma maior de autonomia policial frente ao poder executivo a investigação criminal deve se desenvolver de forma equidistante entre as partes sem favorecimento do estado acusação mp ou da defesa sob o crivo do poder judiciário o ministério público promovendo a investigação policial atenta contra o estado democrático de direito já que dando superpoderes de investigar e acusar a uma instituição estaremos corrompendo o ideal de separação dos poderes proposto por montesquieu a pec 37 preserva a higidez do sistema persecutório no brasil que se funda na separação de atribuições entre o órgão investigatório acusador defensor e julgador o poder de investigação criminal foi conferido pela cf à polícia judiciária ao mp além de ser ilegal e inconstitucional é aleatória discriminatória casuística e com viés mediático em total desacordo com o princípio da obrigatoriedade da ação penal ao mp cabe o controle externo da atividade policial a pec 37 não retira poder de investigação de nenhum outro órgão nem mesmo impede a atividade de controle e fiscalização atribuídas legalmente a outros órgãos públicos como tcu cgu ibama coaf e receita federal a cf prevê que o mp é o fiscal da lei e o titular da ação penal desta feita não será impedido de requisitar abertura de investigação criminal ou de diligências referido projeto tem interesse para a classe policial mais precisamente para os delegados de polícia bem como para a sociedade pois visa uma melhora significativa na qualidade dos serviços prestados já que tem como objetivo regrar o exercício da investigação criminal pelo delegado de polícia propiciando as garantias mínimas para esse fim com a aprovação da pec 37 os cofres públicos não serão onerados nem trará qualquer tipo de prejuízo financeiro aos estados a aprovação da pec 37 é de suma importância para a nação pois as investigações criminais exercidas pela polícia judiciária conforme já estabelecido na nossa lei maior trará resultados mais eficazes no avanço ao combate da criminalidade assim requer seja dado conhecimento da manifestação ao excelentíssimo senhor presidente do senado federal com cópia a todos os senadores da república ao excelentíssimo senhor presidente da câmara legislativa federal com cópia a todos os deputados federais à associação dos delegados de polícia do estado de são paulo adpesp ao sindicato dos delegados de polícia do estado de são paulo sindipesp e ao sindicato dos policiais civis do estado de são paulo sinpol jaboticabal 03 de junho de 2013 assinam andréa cristiane fogaça de souza nogueira vereadora dra andréa delegada wilson aparecido dos santos presidente da câmara municipal de jaboticabal e os demais vereadores jan nicolau baaklini carmo jorge marques reino carlos eduardo pedroso fenerich luiz augusto do amaral vitório de simoni sérgio ramos rubens caiuby da gama júnior roberto alessandro raymundo maria carlota niero rocha benedito de vitto júnior e joão roberto da silva vereadores apoiam pec 37/2011 foto divulgação a delegada e vereadora em jaboticabal dra andréa foi a autora da moção que foi aprovada por unanimidade entre os vereadores e encaminhada à câmara federal em brasília julho/2013 11

[close]

p. 12

o brasil e o mundo estão assistindo às manifestações públicas que começaram na cidade de são paulo cobrando a redução no preço das tarifas de ônibus a indignação cresceu e ganhou as ruas de cidades por todo o país e até do exterior aumentando a lista de insatisfação que passou a incluir do combate à corrupção até os gastos excessivos com a copa do mundo enquanto o país não tem investimento nas áreas chave como segurança pública saúde e educação infelizmente para nós policiais civis a situação tem sido duplamente sacrificante pois antes de sermos policiais civis somos cidadãos e como cidadãos temos que cobrar o que nos é devido temos que lutar pelos nossos direitos e como policiais civis temos que lutar por melhorias salariais materiais e principalmente recursos humanos isso passa pela participação da categoria em todas as nossas lutas por esta razão é que gostaria de falar especialmente aos colegas da ativa para que participem efetivamente do movimento estamos num momento crucial nas negociações os secretários que negociam conosco já demonstraram não terem voz para definir nada em relação às nossas reivindicações então é hora de ir à luta policiais civis ativos e inativos muitos colegas dizem que têm medo de se expor ora esse medo é infundado no presídio da polícia civil jamais vi alguém preso por estar reivindicando melhorias os que lá estão foram presos por outros problemas não por estarem cobrando reajuste salarial melhores condições de trabalho aumento de efetivo reestruturação ou outras de nossas postulações É importante que cada um dos policiais civis da ativa saiba que este é o momento de se unir de reforçar o movimento de participar eu vivi na o artigo gigante despertou e nÓs tambÉm devemos despertar ativa durante os anos de chumbo grosso jamais deixei de participar do movimento sindical de cobrar nossos direitos e nunca tive uma punição sequer por reivindicar É claro que sempre tem um algoz aquele que não gosta do sujeito mas esse executor também não está contente com sua situação e sabe que se houver uma luta da categoria ele também será beneficiado com aumento no salário o companheiro da ativa deve fazer a diferença durante o protesto que participamos em são paulo a grande maioria dos associados que seguiu em caravana era composta de policiais civis inativos então o pessoal fala em greve mas o inativo não tem como fazer greve a greve é uma arma que deve ser utilizada única e exclusivamente pelos policiais civis da ativa para mostrar ao senhor governador que não merecemos ser tratados com todo o descaso como ele nos tem tratado para nós inativos é até confortável lutar pela greve mas isso deverá ser conduzido pelos colegas da ativa e devemos fazer sem medo afinal hoje ele está com seu holerite num patamar se quando se aposentar tiver saúde pode até complementar sua renda para ter uma vida mais digna com algum trabalho paralelo fora da instituição mas se quando ele se aposentar sua saúde não mais permitir que ele trabalhe vai ficar com um salário minguado como essa pessoa vai viver por isso é importante investir no movimento hoje pensando no amanhã vale lembra que palito queimado não acende mais mas também vale lembrar que quanto mais colegas aposentados participarem do movimento melhor para nossa categoria afinal o político vive em função de número vejam as manifestações que levavam 15 a 20 mil depois passaram a 50 mil superaram 100 mil e já chegaram a 300 mil manifestantes nas grandes cidades isso tudo atrai a atenção da mídia e no nosso caso não será diferente o aposentado deve participar ao lado do policial civil da ativa não se preocupem em punição porque não haverá não acredito que haja um chefe hoje na polícia civil que esteja satisfeito com seu salário e com os benefícios que deixa de receber porque o governo simplesmente nos dá as costas as negociações estão caminhando para seu momento decisivo e nesse momento uma marcha rumo ao palácio dos bandeirantes para forçar o diálogo com alckmin e até mesmo a greve da categoria não são estratégias descartadas aliás estão se transformando no único caminho que poderemos percorrer afinal a equipe de governo tem sido muito insensível para que possamos sensibilizar não somente ao governo mas sobretudo à sociedade e isso passa obrigatoriamente pela imprensa precisamos de número de ações coordenadas de participação efetiva portanto companheiro da ativa não fique de braços cruzados esperando para ver no que vai dar se não mostrarmos nossa força como foi em 2008 fatalmen te não seremos ouvidos e o colega inativo tem igual responsabilidade não adianta nada ficar em casa esperando para ver se cai alguma coisa no salário do começo do mês vamos participar juntos unidos e fortes como sempre se não houver mobilização fatalmente não haverá resultados contamos com a participação de todos os policiais civis para obtermos vitórias em nossas reivindicações ficaremos de olho no número de policiais da ativa principalmente da capital que participarão da assembleia pois aposentado não faz greve apenas dá seu apoio pessoal e torce para que sejamos vencedores como um policial aposentado pode decidir entrar em greve se os policiais da ativa não estão na assembleia para votar e podem não votar eumauri lúcio da mata presidente do sinpol investigador de polícia inativo 12 julho/2013

[close]

p. 13

c idadania sindicato foi às ruas com a população para manifestar seu descontentamento com os rumos do país o sinpol participou da primeira manifes o jovem estudante marcos delefrate foi apoiando a manifestação pacífica contra ati tegoria que também clama por mudanças e tação pela redução das tarifas por mudan um ato lamentável muito triste que a luta tudes como a do sujeito que vitimou aquele por respeito à população concluiu ças nos rumos do país pelo fim da corrupção do jovem não seja em vão e o sinpol segue rapaz nosso sindicato representa uma ca eumauri e por reformas políticas ocorrida em ribeirão preto no dia 20 de junho de 2013 o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata ao lado dos diretores célio antonio santiago e arnaldo vaz ferreira chegaram cedo na esplanada do theatro pedro ii no centro de ribeirão preto e participaram da concentração de populares a grande maioria dos participantes era formada por jovens e adolescentes segundo eumauri o sinpol tem obrigação de apoiar o movimento nós não compactuamos com os desmandos da classe política achamos absurda a situação que estamos vivendo antes de tudo antes de sermos policiais civis somos cidadãos e queremos ver nossos direitos assegurados queremos o fim da corrupção queremos investimentos em segurança saúde e educação disse eumauri para marcar presença os diretores do sinpol exibiram uma faixa de apoio que percorreu a primeira etapa da caminhada durante o trajeto muitos perguntavam o que significava sinpol e ao saber que era o sindicato dos policiais civis os manifestantes ficavam satisfeitos em ver que contavam com o apoio dos profissionais que atuam no combate ao crime a marca triste da manifestação se deu com a continuidade da marcha o evento deveria terminar na esquina das avenidas independência e 9 de julho parte dos 25 mil manifestantes se dispersou mas cerca de 8 mil seguiu pela avenida presidente vargas e avenida joão fiúsa na zona sul no cruzamento das avenidas joão fiúsa e josé adolfo bianco molina um motorista que ficou com seu carro no meio da manifestação acelerou e atropelou diversos participantes matando sinpol apoia manifestaÇÃo julho/2013 13

[close]

p. 14

jurÍdico ações querem garantir coletivamente o direito dos associados em aposentarem-se pela lei 51/85 a reversão da 1062/08 para a 51/85 e a questão do cargo/função com menos de cinco anos o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata e o advogado ricardo ibelli que integra o departamento jurídico do sindicato estão organizando o ingresso de três mandados de segurança coletivos que se julgados procedentes vão garantir benefícios exclusivos aos associados do sinpol o primeiro dos mandados de segurança visa garantir aos associados o direito de se aposentarem pela lei 51/1985 que garante paridade e integralidade atualmente o estado de são paulo é o único do país que não adota essa lei para seus servidores por entender que ela não foi recepcionada pela cf constituição federal de 1988 o estado utiliza a título de aposentadoria a lei 1062/2008 uma lei que ocasiona grandes perdas no salário do policial civil que quer se aposentar o sinpol tem obtido graças ao trabalho do dr ibelli várias vitórias individuais para nossos associados agora vamos ingressar com o mandado de segurança coletivo para garantir a todos o direito de se aposentarem pela lei 51/85 que é utilizada em todo o restante do país ressalta eumauri em outro mandado de segurança coletivo o sinpol pretende obter a reversão da lei 1062/62 para a lei 51/85 segundo o dr ibelli uma vez obtido esse mandado de segurança todos os associados do sinpol que já se aposentaram pela lei 1062/08 terão os cálculos da aposentadoria e seus direitos revertidos para o que normatiza a lei 51 85 se obtivermos o mandado de segurança e acredito que nossas chances são grandes vamos garantir o ressarcimento das perdas para aqueles que acabaram se aposentando pela lei 1062/08 explica o dr ibelli o terceiro mandado de segurança coletivo diz respeito à questão cargo/função atualmente os aposentados pela lei 51/85 e pelo cômputo geral homem 35 anos de contribuição sendo 20 de estado e 60 anos de idade mulher 30 anos de contribuição dos quais 20 de estado e 55 anos de idade para se garantir o salário na classe em que se encontram no momento da aposentadoria devem ter pelo menos cinco anos atuando desta forma se o policial civil atua por exemplo há mais de cinco anos como investigador de classe especial ele será mantido nesta classe se por acaso ele estiver a quatro anos e meio por exemplo ele será aposentado como investigador de 1ª classe queremos reverter essa outra injustiça por isso estamos entrando também com esse mandado de segurança coletivo destaca eumauri segundo o dr ricardo ibelli nos três casos diante do que vem ocorrendo em relação às leis que regem a aposentadoria dos policiais civis as chances de vitória nos mandados de segurança coletivo são grandes mas elas irão beneficiar somente os associados do sinpol que é a entidade que está ingressando com os mandados de segurança estamos organizando tudo com o sindicato os interessados em obter maiores informações sobre as ações de mandado de segurança coletivo e individuais devem procurar a secretaria do sinpol na rua goiás 1697 em ribeirão preto ou através dos telefones 16 3625-3890 e 3612-9008 concluiu o dr ricardo ibelli nova vitória além das diversas ações que estão se convertendo em vitória dos associados relacionadas às questões de aposentadoria o departamento jurídico do sinpol também tem conquistado vitórias em outras áreas uma das mais recentes foi obtida pelo dr ricardo ibelli em favor do investigador de polícia de monte alto osmair freitas dos santos o advogado conquistou mais uma vitória defendendo o associado do policial civil em uma sindicância veja a íntegra da sentença publicada no dia 26 de junho de 2013 arquivo 204 publicação 53 do gabinete do secretário da segurança pública portarias do delegado de polícia corregedor auxiliar de 20-6-2013 declarando à vista da instrução procedida nos autos da sindicância administrativa disciplinar 3ªca-002 13 dgp 1404/13 instaurada pela 3ª corregedoria auxiliar ribeirão preto embasado no contingente probante carreado ao bojo dos autos acolhe por seus fundados motivos o relatório apresentado pelo delegado de polícia sindicante e sua propositura e com fulcro no artigo 70 v da lop c.c artigo 7º inciso i da portaria cgpc 004/02 decide pela absolviÇÃo de osmair freitas dos santos rg 17.788.768 investigador de polícia lotado delega cia geral de polícia classificado no deinter 3 em exercício na delegacia de polícia de monte alto defensor dr ricardo ibelli oab/sp 139.227 portaria 011/13 sinpol ingressa com mandados de seguranÇa dr ibelli esq e eumauri acreditam que são grandes as chances de vitória nos mandados de segurança coletivos 14 julho/2013

[close]

Comments

no comments yet