Eco da Tradição de Abril de 2013

 

Embed or link this publication

Description

Jornal Eco da Tradição

Popular Pages


p. 1

eco da tradiÇÃo ano xi nº 140 abril 2013 departamento jovem lança projeto de 2013 página 05 borghetti relembra a visita do papa em 1980 página 07 foto turki adão gonçalves abriu caminhos na tv do rs foto arquivo pessoal panambi convida para o 25º entrevero cultural de peões opiniÃo nelso oliva e o interior do rs pág 02 editorial a verdade de cada um pág 02 página 20 região serrana venceu laço seleção e pontuou em outras modalidades somando pontos para vencer a 25ª festa campeira pág centrais foto rogério bastos 27ªrt é a campeã da fecars página 09 eventos entrevero de peões em panambi pág 03 pelo rs cfor 10 anos recorde de participantes pág 06 cbtg feixe de varas pág 07 mate do patrÃo jarbas lima e os movimentos pág 08 equipe do coordenador everaldo dutra levou os troféus cyro dutra ferreira e valdir muniz silveira bahstidores joca martins e seu novo cd pág 17 literatura no rio grande do sul parte 2 o rio grande do sul no imaginário social

[close]

p. 2

2 ano xi edição 140 abril de 2013 editorial opiniÃo erival bertolini presidente por nelso oliva a verdade de cada um rua guilherme schell 60 porto alegre rs cep 90640-040 email imprensa@mtg.org.br www.mtg.org.br mtg-rs.blogspot.com wp.clicrbs.com.br/mtg contato 51 3223-5194 na nossa proposta de administração do movimento tradicionalista gaúcho entre elas era manter tudo que estava sendo feito e aceito e rever o que no entendimento dos tradicionalistas não contribuía e atrapalhava abrimos a coletânea e pedimos sugestões muito poucas deles chegaram mas uma equipe competente revisou e fez o que pode para simplificar retirar contradições e repetições mesmo assim de quando em vez surgem dúvidas e interpretações em parte do regulamento e principalmente quando a dúvida favorece não se nota passa despercebido mas se prejudica ai vem os questionamentos de toda ordem não somos donos da verdade e nem votamos na convenção mas não nos omitimos da responsabilidade por isso mais uma vez estamos pedindo aos as senhores as tradicionalistas que discutam nas regiões tradicionalistas e mandem propostas de ajustes ao regulamento cada um na sua área no assunto que domina e tem até o final de junho 30 dias antes da convenção tradicionalista para encaminhar propostas para adequarmos e fazer com que não existam dúvidas e que o regulamento determine e não sugira deixando margem para outras interpretações só que as alterações tem que ser feitas na convenção e não no desenrolar do evento tirar satisfação com questionamentos desagradáveis não nos leva a lugar algum todos têm um pouco da verdade em si no calor do evento não nos cabe discutir as interpretações a coletânea está aberta para todos discutirem e opinarem que façam suas propostas justifiquem e convençam os convencionais que é o melhor caminho de forma que possamos incluir ou ajustar os regulamentos muito obrigado a todos que contribuíram para a grandeza da fecars o sucesso é de vocês e os méritos também obrigado campo bom a até 2014 na capital de todos os gaúchos comemorações da semana farroupilha e semana da paz no interior do rs no nosso entender a importância dessas comemorações revelam o civismo e o sentimento pátrio dos gaúchos do interior do rio grande do sul no entanto ultimamente com a oficialização das comemorações da semana da paz instituída em janeiro de 1997 e reconhecida pela assembleia legislativa como lei estadual nº 11.077 em 16 de janeiro de 1998 surgiram alguns boatos e até mesmo algumas afirmações na maioria dos casos entre pessoas que não analisam com coerência os fatos de que deveríamos comemorar anualmente no rio grande do sul somente a semana da paz que acontece de 23 de fevereiro a 1º de março anualmente e não a semana farroupilha de 14 a 20 setembro porque neste caso estaríamos comemorando a guerra ora se não comemoramos a semana farroupilha na semana da paz estaríamos comemorando o quê que paz já que a segunda é uma consequência da primeira e até mesmo porque nas comemorações da semana farroupilha que culminam no dia 20 de setembro feriado civil pois no dia 20 de setembro teve início a revolução com a tomada de porto alegre por onofre pires e gomes jardim instituído pelo decreto de número 36.180 de 18 de setembro de 1995 não comemoramos a guerra os combates e as mortes e sim a coragem cívica de um grupo de gaúchos que de 1835 a 1845 rebelaram-se contra a tirania e o desmando do governo central do brasil em não atender as reivindicações e os direitos dos gaúchos negados por tanto tempo nos festejos da semana da paz igualmente digna de ser comemorada os gaúchos relembram festejando uma paz honrosa e digna alcançada através de muita luta coragem e bravura entabulada com o então representante do governo central aqui na então província do rio grande do sul ilustríssimo luiz alves de lima e silva ­ barão de caxias a revolução farroupilha que iniciou em 20 de setembro de 1835 em porto alegre após 9 anos 5 meses e 10 dias terminou no município de dom pedrito em 1º de expediente supervisÃo erival bertolini direÇÃo geral joão hermenegildo pereira direÇÃo de redaÇÃo rogério bastos diagramaÇÃo e design liliane pappen expediÇÃo ana debom jornalistas responsÁveis rogério bastos 16.834 liliane pappen 16.835 fúlvio lopes 16.200 revisÃo fábio nascimento impressÃo zero hora tiragem 3 mil exemplares fação com questionamentos desagradáveis não nos leva a lugar algum tirar satis atendimento 09 às 12 horas e das 13 às 18 horas de segunda a sexta-feira não comemoramos a guerra os combates e as mortes e sim a coragem cívica de um grupo de gaúchos março de 1845 no local existe o marco denominado obelisco da paz localidade de ponche verde ­ 4º sub-distrito o que muito honra os pedritenses que comemoram a semana da paz anualmente com uma intensa programação que inclui festa campeira no parque farroupilha palestras e atividades festivas nas entidades tradicionalistas e desfile de cavalarianos no dia 1º de março panambi tchê espera para o valores da anuidade plena parcial especial estudantis abril presidente erival bertolini vice presidente de administraÇÃo paulo cavalheiro de souza vice presidente de cultura neusa marli bonna secchi vice presidente de eventos josé gelso miola vice presidente de finanÇas edson debom não nos responsabilizamos pelas opiniões publicadas no jornal o movimento tradicionalista gaúcho como entidade federativa para existir precisa contar com grandes parceiros ao longo da história administrações públicas tem se colocado ao lado do tradicionalismo organizado por entender que investindo ali estará economizando com medidas punitivas no futuro os ctgs dtgs coordenadorias regionais tem trabalhado para que seja despertado na juventude e nas novas gerações estímulos para participar das coisas da tradição os valores usos e costumes do gaúcho criam barreiras de fundamental importân agradecimento à campo bom apoio mtg realizaÇÃo promoÇÃo r 802,65 r 689,75 r 426,33 r 125,27 valor 25ºentrevero cultural de peões do rio grande do sul br de a a 20 013 18 de 2 il cia contra desvios de conduta violência drogadição e transgreções morais isso é um trabalho contínuo e permanente os rodeios concursos entreveros cirandas festivais seminários e encontros servem para estimular a participação de lideranças jovens que darão continuidade aos valores hoje preservados por esse motivo são realizados tantos eventos em nosso estado além de contribuir com o turismo interno e com a economia onde acontecem por este motivo a fecars realizada na cidade de campo bom no mês de março precisou de um apoio forte da coordenadoria regional do poder público municipal e das entidades locais o pedido foi feito e foi aceito o desafio lançado campo bom realizou uma grande festa campeira que elegeu os melhores de cada modalidade no estado a prefeitura municipal e a coordenadoria regional estiveram sempre presentes dando todo apoio para a realização do evento o mtg em nome dos participantes agradece ao prefeito vice-prefeito e secretários municipais que estiveram dando todo apoio para a festa campeira do rio grande do sul campo bom entra para o mapa histórico das fecars tema quinquenal o mtg engajado na campanha de combate À corrupÇÃo laÇando a corrupÇÃo

[close]

p. 3

ano xi edição 140 entrevero cultural de peÕes abril de 2013 3 o jubileu de prata do entrevero de peões desde 1989 somente 13 regiões levaram o troféu farroupilha vinte e cinco anos depois 13 das 30 regiões disputam este título vinte e cinco anos de história o concurso de peão farroupilha do rs neste ano completa seu jubileu de prata e é disputado por 16 regiões nas duas categorias criado para escolher anualmente dentre os jovens associados de entidades filiadas ao mtg representantes da cultura das artes e do campeirismo possuidor dos valores tradicionais característicos da identidade cultural do gaúcho o entrevero cultural de peões hoje abrange as categorias adulta e juvenil mas ano que vem terá também a categoria mirim denominado piá nestes 25 anos o concurso evoluiu de tal forma para buscar elevar o nível intelectual da peonada buscar novas lideranças aumentar o aprendizado do folclore da história da geografia e das tradições do rio grande do sul que algumas regiões praticamente se especializaram em buscar este título farroupilha com três títulos estaduais de peão farroupilha vem a 9ª rt 11ª rt 16ª rt e 23ª rt este ano em busca do quarto título estarão somente as duas primeiras pois a 16ª e 23ª não inscreveram candidatos buscando seu terceiro troféu foto turki programação do 25º entrevero 18/04/2013 quinta-feira 16h recepção e credenciamento 19h30min missa crioula ginásio de eventos no parque municipal 20h30min jantar salão farroupilha no parque municipal farroupilha a 3ª e a 15ª rts que vem com forte apoio das coordenadorias regionais já a 30ª que tem dois também não disputará este ano em busca do segundo título vem a 1ª 4ª 12ª 13ª 20ª e a 21ª rts pois somente estas 13 regiões conseguiram levar o concurso para suas cidades portanto das 13 regiões que estão disputando o troféu farroupilha somente 4 delas nunca chegaram ao título máximo que são 6ª 7ª 18ª e 24ª rts está lançado o desafio 19/04/2013 sexta-feira café salão farroupilha hasteamento dos pavilhões prova escrita anfiteatro do sesi programação para os pais na sede do lions clube 11h30min almoço salão farroupilha 13h30min início das provas artísticas peões ginásio de eventos guris anfiteatro do sesi jantar salão farroupilha 19h 20h30min sessão solene de instalação do entrevero cultural de peões ginásio de eventos parque municipal 07h 08h 09h portal das colonizações 20/04/2013 sábado café salão farroupilha 07h 08h30min início das provas campeiras estância de rodeios delomar zimmermann almoço estância de rodeios 12h 13h30min reinício das provas campeiras jantar salão farroupilha 20h 22h30min fandango de divulgação dos resultados com o conjunto os mateadores ctg tropeiro velho ingressos r 20,00 obrigatório uso da pilcha e-mails para contato elenirw@yahoo.com.br smec@panambi.rs.gov.br endereços dos locais do evento peões e guris se despedem parque municipal avenida konrad adenauer 355 anfiteatro do sesi avenida konrad adenauer 350 ctg tropeiro velho rua 20 de setembro 134 b piratini estância de rodeios deloma zimmermann br 158/km 154 tema anual mtg em defesa da saÚde e bem estar do tradicionalista

[close]

p. 4

4 ano xi edição 140 proseando com tenÊncia abril de 2013 fundaÇÃo cultural gaÚcha vocÊ sabia que casos e acasos cfor ­ dez anos por rogério bastos marketing pessoal no ctg o que marketing o marketing é uma ferramenta criada pelas empresas para que seus produtos sejam conhecidos apreciados e comprados o marketing pessoal é a mesma coisa mas em beneficio próprio nas entidades tradicionalistas podemos usar estas ferramentas para valorizar o nosso trabalho algumas regras devem ser seguidas para que funcione do jeito certo às vezes pessoas de qualidade não conseguem evoluir dentro de uma entidade pelo simples fato de não saber usar estas ferramentas vejamos então liderança ser um líder nem sempre é assumir um cargo dentro da entidade talvez isso aconteça mas por uma necessidade de tentar arrumar aquele departamento ou por sentir que aquele determinado departamento precisa de ti ser um formador de opinião é muito importante confiança ser uma pessoa confiável não é ser puxa saco é ser necessário se a patronagem solicita sua presença nas reuniões e quer saber a sua opinião eles confiam em ti já é um ponto positivo visão entender o que esta fazendo e por que esta fazendo dar ideias para mudar a entidade melhorar ver o que não esta dando certo e propor a mudança espírito de equipe não tentar pegar todas as responsabilidades para si existe uma equipe que trabalha para que o ctg evolua e cada um tem suas responsabilidades se você observar que eles necessitam de ajuda prontifique-se,e trabalhe sem prejudicar ninguém maturidade é saber solucionar conflitos sem criar mais confusão integridade não ser excessivamente ambicioso e não atropelas ninguém visibilidade ser o primeiro a levantar a mão quando a patronagem precisa de ajuda empatia elogiar o trabalho de um colega e reconhecer o mérito dos outros otimismo todos nós sabemos que organizar uma entidade não é fácil mas às vezes a pressão do dia a dia dentro da entidade nos faz acreditar que as coisas são piores do que realmente são paciência não se organiza as coisas de um dia para outro e muito menos se apronta um trabalho de fundamento da noite pro dia é preciso paciência por fábio nascimento a tradição do 1º de abril ser o dia da mentira tem uma origem histórica o 1º cfor ­ curso de formação tradicionalista ­ nasceu em 2003 para instrumentalizar as lideranças das entidades tradicionalistas do rio grande do sul fazendo-as refletir sobre os verdadeiros objetivos da existência das atividades promovidas pelas entidades e pelo movimento completaram dez anos de existência e para minha alegria que estive desde o 1º foi ver o auditório lotado por opção das pessoas das lideranças pela ânsia de conhecimento e a busca por respostas ou mesmo pela motivação de buscá-las foi nota 10 um grupo de amigos voltados para a prática da dança gaúcha de salão mas não somente isso eles vão muito além os fandangueiros estão fazendo o cfor com toda sua equipe seus cursos são muito mais que dança são uma espécie simbiótica de tudo que quem está entrando em um ctg precisa eles estão de parabéns o grupo produz lideranças como uma fábrica mesmo independentes sem pertencerem à um só ctg eles tem um vínculo e uma grande responsabilidade junto à comunidade tradicionalista desde que assumiu a região rui e andrea rodrigues não descansaram encontrei-os na festa campeira do estado ao lado de sua equipe trabalhando preparando motivando o grupo fotografando levando uma palavra amiga quando o resultado almejado não era obtido e o segundo retiro cultural tradição em ação vai ser o grande sucesso que foi o primeiro sempre nas horas cheias alguém trabalhava por conta própria um assunto cultural ou fazia uma pergunta eu assisti a 1ª edição e digo fiquei maravilhado com a participação as coordenadorias anteriores tem muitos méritos quanto ao trabalho realizado mas eu tinha convicção que o rui iria oxigenar a 18ª e com a parceria do elétrico gilberto silveira que está estagiando para ser logo-logo um coordenador regional a tendência é crescer depois de estabelecermos o texto base para o desfile da capital feito para orientar os artistas que constroem os carros temáticos estamos trabalhando forte para fazer o livro dos festejos uma equipe de dez pessoas está produzindo os textos organizando os capítulos preparando a diagramação as imagens selecionando material para que esta obra instrumentalize as pessoas que organizam a semana farroupilha em cada canto do estado dois grandes seminários estão programados para acontecer em julho da seduc e da smed porto alegre envolvendo os educadores para que a semana farroupilha chegue nas escolas 06 de abril ­ em osório ­ cfor e cforzinho 07 de abril ­ em porto alegre ­ curso de avaliadores 08 de abril ­ em gravataí ­ ctg chaleira preta 13 de abril ­ em francisco beltrão no paraná 16 de abril ­ em encruzilhada do sul palestra tema 27 de abril ­ na 5ª rt ­ cfor básico 28 de abril ­ em santa maria do herval palestra tema fandangueiros da tradição os franceses em 1562 não se conformaram com a mudança de calendário do mundo cristão e se mantinham comemorando o inicio do ano em abril e eram chamados de bobos de abril 18ª região tradicionalista a frança mesmo sendo um pais católico somente adotou o calendário gregoriano dois anos depois tema dos festejos farroupilhas do rs cursos do mtg em 2013 depósito banrisul ag 0100 c/c 06.066982.0-3 em nome de movimento tradicionalista gaúcho após passar fax do comprovante com nome e telefone para 51 3223-5194 maiores informações pelo fone 51 3223-5194 ou e-mail para cursos@mtg.org.br data curso inscrição horário valor r 35,00 c/almoço r 35,00 c/almoço giovanni badaró médico e jornalista foi assassinado no dia 22 de novembro de 1830 em são paulo por alguns dos seus inimigos políticos e que o movimento popular gerado por causa do seu assassinato levou a que d pedro i abdicasse em 1831 no dia 7 de abril dia do jornalista local/cidade abril 06 sábado 13 sábado cfor básico e cforzinho cfor básico exclusivo 30ª rt até 04/04 09h às 18h até 11/04 09h às 18h 23º rt a confirmar 30ª rt auditório marlise saueressig av dos estados 1080 b centro campo bom agenda de palestras maio 05 domingo 11 sábado 25 sábado cfor básico na 1 ª rt cfor básico na 24ª rt cfor básico na 3 ª rt até 30/04 09h às 18h até 07/05 09h às 18h até 21/05 09h às 18h r 35,00 c/almoço r 35,00 c/almoço r 35,00 c/almoço sede do mtg a confirmar a confirmar assine o rua guilherme schell 90 bairro santo antônio porto alegre/rs cep 90640-040 fone 51 3223 5194 lojafcg@mtg.org.br reflexÃo Ética é o conjunto de valores e princípios que usamos nem tudo que eu quero eu posso nem tudo que eu posso eu devo e nem tudo que eu devo eu quero você tem paz de espírito quando aquilo que você quer é ao mesmo tempo o que você pode e o que você deve mario de andrade por ir elom a t mal o movimento tradicionalista gaúcho e a fundação cultural gaúcha comunicam com pesar o falecimento no último dia 18 de março de 2013 de sua colaboradora silvana barbosa da silva com a idade de 34 anos silvana era dona da simpática voz que atendia o telefone sempre que os tradicionalistas ligavam o mtg em nome de todos os seus colaboradores e tradicionalistas apresenta suas sinceras condolências aos familiares nota de falecimento

[close]

p. 5

ano xi edição 140 departamento jovem abril de 2013 recuerdos 5 lançamento do tema anual para preservação dos pontos históricos do rs no dia 16 de março de 2013 na cidade de campo bom ocasião da festa campeira do rio grande do sul 2013 reuniu-se os jovens de todos as regiões tradicionalistas para o lançamento do tema anual do departamento jovem central do mtg ­ reculutar locais históricos do rio grande do sul o projeto este de enorme importância para a história atual do movimento e do rio grande do sul é um alerta aos tradicionalistas por estarem perdendo pontos fundamentais da história do nosso povo gaúcho em consequência do esquecimento destruições do tempo e vandalismo o projeto visa um estudo aprofundado de mais de 1.500 pontos históricos entre todas regiões tradicionalistas do rio grande do sul através dos jovens tradicionalista buscando recuperando encontrando e juntando este ponto para a formação de um livro e catalogação com depoimentos imagens fotográficas mapas e endereços dos pontos turísticos não conhecidos esquecidos ou pouco divulgado o resultado deste trabalho será um livro com todas as informações destes pontos históricos divulgando o estudo sobre os mesmo com este tema o departamento jovem espera que todos os jovens trabalhem com empenho e dedicação para que este trabalho seja um marco muito importante na história atual do movimento tradicionalista gaúcho neste ano de 2013 na oportunidade do evento as lideranças jovens estiveram fazendo um levantamento dos tradicionalistas através de um questionário para saber qual departamentos eles estão ligados o que eles esperam das lideranças jovens a importância da fecars para o rio grande do sul e o que os tradicionalistas esperam do departamento central gestão 2013 À partir do resultado será a forma a ser trabalhada neste ano há dez anos o eco da tradição publicava secretário de turismo do rio grande do sul luis augusto lara quer divulgar semana farroupilha par ao mundo tomava posse o novo conselho curador da fundação cultural gaúcha mtg apresentava o projeto piá 21 par ao presidente da assembleia legislativa do estado vilson covatti paulo gonçalves hoje diretor do departamento de pesquisas do mtg era coordenador do departamento jovem em 2003 e juntos com as prendas e peões do estado organizaram o xii tchêncontro em montenegro no clube rio-grandense palmeira das missões 17ª rt realizava a 15ª fecars saía a noticia que o desfile da semana farroupilha de porto alegre ia mudar de cara em 2003 era transformar o desfile mais tradicional do estado em um atrativo turístico nascia ali juntamente com a secretaria de estado do turismo o desfile temático que mais tarde transformar-se-ia em espetáculo artístico noturno o ctg família nativista de caçapava do sul era o ctg destaque do eco e chamava atenção para o grande campeão de trovas beni nascimento o patrão era luiz antônio soares vargas o local de acendimento da chama crioula foi escolhido a reserva ecológica de Água grande de propriedade de barbosa lessa em homenagem aos 74 anos que completaria em 2003 tema anual mtg em defesa da saÚde e bem estar do tradicionalista

[close]

p. 6

6 vocÊ sabia que ano xi edição 140 abril de 2013 pelo rio grande eco entrevista cfor completa 10 anos a sede do movimento tradicionalista gaúcho recebeu no sábado 23 de março o cfor curso de formação tradicionalista criado há 10 anos 2003 para instrumentalizar as lideranças em um momento que havia um vazio de consciência quando o assunto era competições no início era obrigatório para os instrutores posteiros artísticos e patrões das entidades depois passou a ser procurado espontaneamente pelas lideranças esta edição comemorativa ficou marcado pela quantidade de lideranças que procuraram o mtg para fazer o curso o grupo de danças gaúchas de salão os fandangueiros da tradição compareceram em massa para o cfor seguindo o exemplo de outros membros que já haviam feito o curso o curso que é itinerante visitará ainda este ano osório 06/04 campo bom 13/04 santa cruz do sul 27/04 sede do mtg 05/05 e venâncio aires 11/05 foto divulgação a hora de retribuir quatro anos depois de ter deixado o rio grande ex-prenda do rs retorna para dar sua parcela de contribuição à entidade que a revelou para o brasil anijane dos santos luiz varela prenda do rs 2004/2005 graduada em publicidade e propaganda/pós-graduação em administração e marketing iniciou no dtg sangue nativo da associação comunitária jardim vila nova casou e foi morar em brasilia quatro anos depois retorna a capital gaúcha e assume de patroa do dtg cancela da liberdade do clube caixeiros viajantes eco ­ conte tua trajetória no tradicionalismo cresci num ambiente tradicionalista pois meus pais se conheceram dançando em uma invernada de dança quando criança meu avô paterno foi gaiteiro do 35ctg meu pai dançou na invernada do 35ctg e minha mãe foi prenda de porto alegre pelo clube farrapos mas minha trajetória mesmo iniciou quando meus pais organizaram um grupo de dança tradicional na associação comunitária do bairro onde morávamos para crianças e jovens da comunidade este grupo originou o dtg sangue nativo dancei no grupo até os 18 anos quando parei por causa dos estudos mais tarde fui convidada a participar da invernada de danças que estava sendo formada no dtg cancela da liberdade do clube caixeiros viajantes logo em seguida o dtg organizou seu 1º concurso interno de prendas que participei e fui escolhida 1ª prenda do dtg cancela da liberdade em 2001 com intuito de divulgar a minha entidade e fazê-la crescer comecei a participar das atividades promovidas pelos outros ctgs pela 1ª região tradicionalista e pelo mtg em 2002 surgiu a oportunidade de representar o dtg no concurso de prenda farroupilha do acampamento farroupilha de porto alegre quando fui escolhida 1ª prenda farroupilha em 2003 conquistei o título de 1ª prenda da 1ª rt e em 2004 1ª prenda do rio grande do sul fui também conselheira da fundação cultural gaúcha departamento cultural do dtg cancela da liberdade e participei de cavalgadas como a cavalgada do mar e a cavalgada da serra em 2008 por motivos profissionais e familiares fui morar em brasília e retornei agora em 2012 assumindo a patronagem do dtg cancela da liberdade eco ­ o que o tradicionalismo te ajudou na tua vida particular o tradicionalismo me ajudou a reafirmar valores que recebi na minha educação familiar como respeito e amor à nossa cultura valorização da família e outros também desenvolvi as habilidades de falar em público organizar eventos trabalhar em equipe relacionamento social ter mais empatia com os outros e a capacidade de solucionar problemas tudo isso em muito tem me auxiliado na vida pessoal e profissional eco ­ o que te fez assumir a patronagem do cancela da liberdade quando fomos morar em brasília assumi o compromisso com o clube e com a minha avó guilhermina de que quando voltasse iria dar continuidade ao trabalho que foi desenvolvido no cancela da liberdade pois muitas das coisas que fui e realizei foram junto ao dtg e está n a hora de retribuir isso não deixando que se acabe 15 anos de trabalho tão bem realizados eco ­ quais os planos para o futuro planos são vários primeiro manter os jantares das quintas-feiras que é uma das marcas do cancela retomar as atividades junto ao mtg e criar a minha filha guilhermina dentro do tradicionalismo que um dos patroa anijane luiz melhores ambientes para o convívio familiar foto acervo pessoal só em 1931 cem anos depois do acontecimento é que surgiu a homenagem e o dia 7 de abril passou a ser dia do jornalista o dia mundial da saúde foi criado em 1948 pela organização mundial de saúde oms a criação se deu pela preocupação em manter o bom estado de saúde das pessoas do mundo bem como alertar sobre os principais problemas que podem atingir a população turma com mais de 100 participantes calendário da 15ªrt o coordenador da 15ª rt pedro angeli que vem desenvolvendo um belizenho trabalho em sua região divulgou o calendário de eventos das suas entidades regionais 12 a 14 ­ 8º rodeio crioulo de brochier ­ parque da expofesta 13 ­ 2ª integração de invernadas xiru ­ ctg pelego branco taquari 13 ­ fandango com janta em homenagem aos 176 anos da brigada militar ­ ctg estância do montenegro ­ montenegro ­ animação ¨os gaudérios¨ 18 a 20 entrevero cultural de peões ­ panambi ­ 9ª rt 28 ­ almoço com domingueira e posse da patronagem ­ ctg charla galponeira ­ pareci nov o animação grupo ¨rastro do vento¨ de bento gonçalves 01 ­ 2º rodeio piÁ da 15ª rt ­ parque centenário ­ montenegro 01 ­ 3º seminário cultural do ctg pelegro branco taquari 01 ­ cavalgada linha güitz ­ ctg peleadores do sul ­ são josé do sul 03 a 05 ­ 15º rodeio crioulo de são sebastião do caí ­ local cancha da unisc 04 ­ 7º fandango do candeeiro ­ ctg estância da vendinha triunfo 04 ­ fandango com janta em homenagem as mães ­ ctg estância do montenegro 05 ­ domingueira ­ ctg alma estradeira ­ potreiro grande montenegro abril câncer é o nome dado a um conjunto de mais de 100 doenças que têm como ponto em comum o crescimento desordenado de células que invadem tecidos e órgãos maio foto rogério bastos o dia 8 de abril tem como objetivo chamar a atenção de líderes políticos e de toda a sociedade em geral para o crescimento dos índices do cancer que segundo o ibge vem crescendo continuamente nas duas últimas décadas pedro angeli tema quinquenal o mtg engajado na campanha de combate À corrupÇÃo laÇando a corrupÇÃo

[close]

p. 7

ano xi edição 140 espaÇo do cbtg abril de 2013 7 o feixe de varas sempre que passamos por momento delicados na nossas vidas ou na vida das instituições nos lembramos de ensinamentos que são perenes por serem sábios tanto as fábulas como as parábolas e os provérbios nos ensinam muito com pequenos exemplos ou com comparações que facilitam a nossa compreensão esopo escritor grego que teria vivido 700 anos antes do nascimento de cristo escreveu várias fábulas das quais uma me parece muito adequada para este momento que vive o tradicionalismo gaúcho É a fábula do feixe de varas um velho homem no leito de morte chamou seus filhos que eram muitos para lhes dar o último conselho ele ordenou que lhe trouxessem um feixe de varas e mandou que o filho mais velho o quebrasse o filho empregou toda a sua força e não pode quebrar o feixe então o pai mandou que os demais filhos um de cada vez tentassem quebrar o feixe nenhum conseguiu então o velho homem mandou que fossem rompidas as ligas que formavam o feixe e tomou uma vara e ele mesmo à beira da morte e enfraquecido tomou uma vara e a quebrou dirigindo-se uma última vez aos filhos o velho disse enquanto se mantiverem unidos e coesos não haverá força capaz de destruí-los em outro livro carregado de simbolismo e de ensinamentos de vida a bíblia vamos encontrar uma parábola com significado semelhante lemos no evangelho de são marcos 3 24-27 pois se um reino estiver dividido contra si mesmo não pode durar e se uma casa está dividida contra si mesma tal casa não pode permanecer e se satanás se levanta contra si mesmo estará dividido e não poderá continuar mas desaparecerá ninguém pode entrar na casa do homem forte e roubar-lhe os bens se antes não o prender e então saqueará sua casa o tradicionalismo gaúcho constitui uma única entidade uma única família uma única casa cada entidade tradicionalista seja onde for o seu endereço se constitui num membro do tradicionalismo organizado cada mtg é um membro da casa maior se uma entidade tradicionalista se voltar contra a sua casa não resistirá e será facilmente dominada quebrada subjugada por quem possui interesses diversos daqueles fixados na carta de princípios do tradicionalismo gaúcho o jargão a união faz a força não é mera força de expressão É um sábio ensinamento que se observado será a garantia da perma por manoelito savaris espaÇo do igtf nência e da longevidade da família no momento em que os aspectos tradicionais são questionados e os tradicionalistas sofrem as acusações mais sórdidas face seus conceitos e convicções éticas morais e sociais quando toda a sociedade brasileira se depara com uma onda implacável pelo cumprimento de aspectos que garantam a segurança das pessoas sem olhar para as situações específicas e sem considerar cada caso e suas especificidades a maioria das entidades tradicionalistas por serem construídas de madeira por se encontrarem em áreas públicas por serem simples como são os galpões são as mais ameaçadas agora que os defensores dos direitos dos animais por desconhecimento ou por decisão deliberada comparam o rodeio gaúcho com os rodeios de origem country e ameaçam a cada momento com a proibição do tiro de laço da gineteada e outras provas que envolvem animais no momento em que sociedades ou pessoas com pouca informação pretendem transformar o tiro de laço em mero esporte criando-se em consequência uma liga nacional desse esporte entidade que já existe e está consubstanciada pelos clubes do laço retirando-lhe o cunho cultural e tradicional neste período em que se discute a questão financeira das entidades e a capacidade que elas tem de cumprir as suas finalidades seja negando o uso dos galpões para a realização de atividades não tradicionalistas ou seja não tendo condições de arcar com as despesas de participar de eventos que tem a única função de serem ligas para o feixe de varas tais como as competições estaduais e nacionais É agora que devemos envidar todos os esforços esquecer todas as querelas superar todas as divergências driblar todas as fofocas e fortalecer o feixe de varas preservando o que temos de mais sagrado a herança que recebemos de homens como cyro dutra ferreira paixão cortes wilmar winck de souza glaucus saraiva barbosa lessa hugo da cunha alves josé carlos da rosa cardoso jacó moon filho entre tantos quaisquer atitudes que facilitem a quebra do feixe de varas ou iniciativas que façam a nossa casa ficar dividida contra si mesma devem ser evitadas execradas e expulsas das nossas vidas porto alegre abril de 2013 o papa francisco e o papa joão paulo ii peço permissão aos leitores desta minha coluna para hoje mudar de assunto venho falar da recente indicação do papa francisco e especialmente da marcante impressão que tive ao conhecer o papa joão paulo ii sem dúvida uma das emoções mais fortes que tive em minha vida lembrei-me em fazer isso por que nós todos ou quase todos passamos alguns dias apreensivos e curiosos com a eleição do novo papa acredito que foi muito bom para nós gaúchos e brasileiros o papa escolhido ter sido sul-americano nascido em nossa vizinha argentina pelo que demonstrou até agora o novo papa prima pela simplicidade pelo interesse dos pobres e pela profunda fé que tem pela igreja católica que isso o inspire aproveito esta oportunidade para reproduzir uma reportagem que foi publicada pela zero hora na página 5 do dia 03 de abril de 2005 com a foto de eduardo vieira da cunha quando da morte do inesquecível joão paulo ii lembranças marcantes de encontros com o pontífice a relação afetiva de karol wojtyla com o rio grande do sul terá um símbolo eterno a declaração o papa é gaúcho recitada pelo pontífice para êxtase da multidão que o perseguia pelas ruas em 1980 em sua passagem por porto alegre para um pequeno número de gaúchos entretanto as décadas de pontificado serão marcadas por memórias especiais zero hora resgatou histórias de desvelo que uniram ainda de que forma efêmera joão paulo ii a seus fiéis ou admiradores no extremo sul do brasil são casos como o do tradicionalista que alcançou o chapéu gaúcho para substituir o solidéu branco por breves mas inesquecíveis minutos ou do frei de crissiumal que celebrou missas no vaticano ao lado do santo padre estamos diante de um tipo de homem que não precisava morrer diz rodi pedro borghetti resumindo a emoção comum aos privilegiados quando o papamóvel com joão paulo ii apontou no final da manhã de 5 de julho de 1980 no terreno a beira-rio próximo ao estádio e ao ginásio do internacional a frase o papa é gaúcho recém havia sido pronunciada embevecidos e envaidecidos pela menção 11 grupos de artistas deram início a uma exibição de danças típicas do rio grande do sul sob acordes de pezinho -uma das canções-símbolo do estado e a atenção de 250 homens a cavalo entre os cavaleiros estava rodi pedro borghetti então presidente do movimento tradicionalista gaúcho mtg nas mãos trazia um chapéu preto que prometia a si mesmo acabaria substituindo o solidéu branco de joão paulo ii em meio ao aparato de segurança aproximar-se do santo padre parecia inviável até que o próprio papa deslumbrado pela dança gauchesca criou o momento apropriado ao ordenar que o motorista parasse o veículo borghetti seria cristalizado naquele instante por uma sequência de fotos que entraram para a história do rio grande do sul na primeira imagem eu chego pela frente do papa com o chapéu levantado na segunda me aproximo e na terceira coloco o chapéu em joão paulo ii eu índio velho campeiro vi com lágrimas nos olhos o carisma daquele homem relembra o patrão de ctg referindo-se àquele que considera um dos grandes momentos de sua vida fotos eduardo vieira da cunha visita do papa ao brasil do encontro com o papa borghetti levará para sempre mais do que imagens um sentimento havia nele uma aura um olhar uma expressão de bondade que o tornava alguém de outro mundo participaram desta reportagem andrei neto dionara melo géssica trindade marciele brum e silvana silva manoelito carlos savaris presidente da cbtg tema anual mtg em defesa da saÚde e bem estar do tradicionalista

[close]

p. 8

8 ano xi edição 140 abril de 2013 atos e fatos vocÊ sabia que o mate do patrÃo páscoa do hebraico pessach significa passagem É um evento religioso cristão considerado como a maior e a mais importante festa da cristandade na páscoa os cristãos celebram a ressurreição de jesus cristo depois da sua morte na cruz na homenagem feita no mês de março para as mulheres que presidiram congressos icou de fora dinara paixão e o eco deste mês relembra a jovem promissora ilha de darcy paixão mulheres no tradicionalismo o eco da tradição aproveita para dar umas dicas para os administradores das entidades tradicionalistas do rs a expansão dos ctgs por todos os recantos do rio grande e fora dele logrou um grau tão acentuado de adesão e aceitação social que se impõe uma explicação sobre o sentido e o alcance de sua trajetória vamos usar o modelo apresentado pelo professor alain touraine mestre francês do ex-presidente da república fernando henrique um dos autores mais renomados no estudo dos movimentos sociais para touraine um movimento só se afirma quando reúne certos princípios de existência que lhe orientem a ação e a organização segundo ele todo movimento social precisa definir-se em relação a três princípios o da identidade o da oposição e o da totalidade pelo princípio da identidade todo movimento social tem que assumir uma identidade reconhecível aos olhos do público em geral e de seus próprios participantes nesse aspecto o movimento social se identifica ou como porta-voz de um setor determinado da sociedade operários estudantes mulheres etc ou como defensor dos interesses de toda a sociedade um movimento patriótico nacionalista ou tradicionalista claro que o mtg se encontra nesta segunda categoria pelo segundo princípio o da oposição o movimento social se distingue por defender valores não reconhecidos pela totalidade da sociedade se todos os membros da sociedade os reconhecessem não faria sentido o movimento no caso em análise o mtg não foi necessário quando os valores por ele defendidos estavam amplamente institucionalizados na sociedade rio-grandense a enorme difusão cultural vivida no presente século e a grande confusão mental que provocou em nossos meios criaram o ambiente social propício para o surgimento de um movimento voltado para a preservação daquela que deu consistência e vitalidade à sociedade gaúcha quando de sua formação É natural que o mtg enfrente pois resistências obstáculos forças de inércia que o desafiam como tal precisa vencer essa espécie de oposição apatia ou indiferença se o mtg não tivesse adversários deixaria de existir enquanto movimento para se transformar numa instituição estabelecida perdendo sua característica fundamental de movimento que é de angariar adeptos os autores que estudam a sociologia dos movimentos consideram que eles dependem de alguns mecanismos sociais indispensáveis o movimento sempre tem necessidade da agitação É a agitação que sensibiliza as pessoas e as predispõe a integrarem-se ao movimento no movimento deve estar presente também o esprit de corps que leva os participantes a desenvolverem o espírito de camaradagem faz desaparecer os sentimentos de estranheza ou indiferença e conduz à cooperação de outro lado nenhum foto rogério bastos movimento persiste sem apoiar-se em aspectos morais que lhe dêem legitimidade vitalidade e solidariedade na adversidade nenhum movimento pode prosperar sem uma ideologia grupal o tradicionalismo enquanto movimento social na páscoa é comum a prática de pintar ovos cozidos decorando-os com desenhos e formas abstratas no entanto o costume não é citado na bíblia e portanto este é uma alusão a antigos rituais pagãos na primavera lebres e ovos pintados com runas eram os símbolos da fertilidade e renovação associados a deusa nórdica gefjun destaque no almanaque dos gaúchos de 1998 de autoria de barbosa lessa dinara xavier da paixão doutora em engenharia com ênfase em acústica de edificações presidente da sociedade brasileira de acústica sobrac coordenadora do curso de graduação em engenharia acústica na ufsm e coordenadora do grupo de pesquisa cnpq/ufsm acústica foi presidente do 53º congresso tradicionalista gaúcho na cidade de gravataí em 2007 muito atuante em sua região dinara foto rogério bastos chegou à vice-presidência administrativa do mtg em 1996 na primeira gestão de dirceu brizolla em 96 na gestão do brizolla empreendemos uma série de atividades que culminaram numa grande reestruturação do mtg e até na viabilização da atual sede ­ lembra dinara para relembrar a equipe de vices do presidente brizolla dinara nos enviou a relação administrativa 1ª ­ dinara paixão financeira 2ª carlos melo jurídica 3ª jorge moreira e eventos 4ª airto glademir timm dinara paixão errata na edição anterior em homenagem às mulheres página 10 publicamos que o congresso em 2008 foi presidido por marilia dornelles correção foi no congresso de 2010 em lagoa vermelha 2008 foi em livramento figtf recebe inscrições para escolha da música tema da semana farroupilha a comissão estadual dos festejos farroupilhas definiu em reunião realizada dia 03 de abril na sede da fundação instituto gaúcho de tradição e folclore figtf o período para as inscrições do concurso que escolherá a canção tema da semana farroupilha 2013 de acordo com o regulamento serão aceitas inscrições realizadas entre os dias 8 de abril até 8 de maio a canção vencedora será anunciada no dia 15 de maio as músicas deverão ser inéditas compostas especificamente para o evento contemplando ritmos consagrados do cancioneiro rio-grandense e enfocando o tema o rio grande do sul no imaginário social que servirá para a divulgação oficial da mesma mais informações na sede da figtf ­ avenida borges de medeiros 1501 sala 10 em porto alegre telefone 51 3228.1711 e-mail festivais.igtf@gmail.com a lebre e não o coelho era o símbolo de gefjun suas sacerdotisas eram ditas capazes de prever o futuro observando as entranhas de uma lebre sacrificada claro que a versão coelhinho da páscoa que trazes pra mim é bem mais comercialmente interessante do que lebre de eostre o que suas entranhas trazem de sorte para mim que é a versão original desta rima vem ai senhores da guerra ­ parte ii a continuação do filme de tabajara ruas os senhores da guerra do romance de josé antônio severo que teve sua primeira parte gravada em santa maria e gravataí será feita na fazenda do pontal i e ii de 22 de abril até o dia 08 de maio na barra do ribeiro as fazendas são de propriedade de rodi pedro borghetti e de seu filho renato borghetti tabajara ruas materializa o romance que tem como ator principal o advogado júlio rafael bozano e passa durante a revolução de 23 dr jarbas lima fonte tradicionalismo responsabilidade social e reflexões jarbas lima tema quinquenal o mtg engajado na campanha de combate À corrupÇÃo laÇando a corrupÇÃo

[close]

p. 9

ano xi edição 140 abril de 2013 9 fotos rogério bastos entrevista movimento tradicionalista gaÚcho em foco o caminho de um lutador gustavo taynã leal de melo 16 2º guri farroupilha do rs cursa o 3º ano do ensino médio natural de são luiz gonzaga e faz parte do .n carlos bastos do prado 3ª rt eco o que você sentiu quando ganhou o concurso quando ganhei o concurso senti uma sensação de realização de que meus objetivos haviam sidos cumpridos pois não era apenas um sonho meu e sim de grande parte de minha família de meus amigos e da minha região pois esta foi uma conquista não só da minha e de minha entidade mas de muitas outras entidades da 3ª rt que não mediram esforços para me auxiliar na preparação para o concurso também senti como se tivesse vencido um grande obstáculo porque concorri por 3 vezes antes de conquistar o regional e poder participar do entrevero estadual e a cada ano eu revia meus erros corrigia as falhas por isso para mim foi mais que uma conquista foi uma prova pessoal de superação eco o que mais gosta de fazer fora do tradicionalismo o tradicionalismo toma grande parte de minha vida mas o tempo que sobra entre os estudos e os compromissos tradicionalistas eu gosto de passar com a minha família e namorada praticar jiu-jitsu sair com meus amigos tocar violão e cantar compor músicas e olhar um bom filme eco filme inesquecível um sonho possível eco culinária preferida churrasco preferencialmente o preparado por meu pai giovane de melo e avô nilson pinheiro eco livro favorito analista de bagé luís fernando veríssimo porque é uma obra que nos contos que falam do analista temos presente de uma maneira bem humorada traços de nosso regionalismo gaúcho e porque é uma literatura leve boa para momentos de lazer eco música do teu gosto sou bastante eclético em se tratando de gosto musical mas gosto muito de ouvir musica nativista mas têm duas músicas que marcaram muito minha vida o tema que escolhi para meu regional não podemos se entrega pros home leopoldo rassier e a do meu estadual a história na estampa jean kirchoff porque marcaram momentos decisivos e importantes para mim eco ­ e teus projetos pós gestão estou me preparando para prestar concurso expecex pretendo seguir a carreira militar e se o patrão celeste me iluminar nesta empreitada e passar neste concurso após concluí-lo retornarei aos entreveros na categoria peão buscando quem sabe realizar o sonho de ser um peão estadual o silencioso trabalho dos vices longe de holofotes dos lashes e de grandes badalações lá estão os vice-presidentes trabalhando para o bom andamento do planejamento da gestão sempre mtg distantes da mídia mas com um árjá na área dos eventos josé gelso duo trabalho a realizar os vice-presimiola de erechim é responsável por dentes do mtg de cultura finandeixar impecável todos os eventos ças eventos e administração estaduais começa o ano pelo realizam o trabalho que dá suscongresso fecars entrevero tentáculo à gestão do moviciranda convenção inter-remento tradicionalista quangionais do enart cerimoniais do erival bertolini assumiu a enart tchêncontro aniversapresidência do mtg em 2011 rio do mtg e outro eventos que junto com ele assumiram seus surgem no decorrer da adminisquatro vices para fazer tudo o tração sempre muito elegante paulo souza que foi prometido e planejado ao lado de sua esposa lori miola bertolini precisou de um trabalho inpreocupa-se com os mínimos detatenso de sua equipe lhes para que tudo venha a dar certo as finanças do mtg tem o reso silencioso trabalho da administraguardo de edison debom conheção não está só no nome do vice cido em sua região 1ª pelo paulo roberto cavalheiro de souapelido de mexicano edison za executivo de uma grande eme sua esposa ana tem origem presa como a termolar veio no ctg caminhos do pampa para criar um sistema de gestão da zona sul da capital ele tem no mtg paulo souza que é de o cuidado de manter transorigem campeira transita com parentes os balancetes da femuita facilidade neste meio é deração para que os filiados também um grande gestor e adpossam estar cientes da saúde ministrador paulo ajustou o orgagelso miola financeira do mtg nograma e fluxograma para o mtg já na área da cultura neusa e a fundação cultural gaúcha promomarli bonna secchi assumiu o cargo que em veu a mudança do sistema gerenciador dos 2011 foi de odila paese savaris e em cartões tradicionalistas criando um novo 2012 de marilane mendes neusa site capaz de dar informações mas com uma vasta experiência na além disso receber pagamenárea cultural já foi presidente tos gerar bloquetos bancários da comissão gaúcha de foltanto para compras como para clore e coordenou por muitos anuidades e cartões acompaanos o departamento cultural nhando o site novo está aconda 1ªrt auxiliada por clautecendo um curso para treinar a diane maria vieira diretora do juventude das regiões para que a departamento de concursos e produção de cartões seja local faneusa secchi auxiliando no departamento de cilitando a confecção e reduzindo o cursos luce carmen mayer diretora tempo de espera de emissão da idende cultura interna e paulo gonçalves na tidade do tradicionalista paulo faz parte ainpesquisa e difusão cultural neusa trabalha os da como presidente da comissão de ética do seminários estaduais encontros pesmtg responsável pela equipe que julga quisas livros tema dos festejos os processos éticos da federação farroupilhas trabalha com as sea equipe de vice-presidentes cretarias de cultura e educação dá o verdadeiro sustentáculo do estado e auxilia nos munipara a administração do precípios prepara o entrevero de sidente do mtg são consepeões e a ciranda de prendas lheiros membros do consea mostra folclórica do enart lho diretor convidados pelo tchêncontro estadual deparpresidente com o aval de seus tamento jovem palestras pelo iguais que dão legitimidade ao edson debom estado e todos os cursos promotrabalho da gestão vidos pelo mtg tema anual mtg em defesa da saÚde e bem estar do tradicionalista

[close]

p. 10

10 ano xi edição 140 abril de 2013 poder público municipal aliado à coordenadoria regional e entidades da 30ªrt trabalharam para realizar uma grande festa c foto rogério bastos campo bom esmerou-se para ser foto rogério bastos foram mais de 1.900 campeiros inscritos mais de 750 esportistas disputando truco solo tetarfe tava e bocha campeira o rio grande campeiro esteve presente na fecars na cidade de campo bom de 14 a 17 de março foram 48 modalidades diferentes a 27ª equipe campeã do laço seleção 27ª rt rt do coordenador everaldo dutra buscou o troféu laço de ouro cyro dutra ferreira como a região que mais pontuou na festa campeira do estado a equipe comandada por everaldo foi a venfoto rogério bastos cedora da laço seleção equipe de dez laçadores a principal prova da festa campeira do rio grande do sul que tem um troféu rotativo específico a disputa acirrada da final foi com a 25ª rt e 30ª rt os serranos da 27ª venceram ao acertar 48 armadas de um total de 50 a dupla de irmãos alan e thaian soares uma das mais premiadas duplas de laço do estado faziam parte da equipe da 27ªrt além do pai de alan gilberto soares a região vencedora pontuou com 1º lugar laço equipe 2º lugar individual equipe 1º veterano 2º e 3º braço de ouro 2º braço diamante 1º pai e filho 2º guri/guria dupla 1º rapaz/prenda dupla 1º rapaz/prenda individual 2º prenda dupla 3º vaca parada piazinho 2º no chasque e 3º lugar em gineteada coordenador ivan e schaimon bicampeão de gineteada hotelaria goulart conta que seu falecido avô seu zeferino carvalho da trindade trabalhava com um tambo de leite onde ele aprendeu as primeiras lides campeiras schaimon não conseguiu estudar muito pois desde muito cedo teve que trabalhar ele conta que chegou somente até a 6ª série e se dedicou ao treino com cavalos o que faz diariamente além de treinar ele presta serviços como ferreiro foto rogério bastos inter-regional do enart e acendimento da chama confirmados agora bicamsergius deu uma aula inesquecível peão de gineteada na fecars a 2ª região tradicionalista do coordenador ivan botelho deu um salto de qualidade nos dois últimos anos e em 2013 está levando para suas cidades o acendimento da chama crioula do estado em agosto e uma inter-regional do enart mas botelho ainda tem mais pelo que se vangloriar em um título raríssimo foto firmo farias conquistou pelo segundo ano consecutivo o troféu de 1º lugar na gineteada da fecars foi com seu ginete schaimon goulart 26 anos de charqueadas goulart que lida com cavalos desde muito criança pertence aos gaudérios da querencia e traesporte teve papel importante na fecars balha em uma como uma fênix a 2ª rt vem com tudo em 2013 everaldo comemora o título da fecars rédea peão já tem dono há 3 anos no rio grande paulo felix junior o juninho multi campeão em rodeios inclusive no nacional de campeões quando nasceu em janeiro de 1988 o pequeno são foto arquivo pessoal juninho é tri campeÃo de rédeas da fecars paulo félix júnior multicampeão

[close]

p. 11

ano xi edição 140 abril de 2013 11 r a sede do campeirismo gaúcho em 2013 borjense paulo felix junior ou simplesmente juninho como é conhecido pelos amigos e familiares era batizado com sangue missioneiro e dali pra frente seu destino mudava campereava junto com seu tio falecido xiru e outros amigos ao lado paulo felix seu pai outro homem do lombo do cavalo e mais ao lado ainda o pequeno e franzino juninho com três anos apenas já montado o menino cresceu cresceu no lombo do cavalo o qual aprendeu a respeitar e ser respeitado aos nove anos enfrentando adultos ganhou seu primeiro rodeio foi ganhando um rodeiozinho aqui uma festinha campeira ali e foi acumulando prêmios hoje são mais de cem troféus de provas de rédeas nove vezes campeão do rodeio de porto alegre desde 2004 rodeios internacional de osório santo antonio da patrulha tricampeão da vacaria bicampeão do rodeio nacional de campeões da cbtg e agora tri campeão da fecars o seu treino normalmente é durante a noite no sitio da família em viamão assim que chegava do serviço quando estava trabalhando todos os dias de segunda a segunda ele treinava o treino dura um mês daí uma semana e meia antes ele diminui o ritmo para 3 dias na semana minha relação com meu cavalo de irmão com muito respeito sempre respeitei seus limites ele vai fazer 12 anos e tenho ele desde seus 1 ano e 2 meses cuido muito dele nunca o levando a exaustão corro com ele há sete anos e cada vez ele melhora mais disse paulo felix junior em março de 2012 exatamente um ano antes de chegar o tri da fecars foto rogério bastos campeira campeirismo e cultura andaram lado a lado em campo bom seminários de prendas e peões e de cultura campeira estiveram lotados seminário reuniu mais de 600 jovens foi no dia 13 de março no parque municipal eduardo gomes no município de canoas o cerimonial de transferência da chama crioula de um lampião para o candeeiro crioulo que foi levado pelo tio beno e demais cavaleiros de canoas onde ocorreu a 24ª fecars para campo bom onde realizou-se a 25ª edição da festa campeira se fez presente ao evento a vice-prefeita em exercício sra lúcia elizabeth colombo vereadores dário da silveira e mossini presidente da associação das entidades tradicionalistas de canoas juliano furquim coorfoto rogério bastos chama transladada de canoas para campo bom vaca parada o começo de tudo organizado pelas prendas e peões do rio grande do sul gestão 2012/2013 foi realizado no sábado dia 16 de março durante a 25ª fecars o 26º seminário estadual de prendas e peões com a participação de mais de 600 jovens teve inicio na parte da manhã com a presença de autoridades municipais presidente do mtg erival bertolini juntamente com seus vices de eventos e cultura aconteceu a abertura oficial do evento o escritor sergius gonzaga ex-secretário de cultura da capital abordou a literatura rio-grandense dando ênfase à joão simões lopes neto e erico veríssimo na continuidade do evento as prendas organizaram uma gincana cultural na parte da tarde o publico foi dividido em 6 grupos para a realização de uma dinâmica de apresentação de cada integrantes para que entre eles escolhessem um líder a primeira tarefa foi fazer uma frase que transmitisse força para as famílias vitimas da tragédia de santa maria com as palavras amor luz e paz foi uma tarefa que ,ao mostrarmos para o presidente ele emocionou-se ao ler as mensagens dos grupos logo solicitou que fosse divulgado este trabalho no decorrer das tarefas foram feitas muitas brincadeiras como a dança dos balões dança das cadeiras qual é a musica corrida do limão corrida do papel higiênico prova de conhecimentos prova escrita e tarefas-relâmpago posso dizer que quem lá esteve jamais esquecerá a tarde de integração que aconteceu no domingo dia 17 pela manhã sob a organização dos guris e peões do rs aconteceu o 14º seminário campeiro com a participação de aproximadamente 300 peões guris e pias algumas prendas e familiares atentos escutaram as palestras sobre pelagens de cavalos e a mais interessante foram as oficinas que demonstrava na prática o que o palestrante ia explicando passado alguns dias do evento da fecars prendas e peões comentam nas redes sociais o evento que participaram deixando elogios aos organizadores precisamos realizar mais eventos para nossa juventude gaucha pois são os próximos dirigentes do nosso movimento ­ confessou luce carmem mayer diretora de cultura interna do mtg foto rogério bastos denador da 12ª rt jorge peixoto conselheiro do mtg dirceu gonçalves diretor de esportes do mtg e presidente da 24ª fecars em canoas sr martim guterres presidente da junta fiscal do mtg firmo farias dos santos diretor campeiro da 12ª rt sr valdir soares vereador pedro bueno a chama crioula partiu de canoas no dia 14 transportada por cavaleiros de canoas esteio sapucaia do sul e nova santa rita comandada pelo diretor de cavalgada da 12ª rt tio beno do piquete memórias do passado de esteio até o local da fecars em campo bom sergius gonzaga no sábado lairton santos e os peões no domingo além do dinamismo dos eventos fez com que os organizadores atingissem seus objetivos seminários de qualidade na fecars grupo estadual ao lado do palestrante

[close]

p. 12

12 vocÊ sabia que ano xi edição 140 entrevista abril de 2013 fraternidade gaúcha tem novo patrão tomaz augusto schuch 52 casado advogado funcionário do banrisul há 34 anos músico nas horas vagas em processo de gravação de um cd solo com composições inéditas de músicas galponeiras é o novo patrão do grupo tradicionalista fraternidade gaúcha da maçonaria eco ­ tomaz quais são os planos frente ao fraternidade gaucha par aos próximos dois anos nós temos um calendário pré-definido em cinco principais eventos quais sejam a participação no acampamento farroupilha em setembro no parque da harmonia aÇÃo social do dia das crianÇas quando elegemos um bairro carente e fazemos uma grande festa e ação social na comunidade além da entrega de brinquedos às crianças e farto lanche e brincadeiras a tertÚlia maÇÔnica da poesia crioula que ocorre de dois em dois anos estando inserida no calendário oficial dos eventos de porto alegre desde 2012 devendo acontecer em agosto de 2014 a próxima edição a cavalgada dos irmÃos do estribo que ocorre anualmente geralmente em fins de outubro e o baile da fraternidade que ocorre anualmente ao final de novembro encerrando as atividades do ano a meta da nossa gestão é intensificar nossas atividades benemerentes estabelecendo rotinas semanais de atendimento às pessoas necessitadas e carentes através da realização da distribuição de cafés aos sábados nas ruas da capital incentivo de trabalho voluntário pelos nossos integrantes e suas esposas e parentes buscando auxiliar a fundaÇÃo sÃo joÃo do grande oriente do rio grande do sul nessas atividades assistenciais vez que ela congrega todos os esforços da nossa potência maçônica nesse segmento na área social estamos buscando parceria com outra entidade tradicionalista para promovermos domingueiras semanais e curso de danças gaúchas a fim de fomentar a integração entre nossos integrantes suas esposas familiares e amigos na área campeira também estamos pensando alguns projetos de cursos de doma racional cuidados básicos com animais equinos e caninos adestramento rédea atividades campeiras orientações teorias doutrinas e aulas práticas bem como pequenas cavalgadas semanais ou mensais estaremos brevemente num encontro diário estabelecendo o desenvolvimento de um planejamento estratégico a fim de organizar e efetivar esses projetos muitas atividades poderão com esse planejamento serem inseridas nas nossas metas certamente eco ­ o que a maçonaria através de seu departamento tradicionalista tem a oferecer a sociedade em verdade a maçonaria tem a oferecer a dignidade fraternidade igualdade que seus integrantes devem precípua e originalmente nutrirem no seu íntimo então na busca do bem comum da justiÇa da moral e dos bons costumes no comprometimento e doaÇÃo ao prÓximo na humildade entre outros valores tão desprezados nos dias atuais é que calcados nos valores tradicionalistas gaúchos que se fundem e se mesclam nos da maçonaria é que entendemos ser a nossa contribuição à sociedade isto já se evidencia pelos planos e atividades que desenvolveremos conforme citados antes eco ­ com tantas atividades ainda sobra tempo para escrever poesias e musicas para festivais em verdade as poesias que eventualmente componho são como mensagens mediúnicas vem num repente e necessito grafa-las posto que a espiritualidade gaudéria assim me exige isto então na verdade não demanda tempo demanda somente disponibilidade instantânea mas após escritos esses versos são via de regra submetidos ao meu mestre léo ribeiro poeta maior da minha são chico de paula meu compadre fraterno para as correções métricas devidas e após aos amigos músicos leandro berlesi,cirilo schuch cacio teixeira branco e luizinho correa baita gaiteiro para a composição das músicas obviamente eco ­ que mensagem deixaria para a juventude que segue os trilhos da tradição gaúcha a minha mensagem aos jovens que seguem os caminhos da tradição bem como a todos que vierem a tomar conhecimento destas simples palavras é que vivam intensamente todas as boas oportunidades que a vida lhes oferece e aproveitem o tempo presente desfrutando comedida e sabiamente de todas as benesses que a tecnologia e a modernidade nos proporcionam porém jamais esquecendo dos ensinamentos dos nossos ancestrais que a pata de cavalos com lanças nas mãos enfrentando todos os rigores da pampa gaúcha nos trouxeram até aqui com toda a pujança e orgulho de sermos gaÚchos É importante que todos conhecessem a poesia heranÇa que para mim é a síntese do que a tradição gaúcha deveria cultuar o hino nacional brasileiro foi executado pela primeira vez com uma letra diferente logo após d pedro i embarcar para portugal em 1831 o hino passou a se chamar hino ao 7 de abril em alusão à abdicação de dom pedro i mas fora executado dia 13 a música original de francisco manuel da silva continuou como hino oficial somente em 1906 foi realizado um novo concurso para a escolha da melhor letra que se adaptasse ao hino e o poema declarado vencedor foi o de joaquim osório duque estrada em 1909 que foi oficializado por decreto do presidente epitácio pessoa em 1922 e permanece até hoje foto acervo pessoal a parte instrumental da introdução do hino nacional brasileiro possuía uma letra que acabou excluída da sua versão oficial do hino essa letra é atribuída a américo de moura natural de pindamonhangaba presidente da província do rio de janeiro nos anos de 1879 e 1880 quinta dos pajadores no estância a pajada uma forma literária do verso improvisado está ligada à tradição gaúcha e à nossa história conforme paulo de freitas mendonça um dos mais renomados pajadores da atualidade no estado escritor poeta e compositor com livros e textos publicados no brasil e no exterior em um de seus relatos encontrei registros de improviso em décima espinela acompanhado de viola no período farroupilha 1835-1845 se a gaita que acompanha a trova entra no rs em 1865 a viola já estava aqui o improviso gaúcho original como é nos açores até hoje hoje em dia esta manifestação poética é inspirada em seu representante maior o saudoso jayme caetano braun pois não se pode falar em pajada ou payada como é conhecida nos países do cone-sul sem falar neste que é considerado o mestre deste tipo de improviso que em seus versos retrata principalmente o gaúcho e seus usos e costumes o reconhecimento a este ícone do poema xucro foi evidenciado pela decretação do dia do pajador 30 de janeiro data do nascimento de jayme através da lei estadual de nº 11.676/2001 o movimento tradicionalista gaúcho a partir deste mesmo ano insere entre as modalidades do enart a pajada dando uma justa valorização a esta forma de improviso mesmo assim a cada ano ressentimo-nos da carência de novos pajadores há necessidade de se criar espaço para uma nova safra para a continuidade e perpetuação desta cultura tão ligada à nossa tradição assim sendo ctg estância da azenha através do seu departamento artístico e cultural passa a partir do dia 4 de abril a ter um espaço destinado à pajada com a criação da quinta dos pajadores no estÂncia os pajadores poderão a cada primeira quinta feira do mês dilvulgarem seu trabalho e expressarem seus talentos ao mesmo tempo oportuniza-se aos apreciadores desta arte um show com os mestres do repente gaúcho av aureliano de figueiredo pinto 155 ­ poa 21 h tema quinquenal o mtg engajado na campanha de combate À corrupÇÃo laÇando a corrupÇÃo

[close]

p. 13

ano xi edição 140 abril de 2013 13 notÍcias entrevista o movimento tradicionalista gaúcho ro da matrícula do cartão tradicionalista pro campeã de declamação feminina n enart 2012 priscila através de sua vice-presidência de cultura pro fissão data completa de nascimento e cidade soares morais é professora e diretora de teatro formada move o 2º concurso estadual de poe onde nasceu endereço completo onde reside no curso de licenciatura em teatro pela ufrgs onde cursa sias 2013 com o seguinte regulamento e-mail telefones para contato pós em direção teatral art 1º o concurso tem por finalidade incentivar os poetas tradicionalistas e revelar novos talentos poéticos art 2º poderão participar deste concurso qualquer tradicionalista desde que devidamente integrado a uma entidade filiada ao movimento tradicionalista gaúcho o que deverá ser comprovado através do número do respectivo cartão tradicionalista art 3º não poderão concorrer membros das diretorias do mtg e da estância da poesia crioula art 4º a poesia deve conter no máximo 80 oitenta versos rimados ou não na temática regionalista gaúcha art 5º cada concorrente só poderá participar com 1 um poema não havendo limite de participação por entidade tradicionalista art 6º o concorrente deverá remeter seu trabalho em dois arquivos da seguinte forma i ­ no primeiro arquivo que deve ter como nome o pseudônimo e a palavra poesia deve conter na seguinte ordem título do concurso título do poema pseudônimo do autor e região tradicionalista o poema ii ­ no segundo arquivo que deve ter como nome o pseudônimo e a palavra identificação deve conter na seguinte ordem título do concurso título do poema pseudônimo do autor mais os seguintes dados nome completo do autor entidade/cidade e região tradicionalista a que pertence númeart 7º será publicado um livro com os 10 dez poemas melhores classificados mais um poema classificado por região tradicionalista independente dos 10 dez primeiros colocados art 8º ­ receberão troféus os 5 cinco primeiros colocados mais 4 exemplares do livro cada um receberão menções honrosas os próximos 5 cinco classificados mais 3 exemplares do livro cada um os demais integrantes do livro receberão 2 exemplares cada um todos os concorrentes não constantes do livro receberão um exemplar art 9º ­ os trabalhos deverão ser remetidos até o dia 28 vinte e oito de junho de 2013 e somente através da internet para fragacirne@bol com.br coordenador do concurso que imediatamente deverá acusar a confirmação correta da inscrição art 10 ­ os trabalhos serão avaliados por uma comissão da estância da poesia crioula art 11 ­ a proclamação do resultado entrega da premiação e lançamento do livro será em solenidade a ser realizada no mtg às 19 horas do dia 27 de setembro de 2013 art 12 ­ poderá ser desclassificado o concorrente que desconsiderar o presente regulamento art 13 ­ o tradicionalista ao concorrer automaticamente autoriza a possível inserção de seu poema no livro a ser publicado pelo movimento tradicionalista gaúcho ­ mtg art 14 ­ os casos omissos serão resolvidos pelo coordenador do concurso e diretoria do mtg vencedora do rodeio internacional do mercosul do ctg aldeia dos anjos rodeio internacional de charqueadas xangrilá e osório e finalista em diversas edições do enart priscila morais é campeã em declamação no enart 2012 participa no dtg caiboaté da cidade berço da revolução farroupilha guaíba eco ­ quando começastes no tradicionalismo comecei a participar desde cedo quando criança lembro de ir seguido no ctg com a família mas foi na adolescência que comecei a participar de fato do ctg era da invernada era prenda e também já declamava eco ­ quando descobriu a aptidão para a declamação sempre gostei de poesia os primeiros livros que li na infância eram de poesia e desde então me apaixonei comecei a me interessar pela declamação logo que comecei a participar e frequentar o ctg a partir dai veio uma longa difícil e prazerosa estrada também a declamação sempre andou junto com o teatro minha profissão dessa forma pude ir aperfeiçoando estudando e entendendo tudo que envolve a declamação que vai muito além do que decorar uma poesia é preciso sentir e entender o que se fala sem dúvida o teatro me ajuda muito nisso e é importante acho que tudo acabou convergindo para o mesmo lado fico feliz por poder fazer arte em diferentes esferas da minha vida eco ­ como foi a sensação de subir ao palco no enart 2012 e a emoção do resultado subir no palco do enart é sempre uma emoção esse foi o terceiro ano em que participei e sempre tive a alegria de estar entre as 10 finalistas mas essa edição com certeza foi a mais especial foi a culminação de um ano de preparação e dedicação muito trabalho e muito ensaio e ter sido campeã não tem preço muito se aprende vendo e ouvindo foi preciso amadurecer muito aprender e entender muito até ter condições de estar no palco do enart e esse aprendizado não acaba nunca acredito que a importância dessa conquista se encontra no reconhecimento de um trabafoto arquivo pessoal lho árduo que não para por aqui ainda há muito chão pela frente muito mais a aprender as demais concorrentes com certeza mereceram estar lá naquele domingo da final e todas fizeram lindos trabalhos portanto ter recebido o 1º lugar é uma honra imensa aquele momento em que declamei romance de dona moça poema do grande aparício silva rillo foi único nunca mais se repetirá efêmero como a vida uma emoção sem igual priscila atingiu seus objetivos 2º concurso estadual de poesias 2013 ser ou não ser eis a questão comissão dos festejos se reúne a comissão estadual dos festejos far a seduc secretaria de estado da educação roupilhas do rio grande do sul reuniu-se na já programou para junho o grande seminário chuvosa manhã do dia 20 de março para de envolvendo os professores da rede estadual de liberar sobre a maior festa popular do estado ensino e a smed de porto alegre já marcou o o presidente erival bertolini solicitou a leitura seu seminário para o final do mês de julho dia da ata e logo depois que fosse apresentado o 29 os municípios interessados em seminários tema dos festejos deste ano estava presente para professores deverão fazer contato com a rodi borghetti presidente do igtf representan vice-presidência de cultura do mtg tes da brigada militar e da foto rita escobar famurs rogério bastos assessor de imprensa do mtg e neusa secchi vice-presidente de cultura apresentaram o tema dos festejos/2013 o rs no imaginário social e foram relembrados temas e patronos dos festejos de anos anterogério bastos explica o tema para a comissão riores neusa lembrou que tema anual mtg em defesa da saÚde e bem estar do tradicionalista

[close]

p. 14

14 vocÊ sabia que ano xi edição 140 notÍcias abril de 2013 necessidade especial de atenção e respeito 21 de abril é o dia da inconfidência mineira data da morte de joaqim josé da silva xavier o tiradentes 22 de abril de 1500 o navegador português pedro Álvares cabral torna-se oficialmente o primeiro europeu a chegar ao brasil chamada data da descoberta do brasil o jovem lizandro machado pereira é portador de necessidades especiais mas isso não o impediu de tornar-se o 3° peão do ctg oswaldo aranha em alegrete 4ª rt além de ser peão dança na invernada juvenil da entidade É emocionante vê-lo com 18 anos participando com alegria do movimento tradicionalista gaúcho e transmitindo alegria e paz aos que o cercam declara ilva goulart e lizandro giciéli barúa cultural do ctg aos 18 anos e cursando a 8ª série lizandro possui transtorno global de desenvolvimento atraso simultâneo no desenvolvimento de funções básicas desde o nascimento mas consegue vencer as barreiras e ser um jovem como os outros no ano em que o tema escolhido para ser trabalhado nas entidades é a saúde e bem estar de seus tradicionalistas esse jovem nos dá um belo exemplo de força de vontade superação e amor à tradição foto divulgação em virtude da matéria do mês de março eco 139 os ex-patrões do pioneiro 35 ctg solicitaram espaço para dar outra versão dos fatos o ex-patrão luiz clóvis rodrigues fernandes gestão 95/97 e 2003/2007 e o ex-patrão luiz carlos maffei gestão 2007/2011 enviaram uma série de documentos para a redação do jornal eco da tradição apresentando elementos que dão uma versão diferente da matéria de março página 9 do eco da tradição argumentam os ex-patrões que todos os assuntos foram tratados na passagem de cargo em reunião de patronagem especial para a data com a presença de todos os eleitos e conversados cada item da prestação de contas em documentação apresentada mostram um caixa positivo de mais de r$14.000,00 incluindo materiais em estoque contas de dezembro pagas com os aluguéis recebidos reuniões com o ministério público onde os ex-patrões trataram do assunto da acústica do ctg ao encerrar os documentos apresentados uma despedida mostra o trabalho da patronagem anterior obras que ocorreram que melhoraram o 35 reformas em banheiros cozinha gradeamento cerca elétrica para maior proteção reformas no galpão 3 dos cavaleiros da paz e finalmente terminaram a gestão sem nenhuma divida e participando de todas atividades possíveis da região e do mtg nota de esclarecimento tarca um sopro de vida na edição passada do eco publicamos o fechamento do grupo tarca de arte nativa de montenegro mas um grupo de abnegados tradicionalistas resolveram não deixar isso acontecer veja o que nos enviou alex mello que assumirá a entidade meu nome é alex fabiano machado mello tenho 39 anos e faço parte do tarca grupo de arte nativa desde 1991 dancei durante uns 8 anos ainda com os sócios fundadores do grupo quando entrei no ano de 91 a partir de 1996 fiz parte da invernada adulta que participou entre outros eventos dos enarts dos anos de 1997 1999 e 2001 e nos outros sempre que possível de alguma forma participei do trabalho das patronagens auxiliando no que podia sou gerente comercial empresa idealize consultoria em projetos e trabalho com a elaboração de projetos e a captação de recursos ao saber da possibilidade do grupo tarca encerrar suas atividades e por reconhecer a importância da entidade no meio em que está inserida já há 26 anos fazendo parte da comunidade montenegrina decidi assumir a patronagem para que a entidade pudesse ter continuidade aliado a isso acredito que com a minha experiência profissional posso auxiliar o tarca de uma maneira mais significativa principalmente por desejar aliar a cultura com questões sociais meu trabalho envolve o atendimento a diversos centros de tradições gaúchas no estado e até mesmo fora do rio grande do sul paraná e goiás sendo que em todas essas entidades conseguimos realizar projetos e captar recursos com eficácia permitindo o desenvolvimento de ações de cunho sociocultural que contribuíram significativamente com a valorização do tradicionalismo gaúcho e com a melhoria da estrutura desses ctg s estamos ainda organizando e compondo toda a patronagem já temos um grupo trabalhando no planejamento das ações todos unidos na mesma finalidade fortalecer a entidade atrair mais participantes e reforçar o trabalho realizado com as crianças embora em meio a várias dificuldades principalmente financeiras estamos trabalhando arduamente e conseguindo importantes parcerias que nos possibilitaram a retomada dos ensaios de dança das invernadas e o início de importantes oficinas música declamação literatura e teatro ­ concluiu grandes momentos da histÓria fundação de porto alegre um dos integrantes da tropa militarizada de joão de magalhães jerônimo de orneias menezes e vasconcelos natural da ilha da madeira fixou residência no morro de santana antes de 1732 em 5-11-1740 obtinha ele posse definitiva de suas terras sua fazenda aparece nos livros eclesiásticos com o nome de sítio do dorneles o sítio por ocasião da tomada das missões e da entrada dos açorianos que chegavam pela lagoa dos patos tomou importância como meio caminho entre rio grande e as missões ficou sendo lugar de pouso e espera para a gente açoriana que se destinava a povoar a região missioneira desde 1753 o sítio de dorneles aparece com o nome de porto do dorneles já a partir de 1757 recebe a denominação de porto dos casais os açorianos não se destinavam a fundar porto alegre a maioria rumou para santo amaro e rio pardo com a chegada de josé marcelino de figueiredo em 1769 a situação dos poucos açorianos do porto dos casais principiava a melhorar pois iniciava-se a fundação de um povoado com a construção da ermida de são francisco das chagas o rincão de são francisco foi desapropriado a pedido do governador josé marcelino de figueiredo o bispo do rio de janeiro d frei antônio do desterro criou em 26/3/1772 a freguesia de são francisco orago que em 18/01/1773 seria mudado para nossa senhora madre de deus de porto alegre talvez em homenagem à princesa d maria filha de d josé i e à famosa rainha d maria i mãe de d joão vi a povoação progredia com descendentes açorianos emigrados sacramentinos e sobretudo com 60 paulistas trazidos pelo gen gomes freire de andrade em 24/7/1773 o governador marcelino transferiu de viamão para cá a sede da capital da província em 1780 a freguesia contava com 1.200 habitantes em 19/9/1807 com a criação da capitania geral porto alegre passou a ser sua capital sendo elevada à categoria de vila em 23/8/1808 24 de abril de 1948 foi fundado o pioneiro do tradicionalismo gaúcho o 35 ctg o dia 19 de abril é considerado o dia do índio e foi criado pelo presidente getúlio vargas em 1943 para relembrar o dia em 1940 no qual várias lideranças indígenas do continente resolveram participar do primeiro congresso indigenista interamericano realizado no méxico tema quinquenal o mtg engajado na campanha de combate À corrupÇÃo laÇando a corrupÇÃo

[close]

p. 15

ano xi edição 140 abril de 2013 15 notÍcias 11ª rt investe em cultura o seminário de diretores culturais envolveu cerca de 85 das entidades da 11ª rt traçando os rumos dos projetos culturais reunidos no ctg rincão da roça reúna em veranópolis os diretores das entidades puderam esclarecer os projetos da vice-presidência do mtg para 2013 no mesmo evento foram trocadas experiências entre entidades liderado pelas prendas e peões regionais e a diretora cultural jane gabana já a gestão cultural de prendas e peões regionais liderados pela 1ª prenda regina peruffo e o peão lucas rossetto apoiados pelo casal coordenador do grupo wagner e sandra zottis vem desenvolvendo eventos culturais para as entidades e seus departamentos participarem À exemplo da gincana cultural veranópolis o seminário de prendas e peões e o memorial ítalo-gaúcho germânico ambos em serafina corrêa temos tido bastante trabalho mas é recompensador ter o retorno das entidades e de seus departamentos culturais quando somos questionados em valorizar de verdade as nossas raízes os nossos usos e costumes e a nossa região comenta regina peruffo 1ª prenda regional o calendário cultural regional ainda conta com a promoção de mais três eventos pelo grupo regional pois nesta gestão tivemos um aumento de participação de mais de 60 dos outros anos comenta renato gabana coordenador regional 35 ctg no marcas de quem decide a inclusão dos centros de tradições gaúchas entre os setores pesquisadas e mais uma das novidades desta edição que comemora os 15 anos do projeto marcas de quem decide e quem se apresenta em primeiro lugar nessa estreia é o ctg 35 de porto alegre que foi lembrado espontaneamente por 28,1 do público pesquisado pela qualidata e apontado como o preferido por 21.0 dos entrevistados na segunda posição entre os mais lembrados aparece o ctg rincão da lealdade de caxias do 5ul com 3,4 seguido do ctg aldeia dos anjos de gravataí com 2,7 o mesmo aldeia dos anjos fica na segunda posição entre os ctgs preferidos com 2,7 seguido de perto pelo tradicional lalau miranda de passo fundo que obteve 2,4 das indicações nesse quesito da pesquisa ministério público barra rodeio clandestino foi na 5ª região tradicionalista sob olhar atento do coordenador regional o ministério público estadual de rio pardo conseguiu impedir a realização no último domingo dia 17 de março das provas campeiras previstas durante o 1º circuito de tiro de laço progressista em pantano grande com a obtenção de uma liminar na justiça após receber a denúncia sobre o rodeio clandestino a promotora christine mendes ribeiro grehs abriu inquérito civil e na sexta-feira encaminhou o pedido de suspensão da atividade campeira prevista para o parque de eventos piquete tio maneco na localidade de aroeiras até os promotores obterem a certificação de adequação técnica cat expedida pelo movimento tradicionalista gaúcho mtg com a imposição de multa de r 20 mil caso houvesse o descumprimento da medida o juiz da comarca de rio pardo osmar de aguiar pacheco concedeu a liminar sob forma de antecipação de tutela determinando a proibição do evento e para garantir o cumprimento da decisão conforme solicitação no pedido do ministério público definiu a urgência na execução dos mandados com apreensão de animais em eventual uso nas provas e fiscalização dos oficiais de justiça e da polícia ambiental patram da brigada militar acerca da proibição do evento conforme o juiz as diligências investigativas demonstraram que o rodeio iria ocorrer no último domingo promovido pelo partido progressista e possível apoio do município de pantano grande e apesar dos organizadores terem evitado denominar o evento de rodeio crioulo ficou evidente a sua natureza diante das práticas que seriam exibidas e avaliadas em sua decisão o juiz considerou que a denominação do evento ou mesmo a vinculação explícita ao movimento tradicionalista pouco importa à sua caracterização explica que a lei estadual 11.719/2002 alterada pela lei estadual 12.567/2006 é aplicável em qualquer promoção que envolva animais nas atividades de montaria provas de laço gineteadas pealo chasque cura de terneiro provas de rédeas e outras típicas da tradição gaúcha nas quais são avaliadas a habilidade do homem e o desempenho do animal daí que todo evento com tais características está sujeito à fiscalização do mtg que vem não apenas preservar a tradição gaúcha mas principalmente a teor do diploma legal em evidência garantir a segurança de pessoas e animais sustenta o juiz 4ª rt promove tchêncontro a coordenadoria da 4ª rt o dtg estradeiros e a juventude gaúcha aguardam os tradicionalistas e simpatizantes em alegrete para prestigiarem o xx tchÊncontro regional da juventude gaÚcha e o x baile regional da prenda jovem a realizar-se no dia 27 de abril de 2013 local dtg estradeiros xx tchencontro regional da juventude gaÚcha tema fortalecendo as raízes da tradição gaúcha no imaginário social 8h recepção e credenciamento 8h30min sorteio da ordem da apresentação 9h abertura oficial 9h30min reinicio das apresentações dos trabalhos 18h encerramento e entrega de certificados 18h30min ensaio geral para o x baile da prenda jovem x baile regional da prenda jovem programaÇÃo não basta mudar o nome a lei regulamenta a atividade tema anual mtg em defesa da saÚde e bem estar do tradicionalista

[close]

Comments

no comments yet