JORNAL O MARISCO 10

 

Embed or link this publication

Description

Uergs tem novo curso em Cidreira / Entrevista com o Vereador Cândido autor da Emenda na Lei do Conselho Municipal de Cultura / Perspectivas Metodológicas em Pesquisa por Humberto Cunha / Jogos Raulinos / Amnésia / Falta de Transparência desclassifica o CT

Popular Pages


p. 1

uergs tem novo cursosendo implantada a partir de 2004 em cidreira tecnologia em recursos pesqueiros é a faculdade que estará a uergs unidade cidreira estará implantando um novo curso tecnologia em recursos pesqueiros segundo o reitor da uergs nelson boeira a universidade estadual resolveu enfatizar o desenvolvimento econômico regional a idéia é que os alunos depois de formados permaneçam na região disse boeira o novo curso oferecido tem a finalidade de ajustar-se ao desenvolvimento das potencialidades locais entendo o litoral gaúcho como um grande centro de recursos pesqueiros e sabedores que ainda não foram exploradas todas as suas potencialidades o estado pela sua universidade oferece este curso de que formará tecnólogos em recursos pesqueiros para que venha a preencher uma lacuna importante e alavancar o conhecimento e o desenvolvimento científico das possibilidades da produção pesqueira no litoral as inscrições para o vestibular da uergs estão abertas as inscrições para o vestibular 2004 da universidade estadual do rio grande do sul uergs estão abertas até o dia 7 de novembro as provas ocorrerão de ocorrerão nos dias 17 e 18 de janeiro na unidade cidreira os candidatos poderão utilizar o site da universidade www.uergs.edu.br as agências do banrisul ou diretamente na unidade para fazer as inscrições a uergs oferece 40 vagas em cidreira maiores informações sobre o curso e vestibular 2004 em cidreira podem ser obtidas pelo fone 681-2369 participe prazo de entrega atÉ 20 de novembro curso tecnologia em recursos pesqueiros inscrições 20/10 à 07/11 taxa r 55,00 provas 17 e 18/01 fone 681.4679 o resultado das eleições no raul pilla e na herlita pág.6 confusão no resultado desclassifica piazito tarde nebulosa de outubro chuva fina com vento no posto 24 horas uma criança aos prantos no colo da vó a equipe do posto lutava para retirar os bichos-de-pé já era terceira vez que a menina ia ao posto para tal procedimento a criança gritava todos ao redor estavam aflitos os pés cheios de bicho sangravam as lágrimas da criança se misturavam ao sangue derramado no chão alguém pergunta não é melhor anestesiar o pé da menina não temos mais nenhum anestésico respondem deram morfina para a criança ela estava com dor Última página criança mal tratada é coisa da bruxa malvada 1 É um concurso literário aberto à toda a comunidade esta atividade tem por objetivo a criação de um espaço de registro incentivo valorização e divulgação dos escritores de cidreira 2 para participar basta enviar a sua criação para a redação de o marisco rua cauby da silveira 286 ou levar a um dos postos autorizados escola raul pilla weiss informática e cidrelar a sua produção literária deverá estar em um envelope fechado com o seu nome endereço e telefone 3 você pode concorrer nas categorias contos crônicas lendas história e estórias praieiras 4 todas as criações devem ter temática praieira ambientadas em cidreira ou no litoral 5 as criações devem ser inéditas ou seja não podem ter sido editadas 6 as criações literárias classificadas serão editada no caderno histórias para ler na praia que estará encartado no informativo o marisco nas edições de novembro/2003 à fevereiro/2004 7 a participação é gratuita.

[close]

p. 2

pág.2 primavera de 2003 opiniÃo o marisco a coluna do luli a revisÃo epistemolÓgica desgastados estão os paradigmas da cultura única e representativa do modelo estereotipado que de forma massiva quer representar todas as aldeias de todos os povos de um determinado universo a sujeição da cultura popular das ocas ao poder da cultura científica da técnica das industrias a desintegração dos doutos donos de todas as verdades e o ressurgimento do bater de tambores no centro das tribos anunciam a necessidade de uma revisão no significado das palavras o entendimento do cotidiano hoje exige que as palavras digam mais do que dizem tomem significados outros que não os concebidos pelo modelo científico encravado na mente humana desde a ascenção da sociedade industrial contemplando o desenvolvimento espetacular da ciência no século xix o modelo de cultura implantado no novo mundo vem acompanhado de um discurso da impossibilidade do reconhecimento de uma cultura autóctone vivida pelo mundo descoberto de forma imperialista destroem culturas e dão almas aos pobres e incivilizados viventes originais da nova terra a evolução civilizante leva a desmistificação e a desdogmatização à favor da maior de todas as verdades chamada de ciência as verdades devem ser cientificamente comprovadas Á ciência são imputados todos os valores e pelo caminho da ciência a humanidade chegaria a luz na busca de um mundo melhor mais humano teremos que lançar mãos de outras palavras capazes de dizer aquilo que essas e outras não dizem boaventura dos santos destruindo dogmas a humanidade criou o dogma da ciência que chegou ao século xxi sem solucionar alguns dos principais problemas humanos o verdade escancarada do aumento das desigualdades sociais a fome a miséria e a natureza morta pintada pela sociedade científica industrial levou o pensamento a duvidar das soluções até então encaradas como obras primas as diferenças furam os olhos do discurso globalizante e unificador um só rebanho um só pastor está caído por terra amassado pelas cores diversas das atitudes culturais das tribos planetárias que buscam a sua identidade de forma original uma igualdade que saliente as diferenças diz o sociólogo português boaventura dos santos um multiculturalismo que obrigue a geração intermitente de debates sem tréguas à intolerância palavras novas que revelem novos pensamentos ou essas palavras com outro entendimento epistemológico o inss e a cidadania por iniciativa da presidência da câmara de vereadores do sindicato dos funcionários públicos municipais e da associação dos profissionais de enfermagem realizar-se-á nos dias 03,04 e 05 de dezembro de 2003 na câmara de vereadores o curso de formadores em previdência social uma realização do instituto nacional de seguro social inss numa realização do comitê regional de programa de educação previdenciária da gerência executiva de canoas gerencia esta que abrange todo o litoral mais uma oportunidade para que em cidreira mais pessoas tenham conhecimento de como funciona a previdência social e que possam informar o que precisa para aposentadorias benefícios serviço e assistência social conferÊncia das cidades está acontecendo em todo o brasil a conferência das cidades algo nunca antes feito em nosso país e nos municípios estados e agora em brasília esta se discutindo as cidades e o que é melhor para o desenvolvimento e conseqüentemente dos cidadãos nestas conferências serão discutidos problemas como a regularização fundiária desenvolvimento sustentável meio ambiente e outros problemas que atingem o cidadão no dia a dia estive presente na conferência municipal e estadual como delegado da amlinorte associação dos municípios do litoral norte quando coloquei em discussão temas como a já mencionada regularização fundiária e o spu que tanto nos atinge e tentei e penso que consegui passar ao ministro das cidades olívio dutra as nossas demandas agora é torcer para que tudo dê certo e a conferência alcance as metas desejadas cultura do troca-troca como já mencionei em outras ocasiões as nossas culturas deveriam ser para o bem e aí cidreira desenvolveria como a maioria dos municípios com a participação da comunidade e seria cultura do bem mas agora criou-se em nosso município a cultura do troca-troca o troca-troca de partido troca-troca de marido troca-troca de mulher troca-troca de secretário e eu penso que deveria-se fazer o trocatroca de pensamentos onde só se trocaria um pensamento por outro que fosse melhor para o município e para a comunidade será que não está na hora do troca-troca de administração associação de cultura do litoral associação casa de cultura do litoral cnpj o3.671.776/0001-02 este informativo é um equipamento de comunicação comunitária da acl e accl rua cauby da silveira n° 286 cidreira rs cep 95.595-000 fone 51681-3456 98226998 e-mail omarisco@terra.com.br nÃo editamos matÉrias pagas coordenação geral ivan therra direção liziane barbosa este informativo É produzido editado e diagramado em cidreira expediente escritÓrio do luli regularizaÇÕes documentaÇÃo imobiliÁria contratos de aluguel contratos de compra e venda recibos escrituras fone 91887084 av nordeste 986 sala 04

[close]

p. 3

o marisco tarrafadas primavera de 2003 pág 3 olha sÓ a mÁquina de trocar cabeÇa estÁ na praia grupo de danças os praieiros da escola raul pilla estará representando cidreira no i festidança na facos em osório tá na rede vereador cândidopfl fez aprovar emenda que anula o artigo que discriminava cidadãos em cargos eletivos de participar do conselho de cultura tá na rede a vencedora do concurso garota estudantil promovido pelo grêmio de alunos da escola raul pilla é a graziela a garota destaque é priscila e a garota simpatia é a karolina tá na rede o v festival de talentos da escola raul pilla será no dia 30 de outubro no auditório municipal tá na rede dnj dia nacional da juventude em santo antônio da patrulha estarão representando a música da praia os músicos jociel lima mestre julinho badá do túnel e lutiano weiss tá na rede a banda chimarruts estará no dia 28 na escola herlita ministrando uma oficina de música para os componentes do projeto musical da escola tá na rede eleições diretas para a diretoria das escolas estaduais a participação da comunidade escolar foi um exemplo de democracia tá na rede ctg piazito do litoral apresentou com propriedade mostrou categoria e qualidade ao representar nossa cidade na macro regional do enart tá na rede a pizza do alternativa é uma delícia vale a pena provar tá na rede parabéns à escola herlita teixeira no mês de seu aniversário tá na rede associação amigos do pinhal proporcionou à sua comunidade importante momento de ação cidadã articulando a vinda da prevmÓvel unidade móvel do inss para o balneário pinhal tá na rede curso de formadores em previdência social dias 03,04 e 05 de dezembro na câmara de vereadores de cidreira uma promoção da câmara de vereadores sindicato dos funcionários públicos municipais de cidreira e associação dos profissionais de enfermagem participe tá na rede onda nos dias 15 e 16 de novembro a paróquia n sra da saúde estará promovendo mais um onda em nossa comunidade tá na rede mais um curso superior da uergs unidade cidreira tecnologia em recursos pesqueiros tá na rede executivo municipal realiza obra de canalização do arroio no trevo do ginásio a obra vai melhorar o aspecto da entrada da cidade tá na rede projeto da casa de cultura está pronto e será enviado para apreciação técnica do ministério da cultura em brasília tá na rede vereador ogando está realizando encontros para ouvir a comunidade do balneário pinhal e está usando a tribuna para dar voz as reivindicações colhidas tá na rede cdl de cidreira estará realizando uma promoção especial de final de ano com prêmios muito bons para incentivar o consumo nas lojas de cidreira tá na rede leovani carvalho do túnel verde conquistou o troféu de 2º lugar em gaita ponto no rodeio de araranguá em santa catarina tá na rede a horta comunitária do seu amândio é um espetáculo tá na rede mas eles trocam pelo que pela pouca estrutura apresentada estão cada vez mais desacreditados os eventos e concursos promovidos pela prefeitura municipal rasgou a rede não existe local apropriado em cidreira para a realização de eventos que abriguem um grande público rasgou a rede interditados o prédio da sapc do cpc e ginásio municipal rasgou a rede ainda não saiu a reunião solicitada há três meses pela associação de cultura com o diretor municipal de cultura o sr caio rodrigues deve andar muito ocupado para não poder atender a comunidade cultural de cidreira rasgou a rede executivo municipal ainda não marcou a data da reunião para a composição do conselho municipal de cultura rasgou a rede confusão no enart causada pela contagem de pontos nas planilhas mais uma vez tiram o ctg piazito do litoral da grande final rasgou a rede a conta da luz continua claramente cobrando a taxa de iluminação pública mas as nossas ruas continuam na maior escuridão rasgou a rede uergs está impedida pela lei de participar do conselho municipal de cultura e nenhum vereador notou isso rasgou a rede o cdl que prega o fortalecimento das lojas e instituições de cidreira faz promoção de prêmios e discrimina o marisco na divulgação rasgou a rede não haverá vestibular para o curso de pedagogia na uergs unidade cidreira o fato frustrou as expectativas de grande parcela da comunidade rasgou a rede diretor municipal de cultura há meses no cargo ainda não conseguiu apresentar nenhum projeto para a classe cultural de cidreira rasgou a rede computador da biblioteca continua sendo só de enfeite rasgou a rede cresceu o número de arrombamentos e roubo de portões e cercas de alumínio se estão roubando é porque alguém está comprando rasgou a rede!

[close]

p. 4

pág.4 primavera de 2003 cidadania o marisco edital de convocaÇÃo pelo presente edital de convocação a comissão executiva municipal do partido do movimento democrÁtico brasileiro de cidreira rs convoca todos os seus filiados com direito a voto para a convenÇÂo municipal a ser realizada em 26 de outubro de 2003 nas dependências da cÂmara municipal de vereadores na rua bezerra de menezes nº 15 neste município com início às 9 horas com término às 17 horas para deliberar o seguinte ordem do dia a eleição dos membros do diretório municipal b eleição dos membros do conselho de Ética e disciplina partidária À partir das 17:00 às 19:00 apresentação e eleição das chapas c eleição da comissão executiva municipal e do conselho fiscal eleição dos delegados à conveção estadual e seus respectivos suplentes cidreira 06 de outubro de 2003 mÚsica danÇa a música e a dança são como almas gêmeas é a exteriorização dos estados anímicos é o prazer do movimento do corpo e da alma é a arte de fazer o corpo falar é a capacidade de trafegar pelas diferentes modulações musicais é o sincronismo da música com o corpo a música nos leva pelo mundo dos sonhos e faz com que o corpo levite embalado pela melodia contagiante de uma canção É o que sinto na música afro-brasileira do grupo kikumbí e ivan therra essa música praieira que fala sobre a cultura e enfatiza a importância da contribuição do negro na história e na formação da identidade litorânea ivan therra em sua poesia musicada procura contar o que não está nos livros e com seus tambores e massacaias ao som contagiante faz com que o público cante dance e pule até os mais tímidos esboçam um dançar desajeitado embalados por essa espontânea prazerosa e criadora musicalidade do grupo esta forma gostosa de abordar a história do povo praieiro por meio de espetáculo e música faz desse grupo incomum extraordinário um dos maiores conjuntos do nosso litoral ivan therra esse excelente cantor além de músico historiador e autor de letras sobre a cultura afro-brasileira tem contribuido e muito com a população cidreirense resgatando a cultura e a musicalidade do povo praieiro a sua envolvência com o meio universitário e escolar tem colaborado para o referencial cultural de nossa cidade parabéns ivan therra e grupo kikumbi carlos m.s silveira acadêmico da uergs agora secretária diz que lei não é ética a composição do conselho com a emenda do legislativo ficou com quatro conselheiros indicados e apenas três eleitos isto não é ético uma vez que o percentual de conselheiros eleitos e inferior ao de indicados disse a secretária de educação marlinda pacheco em função desta questão a lei está sendo analisada pelo jurídico municipal e se for necessário a secretaria vai propor uma nova redação quando cheguei aqui perguntei onde estavam os conselhos disse a secretária que está acostumada a trabalhar com conselhos mas os conselhos municipais estavam na sua maioria inativos ou não existiam imediatamente tratei de colocar os conselhos em funcionamento já foram compostos os conselhos de educação que tem a professora ivete purim por presidente e o conselho de desporto que está sendo composto o conselho de cultura já foi criado estamos esperando o parecer do jurídico para convocar os segmentos culturais da comunidade para proceder a eleição do conselho de cultura acrescentou a secretária É objetivo da secretaria de educação chegar ao fim do ano com todos os conselhos de sua área funcionando sobre as questões relativas a não contemplação de vários segmentos da comunidade cultural inclusive a não inclusão da uergs na lei que criou o conselho a secretária disse que para o ano que vem a lei poderá ser reformulada visando ajustá-la de acordo com as necessidades da comunidade em duas semanas a secretaria estará isto não é ético uma vez que o percentual de conselheiros indicados é superior ao de eleitos marlinda pacheco convocando para a composição do conselho a biblioteca a fitoteca e o memorial a secretaria de educação está estruturando a fitoteca municipal e o memorial de cidreira que funcionarão junto à biblioteca a secretaria de educação estará disponibilizando uma sala para o departamento municipal de cultura nossa biblioteca está com um acervo excelente temos livros de autores altamente qualificados quanto ao fato de até agora a biblioteca pública ainda não emprestar livros para a comunidade levar para casa a secretária salientou até nas faculdades os livros somem precisamos criar um cadastro com muito critério para que não ocorra a perda de todo o acervo temos uma o chamamento para a composição dos conselhos será feito por ofício à todas as instituições culturais de cidreira marlinda pacheco até nas faculdades os livros somem precisamos criar um cadastro com muito critério para que não ocorra a perda de todo o acervo população flutuante e uma fixa as vezes fica difícil identificar mas a biblioteca está aberta e os livros à disposição da comunidade para que sejam usados dentro do espaço da biblioteca a casa de cultura o projeto da casa de cultura está pronto e m breve será levado para a apreciação técnica do ministério da cultura em brasília em princípio a casa de cultura terá local no prédio da antiga sapc que será restaurado com verba proveniente do governo federal alguns documentos estão sendo providenciados pela secretaria de educação para que o projeto de restauração do prédio e instituição da casa de cultura possa ocorrer o mais breve possível rua 12 2286 na esquina com av giácomo carniel

[close]

p. 5

o marisco cidadania primavera de 2003 pág 5 o marisco abre este espaço de entrevistas com o objetivo de evidenciar de modo direto pensamentos e atitudes buscando opiniões relativas ao desenvolvimento de nossa comunidade cidreirense para inaugurar o espaço convidamos o vereador dr cândido pfl por ter sido o único vereador a apresentar emenda à lei que criou o cmc conselho municipal de cultura o marisco por que o vereador apresentou emendas a lei que criou o conselho municipal de cultura ver cândido porque em seu art 5º havia um texto discriminatório que impedia qualquer pessoa com cargo eletivo de participar do conselho com a minha emenda foi eliminado este artigo o marisco o senhor acredita que algum vereador queira participar do conselho de cultura ver cândido acredito que sim mas principalmente acho que o fato de eu ou qualquer vereador ter sido eleito pela comunidade não pode ser causa de impedimento a minha participação em qualquer conselho o vereador é eleito não só para estar na câmara legislando mas para participar ativamente de todas as atividades da comunidade que forem possíveis o marisco o senhor propôs o acréscimo de um elemento no conselho indicado pelo legislativo alterando inclusive o número de componentes do conselho que antes eram seis agora são sete os conselheiros ver cândido acredito que o legislativo deva ter um representante no conselho ainda mais no de cultura que irá tratar das nossas origens o poder legislativo irá indicar um elemento para compor o conselho independente de ser vereador ou não o marisco a lei diz que dos seis conselheiros três são indicados pelo executivo ou seja 50 do conselho é nomeado em nenhum outro conselho municipal ou estadual o número de indicados é tão expressivo sendo eleitos pela comunidade apenas três conselheiros o senhor não acha que desta forma o conselho fica pouco representativo ver cândido a lei criou o conselho como não trata de despesas para o executivo o legislativo poderá apresentar possíveis modificações o marisco a lei determina que dos três conselheiros eleitos pela comunidade o primeiro representará as escolas o segundo os ctg s e o terceiro as ong´s com esta formação a lei deixou de contemplar os ativistas culturais ou seja as pessoas que realmente trabalham com a cultura dentro da comunidade por exemplo a classe dos artesãos dos poetas dos músicos dos escritores do teatro e dos artistas plásticos todos juntos só poderão eleger um representante desfigurando o objetivo do conselho ver cândido a lei possui falhas em sua redação que poderão ser melhoradas a partir da ação dos vereadores que apresentarão emendas ao proposto pelo executivo temos aqui um aspecto que me escapou a lei fala em um representante dos clubes de serviço isto é uma falha porque aqui em cidreira só existe o rotary como clube de serviço e neste caso a lei é dirigida e contempla apenas um segmento da sociedade mas o mais importante é que a lei existe e o conselho está criado o marisco o senhor não acha que isto é nivelação por baixo mais uma vez a comunidade tem que ficar satisfeita com o que foi proposto aceitando tudo o que venha não importando a qualidade para fazer uma lei que realmente contemple a comunidade cultural e uma lei tendenciosa o trabalho não é o mesmo ver cândido este conselho não iria ser criado só foi porque o executivo conseguiu uma verba do ministério da cultura já temos a lei aprovada agora vamos tratar de compor o conselho e no caminho ajustar a lei de acordo com as reais necessidades da comunidade a criação da lei que é de responsabilidade do executivo é positiva cabe agora aos vereadores adequa-la para que contemple de forma mais eficaz todos os segmentos culturais de nossa comunidade o marisco considerações finais ver cândido já temos o conselho de cultura e isto é muito bom agora vamos tratar de fazê-lo funcionar com a participação do legislativo poderemos melhorá-lo bastante acredito que juntos poderemos trabalhar para o desenvolvimento cultural de cidreira fala cidreira está em andamento na escola raul pilla o projeto pedagógico denominado fala cidreira este projeto visa atingir a comunidade escolar alunos e familiares com a finalidade de conhecer suas necessidades carências avaliações sugestões tudo no âmbito da escolaridade moradia serviços disponíveis prioridades etc como foi prometido pelos professores que estão executando o projeto que os dados apurados seriam informados à comunidade o marisco estará divulgando os resultados do projeto e socializando as informações obtidas à partir da próxima edição desta forma a comunidade poderá com as informações se conhecer ainda melhor.

[close]

p. 6

pág.6 primavera de 2003 comunidade o marisco perspectiva metodolÓgica em pesquisa humberto cunha ii ­ vínculos conexões articulações carlo ginzburg em seu livro el queso y los gusanos estuda a ação da inquisição contra o camponês friulano menocchio na expectativa de estabelecer conexões para diversos pontos da sociedade evidenciando generalidades de uma época menocchio não fundou qualquer seita herética não teve seguidores sequer na sua família e a sua aldeia não tinha significação na geografia econômica e política entretanto por duas vezes o santo ofício voltou-se contra ele prendendo por longo tempo na primeira e mandando-o para a morte na segunda sobre menocchio pronunciaram-se padres o bispo o cardeal de santa severina até o papa envolveu-se com o caso do camponês el jefe supremo de catolicismo el papa clemente viii en persona bajaba su mirada hacia menocchio convertido en miembro infecto del cuerpo de cristo y exigia su muerte por quê o papa se ocuparia de menocchio no mesmo trecho um pouco mais adiante ginzburg nos dá a chave do mistério por aquellos mismos meses finalizaba en roma el proceso contra un ex fraile giordano bruno naquele instante portanto havia uma vigilância da igreja sobre a sociedade desde a intelectualidade até os camponeses cruzavam-se as formas de interpretar e de viver o mundo dos que estavam próximos à cultura do clero e dos que sobreviviam nos porões da sociedade e isto gelava de pavor as classes dominantes as idéias que menocchio expressava na sua rudeza circulavam de forma mais sofisticada nos salões dos nobres e na universidade e conquistavam adeptos entre a camada culta italiana era intolerável para a igreja que seus dogmas fossem desafiados numa transversalidade entre as classes ginzburg vai tecendo pacientemente uma complexa rede de fatos conexos num processo espiralado de fornecimento de informação a região do friuli após 1550 possuía ainda características arcaicas muy marcadas nos últimos cinqüenta anos a nobreza local havia se dividido em dois partidos os zamberlani e os strumieri respectivamente pró e contra o domínio de veneza en esta discordia entre facciones nobiliárias se insertó una violentísima luta de clases há notícia de que em 1508 camponeses reuniam-se em complôs de até duas mil pessoas proferindo algunas palabras nefandísimas y diabólicas y muchas palabras malsonantes ou seja comentavam a possibilidade de esquartejar bispos e nobres em 1511 efetivamente houve revolta e matança de nobres de ambos os partidos e incêndio de castelos reprimidos os camponeses pela força militar da nobreza acentuou-se nas décadas seguintes a tendência do apoio de veneza aos camponeses do friuli contra a nobreza local assim tomou vulto a contadinaza organismo camponês investido nas funções de fiscal de tributos e de milícia local alterando a correlação de forças até então favorável aos nobres no parlamento perdendo eficácia suas leis anti-camponesas perigava o feudalismo sobrevivente na região evidente por exemplo nas leis que proibiam à plebe capturar perdizes ou lebres para seu alimento de modo que as mesmas pudessem manter-se abundantes para o esporte da caça por parte dos senhores o princípio da legalidade corporativa nobiltária ficava em perigo se a uma lei promulgada pelos nobres os camponeses podiam tomar medidas em sentido contrário quando menocchio fazia afirmações de que cristo era tão filho de deus quanto maomé mas não mais que isto apenas um profeta entre outros profetas ele não estava realmente interessado em fazer pregação luterana ou anabatista ou islâmica como os inquisidores queriam crer na verdade ele apenas repetia uma visão inconformista do campesinato local contada e recontada nas famílias geração após geração contra o juízo supremo que os padres exerciam sobre a vida cotidiana quando afirmava que os padres dominavam todos os bens materiais ele estava representando um sentimento popular indignado contra a morte do camponês pela fome e pelas privações havia uma efervescência de novas seitas e novas religiões na europa contestatórias ao poder eclesiástico da igreja católica tradicional e enraizado mas havia igualmente uma efervescência ideológica e política que já lançava os primórdios do liberalismo a imprensa recém surgida colocava ao alcance do povo a bíblia em versão popular além de comentários bíblicos não autorizados pelo papa ou pelos bispos católicos como o florilégio de la biblia e ainda relatos fantásticos ou fantasiosos sobre as terras americanas fazendo renascer mitos ancestrais sobre o retorno do paraíso perdido baixando de um céu inalcançável para um chão que se pode pisar a idade de ouro de um passado remoto deslocava-se para o futuro e já podia ser presenciada nas terras do novo mundo esse vago sentimento de que a transposição do oceano e a descoberta de um paraíso na terra ­ proporcionadas pelas ciências do mundo cristianizado da europa impulsionadas pela matemática árabe ­ deitava por terra dogmas pregados pelos teólogos entre os quais aquele de que o mundo se acaba logo adiante da europa e o mar se derrama num imenso abismo e abria espaço para a contestação de outros dogmas inclusive dos dogmas seculares da submissão do camponês ao senhor da terra e do povo à nobreza padres e bispos sentiam perigar a sua forma de viver apegados aos valores mundanos e à luxúria das cortes enquanto recomendavam aos pobres moderação resignação paciência em troca de um mundo de graça após a morte as falas tradicionais que menocchio repetia punham em risco a atualidade do feudalismo prático que continuava a existir no friuli e os dignitários da igreja sendo eles mesmos senhores de terra e gente sentiam abalar-se o mundo que haviam minuciosamente durante gerações de prelados haveria nesse campesinato semi-analfabeto que propunha uma interpretação bíblica baseada num materialismo tosco e ingênuo contra o refinamento dos doutos teólogos que acumulavam saberes provindos de um período anterior ao próprio cristianismo e até ao judaísmo a linha de tempo na qual se criaram os privilégios intelectuais e materiais do estamento eclesiástico estava em risco de extinguir-se É certo que menocchio não era o único camponês-intelectual da campanha italiana uns vinte anos antes de iniciado o seu processo um outro camponês escondido sob o pseudônimo de scolio havia redigido um longo poema tratando de temas morais e religiosos intitulado settenario o qual segundo ginzburg parecia influenciado pela obra de dante e afirmava explicitamente como tese central que las diversas religiones poseen un núcleo común constituído de los diez mandamientos a teimosia daquele moleiro em fazer e em propagar a sua própria interpretação das escrituras quebrava o monopólio das camadas subalternizadas da sociedade esse princípio ainda menocchio não se desse conta disto deslocava a luta de classes dos bosques onde se disputava a caça para o plano superestrutural da construção da cidadania professor da uergs aluguel venda compra construção fone 681.5030 rua 1a nº 712 frente ao mar salinas

[close]

p. 7

o marisco comunidade pág.7 verão de 2003 uma vitÓria os jogos raulinos a maior vitória foi da comunidade escolar da escola raul pilla durante os dias 8,9 e 10 de outubro o esporte invadiu a escola e todos os alunos foram envolvidos pelo espírito esportivo as competições os atletas e as torcidas liberaram toda a adrelina e coloriram de glórias as dependências da escola foi uma grande festa do esporte e da comunidade raulina amnésia ii tudo dentro da normalidade o esquecimento faz parte das minhas memórias não lembro o que estava escrevendo e muito menos onde havia parado mas ao encontrar minha prancheta que havia esquecido onde estava achei uma folha escrita amnésia ii deduzi que eu escrevia sobre minha cidade na minha amada amnésia as coisas estão todas dentro da normalidade as pessoas continuam esquecendo de tudo alguns funcionários da prefeitura de amnésia receberam ordens para arrumar as ruas que estavam esburacadas obra considerada essencial pela comunidade mas esqueceram o que tinham que fazer e resolveram arrumar o telhado da prefeitura estava eu caminhando pelas esquecidas ruas de amnésia quando vi um cartaz que rolava pelo chão porque alguém esqueceu de pregar o cartaz não foi feito por um amnesiano senão teria esquecido de fazer o cartaz convidava para a escolha da rainha da festa estadual do daquele bichinho que vive no mar e ao invés de cérebro tem merda na cabeça ah esqueci o nome só sei que a agitação foi grande as pessoas começaram a chegar logo cedo a alegria rolava solta todos se divertiam e festejavam muito aos poucos começaram a esquecer que estavam em uma festa não sabiam mais o que estavam festejando e nem porque estavam alí terminaram por ir embora lá pelas tantas um cidadão amnesiano que de tão bêbado havia dormido alí mesmo acorda e se espanta quando percebe que está sozinho olha ao redor e percebe que alguma coisa havia sido esquecida em cima da passarela onde iriam desfilar as candidatas era uma marmelada notou ainda que em cima da mesa onde estaria o corpo de jurados haviam esquecido uma panela pensou quem traria uma marmelada para a festa será que é de alguma candidata ou o responsável pela marmelada é a organização da festa e a panela ficou tão confuso que saiu procurando o dono pelas ruas correndo e gritando marmelada panela o esquecimento aflorou tanto que o exrei esqueceu que não era mais rei e começou a despachar no palácio acabou despachando a rainha a rainha esqueceu do ex-rei e despachou com o secretário e a oposição esqueceu de fazer oposição e trocaram de lado e a situação ficou embaraçada ah já ia esquecendo mas tudo está dentro da normalidade por e-mail martielli weiss eleiÇÕes nas escolas estaduais as nossas duas escolas estaduais estiveram em processo eletivo no dia 21 de outubro a participação democrática e o direito ao voto e o exercício cidadão por parte dos alunos professores e pais de alunos ratifica a representatividade dos novos diretores eleitos para gestionarem as escolas estaduais de cidreira o resultado em cada uma das escolas estaduais foi o seguinte escola estadual de ensino básico raul pilla diretor eleito o professor enio leal concorreu em chapa única à reeleição para o cargo de diretor da escola obteve um percentual de 83 de aceitação escola estadual de ensino fundamental herlita teixeira diretora eleita professora solange a professora solange elegeu-se com um total de 396 votos ambos os pleitos ocorreram dentro da normalidade onde mais uma vez a grande vitoriosa foi a democracia foi o guarda da escola na grande maioria das cidades uma das maiores preocupações é com o trânsito nas proximidades das escolas o grande número de alunos principalmente as crianças saem da escola correndo e brincando ainda que haja um alerta dos professores e dos pais as crianças pouco prestam atenção no trânsito correndo sério perigo algumas de nossas escolas estão situadas na cara da avenida agravando ainda mais a questão seria muito bom se a prefeitura utilizasse aqueles cones coloridos usados nas escolas de poa isto ajudaria muito sugeriu o amigo guarda pm da escola estadual herlita silveira teixeira cidreira é uma cidade turística mas não possui uma praça sequer os espaços que deveriam ser praças local de lazer e conforto para a nossa comunidade são verdadeiros terrenos baldios o que deveria ser uma praça ao lado do posto 24 h é um exemplo de abandono mesmo que os moradores vizinhos façam de tudo para transformar aquilo em uma praça o poder público que seria o responsável não dá a mínima importância cidade turistica sem praças advogados

[close]

p. 8

falta de transparência desclassifica o piazito planilha apontava vitória do piazito mas inexplicavelmente mudou mais uma vez como há nove anos atrás o ctg piazito do litoral de cidreira foi vítima da falta de organização e da transparência no resultado final da macro-regional que indicou os sete ctg s classificados para a grande final do enart em santa cruz do sul quando o resultado foi anunciado o piazito constava como desclassificado mas quando as planilhas foram fixadas no mural a nota conquistada pelo piazito era maior que a do sétimo colocado o que daria evidentemente a classificação ao nosso ctg porém quando o piazito foi reclamar as planilhas foram recolhidas e o caso ficou para ser decidido pela comissão organizadora posteriormente em poa de poa sem a participação de nenhum representante do piazito veio o veredito dizendo que haviam procedido uma recontagem de pontos e que casualmente o nosso ctg estava mais uma vez fora da grande final do enart consertos de aparelhos eletrônicos de garantia rua josé pila 21 fone 681-2503 vez a desclassificação de nossa instituição este tipo de confusão na contagem ou na apresentação dos pontos nas planilhas só fazem depor contra a organização do evento e os elementos que compuseram o corpo de jurados o resultado é matemático é exato qualquer confusão neste sentido faz revelar a falta de transparência na condução do processo a macro regional é uma atividade do mtg que serviu para mostrar a fragilidade dos critérios e a fraqueza de prestígio da coordenadoria da 23ª região tradicionalista no ano passado o piazito foi desclassificado e as planilhas também sumiram os peões e prendas da invernada adulta do piazito não tiveram acesso à planilha que passou somente pelas mãos do então patrão e depois sumiu sem que se pudesse ver onde estavam as notas baixas que desclassificaram na época o nosso ctg agora quem consome com a planilha que dava o resultado de classificação ao piazito foi a própria organização do evento uma lástima pois isto envolve a perspectiva de vários jovens de nossa comunidade que mais uma vez saem frustrados pela falta de transparência no critério e no processo da macro regional isto que estávamos em nossa casa que é a 23ª região tradicionalista É inaceitável que fatos como esses continuem ocorrendo mas infelizmente parece que nós estamos cada vez mais nos acostumando com atitudes processos eletivos concorrências e concursos que tenham seu processo envolto em névoas sem nenhuma transparência e acabamos simplesmente aceitando a 23ª região tradicionalista não teve prestígio suficiente para exigir que a recontagem fosse feita no local imediatamente após constatado o ato falho a falta de iniciativa da coordenadoria da 23ª região e a inocência da coordenadoria do piazito em aceitar a prorrogação da decisão levaram mais uma lei da cultura exclui ativistas culturais da comunidade a lei que criou o conselho municipal de cultura aprovada pela câmara de vereadores prevê um conselho composto por sete elementos sendo que destes quatro são indicados três pelo executivo e um pelo legislativo e apenas três são eleitos pela comunidade ou seja a maioria do conselho não passa pelo voto popular caracterizando aspectos de tirania o executivo e o legislativo ao aprovarem a lei da cultura esqueceram dos ativistas culturais das pessoas da comunidade que realmente fazem cultura em nossa cidade são citados na lei os clubes de serviço de cidreira porém nossa cidade só tem um clube de serviço o rotary o que significa que o texto é tendencioso e dirigido para beneficiar esta instituição enquanto a lei cita o rotary esquece da uergs produtora de conhecimento que pela lei é impedida de se fazer representar no conselho de cultura a lei indica um representante da secretaria de turismo no conselho de cultura mas o executivo não cria um menina fazendo rede é cultura popular conselho municipal de turismo a lei indica um representante das escolas no conselho de cultura e esquece que as escolas são representadas pelo conselho de educação enquanto isso a classe dos escritores pesquisadores artesãos poetas artistas plásticos do teatro das artes visuais músicos e compositores fazedores de cultura da comunidade poderão eleger apenas um representante contra seis de outras classes não ativistas culturais dentro do município e os fazedores de redes de tarrafas cultura popular identificada com a comunidade nem de longe foram citados e os vereadores também indicam um e aprovam a lei.

[close]

Comments

no comments yet