Sismos e Erupções Vulcânicas

 

Embed or link this publication

Description

Trabalhos de pesquisa efetuados pelos alunos do 10º A /(2012/13) da Escola Prof. Reynaldo dos Santos sobre casos de sismos e erupções vulcânicas

Popular Pages


p. 1

10º ano turma a ano letivo 2012/13 sismos e erupções vulcânicas trabalhos de pesquisa feitos por alunos da turma a do 10º ano sobre casos de sismos ou erupções vulcânicas escola prof reynaldo dos santos

[close]

p. 2

tragédia de pompeia filipe tomás da piedade prazeres costa do mediterranêo bem nas profundezas das águas azuis e cintilantes do mar mediterrâneo a placa africana abre caminho lentamente sob a placa euro-asiática em resultado vulcões entram em erupção e crescem ao longo da costa norte do mar e os terramotos abalam frequentemente a região existem dois principais grupos de vulcões mediterrânicos os vulcões europeus concentram-se no sul italiano e grego neste artigo vamos falar do monte vesuvio e da sua mais emblemática catástrofe fig.2 monte vesúvio vista área o apogeu pompeia pompeia foi outrora uma cidade do império romano situada a 22 km da cidade de nápoles no território do actual município de pompeia na época da erupção a cidade tinha aproximadamente 20000 habitantes estando localizada na região onde os romanos mantinham as suas vilas de férias o local tinha uma população expressiva que se mantinha próspera graças à terra fértil da região pompeia sempre fora muito rica devido à sua produtividade de vinho e azeite e das inumeras trocas comerciais que nesta cidade próspera se fig.1 mar mediterrâneo o monte vesúvio situado no golfo de nápoles em itália o monte vesúvio localiza-se a cerca de 9 km a oeste da cidade de nápoles e a uma curta distância do litoral É o único vulcão na europa ocidental a ter entrado em erupção nos últimos cem anos embora actualmente esteja inactivo as erupções do monte vesúvio são erupções do tipo estrombolianas após a sedimentação dos fragmentos provenientes da explosão são construídos cones altos que podem ruir caso se tornarem demasiado ingremes das várias erupções ao longo da história deste vulcão a maior e mais catastrófica foi a que ocorreu no dia 24 de agosto do ano 79 d.c quando o monte vesúvio entrou violentamente em erupção explindo uma chuva de cinzas e pedrapomes sobre a cidade de pompeia fig 3 ­ pompeia antes da erupção fig.4 paisagem envolvente de pompeia

[close]

p. 3

efectuavam diariamente erupção do vesuvio no dia 24 de agosto do ano 79 d.c desencadeiou-se um forte terramoto em seguida este vulcão entrou em erupção violenta ocorreu uma explosão depois uma enorme coluna de fogo que expeliu grandes quantidades de pedras incandescentes lava vulcânica poeiras e fumos tóxicos elevou-se a grandes altitudes porém as caracteristicas desta erupção fig 5 primeira explusão diferenciaram das comuns deste vulcão tendo caracteristicas de uma erupção pliniana onde existem grandes explusões que esvaziam as camaras magmáticas e provocam nuvens de cinzas que se elevam até grandes altitudes rapidamente pôde observar-se que a cidade estava repleta de cinzas e que uma enorme nuvem de fumo escuro o dia nascia já em outras regiões mas aqui continuava noite uma noite fechada mais tenebrosa que todas as outras a única exceção era a luz dos relâmpagos e outros fenômenos semelhantes por plinio o jovem suas altas temperaturas a primeira vez em que parte delas foi redescoberta foi em 1599 quando a escavação de um canal subterrâneo para desviar o curso de água do rio sarno esbarrou acidentalmente em muros antigos cobertos de pinturas e inscrições o arquiteto domenico fontana foi então chamado e ele escavou alguns outros afrescos entretanto as escavações foram postas de parte e em 1860 as escavações foram reassumidas por giuseppe fiorelli no começo da exploração descobriu-se que espaços vagos ocasionais nas camadas de cinzas continham restos humanos foi fiorelli que percebeu que aqueles eram espaços deixados por corpos decompostos desenvolvendo então uma técnica de injetar gesso neles para recriar perfeitamente o formato das vítimas do vesúvio o resultado foi uma série de formas extremamente fiéis dos habitantes de pompéia incapazes de escapar fig.6 cadaver recuperado referências coenraads robert r rochas e fósseis in enciclopédia visual 1ª edição lisboa fotocompográfica lda allaby micheal planeta terra in enciclopédia visual 1ª edição lisboa fotocompográfia lda sutherland lin terramotos e vulcões in biblioteca do jovem explorador 2ª edição lisboa grafiasa sa wikipedia pompeia consultado em 17/12/12,http pt.wikipedia.org/wiki/po mpeia vitimas e redescoberta da enorme nuvem que pairava sobre a cidade caíram quantidades imaginaveis de cinzas pedra pomes etc que por mais proteção ou fuga por parte da populção a sua queda era inevitável pompeia ficou completamente submergida e os seus habitantes subterrados alguns ainda conseguiram fugir mas foram poucos os que não morreram tanto por subterração como por inalação dos gases tóxicos provenientes do vulcão ou das

[close]

p. 4

a erução do monte etna em dezembro de 1991 nuno casquilho faria percorrido a maior distância alguma observada 250 milhões de metros cúbicos vez o grande etna o monte etna é o maior e o mais ativo vulcão da europa É bastante conhecido pelos seus longos períodos de erupção tem aproximadamente 3340 metros de altitude e a sua base ocupa uma área de 1190 km2 está localizado no limite convergente entre a placa africana e a placa da eurásia sendo por isso bastante ativo e já há 500 mil anos que são registadas erupções devido á sua frequência a população está preparada para qualquer acontecimento e as zonas de perigo do vulcão estão hoje desabitadas para evitar consequências piores o etna foi alvo de grandes investigações devido á sua proximidade á população tendo sido por isso considerado um vulcão da década a grande atividade do etna já levou a que fossem registados só no ano de 2012 cerca de 7 erupções as erupções do etna são do tipo estromboliano tem períodos explosivos de pouca intensidade e efusão de lavas pouca fluidas o que aconteceu nesta erupção foi que o nivel de sílica no magma diminuiu e por isso a quantidade de lava emitida foi bastante elevada em comparação com erupções anteriores devido a este aumento a população de zafferana esteve mesmo á beira de ser invadida pelos fluxos de lava as barreiras já anteriormente criadas não foram o suficiente para parar a lava e esta prosseguiu em direção á cidade que felizmente não correu grandes riscos tendo apenas sido derrubado um prédio fig.2 ­ escorrimento da lava pelo cone do vulcão fig.1 ­ localização do etna sicília sobre o limite das placas a erupção de 1991 em dezembro de 1991 o etna entrou mais uma vez em erupção e desta vez foi a maior em termos de duração registada nos últimos três séculos durou aproximadamente 473 dias e parou no dia 1 de abril de 1993 esta erupção ficou tambem conhecida pela lava expelida ter esforços e precauções tomadas sendo o etna um vulcão muito activo toda a população forças policias governo cidadãos etc está preparada para qualquer eventualidade desde de que existem erupções que são tomadas medidas para evitar o pior algumas dessas precauções tomadas foram a

[close]

p. 5

construção de barreiras já referido a cima e o encerramento dos aeroportos quando são libertadas nuvens de cinzas para atmosfera a cidade já foi tambem evacuada aquando numa erupção os fluxos não pararam romperam pela cidade e o governo para evitar mortes procedeu ao evacuamento da população existe tambem um plano de evacuação que tem de ser conhecido por toda a população é inclusive ensinado no ensino primário e secundário devido ás suas inúmeras erupções já foram feitos muitos esforços para que a cidade pudesse permanecer intacta podemos recuar ao tempo antes de cristo em quejá aí os esforços eram notorios numa erupção que destrui a cidade parcialmente o governo romano para ajudar na reconstrução colocou toda a população isenta de impostos durante 10 anos depois disto já foram reconstruídos centenas e centenas de edíficios que tinham sido destruídos pelos fluxos de lava como linhas de caminho férreo estátuas prédios igrejas etc tudo isto ajudou a que alguns regimes fascistas ganhassem alguma força nomeadamente o regime de mussolini referências http en.wikipedia.org/wiki/mount_etna consultado dia 20 de dezembro http www.opais.net/pt/opais id=1865&det=1 1690 ­ consultado dia 20 de dezembro fig.3 ­ fotografia do etna tirada em 1983

[close]

p. 6

a erupção de 1991 do monte pinatubo nas filipinas mónica alexandra gonçalves azevedo monte pinatubo o monte pinatubo localiza-se na ilha de luzon nas filipinas no cruzamento das fronteiras das províncias de zambales bataan e pampanga numa zona de subducção entre duas placas da crosta oceânica sendo um estratovulcão sismo de magnitude 7,8 na escala de richter a 100 quilómetros do monte pinatudo provocou uma agitação na crosta abaixo do estratovulcão originando um deslizamento de terras nas encostas do mesmo que por sua vez gerou sismos e libertação de vapores numa área geotérmica apesar destes distúrbios o vulcão pareceu continuar inativo contudo a março e abril de 1991 magma subiu à superfície estendendo-se por mais de 32 quilómetros desencadeando pequenos sismos e causando explosões de vapores que rebentaram com três crateras adventícias ao vulcão milhares de sismos continuaram a decorrer durante maio abril e junho e várias toneladas de dióxido de enxofre foram emitidos para o ar fig 1 localização do monte pinatubo a os aeta um grupo de pessoas indígenas que vivia nas encostas e em áreas vizinhas do vulcão já há vários séculos eram caçadores e recolectores deste modo a selva densa que cobria o monte e as áreas em redor do mesmo era o sustento dos milhares de habitantes que lá existiam antes de 1991 a 1981 o vulcão tinha sido classificado pela philippine commssion on volcanology comvol como um vulcão com uma atividade sulfurosa com emissão de gases quentes como o enxofre mais tarde em 1988 os sucessores da comvol a philippine institute of volcanology and seismology phivolcs re-classificaram o vulcão como potencialmente ativo durante cerca de 500 anos o vulcão teve apenas alguns registos de atividade vulcânica secundária fig 2 monte pinatudo antes da grande erupção o despertar do monte pinatubo a primeira escoada de magma aconteceu de 7 a 12 de junho criando-se uma cúpula de lava como durante a sua ascensão perdeu grande parte dos gases que continha não se deu nenhuma erupção explosiva no entanto a 12 de junho mais magma carregado de gases chegou à superfície despertando o vulcão com uma explosão algumas horas depois apareceram mais explosões com intervalos aproximados de meia hora que rapidamente criaram uma coluna de cinzas com mais de 19 quilómetros e geraram os primeiros sinais da erupção os primeiros sinais do início da erupção do monte pinatubo deram-se a 16 de junho de 1990 um

[close]

p. 7

fluxos piroclásticos que alcançaram um raio de 4 quilómetros uma erupção que apareceu catorze horas depois e que durou cerca de 15 minutos fez com que as cinzas atingissem os 24 quilómetros de altura as fricções existentes na coluna originaram relâmpagos a 13 e 14 de junho sismos provocaram mais libertações de cinzas que formaram colunas de 21 a 24 quilómetros a 15 de junho quando magma ainda mais rico em gases ascendeu à superfície deu-se uma explosão cataclísmica que ejetou cinzas lapilis e gases formou-se uma nuvem de cinzas com cerca de 35 quilómetros que se estendeu num grande raio através de ventos ciclónicos do tufão yunya que tinha passado a 45 quilómetros do monte chegando mesmo a alcançar o oceano Índico o cume anterior do vulcão foi destruído e passou a existir uma caldeira com cerca de menos 260 metros que a cúpula anterior à erupção fig 3 caldeira do monte pinatubo formada após a grande erupção os efeitos da erupção apesar das evacuações efetuadas nas áreas próximas do vulcão graças a advertências por parte da phivolcs houve um relato de 847 mortes maioritariamente devido a queda de cinzas que fizeram desabar os telhados das casas de habitantes um perigo que foi ampliado pela chegada do tufão yunya a falta de saneamento e instalações de saúde devido às erupções contribuíram para um aumento de mortes nos meses seguintes por causa da propagação de doenças a agricultura também ficou gravemente prejudicada com 37 mil hectares de terras destruídas e plantações de arroz de 80 mil hectares devastadas e cerca de 800 mil cabeças de gado e aves mortas as culturas começaram a ser maioritariamente de amendoim mandioca e batata doce pois têm um rápido amadurecimento podendo ser colhidas antes que sejam destruídas pelos lahars que se tornaram frequentes após a grande explosão com cada início de chuvas fortes estes grandes deslizamentos de terras também levaram à destruição de várias infraestruturas que precisavam de milhões de euros para serem reconstruídas o povo aeta foi o mais atingido pela catástrofe poucos voltaram a conseguir reedificar as suas casas que ficaram completamente devastadas e subterradas em piroclastos grande parte instalou-se nas áreas governamentais e com as pequenas terras que passaram a ter para cultivo insuficientes para a sua subsistência tiveram de trabalhar para agricultores de modo a sustentar as suas famílias este desastre teve também um enorme impacto ambiental quando uma grande quantidade de aerossóis foi emitida e espalhada na estratosfera em que cerca de 19 milhões de toneladas eram enxofre gerando uma névoa de ácido sulfúrico que preexistiu durante 3 anos isto contribuiu para um redução de 10 da luz solar que chegava à terra que consequentemente levou à diminuição das temperaturas a nuvem mantevese cerca de três anos após a erupção contribuindo para um aumento significativo do ozono na atmosfera referências usgs science for a changing world http pubs.usgs.gov/fs/1997/fs113-97 consultado a 2013/01 usgs science for a changing world http pubs.usgs.gov/pinatubo/newhall/index.ht ml consultado a 2013/01 wikipédia http en.wikipedia.org/wiki/mount_pinatubo consultado a 2013/01

[close]

p. 8

erupção de krakatoa em 1883 diana isabel dias galvão krakatoa o início vi com espanto a ilha de krakatoa que na minha primeira viagem a sumatra era verde e saudável junho de 1679 completamente queimada e estéril à frente dos meus olhos a lançar grandes labaredas de quatro locais ao perguntar ao capitão do navio quando é que a ilha previamente mencionada tinha entrado em erupção ele disse-me que tal tinha acontecido em março de 1680 ele mostrou-me uma pedrapomes do tamanho do seu punho johann vogel 1681 krakatoa foi uma ilha vulcânica situada entre sumatra e java na indonésia formada sobre um hotspot no anel de fogo do pacífico esta ilha era um vulcão de proporções massivas que depois de uma erupção colossal colapsou sobre si próprio formando uma caldeira na qual surgiram depois de esta desaparecer no oceano três ilhas rakata sertung e panjang o vulcão ao qual a maioria das pessoas se refere quando fala de krakatoa fica na verdade na ilha de rakata que é a maior e a mais geologicamente instável do arquipélago existem poucos registos da atividade geológica deste vulcão antes da famosa erupção de 1883 mas pensa-se que este pode ter sido a causa das alterações climáticas repentinas de 535-536 que levaram a uma grande descida de temperatura problemas na agricultura e fome na zona norte do planeta no entanto depois de 536 krakatoa permaneceu um local calmo por mais de um milénio sem registo de qualquer atividade vulcânica de grande relevância a vegetação voltou a crescer e os animais reapareceram tal como as pessoas foi então que por volta de 1680 outra explosão ocorreu não tão incrível como a anterior mas mesmo assim capaz de enviar piroclastos do tamanho de punhos vários quilómetros em direção à camada superior da troposfera mais uma vez krakatoa ficou inabitada e lentamente recuperou a paz até que ilustração 1-localização do arquipélago de krakatoa a erupção de 1883 o dia em que o mundo explodiu simon winchester,2003 desde a sua última erupção no século xvii krakatoa era considerado um vulcão adormecido mas no subsolo longe dos olhos do mundo uma grande pressão acumulava-se e três meses antes da famosa erupção começaram a aparecer os primeiros sinais premonitórios da catástrofe que se avizinhava fumo saía dos múltiplos cones vulcânicos da ilha de rakata e a temperatura na água das nascentes começava a aumentar quando a pressão acumulada no interior da câmara magmática de krakatoa chegou ao seu ponto máximo no dia 23 de agosto de 1883 este entrou em erupção três vezes só nessa manhã durante essas erupções uma fissura foi aberta no cone vulcânico o que deixou entrar a água do oceano para a câmara magmática do vulcão pensa-se que foi isto que provocou uma quarta erupção colossal de nível 6 no vei índice de explosividade vulcânica e de tipo pliniano às 10:00h desse mesmo dia.

[close]

p. 9

o pior estava para vir apesar da explosão de krakatoa ter sido devastadora ao ponto de fazer colapsar grande parte da ilha de rakata não foi a erupção em si que causou os piores estragos mas o que se lhe seguiu a explosão projetou cerca de 6 km3 de piroclastos em direção à estratosfera e grande parte destes eram cinzas estas formaram uma nuvem que cobriu o globo durante anos e diminuiu a temperatura mundial 1,2c formou-se também uma nuvem ardente que viajou cerca de 36 km matando mais de 4500 pessoas por fim a consequente onda de choque aliada ao abatimento de 2/3 da ilha formou um tsunami cuja onda mais alta registada media 40m que viajou pelo globo inteiro e provocou acima de 36000 mortes em sumatra e java para além de submergir totalmente centenas de aldeias nessas mesmas ilhas lento a ilha foi engolida pelo oceano tal como as duas ilhas mais pequenas que se tinham formado por perto mais tarde formou-se uma quarta ilha anak krakatoa filho de krakatoa em agosto de 1930 esta ilha também de origem vulcânica expelia lava mais rapidamente que as anteriores e começou a crescer ilustração 3-anak krakatoa 2002 anak krakatoa tem crescido cerca de 6 metros por ano desde 1950 e mantem-se ativo desde então sendo que a sua última erupção foi em 1944 tem também alternado entre períodos de calma e de erupções estrombolianas até aos dias de hoje mais recentemente anak krakatoa foi evacuada e colocada sob um alerta de erupção de nível iii devido aos gases incandescente e piroclastos que são por vezes libertados pelo vulcão bibliografia ilustração 2-mapa da zona envolvente de krakatoa onde se pode observar a laranja as zonas que ficaram submersas durante o tsunami o filho de krakatoa onde antes tinha existido um majestoso vulcão sobrava agora nada mais do que um pedaço do oceano mas dia 29 de dezembro de 1927 as águas agitaram-se e do nada surgiu uma pequena ilha feita de lava muito viscosa infelizmente como o ritmo de expulsão da lava era demasiado on this day krakatau s massive eruption http www.australiangeographic.com.au/journal /on-this-day-krakatoas-massive-eruption.htm consultado em 9 de janeiro de 2013 1883 eruption of krakatoa http en.wikipedia.org/wiki/1883_eruption_of krakatoa consultado em 9 de janeiro de 2013 inside krakatoa http dsc.discovery.com/convergence/krakatoa interactive/interactive.html consultado em 9 de janeiro de 2013

[close]

p. 10

erupção de lakagígar em 1783 joão luís redondo abreu localização e historial lakagígar laki é uma fissura vulcânica que se encontra no sul da islândia e que faz parte do sistema vulcânico centrado em grímsvötn a islândia é uma ilha que está situada sobre a dorsal atlântica que se situa entre a américa e a eurásia o facto de estar situada sobre uma dorsal faz com que a ilha esteja a separar-se gradualmente sabe-se que o sistema laki teve a sua primeira atividade vulcânica em 934 com uma enorme erupção muito propícios á diminuição de riscos catastróficos a erupção de 1783 no dia 8 de junho de 1783 as 130 crateras do sistema laki entraram em erupção com explosões derivadas da interação do magma basáltico com a água criando grandes massas de gases constituídas essencialmente por dióxido de carbono mas também o vulcão lakagígar libertou grandes quantidades de enxofre originando nuvens mortíferas de ácido sulfúrico superando os gases libertados pela erupção do pinatubo em 1990 na indonésia o sistema lakagígar durante 8 meses expeliu lava que se espalhou e cobriu 600 quilómetros quadrados na região circundante com o passar dos dias as erupções foram ficando cada vez menos explosivas começando por ser stromboliano e acabando em havaiano esta erupção foi a segunda maior dos últimos 1000 anos sendo só a do monte de tambora em 1815 maior islândia no contexto das placas tectónicas fonte usgs características da região envolvente o jovem país da islândia era ainda habitado há pouco menos de 1000 anos quando se sucedeu a grande erupção de 1783 apanhando a população desprevenida e grande parte do mundo a islândia tinha perto de 50 mil habitantes sendo um país bastante recente os seus edifícios eram ainda constituídos maioritariamente por madeira sendo alguns já feitos de pedra de tal a que as suas construções fossem de carater frágil e não retrato contemporâneo da erupção de lakagígar de 1783

[close]

p. 11

regiões afetadas sendo das erupções mais fortes registadas nos últimos 50 anos os seus efeitos foram sentidos em todo o hemisfério norte a nuvem composta por gotículas de ácido sulfúrico começou por flutuar sobre a europa e seguiu para o resto do mundo a leste passou pela noruega alemanha frança e toda a grã-bretanha islândia pós tragédia embora o país tenha ficado bastante mal tratado conseguiu recuperar e deixou de ser dos países mais pobres da europa e passou a ser dos mais ricos vinte anos depois a população da islândia voltava a ter 50 mil habitantes contando agora com aproximadamente 320 mil habitantes dados de 2010 agora nas escolas da islândia o estudo da geologia lava e sobretudo o sistema lakagígar é uma parte obrigatória do currículo de educação as principais consequências na islândia as consequências foram catastróficas entre 20-25 da população estimada morreu as mortes foram derivadas de envenenamento e fome com as oito milhões toneladas de fluoreto de hidrogénio libertadas foram mortos cerca de 80 de ovelhas 50 de bovinos e 50 dos cavalos estas mortes contribuíram bastante para a crise económica e para a fome dos habitantes nas regiões de monção africana e indígenas a redução da precipitação derivado das emissões de gases da erupção levou ao fluxo baixo do rio nilo como tal levou á fome das populações locais que viria a resultar na morte de um sexto da população do egito pela europa as 120 milhões de toneladas de dióxido de enxofre criaram uma névoa espessa que se espalhou pela europa ocidental causando milhares de mortes na grã-bretanha 23 mil pessoas morreram maioritariamente pessoas que trabalhavam ao ar livre no reino unido contava-se com mais 8 mil mortes devido aos 28 dias de geada contínua já na frança os gases contribuíram para tempestades violentas de granizo que destruiriam várias colheitas aumentado assim significativamente um acúmulo da pobreza e da fome a grande quantidade de gases emitidos pela erupção fez com que as condições climáticas um pouco por todo o mundo se alterassem temporariamente fissura de lakagígar nos dias de hoje referências science natural medical http sciencenaturalmedical.blogspot.pt/2010/05/lakagigarfissure-vent.html consultado em 06/12/2012 wikipedia http en.wikipedia.org/wiki/laki consultado em 06/12/2012 bbc news magazine http news.bbc.co.uk/2/hi/8624791.stm consultado em 18/12/2012

[close]

p. 12

erupção de surtsey no dia 14 de novembro de 1963 jonas coelho caetano o fenómeno ocorrente em surtsey a erupção de surtsey ocorreu na islândia onde é frequente acontecer erupções vulcânicas devido à localização mesmo em cima da dorsal atlântica este país é uma ilha situada no norte do oceano atlântico é considerado geologicamente o país mais novo tem 331.000 habitantes 1 e devido à sua elevada atividade vulcânica a sua principal fonte de energia de acordo com a statistics iceland cerca de 70 é proveniente da energia geotérmica 2 registou um aumento da temperatura da água e a população costeira em vík í mýrdal notaram um cheiro a gás sulfídrico a erupção de surtsey segundo a wikipédia esta erupção foi avistada pela primeira vez por um cozinheiro da traineira islandesa Ísleifur ii no dia 14 de novembro de 1963 que observou uma coluna de fumo que saía do mar o navio aproximou-se do local julgando que podia ser alguma embarcação incendiada mas encontraram uma erupção de caracter explosivo que libertava uma coluna de cinzas e vapor que indicava que uma erupção vulcânica submarina se tinha iniciado 3 fig 1 hemisfério norte com a localização da islândia a vermelho esta erupção iniciou-se a 130 m de profundidade antes do dia 14 de novembro de 1963 mas não se tem a certeza do dia pois começou no fundo do mar onde não se consegue observar 3 esta erupção foi do tipo surtseyano ou seja é uma erupção submarina que emergiu e que provocou explosões com emissões de vapor e cinzas e no final originou uma ilha chamada surtsey a 32 km da costa sul da islândia fig 2 fotografia da erupção de surtsey na fase inicial de acordo com gabriel a ilha de surtsey é principalmente formada por escórias de rochas vulcânicas devido ao facto que durante a sua formação ocorreram violentas explosões provocadas pela rápida expansão de vapor sobreaquecido produzido pelo contacto da lava incandescente com a água do mar em 1964 a ilha já tem uma chaminé vulcânica chamada tefra com uma altura suficiente para não estar em contato com a água É também neste ano que o vulcão ganha um caracter menos explosivo passando a emitir lavas mais básicas este tipo de lava cobriu surtsey transformandose em rocha consolidada impedido assim que a ilha desaparecesse mais rapidamente devido à erosão provocada pelo mar 4 os primeiros sinais antes da erupção houve indícios de que haveria de acontecer algum fenómeno alguns dos indicadores presentes nesta erupção foram as crises sísmicas sentidas pelos sismógrafos de reiquejavique dois dias antes da erupção um navio oceanográfico em operação

[close]

p. 13

as erupções terminaram no dia 5 de julho de 1967 e a partir dessa data a erosão provocada pela água do mar e pelo vento tem vindo a reduzir a ilha segundo a surtsey topography a sua área inicial era de 2,7 km2 mas atualmente as suas dimensões são inferiores a 1,4 km2 já que 0,024 km2 de área emersa já despareceu 5 fig 4 ave encontrada na ilha de surtsey a ilha de surtsey a ilha de surtsey foi considerada património da mundial pela unesco 6 e é uma reserva natural desde 1965 já que é um autêntico laboratório de investigação ao ar livre conclusão podemos concluir que a erupção de surtsey veio trazer benefícios não só para o conhecimento sobre vulcanologia como também para as espécies que habitam nesta ilha referências as informações foram retiradas das seguintes fontes wikipédia 1 http pt.wikipedia.org/wiki/isl%c3%a2ndia consultado no dia 28 de novembro de 2012 fig 3 a ilha de surtsey 3 esta ilha tem sido alvo de investigação desde os estados iniciais da erupção e tem fornecido dados importantes sobre a evolução dos materiais vulcânicos erosão costeira e ecologia tufos vulcânicos e a colonização vegetal de novos territórios insulares surtsey desde do seu nascimento tem vindo a ser protegida da intervenção humana para que a colonização da vida animal e vegetal seja o mais natural possível para que isso fosse possível a unesco tomou certas medidas como proibir visitas à ilha proibir desembarcar ou mergulhar proibir introduzir organismos minerais e solos proibir deixar resíduos e controlar rigorosamente a construção nas proximidades surtsey tem vinda a ser colonizada ao longo dos anos por exemplo em 1964 observava-se bolores bactérias fungos e a chegada de sementes através das correntes marítimas mas só em 1965 apareceu a primeira planta vascular no entanto em 2004 já existiam 89 espécies de aves 71 líquenes etc 7 http pt.wikipedia.org/wiki/surtsey consultado no dia 28 de novembro de 2012 2 statistic iceland http web.archive.org/web/20071211040747/ht tp www.statice.is pageid=583 consultado no dia 6 de dezembro de 2012 4 blog de gabriel em iceland views ­ diário de campo na islândia pode aceder em http icelandviews.blogs.sapo.pt/9990.html segunda-feira 24 de novembro de 2008 consultado no dia 13 de dezembro de 2012 5 surtsey topography http denali.gsfc.nasa.gov/research/garvin/surts ey.html consultado no dia 18 de dezembro de 2012 unesco 6 http whc.unesco.org/en/activities/13 consultado no dia 14 de dezembro de 2012 7 http whc.unesco.org/en/list/1267 consultado no dia 14 de dezembro de 2012

[close]

p. 14

erupção do monte de santa helena carolina duarte dos santos localização do monte de santa helena o monte santa helena é um vulcão ativo que fica no sudoeste do estado norte-americano de washington 160 quilómetros de seattle durante 120 anos o monte santa helena permaneceu adormecido a montanha é maravilhosa um cone vulcânico íngreme e perfeito cercado de florestas densas ­ um cenário idílico mas enganador pois o monte santa helena é um dos vulcões mais ativos do chamado círculo do fogo que circunda o oceano pacífico monte de santa helena após um tremor de 5,1 na escala de richter o lado norte do monte entrou em violenta erupção provocando danos ambientais numa área de 550 km² na manhã do dia 18 de maio de 1980 ás 8h30min o monte santa helena ,no estado norte-americano de washington explodiu com uma potência equivalente a 20 mil bombas de hiroshima como resultado da explosão a altura da cratera do vulcão diminuiu cerca de 400 metros passando de 2950 para 2549 metros e teve sua largura aumentada de cerca de dois quilômetros localização do monte de santa helena erupção do monte de santa helena no dia 27 de março de 1980 diversas pequenas erupções freáticas abriram uma nova cratera o flanco norte da montanha arqueou-se a região foi evacuada e interditada dia 1º de abril de 1980 tremores do solo indicam a ascensão do magma o abaulamento no lado norte crescia para uma altura de 100 metros e um diâmetro de quase dois quilômetros os indícios da erupção aumentavam a cinza da erupção provocou problemas respiratórios nos habitantes até 1500 quilómetros de distância do vulcão o departamento geológico dos eua reforçou seus postos de observação.

[close]

p. 15

vitimas da violenta erupção a erupção no domo de lava a 300 metros de altura obrigou o departamento federal de aviação faa a desviar a rota dos aviões que deveriam sobrevoar a área a atividade sísmica do vulcão intensificou-se nessa semana culminando com tremores que chegaram a alcançar os três graus na escala richter a última vez que o vulcão entrou em erupção foi em 1986 mas a pior explosão ocorreu há 24 anos quando milhões de toneladas de material vulcânico foram projetadas ao ar e mataram pelo menos 57 pessoas monte de santa helena após a erupção aquelas desoladoras impressões iniciais baseavam-se em vistas aéreas mas quando os cientistas puderam examinar mais de perto o solo coberto de cinzas descobriram que as perdas devastadoras haviam dado espaço a ganhos memoráveis tanto em termos de produtividade do ecossistema quanto de avanço científico cinzas causadas pela erupção do monte de santa helena plantas e animais que nunca puderam sobreviver sob as fechadas copas das árvores ou aos predadores dominantes começaram a proliferar algumas dessas espécies eram absolutamente novas na área como a cotovia do oeste os novos ecossistemas resultantes mostraram-se ainda mais produtivos do que os das antigas florestas pré-erupção vantagens da erupção do monte de santa helena para referências bibliográficas uol http www2.uol.com.br/sciam/noticias/erupcao _do_monte_santa_helena_permitiu_novas_form as_de_vida.html consultado em 28/12/2012 wikipedia http pt.wikipedia.org/wiki/monte_santa_helen consultado em 28/12/2012 calendário histórico http www.dw.de/1980erup%c3%a7%c3%a3o-vulc%c3%a2nica-domonte-santa-helena/a-324993 consultado em 28/12/2012 muitos de nós a primeira impressão sobre o que restou foi a de um cenário lunar ­ o que depois provou estar muito errado lembra jerry franklin professor de análise de ecossistemas da washington university.

[close]

Comments

no comments yet