tipologia biblica

Embed or link this publication

Popular Pages


p. 1

pr joão antônio de souza filho

[close]

p. 2

cetadeb tipologia bíblica s u m Á r io l iç ã o l a b íb lia eostipos 11 definindo o que É tipo 16 o desenvolvimento do conceito no n t 20 como os primeiros cristÃos recorreram aos tipos do a t para explicar os acontecimentos do n t 20 usando figuras e alegorias 32 atividades liÇÃo 1 41 liÇÃo ii figuras e alegorias 43 figuras em hebreus e apocalipse 54 gÊnesis e seu complemento no apocalipse 67 atividades liÇÃo 71 liÇÃo iii os nÚmeros e elementos da bÍblia jesus cristo nos salmos 73 o sentido espiritual dos nÚmeros e de elementos da bÍblia 75 o sentido espiritual de alguns elementos 82 vendo cristo nos salmos 87 atividades-liÇÃo iii 104 liÇÃo i v figuras de linguagem 105 atividades liÇÃo iv 129 liÇÃo v as figuras do zodÍaco À luz da bÍblia 131 atividades-liÇÃo v 155 referÊncias bibliogrÁficas 157 9

[close]

p. 3

cetadeb tipologia bíblica

[close]

p. 4

cetadeb tipologia bíblica a bÍblia e os tipos estudo de tipos antítipos e símbolos da bíblia se constituem numa das matérias mais impressionantes para o estudante da bíblia porque esta matéria é como uma janela que se abre para o grande universo da bíblia permitindo que o estudante interprete os en símbolos tipos e analogias se o estudante não obedecer a certos critérios e regras de interpretação bíblica poderá incorrer em erros interpretativos por exemplo ao falar da igreja como noiva de cristo e das bodas do cordeiro a comparação serve apenas para que o estudante entenda a unidade entre cristo e a igreja ou o amor de cristo por seu povo assim como o noivo anela encontrar a noiva cristo anela encontrar a igreja mas a comparação não pode ir além achando que haverá relação sexual entre o cordeiro e a noiva os judeus não-cristãos não gostam do uso de tipologia do at pela simples razão de que os apóstolos aprenderam a identificar nos tipos e figuras do at a pessoa de cristo e a igreja como não aceitam a jesus como messias quaisquer figuras bíblicas do at que se relacionem com a pessoa de cristo são por eles rejeitadas os apóstolos entenderam que os acontecimentos do nt tinham sombras e figuras no antigo testamento e aprenderam a relacioná-las com cristo e a igreja 13 o

[close]

p. 5

cetadeb tipologia bíblica neste curso de tipologia abordam-se tipos e sua classificação um quadro comparativo entre gênesis e apocalipse mostra o quanto os dois livros se complementam gênesis o livro dos começos tem seu cumprimento no livro de apocalipse o último da bíblia os símbolos usados pelos profetas se constituem também num estudo revelador e agradável andar nu como fez isaías ou circular pela cidade com cangas ao pescoço como o fez jeremias dormir de um lado só como ezequiel eram símbolos que os profetas usavam para comunicar uma verdade divina uma das lições é sobre o sentido espiritual dos números da bíblia tema que ajudará o estudante a passear pelas páginas da bíblia sagrada deslumbrando-se diante das maravilhas de deus o estudante deve se deter apenas nos números da bíblia em que o significado seja mais específico sem criar ou imaginar um sentido para cada número só porque as letras do hebraico e do grego têm sentido numérico o curso oferece aos seus alunos um estudo completo dos salmos compostos de cinco livros que correspondem cada um a um dos livros do pentateuco as comparações estão limitadas pela própria palavra de deus e é preciso entender que algumas expressões ou termos têm de ser analisados à luz das figuras de linguagem nessa apostila o aluno dispõe de uma lista de figuras de linguagem e seus sentidos que o ajudarão a entender certos textos bíblicos ao examinar cada figura de linguagem o aluno além de aumentar seu conhecimento de português poderá examinar cada texto bíblico alusivo descobrindo uma riqueza escondida lição 4 14

[close]

p. 6

cetadeb tipologia bíblica o estudante tem diante de si um estudo inovador inédito que é o sentido dos signos do zodíaco não como veem os esotéricos mas como são vistos nas escrituras e na história É um tema delicado que se não for tratado com o devido respeito e conhecimento poderá causar problemas àqueles que ouvem o estudante pregar lição 5 os signos do zodíaco são apresentados ao estudante para que se complete definitivamente a ideia de que deus é absoluto e que planejou todo o universo colocando o planeta terra entre os grandes astros quando comparado aos demais planetas a terra é apenas um pontinho pequeno no grande universo da criação de deus e mesmo a terra com toda sua beleza e magnificência não é tão importante isto é deus não dá tanto valor às plantas e aos seres que vivem na terra mas seu cuidado especial é com o homem todo esse grande universo foi feito por causa do homem eis a soberania divina as figuras de linguagem e o sentido dos signos do zodíaco foram colocados neste módulo como lições para que o aluno os utilize como fonte de informação e de pesquisa especialmente porque em nenhum estudo de tipologia em língua portuguesa o aluno encontrará algo similar que o autor estudou e preparou para equipar os santos para o ministério conforme efésios 4.11-12 e ele mesmo concedeu uns paro apóstolos outros para profetas outros para evangelistas e outros para pastores e mestres com vistas ao aperfeiçoamento dos santos para o desempenho do seu serviço para a edificação do corpo de cristo o autor 15

[close]

p. 7

cetadeb tipologia bíblica definindo biblicamente jm tipo i d e f in in d o o que É tipo a t ipo objeto que serve de modelo figura exemplo sinal ou sombra 1 Â palavra grega tupos no nt aparece pela primeira vez no texto de joão 20.2.5 como sinal disseram-lhe então os outros discípulos vimos o senhor mas ele respondeu se eu não vir nas suas mãos o sinal dos cravos e ali não puser o dedo e não puser a mão no seu lado de modo algum acreditarei aqui a palavra sinal é tupos tipo 2 aparece como exemplos em 1 coríntios 10.6 onde diz ora estas coisas se tornaram exemplos para nós a fim de que não cobicemos as coisas más como eles cobiçaram b a n t ít ip o um antítipo é uma figura que representa uma coisa ou pessoa e aparece geralmente como um símbolo profético ao longo do estudo o estudante aprenderá a fazer suas próprias descobertas definindo alguma coisa como tipo ou antítipo no antigo testamento nem sempre o estudante se depara nos textos da bíblia em português com a palavra tipo ou antítipo como aparece no original james hastings afirma que ainda que tupos e antítipo estejam no original tipo e antítipo são termos teológicos e não termos das escrituras teologicamente tipo é uma 16

[close]

p. 8

cetadeb tipologia bíblica pessoa ou coisa da dispensação do at que representa e prefigura uma pessoa ou coisa no nt hastings dictionary of the apostolic church scribners vol ii p 623 1 dependendo da versão bíblica que o estudante utiliza e é recomendável que o estudante tenha pelo menos três versões diferentes poderá observar as seguintes ocorrências de tupos no nt a como figura aparece outras duas vezes em atos 7.43 e romanos 5.14 b duas vezes como modelo ou padrão em tito 2.7 e hebreus 8.5 c em atos 7.44 aparece traduzida como modelo d a palavra termo é usada em atos 23.25 e uma vez aparece como forma em romanos 6.17 f e sete vezes como exemplo 1 co 10.6,11 fp 3.17 1 ts 1.7 2 ts 3.9 1 tm 4.12 e 1 pe 5.3 2 três outras palavras do nt expressam a mesma ideia a a primeira é sombra hb 10.1 como se a substância ou a realidade estivesse no futuro lançando uma sombra sobre a velha realidade sombra é o resultado de um objeto uma sombra nunca é perfeita porque dependendo do ângulo da incidência da luz sobre o objeto a sombra não reproduz o objeto por isso existem interpretações diferentes quando um modelo bíblico é visto apenas como sombra agora na prática basta seguir a sombra que se chegará ao objeto que a produz no caso da bíblia segue-se a sombra e chega-se a cristo e 17

[close]

p. 9

cetadeb tipologia bíblica a igreja o mesmo acontece com os sinais um sinal uma cura ou milagre aponta para o autor do milagre cristo as pessoas costumam se agarrar ao sinal e esquecem que o sinal aponta para algo perfeito para o autor b o segundo termo é parábola hb 9.9 o tabernáculo com seu serviço foi aceito como uma parábola para o tempo presente mostrando a realidade que viria c o terceiro termo é cópia palavra que denota um rascunho ou um desenho de algo futuro invisível hb 9.23 o tabernáculo e sua mobília e serviço eram cópias ou rascunho das coisas celestiais c q u a is ossent id osdeumt ip o para que seja um tipo verdadeiro devem-se buscar três qualidades essenciais primeiro tem de ser um retrato fiel da pessoa ou coisa daquilo que representa ou prefigura um tipo é o rascunho ou bosquejo da redenção e deve ser bastante claro para se assemelhar ao antítipo por exemplo arão é um tipo obscuro do sumo sacerdote que aponta para o grande sumo sacerdote cristo e o dia da expiação em israel uma figura ou retrato da obra expiatória de cristo lv 16 segundo um tipo deve indicar algo divinal como tal deve servir de semelhança ao antítipo tanto o tipo quanto o antítipo são preordenados como partes do programa da redenção só deus pode apontar os tipos terceiro um tipo sempre prefigura algo do futuro um tipo bíblico predito numa profecia possui a mesma substância e difere somente na forma e deve ser distinguido entre um símbolo e um tipo um símbolo pode representar uma coisa do presente ou do passado e também do futuro por 18

[close]

p. 10

cetadeb tipologia bíblica exemplo os símbolos envolvidos na santa ceia apontam para o passado para o presente e para o futuro um tipo sempre aponta para o futuro e deve conter um elemento profético ou preditivo em si d a c la s s if ic a ç ã odost ip o s primeiro uma coisa ruim não pode servir de tipo de uma coisa boa assim os tipos de personagens bíblicos cujas vidas ilustram algum princípio ou verdade da redenção são os positivos como adão que é descrito como figura do que haveria de vir rm 5.14 mais adiante o estudante encontrará algumas descrições de pessoas do at que eram antítipos ou figuras de cristo segundo os tipos históricos que se tornaram figuras e sombras que a providência proveu para o futuro por exemplo É possível usar a libertação da escravidão do povo do egito a jornada no deserto a conquista de canaã a chamada de abraão a libertação etc como tipo da igreja israel peregrinando no deserto e de uma pessoa abraão representa o homem que tem fé mas também os da fé que são o povo de deus terceiro os tipos ritualísticos como o altar as oferendas o sacerdócio o tabernáculo e sua mobília são coisas que prefiguram algo que aconteceria sob as bênçãos de deus no nt há que se ter cuidado para usar as figuras no sentido correto.

[close]

p. 11

cetadeb tipologia bíblica ii odesenvolv im entodoconce it o no nt o estudo de tipos símbolos antítipos etc só são possíveis à luz do ensinamento de jesus e dos apóstolos no nt o conceito de tipologia como se vê no novo testamento não é um fenômeno isolado mas o resultado natural da revelação profética do a t que jesus e os evangelhos descobrem como resultado da revelação feita aos pais no passado hastings por exemplo o cumprimento de isaías 61.1ss está em lucas 4.21 quer dizer o tipo apresentado no at se cumpre em jesus no nt daquele dia em diante jesus começou a dizer que as profecias do at estavam nele se cumprindo e que seus ouvintes tinham o privilégio de presenciar mc 7.6 mt 13.17 É preciso entender que a profecia e o tipo andam lado a lado nas escrituras e às vezes nem percebidas são como em isaías 28.16 e 1 pe 2.6 onde a pedra é cristo a c r is t o easf ig urasout ip osdoant ig otestamentone le serevelando 1 comparando seapersonagenseeventosdo at a o próprio jesus mencionou que jonas em algum momento tipificava sua morte e ressurreição mt 12.40 b sua própria existência era maior que a de salomão mt 12 42 c até mesmo o dilúvio prefigurava a vinda dele para reinar na terra mt 24.37ss d a serpente que moisés levantou no deserto foi usada por jesus como figura profética da verdade de que jesus o 20

[close]

p. 12

cetadeb tipologia bíblica filho do homem deveria ser levantado da terra jo 3.14 iii comoospr im e ir oscr is t ã osrecorrerama os t ip o s do at pa raexpl ic a r os acontec im entosdont a oprogressodasf ig uraset ip osnareve la ç ã oapost ó l ic a irineu ao redor do ano 178 quando era bispo das igrejas de lyon utilizou muitos dos exemplos do at como figuras para explicar o nt especialmente porque naqueles dias os gnósticos rejeitavam os ensinamentos do at e afirmavam que este não deveria ser aceito como canônico irineu escreve sua obra clássica que permanece até hoje contro as heresias o estudante pode conhecer os escritos de irineu de lião adquirindo os cinco volumes de contra as heresias editados pela editora paulus utilizando os acontecimentos do nt à luz das figuras e tipos do at irineu de lião combateu os hereges gnósticos de seu tempo talvez para nosso tempo pareçam desnecessárias tais explicações mas numa época em que pouca luz havia sobre as escrituras os apóstolos e mais tarde os apologistas cristãos deixaram uma grande contribuição a tradução livre do autor de um texto em inglês de um trecho de irineu é importante se você portanto ler atentamente as escrituras perceberá nelas um relato de cristo e as figuras do novo chamamento vocações porque cristo é o tesouro escondido no campo mt 13.44 isto é neste mundo porque o o campo é o mundo mt 13.38 e o tesouro escondido nas escrituras é cristo porque ele fo i 21

[close]

p. 13

cetadeb tipologia bíblica profetizado através de tipos e parábolas daí que sua natureza não poderia ser entendida antes da consumação dessas coisas que foram preditas isto é o advento de cristo assim fo i dito a daniel tu porém daniel encerra as palavras e sela o livro até ao tempo do fim muitos o esquadrinharão e o saber se multiplicará ouvi o homem vestido de linho que estava sobre as águas do rio quando levantou a mão direita e a esquerda ao céu e jurou por aquele que vive eternamente que isso seria depois de um tempo dois tempos e metade de um tempo e quando se acabar a destruição do poder do povo santo estas coisas todas se cumprirão dn 12.4,7 e jeremias diz até que ele execute e cumpra os desígnios do seu coração nos últimos dias entendereis isso claramente jr 23.20 toda profecia antes de seu cumprimento parece ao homem cheia de enigmas e de ambigüidades mas no cumprimento dos tempos e quando as predições são cumpridas então as profecias se tornam claras por esta razão de fato a lei quando lida nos dias de hoje pelos judeus soa como fábula porque eles não possuem as explicações de todas as coisas pertinentes ao advento do filho de deus que se manifestou em carne mas para os cristãos é um tesouro a leitura da lei porque escondido no campo e sob a luz da cruz de cristo tudo fica claro daniel afirmou os que forem sábios pois resplandecerão como o fulgor do firmamento e os que a muitos conduzirem à justiça como as estrelas sempre e eternamente dn 12.3 no latim seria conduzindo muitos justos à justiça

[close]

p. 14

cetadeb 1 c r is t o arocha tipologia bíblica obviamente que os judeus contemporâneos não concordam com a exegese bíblica de que a pedra que os construtores rejeitaram seja o cristo que eles rejeitaram no passado mas quando o estudante da bíblia traça uma linha de interpretação verá que a pedra ou rocha da qual a bíblia fala é um antítipo de cristo por exemplo os três textos abaixo se inter-relacionam a pedra que os construtores rejeitaram essa veio a ser a principal pedra angular si 118.22 portanto assim diz o senhor deus eis que eu assentei em sido uma pedra pedra já provada pedra preciosa angular solidamente assentada aquele que crer não foge is 28.16 pois isso está na escritura eis que ponho em sião uma pedra angular eleita e preciosa e quem nela crer não será de modo algum envergonhado 1 pe 2.6 esses três versículos não são os únicos que fazem menção da pedra ou rocha como figura de cristo utilizando a figura de cristo como rocha profetizado no at é possível ao aluno desenvolver uma pregação ou um estudo para conhecer o tema com maior profundidade a seguir um exemplo de como isto é possível ser feito a cristo como pedra de israel foi profetizado por jacó sobre a vida de josé o seu arco porém permanece firme e os seus braços são feitos ativos pelas mãos do poderoso de jacó sim pelo pastor e pela pedra de israel gn 49.24 o pastor e pedra de israel podem ser visto agindo no deserto 23

[close]

p. 15

tipologia bíblica b a rocha cristo estava ali no deserto como manancial de águas para saciar a sede do povo de deus eis que estarei ali diante de ti sobre a rocha em horebe ferirás a rocha e dela sairá água e o povo beberá moisés assim o fez na presença dos anciãos de israel ex 17.6 moisés feriu a rocha e dela o povo bebeu c essa foi a rocha que moisés feriu a primeira vez mas que não deveria ter ferido uma segunda vez nm 20.8-11 dessa vez ele deveria apenas falar à rocha mas feriu-a novamente o cristo ressuscitado já não deve ser ferido de novo para o apóstolo é como crucificar novamente a cristo hb 6.6 no cântico que deus compôs e ensinou a moisés para que este ensinasse o povo a cantar a rocha aparece oito vezes eis o rocha suas obras são perfeitas porque todos os seus caminhos são juízo deus é fidelidade e não há nele injustiça é justo e reto dt 32.4 examine os demais textos deste capítulo que tratam da rocha dt 32.13 15,18,30,31 e 37 assim quando moisés feriu a rocha estava ferindo novamente a cristo d e sempre que uma pedra ou rocha é citada é possível associá-la à pessoa de cristo por exemplo os sacrifícios eram feitos sobre uma pedra ou rocha prefigurando a cristo jz 13.19 e a rocha de israel é uma figura de cristo entoada por ana e mencionada pelos poetas e profetas 1 sm 2.2 2 sm 22.47 e 23.3 is 17.10 etc f a mesma rocha que edifica derruba o profeta isaías afirma que cristo lhes seria santuário mas será pedra de 24

[close]

Comments

no comments yet