Sinpol RP

 

Embed or link this publication

Description

Jornal Novembro 2012

Popular Pages


p. 1

informativo oficial do sindicato dos policiais civis ano xviii novembro de 2.012 nº 194 em trabalho conjunto entre a dig de são carlos e o setor de inteligência da seccional de polícia civil de ribeirão preto a morte de um pm em são carlos foi devidamente esclarecida de acordo com as investigações a ordem partiu de integrantes de uma facção criminosa que vivem em ribeirão preto clima de insegurança medo e revolta toma conta da população e com enorme demora governador finalmente admite a hipótese de que as execuções em grande parte foram realizadas por membros de uma facção criminosa veja a reportagem completa na página 6 polÍcia civil acredita que facÇÃo mandou matar pms nova vitÓria do sinpol do o presidente eleito pela terceira vez consecutiva recebendo a terceira maior votação da câmara municipal de ribeirão preto o delegado e vereador samuel zanferdini fala sobre seus planos e também avalia o momento crítico enfrentado pelas forças de segurança pública sem poupar críticas pela forma como o governo do estado vem tratando o assunto o dr zanferdini fala também sobre a falta de efetivo e considera os policiais civis verdadeiros heróis pelo trabalho que executam mesmo diante de situações adversas leia entrevista na página 12 novembro/2012 o campeÃo de votos sindicato eumauri lúcio da mata comemora mais uma aposentadoria conquistada por mandado de segurança garantindo os benefícios da lc 51/1985 saiba mais na página 8 assembleia define para que o sinpol inicie a luta buscando obter mandado de segurança que incorpore ale e outros benefícios ao salário dos policiais civis saiba como foi o desempenho de policiais civis nas eleições 2012 informe-se sobre as principais ocorrências registradas em toda a região acompanhe o andamento das obras da futura sede social do sinpol policiais civis de santa cruz das palmeiras realizam importante operação dise de ribeirão preto realiza um grande número de prisões e apreensões e mais impresso especial 9912250402 dr/spi sinpol correios sinpol sindicato dos policiais civis da região de ribeirão preto rua goiás 1.697 campos elíseos ribeirão preto sp cep 14085-460 fone 16 3612-9008 fone jornal 16 3610-2886 jornaldosinpol@uol.com.br

[close]

p. 2

santa cruz das palmeiras não é de hoje que o tráfico atua fora dos grandes centros e estende seus tentáculos para cidades de pequeno e médio porte boa parte das cidades paulistas registra a ação de traficantes de pequeno e médio porte e dos grandes traficantes que operam o sistema criminoso em grandes centros e regiões o problema vivenciado na maioria dos centros paulistas é também constatado na cidade de santa cruz das palmeiras na região do deinter-9 departamento de polícia judiciária do interior com sede em piracicaba e que agrega unidades da polícia civil na região da seccional de casa branca para coibir o tráfico os policiais civis da cidade comandados pelo dr josé américo marchesi têm realizado um trabalho minucioso de investigações e colhido bons frutos o último foi resultado de uma operação deflagrada no dia 11 de outubro já monitorando a ação de um elemento conhecido nos meios policiais os investigadores passaram a colher dados que pudessem constatar o tráfico de entorpecentes naquela região diante das informações a equipe da delegacia de polícia civil de santa cruz das palmeiras requisitou da justiça um mandado de busca e apreensão para vistoriar a casa onde o suspeito de tráfico estaria morando de posse do mandado os investigadores se preparavam para a ação quando chegou na delegacia uma denúncia anônima dando conta de que dois homens também estariam traficando entorpecentes na cidade como a operação para averiguar o primeiro suspeito de tráfico já estava montada os policiais civis de santa cruz das palmeiras traçaram um novo plano e foram à campo no primeiro local visitado os policiais civis constataram que o suspeito não estava mais morando na casa ao levantar informações na vizinhança descobriram seu paradeiro e foram até lá chegando à casa apresentaram-se ao morador que facultou a entrada dos policiais civis eles então fizeram uma minuciosa revista no local e encontraram mais de 70 gramas de maconha cerca de um grama de crack e mais de 245 gramas de cocaína o homem que tinha passagens anteriores foi autuado em flagrante e conduzido para a delegacia de polícia civil de santa cruz das palmeiras em seguida os policiais civis foram até o local da denúncia que haviam recebido poucas horas antes da ação e encontraram de fato dois homens morando na residência conversaram com os dois e foram autorizados a entrar na casa para realizar as buscas novamente os policiais civis de santa cruz das palmeiras obtiveram êxito nas buscas e encontraram cerca de 65 gramas de crack os dois suspeitos não apresentavam passagens anteriores por tráfico e foram encaminhados à delegacia para o flagrante além da droga apreendida os policiais civis de santa cruz das palmeiras apreenderam ainda 782 flaconetes vazios que seriam utilizados para embalar a droga em pequenas quantidades para a venda aos usuários eles apreenderam também aparelhos celulares radiocomunicadores materiais utilizados na embalagem do entorpecentes balança de precisão e dinheiro trocado tudo caracterizando o tráfico de drogas nos dois locais depois de realizado o flagrante os três homens foram encaminhados à cadeia pública de casa branca e posteriormente enviados para o cdp centro de detenção provisória de serra azul onde irão aguardar à disposição da justiça para responder pelo crime inafiançável de tráfico de drogas dias depois a equipe realizou outro flagrante segundo o dr josé américo por intermédio de trabalho investigativo i.p 038/2012 que se cons delpol apreende drogas tituiu de interceptações telefônicas prisões em flagrante a apreensões de drogas foram expedidos no dia 25 de outubro sete mandados de prisões preventivas nesta data em torno de 6h00 prendemos p.c.f.l vulgo `paulinho disciplina integrante de facção criminosa l.s.r vulgo `nambu e l.a.m estamos à procura de a.l.f.c e m.m.c.s que possivelmente reside em araras além desses dois já estão presos em c.d.p a.t.s e r.c mais dois sujeitos e dois adolescentes não foram presos e apreendidos em razão da discordância do magistrado em alusão às representações portanto onze pessoas foram identificadas e consequentemente serão processadas disse o dr josé américo os presos serão indiciados por tráfico e associação para o tráfico de drogas participaram das ações os seguintes policiais civis de santa cruz das palmeiras delegado dr josé américo marchezi investigadores antonio marcos fernandes armando nelcídio gonçalves sebastião otávio ramos rodrigo angelo da costa e marcelo rodrigues da silva escrivães josé antonio fogati júlio césar da silva martins e valdirene aparecida boscolo galupo foto polícia civil de santa cruz das palmeiras policiais civis de santa cruz das palmeiras que atuaram nas ações de combate ao tráfico de drogas e realizaram várias prisões e apreensões 02 novembro/2012

[close]

p. 3

policiais civis da especializada em ribeirão preto tiveram mês movimentado e impingiram duros golpes no crime organizado em toda a região a dise delegacia de investigações sobre entorpecentes de ribeirão preto realizou uma investigação que durou quatro meses resultou na prisão de seis pessoas e a descoberta de um laboratório de refino de drogas com de cerca de 40 quilos de entorpecentes o laboratório estabelecido para beneficiar drogas funcionava na chácara próxima ao bairro ribeirão verde o local foi cercado pela polícia civil no final da tarde de 04 de outubro os policiais civis abordaram um veículo que saía do local com dois suspeitos e invadiram a chácara onde havia outros três criminosos a ação foi rápida e não houve sequer troca de tiros desde a segunda-feira investigadores da especializada se revezaram em turnos cobrindo a região 24 horas por dia até o momento em que obtiveram a certeza de que ali era o local indicado e realizaram a invasão todos foram detidos e a casa vistoriada foram encontrados vários produtos químicos líquidos usados no refino das drogas além de equipamentos como uma estufa artesanal usada para a secagem prensas e material para embalagem grande parte da droga estava em sacos plásticos pronta para comercialização além de outra parte estar escondida em buracos cavados na mata anexa à chácara a qual foi intensamente vistoriada pelos policiais foram apreendidos também um automóvel golf um caminhão e uma motocicleta esses veículos eram usados no transporte e distribuição dos entorpecentes além disto foram também localizados na casa do investigado e.s dois notebooks dinheiro e documentos diversos na residência de c j foram apreendidos um veículo vera cruz uma moto um notebook e documentos diversos foram presos em flagrante e.c.a.s de 26 anos a.l.f.c de 29 anos r.a.f de 33 anos c.e.d de 30 anos c.j.m de 35 anos e a.a.s de 34 anos e.s de 26 anos também foi indiciado como integrante da quadrilha os homens foram levados aos cdp centro de detenção provisória de ribeirão preto e a mulher para a cadeia pública de cajuru foram apreendidos 11,8 quilos de cocaína 790 gramas de crack e 28,3 quilos de maconha uma espingarda cal 12 munição cal 12 13 telefones celulares dois notebooks uma prensa r 813,00 em dinheiro um pen drive galões com produtos químicos liquidificadores uma balança de precisão e uma estufa segundo o titular da especializada dr paulo henrique m de castro o laboratório tinha capacidade para processar cerca de 70 quilos de drogas por dia tivemos acesso a um livro de anotações contendo toda a movimentação do grupo e pudemos constatar que eles abasteciam não apenas ribeirão preto mas toda a região foi uma grande operação e mais um duro golpe no crime organizado garantiu o dr paulo várias frentes a dise ao lado de demais unidades e especializadas da polícia civil em ribeirão preto tem realizado um grande trabalho no combate ao crime segundo o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata o efetivo na especializada é muito abaixo do necessário mas mesmo assim a equipe se desdobra e faz um importante trabalho temos constatado uma carência muito grande em todos os setores da polícia civil e na dise não é diferente os policiais civis que lá trabalham fazem verdadeiro milagre com o seu efetivo diante da grande quantidade de casos que são obrigados a atuarem explica o presidente do sinpol de fato por conta do trabalho investigativo a dise não tem atuado somente no combate ao tráfico de entorpecentes como as investigações giram em torno de pessoas ligadas ao tráfico mas que também cometem outros delitos a dise participa de ações além de sua alçada foi a especializada por exemplo que prendeu elementos que teriam participado da execução de um agente penitenciário em um posto de combustíveis no mês de setembro onde a ação é investigada para constatar se houve a ordem de uma facção criminosa para este homicídio o trabalho da dise é extenso temos que realizar investigações que consomem às vezes meses de trabalho para poder apreender a maior quantidade de drogas possível e prender o maior número de envolvidos explica o dr paulo numa ação realizada no dia 10 de outubro graças às investigações os policiais civis da especializada realizaram duas prisões e apreenderam 28 tijolos de maconha outro trabalho foi realizado no dia 23 de outubro quando a equipe após muitas investigações chegou até um traficante que utilizava um cômodo nos fundos da casa onde morava com a mulher grávida e com seus outros dois filhos pequenos em outra ocorrência os policiais civis encontraram escondidos em uma casa na vila carvalho armas e boa quantidade de drogas temos muitas ações pontuais e a equipe se desdobra para que possamos obter os melhores resultados possíveis e isso tem sido conquistado graças ao trabalho de toda a equipe destaca o dr paulo dise drogas fecha laboratÓrio e realiza diversas prisÕes dr paulo e sua equipe esclareceram diversos casos e realizaram muitos flagrantes com prisões de traficantes e apreensões de drogas novembro/2012 03

[close]

p. 4

editorial o estado de são paulo vive uma situação sem precedentes em sua história está havendo uma matança indiscriminada de policiais militares e agentes da segurança pública já houve inclusive um ataque contra um policial civil inativo e isso é muito possivelmente fruto dos salves dados por uma facção criminosa que tem agido dentro e fora dos presídios paulistas mas o estado não tem comando verdadeiro o senhor governador demorou em admitir que isso estivesse de fato acontecendo demorou porque em primeiro lugar ele próprio não valoriza as polícias civil e militar segundo porque estava em campanha pelo psdb seu partido que comanda nosso estado há duas décadas e justamente nessas duas décadas a polícia deixou de ser o que sempre foi respeitada no tempo em que era policial civil da ativa não havia a menor possibilidade de ocorrer uma situação como essa se um sujeito matava um policial um pai de família quando ele era localizado não tinha diálogo era abordado à bala hoje vemos a nossa polícia civil os policiais militares todos recolhidos enquanto isso os marginais deitam e rolam nas ruas têm dinheiro têm poder têm armamento moderno já os policiais civis e militares têm salários defasados não têm um plano decente de carreira no caso dos policiais civis para piorar tem ainda a ação da corregedoria que constantemente instaura inquérito contra policiais civis a palavra de um marginal para os senhores corregedores vale mais do que a palavra de um policial civil o marginal vai até a corregedoria com cara de coitadinho e diz que o policial passou por ele e olhou com cara feia imediatamente é aberto um procedimento administrativo cabe ao policial civil se defender apresentar testemunhas os senhores corregedores não levam em conta o fato de que o marginal pode estar mentindo como de costume claro longe de defender o mau policial mas muita coisa que a corregedoria supostamente apura vai contra a própria instituição cerceando o trabalho quando expediente a banana come o macaco dos policiais civis isso tem gerado uma desmotivação profunda além de termos baixíssimos efetivos situação admitida até pelo governo do estado baixos salários e falta de perspectiva profissional corremos o risco de conquistarmos problemas sim se o policial civil tenta cumprir com sua função e cai uma queixa sobre ele na corregedoria fatalmente ele terá dor de cabeça por conta de querer trabalhar como se deve isso influencia diretamente na solução dos casos os esclarecimentos não chegam a 10 das ocorrências e isso acontece justamente porque não é interessante para o policial civil cumprir com sua tarefa com dedicação É um raciocínio lógico se ele se dedica ao esclarecimento corre o risco de ter problemas com a corregedoria se não se esforça recebe o seu no final do mês do mesmo jeito tudo isso é fruto de um governo incompetente em lidar com a segurança pública um governo que insiste em deixar os servidores da segurança à margem literalmente marginalizados e por montar uma equipe igualmente incompetente este senhor secretário da segurança pública é uma piada seu prazo de validade já venceu há muito tempo É rancoroso não consigo entender como ele ainda está lá o que dizer então de nosso delegado geral estamos sem comando e o crime organizado sabe perceber isso o resultado são as dezenas de mortes de pms agentes penitenciários o risco constante e eminente que sentem os policiais civis os familiares de quem trabalha com segurança pública temos até o caso do nosso saudoso amigo dr paulo pereira de paula que muitos dizem ser fruto de latrocínio mas ninguém esclareceu totalmente o caso e não está descartada uma ação da tal facção criminosa o governo se omite demora a tomar medida de comando efetivo no combate a essa marginalidade agora após as eleições começa até a mudar o tom de seu discurso mas a situação já é caótica os crimes podem ser fruto não somente da tal facção criminosa mas podem ter desencadeado a ação de aproveitadores que usam o medo coletivo para matar e disputar pontos de vendas de drogas por exemplo também podem ser fruto de justiceiros cansados de ver a inércia do governo o fato é que graças à ação de alckmin e sua equipe estamos vendo uma cena inédita de inversão de valores a banana devorando o macaco eumauri lÚcio damata presidente do sinpol sindicato dos policiais civis da região de ribeirão preto o jornal do sinpol é uma publicação oficial de circulação mensal do sindicato dos policiais civis da região de ribeirão preto rua goiás 1697 campos elíseos cep 14085-460 ribeirão preto sp e-mail sinpolrp@sinpolrp.com.br diretoria presidente eumauri lúcio da mata vice-presidência célio antonio santiago paulo sérgio ribeiro chagas ricardo contin luiz henrique maringoli de lima josé gonçalves neto suplentes arnaldo vaz ferreira luiz henrique batista gino augusto franco sant anna sérgio ribeiro dos santos robert schmengler guilhaume kátia patrícia pagliari de souza e edmar alberto félix secretários kalinka cintra prado e doracy alves da silva suplentes Érica arrisse esteves dias e armando pisani júnior tesoureiros júlio cesar machado e sami haddad suplentes wagner cândido da silva e jin ciosaki patrimônio olavo elias dos santos suplente cláudia braga conselho fiscal joão carlos barbosa lima maurício kusumota e prisclia yishi s hashimoto suplentes neide amábile pastori e silva marisa lelis takata e jefferson pessoti delegados sindicais darci gonzalez e licanor de souza campos suplentes ariovaldo torrieri júnior e reinaldo josé sanches o jornal do sinpol É uma publicaÇÃo exclusiva do laboratÓrio de notÍcias av portugal 304 cj 3 v seixas ribeirão preto sp fone/fax 16 3610-2886 diretor de jornalismo adalberto luque mtb 19.218 editor chefe júlio castro reportagens mariana araújo parras luque o jornal do sinpol não se responsabiliza por especificações ou informações que não estejam previstas no contrato de publicidade as cobranÇas serÃo feitas exclusivamente por sub ten res pm oswaldo bonfim departamento comercial contatos exclusivos devidamente autorizados fernando mendonça vanderlei garcia da costa marcos antonio fernandes israel leal de souza marco antonio da silveira editoraÇÃo eletrÔnica laboratório de notícias fone 16 3610-2886 e-mail jornaldosinpol@uol.com.br os artigos assinados não refletem necessariamente o conceito do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores notas telefones da cantina a cantina que atende aos filiados na chácara do sinpol sob a direção do zezinho tem agradado aos frequentadores e atende às expectativas da diretoria de sempre oferecer o melhor aos associados e o zezinho avisa que as porções almoços lanches e bebidas bem geladas estão à disposição de todos durante todo o horário de funcionamento do clube anote os novos telefones para reservas e sugestões junto à cantina 16 9301-3709 ou 8126-7340 esclarecimento a diretoria do jornal do sinpol informa nenhum agente comercial está autorizado a arrecadar fundos para festas de policiais civis a captar doações ou adesões em nome do sinpol ou de qualquer membro da polícia civil os valores pagos são somente para veiculação de anúncio exija a identificação do agente ao ser abordado em caso de dúvida ligue imediatamente para 16 3610-2886 se for procurado por alguém em nome do jornal do sinpol para fazer doação denuncie-o imediatamente à delegacia mais próxima recadastramento para atualização de dados e de situação profissional principalmente dos recém-aposentados o sinpol está promovendo um recadastramento de todos os associados participe do recadastramento e garanta o recebimento de toda correspondência que enviamos procurando a secretaria do sinpol ou enviando e-mail para secretaria@sinpolrp.com.br contribuição iamspe o sinpol informa que ingressará com ação judicial pleiteando a cessação da contribuição ao iamspe instituto de assistência médica ao servidor público estadual a presente ação é proposta com o objetivo de cessar o desconto compulsório realizado em folha de pagamento dos servidores públicos do estado referente ao pagamento da contribuição ao iamspe em cumprimento ao disposto no art 149 caput da cf constituição federal podem ingressar com esta ação todos os servidores públicos estaduais estando em atividade aos inativos o sinpol dispõe de um formulário próprio para cessar o desconto sem a necessidade de ação os interessados podem pedir esclarecimentos à central de atendimento sinpol pelos telefones 16 3625-3890 3612-9008 e 3979-2627 ou na sede social do sindicato à rua goiás 1697 para quem pretende se aposentar a diretoria do sinpol alerta os associados que pretendem se aposentar pela lei complementar 1062/2008 que perdas podem ocorrer e solicita aos interessados que entrem em contato com seus diretores para saber quais serão suas perdas imediatas maiores informações na sede social do sindicato à rua goiás 1697 ou através da central de atendimento sinpol pelos fones 16 36253890 3612-9008 e 3979-2627 novos associados associaram-se ao sinpol no mês de outubro de 2012 os seguintes policiais civis hector luiz da cruz investigador de polícia rafael talarico agente de polícia william coutinho de oliveira agente de telecomunicações mário leandro silva vieira escrivão de polícia a diretoria do sinpol dá boas vindas aos novos associados e está à disposição de todos os policiais civis que quiserem integrar o quadro associativo do sindicato 04 novembro/2012

[close]

p. 5

parabÓlica desmanches a polícia civil de ribeirão preto através da dig delegacia de investigações gerais realizou no dia 04 de outubro uma operação desmanche na qual foram vistoriados vários estabelecimentos de venda de peças automotivas usadas o resultado foi finalizado com cinco locais lacrados por falta de alvará de funcionamento e a apreensão para averiguação de dois veículos que estavam nestes locais também houve uma autuação em flagrante delito por receptação qualificada na qual foi detido m.a.c de 38 anos comerciante com ele foram encontrados cerca de 20 câmbios automotivos que estavam à venda mas com numeração suprimida ou a plaqueta de identificação ausente eles foram apreendidos e levados para a especializada o autuado foi preso e conduzido para o cdp centro de detenção provisória de ribeirão preto operação camaro policiais civis da dise delegacia de investigações sobre entorpecentes de bebedouro após três meses de investigação e monitoramento deflagraram no dia 04 de outubro a operação camaro com o objetivo de localizar prender e autuar em flagrante cinco suspeitos de tráfico de drogas na ação foram presos j.c.m.j de 35 anos h.a.i.s de 22 anos r.f de 30 anos r.r.s.f de 19 anos e j.l.s.p de 33 anos os policiais civis apreenderam também dois automóveis telefones celulares cerroubar uma motocicleta na avenida brasil a vítima tinha acabado de parar em um semáforo quando um homem subiu na garupa da motocicleta e ordenou que seguisse em frente neste momento a vítima perdeu o controle e desequilibrou-se caindo em seguida na confusão a vítima conseguiu fugir e foi ajudada por populares quando passava pelo local uma viatura com os policiais civis que estavam em diligência os investigadores seguiram o homem e prenderam-no em flagrante ele foi autuado por roubo e foi encaminhado ao cdp de ribeirão preto capturado policiais civis do 6º dp de ribeirão preto prenderam no dia 18 de outubro r.b.s de 25 anos conhecido como são carlos o homem é considerado de alta periculosidade e vinha sendo procurado por diversos roubos praticados em residências na cidade e na região inclusive um assalto na fazenda de um empresário da cidade onde ele participou da ação junto a outros elementos que agiram com extrema violência são carlos é apontado pelos policiais civis como o chefe do bando que praticava os assaltos ele foi preso portando dois revólveres calibre 38 com numeração suprimida o suspeito foi preso em cumprimento a um mandado de prisão preventiva em operação realizada na favela das mangueiras concurso câmbios irregulares foram encontrados em desmanche de ribeirão preto pela dig equipe do 6º dp de ribeirão capturou perigoso foragido que roubava residências e propriedades rurais fotos polícia civil drogas dinheiro e objetos apreendidos durante operação camaro ca de r 2 mil em dinheiro meio quilo de crack e 120 gramas de cocaína segundo o titular da dise de bebedouro dr maurício vieira silva um dos presos estava revendendo drogas na companhia do filho de apenas três anos os cinco suspeitos foram encaminhados ao cdp de pontal onde responderão por tráfico de drogas sherek em cana policiais civis da dig delegacia de investigações gerais de araraquara prenderam no dia 25 de outubro um casal que estava escondido num prédio de apartamentos na vila xavier o homem conhecido por sherek ou ogro segundo os policiais civis teve participação na morte do pm adriano simões ocorrida no dia 15 de setembro de 2012 em investigações da especializada ficou comprovado que a dupla pertence a uma facção criminosa o homem inclusive ocupa cargo de destaque e era o encarregado de cadastrar novos participantes a mulher detida era sua ajudante na facção após buscas no local por meio de mandado judicial os policiais civis apreenderam um notebook vários celulares e um pen drive o homem foi encaminhado para o cdp em araraquara e a mulher para a cadeia pública de santa ernestina flagrante policiais civis do 2º dp distrito policial de ribeirão preto prenderam em flagrante e.r.c de 21 anos no momento em que ele tentava equipe do 6º dp de ribeirão capturou perigoso foragido que roubava residências e propriedades rurais começaram no dia 08 de outubro as inscrições para o concurso público de perito criminal o edital foi disponibilizado no doe diário oficial do estado de 29 de setembro são 56 vagas e as inscrições terminam no dia 12 de novembro o salário inicial é de r 6.709,32 correspondentes à soma dos valores do salário base da gratificação pelo retp regime especial de trabalho policial e do ale adicional de local de exercício para se inscrever é preciso acessar o site da vunesp www.vunesp.com.br preencher a ficha de inscrição pagar a taxa de r 60,85 e escolher um dos locais para a realização da prova preambular ribeirão preto bauru campinas piracicaba presidente prudente santos são josé do rio preto são josé dos campos são paulo e sorocaba as informações sobre o local data horário e sala para a realização da prova serão divulgados posteriormente no doe e estarão disponíveis no site da polícia civil www.policiacivil.sp.gov.br e no site da vunesp itápolis policiais civis de itápolis prenderam no dia 08 de outubro p.j.s de 34 anos com ele foram encontrados pólvora 14 balotes de chumbo seis balotes para espingarda calibre 12 espoletas devensivos agrícolas uma espingarda calibre 28 e 16 cartuchos o homem foi autuado pagou fiança e vai responder em liberdade novembro/2012 05

[close]

p. 6

especial constatação foi feita pelo titular da dig de são carlos em conjunto com inteligência de ribeirão preto e prisão de quatro suspeitos foi pedida a dig delegacia de investigações gerais de são carlos continua trabalhando exaustivamente com o propósito de esclarecer todas as causas da execução do soldado da polícia militar marco aurélio de santi de 43 anos ocorrido no dia 14 de setembro no dia 25 de outubro o titular da dig de são carlos dr edmundo ferreira gomes em coletiva à imprensa revelou que já tem indícios de que a execução foi ordenada por uma facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios paulistas o pm estava de folga e foi executado com seis tiros dentro de seu próprio carro na vila jacobucci em crime que chocou são carlos e região o pm de santi estava em vias de se aposentar quando foi morto durante as investigações do caso a especializada chegou a deter dois homens suspeitos de envolvimento no crime um deles inclusive foi preso horas depois da execução do pm ele estava em um carro semelhante ao que foi utilizado pelos assassinos do policial militar e havia deixado o veículo em um lava rápido quando os policiais civis receberam a denúncia o carro todavia estava com placa adulterada e teria sido roubado dias antes em limeira no decorrer da apuração os policiais civis da especializada constataram que o homem não tinha envolvimento com a execução do pm apenas estaria envolvido em receptação de veículo roubado ele teria pago uma fiança em torno de r 12 mil e foi solto sendo indiciado e irá responder por crime de receptação as investigações prosseguiram e os policiais civis da dig chegaram a outro suspeito 13 dias após o crime para não prejudicar as investigações o dr edmundo solicitou à justiça sua prisão temporária e ele foi levado ao centro de triagem de são carlos segundo o delegado o homem é o dono de um veículo prata que teria sido três homens que foram presos por outro motivo agora as investigações apontam que eles também estão envolvidos com o homicídio do pm em são carlos explicou o dr edmundo que não pode informar todavia se os suspeitos já estavam presos ou não na data do homicídio alegando que como as investigações prosseguem isso corre em segredo de investigação o titular da dig de são carlos todavia informou que ainda não é possível afirmar que esses suspeitos tenham relação com a morte e o ataque a outros policiais na região de ribeirão preto no começo de setembro um agente penitenciário foi executado em um posto de combustíveis em ribeirão preto alguns dos suspeitos foram presos pouco tempo depois por policiais civis da dise delegacia de investigações sobre entorpecentes em ribeirão preto houve ainda mais três tentativas de homicídios contra pms além de dois ataques a casas de policiais militares aposentados em araraquara no dia 25 de outubro a dig daquela cidade prendeu mais um suspeito de ser o mandante do assassinato do sargento pm adriano simões da silva de 36 anos ocorrido um dia após a execução do pm em são carlos segundo informações o homem de 28 anos seria o terceiro a ser preso pela dig pelo crime em entrevista à imprensa o titular da dig de araraquara esclareceu a linha de investigação as evidências apontam para o fato de que todos eles integram uma facção criminosa no estado de são paulo afirmou o titular da dig de araraquara dr elton hugo negrini inteligência as prisões dos integrantes da facção criminosa e que poderiam ter participado como mandantes das execuções dos pms de são carlos e araraquara foi fruto do trabalho minucioso de uma pequena equipe que execuÇÃo de pm foi ordenada por facÇÃo policiais civis da dig de são carlos investigam execução de policial militar utilizado na fuga dos assassinos a princípio uma testemunha se confundiu ao passar as características do carro mas havia outra pessoa que anotou a placa e chegamos até o veículo o homem admitiu ser dono do carro e apresentou alguns álibis nós checamos e constatamos que não havia consistência pois as próprias testemunhas por ele indicadas contradizem a versão dele disse o dr edmundo a prisão temporária do suspeito venceu no dia 26 de outubro como ele já se encontrava preso e nós conseguimos reunir provas que o vinculam na cena do crime já que o veículo dele é realmente o que deu fuga aos executores pedimos a prisão preventiva para que ele responda por seus atos disse o delegado durante a coletiva à imprensa mais envolvidos as investigações sobre o caso prosseguiram e após cruzamento de informações com órgãos de inteligência da polícia civil foi possível estabelecer a participação de outros elementos os policiais civis da dig de são carlos constataram que mais três pessoas estariam envolvidas na execução do policial militar de acordo com o dr edmundo eles seriam considerados líderes da facção criminosa na região e teriam determinado a morte do pm em são carlos os homens foram presos em ribeirão preto no mês de setembro por envolvimento com o tráfico de drogas segundo os policiais civis da dig de são carlos apuraram partiu dos três a ordem de assassinar um policial militar na região como forma de retaliação às prisões dos três eles deram a ordem ao homem que foi preso em outubro pela especializada em são carlos nós compartilhamos as informações com setores de inteligência da polícia civil que atuam em ribeirão preto e chegamos até esses 06 novembro/2012

[close]

p. 7

dr gustavo adriana piovani edson e rita equipe da inteligência da seccional de ribeirão preto concluiu que ordem partiu de integrantes da facção criminosa trabalha diretamente à delegacia seccional de polícia civil de ribeirão preto o setor de inteligência comandado pelo dr gustavo andré alves o setor conta com os investigadores edson e piovani fixos no setor e atualmente tem contado também com o trabalho das investigadoras rita e adriana foi este pequeno grupo de policiais civis quem impingiu um grande golpe na organização da facção criminosa na região de ribeirão preto com um trabalho estritamente investigativo o grupo filtra informações que chegam de todos os setores da polícia civil na seccional de ribeirão preto e em outras áreas procurando estabelecer relações entre os mais variados criminosos dentro e fora dos presídios ligados ou não à facção além disso os policiais civis também se utilizaram de escutas telefônicas devidamente autorizadas pela justiça o setor de inteligência também têm recebido denúncias anônimas e de posse de cidade ainda restava alguém com maior influência e graças aos interrogatórios e mais investigações os policiais civis chegaram até a.c também conhecido por gato preto considerado o elemento do alto comando da facção na região nós já suspeitávamos dele a partir do momento em que ele liberado da prisão sob livramento condicional na saída da unidade em que estava cumprindo sua pena forneceu um endereço falso nós solicitamos então a revogação de seu livramento condicional e iniciamos as buscas tudo indica que ele seja um dos integrantes do alto comando da facção em nossa região explica o dr gustavo os policiais civis localizaram o suspeito e no dia 29 de outubro planejaram a prisão o setor de inteligência e policiais civis da dig delegacia de investigações gerais de ribeirão preto prepararam-se para um possível confronto quando abordassem o homem que supostamente teria ligações com a facção criminosa nós nos surpreendemos ao chegar na casa onde a estava ele assistia tranquilamente a televisão e não esboçou qualquer reação pelo grau de importância dele na facção criminosa ficamos surpresos por ter sido uma prisão tranquila esclarece o delegado o trabalho de investigação ainda prossegue os policiais civis querem saber se os atentados praticados contra três policiais militares e as casas de dois pms aposentados também têm ou não ligação com a facção criminosa no caso da morte do agente penitenciário que estava em um posto de combustíveis na zona leste de ribeirão preto o caso está sendo devidamente apurado mas ainda não é possível garantir que a ordem tenha partido ou não da facção outros dois pms foram feridos em casos distintos num deles um soldado estava em um posto de combustíveis no monte alegre zona oeste de ribeirão preto e foi ferido com vários disparos mas se recuperou em outro caso um capitão trafegava com sua caminhonete pelo jardim irajá zona sul de ribeirão preto quando percebeu que era seguido por dois homens em uma moto que em certo momento dispararam contra o veículo o capitão foi ferido mas reagiu e matou um dos homens além de ferir o comparsa também nestes casos ainda não é possível afirmar se a ordem partiu ou não da facção há ainda dois casos de tiros disparados contra a casa de pms aposentados a situação chegou a um ponto insustentável o governador demorou muito a admitir talvez porque estava mais preocupado com as eleições do que com a vida dos policiais militares civis e agentes penitenciários agora ele admite mas o caos já foi estabelecido nem tudo o que tem acontecido é resultado de ataques ou revides de policiais há muito bandido se aproveitando da situação para `pendurar na conta dos confrontos teve casos na periferia de ribeirão preto que podem ter ocorrido por disputa de pontos de venda de drogas mas também não dá para afirmar que cansados de como o problema vem sendo enfrentado pelo comando da segurança pública e pelo governador alguns policiais não vão se unir para fazer justiça com as próprias mãos uma coisa é certa já passou da hora do governador se posicionar e dar confiança para quem trabalha na segurança pública já que não contamos com bons salários que ao menos contemos com o apoio do governador nesta luta desigual conclui o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata para o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata já que o governo não paga salários dignos que pelo menos se posicione e dê apoio a quem trabalha na segurança pública novembro/2012 07

[close]

p. 8

escrivão de batatais é o novo beneficiado com mandado de segurança que garante sua aposentadoria conforme orientação passada pelo sindicato seria apenas mais uma reunião sindical promovida pelo sinpol na cidade de batatais levando aos policiais civis associados as novidades no trabalho desenvolvido pelo sindicato no sentido de buscar benefícios para a categoria o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata esteve em batatais no final de julho de 2012 acompanhando o deputado estadual major olímpio que foi relatar a luta travada pelos parlamentares junto ao governo do estado com o objetivo de concluir os trabalhos iniciados com a criação do grupo de estudos para avaliar a possibilidade de valorização nas carreiras de investigador e escrivão de polícia e foi esse o objetivo da visita de eumauri e do major olímpio a batatais levar esclarecimentos aos policiais civis a cerca da batalha que vem sendo travada contra geraldo alckmin e sua equipe o escrivão luiz francisco tonetti compareceu à reunião e aproveitou para conversar com eumauri sobre um assunto que vinha lhe afligindo a sua aposentadoria eu fui me informar com o eumauri sobre a possibilidade de me aposentar pela lei 51/85 que me garante o direito de aposentadoria especial após 20 anos de serviço estritamente policial e outros 10 anos em atividades diversas o eumauri me explicou que o ideal seria procurar o jurídico do sinpol para ingressar com mandado de segurança garantindo-me esse direito e foi o que fiz revelou tonetti no estado de são paulo o governo não adota a lei 51/85 ele utiliza-se da lei 1062/88 por considerar que a outra lei não foi recepcionada pela constituição de 1988 isso é um absurdo somente o estado de são paulo insiste em continuar aposentando os trabalhadores pela 1062 e isso representa uma perda nos vencimentos temos obtido muitas vitórias contra o governo e vamos continuar orientando os companheiros a nos procurarem para buscar o mandado de segurança e garantir nosso legítimo direito à aposentadoria especial pela lei 51/85 garante eumauri o escrivão de batatais entrou em contato com o dr ricardo ibelli e em 15 de agosto de 2012 estava com o mandado de segurança devidamente protocolado aguardando os trâmites legais posso dizer que tive bastante sorte do processo ser distribuído na vara correta e toda a tramitação não levou mais que dois meses foi um tempo extremamente rápido comemora tonetti o juiz de direito da 7ª vara da fazenda pública dr emílio migliano neto considerou válida a reivindicação de tonetti e concedeu mandado de segurança com pedido de liminar contra o delegado de polícia diretor do dap departamento de planejamento e administração da polícia civil do estado de são paulo após as considerações o juiz publicou sua sentença posto isso com fundamento no artigo 269 i do código de processo civil julgo a presente ação procedente para conceder a segurança para determinar que a autoridade impetrada processe o pedido de aposentadoria do ora impetrante [luiz francisco tonetti nos termos do artigo 1º inciso i da lei complementar federal 51 de 20 de dezembro de 1985 concluiu o magistrado segundo tonetti valeu a pena seguir as orientações do sinpol o trabalho do eumauri foi fundamental ele me instruiu e me encaminhou ao dr ibelli e foi tudo muito rápido revela tonetti que já havia trabalhado na rádio difusora de batatais e também havia sido bancário pode incluir esse tempo de trabalho aos mais de 20 anos de atuação como escrivão de polícia e finalmente vai se aposentar com as garantias previstas na lc 51 85 É importante ressaltar para todos os policiais civis que estão em vias de se aposentar que nos procurem uma vez aposentado pela 1062 fica praticamente impossível reverter a situação e restituir as perdas já temos muitos casos de vitórias contabilizados o sinpol tem muitos exemplos de que é possível se aposentar pela 51 e enquanto o governo persistir nessa situação continuaremos nossa batalha garantindo os direitos dos nossos associados temos ainda muitas outras ações prestes a dar frutos conclui eumauri sinpol obtÉm nova vitÓria pela lei 51 segundo eumauri além da vitória de tonetti obtida recentemente muitas outras estão por vir garantindo aos policiais civis o direito de aposentarem-se pela lc 51/1985 08 novembro/2012

[close]

p. 9

nova sede a diretoria do sinpol tem acompanhado o andamento das obras de construção da futura sede social do sindicato com muita atenção para que nada saia errado as obras seguem aceleradas porém dentro do cronograma estipulado pela diretoria as edificações já chegaram até a primeira laje que recebeu o concreto acompanhe a seguir algumas etapas e a nova forma da obra que vai trazer para os policiais civis de toda a região uma sede digna da história e importância do sinpol obras seguem dentro do previsto o vice-presidente do sinpol célio antônio santiago e o delegado sindical darci gonzales ao lado do empreiteiro rafael durante a concretagem da primeira laje novembro/2012 09

[close]

p. 10

aniversariantes a vida é um milhão de novos começos movidos pelo desafio sempre novo de viver e fazer todo sonho brilhar feliz aniversário aos nascidos em dezembro 1 liliane garcia rodrigo salvino patto 2 reinaldo takeo aono izabel cristina de c ramos giovani silveira de andrade vandemir cássia da silva josé potoloha 3 maria helena masson neres marlene mathias figueira gabriel marduy tosta 4 maria luiza félix manço mauro antonio coraucci josé eduardo baldo geraldo de araújo belli júnior neiva alda candido roberto abud geraldo alves da silva 5 alexandre luís seridonio 6 cláudio salles marta dellacorte barboza maria aparecida trebbi maria das graças silva 7 carlos vedovato neto antonio flávio barbosa sílvio antonio de paula perisse newton josé cucolicchio júnior joão riberto de jesus ramires 8 vera lúcia rampim viola elizabete aparecida mafra sérgio luís de lima carvalho 9 sônia maria mello de paula luiz carlos fazzio odair aparecido camargo carlos henrique carneiro scarparo 10 aldo abbad josé carlos de moraes cássio antonio alexandrini 11 josé olívio brigato valdir ferreira de moraes pedro levorato andréia ferreira renato fernandes sérgio salvador siqueira vera lúcia nucci beggiato 12 sérgio pires luzia aparecida capela americano eunice de amorin ferreira said de souza silva filho luiz antonio barbosa maria inês rosa josé luís possati moraes nilton carlos lopes cláudio hilário pereira 13 luzia das gracas souza jardim chiarelli sílvia luzia lazaretti aparecido de paula totoli cacildo gonçalves netto junior 14 antonino bairon elyseo brandão 15 ailton martins de oliveira josé goncalves dos santos alfredo hermano carrara selvito de souza filho iremar josé alves marco enrique cardoso malanotti 16 josé gilberto martins lourenço laura maria dos santos edson aparecido de carvalho leandro augusto silveira 17 olavo elias dos santos antonio carlos ricoldi marcelo batista de sousa cláudio messias alves 18 regina célia tonhão de abreu rosilene siena rocha 19 tharcílio panosso júnior ivo alves mendonça sandra galvão nogueira carvalho 20 edmilson dos santos rodrigues shigeyuki miura lúcia helena da silva carvalho renata leite de mello 21 josé claudino da rocha neto francisco josé coelho amauri zanardi 22 sérgio morari tânia cristina machado roberto luiz bezerra ferreira joão roberto de carvalho motta 23 verônica regina dos santos reinaldo josé sanches marcos ivan garcia 24 martha helena coelho sandra valéria coimbra luiz augusto stesse vinícius aleixo 25 ildo fernando melani heloísa maria tristão lázaro natalino gregório rita de cássia vieta manoel natalino alves lopes paulo antonio silveira césar augusto jaime césar augusto seridônio osmar balmant marcel gomes nogueira cristian césar moraes da silva carlos alberto de jesus galdino ferreira 26 luiz carlos de stefano josé ricardo joão márcia marino vieira francischetti gilmar antonio de almeida décio kury marques ademir delfino de souza 27 carlos césar alves ariovaldo torrieri júnior antonio carlos espíndola fátima a pedrussi teixeira rodrigo milan bavieira césar josé felipe 28 lázaro amâncio de barros netto 29 david de barros valins joão samuel moreira souto nair celis magallini moysés pereira dos santos jarbas genova de paula júnior 30 wilson aidar júnior joão carlos alves ii 31 reginaldo aparecido malimpensa joão arnaldo damião melki antonio athanásio da cruz júnior jair gonzaga memÓria praticando futsal um dos esportes mais praticados por policiais civis é o futsal que ao lado do futebol society e do futebol de campo reúne um grande número de adeptos na década de 1970 a quadra da delegacia seccional era bastante disputada uma das equipes que marcou época foi a da foto acima em registro de 1974 da esquerda para a direita em pé estão ciriri juiz ronaldo nogueira de moura arlindo dos reis martins e joão pessini agachados wilson sasaki olavo elias dos santos joão batista martins de mello e francisco righini do fundo do baÚ o sinpol lembra aos aniversariantes que é preciso fazer o recadastramento anual junto ao banco do brasil em qualquer agência ou naquela onde receber seus vencimentos ou em caso de portabilidade no banco em que o beneficiário optou quem não se recadastrar corre o risco de ter os vencimentos suspensos o sindicato dos policiais civis da região de ribeirão preto está criando um acervo de imagens relacionadas à polícia civil para tanto a diretoria está incentivando a participação de associados que tenham em seus arquivos fotografias que possam ilustrar diferentes aspectos da história da instituição temos certeza que muitos companheiros guardam `no fundo do baú lembranças de reuniões eventos e de situações diversas que têm um valor inestimável pelas lembranças que nos trazem afirma a presidenta do sinpol maria alzira da silva corrêa os interessados em colaborar com esse resgate da memória da polícia civil da região podem entrar em contato com a secretaria do sinpol através dos telefones 16 3612-9008 3625-3890 e 3979-2627 ou dos e-mails sinpolrp@sinpolrp.com.br e sinpolrp@uol.com.br as fotografias serão digitalizadas e prontamente devolvidas aos seus proprietários ressalta maria alzira o material reunido pelo sinpol será publicado no jornal do sinpol e no site da entidade www.sinpolrp.com.br 10 novembro/2012

[close]

p. 11

apesar de despontarem alguns nomes com votações expressivas na região de atuação do sinpol os policiais civis ainda seguem com uma representatividade aquém dos anseios da categoria segundo o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata é fundamental que os policiais civis se unam orientem seus familiares para sempre que possível escolher um colega de instituição que esteja concorrendo em pleitos municipais estaduais e nacionais os policiais militares têm suas bancadas no legislativo e até no congresso nacional na câmara municipal de são paulo são três ex-comandantes os policiais civis também precisam demonstrar essa união para eleger seus companheiros que serão as vozes da categoria e vão lutar ao lado do sindicato pelos anseios de todas as carreiras pontua eumauri em ribeirão preto seis policiais civis lançaram-se candidatos todos para a cadeira de vereador o único a se eleger foi o delegado samuel zanferdini eleito pela terceira vez consecutiva ele foi o terceiro mais bem votado no pleito em ribeirão preto obtendo 8.101 votos ou 2,73 do total de votos válidos estreante nas urnas o dr josé gonçalves neto também obteve uma votação expressiva porém insuficiente para que ele conquistasse uma cadeira o dr neto recebeu 2.046 votos equivalentes a 0,69 na preferência dos votantes o delegado conquistou a terceira suplência de seu partido o psd o mesmo da prefeita reeleita em ribeirão preto ainda estão discutindo um possível aumento no número de cadeiras se isso ocorrer posso chegar até a uma primeira suplência além do que surgir na composição da secretaria mas considero que foi uma votação importante poderia ter sido maior se tivesse mais tempo quem tem mais tempo na política tem seus cabos eleitorais bem atuantes leva vantagem além disso minha campanha contou com recursos limitados de acordo com minhas possibilidades pelas pesquisas na véspera da eleição havia 43 de indecisos para vereador o que corresponde a quase metade dos votantes quem teve maior estrutura levou vantagem para conquistar os indecisos mas foi uma policiais civis ainda tÊm baixa representatividade na polÍtica votação que considero bastante expressiva e que me dá forças a planejar a campanha para o próximo pleito quero agradecer àqueles que confiaram em minha pessoa que apoiaram minhas ideias espero poder representá-las à altura a partir da próxima eleição revela o dr neto o delegado mauro coraucci também foi bem votado ele obteve em ribeirão preto 1.658 votos e é um dos suplentes de seu partido gerson antonio de oliveira o gersinho investigador conquistou 542 votos o delegado haroldo chaud recebeu 361 votos o investigador geraldo de paula e silva teve 80 votos em batatais cidade onde os policiais civis contavam com a atuação do vereador e delegado sebastião oswaldo mazzaron filho os resultados não foram satisfatórios para a categoria o dr mazzaron disputou a prefeitura e apesar de um resultado apertado não obteve a vitória recebeu 48,23 dos votos válidos para prefeito mas ficou com 1.140 votos a menos que seu oponente na câmara municipal apesar da boa votação do estreante paulo chagas perito da polícia civil a representatividade da categoria não se confirmou paulo chagas obteve 172 votos mas não suficientes para que ele conquistasse uma cadeira de vereador em franca a delegada graciela lourdes david ambrósio chegou a liderar com folga as pesquisas e algumas apontavam sua vitória ainda no segundo turno isso não se confirmou e o pleito foi para o segundo turno dra graciela obteve 42,02 dos votos para prefeito de franca e não conquistou a cobiçada cadeira em porto ferreira o delegado maurício sponton rasi está concluindo em 2012 seu segundo mandato e não pode tentar nova reeleição ainda neste ano na região o jornal do sinpol apurou que mais policiais civis conquistaram cadeiras para vereadores porém pode ter cometido algum equívoco e os candidatos que conquistaram cadeira podem enviar a confirmação pelo e-mail jornaldosinpol@uol.com.br que terão seus nomes divulgados na próxima edição do informativo os eleitos apurados foram o investigador de polícia fabiano de aquino frigo reeleito em tapiratiba com 2,92 dos votos o outro vitorioso foi o delegado domingos antonio de mattos o mais votado em santa rita do passa quatro para a câmara municipal ele obteve 4,49 da preferência dos eleitores quem se elegeu em casa branca foi o investigador antonio benediro ferreira o segundo mais votado com 3,45 dos votos o delegado celso itaroti cancelieri cerva foi eleito prefeito de vargem grande do sul com 53,07 em família se para muitos o resultado das eleições foi abaixo das expectativas há quem tenha motivo foto divulgação em dobro para comemorações É o caso da família da investigadora aposentada diva rodrigues dos santos e do auxiliar de necropsia aposentado e atual advogado edvaldo rodrigues dos santos os dois têm na família duas vereadoras eleitas em ribeirão preto a filha de diva viviane alexandre elegeu-se pela primeira vez vereadora em ribeirão preto ela conquistou 2.094 votos e uma cadeira pelo pps graças ao seu trabalho na proteção e defesa dos animais já a sobrinha de diva e edvaldo gláucia berenice conquistou seu segundo mandato recebendo 4.290 votos na câmara municipal de ribeirão preto um enorme feito para todos os policiais civis abaixo o investigador fabiano frigo foi reeleito vereador em tapiratiba foto divulgação dr neto estreou nas urnas com uma votação expressiva em ribeirão preto novembro/2012 11

[close]

p. 12

entrevista delegado de polícia de carreira e vereador eleito pela terceira vez consecutiva fala sobre o futuro analisa a matança de policiais e critica o governo o campeão de votos da polícia civil na região é delegado seu nome é samuel antonio zanferdini atuando em diversos setores da instituição em ribeirão preto o dr zanferdini que é natural da cidade lançou-se candidato a vereador pela primeira vez em 2004 e logo de início conquistou uma cadeira na câmara municipal atuando por muitos anos na dig delegacia de investigações gerais com passagens por alguns dps distritos policiais o delegado está atualmente no 6º dp e faz questão de exercer sua carreira de delegado com afinco paralelamente a isso desenvolve difotos dkivulgação dr samuel antonio zanferdini versos trabalhos e é um dos vereadores mais atuantes da atual legislativa que se encerra em dezembro deste ano vários dos atuais vereadores foram bastante criticados pela imprensa mas o dr zanferdini seguiu incólume e nas eleições realizadas no mês passado mostrou que continua forte nas urnas dos atuais vereadores foi o que recebeu mais votos tornando-se o terceiro mais votado do pleito conquistou desta forma sua terceira reeleição seguida em entrevista ao jornal do sinpol o delegado e vereador falou sobre sua conquista e revelou seus planos para o novo mandato que vai de 2013 a 2016 policial civil bastante experiente o delegado fala também sobre o momento crítico que vive a segurança pública e da falta de determinação do governo em enfrentar a situação veja a seguir jornal do sinpol o senhor chega a seu terceiro mandato de vereador com uma das votações mais expressivas da câmara municipal de ribeirão preto tendo sido o terceiro mais votado com 8.101 votos a que o senhor atribui tão expressiva votação dr samuel zanferdini tenho certeza que minha expressiva votação se deu em reconhecimento pela população do trabalho que sempre desempenhei desde o meu primeiro dia de mandato trabalho esse honesto sério e sempre preocupado em atender as necessidades da nossa população jornal do sinpol como o senhor analisa o desempenho de seus colegas policiais civis que se candidataram a uma cadeira no legislativo municipal dr samuel zanferdini penso que os demais colegas policiais que se candidataram também tiveram em sua maioria um ótimo desempenho sendo importante que sempre tenhamos representantes da nossa instituição ocupando cargos políticos jornal do sinpol a imprensa chegou a dizer que apesar de ser policial civil sua base eleitoral é composta por evangélicos o senhor concorda com isso dr samuel zanferdini minha base eleitoral é composta pela população de ribeirão preto obtive votos em todas as seções eleitorais da cidade ou seja consegui conquistar minha população como um todo com certeza obtive apoio dos evangélicos católicos espíritas de policiais civis do rotary club da minha querida polícia civil bem como da polícia militar polícia federal guarda civil municipal juízes de direito funcionários públicos em geral maçonaria professores além do trabalho social que realizo fortemente em mais de cem bairros da cidade através da associação grande cidadão vale ressaltar que o homem público não atende somente uma categoria e sim toda a comunidade independente de religião profissão partido político etc tenho certeza que a população passou a acreditar e confiar no meu trabalho nos meus projetos no meu dia a dia como vereador sempre atendendo quem quer que seja e dando retorno às pessoas jornal do sinpol quais foram os destaques em suas duas primeiras legislaturas dr samuel zanferdini criei vários projetos de interesse da cidade constituí e presidi comissões especiais de estudos importantes como análise e estudos dos problemas das drogas e violência nas escolas daerp que evitou a privatização do órgão criação do plano municipal de saneamento básico viabilização do sistema viário da cidade trânsito mudança do cetrem para outro local projeto aluno destaque projeto de doação de livros denominado pequeno leitor grande cidadão projeto de mutirão contra a dengue palestras semanais de prevenção às drogas denominada sou mais eu não uso drogas comissão de enfrentamento ao crack projeto semear e plantar que já plantou mais de 15 mil árvores na cidade projeto de criação de escolas em período integral criação do projeto de instalação se semáforos progressivos projeto que visa a cobrança de água no nome do usuário contribuinte indicação de criação de uma secretaria municipal de segurança pública criação do conselho municipal antidrogas dentre outros jornal do sinpol e para o próximo mandato quais serão seus planos dr samuel zanferdini continuar elaborando projetos que atendam ao anseio da população fiscalizando o poder executivo principalmente na questão orçamentária e trabalhar para que nossa cidade possa ser cada vez melhor colocando nosso gabinete sempre à disposição para atendimento jornal do sinpol neste ano ocorreram mais de 80 mortes de agentes da segurança pública e penitenciária como o senhor vê essa questão está de fato ocorrendo um ataque a policiais o governo está sendo omisso ou no mínimo relativista diante deste quadro dr samuel zanferdini estas mortes preocupam não só nós policiais como nossos parentes e toda a população o governo deveria ser mais enérgico e tomar providências urgentes a fim de dar tranquilidade a todos em minha opinião há sim uma omissão por parte do governo um descaso com a segurança pública do estado os policiais hoje são mal remunerados faltam funcionários e estrutura 12 novembro/2012

[close]

p. 13

jornal do sinpol o governo tem estimulado parcerias municipais através do projeto chamado atividade delegada onde prefeituras pagam a policiais militares e civis em horário de folga para atuarem nas ruas isso não seria a institucionalização do famigerado bico como o senhor vê essa situação dr samuel zanferdini com certeza isso seria a oficialização do bico penso que melhor é reivindicar ao governo salários dignos para que nenhum policial tenha que trabalhar no seu horário de folga o policial tem que ter direito a descanso a passar momentos de lazer com sua família e ficar preparado com as baterias carregadas para assumir o trabalho no seu turno respectivo jornal do sinpol ribeirão preto registrou no mês de outubro um grande índice de homicídios para alguns é resultado da guerra não declarada entre membros de uma facção criminosa e policiais para outros é fruto da ação de um novo grupo de extermínio há quem defenda também com o secretário da segurança pública que isso é fruto da disputa por pontos de vendas de droga para o senhor qual seria a causa desse aumento no número de homicídios em outubro dr samuel zanferdini penso que é fruto sim da guerra de facções criminosas com policiais cuja consequência pode ser a criação de alguns grupos de extermínio que aproveitam da situação também jornal do sinpol como o senhor vê a atuação da polícia civil em nossa região falta efetivo dr samuel zanferdini a nossa polícia é maravilhosa pois consegue fazer o impossível consegue trabalhar e apresentar bons resultados mesmo com um número insuficiente de funcionários péssimos salários e sem estrutura É nítido o vazio que temos de delegados de polícia escrivães investigadores carcereiros agentes dentre outros basta fazer um simples levantamento para verificar a quantidade de policiais que acumulam mais de uma unidade policial jornal do sinpol e a questão do proje to de reengenharia que vem unificando distritos e deve começar a ser posto em prática em ribeirão preto dr samuel zanferdini respeito mas não concordo penso que o governo quer tapar os buracos fechando delegacias o problema vai continuar teremos menos delegacias com áreas circunscricionais maiores e com a mesma falta de funcionários o que precisamos é de contratação de mais policiais e valorização da classe jornal do sinpol o senhor sempre foi um porta voz do sinpol seja junto ao executivo municipal ou junto ao governo do estado empenhando-se politicamente em abrir as portas para que o sindicalismo leve suas reivindicações isso continuará ocorrendo dr samuel zanferdini estarei sempre empenhado a abrir as portas para o sindicato reivindicar melhorias junto ao governo minha profissão é delegado de polícia ou seja policial civil portanto sempre lutarei para trazer benefícios para a gloriosa polícia civil hoje estou vereador mas sou delegado de polícia e essa é a profissão pela qual vou me aposentar um dia jornal do sinpol o senhor fez parte de uma câmara municipal que recebeu diversas críticas e foi alvo de movimentos como o panelaço dessa composição todavia apenas seis vereadores não conseguiram a reeleição dois deles por não tentarem e outros quatro por não conseguirem votos suficientes essa pouca troca de cadeiras prova que os vereadores estavam certos e houve muita exploração da mídia em relação à atuação parlamentar dr samuel zanferdini a câmara municipal de ribeirão preto não é das melhores mas tem muitos vereadores excelentes e que se preocupam com a cidade a população cobra muito a qualidade da câmara mas se esquece que qualidade tem a ver com bons vereadores e vereadores são escolhidos pelo povo então a população precisa aprender a votar quanto ao panelaço ficou claro que se tratava de um movimento político criado por candidatos a vereadores na grande maioria que ganhou força por causa do interesse da imprensa em desgastar a câmara e vender notícia veja que após as eleições os movimentos desapareceram não é estranho esse tipo de movimento somente em vésperas de eleições jornal do sinpol o vereador samuel zanferdini empenhou-se pessoalmente em ajudar o sinpol a conquistar uma área junto à prefeitura para a construção de sua sede social hoje isso tudo é uma realidade e as obras prosseguem como o senhor vê o andamento dessas obras e qual a sua expectativa em relação ao empreendimento dr samuel zanferdini fico feliz em fazer parte desse projeto que com certeza vai trazer mais benefícios e melhor atendimento aos associados de nosso sindicato jornal do sinpol em apenas oito anos de atuação política o delegado zanferdini tornou-se uma incontestável liderança legislativa mas para alguns a vereança é apenas o começo de uma longa carreira o senhor tem planos para alçar outros voos como deputado estadual ou federal e até mesmo concorrer à prefeitura dr samuel zanferdini eleito para o meu terceiro mandato e me identificando com a política tenho sim aspirações maiores penso que estou preparado para assumir uma cadeira na assembleia legislativa estadual ou na câmara federal daqui a dois anos bem como concorrer à prefeitura em 2016 esse é meu projeto e meu desejo pois assim terei condições de lutar ainda mais pela nossa polícia jornal do sinpol qual sua mensagem para os policiais civis e para a população em geral dr samuel zanferdini minha mensagem aos policiais e à população é que podem confiar no meu trabalho e contar comigo no que precisarem hoje tenho um mandato para representá-los e farei tudo que for possível para melhorar a qualidade de vida de todos nunca devemos deixar de lutar pelos nossos anseios por mais difícil que pareça ser nunca devemos desistir dos nossos ideais o que plantamos colhemos que todos tenham um excelente natal e que o ano que virá seja melhor novembro/2012 13

[close]

p. 14

deu no a 13ª edição relatou o andamento da campanha salarial de 1996 as minúcias da investigação e um balanço feito pelo dr spadafora então diretor do departamento de interior o editorial da edição número 13 do jornal do sinpol dava o tom da tensa negociação que se estendia há meses com o então governador mário covas o então presidente do sinpol eumauri lúcio da mata falava a respeito a vitória obtida pelos sindicalistas que finalmente conseguiram sentar-se à mesa com covas e ouviram que ele concederia um reajuste o período setembro de 1996 era de campanha eleitoral e em artigo eumauri lembrava a importância de a categoria escolher candidatos a vereador e prefeito em suas cidades que fossem policiais civis ou que se identificassem com as lutas da categoria ele apoiava a reeleição do escrivão josé rubens vieira à câmara municipal de ribeirão preto em turismo o jornal falava da pujança de varginha no sul de minas gerais e já que o assunto era pujança o jornal mostrou também as razões pela qual ribeirão preto era conhecida por califórnia brasileira falando de agronegócio pontos turísticos e história a edição ainda abordou uma cidade dentro de são paulo mostrando a rotina do funcionamento alucinante do ceagesp o central de abastecimento de alimentos da capital a entrevista da edição foi com o investigador sebastião signei de morais ainda hoje na ativa considerado o sherlock da califórnia ele contou um pouco sobre sua brilhante carreira sobre sua história de vida e sua história de sindicalista desde os tempos da apocirp associação dos policiais civis da região de ribeirão preto e do sinpol o desabafo ficou por conta da reportagem feita com o delegado aposentado dr valido josé da silva para o qual o trabalho do policial civil se resumia em um cotidiano de riscos e péssimas condições de trabalho a principal reportagem da edição número 13 mostrou a luta de eumauri e demais integrantes da coligação das entidades de classe da polícia civil depois de vários meses se organizando e buscando o diálogo os sindicalistas finalmente foram recebidos pelo então governador mário covas que acabou prometendo um reajuste salarial para a categoria depois de quase dois anos sem qualquer reajuste na editoria herói anônimo o jornal mostrou algumas das muitas memórias do carcereiro Élio ferreira da silva à época com 78 anos de idade muito lúcido demonstrou orgulho pela carreira que trilhou e fez questão além de relembrar fatos marcantes de mostrar o diploma de conclusão do curso que o habilitou ao ingresso na instituição o jornal mostrou também a luta dos peritos e médicos-legistas na busca pela autonomia a perita maria márcia da silva kesselring falou sobre o encontro que manteve a esse respeito com o então secretário da segurança pública dr josé afonso da silva o delegado seccional de ribeirão preto à época dr moysés josé cocito estava de volta a seu posto após três meses de afastamento para concluir o curso que tempos depois o habilitaria chegar à classe especial como delegado de polícia entre suas propostas estava a de remanejar equipes e contratar mais policiais civis preenchendo as lacunas já existentes àquela época na relação de aniversariantes os nascidos em outubro como o investigador aposentado antonio pereira alvin que completa mais um ano de vida dia 18 de outubro a reportagem especial mostrou as nuances do trabalho de investigação onde o policial civil não podia e não pode desprezar o mínimo detalhe entre diversos profissionais ouvidos destaque para o trabalho dos investigadores dos vários setores que à época compunham a dig delegacia de investigações gerais um dos entrevistados nesta matéria foi o dr paulo pereira de paula que faleceu no dia 4 de agosto deste ano em são paulo após uma suposta tentativa de assalto ocorrida na marginal tietê leia matéria nesta edição hoje a especialização dos criminosos atingiu um ponto assustador e preocupante disse à época o delegado sobre os ladrões especializados em roubos e furtos de veículos em 1996 a estrutura da polícia civil ainda mantinha as delegacias regionais todas subordinadas ao então deinter departamento de interior o diretor do deinter era o dr luiz roberto ramada spadafora que havia sido delegado regional em ribeirão preto em setembro de 1996 ele visitou a cidade como diretor para fazer uma correição e avaliar as necessidades da instituição na região naqueles tempos o jornal mostrou ainda a homenagem que o vereador josé rubens vieira fez ao então presidente da associação dos aposentados de ribeirão preto izidro martin yove mostrou também o trabalho do sig setor de investigações gerais de sertãozinho na elucidação do homicídio de um advogado em ribeirão preto o jornal mostrou algumas mortes ocorridas durante a feapam uma feira agropecuária entre as vítimas estava o empresário josé adolfo bianco molina um dos donos de emissoras de rádio na cidade entre os policiais civis que integravam o setor de homicídios da dig a escrivã e atual secretária do sinpol kalinka cintra prado para encerrar o jornal uma série de convênios oferecendo benefícios para a categoria assim foi a edição número 13 do jornal do sinpol governador jornal do sinpol acena para aumento salarial reprodução da capa da 13ª edição do jornal do sinpol as lutas sempre foram constantes na história do sindicato e devidamente reportadas nas páginas do jornal que em 2013 completa 18 anos ininterruptos de circulação 14 novembro/2012

[close]

p. 15

sindicalismo em assembleia associados aprovam por unanimidade ingresso de mandado de segurança contra o governo para a incorporação de adicionais ao salário o presidente do sinpol eumauri lúcio da mata convocou os policiais civis associados ao sinpol para uma assembleia que foi realizada no dia 6 de novembro na sede social do sindicato foi a assembleia com um dos maiores públicos já registrados na história do sindicato a categoria compareceu em peso para opinar sobre uma ação buscando mandado de segurança contra o governo do estado com o objetivo de incorporar o ale adicional de local de exercício e demais benefícios ao salário do servidor durante o mês de setembro eumauri e outros diretores do sindicato reuniram-se com os advogados de campinas alexandre costa ferreira bueno e rafael pacela vailatte durante o encontro além dos advogados e de eumauri estiveram presentes os diretores kalinka cintra prado célio augusto santiago e júlio cesar machado os advogados explicaram aos sindicalistas os mecanismos para obter mandado de segurança nos mesmos moldes que conseguiram para policiais militares eles nos explicaram que o mandado de segurança tem grande possibilidade de sucesso se ingressada pelos associados do sinpol com isso pretendemos obter um mandado de segurança junto à justiça obrigando ao governo do estado a incorporar o ale pago em forma de abono ao salário base o quinquênio e a sexta-parte além do ale dos inativos os advogados são os únicos que já possuem acórdão ganho em segunda instância junto ao tj [tribunal de justiça explicou eumauri de acordo com o presidente do sinpol como a ação envolve custos ele convocou a assembleia nosso objetivo foi legitimar o ato se os associados consentissem teríamos toda a legalidade necessária para iniciar o processo e a aprovação foi unânime diante de um grupo enorme de companheiros que compareceu em peso e deu toda a legitimidade necessária ao nosso ato comemorou eumauri durante a assembleia os associados foram cientificados que a ação terá um custo unitário de r 20 ao final se houver ganho de causa a título de honorários dos advogados será descontado o primeiro mês de cada associado como a ação será movida pelo sinpol em nome de seus associados em caso de vitória somente quem for integrante do quadro associativo terá direito aos benefícios o sinpol vai patrocinar esta ação não é uma ação qualquer mas um mandado de segurança que uma vez definido a nosso favor e acredito que as chances sejam enormes obriga o governo a imediatamente integralizar os valores ao salário dos policiais civis associados se alguém deixar de ser sócio do sinpol neste período não terá direito ao benefício foi tudo devidamente explicado um assunto aliás mais do que dominado por todos os companheiros nós já vínhamos sendo procurados por um grande número de colegas alguns dos quais dispostos a ingressar com tal ação a aprovação unânime foi uma vitória do associado do sinpol e uma demonstração de apoio à nossa diretoria concluiu eumauri assembleia reuniu um grande número de policiais civis associados policiais civis dizem sim que ouviram atentamente às explicações sobre os trâmites feitas pelo presidente do sinpol eumauri e aprovaram por unanimidade dando legitimidade à proposta de ingressar com mandado de segurança que garanta incorporação de benefícios ao salário novembro/2012 15

[close]

Comments

no comments yet