JORNAL O MARISCO 155

 

Embed or link this publication

Description

Tem Cinema na Cidreira In Fest - Totalidade 3 / O Maestro da Areia / Duas Cruzes / Cidreirense Naturalmente / Fórum - Sou Marisqueira de Cidreira por Lizzi Barbosa / Coluna do Luli - Eu não tenho onde morar por Ivan Therra / O direito de ser cidreirense e

Popular Pages


p. 1

casa da cultura do litoral ano viii nº 155 tem cinema na cidreiradia 04 fest in de agosto quinta um projeto super especial da casa da cultura do litoral e dos estudantes da t3 eja noite da escola marcílio dias uma viagem sem volta ao mundo das drogas direção de ivan therra roteiro de franciele couto t otalidade3 cinevÍdeo produtora alma 19:00 escola municipal marcílio dias t3 eja noite cidreira/rs um filme de ivan therra as crianças já nascem música depois viram instrumento produtora das mãos do velho pescador nasciam instrumentos musicais com os quais o maestro da areia ensinava a gurizada da praia da cidreira a cantar e a tocar direção de ivan therra fotografia de léo sassem arte de daniel maíba ministÉrio da cultura casa de cultura do litoral maya 19:30 o imaginário popular construiu a lenda praieira contando dos sonhos e desejos de uma marisqueira que pensou em viver o seu amor desafiou as verdades rompeu os limites e viu a vida e a noite enlaçadas agora transformada em sedução e procura aparece para sempre direção de lizzi barbosa fotografia de ivan therra arte de daniel maíba realização in 20:00 governofederal iv paÍs rico É paÍs sem pobreza ministÉrio da cultura governofederal paÍs rico É paÍs sem pobreza ministÉrio da cultura secretaria do audiovisual web tv quer ver as notícias entrevistas shows eventos e documentários na tv acesse www.omarisco.com.br traga a cuia e a bomba que a erva é por nossa conta in erva mate e chás especiais atendimento de qualidade botijão com peso certo preço justo segurança e entrega rápida é com a liquidá por isso tenha sempre à mão o número do seu revendedor autorizado liquidá o gás que valoriza o talento das cozinheiras e cozinheiros do nosso país o novo p-8 é ideal para as nossas famílias o novo p-8 pode ser trocado pelo tradicional p-13 sem custos adicionais solicite agora o seu p-8!

[close]

p. 2

editorial web tv assista o programa de ivan therra na tv www.omarisco.com.br fórum web coluna do luli web tv assista o programa da lizzi barbosa na tv www.omarisco.com.br tv assista o programa café do luli na tv www.omarisco.com.br cidreirense naturalmente e aí tchê da onde que tu és sou de cidreira de cidreira daqui mesmo É sim sou daqui da praia báh mas é difícil encontrar alguém que seja de cidreira éin pois é mesmo a maioria das pessoas que moram aqui na praia são de outros lugares tem gente de porto alegre viamão canoas alvorada cachoeirinha gravataí É verdade eu mesmo sou de santa rosa e como tu veio parar aqui na praia faz algum tempo que um candidato a vereador prometeu conseguir um emprego na prefeitura um terreno e material prá eu fazer a minha casa e eu só tinha que votar nele e pronto se ele fosse eleito eu tava feito e daí o que aconteceu o cara se elegeu mas foi só tomar posse e esqueceu de tudo o que tinha prometido fui jogado num cômoro lá prá trás da igrejinha da zona a sem água sem luz tive que arranjar umas tábuas prá fazer uma maloca minha mulher pegou as crianças e voltou prá santa rosa prá casa da mãe dela nunca mais vi as crianças devem estar crescidas e tu faz o que aqui na praia faço uns bicos virando massa cato umas latas e essas coisas prá ganhar um dinheiro que pelo menos dá prá comer né pior que não é só tu tem muita gente que veio prá cá morar nas dunas por causa da política mas eu tô admirado por tu ser de cidreira acho que tu é a única pessoa que é daqui que eu conheço mas tu é mesmo daqui ué claro que sou deixa eu ver tua identidade não precisa rapaz pois eu tô te dizendo se é mesmo então deixa eu ver tá aqui mas aqui tá escrito que tu nasceu em osório e não em cidreira pois é mas eu só fui prá osório nascer porque aqui não tem hospital e nem maternidade então tu não é daqui claro que sou nasci e logo voltei prá cidreira por isso que eu digo que sou da praia sou cidreirense tu até pode dizer mas não é o que diz tua identidade meu velho tu não é de cidreira sou de cidreirense naturalmente informativo insc municipal n°008/06 insc estadual isento rua caubi da silveira 286 praia da cidreira rs cep 95.595-000 sou marisqueira de cidreira mas natural de porto alegre como assim há muitos anos por questões logísticas não são registrados os filhos de cidreira como tal os cidreirenses são registrados como tramandaiense porto alegrense caponense entre outros e raramente um rebento vem rebentar na nossa praia cansei de contar que apenas nasci em porto alegre cada vez que me perguntam se sou daqui estou impedida de afirmar que sou nascida e criada aqui pois em meus documentos aparece a cidade de porto alegre como sendo minha naturalidade contudo eu sou marisqueira filha da terra e cidreirense isso me causa desconforto e constrangimento pois é preciso uma longa explicação para aclarar que fui concebida em cidreira e que minha mãe foi conduzida até porto alegre para meu nascimento por que aqui não temos maternidade passamos eu e minha mãe na cidade de porto alegre apenas o tempo de recuperação inicial pós parto vivo em cidreira desde então fui criada aqui pago meus impostos aqui tive meus dois filhos aqui constituí uma família aqui trabalho aqui e nunca residi um dia sequer de minha vida em outra cidade não consigo aceitar que em meus documentos e nos documentos de meus filhos a nossa identificação de naturalidade é de outra cidade que não cidreira eu sou natural daqui meus filhos também são mas não é o que atesta minha identidade afinal o que é isso identidade senão algo que diz de mim de quem sou e de onde venho aqui em cidreira temos poucos cidadãos e com o tempo não teremos nenhum sequer a não ser aqueles que por atos políticos ganharam o título de cidadão cidreirense sem de fato o serem o que credencia uma personalidade política a ter um título que é meu por direito de nascença e que me é negado por uma questão de estatística porque os cidadãos de cidreira não podem ostentar o título de marisqueiros quem nos tirou o direito de sermos naturais de cidreira quem tirou esse direito dos meus filhos eu sou de cidreira concebida e criada filha da praia meus filhos são de cidreira concebidos e criados filhos da praia meu irmão nascido há pouco mais de um mês é cidreirense mas é natural de tramandaí por que porque temos de aceitar que uma formalidade nos roube a identidade que carregamos todos os dias das nossas vidas e nos imponha uma naturalidade biônica e o que é pior retira de nossos cofres públicos os recursos oriundos de nosso nascimento e que deveriam ser aplicados em nossa cidadania para parafrasear o luli eu sou marisqueira e nÃo desisto nunca duas cruzes será dia 25 de agosto a exibição do filme duas cruzes em porto alegre sala pf gastal da usina do gasômetro às 19hs É a hora de cidreira ser vista e apreciada na capital em um dos palcos culturais mais prestigiados do estado não percam lizzi barbosa graduanda de pedagogia da uergs blog teorias de marisqueira http lizzibarbosa.blogspot.com email lizibarbosa@omarisco.com.br tô na bahia meu rei volto em breve eu não tenho onde morar ivan therra o velho dorival caymmi sabia muito das coisa que o mar anda contando mas isso é prá quem sabe ouvir o barulho das ondas aqui na nossa praia está cada vez maior o barulho das ondas e quem sabe ouvir sabe que é por causa do número de famílias que se sujeitam a morar na areia as sub-habitações se multiplicam e dentro delas homens mulheres e crianças abrigam-se da violência social produzida pela ganância de alguns políticos que engordam às custas do choro da gurizada da praia todos sabemos que cada pessoa vale um voto não importando se tem casa se tem comida se tem saúde se tem trabalho se tem fome se tem frio se tem saudade de alguma coisa as velhas políticas iniciadas há bastante tempo ganharam adeptos e hoje continuam a ser praticadas pelos políticos contemporâneos mímicos do antes seduzem os olhos sofridos pelas faltas dos homens e mulheres do mundo para que venham erguer com tábuas surradas seus sonhos de alimentar suas crianças unicamente para vê-las pelo menos uma vez sorrir e eles vem para praia carregados de miséria e esperança olhando para as cabeças pequenas que balançam na viagem e vez ou outra acarinhando os cabelos da parceira que sorri com olhos de infinito quando enfim chegam na praia são munidos de um saco de comida e prontamente levados para transferir seus títulos de eleitor e votam na areia que assim como os sonhos e as promessa mudam com o vento e como venta na praia É por isso que eu moro na areia twitter.com/jornalomarisco 51.3681.3456 51.8206.2550 edição n°155 ii de inverno 27 de julho de 2011 contabilidade fausto em batista mat const s 3681.3195 av frente aob prates n°4763 s9367.5549

[close]

p. 3

o camarao festa na minha cidade ivan therra não ajudo e ainda atrapalho zé caniço Ô camarão o que tu tem na cabeça mais um sarcófago sendo aberto e a maldição pode pegar eu tô avisando ivan therra o corrupto remédios populares com preços superfaturados e só eu sou cassado cade os outros olha só tão mexendo no sarcófago da família vai feder ivan therra web tv tÁ na rede com comentários de ivan therra lizzi barbosa luli e lobão quer ver então acesse www.omarisco.com.br a notícia da nossa praia em movimento ivan therra cidreira in fest de 28 de junho à 07 de agosto 11 dias de festa em cidreira no clube show de bola participe quinta dia 08 de agosto tem cinema na cidreira in fest oportunidade para ver o filme duas cruzes direção de lizzi barbosa fotografia de ivan therra e arte de daniel maíba dia 04 de agosto a partir das 20 horas na cidreira in fest imperdível quem ainda não viu o nosso filme o maestro da areia direção de ivan therra fotografia de léo sassem e arte de daniel maíba poderá assistir no dia 04 de agosto a partir das 19:30 na cidreira in fest imperdível Ótima oportunidade para assistir ao filme totalidade 3 direção de ivan therra e roteiro de franciele couto um projeto educacional da escola marcílio dias realizado pela casa da cultura do litoral e a t3 eja noite uma viagem sem volta ao mundo das drogas 19:00 na cidreira in fest imperdível professor paulo ott da uergs de cidreira um dos maiores especialistas em baleias do brasil foi entrevistado pelo fantástico tv globo e pela tv o marisco assista a entrevista de paulo ott na tv o marisco acesse www.omarisco.com.br o balneário pinhal convida para o i encontro ead uabbp polo balneário pinhal a realizar-se nos dias 5 e 6 de agosto de 2011 na sapp acadêmicos da pedagogia da uergs de cidreira sob a orientação do professor leandro forell estarão encenando o auto folclórico boizinho da praia original da região praieira gaúcha pesquisa e registro de ivan therra recursos do pac2 para cidreira a corsan solicitou à funasa recursos na ordem de r 9,7 milhões para a implantação do sistema de esgotamento sanitário em zonas priorizadas pela prefeitura utilizando-se a interligação ao sistema de esgotamento existente para tanto serão necessários mais 6.700 metros de redes uma estação elevatória e uma estação de tratamento de esgotos com capacidade para 60 litros por segundo o bradesco um dos maiores bancos privados do brasil instalará agência no município de balneário pinhal vereador matheus junges pcdob tomou posse no conselho das cidades do rs representando todos os vereadores do nosso estado destaque para cidreira em um dos conselhos mais importantes do nosso estado vipfest cidreira 2011 super festa com moda sertaneja+pegadanova+dj jorginho dia 06 de agosto no lagoa country club imperdível fÁbio darski acadêmico da pedagogia da uergs cidreira aprovou projeto junto a fapergs fundação de amparo à pesquisa do estado do rio grande do sul lobÃo colunista do jornal o marisco estará representando a nossa cidreira no i encontro internacional de blogueiros em foz do iguaçu web tv rasgou a rede com comentários de ivan therra lizzi barbosa luli e lobão quer ver então acesse www.omarisco.com.br a notícia da nossa praia em movimento acidente de moto mata o nosso amigo biel guri aqui da praia é mais uma vítima da violência do nosso trânsito pouco educado era só que faltava ressuscitar velhos e ultrapassados modelos administrativos que jamais pensaram na cidade e suas comunidades fica bem difícil pensar que alguém imagina que voltar ao erro possa ser bom para a nossa cidade por certo os promotores da abertura do sarcófago só podem estar pensando em cargos para si e para familiares e o resto da cidade que se exploda como sempre foi e vai continuar sendo se não pensarmos a nossa cidade de uma maneira nova dinâmica e consciente o que foi aquilo uma festa junina o pmdb acha que já ganhou e pode cumprir a ameaça caso os partidos que de fato são oposição não deixem de lado suas rusguinhas e passem a pensar na cidade o pt acha que pode ganhar sozinho não o pt sabe que não poderá ganhar sozinho e por isso mesmo continua sozinho está claro o pt não quer ganhar a eleição por que a resposta está no perfil de seus dirigentes É só olhar e ver muito cristal e pouco pt o ptb quer agarrar preço nem que para isso tenha que ressuscitar um dos seus mais terríveis enganos como os tempos são outros esta estratégia não vai até a esquina o psb voltou para o ninho exatamente como o marisco tinha dito que ia acontecer lugar da situação é com a situação o pps tenta cooptar o ex-prefeito elimar pacheco para as suas fileiras e apresentar uma proposta duplamente ao contrário fogo de palha acaba logo o pcdob tenta sensibilizar os partidos ditos de oposição para construir uma proposta de mudança real em nossa cidade porém as forças de oposições não são tão opositoras assim o prb e psc ocupam os espaços deixados pelos dois lados tentando chamar a atenção dos eleitores daqui a pouco se juntam com algum lado usando de todo o potencial intelectual disponível a administração pública de cidreira usa barro para tapar os inúmeros buracos do asfalto e das ruas inacreditável algumas das caríssimas lixeiras já estão enferrujadas e quebradas e o mp nada medicamentos perfumarias ofertas especiais a dona dos milagres o seu sofá velho vale dinheiro na troca por um reformado elisa dirceu estofaria esquadrias nova oficina mecÂnica multimarcas 12 anos de experiência portÕes portas e janelas socorro 24h 8127.6350 tele-entrega 3681.1725 av mostardeiro 3416 s3681.2236 9128.6043 orçamentos pelo telefone 9132.8018 s3681.5917 rua n.sra aparecida,1727 av fausto b prates esquina rua 16 av fausto b prates 5931 -nazaré

[close]

p. 4

o direito de ser cidreirense e a maternidade em cidreira entre tantos males realmente significativos que as idéias obsoletas de administrações sem compromisso com as suas comunidades podem causar um deles é cercear o direito de ser da cidade que se é quantas pessoas que são aqui da nossa praia mas lhes foi tirado o direito de ser de um determinado tempo prá cá as pessoas não tem o direito de nascer em cidreira não tem o direito de registrar em seus documentos que são naturais de cidreira então temos gente de cidreira que são de tramandaí osório capão da canoa mostardas viamão e porto alegre mas na realidade são pessoas que foram concebidas e criadas em cidreira porém por questões logísticas não nasceram aqui e por consequencia não carregam em seus documentos a naturalidade cidreirense onde fica o direito das pessoas de terem registrado em seus documentos a naturalidade que o sentimento exige É possível que muitas pessoas que foram concebidas e criadas em nossa praia queiram ser de cidreira também é possível que os pais queiram que seus filhos sejam de cidreira e por conta da falta de compromisso das administrações é negado o direito de ser para quem quer ser de cidreira onde está a solução para estas questões quando teremos o direito de sermos naturais de cidreira gestantes atendidas na rede pública podem realizar nove exames gratuitos os exames laboratoriais realizados durante o período pré-natal são fundamentais no rastreamento de alterações clínicas que a gestante possa vir a sofrer e consequentemente seu bebê para atender ao contingente de grávidas atendidas na rede pública no rs a secretaria estadual da saúde ses firmou contrato há quase dois anos com o instituto gesta para a realização de sete tipos de exames a partir de agosto mais dois exames serão acrescidos à lista mais de oitenta municípios da região macrometropolitana de porto alegre e de outras regiões do estado aderiram ao programa maternidade segura da ses e um total de trinta e cinco mil gestantes foram atendidas com diagnósticos para diversas patologias os exames ofertados são financiados pelo sus para a detecção de toxoplasmose igg e igm anti-hiv hbsag hepatite b vdrl sífilis tsh tireóide e clamídia infecção a partir do próximo mês também constarão da lista os de glicose e hemoglobina o modelo se mostra importante na prevenção da mortalidade materno-infantil pois possibilita realizar diagnóstico e tratamento de forma precoce o coordenador da seção de saúde da mulher fernando anschau explica que é de fundamental importância uma logística adequada de exames visando a rede cegonha ­ programa do ms que visa organizar uma rede assistencial para o pré-natal parto puerpério e atendimento à criança como questões que correm transversalmente a essa rede os exames devem ser de qualidade realizados em tempo hábil e com resolutividade fonte assessoria de comunicação social ses/rs exames ofertados pelo sus toxoplasmose igg e igm anti hiv hbsag hepatite b vdrl sífilis tsh tireóide -clamídia infecção e partir do mes que vem teremos glicose hemoglobina a saúde pública ofertou à você todos estes exames aqui em cidreira o maternidade segura é o programa de diagnóstico e prevenção de doenças no período pré-natal oferecendo às gestantes do sistema Único de saúde sus o diagnóstico gratuito de uma série de doenças responsáveis pela mortalidade materno-infantil e que podem em menor grau comprometer a saúde da mãe e do bebê o programa atende 80 municípios gaúchos1 o instituto gesta capacita os agentes de saúde municipais envia o material para coleta realiza o diagnóstico e envia os resultados via online para os municípios além disso buscamos acompanhar a gestante até o nascimento do bebê e realizar pesquisas para oferecer as tecnologias mais eficazes e modernas para promover e melhorar a questão da prevenção de doenças na saúde pública fonte www.institutogesta.com.br por que não implantar uma maternidade em cidreira o município tem autonomia e pode iniciar um processo de implantação de maternidade se quiser se podemos gastar mais de r$1.000,00 para comprar uma lixeira bem que poderíamos pensar em abrir um processo licitatório transparente para implantar uma maternidade em cidreira precisaremos apenas de um centro obstétrico bloco cirúrgico incubadoras centro de nutrição e dietética e lavandeira tudo isto custa em torno de r$2.000.000,00 o que não é nenhum absurdo para quem compra luminárias por r$2.000,00 cada bem que poderíamos no lugar de criar vários empregos de r$500,00 que são cabides em troca de votos pagar melhor os nossos médicos e enfermeiros e contratar mais alguns para atender a nossa maternidade a idéia é avançar nas ações em benefício de todas as nossas comunidades e possibilitar que as pessoas sejam de cidreira e possam registrar este orgulho em seus documentos É importante que as pessoas possam apresentar-se como naturais de nossa cidade temos muitas pessoas que são de vários lugares e compõem a nossa sociedade porém não podemos negligenciar sobre o desejo e o direito de nascer em cidreira a gravidez na adolescência e o direito de ter filhos a nossa região praieira é uma das regiões com maior incidência de gravidez na adolescência do estado todos sabemos dos enfrentamentos a que estão sujeitos os nossos adolescentes principalmente durante a temporada quando somos invadidos por veranistas de todos os lugares trazendo culturas de um mundo diverso do nosso com conceitos e atitudes muito diferentes das construídas no nosso cotidiano o encantamento do verão leva o calor da juventude a encontros que muitas da vezes tem consequencias não medidas pelos adolescentes É comum encontrarmos nas nossas famílias os filhos do verão quando as meninas da praia são encantadas pelo sonho do veraneio e passada a temporada carregam nos braços o fruto de um amor vivido intensamente as crianças são criadas na praia normalmente pela mãe e pela família e são atendidas pelos serviços públicos de saúde da praia porém por não termos maternidade a criança é registrada em outra cidade e os recursos vão para a cidade onde nasceu a criança e não para onde ela está sendo criada a gravidez na maioria das vezes interrompe os estudos e dá um novo rumo a vida da mãe outras prioridades outros compromissos outra vida mas isso não significa que a gravidez seja determinantemente um estado a ser condenado e o filho não planejado seja um transtorno na maioria das vezes a chegada do filho é motivo de alegria e todas as pessoas tem o direito de ter filhos o filho pode ser um incentivo para a reflexão e o desenvolvimento das pessoas o sentimento de ser mãe pai avo avó tio ou tia sempre é inspirador para que busquemos um mundo melhor para os filhos r mercado economizar é comprar com qualidade s3681.2845 padaria açougue fruteira hortaliças ramos av fausto b prates 2655 ao lado da escola raul pilla

[close]

p. 5

pág.5 acadêmico da uergs tem projeto aprovado pela fapergs assista a o acadêmico de pedagogia da uergs fábio darski entrevista de aprovou na fapergs fundação de amparo a pesquisa web fábio darski na tv o marisco do estado do rio grande do sul um projeto de pesquisa acesse sobre a participação da juventude de cidreira nos www.omarisco.com.br assuntos pertinentes a politica local estadual e nacional segundo fábio darski a pesquisa busca revelar o quadro de entendimento da juventude de cidreira frente as relações políticas em todos os níveis o grau de participação e a compreensão da gurizada em relação as funções dos políticos bem como a disposição da juventude cidreirense em participar do processo político indo desde o voto facultativo aos 16 anos passando pelo conhecimento das propostas político partidárias até a participação efetiva e militante o método adotado no projeto será o da utilização de uma série de perguntas pertinentes a questões políticas que deverão ser respondidas pela nossa juventude a pesquisa acontecerá na escola estadual raul pilla por ser um espaço que abriga a maioria da juventude de cidreira os dados levantados serão sistematizados estudados e posteriormente disponibilizados para conhecimento de todos os interessados É importante saber que conceitos a nossa juventude tem de política temos que saber até que ponto a juventude de cidreira está consciente de suas possibilidades de participação política até que ponto conhecem as funções de cada político e também se eles tem vontade de participar da política de nossa cidade do estado e do brasil disse fábio darski tv vereador matheus junges pcdob toma posse no conselho das cidades do rs o vereador matheus junges pcdob tomou posse como membro do conselho estadual das cidades em evento especial que aconteceu no auditório do centro administrativo do estado em porto alegre matheus junges é o representante de todos os vereadores do estado do rs no conselho a indicação partiu da união dos vereadores do rio grande do sul e a escolha se deu pelo trabalho destacado do vereador de cidreira em favor da moradia digna transporte público saneamento básico e regularização fundiária o mandato dos conselheiros é de três anos participaram da cerimônia de posse o vice-governador beto grill psb os secretários estaduais de habitação e saneamento marcel frison pt e do desenvolvimento econômico e social marcelo danéris pt o presidente da assembléia legislativa deputado adão villaverde pt e o deputado federal dionilso marcon pt o conselho é um órgão consultivo e deliberativo ligado à secretaria de estado de habitação e saneamento que aprova e propõe alterações nos programas do governo sanciona orçamentos entre outras atribuições ligadas ao desenvolvimento urbano construções de moradias populares regularizações fundiárias mobilidade urbana zoneamento de áreas de interesse social saneamento básico e todos os temas que hoje envolvem as cidades domingo quando voltava do sítio minha mãe chamou a minha atenção para um enorme sobrado com várias janelas portas e um pé direito imenso pintado de amarelo e disse que quando ela tinha 15 anos e vinha para as férias no balneário belém novo funcionava no bonito sobrado o consultório e hospital onde meu avô trazia várias crianças ao mundo eu suspirei e minha atenção foi de tal forma arrebatada pelo brilho da imponente construção que consegui imaginar as mães no feliz sofrimento do parto e meu avô diligente e gentil na sua tarefa de médico humanitário quantos meninos e meninas foram concebidas e nasceram no balneário belém novo pelas mãos experientes do meu avô e quantos foram registrados na cidade onde foram concebidos e criados na sala de aula tratamos dos chamados direitos personalíssimos aqueles que são intransferíveis irrenunciáveis e dentre eles deveria constar o direito de ser natural do lugar onde fomos concebidos e criados e não natural do local onde tem um hospital assim como temos direito ao nosso nome à honra e boa fama também deveria ser direito a questão da naturalidade de poder escolher o local de vinculação de nosso nascimento sei que vários bebês resolvem nascer nas horas e locais por eles desejados mas a lei não devia transformar direito a naturalidade andréa ritter conviver como um cabelo ouriçado ou a falta de filhos que tragam alegrias pelo contrário tal situação deve ser alterada face ao orgulho de ser nativo de ser crioulo de ser da capital colono ou marisqueiro o poder legislativo não confere o título de cidadão pois então se o instrumento do estado tem tal liberalidade a pessoa em prol de sua dignidade poderia promover a busca do direito à naturalidade pior que há várias mulheres grávidas que devem se deslocar quilômetros para ter o filho em terra estranha porque simplesmente não há hospital em sua terra ou porque foi encerrada a maternidade o poder público por vezes retira a opção à naturalidade e/ou nacionalidade e se há democracia assim como o poder legislativo que promove o título de cidadão deveria o executivo primar pela democracia e igualdade de direitos como é gostoso ouvir eu sou daqui eu sou nativo eu sou da terra eu sou da praia eu sou da praia da cidreira um nenê uruguaio em brasileiro pelo simples fato de que não há hospital em rivera mas sim em santana do livramento escolher a naturalidade é direito do cidadão assim como existe a opção de escolha da nacionalidade as crianças que nasceram em nova petrópolis talvez tenham sido registradas pelos pais em porto alegre viamão ou passo fundo mas por que conviver com tal situação legal se somos praieiros ou serranos por certo que essa não é uma situação que temos de andréa ritter professora universitária festas sonorizaÇÃo filmagens fotos produÇÃo dvd

[close]

p. 6

baleias nas nossas praias as baleias estão passando pelas nossas praias estão indo para o norte encontrar águas menos geladas essa migração acontece todos os anos e se prestarmos atenção podemos ver estas gigantes do mar passeando pela nossa praia recentemente uma baleia jubarte encalhou no balneário pinhal e infelizmente morreu porém muitas delas continuam o caminho natural lá por outubro elas devem passar de volta para o polo sul então teremos outra oportunidade de ver as baleias É bom lembrar que muitos dos nossos visitantes de inverno vem à praia somente para descansar informÁtica para adultos aulas individuais aprenda o que voce quer saber internet e tudo o mais que voce quiser ligue 3681.3456 8206.3560 c lizzi o professor paulo ott da nossa uergs cidreira é um dos maiores especialistas em baleias do brasil e deu uma entrevista exclusiva para o nosso jornal o marisco segundo o professor a baleia que encalhou apresentava um quadro patológico estava muito magra e morreu sem qualquer intervenção predatória humana tipo barcos de pesca o professor paulo ott disse que é natural que algumas baleias morram durante o processo migratório e que devido a constante vigilância o número de baleias do tipo jubarte está aumentando comunidade da zona a lutando por suas casas caminhÃo da prosegur nÃo respeita a arte de cidreira no brick da redenção espaÇo para pcns os caminhões forte tem legislação específica que faculta o estacionamento em qualquer local de modo a facilitar o transporte de valores sem riscos ao dinheiro e a população porém é claro que sempre deve prevalecer o bom senso um caminhão da prosegur parou na frente do banrisul exatamente no local reservado para as pessoas com necessidades especiais foi solicitado por uma pessoa da comunidade que preservassem o direito das pessoas e estacionassem um metro na frente pois havia lugar à vontade no amplo estacionamento porém valendo-se da prerrogativa que lhes faculta a lei os vigias não deram a mínima para o cidadão foram desrespeitosos e debochados tudo isso portando intimidantes armas de grosso calibre se estacionassem um metro a frente não prejudicaria em nada o serviço e não colocariam em risco nem o dinheiro e nem a população e ainda preservariam o direito das pessoas com necessidades especiais faltou para a prosegur bom senso respeito e cidadania a artista do vestuário praieiro zú cunha de cidreira está expondo suas peças no badaladíssimo brick da redenção um espaço privilegiado e de grande visibilidade zú avançando em sua proposta de dar formas praieiras as malhas agora está jogando cores quentes e contrastantes produzindo um visual típico da nossa praia alegre e despojado É aqui em cidreira que a modelagem é criada pelo talento de zú ao sabor das ondas que embalam as comunidades praieiras emprestando a cada peça uma singularidade com sabor de mar e movimento de vento cada peça ganha um colorido próprio são matizes únicas não se repetem além de vestir bem são confortáveis como pisar na areia sempre respeitando a individualidade e a beleza de cada corpo a arte de zú ganhou a admiração de todos e abriu espaço para que a proposta fosse classificada e conquistasse uma colocação especial no famoso brick da redenção pessoas de todos os tipos e de todos os lugares tem acesso as roupas assinadas por zú cunha que leva a qualidade de ser praieira para todos a comunidade da zona a continua em sua luta pelo direito de morar e para que não sejam demolidas as suas casas alguns são pertencentes a comunidades tradicionais como pescadores e seguidores dos ritos afrobrasileiros além d e trabalhadores da nossa praia que foram assaltados com a notícia de que teriam que sair de suas casas por decisão da justiça federal a notícia apareceu casualmente um dia após as últimas eleições para prefeito em nossa cidade até um dia antes da eleições não havia nada e por pura casualidade um dia após quando todos já tinham colocado seus votos na urna veio à tona a notícia de que teriam suas casas demolidas iniciou-se uma luta coletiva foi criada uma associação e com o apoio do vereador matheus junges pcdob os moradores da zona a estão conseguindo se manter em suas casas e continuam abrindo diálogos com instituições estaduais e federais que lhes garantam o direito a moradia É certo que as apps Áreas de preservação permanente devem ser respeitadas mas também é certo que as pessoas que historicamente moram em determinada localidade tem todo o direito de permanecer morando existem em muitos lugares pessoas que moram dentro de apps não faltam exemplos de comunidades tradicionais que tem assegurado pela lei o direito de morarem em seus espaços históricos continua a luta da comunidade da zona a continuam as conversações e avançam as possibilidades das pessoas morarem onde sempre moraram cinema na rua cinema é a nossa praia a casa da cultura do litoral vai levar a arte do cinema para todos cul ura cine casa da cultura do litoral agende uma sessão especial para a sua rua ligue agora para s3681.3456

[close]

p. 7

bob acha que já ganhou tá com a grana e pode comprar cada eleitor e cada candidato da praia magoo continua vendo pouco e pensa que pode fazer tudo sozinho inflexível caminha para mais uma derrota em sua carreira eleitoral chaves segue acreditando nas pessoas e luta para conseguir adeptos para fortalecer a sua candidatura pela mudança total mun rÁ foi desenterrada para meter terror no povo sem a antiga força deve voltar logo ao sarcófago os simpsons tão na volta fazendo barulho e garrando preço web tv assista o programa coluna do lobão na tv www.omarisco.com.br saÚde de cidreira sem remÉdios e com notas suspeitas as péssimas condições da saúde pública de cidreira não são novidade prá ninguém passa governo entra governo fica governo e os mesmos fazem sempre a mesma coisa enquanto isso o povo da praia amassado pela ineficácia da saúde aceita remédios que desaparecidos das prateleiras inexplicavelmente aparecem nas mãos de políticos assim o povo da praia acalma a sua dor de hoje para conviver por mais quatro anos com as dores da miséria humana uma carona para um doente da família pode valer um voto prossegue a lógica do quanto mais doente mais caronas e mais votos os remédios continuam inacessíveis entrincheirados por dois absurdos lances de escadas que devem ser vencidos por idosos doentes e pessoas com necessidades especiais por email faço parte de um grupo de hipertensos cujo remédio é retirado no posto psf como faz 3 meses que não tem nos direcionam para a farmácia popular e aí para mim está o problema fui retirar 2 caixas de captopril e 1 caixa de hidroclorotiazida remédios para hipertensão se for comprar custa em média até r 10,00 mas como ganhei tive que assinar um cupom fiscal no valor de r 19,20 e sem comprovante reclamei do valor e atendente me disse que quem paga é o governo e não é somos todos nós estou tão revoltada pois acho que estamos todos sendo lesados faltam remédios na rede pública e as pessoas são orientadas a irem nos estabelecimentos privados onde assinam notas supostamente superfaturadas enquanto isso na conferÊncia municipal de saÚde reuniram-se várias pessoas para ouvir e discutir os caminhos da saúde pública em cidreira estavam por lá muitos casacos e mantas bem quentinhas agasalhando gente que pouco ou nunca usa os serviços públicos de saúde as pessoas que de fato precisam do atendimento da saúde pública naquela hora estavam trabalhando e não foi feito qualquer esforço para que estivessem lá poucas das pessoas que discutiram a saúde pública acordam de madrugada para enfrentar uma fila no frio e debaixo de chuva para conseguir uma consulta os resultados são discutíveis pois quem precisa não estava lá para opinar mais uma reunião sem representatividade chuvas ­ basta uma chuva para mostrar toda a fragilidade de nossas ruas muito barro e sujeira na frente da subprefeitura da costa do sol a situação da avenida é exatamente a cara do atual governo custódia ­ uma jogada estratégica que não acrescentou em nada para sua coligação o pmdb retirou o psb do nequinho da disputa e trouxe a candidata custódia do ptb para a disputa elimar ­ sai do pmdb partido que fundou no município e pelo qual foi prefeito após 7 anos de perseguições saicomonomeforteparaservicedoptb.será cargos ­ a prefeitura continua com sua saga de usar o dinheiro publico para fazer campanha dando cargos no executivo em troca de apoio político e todos muito felizes vão usando o dinheiro público enquanto a cidade esta um caos vereadores ­ haverá uma grande mudança na câmara pois alguns vereadores aliados vão ganhar secretarias e outros irão assumir até outubro para não poder trocar de lado vereadores i ­ quando não se pode trabalhar oficialmente se coloca um laranja para receber o salário me admiro muito o vereador aceitar mas como é em troca de apoio político blogueiros ­ será nos dias 28 a 30 de outubro em foz do iguaçu o 1º encontro internacional de blogueiros dentre os convidados internacionais estão o francês ignácio ramonet criador do jornal le monde diplomatique o espanhol manuel castells autor de diversos livros sobre a cultural digital julian assange criador do wikileaks a norte-americana amy gooldmann responsável pela rede democracy now o espanhol pascual serrano blogueiro e fundador do sítio rebelion o blogueiro cubano iroel sanches o coordenador da campanha de ollanta humala peru elvis moris o argentino pedro bringler blogueiro e diretor da tv pública da argentina sobre o papel da globosfera no brasil deverão dividir mesa de debate paulo henrique amorim conversa afiada luís nassif blog do nassif hidegard angel blogueira carioca esmael morais blogueiro paranaense blogueiro i ­ já estou com passagens e hospedagem reservadas cidreira estará representada neste importante evento internacional biel ­ faleceu em acidente trágico na cidade de tramandaí meu amigo rosa receba os meus sentimentos todos sabem que o normal são os filhos enterrar os pais o contrário deve ser uma dor insuportável para os pais da frase quando nada parece ajudar eu vou e olho o cortador de pedras martelando sua rocha talvez cem vezes sem que nem uma só rachadura apareça no entanto na centésima primeira martelada a pedra se abre em duas e eu sei que não foi aquela a que conseguiu mas todas as que vieram antes cidreira discutindo a saúde pública rodízios de massas e pizzas vários sabores massas calzones rondele canelones lazanhas espaguet pizzaria e restaurante nhoque ravioli 3681.1539 tortei capeleti tele saladão conservas pizzas salgadas e doces sistemas de segurança preços especiais para aniversariantes com reserva s3681.3456 rua borges de medeiros 397 s3681.4500

[close]

p. 8

cultura é a nossa praia ao amigo biel então a gente se conhece vindo de um lado ou outro por aí então a gente conversa e vira amigo então trocamos uma idéia então damos algumas risadas então tomamos um café lá em casa então a gente é amigo então a gente pensa que vai ser amigo por muito tempo mas o tempo não existe e nos deixa com vontade de voltar a encontrar o amigo prá trocar uma idéia dar umas risadas mas o tempo não existe e insiste em não deixar mais que a gente tome um café lá em casa mas mesmo assim a gente continua amigo uma homenagem do amigo filho 3681.3177 9967.4042 rua joão neves,211 cidreira rs ao lado da prefeitura vinculado ao ofÍcio de registros pÚblicos de palmares do sul crva 193 posto de atendimento de cidreira vistoria emplacamento licenciamento esquina da siveira martins com avenida t salinas s3668.3079 web tv notícias de cidreira eventos shows festivais entrevistas vídeos de cidreira e tudo o mais www.omarisco.com.br acesse agora s3681.1575 financiamento imobiliário empréstimos consignados consórcios loterias cai di s tr ibui pier de cidreira o ÇÃ a

[close]

Comments

no comments yet