Jornal Sinpol Abril 2013

 

Embed or link this publication

Popular Pages


p. 1

informativo oficial do sindicato dos policiais civis ano xix abril de 2.013 nº 198 presidente do sinpol esteve reunido com procuradoras na sede da procuradoria geral do estado para discutir sobre a lei 51/85 que regulamenta a aposentadoria de policiais de todo o país exceto de são paulo sindicalista quer que órgão reveja a questão ele também esteve em encontro na alesp do qual participaram deputados estaduais e o secretário da segurança pública veja na página 4 eumauri conversa na pge tecnologia de reconhecimento via satélite foi um dos trunfos utilizados em ação da especializada em favela que no final de 2012 chegou a ser ocupada pela pm na ação os policiais civis agiram com rapidez já que se orientaram por imagens de satélite facilitando o reconhecimento da área a ser abordada saiba como foi na página 3 dise usa georreferenciamento foto site do sinpol e mais central de f dig de ribeirão preto esclarece autoria da morte de pastor veja a ação dos policiais civis da região 5º dp de ribeirão preto prende falsa grávida que praticava furtos em residências e comércio dr luiz carlos pires discorre sobre relações humanas lagrantes É alvo de queixas emenda constitucional 70 regulamenta aposentadoria por invalidez reportagem do jornal a cidade delegado da dise de bebedouro filia-se ao sinpol denunciou que pms foram obrigados sede social já está com segundo pavimento coberto a aguardar cerca de 10 horas para a policiais civis de descalvado elucidam latrocínio que chocou a cidade realização de flagrantes população também tem reclamado do impresso atendimento que segundo o especial presidente do sinpol teve o número 9912250402 dr/spi de policiais civis reduzido com o sinpol fechamento do 2º plantão questão correios da reengenharia da polícia civil sinpol sindicato dos policiais civis da região de ribeirão preto também é criticada por eumauri rua goiás 1.697 campos elíseos ribeirão preto sp lúcio da mata leia na página 15 abril/2013 o sinpol vai promover no dia 05 de maio mais um grande evento para festejar o dia das mães descubra como será a grande festa e como devem ser as reservas no restaurante à página 8 dia das mÃes cep 14085-460 fone 16 3612-9008 fone jornal 16 3610-2886 jornaldosinpol@uol.com.br

[close]

p. 2

editorial a diretoria do sinpol segue empenhada na luta pelos direitos e por melhorias para a classe policial civil no mês de março estive em são paulo acompanhado do diretor júlio machado para cobrar da pge procuradoria geral do estado uma posição clara quanto à lei 51/1985 que trata da aposentadoria do servidor e não é aplicada no estado de são paulo causando grande prejuízo para quem se aposenta acreditamos que em pouco tempo graças ao trabalho do sinpol a 51/85 seja finalmente aplicada como parâmetro para quem se aposentar corrigindo injustiças cometidas pela lei atual do governo do estado nesse meio tempo tivemos a boa notícia na questão do ale adicional de local de exercício essa é uma das ações propostas pelo sinpol em nome de seu associado além disso ingressamos com mandado de segurança que se conseguido garantirá a incorporação de 100 do adicional ao salário base em alguns casos de ativos e aposentados isso representa um ganho de 50 no salário mas nossas lutas não se dão somente neste campo o sinpol está em guerra declarada à reengenharia na polícia civil nossa diretoria entende que esse projeto prejudica a instituição É gritante a falta de policiais civis em ribeirão preto e região o sinpol tem cobrado sistematicamente do governador a contratação de mais profissionais para que possa ser prestado um melhor atendimento à sociedade que tanto clama por segurança pública além de contratar o governo não permite que as os atuais policiais civis se aposentem após 30 anos de serviço deixando a instituição envelhecida em seus quadros profissionais aliado a essa situação está também a desmotivação em consequência de baixos salários a reengenharia é um erro para mascarar a inércia e a falta de vontade política para contratar novos profissionais e oferecer um atendimento digno à população com o fechamento dos plantões e distritos policiais o povo será obrigado a percorrer uma distância maior para registrar uma ocorrência o fechamento do 2º plantão e a criação da central de flagrantes em ribeirão preto mostram que isso é uma medida meramente paliativa se era para com a central colocar os pms nas ruas mais rápido isso não tem ocorrido até porque reduziram o número de policiais civis até o fechamento do 2º plantão trabalhavam nos dois plantões 10 policiais civis hoje entre o plantão e a central de flagrantes são sete policiais civis o número de policiais civis é cada vez menor enquanto a população é cada vez maior e as ocorrências crescem consideravelmente isso prejudica o trabalho dos policiais civis e sobretudo gera um baixo índice de solucionabilidade não dá para trabalhar desta forma lembro que no final da década de 1970 começo da década de 1980 o 2º dp distrito policial contava com 13 investigadores o bairro quintino ii estava sendo concluído o número de ocorrências era bem menor o grupo era dividido em quatro equipes e todas saiam em campo para lutas nÃo param expediente o jornal do sinpol é uma publicação oficial de circulação mensal do sindicato dos policiais civis da região de ribeirão preto rua goiás 1697 campos elíseos cep 14085-460 ribeirão preto sp e-mail sinpolrp@sinpolrp.com.br diretoria presidente eumauri lúcio da mata vice-presidência célio antonio santiago paulo sérgio ribeiro chagas ricardo contin luiz henrique maringoli de lima josé gonçalves neto suplentes arnaldo vaz ferreira luiz henrique batista gino augusto franco sant anna sérgio ribeiro dos santos robert schmengler guilhaume kátia patrícia pagliari de souza e edmar alberto félix secretários kalinka cintra prado e doracy alves da silva suplentes Érica arrisse esteves dias e armando pisani júnior tesoureiros júlio cesar machado e sami haddad suplentes wagner cândido da silva e jin ciosaki patrimônio olavo elias dos santos suplente cláudia braga conselho fiscal joão carlos barbosa lima maurício kusumota e prisclia yishi s hashimoto suplentes neide amábile pastori e silva marisa lelis takata e jefferson pessoti delegados sindicais darcy gonçalez e licanor de souza campos suplentes ariovaldo torrieri júnior e reinaldo josé sanches o jornal do sinpol É uma publicaÇÃo exclusiva do laboratÓrio de notÍcias r paschoal bardaro 633-a jd irajá ribeirão preto sp fone/fax 16 3610-2886 diretor de jornalismo adalberto luque mtb 19.218 editor chefe júlio castro reportagens mariana araújo parras luque o jornal do sinpol não se responsabiliza por especificações ou informações que não estejam previstas no contrato de publicidade as cobranÇas serÃo feitas exclusivamente por sub ten res pm oswaldo bonfim departamento comercial contatos exclusivos devidamente autorizados fernando mendonça vanderlei garcia da costa israel leal de souza marcos antonio fernandes jorge pontes editoraÇÃo eletrÔnica laboratório de notícias fone 16 3610-2886 e-mail jornaldosinpol@uol.com.br os artigos assinados não refletem necessariamente o conceito do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores realizar investigações o resultado é que o índice de esclarecimento era altíssimo havia eficiência porque havia funcionários para realizar o trabalho de polícia judiciária hoje isso não acontece nos distritos é mínimo o número de policiais civis são poucos investigadores poucos escrivães pouquíssimos agentes delegados enfim há uma carência enorme nas outras unidades também faltam profissionais de todas as carreiras o governo está anunciando que para o concurso de papiloscopista recebem 70 mil inscritos mas são apenas 103 vagas um número muito abaixo do ideal e isso ocorre também em outros concursos como investigadores escrivães e delegados por exemplo são números insuficientes oferecidos nos concursos se analisarmos que segundo o site do governo do paulista são 645 cidades no estado de são paulo recentemente houve um concurso para agente policial onde foram oferecidas 391 vagas ou seja um agente para cada duas cidades isso não cobre o mínimo necessário e o governo aposta na reengenharia para mostrar que tem muitos policiais civis expondo-os em uma única unidade causando transtornos para a população e não enfrentando o problema como deveria nossa posição é simples somos contra a reengenharia para resolver o problema da polícia civil só mesmo contratando eumauri lÚcio da mata presidente do sinpol sindicato dos policiais civis da região de ribeirão preto edital de convocação 01/2013 notas telefones da cantina o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata vem nos termos a cantina que atende aos filiados na chácara do sinpol sob a direção do estatutários convocar todos os associados do sindicato dos policiais civis zezinho tem agradado aos frequentadores e atende às expectativas da direda região de ribeirão preto aptos a votar a comparecerem na assembleia toria de sempre oferecer o melhor aos associados e o zezinho avisa que as geral extraordinária a ser realizada no dia 11 de abril de 2013 à rua goias porções almoços lanches e bebidas bem geladas estão à disposição de todos 1697 bairro campos elíseos ribeirão preto/sp em primeira chamada às durante todo o horário de funcionamento do clube anote os telefones para 18h30 com percentual mínimo de associados de conformidade com o reservas e sugestões junto à cantina 16 8802-0921 8226-7340 9301estatuto e em segunda chamada às 19h00 com qualquer número de pre 3709 sentes também nos termos estatutários para deliberarem sobre contribuição iamspe 01 alterações estatutárias o sinpol informa que ingressará com ação judicial pleiteando a cessa02 autorização para inclusão da cidade de jaboticabal/sp na base ção da contribuição ao iamspe instituto de assistência médica ao serviterritorial do sinpol dor público estadual a presente ação é proposta com o objetivo de cessar publique-se e afixe em local próprio o desconto compulsório realizado em folha de pagamento dos servidores ribeirão preto 19 de março de 2013 públicos do estado referente ao pagamento da contribuição ao iamspe eumauri lúcio da mata presidente em cumprimento ao disposto no art 149 caput da cf constituição federal podem ingressar com esta ação todos os servidores públicos estaduais estando em atividade aos inativos o sinpol dispõe de um formulário associaram-se ao sinpol no mês de março de 2013 os seguintes próprio para cessar o desconto sem a necessidade de ação os interessados podem pedir esclarecimentos à central de atendimento sinpol pelos policiais civis telefones 16 3625-3890 3612-9008 e 3979-2627 ou na sede social do maurício vieira da silva delegado de polícia sindicato à rua goiás 1697 luiz carlos colucci investigador de polícia para quem pretende se aposentar kátia cristina ferreira da silva carcereira a diretoria do sinpol alerta os associados que pretendem se aposentar a diretoria do sinpol dá boas vindas aos novos associados e está pela lei complementar 1062/2008 que perdas podem ocorrer e solicita aos à disposição de todos os policiais civis que quiserem integrar o qua interessados que entrem em contato com seus diretores para saber quais serão suas perdas imediatas maiores informações na sede social do sindicadro associativo do sindicato to à rua goiás 1697 ou através da central de atendimento sinpol pelos fones 16 3625-3890 3612-9008 e 3979-2627 atenção o sinpol comunica aos associados que está entrando com a ação refeassociado do sinpol que ingressou no quadro de aposentados rente à incorporação do ale adicional de local de exercício quem tiver em março de 2013 interesse favor entrar em contato com a central de atendimento sinpol valdir delfino investigador de polícia de classe especial pelos fones 16 3625-3890 3612-9008 e 3979-2627 para obter maiores a diretoria do sinpol felicita o policial civil por sua brilhante informações o sinpol deixa claro que não haverá problema algum de carreira desejando-lhe poder usufruir seu merecido descanso com entrar com esta ação pois a que foi ingressada em relação ao ale foi um mandado de segurança muita saúde e alegria novos associados aposentados 02 abril/2013

[close]

p. 3

dise operação saturação realizada pela especializada em favela de ribeirão preto desmontou esquema do tráfico apreendendo armas e drogas a dise delegacia de investigações sobre entorpecentes de ribeirão preto está contando com um novo aliado no combate ao tráfico de drogas os policiais civis da especializada estão contando com o uso de georreferenciamento em suas ações o trabalho inicia-se com a obtenção das coordenadas de pontos de imagem ou do mapa os pontos de controle são locais que oferecem uma visão física perfeitamente identificável que mostram em detalhes o local a ser analisado através de imagens de satélite ou gps sistema de posicionamento global na sigla em inglês segundo o dr ariovaldo torrieri júnior titular da especializada o uso da tecnologia facilita a ação em campo dos policiais civis nosso objetivo é mapear todas as favelas de ribeirão preto tornando possível a localização de pontos de difícil acesso e facilitando nossa movimentação durante uma ação estratégica com o planejamento feito e com o uso do georreferenciamento nossos policiais civis vão diretamente ao local onde pretendemos surpreender os criminosos explica uma ação foi planejada para a favela do bairro adelino simione também conhecida por favela do pó ou favela do gordo o local foi o mesmo ocupado pela polícia militar no final de 2012 após os ataques sofridos por pms possivelmente cometidos por integrantes de uma facção criminosa o trabalho foi iniciado pela equipe delta i da dise mas para a ação que recebeu o nome de operação saturação participaram outras três equipes envolvendo todos os policiais civis da especializada o grupo elencou através do uso do georreferenciamento alguns alvos a serem objetos de incursão durante a ação do grupo na favela e os resultados não poderiam ser melhores atuando em frentes distintas os policiais civis iniciaram as diligências na favela do pó no início da manhã do dia 06 de março indo direto aos pontos alvos sabendo como chegar lá e o que poderiam encontrar pela frente os policiais civis agiram rapidamente dando pouca chance de reação para os criminosos em um dos locais onde foram realizadas as diligências os policiais civis prenderam em flagrante a.c.s de 19 anos ele estava em um barraco utilizado para o tráfico de drogas um adolescente de 17 anos v.a.o.s também foi preso no local e em seu poder havia uma pistola taurus 9mm o adolescente foi apontado como gerente do tráfico de drogas na favela com ele foram apreendidos r 519 em dinheiro três rádiocomunicadores dois celulares materiais para embalagem e porções de maconha crack e cocaína o homem adulto foi levado para o cdp centro de detenção provisória e o adolescente foi encaminhado ao nai núcleo de atendimento integrado em outro barraco os policiais civis da especializada localizaram e prenderam l.p.t de 31 anos considerado foragido da penitenciária de bauru desde 02 de janeiro de 2013 ele saiu no indulto de natal e ano novo e não retornou mais à unidade prisional segundo o dr torrieri a ação foi considerada um sucesso pois tudo se desencadeou num espaço de tempo muito menor do que a equipe utilizaria numa diligência normal sem contar com o apoio do georreferenciamento o titular da especializada contou que os policiais civis tinham conhecimento da ação do menor no tráfico de entorpecentes naquela região informações davam conta de que ele estava aterrorizando a população da favela reunimos todas as informações fizemos um planejamento minucioso e a ação foi um sucesso comemora o dr torrieri o delegado explicou que a especializada está se especializando tecnologicamente utilizando de todos os recursos para cruzar dados e atuar no combate ao tráfico de entorpecentes nós sempre avaliamos os casos em que participamos buscando relação com outros casos para saber sobre possíveis ramificações também contamos com a tecnologia própria e isso vai facilitar o combate aos traficantes vamos mapear todas as favelas e onde houver possíveis pontos de vendas de droga isso vai nos dar maior agilidade isso não significa que iremos deixar de lado as campanas as investigações de campo foto reprodução google maps georreferenciamento É usado em aÇÃo estamos nos aperfeiçoando sobretudo para mostrar que com a dise os traficantes jamais terão vida fácil destaca o delegado sem adiantar possíveis futuras ações o dr torrieri foi incisivo ao afirmar que o objetivo do grupo que compõe a dise de ribeirão preto é continuar mantendo o alto índice de apreensão de drogas e de prisões de traficantes estamos atentos e nosso planejamento busca sempre ser eficiente contando com logística investigação informações privilegiadas denúncias e com a determinação de todos os que integram a dise concluiu o dr torrieri imagens são aliadas dos policiais civis no combate ao narcotráfico o titular da dise dr ariovaldo torrieri jr comemora o sucesso da operação que contou com a ferramenta que permite antever o terreno que será percorrido na ação com detalhes obtidos por satélite abril/2013 03

[close]

p. 4

eumauri sindicalismo presidente do sinpol foi a são paulo para tratar de parecer relativo à lei 51/85 e na assembleia reuniu-se com ssp e deputados elas darão encaminhamento às comissões o que resultará em novo parecer em breve faremos isso relatou eumauri em relação ao parecer à permanência de cinco anos na classe o sinpol argumentou que com a edição do artigo 9º da lei 1151 há um novo entendimento à promoção na classe imediatamente superior o que não exigiria a permanência por não haver mudança na carreira e no cargo as procuradoras disseram que somente um novo estudo poderia dar uma interpretação à matéria inclusive evitando muitas ações judiciais e elas se mostraram favoráveis a isso a reunião a nosso ver foi muito proveitosa e temos a certeza de que um novo canal de diálogo foi aberto na pge e desse canal vamos usufruir sempre que necessário e possível com o objetivo de prestar mais um serviço aos nossos associados avaliou eumauri na alesp após o encontro na pge os sindicalistas dirigiram-se para a alesp assembleia legislativa do estado de são paulo onde tiveram um importante encontro com o secretário da segurança pública do estado de são paulo fernando grella vieira o encontro reuniu também representantes sindicais de várias categorias e a diretoria da feipol-se federação interestadual dos policiais civis da região sudeste da qual o sinpol faz parte o encontro ocorreu a pedido da comissão de segurança pública da alesp e os questionamentos ao secretário foram abertos somente aos deputados diante disso eumauri passou a municiar os deputados de questionamentos o deputado campos machado amigo pessoal do presidente do sinpol foi quem deu início aos questionamentos e ele foi objetivo campos machado quis saber quando seriam efetivamente concluídos os trabalhos da comissão formada por deputados e representantes do governo com a apresentação pelo executivo de uma proposta final a respeito da valorização das carreiras de escrivão e investigador que se arrasta por vários meses e tem causado muito desconforto dada a morosidade do governo explicou eumauri segundo o presidente do sinpol grella vieira garantiu que o assunto estava em pauta e que ele mesmo vinha sendo cobrado pelas entidades de classe dentre as quais o sinpol disse que estava agendando uma reunião com o governador para solicitar um posicionamento oficial já que a questão não depende só dele mas de outros secretários de governo em outro momento o secretário foi questionado em relação à subordinação da corregedoria onde foi sugerido que ela volte foto site do sinpol reÚne-se com procuradoras e na alesp o sinpol continua sua jornada de viagens para buscar resolver questões diretamente ligadas à categoria dentre as quais uma que tem causado bastante polêmica a aposentadoria no dia 07 de março o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata e o diretor do sindicato júlio machado foram a são paulo onde participaram de uma audiência na pge procuradoria geral do estado com as procuradoras sílvia helena furtado martins e luciana rita laurenza saldanha gasparini o objetivo do encontro foi tratar dos pareceres da pge contrários à aposentadoria nos termos da lei 51/85 além da necessidade imperiosa de permanência de cinco anos na classe para garantir o provendo quando do requerimento da aposentadoria eumauri questionou os pareceres em virtude do stf supremo tribunal federal e de outras instâncias do poder judiciário estarem reconhecendo que a lei 51/85 foi recepcionada pela cf constituição federal de 1988 mas que em virtude de ainda não ter sido editada súmula vinculante a respeito ainda é necessário que os policiais civis ingressem com diversas ações para garantir o direito durante o encontro as procuradoras disseram a eumauri e júlio que o parecer relativo à lei 51/85 tem data anterior às decisões judiciais e que está em vigor sendo seguido pela spprev sugeri que era preciso requerer novo estudo sobre os pareceres e as procuradoras garantiram que se isto for feito para a dgp delegacia geral de polícia dr grella limitou-se a dizer que o assunto estava em estudo no decorrer do encontro o deputado major olímpio voltou a questionar a urgência da proposta do governo em relação ao nível universitário também foi tratada a questão da carreira jurídica para delegados de polícia e todos os deputados foram unânimes quanto à necessidade urgente na contratação de mais policiais civis no encerramento foi confirmado que o projeto de lei do ale adicional de local de exercício já estava na alesp e que o pagamento seria feito a partir de 01 de março de 2013 ao término da audiência pública eumauri conversou com o presidente da comissão de segurança deputado adilson rossi eles nos disse que está empreendendo esforços para que em breve seja feita uma reunião da comissão com a participação do secretário da casa civil edson aparecido e que as entidades de classe seriam avisadas sentimos que depois de muita indefinição os deputados estão se mobilizando para exigir do governo um posicionamento e a conclusão dos estudos para valorizar as categorias finalizou eumauri eumauri e demais sindicalistas ao lado do secretário da segurança pública dr grella vieira na alesp onde houve questionamentos por parte dos deputados estaduais em relação a assuntos que interessam à categoria 04 abril/2013

[close]

p. 5

filiaÇÃo titular da dise de bebedouro e do necrim delegado que é filho do ex-seccional de araraquara filiou-se em março ele idealizou canil na polícia civil o mais novo associado do sinpol seguiu os passos do pai e trilhou uma sólida e respeitável carreira na instituição o dr maurício vieira silva é titular da dise delegacia de investigações gerais e do necrim núcleo especial criminal ambos de bebedouro optou em ingressar na polícia civil pelo espelho que tinha em sua própria casa seu pai o dr josé francisco bastos silva foi durante nove anos delegado seccional de araraquara nos tempos em que o delegado regional era o dr renato ribeiro soares lembra o novo associado dr maurício começou como investigador em março de 1982 atuou em araraquara araçatuba e santa lúcia em janeiro de 1989 aprovado em concurso foi nomeado delegado de polícia ficou dois anos e três meses em terra roxa e desde 1991 atua e reside na cidade de bebedouro sede da delegacia seccional de polícia comandada pelo dr josé eduardo vasconcelos além da dise e do necrim o dr maurício que é delegado de 1ª classe também auxilia em outras unidades da polícia civil quando necessário segundo ele sua carreira é a segunda paixão em sua vida depois de minha esposa e meus filhos amo minha carreira destaca o delegado não são raras as vezes que o dr maurício é alvo de ações policiais que ganham destaques e geram elogios mas nem por isso o delegado está acomodado ele já atingiu o tempo necessário para se aposentar mas pretende continuar trabalhando pois não se imagina fazendo outra coisa e entre vários projetos um em especial rendeu-lhe frutos excelentes ele foi o responsável pela criação pioneira de um canil na polícia civil na verdade fui incentivado pelos funcionários que se dedicaram a este objetivo principalmente pelo escrivão rodrigo janotta que dá o seu sangue inclusive cuidando dos cães até nas horas de folga temos atualmente no canil três cães dois da raça rottweiler e uma da raça labrador os rottweiler são cães de ataque e a nossa cadela kenya labrador é farejadora explica o delegado a cadela kenya tem participado de diversas ações para localização e apreensão de drogas e sempre que atua é garantia de destaque na mídia regional estadual e até nacional ela participou de importantes apreensões da equipe que integra a dise de bebedouro mas o dr maurício lembra que apesar do pioneirismo o caminho é demorado os frutos virão mas é um trabalho bastante demorado a kenya por exemplo foi treinada pelo alessandro márcio dos santos adestrador do ams canil por três anos ele ensinou a cadela a farejar e o rodrigo a andar com o cão conta o delegado pelo pioneirismo dr maurício acredita que bebedouro vá inspirar a polícia civil na instalação de outros canis em várias regiões do estado mas é realista ao afirmar que os frutos demoram a dar resultado morando em bebedouro há 22 anos o dr maurício orgulha-se de conhecer bem os meandros do crime para combatê-lo sempre à altura considerando-se filho da cidade ele não se imagina morando ou trabalhando em outro lugar e adora o que faz elogios não são poucos os casos em que a equipe da dise de bebedouro é elogiada por sua atuação no mais recente deles o grupo foi elogiado através da portaria dgp-06 de 06 de fevereiro de 2013 de acordo com o documento após análise do conselho de polícia civil foi emitido parecer favorável ao formal reconhecimento das atividades desenvolvidas pelos policiais civis num dos trechos a portaria 06/2013 é explícita quanto ao trabalho realizado pela dise de bebedouro considerando o excelente trabalho de investigação sobre narcotráfico realizado pelos policiais civis da delegacia de polícia de investigações sobre entorpecentes de bebedouro deinter-3 ribeirão preto que resultou nas prisões em flagrante no dia 13/09/202 de um homem e uma mulher que mantinham em depósito 271 quilos de maconha prosseguindo nas diligências prenderam mais três indivíduos que tinham guardados 544 quilos e 95 gramas do mesmo entorpecentes na sequência das investigações apreenderam mais nove quilos e 206 gramas de maconha e realizaram a prisão de mais um indivíduo considerando finalmente a ampla divulgação na imprensa o que elevou a credibilidade e enalteceu a imagem da polícia civil do estado de são paulo resolve conceder com fundamento nos artigos 58 59 inciso iii e 61 parágrafo único todos da lei complementar 207/1979 elogio aos seguintes policiais civis delegado dr maurício vieira silva escrivães rodrigo marques janotta e ana cristima gomes de faria investigadores joão fernando gomes de faria manoel josé marques de almeida mara izabel sanches de toledo e leonardo josé alves do nascimento agente policial dejair aparecido valentim carcereira adriana aparecida de freitas mendes concluiu a portaria assinada pelo dgp dr luiz maurício souza blazeck a equipe também foi elogiada pelo diretor do deinter-3 dr joão osinski júnior e pelo seccional de bebedouro dr vasconcelos foto dise bebedouro dr maurÍcio vieira silva associa-se ao sinpol dr maurício delegado titular da dise de bebedouro é um dos novos sócios do sinpol abril/2013 05

[close]

p. 6

artigo relaÇÕes por dr luiz carlos pires humanas emenda constitucional 70 fala sobre aposentadoria por invalidez em uma sessão conjunta realizada pela câmara e pelo senado federal foi aprovada a emenda constitucional 70 que vai garantir ao servidor público que tenha ingressado na carreira até o dia 31 de dezembro de 2003 o direito de se aposentar por invalidez permanente com vencimentos integrais e garantia de paridade a proposta era bastante aguardada por entidades de representação de funcionários públicos dentre as quais o sinpol segundo a presidenta do sindicato maria alzira da silva corrêa o texto aprovado pelos congressistas dá prazo de 180 dias para que a união estados distrito federal e municípios revejam a situação dos servidores que se aposentaram por invalidez permanente e não recebam vencimentos integrais a mesma medida vale para pensões delas decorrentes concedidas a partir de 1º de janeiro de 2004 a seus servidores a emenda constitucional 70 foi publicada no dou diário oficial da união de 30 de março de 2012 e passa a vigorar pela emenda 41/2003 com acréscimo do seguinte artigo 6ºa o servidor da união dos estados do distrito federal e dos municípios incluídas suas autarquias e fundações que tenha ingressado no serviço público até a data de publicação desta emenda constitucional e que tenha se aposentado ou venha a se aposentar por invalidez permanente com fundamento no inciso 1 do parágrafo 1º do artigo 40 da constituição federal tem direito a proventos de aposentadoria calculados com base na remuneração do cargo efetivo em que se der a aposentadoria na forma da lei não sendo aplicáveis as disposições constantes dos parágrafos 3º 8ºe 17º do art 40 da constituição federal cabe aos servidores que se incluem no detalhamento da emenda 70 optarem pela manutenção dos proventos ou solicitar a revisão da aposentadoria para garantia da última remuneração e da paridade segundo dados fornecidos pela agência câmara de notícias em 2008 de um total de 583.367 servidores públicos federais em atividade haviam sido concedidas mais de 10 mil aposentadorias das quais 1.395 por invalidez permanente a presidenta do sinpol alerta aos associados que em caso de dúvida consultem o jurídico do sindicato recentemente estando eu a trabalho em uma empresa chamou-me a atenção de forma negativa a maneira pela qual a chefia daquele estabelecimento se dirigia a seus subalternos com atitudes gestos e palavras onde o lugar comum era o autoritarismo e a falta de sensibilidade no trato com seus semelhantes os fundamentos organizacionais de uma empresa ­ seja pública ou privada ­ ensejam crer que ali em maior ou menor número existam pessoas ­ trabalhadores ­ que sejam impulsionadas em suas atividades laborativas a atingir a consecução dos objetivos da empresa temos assim a meu ver que o resultado final do alvo a ser alcançado com inegáveis ganhos para a empresa não importando se pública ou privada que deve ser o princípio norteador da atividade de chefia o será mais facilmente colimado com gestor exercendo seu mister de forma democrática não se descurando da afabilidade no trato para com seus companheiros de missão tratando-os tanto quanto possível da forma como gostaria que seus eventuais superiores o tratassem dos predicados a ser exigidos daquele que pretenda chefiar um grupo de pessoas ­ conhecimento da atividade fim criatividade estrita atenção às normas e regulamentos que regem sua instituição além de outras não menos importantes e que aqui poderíamos elencar ­ não se poderia olvidar das atividades alusivas às relações humanas que me parece são sumamente importantes na interação entre chefes e subordinados tendendo a concorrer conforme forem executadas para um promissor resultado a que a empresa se propôs quando erigida ou contrariamente num retumbante fracasso as relações humanas são atividades meio para se conseguir a harmonia em todas as tarefas a que se proponha o ser humano no seio da família na escola na sociedade no trabalho etc no trabalho que é o tema de que ora me ocupo as relações humanas ­ que mais uma vez gostaria de repetir ­ visam melhorar o convívio entre as pessoas indistintamente tendendo a um bom relacionamento o rendimento no trabalho aumenta sempre que houver maior satisfação por parte dos membros do grupo no trabalho o que no parágrafo anterior consignamos como rendimento pode ser identificado como produtividade assim o chefe que esbraveja com seu subalterno pela deficiência de um serviço e que muitas vezes ocorreu independentemente da vontade do trabalhador estará criando fortes barreiras pelo ressentimento e hostilidade que passarão a existir entre ambos com resultados negativos que facilmente serão detectados vindo a ocorrer fatalmente se o administrador não modificar sua forma de agir frente a seu subordinado em pífia produtividade a empresa não conseguiu atingir e confirmado restou quando da elaboração do balanço de final de ano o objetivo de todo e qualquer empresário ­ lucro na empresa pública ­ secretarias seções etc ­ a falta de produtividade vai influir negativamente nos anseios aos atendimentos dos justos reclamos da sociedade como um todo para quem afinal ela foi criada e tudo isto pasmem na maioria das vezes pela inexistência de pessoas bem preparadas para exercer chefias o chefe cordato educado ­ enérgico quando e se necessário ­ e que seja detentor de postura ética irrepreensível disciplinado e hierarquizado terá maiores chances de obter sucesso na condução de seus companheiros de trabalho ­ e que não sejam vistos como meros empregados seus ­ atingindo sem maiores desgastes os objetivos para os quais a empresa /repartição foi criada o dia do trabalho a ser comemorado no primeiro dia do mês de maio vindouro nos induziu a essas reflexões dr luiz carlos pires ex-delegado regional de polícia de ribeirão preto/sp e ex-professor da academia de polícia dr coriolano nogueira cobra 06 abril/2013

[close]

p. 7

violÊncia através das imagens captadas pelas câmeras de segurança e com a apreensão de um dos participantes especializada identificou autores da morte de pastor evangélico pouco mais de 24 horas depois do latrocínio que vitimou o pastor evangélico newton cesar reyde a dig delegacia de investigações gerais de ribeirão preto esclareceu o caso e identificou os acusados o crime chocou não só por se tratar de uma pessoa muito querida na comunidade dos campos elíseos onde estava localizada a igreja em que atuava como pastor mas principalmente pelas imagens muito nítidas que mostram toda a ação até o momento em que o pastor alvejado por três disparos agoniza no chão do estabelecimento por volta das 23 horas o pastor estava em uma padaria localizada no bairro dos campos elíseos como fazia costumeiramente após terminar o culto na igreja em que atuava a igreja missionária unida que fica na rua sergipe também nos campos elíseos como de costume ele apanhou sua filha de 16 anos na escola e foi até a padaria a adolescente ficou no carro enquanto o pai entrou para comprar algumas coisas no estabelecimento pouco depois quando newton falava ao celular dois assaltantes entraram no local um era alto e negro e o outro baixo e pardo eles anunciaram o assalto no caixa do estabelecimento e pegaram dinheiro e o relógio de outro cliente o pastor estava de costas e não percebeu que se tratava de um assalto nisso o assaltante de menor estatura aproximou-se do pastor e arrancou-lhe o celular assustado e sem entender o que estava acontecendo o pastor foi atrás do ladrão tentando reaver seu telefone numa reação instintiva o outro assaltante na entrada da padaria ao ver o pastor se aproximando do comparsa começou a disparar a arma um dos tiros inclusive quase atingiu seu comparsa o pastor foi atingido por três tiros e caiu ao chão as imagens são bastante nítidas e encerram-se pouco depois da fuga dos assaltantes enquanto o pastor ainda agonizava no chão ele ainda chegou a ser socorrido à santa casa de misericórdia mas não resistiu aos ferimentos e morreu cerca de uma hora depois do assalto imediatamente a dig passou a atuar no caso ao analisar as imagens o titular da especializada dr paulo henrique martins de castro avaliou que as imagens eram muito claras e que contava com a ajuda da população denunciando os autores do latrocínio roubo seguido de morte da vítima e foi uma denúncia anônima que fez com que um dos participantes do crime fosse detido pouco mais de um dia depois da morte do pastor pms foram averiguar a denúncia e apreenderam o menor v.r.v.b.f de 17 anos eles também encontraram a arma utilizada no assalto o caso foi encaminhado para a dig que procedeu no interrogatório segundo o investigador sebastião signei de morais que participou do interrogatório ao menor f admitiu que a arma utilizada no crime era sua a arma foi encaminhada para a perícia para confirmar se os tiros que causaram a morte do pastor partiram dela ele disse que o revólver era dele mas que estava com o comparsa que foi quem atirou isso nós já havíamos confirmado pelas imagens também já havíamos feito a identificação do autor dos disparos os dois são menores de idade explicou signei o menor apreendido chegou a dizer que nem viu que o amigo estava disparando quando tudo aconteceu o outro menor que participou do assalto e que de acordo com as imagens atirou e matou o pastor newtou foi p.c.s também de 17 anos a mãe do rapaz que estava foragido até o fechamento desta edição compareceu à dig para prestar declarações ela foi acompanhada de outros dois filhos menores e disse que s não morava com ela ele vivia na favela do jandaia e que ía visitá-la esporadicamente segundo signei ela disse que ele havia ido até sua casa após o latrocínio e garantiu que iria se entregar para os policiais civis no entanto isso não aconteceu diante disso o dr paulo henrique obteve na justiça um mandado de apreensão do adolescente e ele vem sendo procurado o menor foragido já teria passado pela fundação casa por conta do envolvimento com o tráfico de drogas ele segue sendo procurado pelos policiais civis o adolescente apreendido já está cumprindo medidas sócio imagens do circuito interno da panificadora mostram o assalto com riqueza de detalhes até a execução do pastor que sequer desconfiou do que estava acontecendo pois quando tudo começou ele estava falando ao celular dig esclarece latrocÍnio educativas na fundação casa a padaria onde o pastor foi assassinado já tinha sido assaltada dias antes ela fica no mesmo bairro onde até o final de fevereiro funcionava o 2º plantão que foi desativado e teve criada a central de flagrantes leia matéria nesta edição que funciona no prédio anexo ao 1º dp comerciantes afirmam que a violência tem aumentado muito nos campos elíseos e alguns atribuem esse aumento ao fechamento do plantão participaram das investigações coordenadas pelo dr paulo henrique os seguintes policiais civis dr turra signei henrique e ipólito foto reprodução os investigadores henrique esq e signei da dig participaram da apuração do caso e da identificação dos acusados abril/2013 07

[close]

p. 8

seguem no ritmo programado as obras da construção da futura sede social do sinpol no bairro da ribeirânia o segundo pavimento já foi concluído e a cobertura já foi providenciada o telhado é a última etapa desta parte da edificação a estrutura do prédio já chama a atenção dos moradores da região e o jornal da região sudeste dirigido pelo jornalista e radialista gil santiago e que circula exclusivamente na região onde o prédio está sendo construído publicou reportagem de destaque falando sobre a futura sede social do sinpol e os benefícios que a obra trará para a região acompanhe algumas fotos da visita do vice-presidente do sinpol célio antonio santiago acompanhado do diretor arnaldo vaz ferreira durante o início da construção do telhado do prédio ova sede jÁ tem segundo pavimento coberto nova sede jÁ tem segundo pavimento coberto dia das a diretoria do sinpol está promovendo um dia repleto de atividades para marcar a comemoração do dia das mães o evento será realizado na chácara do sinpol no dia 05 de maio de 2013 das 10 às 17h00 o doutor móvel estará presente para prestar atendimento e orientação às mulheres interessadas também haverá aulas de dança zumba e diversas atividades além de muitas surpresas o dia será animado por dico santiago e banda a dra sílvia elisa ruivo v mendonça irá proferir palestra sobre a lei maria da penha na cantina do zezinho um cardápio especial com deliciosa comida mineira no sistema self service à vontade apenas r 17,00 por pessoa os interessados em participar desta grande festa devem confirmar suas reservas na cantina pelos telefones 16 8802-0921 8226-7340 9301-3709 maiores informações na sede social do sindicato à rua goiás 1697 ou através da central de atendimento sinpol pelos fones 16 3625-3890 3612-9008 e 3979-2627 no sinpol mÃes 08 abril/2013

[close]

p. 9

a morte de um homem de 48 anos chocou a tranquila cidade de descalvado o crime ocorreu no dia 23 de fevereiro de 2013 francisco vivaldo pestiglio júnior de família tradicional da cidade foi encontrado morto no interior de sua casa quem encontrou o corpo foi seu próprio pai que esteve no local na manhã de domingo e ao entrar deparou-se com o filho caído sem vida num dos cômodos do imóvel os policiais civis de descalvado passaram imediatamente a investigar o crime já considerando a hipótese de latrocínio segundo o investigador valter dall acqua júnior o local não apresentava sinais de arrombamento porém o interior da residência estava bastante revirado o veículo da vítima também não estava no local e foi encontrado na manhã do mesmo dia em que o corpo foi descoberto o carro havia sido abandonado na vizinha cidade de porto ferreira chico como a vítima era carinhosamente chamada era muito querido por amigos e familiares e aparentemente não tinha desafetos a violência da ação que resultou na morte do homem causou grande comoção em toda a região as investigações sobre o caso começaram imediatamente a equipe de policiais civis de descalvado desconfiou do fato de o veículo ter sido abandonado em porto ferreira os investigadores tinham duas linhas para avaliar o caso teria sido cometida por alguém de porto ferreira que levou o carro e outros pertences da vítima era a mais evidente segundo valter todavia essa não foi a principal linha de investigações desde o início desconfiamos que os autores do latrocínio eram mesmo de descalvado parecia ser muito evidente o carro ter sido abandonado em porto ferreira por moradores de lá que haviam praticado o crime em nossa cidade passamos a investigar já considerando que havia sido gente de descalvado quem cometeu o cri policiais civis de me e tentou dificultar as investigações abandonando o veículo em porto ferreira explica o investigador os policiais civis foram a campo e em pouco tempo já tinham indícios dos responsáveis pelo crime alguns elementos que já tiveram passagens pela polícia deram indícios de que os autores eram mesmo de descalvado e o cerco foi se fechando foi um crime muito violento cometido em um bairro onde residem pessoas de um bom poder aquisitivo em pouco tempo levantamos a autoria do latrocínio todos os três acusados já tiveram passagens policiais anteriores explica valter após montar o quebra-cabeça a equipe chegou até os elementos que acabaram confessando a abordagem dos acusados ocorreu no dia 23 de março participaram do latrocínio l.f.m.j de 18 anos e dois menores n.s de 17 anos e r.z de 14 anos de acordo com os rapazes o grupo passeava no bairro na tarde do sábado quando notaram a casa de chico com o portão aberto e o veículo estacionado na rua eles teriam tido a ideia naquele momento e entraram no local renderam a vítima e dispararam em seu peito o tiro não foi ouvido pelos vizinhos em seguida segundo valter os assaltantes teriam roubado vários objetos apanhado o controle remoto da garagem e levado um molho de chaves indo embora porém por volta de meia noite do dia 24 o maior de idade que assumiu ter atirado contra chico voltou para o local e roubou o carro que estava na rua ele chamou um dos menores que cometeu o latrocínio com ele e foram para porto ferreira em um baile funk o chico estava como de costume limpando sua residência e os três aproveitaram a oportunidade não foi nada planejado foi de embalo roubaram vários pertences e foram embora À noite o elemento que é maior de idade voltou ao local roubou o carro da vítima e foi para o baile funk suspeitamos que eles tenham usado o veículo em descalvado algum outro crime mas ainda não temos nada confirmado eles deixaram o carro em porto ferreira por volta de 3h00 e vieram para descalvado explica valter durante o depoimento segundo o policial civil os três não demonstraram arrependimento por terem cometido o crime e narraram como tudo ocorreu com frieza o maior assumiu ter feito o disparo ele também confessou o que levou e para quem repassou algumas peças roubadas foram recuperadas pelos policiais civis a arma utilizada no crime segundo o autor teria sido obtida em um furto que ele havia cometido tempos atrás e era usada em sociedade com um dos menores que participou do latrocínio todos os três já tiveram passagens antefoto polícia civil de descalvado desvendam latrocÍnio riores por furto e envolvimento com drogas o maior que completou 18 anos recentemente foi encaminhado para a cadeia pública de são carlos e os dois menores apreendidos junto ao nai núcleo de atendimento integrado as investigações foram iniciadas sob o comando do delegado titular dr alaor garcia e concluídas em razão de suas férias pelo dr domingos de matos titular em santa rita do passa quatro e que respondeu interinamente por descalvado os policiais civis que integram descalvado são os investigadores paulo belli ednil valentim e valter dall acqua júnior e os escrivães jeane moraes geraldo belli paula carvalho gilberto morais e jussara junqueira parte da equipe da polícia civil de descalvado a partir da esquerda belli jeane nil valter jussara paula e gilberto abril/2013 09

[close]

p. 10

aniversariantes a vida é um milhão de novos começos movidos pelo desafio sempre novo de viver e fazer todo sonho brilhar feliz aniversário aos nascidos em maio 1 odair fernandes machado roberto aparecido amadeu ildon pimenta de pádua josé vitor perissini aloísio mori de carvalho roseneide bargas ribeiro júlio cezar pastori sueli regina emiliano 3 laércio sostena claudinei iossi marcelo rodrigues da silva fernando tadeu viana luís antonio da silva 4 eurico ferreira de souza carlos henrique pischiotini márcio alves 5 edilson piovani reinaldo aparecido schmidt roberto mário dos santos benivaldo bastos de santana edgard jorge lauand júnior 6 roberto carlos de santi antonio hernandes lopes guilherme valerini damasio de andrade mateus aldin antonio marcos falvo 7 antonio josé serrate de campos erick walter mouro borba 8 marco antonio sales marcos reginaldo de souza silva 9 josé carlos florio idalina alves ferreira juliano ferreira da silva conceição aparecisa sales girotto 10 antonio carlos kociani 11 arnaldo vaz ferreira fábio josé branquinho pereira 12 sami haddad maria de lourdes chiaretti valtecílio lino nascimento maria josé balbino geraldo cascaldi júnior daniel alfredo dos santos marcelo g lopes da cunha 13 edson luiz franco cláudio vargas paulo henrique vianna carlos alberto cordeiro robinson aparecido carneiro 14 luiz silva joão domingos donadom wilson paulo de oliveira carlos eduardo a de barros 15 roberto bettini paulo roberto barbosa aparecido aricrênio ramos da conceição josé antonio passeto queila sara pereira martins 16 antonio paulo bacan júnior aldenor benito furnaletto ana aparecida de oliveira ananias ivone pereira crispin 17 ricardo marcelo de paula ferreira mateus azevedo maria inez da silva gerson guido mattioli josé jucélio rodrigues débora aparecida ciongolo trentin menuzzi martins filho fernando aparecido de moraes 18 roberto fernandes olésio guimarães marcelo ferreira francisco dinessa maira alvares 19 bernardo silva matheus alexandre saltarelli ana mary de oliveira antonio granger carlos alberto bertini 20 mônica de oliveira carneiro scarparo 21 diva rodrigues dos santos paulo sérgio fernandes da costa benedito ferrante 22 sebastião otávio ramos antonio sérgio garcia carlos silva vital 23 nelson orlando Érica arrisse esteves dias maria alice lopes da cunha 24 antonio orival salgado antonio cabral sérgio luiz correa da silva 25 walter de andrade milton sérgio alves pereira josé gonçalves neto waldir aparecido ambrósio angelo jovenir ulian roberto custódio ribeiro sílvio miguel gomes 26 antonio carlos schivo antonio aparecido soares de souza renato theodoro wanir josé da silveira junior miqueias cavalcante de lima 27 vanderlei viola elias ferreira de souza jurema francisco de andrade edmundo ferreira gomes 28 rafael camolesi lílian medeiros luís carlos valentim 29 edson salles mônica cristina marsico lombardi reginaldo lonardi elisabeth aparecida sutti 30 renato tomasella monteiro josé roberto amâncio reginaldo boscolo 31 cássio roberto marilhano fabri francisco paulo oliveira lima mÁquina memÓria das quadras vários torneios de futebol de salão já foram realizados entre policiais civis e sobretudo na década de 70 os torneios ocorriam em grande número e os times estavam sempre prontos para entrar em quadra e render partidas memoráveis em 1975 os policiais civis realizaram o torneio de futebol de quadra dr renato ribeiro soares para homenagear o eterno regional vários times participaram dentre eles o da foto acima tirada durante o torneio no dia 18 de fevereiro de 1975 a partir da esquerda em pé estão pedro rossi que foi o técnico do time antonio milton de barros sérgio pires e sônio de assis borges agachados salvador pane neto luiz carlos da silva e edgard kroll filho o sindicato dos policiais civis da região de ribeirão preto está criando um acervo de imagens relacionadas à polícia civil para tanto a diretoria está incentivando a participação de associados que tenham em seus arquivos fotografias que possam ilustrar diferentes aspectos da história da instituição os interessados em colaborar com esse resgate da memória da polícia civil da região podem entrar em contato com a secretaria do sinpol através dos telefones 16 3612-9008 3625-3890 e 3979-2627 ou dos e-mails atendimento@sinpolrp.com.br e secretaria@sinpolrp.com.br o sinpol lembra aos aniversariantes que é preciso fazer o recadastramento anual junto nossos funcionários irão digitalizar as fotografias para encaminhar ao jornal e o ao banco do brasil em qualquer agência ou naquela onde receber seus vencimentos ou original será devolvido imediatamente ressalta o presidente da entidade em caso de portabilidade no banco em que o beneficiário optou quem não se eumauri lúcio da mata recadastrar corre o risco de ter os vencimentos suspensos do fundo do baÚ 10 abril/2013

[close]

p. 11

a ÇÃo equipe do distrito de ribeirão preto elucidou caso de falsa grávida que pedia para usar o banheiro em residências e praticava furtos a tática era sempre a mesma dos oportunistas mexer com a sensibilidade das pessoas conquistar-lhes a confiança e pedir uma ajuda bastante simples nisso a golpista agia e levava os bens que estavam à vista o dono muitas vezes só dava por sua falta bem depois de ter sido furtado o caso da vez ocorreu na região do 5º dp distrito policial de ribeirão preto na zona norte da cidade uma mulher negra batia na porta de determinada residência e contava sua história dizia para o morador que estava grávida e que estava apertada precisava usar o banheiro sensíveis ao fato de ter uma mulher grávida batendo à porta os moradores não pensavam duas vezes e facultavam a entrada da pessoa na residência ela ia até o banheiro e se tivesse coisa de valor no banheiro ela já aproveitava para furtar depois saia do banheiro e pedia água à vítima enquanto a pessoa ia buscar água ela furtava carteiras celulares e pequenos objetos de valor que estivessem à vista na grande maioria dos casos a ação era rápida e a vítima sequer notava que estava sendo furtada no final ela agradecia a ajuda e ia embora tranquilamente só bem depois é que a pessoa se dava conta do prejuízo que tivera por conta da ação da golpista o primeiro caso foi registrado no 5º dp e deixou a equipe comandada pelo dr sérgio salvador siqueira em alerta e o estado de atenção em pouco tempo foi justificado dia após dia novos casos eram registrados em ruas e bairros diferentes mas todos na região da zona norte da cidade a mulher não havia sido reconhecida por foto mas a descrição que as vítimas faziam da mulher nos indicavam que era semelhante a uma pessoa que já havia tido passagens anteriores no próprio dp imediatamente levantamos a ficha da mulher e passamos a investigar o caso explicou o delegado o dr siqueira conta que sua equipe recebeu uma informação dando conta que a mulher estaria em um ponto de venda de drogas na favela do jardim jandaia nossa equipe foi até o local e a encontrou trouxemos a mulher para a delegacia e em pouco tempo algumas das vítimas já haviam reconhecido a acusada ela confessou durante o interrogatório pelo menos 15 furtos mas acreditamos que esse número seja maior pois há mais boletins de ocorrência com crimes da mesma forma já registrados explica o titular do 5º dp a mulher que foi reconhecida por várias vítimas já tinha passagens anteriores por tráfico de drogas e furto ela é viciada em droga e segundo a própria suspeita tudo o que ela conseguia nos furtos era usado para sustentar seu vício revela o dr siqueira violência apesar de não haver registro de violência na grande maioria dos casos de furto que a mulher cometeu houve um caso pelo menos em que a vítima teria sido ameaçada pela suspeita numa das casas a dona teria surpreendido a mulher furtando e teria sido ameaçada com uma faca que a acusada pegou na hora da discussão mas neste caso a pessoa preferiu não fazer a ocorrência porque a vítima se sentiu ameaçada isso é prejudicial ao trabalho da polícia civil nós queremos sempre dar uma resposta à sociedade e quando alguém se recusa a registrar um crime prejudica as investigações e fatalmente compromete todo o nosso trabalho explica o dr siqueira f.c.s de 25 anos na verdade não estava grávida e usava a desculpa para cometer os furtos nos momentos de distração dos moradores segundo o delegado a mulher deve pegar um tempo considerável de reclusão pois apesar de aparentemente se tratar de um crime de pequena monta econômica não é o que ocorreu nos que a mulher praticou trata-se de furto qualificado pois ela cometeu vários furtos durante algum tempo temos registros de que ela vinha agindo desta forma desde setembro de 2012 mas intensificou sua ação no último mês somados todos os furtos que ela mesma confessou a pena pode ser bem maior do que ela imagina avaliou o dr siqueira apesar de ter sido detida no ponto de venda de drogas no jardim jandaia a mulher morava no quintino 2 embora sendo usuária de crack ficava muitas vezes nas ruas durante o reconhecimento segundo o delegado algumas das vítimas se revoltaram com a ação da mulher e houve um princípio de tumulto imediatamente contornado pelos policiais civis atuaram no caso o delegado dr sérgio siqueira e os policiais civis alcides moretti cremasco rogério e braga segundo o titular do 5º dp é importante destacar que não se deve deixar nenhum desconhecido entrar em casa principalmente se pedir para usar o banheiro o banheiro é íntimo não se deve deixar estranhos usarem destacou o delegado 5º dp prende golpista o titular do 5º dp dr sérgio siqueira comandou a equipe de policiais civis que elucidou o caso da falsa grávida abril/2013 11

[close]

p. 12

os servidores da administração direta e das autarquias submetidos ao regime estatutário e os militares terão direito como prêmio de assiduidade a 90 dias de licença em cada período de cinco anos de exercício desde que não tenham sofrido qualquer penalidade administrativa l 10.261/68 arts 209 e 324 o período de licença-prêmio é considerado de efetivo exercício para todos os efeitos legais l 10.261/68 arts 78 ix e 209 parágrafo único a falta injustificada e as penalidades administrativas aplicadas ao servidor interrompem o período quinquenal para fins de licença-prêmio os afastamentos enumerados no artigo 78 da lei nº 10.261/68 excetuado o previsto no inciso x do artigo 78 falta abonada não interrompem o período quinquenal lei 10.261/68 art 210 inciso i os afastamentos abaixo enumerados não interrompem o período quinquenal desde que não ultrapassem o limite máximo de 30 trinta dias no período de 05 cinco anos lei 10.261/68 art 210 inciso ii · faltas abonadas · faltas justificadas · licença para tratamento de saúde · licença por motivo de doença em pessoa da família · falta médica antiga `falta iamspe lc nº 1.041/2008 · os períodos de afastamento autorizados nos termos dos artigos 65 e 66 da lei nº 10.261/68 perante órgão do estado e suas autarquias administração direta suas autarquias ou poderes do estado não há de ser considerado causa de interrupção de exercício para fins de aquisição de bloco de licença-prêmio parecer pa nº 79/10 e comunicado ucrh nº 51/10 a concessão da licença se dará mediante certidão de tempo de serviço independente de requerimento do servidor e será publicada no diário oficial do estado a competência para a concessão será do órgão de recursos humanos no qual o servidor se encontra classificado depois de concedida o servidor poderá requerer oportunamente o gozo da licença-prêmio ao superior imediato por inteiro ou em parcelas não inferiores a 15 quinze dias l 10.261/68 art 213 redação dada pela lc 1048/08 o servidor poderá usufruir em descanso cada bloco de 90 dias cabendo ao órgão de recursos humanos responsável a averiguação do gozo dos períodos fracionados de modo a evitar que a última parcela não resulte em período inferior a 15 quinze dias a competência para a publicação da autorização do gozo será do órgão de recursos humanos no qual o servidor se encontrar em exercício a autorização do gozo da licença-prêmio deverá ser aguardada em exercício publicada a autorização se não for iniciado o gozo no prazo de 30 trinta dias será necessário novo requerimento e nova publicação lei 10.261/68 art 214 redação dada pela lc.1048/08 d.42.850 63 art 513 o direito ao gozo de períodos de licençaprêmio concedidos e não usufruídos em razão do prazo previsto na lei complementar nº 857 de 20 de maio de 1999 fica restabelecido nos termos do disposto no inciso ii do artigo 1º das disposições transitórias da lei complementar nº 1048 de 10 de junho de 2008 o servidor que tiver licença-prêmio não gozada poderá na mesma data em que requerer a aposentadoria solicitar a indenização das licençasprêmios averbadas para gozo oportuno vencidas até 31/12/85 e desde que não tenham sido utilizadas licenÇa prÊmio para qualquer outro efeito legal d 25.013/86 nestes casos é de competência do coordenador da administração financeira da secretaria da fazenda decidir sobre os pedidos de indenização res sf -16 de 08/04/2008 o servidor que completou o interstício temporal para aquisição da licença-prêmio até 26 12/89 data anterior à vigência da l.c 644/89 que revogou o artigo 215 da lei 10.261/68 poderá solicitar a conversão da metade do bloco da licençaprêmio em pecúnia desde que tivesse pelo menos 15 quinze anos de serviço na data da promulgação da l.c 644/89 as indenizações por exoneração ex officio aposentadoria por invalidez permanente ou falecimento com ocorrência posterior a publicação da lc 1048/08 poderão observada a prescrição quinquenal serem requeridas a qualquer tempo com fundamentação no artigo 3º da lei complementar nº 1048 de 10 de junho de 2008 os herdeiros cujo falecimento do servidor público da administração direta ou de autarquias do estado tenha ocorrido anteriormente a edição da lc 1048/08 terão o direito de pleitear o pagamento dos períodos de licenças-prêmio averbados para gozo oportuno e não usufruídos ou utilizados para qualquer efeito legal art 1º do d 44.722 de 23/02/2000 a solicitação deverá ser feita mediante requerimento a ser formulado dentro do prazo de 90 noventa dias contados da data do falecimento do servidor art 2º do d.25.353/86 o servidor em exercício de suas atividades públicas no dia 11 de junho de 2008 data de publicação da lc 1048/08 e que nesta data já tivesse implementado as condições para aposentadoria voluntária poderá ser indenizado nos termos do artigo 3º da referida lei complementar por ocasião de sua aposentadoria compulsória desde que não tenha usufruído a licença-prêmio em gozo art 2º das dts da lc 1048/08 poderá ser convertido anualmente em pecúnia uma parcela de 30 trinta dias equivalentes aos vencimentos mensais aos integrantes das carreiras da polícia civil da superintendência técnico científica e da polícia militar do estado de são paulo lc 989/06 do quadro do magistério e do quadro de apoio escolar lc 1015/07 da carreira de agente de segurança penitenciária e o integrante da classe de agente de escolta e vigilância penitenciária lc 1051/08 integrantes da série de classes de assistente técnico de pesquisa científica e tecnológica aos integrantes das classes de auxiliar de apoio à pesquisa científica e tecnológica agente de apoio à pesquisa científica e tecnológica e técnico de apoio à pesquisa científica e tecnológica aos integrantes das classes de auxiliar de apoio agropecuário oficial de apoio agropecuário agente de apoio agropecuário e técnico de apoio agropecuário lc 1.122/10 aos servidores da área da saúde especificados na lc 1.157/11 aos integrantes das classes de agente de desenvolvimento social especialista em desenvolvimento social e assistente administrativo lc 1.173/12 e aos integrantes da carreira de especialista ambiental lc 1.181/12 que se encontrem em efetivo exercício poderá ser convertido anualmente em pecúnia uma parcela de 30trinta dias equivalentes aos vencimentos mensais aos servidores regidos pela lc nº 1.080/08 dos quadros das secretarias de estado da procuradoria geral do estado e das autarquias com exceção dos quadro das secretarias de economia e planejamento e da fazenda que se encontrem em efetivo exercício nas unidades desses órgãos e entidades referentes aos blocos de períodos aquisitivos formados a partir de 18/12/08 data da vigência da lc nº 1080/08 os servidores que ingressaram ou vierem a ingressar no serviço público estadual sob o regime estatutário poderão contar para fins de licençaprêmio o tempo de serviço público prestado ao estado ou suas autarquias ainda que sob regime diverso e que não contemplasse essa vantagem com ou sem interrupção de exercício para ingressar no regime estatutário a contagem fica condicionada ao preenchimento dos requisitos exigidos pelos artigos 209 e 210 da lei 10.261 de 28/10/68 e excluídos os períodos anteriores a 5/10/88 se houve a percepção de gratificação de natal ou 13º salário súmula 21 p.g.e d.o.e de 27/9/95 poderá ser contado também para fins de licença-prêmio o tempo de serviço prestado até 20/12/84 à união outros estados distrito federal municípios e respectivas autarquias desde que esse período não tenha propiciado a fruição dessa mesma vantagem junto àqueles entes públicos súmula 21 p.g.e d.o.e de 27/9/95 o aposentado que tenha sido nomeado para o 12 abril/2013

[close]

p. 13

cargo em comissão poderá computar o tempo de serviço prestado no cargo no qual se aposentou desde que esse tempo não tenha sido utilizado para fins de licença-prêmio para completar o quinquênio aquisitivo a ser gozada em decorrência do exercício de cargo em comissão É vedada a conversão em pecúnia dessa licença o servidor poderá somente usufruir a referida licença d.n.g de 3 d.o.e de 04/04/74 obs foi publicado no d.o.e de 16/10/2001 o despacho do governador de 15/10/2001 que veio confirmar o teor do d.n.g de 3 d.o.e de 04/04/74 na parte em que se reconheceu não haver óbice legal ao cômputo do tempo de serviço prestado pelo aposentado no cargo ou função em que se aposentou no serviço público estadual para perfazimento do quinquênio aquisitivo de licença-prêmio a ser gozada em decorrência de nova investidura em cargo público estadual cabe ao órgão de recursos humanos responsável cientificar o servidor e seu superior dos períodos de licença-prêmio concedidos de forma a garantir o gozo dos mesmos antes da passagem do servidor à inatividade concedida a aposentadoria ao servidor fica caracterizada renúncia aos períodos de licença-prêmio concedidos e não gozados até esta data os dias remanescentes relativos à licençaprêmio cujo gozo veio a ser interrompido em face da concessão de licença-gestante e/ou licença para tratamento de saúde poderão ser usufruídos oportunamente observada a prescrição quinquenal o ocupante do cargo de secretário adjunto não é agente político mas servidor público nessas circunstâncias são aplicáveis aos secretários adjuntos todas as disposições constitucionais e estatutárias atinentes aos funcionários públicos ocupantes de cargos em comissão inclusive as relativas a férias e licença-prêmio lc-802/95 parecer pa-3 nº 083/2002 o servidor designado para exercer função de chefia ou de direção de acordo com o § 3º do artigo 28 da lei nº 10.168 de 10/07/68 alterado pelo decreto-lei nº 92 de 06/06/69 com nova redação dada pela lc 975/05 ao usufruir períodos de licenças-prêmio não perderá o direito a perceber o pro labore obs o servidor temporário lei 500/74 tendo ou não adquirido a estabilidade prevista no artigo 19 do adct da cf/88 e art 18 do adct da ce 89 obteve direito à licença-prêmio por intermédio do despacho normativo do governador de 22/11 11 referente ao uso de distintivo funcional pelos policiais civis o delegado geral de polícia no uso de suas atribuições e considerando a necessidade de ser regulamentado o uso de distintivos funcionais para as diversas atividades policiais dentro de padrões compatíveis com a segurança eficácia e rapidez de identificação do portador considerando ainda que o distintivo funcional serve como elemento subsidiário de identificação do policial considerando finalmente que a não utilização do distintivo respectivo pelo policial civil quando exigível para o exercício de suas funções constitui infração do disposto no artigo 63 inciso xx da lei complementar 207 de 5 de janeiro de 1979 lei orgânica do estado de são paulo resolve artigo 1º ­ os policiais civis terão como meio de identificação funcional além da documentação própria distintivo que será portado obrigatoriamente de maneira ostensiva quando exigido pelo serviço artigo 2º ­ os delegados de polícia terão como distintivo funcional o modelo atual constante do anexo i artigo 3º ­ os investigadores de polícia usarão distintivo funcional conforme o modelo e descrição constantes do anexo ii artigo 4º ­ fica adotado para os integrantes das demais carreiras da polícia civil o distintivo cujo modelo e descrição são constantes do anexo iii artigo 5º ­ o distintivo funcional para uso dos médicos legistas e peritos criminais terá as mesmas características do referido no artigo anterior porém em metal dourado artigo 6º ­ para efeito de controle os distintivos funcionais referidos nos artigos 4º e 5º desta portaria terão gravados no verso numeração em ordem sequencial crescente artigo 7º ­ os distintivos funcionais serão fornecidos sem ônus para o servidor pelo estado através da divisão de serviços auxiliares do departamento de administração da delegacia geral mediante requerimento endereçado ao diretor daquele órgão e encaminhado através do superior hierárquico imediato artigo 8º ­ o extravio perda ou inutilização de qualquer distintivo policial deverá ser imediatamente comunicado à divisão de serviços auxiliares ­ das para as providências competentes respondendo o portador pelo valor do objeto quando não justificar a ocorrência artigo 9º ­ por ocasião de dispensa demissão exoneração ou perda da função pública o chefe da unidade portaria dgp-9 de 4-4-79 a que estiver subordinado o funcionário portador deverá providenciar de imediato a restituição do distintivo funcional respectivo mediante seu envio à divisão de serviços auxiliares ­ das através de ofício artigo 10 ­ os atuais distintivos funcionais em uso exceção feita ao de delegado de polícia terão validade até 30 de junho de 1980 sendo a partir dessa data sua utilização considerada irregular artigo 11 ­ esta portaria entrará em vigor a partir da data de sua publicação revogadas as disposições em contrário anexo i descriÇÃo trata-se de um emblema medindo 5 cm de comprimento por 4,3 de largura reproduzindo o brasão das armas nacionais em suas cores originais encimado por duas faixas nas quais está inscrita a legenda em letras azuis sobre fundo dourado na parte inferior outra faixa com a inscrição em letras azuis sobre fundo dourado anexo ii descriÇÃo trata-se de uma placa de metal prateado medindo 5,5 cm de altura por 4 cm de largura na forma elíptica à guisa de escudo apresentando como enfeites externos nas partes laterais superior e inferior segmentos de correntes contendo ao centro o brasão de armas do estado de são paulo em suas cores originais circundado pela legenda em letras prateadas sobre fundo esmaltado de cor azul na parte inferior do distintivo um espaço em forma de adorno destinado ao número de identificação do portador de conformidade com o modelo que faz parte integrante deste anexo anexo iii descriÇÃo trata-se de um emblema de metal prateado medindo 6 cm de altura por 3,7 cm de largura reproduzindo o brasão de armas do estado de são paulo em suas cores originais encimado por uma faixa dupla onde será designado o cargo do portador com letras em cor azul na parte inferior terá outra faixa dupla na qual será inserida a legenda em letras de cor azul de conformidade com o modelo que faz parte integrante deste anexo o presidente do foto produção do programa fala sério sinpol eumauri lúcio da mata foi um dos convidados do programa fala sério apresentado por rodrigo camargo no canal 20-net o programa que sempre aborda temas polêmicos é transmitido ao vivo todas as quintas-feiras às 20h30 no canal exclusivo para assinantes da net tv segundo rodrigo camargo toda semana o programa reúne debatedores com opiniões diversas garantindo o entretenimento com apresentação de artistas locais e regionais com música ao vivo o programa também está disponível pela internet através do link http canal20.com.br/programa/fala-serio o tema violência e insegurança pública foi abordado no programa em que eumauri foi convidado e o presidente do sinpol não poupou críticas à reengenharia e sobretudo à central de flagrantes eumauri também criticou o número deficitário de policiais civis e a falta de concurso para suprir as vagas necessárias na foto eumauri convidados e equipe do programa eumauri fala sobre violÊncia e inseguranÇa abril/2013 13

[close]

p. 14

parabÓlica são carlos na tarde de 14 de março policiais da delegacia de investigações sobre entorpecentes dise de são carlos em diligências e monitoramento realizado na região do bairro santa felícia surpreenderam c.d.b.p 22 anos e j.c.a.f de 20 anos durante a abordagem os policiais localizaram porções de maconha cocaína e crack além de dois celulares um notebook e r 112 os indiciados foram presos em flagrante e encaminhados ao centro de triagem de são carlos araraquara a polícia civil por meio de um agente do 2º distrito policial de araraquara prendeu no dia 14 de março m.a.d de 30 anos a prisão aconteceu através de perseguição após m ter furtado duas facas de um estabelecimento comercial localizado no centro da cidade diante da periculosidade oferecida pelo autuado a manifestação de que deseja matar um desafeto e os antecedentes criminais de que possui foi autuado em flagrante e encaminhado à cadeia pública de são carlos descalvado na tarde de 04 de março policiais civis da delegacia de polícia de descalvado cumprindo mandado de busca domiciliar prenderam o aposentado e.b.m de 62 anos em sua residência lá os policiais encontraram duas espingardas e certa quantidade de munições ele foi autuado em flagrante e liberado após o pagamento de fiança 8º dp no dia 01 de março policiais civis do 8º distrito policial de ribeirão preto cumprindo mandado de busca na residência de j.g.s.f de 48 anos apreenderam um revolver taurus calibre 38 munições e uma faca preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo j foi encaminhado ao centro de detenção provisória cdp local dise ribeirão policiais civis da delegacia de investigações sobre entorpecentes dise de ribeirão preto averiguando denúncias do tráfico de drogas em um bairro da cidade prenderam no dia 19 de março m.l.o.r de 21 anos comercializando entorpecentes para as pessoas que ali paravam o indiciado ao ser abordado no cruzamento da rua lúcio de mendonça com dante seno no parque ribeirão trazia em uma das mãos uma cápsula de cocaína e algumas moedas e ainda no bolso de sua bermuda foi encontrada uma porção de maconha e r$52,00 em dinheiro prosseguindo as diligências pelo local os policiais localizaram porções de maconha escondidas em um canteiro junto ao muro preso e autuado em flagrante por tráfico de entorpecentes m foi conduzido ao centro de detenção provisória local dise são carlos policiais civis da delegacia de investigações sobre entorpecentes dise de são carlos prenderam no dia 19 de março h.l.m.m 22 anos após denúncia os policiais surpreenderam o indiciado em sua residência apontada como ponto de tráfico de drogas e no quintal da casa encontraram 48 cápsulas de cocaína e r 20,00 h foi preso em flagrante e encaminhado à cadeia pública local franca a polícia civil de franca prendeu g.r.s na companhia de seu irmão um adolescente pelos crimes de tráfico e associação ao tráfico de drogas nessa quinta-feira 21 as detenções foram decorrentes de investigações realizadas nas últimas semanas por policiais civis da delegacia de investigações sobre entorpecentes dise de franca eles monitoraram a ação dos envolvidos que faziam uso da própria residência para o comércio das drogas as diligências corroboraram as denúncias recebidas e conquanto o adolescente tenha assumido a prática delituosa durante as investigações g foi visto várias vezes comercializando entorpecentes no local as buscas redundaram na apreensão de r 631 reais além de 35 papelotes de droga dos quais um acondicionava maconha e os demais cocaína pela autuação em flagrante delito g foi encaminhado à unidade prisional local haja vista o crime ser constitucionalmente inafiançável e o adolescente infrator foi devidamente apreendido e encaminhado à fundação casa de franca preso no poupatempo na tarde de 22 de março policiais civis do 1º distrito policial de franca prenderam em flagrante r.r.n de 29 anos por uso de documento falso o indiciado foi preso após apresentar cnh falsa no poupatempo local durante consulta para verificação de pontuação quando foi constatado que os dados do documento apresentado não constam no sistema do detran após os procedimentos do flagrante r foi conduzido ao centro de detenção provisória de franca ficando à disposição da justiça dise araraquara na manhã de 22 de março policiais civis da delegacia de investigações sobre entorpecentes dise de araraquara prenderam w.q.b de 28 anos e j.a.j.s de 19 anos além de apreenderem um adolescente a ação foi objeto de cumprimento de mandados judiciais com os envolvidos foram encontrados 4,7 gramas de crack 1,5 grama de maconha e r$1.339,65 em dinheiro uma balança de precisão três facas dois pratos e uma tesoura dentre os quais alguns com resquícios de drogas além de material utilizado para o embalo dessas drogas uma máquina fotográfica um notebook dois celulares e diversas bijuterias os indiciados foram recolhidos e encaminhados à cadeia pública de são carlos local onde permanecerão à disposição da justiça o adolescente infrator devidamente apreendido foi apresentado à vara da infância e da juventude policiais civis da dise de são carlos investigaram denúncia e flagraram traficante com várias cápsulas de cocaína e dinheiro arrecadado com a venda de entorpecentes foto dise são carlos 14 abril/2013

[close]

p. 15

reengenharia demora no atendimento tanto de pms quanto de população geram queixas e descontentamentos com a unidade criada após fechamento do 2º plantão o receio do presidente do sinpol eumauri lúcio da mata de que a central de flagrantes não iria funcionar a contento sem aumento de efetivo começaram a se confirmar menos de um mês depois que o órgão passou a funcionar criada pelo deinter-3 departamento de polícia judiciária do interior após o fechamento do 2º plantão policial em ribeirão preto a central de flagrantes está funcionando no prédio onde também estão instalados o 1º plantão o 1º dp distrito policial e a dig delegacia de investigações gerais desde que as portas do 2º plantão foram fechadas por determinação do deinter-3 que comanda a polícia civil em 93 cidades da região de ribeirão preto moradores dos campos elíseos onde funcionava o plantão passaram a notar aumento de criminalidade entre os casos de violência registrados após o fechamento do 2º plantão está o latrocínio de um pastor evangélico leia reportagem nesta edição o caso chocou pela violência pela banalização da vida e principalmente por ter escancarado o crime através de imagens captadas pelas câmeras de segurança do local nós estamos nos campos elíseos desde a fundação do sinpol e também temos observado que a situação tem se complicado após o fechamento do plantão temos relatos de que a praça em frente à igreja de santo antonio tem recebido um número cada vez maior de moradores de rua a maioria usuários de crack ou alcoólicos os moradores têm reclamado muito nesse sentido revela o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata em reportagem veiculada pelo jornal a cidade na noite do dia 13 para o dia 14 de março policiais militares teriam esperado 10 horas para registrar um flagrante de receptação na central de flagrantes o jornal revelou que os pms teriam chegado por volta de 22h00 do dia 13 e só concluíram seu trabalho às 9h20 do dia 14 de março na mesma madrugada outra guarnição da força tática da pm teria levado um homem para registrar um flagrante de drogas mas quando iniciou o expediente normal na dise delegacia de investigações sobre entorpecentes os pms teriam se dirigido à especializada para realizar o flagrante e uma das justificativas para criar a central de flagrantes foi agilizar o trabalho dos pms fazendo com que eles voltassem rapidamente às ruas esses casos não são isolados mas são casos que vieram a público porque o jornal a cidade mostrou a rotina da central de flagrantes o órgão aliás está sendo chamado de central de piadas porque não funciona além de terem fechado o 2º plantão diminuíram o número de policiais civis para atender as ocorrências o grande problema da polícia civil não será resolvido pela reengenharia que nada mais é do que juntar o nada com coisa nenhuma só veremos a questão resolvida com o aumento expressivo do número de policiais civis e o dr joão osinski júnior sabe disso mas insiste com a reengenharia dispara eumauri na mesma reportagem o jornal a cidade mostrou que não só os pms estão reclamando da cen central de flagrantes gera reclamaÇÕes a central de flagrantes que iniciou suas atividades após fechamento do 2º plantão de ribeirão preto e funciona no prédio do 1º dp tem desagradado segundo imprensa segundo eumauri além de fechar o 2º plantão o deinter-3 reduziu o número de funcionários com a central de flagrantes dr osinski jr afirmou ao jornal a cidade que falhas verificadas na unidade estão sendo corrigidas tral de flagrantes um casal teria esperado duas horas para registrar um roubo de bolsa ocorrido às 5h30 em outro caso uma mulher também reclamou ter ficado esperando duas horas para fazer uma ocorrência sobre talões de cheque e segundo ela na central de flagrantes disseram que quem deveria fazer a ocorrência era o banco ela se queixou da demora e do jogo de empurra ouvido pelo jornal a cidade o dr osinski disse que a elaboração de flagrantes é mais demorada porque exige a presença do delegado de testemunhas e de um parecer bem elaborado ele também assegurou que todas as falhas verificadas na central de flagrantes estão sendo corrigidas apenas um dia depois o dr osinski informou que pretende modificar o atendimento da central antes porém ele apresentou números que apontam que o número de esclarecimentos aumentou 14 após o fechamento do 2º plantão com o início das atividades da central de flagrantes entre as medidas que o diretor do deinter-3 divulgou ao jornal a cidade dois atendimentos es pecíficos não serão mais feitos por policiais civis de acordo com o dr osinski os policiais civis deixarão de ir a hospitais registrar ocorrências de acidentes de veículo com vítima e também não irão a locais de furtos para eumauri isso comprova que existe mesmo falta de funcionários sobretudo na central de flagrantes na verdade ele está tirando o policial civil de determinadas ocorrências para que haja maior número na central já cansamos de ensinar o caminho das pedras É preciso contratar a polícia civil é judiciária e investigativa tem que estar cada vez mais perto da população para cumprir seu papel não adianta fechar plantão ou dp juntar todo mundo em um prédio só para dar a impressão de que tem gente de sobra tem é que abrir mais delegacias mas antes contratar muita gente para dar conta do recado faltam policiais civis em grande número em todas as carreiras isso é fato mais que conhecido de todos para solucionar esse problema só mesmo com concurso e bons salários para atrair bons profissionais finalizou eumauri abril/2013 15

[close]

Comments

no comments yet