Unidos por um laço de amor eterno

 

Embed or link this publication

Description

Este livro se trata de uma narrativa de fatos reais que aconteceram no seio da minha família. Conta como meu filho Tiago nasceu como vivemos como o perdemos e como queremos viver sem nossa jóia preciosa. A dor da perda de um filho é algo muito triste

Popular Pages


p. 1

unidos por um laço de amor eterno david mukasey 1

[close]

p. 2

dedico este livro à tiago brum mukasey e tatiane brum mukasey eternamente agradecido aos meus companheiros de jornada david mukasey 2

[close]

p. 3

Índice introdução 4 os nove meses 6 cuidando do bebê 10 os momentos de grande felicidade 12 o primeiro grande susto 15 o sétimo mês mais um susto e o diagnóstico 17 terceira crise 19 a Última crise 20 a separação 25 o apoio 28 a luz 32 o futuro 34 lições aprendidas e minha opinião espiritual 36 bônus mensagem aos pais 38 3

[close]

p. 4

introdução este livro se trata de uma narrativa de fatos reais que aconteceram no seio da minha família conta como meu filho tiago nasceu como vivemos como o perdemos e como queremos viver sem nossa jóia preciosa a dor da perda de um filho é algo muito triste para nós simples humanos dói demais esta separação não entendemos porque as coisas acontecem em nossas vidas este livro nos traz ensinamentos baseados na doutrina espírita kardecista onde a partir de um fato real podemos enxergar de um modo claro a bondade de nosso pai criador deus o objetivo deste livro é claro auxiliar os pais que assim como nós estão passando pela dor da perda ou um dia passará com base na doutrina espírita nossa família esta tendo muito discernimento e muita serenidade para atravessar esta provação tão difícil por isso queremos compartilhar o que aprendemos e como enxergamos o mundo segundo a ótica da doutrina dos espíritos nossa vida na terra não é fácil mas se todos nos ajudarmos uns ao outros a vida será mais fácil a paz triunfará e o sofrimento se extinguirá 4

[close]

p. 5

este livro foi escrito com uma linguagem moderna e de fácil interpretação a história foi resumidamente descrita facilitando o entendimento que é o objetivo do livro dedico este livro ao seu ator principal tiago brum mukasey meu querido filho boa leitura e que deus nos abençoe 5

[close]

p. 6

os nove meses depois de um dia exaustivo de trabalho na área de informática do banco e após chegar em casa minha esposa olhou para mim e deu a notícia _você vai ser pai a a mesma foi muito bem recebida por mim pois achávamos que já era a hora estávamos preparados e tentando a paternidade há algum tempo os dias foram passando os meses também lá pelo quinto mês de gravidez começamos a reformar o quartinho do nosso filho neste momento já sabíamos o sexo do bebê para nossa surpresa era um menino nossa intuição quase sempre nos fazia pensar em uma menina a empolgação em receber uma criança em nossa família era algo que nos enchia de alegria e esperança a paternidade era tudo aquilo que faltava em nossas vidas o quarto do meio do nosso apartamento foi pintado por nós mesmos um azul bem clarinho que tornou a atmosfera daquele quarto em um lugar de muita paz e tranqüilidade em seguida colocamos uma faixinha em tom azul que continha os meios de transportes tudo foi preparado com muito amor e carinho os móveis foram chegando também e a cada mês que sucedia o quartinho iria ganhando a cara de um verdadeiro quarto de bebê 6

[close]

p. 7

realizamos o tradicional chá de bebê para nosso pequeno tiago sim neste momento já sabíamos o nome do nosso menino ganhamos muitas coisas para o enxoval do tiago todos estavam muito felizes à espera do nosso pequeno cada dia que passava chegava mais perto do dia do parto este fato nos trazia muita alegria mas também muita ansiedade principalmente porque éramos pais de primeira viagem e aí o que fazer como se cuida de uma criança claro que sabíamos que nossa família iria nos amparar sempre quando necessário mas não tivemos dúvidas em nos matricular no curso para pais do hospital maternidade com o passar dos dias as transformações na barriga de minha esposa se faziam evidentes o tiago se mexia muito de um lado para o outro pra cima e para baixo e algumas vezes até movimentos bem fortes causando desconforto para a tatiane minha esposa a gravidez da tatiane em certo ponto foi tranqüila ocorreram os enjôos a indisposição física que a situação impõe mas no balanço geral tudo foi bem tranqüilo era chegado o dia 18 de maio de 2009 o dia escolhido por nós e pela equipe médica para o nascimento do nosso pequeno tiago chegamos à maternidade com muita tranqüilidade e algumas horas antes do procedimento do parto 7

[close]

p. 8

o dia 18 de maio de 2009 era uma segunda feira de muito sol e a temperatura estava um calor ameno por volta das 19h00 a enfermagem veio buscar minha esposa para a cirurgia obstétrica denominada cesárea neste momento eu me encontrava na sala de espera do centro cirúrgico todo preparado com roupas de cor azul claro toca higiênica e tudo que se equipa um pai que irá acompanhar o parto há exatos 34 minutos após a 20h00 ouviu-se um chorinho na sala de cirurgia era nosso tiago nascendo pude ver que o tiago era bem cabeludinho a emoção tomou conta de nós tanto eu quanto a taty estávamos muito emocionados e nossa família também eles também puderam ver através de um vidro que expunha todo o centro cirúrgico muita agitação e emoção em conhecer aquele que seria o mais novo membro da nossa família permaneci junto a tati até que a enfermeira fizesse os primeiros procedimentos em nosso bebê assim que estes foram finalizados tive o privilegio de pegar o tiago no colo mostrar ele para a tati e após mostrá-lo para nossa família que estava colada no vidro do centro cirúrgico fui convidado a me retirar do centro cirúrgico para que fossem realizados os procedimentos pós-parto levava nos braços o pequeno tiago no qual eu deveria encaminhá-lo ao berçário 8

[close]

p. 9

todos os familiares desceram para acompanhar o tiago ao berçário onde puderam ver o primeiro banho dele como todos estavam olhando para o tiago me preocupei com a taty ninguém de nossa família estava com ela e nem podia pois na sala de repouso não poderia ficar nenhum acompanhante mas liguei para a enfermagem que me informou que tudo estava bem daí foi só esperar para que a taty descesse para o quarto que logo após viria nosso pequeno tiago também que felicidade estar todos unidos naquele quartinho de maternidade o melhor ainda estava por vir em três dias sair da maternidade rumo à nossa residência ante o fim destes três dias de internação vim para casa para preparar a festa e receber o nosso amor em casa comprei bexigas fiz uma faixa dando as boas vindas e armei toda decoração para recepcioná-los ao chegar a casa fomos tomados por uma grande emoção inesquecíveis momentos 9

[close]

p. 10

cuidando do bebê chegar em casa foi muito bom mas também nos trouxe algumas dúvidas aqui não teremos as enfermeiras para nos ajudar então perguntávamos como faremos claro que poderíamos contar com nossos familiares mas certamente sabíamos o que fazer como que presente no instinto pouco precisamos pedir auxilio aos familiares não conhecia imagem mais linda do que ver a taty amamentando o tiago era lindo era sublime era um ato de amor extremo fui aprendendo a ver coisas que até então não tinha a oportunidade de presenciar sem querer disputar forças com a mãe queria ser um pai-mãe sempre gostei de pegá-lo no colo de trocar suas fraldinhas e até de dar banhinho sempre o fiz com muito amor e carinho o tiago desde pequeno ficava agitado ao trocarmos suas fraldas daí criei uma musiquinha no qual cantava com uma voz bem doce e bem baixinha a letra era simples e inocente conforme dizia assim vamos trocar o peru vamos trocar o peruzinho vamos trocar o peru a mamãe o papai e o tiaguinho sempre que o trocava a fraldinha cantava até que o tiago começou a reconhecer a musiquinha quando começava a cantar 10

[close]

p. 11

ele ficava calminho não sei se a música o distraía ou o tom de voz bem baixinho fazia com que ele não fizesse nenhum barulho senão ele próprio não escutaria o tiago desde pequenino era muito esperto e sua hiper-atividade já era notável desde os primeiros meses ao colocarmos no berço ou no carrinho nosso menino ficava mexendo os bracinhos e as perninhas o tempo todo eu e a taty tínhamos um cuidado todo especial com o nosso menino não sabíamos se esse cuidado excessivo era algum sinal espiritual ou se este cuidado era porque o ti era o nosso primeiro filho porém a neurose se fazia presente esta mesma neurose também nos fazia vigiá-lo por câmera sempre que ele dormia entre outras situações 11

[close]

p. 12

os momentos de grande felicidade inúmeras foram às vezes em que nós três saímos a passeio passeamos por algumas cidades como Águas de são pedro Águas de lindóia barra do una juquehy guarujá parques shoppings restaurantes também visitávamos com frequência sem falar do clube que íamos quase todo final de semana nestes passeios era notável a felicidade do nosso menino o tiago não queria perder um segundo sequer de brincadeira queria brincar o tempo todo e se fosse possível ele brincaria em dois brinquedos ao mesmo tempo pois quando estava em um brinquedo já olhava para outro era muito divertido brincar com ele me lembro de vários momentos de brincadeira desde brincadeiras que fazíamos dentro de casa como a cabaninha brincar com brinquedos quanto às brincadeiras externas à residência como as corridas nos parques ou no clube o pula-pula brinquedo que ele mais adorava comigo ou com a taty e até mesmo sozinho ele o adorava Éramos uma família muito feliz a alegria imperava em nossa casa por esta alegria tão grande apelidei o pequeno tiago de alegria e assim vivia chamando-o carinhosamente 12

[close]

p. 13

muitas recordações de carinho e afeto são conservadas na nossa memória ainda hoje lembro-me quando deitávamos na nossa cama de casal ficávamos os três juntos assistindo desenho isso desenho não deixávamos o tiago assistir qualquer coisa a programação da tv para ele sempre foi muito bem selecionada não o deixávamos assistir nem noticiários nem desenhos violentos a educação dada ao tiago não o deixava fazer aquilo que ele quisesse fazer que não fosse certo a taty e eu estávamos sempre atentos as inclinações dele embora já sentíssemos no tiago uma doçura no olhar e no agir também nosso menino era uma criança diferenciada de muitas outras ele adorava as crianças principalmente os bebês não podia ver um que já falava olha o bebê não bastava olhar tinha que interagir adorava tocar a mãozinha dos pequeninos quase sempre não o deixávamos fazer muitas crianças na idade do tiago tem por instinto pequenas situações em que do nada uma criança vira um tapa na outra pude observar isso em várias outras crianças o tiago graças a deus não tinha este comportamento ele já tomou tapas na cara mas nunca o vi revidar nem tampouco iniciar tal atitude 13

[close]

p. 14

a meiguice era um fator predominante no nosso menino muitas eram às vezes que a taty ao fazê-lo dormir ou mamar ganhava um carinho no rosto isso acontecia quase sempre com a taty nem tanto comigo mas de vez em quando também ganhava os meus carinhos dele sempre contente e sempre alegre o tiago seguia sua vida brincando nem quando estava doentinho o tiago se entregava a angústia ou a tristeza vivia a brincar e a procurar novas oportunidades de brincadeiras nossa família também o amava muito era ir visitar a família do avô antonio que logo se reunia toda a família para brincar com o tiaguinho o evangelho no lar era feito todos os domingos às 20h00 desde que compramos nosso apartamento por volta de 2006 três anos antes do nascimento do nosso tiago a avó sú e a tia esther por vezes chegavam às 19h00 para antes do evangelho poder brincar com o tiago durante as reuniões do evangelho nosso tiago querendo participar sempre pegava um livro colocava a mão nos olhinhos na hora da prece e tentava nos imitar sempre com muita alegria 14

[close]

p. 15

o primeiro grande susto com o fim da licença maternidade matriculamos nosso querido na melhor escola do bairro a escola tinha um conteúdo diferenciado e uma destas diferenças era o acompanhamento do nosso filho pelas imagens capturadas por câmeras e disponibilizadas pela internet este fator foi decisivo para escolha da escola caracterizando definitivamente a nossa neurose no cuidado com o tiago passava-se cinco meses do nascimento e ao chegar da escolinha percebemos o tiago febril então levamos-o ao pronto socorro do hospital em uma primeira consulta aparentemente era uma virose que deveria ser tratada de maneira sintomática com analgésicos etc já de volta a nossa casa de noite estava cansado do dia de trabalho me despedi do tiago que neste momento já dormira em seu próprio quartinho me despedi da taty e fui me deitar a taty estava se preparando para deitar e foi ao quarto do tiago para dar aquela última olhada como pressentimento eu estava quase pegando no sono quando escuto a taty gritar david david o tiago não está bem era a primeira crise de convulsão dele o desespero se fez presente naquele momento não estávamos preparados para isso e fomos pegos de surpresa 15

[close]

Comments

no comments yet