Revista o Farmacêutico em revista - ed 98 - 3º| 2012

 

Embed or link this publication

Description

Acupuntura - O Caminho continua aberto para os farmacêuticos

Popular Pages


p. 1

® crf-pr revista do conselho regional de farmácia do estado do paraná edição nº 98 3º 2012 maio/junho acupuntura o caminho continua aberto para os farmacêuticos fiscalizaÇÃo irregularidades nos estabelecimentos marca operação que fiscalizou farmácias em reserva p.3 entrevista dr cleo mesa tireoide uma doença silenciosa profissÃo citologia novos horizontes para o profissional p.13 p.20

[close]

p. 2



[close]

p. 3

sumário 2 editorial nossas conquistas expediente o farmacÊutico em revista edição nº 98 3º/2012 conselho regional de farmácia do estado do paraná rua itupava 1.235 juvevê curitiba-pr cep 80.040-134 tel 41 3363-0234 www.crf-pr.org.br diretoria crf-pr diretoria dra marisol dominguez muro vice-presidente carros do conselho regional de farmácia do estado do paraná edição nº 98 3º/2012 3 fiscalização operação fiscalizou farmácias em reserva 4 matéria de capa acupuntura o caminho continua aberto para os farmacêuticos dr dennis armando bertolini diretor tesoureiro dr arnaldo zubioli diretora secretÁria geral dra mirian ramos fiorentin conselheiros regionais dr arnaldo zubioli dr cynthia frança wolanski bordin dr dennis armando bertolini dr emyr robeto carobene franceschi dra ines catarina rocha cantarela dr josé antônio zarate elias dra líbia emich batista de almeida dr márcio augusto antoniassi dra maria do carmo baraldoo wagner dra marilene provasi 13 entrevista dr.cleo mesa tireoide tireoide uma doença silenciosa e o farmacêutico pode orientar e acompanhar o planejamento terapêutico 18 comissões assessoras comissões assessoras um trabalho indispensável ao crf-pr cac crf-pr orienta profissionais da capital e do interior comissão prepara seminário de análises clínicas para novembro de 2012 fonte http hypescience.com/afinalporque-e-ate-que-ponto-aacupuntura-funciona dra marina gimenes dra marina sayuri mizutani hashimoto dra marisol dominguez muro dr maurício portella dra mirian ramos fiorentin conselheiros federais dr valmir de santi dra célia fagundes da cruz suplente jornalista responsÁvel ana c bruno mtb 2973 drt/pr reportagem redaÇÃo e ediÇÃo en sin o publicações profissão farmacêutica 20 citologia novos horizontes para o profissional cim ® crf-pr informação ass ess ori a formando cim/crf-pr 24 crf-pr em ação 32 conselho cria comissão de estética 5 de maio dia do uso racional de 34 medicamentos fonte http www.bancodesaude.com.br/user/1780 blog/qual-diferenca-entre-comprimido%e2%80%8bscapsulas-drageas ana c bruno gabriel leon scussel diagramaÇÃo e arte final michelly m t lemes trevisan designer artigo comissão indústria cosmética o farmacêutico e o meio ambiente ctp e impressÃo grupo corgraf 38 39 40 gráfica editora fone 41 3012.5000 www.grupocorgraf.com.br tiragem 14.000 mil exemplares artigos não manifestam necessariamente a opinião da revista o farmacêutico em revista e são de inteira responsabilidade dos seus autores capa foto acupuntura banco de imagens adquirida por trade comunicação seminário crf-pr crf-pr promove o iv seminário de atualização em indústria cosmética com ênfase em meio ambiente anfarmag pr e crf-pr promoveram fórum magistral notícias cff 42 calendário de cursos crf-pr 44 fonte:http www.patricinhaesperta.com.br /beleza/cuidados-com-o-pescoco-2 errata 44

[close]

p. 4

editorial nossas conquistas em clima de comemoração o motivo pelo qual celebra-se foram as conquistas da classe nos últimos meses a primeira vitória amplamente comemorada em todo o brasil foi o veto prudente da presidente dilma à lei que permitiria a venda de medicamentos em supermercados o crf-pr em conjunto com o cff e demais conselhos regionais encamparam essa luta farmacêuticos do paraná e de todo brasil se mobilizaram e essa conquista estendese a todos o projeto de lei que tramita no senado torna obrigatória a presença de farmacêutico em unidades do sus a a diretoria do crf-pr obrigatoriedade estende-se aos médicos enfermeiros dentistas e outros profissionais da saúde mas não aos farmacêuticos mas esse panorama pode mudar e estamos trabalhando exaustivamente para isso neste período ainda reformulamos o site do crf-pr o projeto web foi repensado visando facilitar a navegação moderno e objetivo o novo site traz notícias do setor farmacêutico e em breve será disponibilizado o link serviços o que possibilitará ao profissional resolver vários procedimentos de se sem a necessidade deslocar trataram de temas relevantes e atuais em consonância com uma das diretrizes dessa gestão que é a atualização profissional nesse período também nos dirigimos à população durante o dia do uso racional de medicamentos 05 de maio dia nacional da hipertensão cerca de 5 mil pessoas receberam orientação e informações e prosseguimos trabalhando pelo farmacêutico na busca das melhores alternativas sabemos dos desafios que temos pela frente e já nos preparamos para mais uma etapa de muito trabalho para o segundo semestre são essas vitórias que nos motivam e nos indicam que estamos no caminho certo encerra o primeiro semestre de gestão fisicamente estivemos à frente de eventos importantes para o setor entre eles os seminários de aprimoramento grupos de estudos e palestras que boa leitura dra marisol dominguez muro presidente crf-pr farmacêutica na área de análises clínicas dr dennis armando bertolini vice presidente crf-pr farmacêutico na área de ensino e pesquisa dr arnaldo zubioli diretor tesoureiro crf-pr farmacêutico na área de ensino e pesquisa dra mirian ramos fiorentin diretora secretária geral crf-pr farmacêutica na área de serviço público federal do paraná ­ ufpr sem dúvidas são informações de grande valia para a história farmacêutica paranaense aproveito para destacar a crescente evolução do crf-pr nos últimos anos parabenizo a gestão 2012/2013 pelo constante crescimento e luta em prol no que diz respeito à programação de eventos estive acompanhando os mais recentes pelo site revista e email marketing e só do profissional farmacêutico É gratificante saber que estamos lutando pelos mesmos ideais tenho a elogiar na promoção dos ciclos de palestras em diversas áreas de atuação do profissional farmacêutico além de diversas outras atividades como campanhas em todo paraná e a campanha 2012 9 motivos para procurar um farmacêutico totalmente voltada para a valorização do profissional finalizo reforçando a importância de cada farmacêutico exercer sua profissão com ética e disciplina mensagem recebida por e-mail de dra nathalie damazio rezende crf/pr 22.135 farmacêutica são jorge do ivaí/pr buscando principalmente sua valorização no mercado de trabalho 2 o farmacÊutico em revista|edição nº 98 3º|2012 entre aspas gostaria de parabenizar o crf-pr pela matéria realizada na edição especial de 2012 sobre os 100 anos da universidade

[close]

p. 5

fiscalização operaÇÃo fiscaliza farmÁcias em reserva a ação foi mobilizada pelo conselho regional de farmácia e a 21ª regional de saúde ­ telêmaco borba a equipe de fiscalização do conselho regional de farmácia em conjunto com a 21ª regional de saúde telêmaco borba realizou no mês de maio uma operação que culminou na aplicação do instrumento denominado ficha de verificação do exercício profissional em seis farmácias na cidade de reserva município a 224 km da capital paranaense e que conta atualmente com 11 estabelecimentos farmacêuticos durante a fiscalização os fiscais do crf-pr encontraram diversas irregularidades como medicamentos vencidos adulterados e com etiquetas cobrindo a data de validade problemas com medicamentos controlados e manipulação clandestina de medicamentos estas irregularidades podem comprometer a saúde da população confirma o fiscal do crf-pr dr luciano pacheco que também participou da ação segundo o gerente de fiscalização do conselho dr elias montin o objetivo foi de coibir irregularidades na comercialização de medicamentos e averiguar a regularização da assistência farmacêutica em farmácias e drogarias do município de reserva o balanço da operação é positivo sempre que conseguimos coibir ações que colocam em risco a saúde da população constatou segundo o fiscal dr ribamar schmitz responsável por fiscalizar a região a farmácia que realizava manipulação clandestina foi interditada pela vigilância sanitária e o responsável técnico poderá responder processo ético junto ao crfpr a ilegalidade ainda é um grande desafio aponta o fiscal a manipulação dos medicamentos era realizada sem qualquer condição de higiene péssimas condições de manipulação e armazenamento e sem qualquer registro para o funcionamento com esse fim continuou dr dennis a bertolini vice-presidente crf-pr chefe da fiscalização dr elias montin fiscal gerente da fiscalização dr edivar gomes fiscal gerente Ética dr marcelo polak fical região 1 dr eduardo freitas fiscal região 2 dr eduardo pazim fiscal região 3 o farmacÊutico em revista|edição nº 98 3º|2012 3

[close]

p. 6

fiscalização local inadequado onde eram produzidos os medicamentos fiscal do crf-pr dr jorge salem ao fundo e a equipe da 21ª regional de saúde durante inspeção foram encontradas diversas irregularidade no estabelecimento ao final da operação os seis estabelecimentos inspecionados foram autuados pela vigilância sanitária e os responsáveis tecnicos envolvidos poderão responder processo ético junto ao conselho após análise do departamento de Ética do crf-pr esta foi a terceira operação realizada no estado nos últimos meses segundo a presidente do conselho regional de farmácia do estado do paraná dra marisol dominguez muro para ela esta é além de uma maneira de inibir a irregularidade uma ação educativa que mostra à sociedade os riscos de utilizar medicamentos sem acompanhamento orientação e prescrição esta foi uma demonstração da eficácia dos trabalhos conjuntos ganha a profissão farmacêutica ganha a população finalizou medicamentos sem registro e irregulares fiscalização crf-pr a fiscalização do crf-pr é exercida exclusivamente por farmacêuticos aprovados em concurso público e sua equipe é composta de 11 farmacêuticos fiscais que atuam em todo o estado do paraná em média são realizadas 2.700 inspeções mensalmente em 2011 foram realizadas 32.066 inspeções a fiscalização do crf-pr atua de forma a garantir o direito legal da população de ser atendida pelo farmacêutico profissional de nível superior capacitado a orientar sobre o correto uso dos medicamentos seringas descartadas de forma inadequada materiais utilizados na produção dos medicamentos dr ribamar schmitz fiscal região 4 dr edson garcia fiscal região 5 dr jorge salem fiscal região 6 dr luciano pacheco fiscal região 7 dr edson siqueira fiscal região 8 dr silvio franchetti fiscal região 11 4 o farmacÊutico em revista|edição nº 98 3º|2012

[close]

p. 7



[close]

p. 8

matéria de capa acupuntura o caminho continua aberto para os farmacêuticos agulhas especiais em pontos específicos do corpo e em diferentes profundidades da pele chamados de pontos de acupuntura ou acupontos para obter efeito terapêutico em diversas condições essas agulhas têm a capacidade de alterar condições fisiológicas e bioquímicas e assim tratar uma ampla variedade de doenças que se relacionam com alguma dor como por exemplo artrite dores nas costas no pescoço nos joelhos nos ombros tendinite e ciática a técnica da acupuntura começou a ser utilizada no brasil no ano de 1958 com a fundação da sociedade brasileira de acupuntura e medicina oriental mas a abertura do exercício da prática por profissionais de diversas áreas da saúde aconteceu a partir de 1972 com a fundação da aba associação brasileira de acupuntura possibilitando que fossem ministrados os primeiros cursos sistematizados de ensino da técnica nesta época muitos profissionais começaram a exercer a acupuntura fato que causou certa polêmica sendo criticada por alguns representantes da classe médica no país que defendiam que a técnica fosse exercida apenas por profissionais com formação superior em medicina de acordo com um projeto de lei apresentado em 27 de novembro de 2003 pelo então deputado federal chico alencar psolrj o exercício profissional da atividade deveria ser regulamentado seguindo as orientações da organização mundial da saúde oms pelo projeto todos os profissionais da saúde poderiam exercer esta prática dentro da sua respectiva área a acupuntura é um ramo da medicina tradicional chinesa que consiste na aplicação de fonte http www.clinicashentao.com.br/wp-content/uploads/2010/10/acu+61.jpg fonte http hypescience.com/afinal-porque-e-ate-que-ponto-a-acupuntura-funciona fonte http bemestarnatal.blogspot.com.br/2011/03/acupuntura-auricular.html 6 o farmacÊutico em revista|edição nº 98 3º|2012

[close]

p. 9

matéria de capa para a organização mundial da saúde oms a acupuntura está entre as formas de medicina complementar considerada uma prática multiprofissional que pode ser exercida por diversos profissionais da área de saúde com formação em nível superior em farmácia biomedicina educação física enfermagem fisioterapia fonoaudiologia medicina odontologia e psicologia desde que a sua atuação seja regulamentada pelos respectivos conselhos federais profissionais a oms recomenda que competências específicas sejam estabelecidas a cada categoria e o mais importante não é definir quem pode exercer a atividade o fundamental é definir critérios claros sobre como a acupuntura deve ser praticada pelos mais diversos profissionais representaÇÃo da acupuntura o que é É uma prática da medicina tradicional chinesa que introduz agulhas em determinados pontos do corpo para regular funções orgânicas baseia-se em energias que percorrem os órgãos e vísceras e chegam até a pele por meio de 14 canais ou meridianos nesses trajetos estão mapeados 300 pontos que podem ser estimulados ou bloqueados podem-se aplicar agulhas no crânio orelha mãos costas e outras áreas a técnica pode ser associada a aquecimento pressão digital ou microimpulsos elétricos É usada há mais de 4 mil anos agulhas para acupuntura fonte fisiatra e acupunturista mário sérgio vieira e ortopedista ivan rocha http g1.globo.com/bemestar/noticia/2011/11/acupuntura-alcanca-ate-300-pontos-nervosos-e-ameniza-dor-nas-costas.html re-desenhado por michelly

[close]

p. 10

matéria de capa como funciona a inserção da agulha dói menos que a puxada de um fio de cabelo É só devem ser empregadas agulhas descartáveis que ficam cerca de 20 minutos em cada ponto por meio de estímulos de nervos periféricos a acupuntura leva informações ao cérebro o corpo reconhece as agulhas como microlesões e age para repará-lás o contato do metal faz os vasos se dilatarem e causa uma maior irrigação sanguínea da região os vasos linfáticos também aumentam de calibre e melhoram a drenagem de eventuais inflamações há liberação pelo cérebro de substâncias analgésicas e relaxantes como a serotonina em caso de dor crônica as agulhas bloqueiam canais que enviam continuamente estímulos ao cérebro fonte fisiatra e acupunturista mário sérgio vieira e ortopedista ivan rocha http g1.globo.com/bemestar/noticia/2011/11/acupuntura-alcanca-ate-300-pontos-nervosos-e-ameniza-dor-nas-costas.html re-desenhado por michelly por que o farmacêutico é um profissional que está preparado para realizar a acupuntura quando o assunto É medicamentos ninguÉm conhece melhor sobre a correta utilizaÇÃo mecanismos de aÇÃo interaÇÕes efeitos adversos ou superdosagens do que o farmacÊutico quando este profissional É tambÉm acupunturista os benefÍcios proporcionados pela utilizaÇÃo da tÉcnica podem ser ainda maiores de acordo com o farmacêutico dr javier salvador gamarra junior membro da comissão de manipulação homeopatia e alopatia do crf-pr a formação do profissional farmacêutico o capacita para atuar como profissional de saúde nos campos da promoção prevenção e recuperação da saúde da população tendo como centro as tecnologias de saúde especialmente mas não somente o medicamento se estamos aptos a atuar de modo multiprofissional e multidisciplinar com diversas 8 para a farmacêutica dra zaclis iponina navarro xavier especialista em fitofármacos e fitoterapia o profissional farmacêutico possui tecnologias de saúde sendo a acupuntura uma tecnologia de intervenção em saúde com atuação multiprofissional estamos em condições de contribuir não de modo privativo mas sim de modo integrado na recuperação da saúde e qualidade de vida da população que busca essa modalidade de intervenção destaca uma das formações mais completas da área de saúde o farmacêutico possui a formação com o embasamento necessário para exercer mais de 70 habilitações e entre elas a acupuntura ementas e cargas horárias necessárias em anatomia fisiologia e fisiopatologia nos auxiliam a ganhar destaque dentro da acupuntura fazendo a cada dia que ganhemos um maior reconhecimento e uma maior valorização dentro da sociedade brasileira afirma o farmacÊutico em revista|edição nº 98 3º|2012

[close]

p. 11

matéria de capa o conselho federal de farmácia ­ cff reconheceu o exercício da acupuntura para farmacêuticos através da resolução número 353/2000 a qual determina que o profissional farmacêutico pode exercer a acupuntura desde que apresente ao respectivo conselho regional de farmácia título diploma ou certificado de conclusão de curso de especialização expedido com a aprovação da política nacional de práticas integrativas e complementares pnpic como determinou a portaria número 971/2006 do ministério da saúde os profissionais de saúde inclusive os farmacêuticos conquistaram o direito de exercer profissionalmente a atividade de acupuntura também no sus sistema Único de saúde vitória esta conseguida através do conselho nacional de saúde cns que estabeleceu as diretrizes para a incorporação e implementação dessas práticas no sus após amplo diálogo com a sociedade e as comunidades médica e científica desde 2005 os farmacêuticos que exercem a acupuntura no país contam com o respaldo da sociedade brasileira de farmacêuticos acupunturistas ­ sobrafa a sobrafa é uma entidade que integra a comissão inter-setorial de práticas integrativas do conselho nacional de saúde cns e está concentrada em desenvolver divulgar sistemizar orientar e incrementar a prática da acupuntura reunindo e divulgando trabalhos científicos realizados pelos profissionais farmacêuticos farmacêutica dra zaclis iponina navarro xavier especialista em fitofármacos e fitoterapia farmacêutico dr javier salvador gamarra junior membro da comissão de manipulação homeopatia e alopatia do crf-pr

[close]

p. 12

matéria de capa técnicas padronizadas e especialidades da acupuntura onde o farmacêutico pode atuar o conselho federal de farmácia ­ cff autor da resolução 516/09 prevê que para exercer a acupuntura o farmacêutico deverá seguir no exercício de suas atividades as técnicas específicas padronizadas e recomendadas pela organização mundial da saúde oms dessa forma surgiu a necessidade de se definir as especialidades do farmacêutico na prática integral da acupuntura sendo contempladas acupuntura moxabustão aplicação de ventosas ventosas com sangria superficial sangria superficial eletroacupuntura laseracupuntura aurículoacupuntura e auriculoterapia indicação assistida das fórmulas magistrais chinesas e das ervas chinesas no contexto filosófico energético da medicina tradicional chinesa e outras técnicas que venham a serem inseridas no seu artigo 1º a resolução determina que o farmacêutico no exercício de suas atividades profissionais no âmbito da técnica de acupuntura na medicina tradicional chinesa deverá realizá-la em espaço específico e adequado à sua atividade que poderá ser denominada de consultório ou sala de acupuntura e como parte de equipe multiprofissional de saúde em hospitais em unidades básicas de saúde em clínicas em entidades similares seguir técnicas específicas padronizadas e recomendadas pela oms e pela prática da medicina tradicional chinesa desde que apresente ao respectivo conselho regional de farmácia título diploma ou certificado de conclusão de curso em nível de pós-graduação lato sensu ou estricto sensu expedido por universidade faculdade instituição de ensino superior ou entidade de acupuntura reconhecida pelo cff além disso a resolução determina regras para obtenção de título de especialista o farmacêutico dr javier salvador gamarra junior ressalta que é pequena a inserção acadêmica da acupuntura na área farmacêutica por outro lado a maioria dos cursos de pósgraduação reconhecidos pelo ministério da educação mec ofertam o ensino da acupuntura em modo multiprofissional permitindo a capacitação e aperfeiçoamento bem como habilitação para atuação profissional perante o cff práticas integrativas e complementares homeopatia fitoterapia e terapia floral as práticas integrativas e complementares pics englobam sistemas médicos complexos com teorias próprias sobre o processo saúde-doença diagnóstico e terapêutica e recursos terapêuticos instrumentos e intervenções usados ou não nesses sistemas algumas pics estão inseridas no sus por meio da portaria 971/2006 ms fitoterapia tratamento com produtos de origem principalmente vegetal e com abordagem alopática homeopatia especialidade farmacêutica médica odontólogica e médico veterinária medicina tradicional chinesa mtc que inclui a acupuntura termalismo social/crenoterapia uso terapêutico de águas minerais termas p ex e medicina antroposófica ­ abordagem médico terapêutica complementar de base vitalista outras práticas abordagens intervenções não estão oficializadas/reguladas a terapia floral está entre elas essa prática é muito confundida com homeopatia porém é outro tipo de intervenção em saúde completamente distinta foi reconhecida pela oms como prática complementar em 1976 ressalte-se que a única coisa em comum com a homeopatia é que seu criador edward bach médico inglês era homeopata antes de iniciar o desenvolvimento dessa prática não está regulamentada para nenhuma área da saúde até onde se tem conhecimento embora a manipulação de florais seja prática comum nas farmácias magistrais brasileiras a associação brasileira de farmacêuticos homeopatas abfh publicou um manual técnico que orienta os farmacêuticos como produzir florais para aviamento dada a demanda existente e que necessita ser atendida com segurança eficácia e qualidade segundo o farmacêutico dr javier salvador gamarra junior é importante ressaltar que embora as autoridades sanitárias brasileiras não classifiquem os florais até o presente como medicamentos ofício svs/gabn 479/98 os farmacêuticos que os manipulem devem tratá-los como tal e dispensá-los somente mediante apresentação de prescrição formulada por profissional habilitado o assunto é controverso mas merece maior atenção do setor farmacêutico a homeopatia é um campo de atuação profissional reconhecido como especialidade farmacêutica desde 1990 presente em aproximadamente 70 das faculdades de farmácia com diversos cursos de pós-graduação ofertados no país com prova de título de especialista ofertada pela abfh e com pelo menos 1.000 farmácias registradas como homeopáticas no sistema crfs-cff a demanda por profissionais habilitados na área é crescente inclusive com demanda por profissionais no setor público via concurso sobretudo depois de sua implementação no sus finaliza 10 o farmacÊutico em revista|edição nº 98 3º|2012

[close]

p. 13



[close]

p. 14

matéria de capa mercado para o farmacêutico na visão do conselho federal de farmácia cff a acupuntura é uma realidade profissional para os farmacêuticos pois foi incluída no sus como abordagem multiprofissional É uma área de atuação objeto de embates judiciais provocados por diversas carreiras especialmente medicina que reivindica atuação privativa mas é exercida por diversos profissionais de saúde como odontólogos fisioterapeutas enfermeiros além dos farmacêuticos embora haja manifestação recente 27 de março deste ano do tribunal regional federal da 1ª região com ampla divulgação por parte do conselho federal de medicina cfm e mídia declarando acupuntura como prática médica privativa existem diversas medidas judiciais e recursos cabíveis vários em tramitação em diversas partes do país inclusive com manifestação contrária à tese defendida pelo cfm por parte do superior tribunal de justiça stj instância superior ao trf citado em suma não existe lei que estabeleça que a acupuntura é ato médico privativo o farmacêutico dr javier salvador gamarra junior fez uma previsão otimista destacando que o mercado para o farmacêutico acupunturista ainda está restrito porém com amplas possibilidades de se desenvolver uma vez que a prática está em crescimento no brasil e em outras partes do mundo a organização mundial de saúde oms incentiva sua ampliação e para aqueles que têm dúvidas sobre a eficácia da acupuntura numerosos estudos científicos estão sendo desenvolvidos em diversos países inclusive brasil apresentando resultados satisfatórios conclui 12 o farmacÊutico em revista|edição nº 98 3º|2012 hoje 59 pro fissionais f armacêuti a exercer cos estão h a acupuntu abilitados ra no para registrados ná devid junto ao co amente nselho regi estado do p onal de farm araná ­ crf ácia do -pr no bra de pós g sil existem raduação 16 cursos em acupu profissiona ntura la l reconhe to senso cidos pelo farmácia ­ conselho f cff desse ederal de s 04 curso s estão no p araná dados esta tÍsticos farmacêuticos podem exercer a acupuntura normalmente o reconhecimento do exercício da acupuntura como atividade profissional no brasil é atualmente foco de grandes debates entre os diversos grupos de profissionais foi publicada no diário oficial da união em 03 de abril de 2012 a decisão do tribunal regional federal da 1ª região a respeito da acupuntura não poder ser exercida por outros profissionais além do médico o presidente do cff dr walter jorge joão disse que o cff tomará todas as medidas com vistas a garantir o exercício da acupuntura pelos farmacêuticos especialistas na área ele argumenta que a acupuntura não é prerrogativa da medicina mesmo porque não há nenhuma lei que a regulamenta no brasil em comunicado o conselho federal de farmácia cff alegou que a decisão não é definitiva em primeiro lugar não existe lei determinando que a acupuntura é um ato privativo do médico em segundo o código brasileiro de ocupação prevê a figura do médico acupunturista ou seja a medicina também pode exercer a atividade em terceiro o ministério da saúde que trata da política nacional de práticas integrativas e complementares do sus inclui a acupuntura sem restrição profissional e por fim é preciso esclarecer que a recente decisão do trf 1ª região não abrange os termos da resolução nº 516/09 do cff que define os aspectos técnicos do exercício da acupuntura na medicina tradicional chinesa como especialidade do farmacêutico finalizou.

[close]

p. 15

entrevista dr cleo mesa tireoide tireoide uma doenÇa silenciosa e o farmacêutico pode orientar e acompanhar o planejamento terapêutico ações de conscientização da doença foram programadas para lembrar a data e alertar a população quanto a tireoide considerada uma doença silenciosa estima-se que aproximadamente 300 milhões de pessoas sofram de disfunções da tireoide no mundo e destas mais de 50 desconhecem esta condição estudos populacionais brasileiros mostram que 10 da população têm problemas de tireoide os mais comuns são o hipotireoidismo o hipertireoidismo e o câncer de tireoide em idosos a incidência das doenças aumenta conforme a idade já nas mulheres a chance de desenvolver as doenças é de três a cinco vezes maior do que nos homens e para ressaltar a importância do farmacêutico no tratamento da tireoide o d ia 25 de maio é o dia crf-pr organizou um ciclo de palestras que percorreu os locais onde o crf-pr possui seccional curitiba e cascavel foram as primeiras cidades e no final de julho foi a vez dos profissionais de maringá e londrina assistirem a palestra e para falar sobre o assunto entrevistamos dr cleo mesa médico do serviço de endocrinologia e metobologia do hospital de clínicas da ufpr sempr segundo o especialista a doença tireoidiana mais prevalente é o hipotireoidismo ela se caracteriza pela redução dos níveis de hormônios tireoidianos e pode provocar sintomas como intolerância ao frio queda de cabelo pele seca obstipação intestinal lentidão de raciocínio desânimo cansaço fadiga sintomas depressivos e ganho de peso discreto além do impacto na qualidade de vida decorrente destes vários sintomas o hipotireoidismo está associado a um maior risco cardiovascular interferência na fertilidade em mulheres problemas gestacionais para a mãe e o feto e vários outros problemas tornando importante o diagnóstico e tratamento desta doença tem uma alta prevalência sobretudo em mulheres atingindo de 4 a 10 da população a tireoidiana principal primária causa de hipotireoidismo em adultos é a doença denominada hipotireoidismo primário e ocasionado por uma falência da própria glândula a tireoidite de hashimoto é a principal causa etiológica uma doença de tendência familiar caracterizada por um desequilíbrio imunológico que a resulta em autodestruição da glândula 1 internacional da tireoide no mundo todo e no brasil fonte:http www.patricinhaesperta.com.br/beleza/cuidados-com-o-pescoco-2

[close]

Comments

no comments yet