PROPOSTA

 

Embed or link this publication

Popular Pages


p. 1

passos do processo psicodiagnóstico jurema alcides cunha elaborado por luisa porto

[close]

p. 2

formulação das perguntas básicas ou hipóteses processo psicodiagnóstico processo científico ponto de partida ­ encaminhamento levantamento de hipóteses estabelecimento de objetivos do psicodiagnóstico plano de avaliação baseado nas hipóteses realização de contrato de trabalho.

[close]

p. 3

contrato de trablaho psicodiagnóstico ­ limite de tempo baseado nas questões iniciais hipóteses e objetivos faz-se a previsão do tempo operacionalização complementação e comunicação dos resultados variáveis sintomatologia desempenho do paciente desejável estabelecer o contrato após familiarização com o paciente.

[close]

p. 4

contrato de trabalho define-se papéis obrigações direitos responsabilidades mútuas número de sessões tempo estimado das sessões tipo de informes e quem terá honorários formas de pagamento · certo grau de flexibilidade acesso;

[close]

p. 5

estabelecimento de um plano de avaliação identificar recursos que permitam estabelecer uma relação entre perguntas iniciais e possíveis respostas respostas confiáveis ao objetivo proposto traduzir perguntas em termos de técnicas e testes organização de bateria de testes programar a administração de instrumentos adequados ao sujeito específico frequentemente é realizado após entrevista com o sujeito e/ou responsável.

[close]

p. 6

bateria de testes designa um conjunto de testes ou de técnicas que podem variar entre 2 e 5 ou mais instrumentos nenhum teste isoladamente pode proporcionar uma avaliação abrangente tentativa de validação intertestes dos dados obtidos escolha do instrumento ­ associar técnicas projetivas e técnicas psicométricas.

[close]

p. 7

bateria de testes padronizadas independente de questões levantadas num caso individual recomendada para exames específicos objetivos explícitos demanda de pesquisa prévia para organização.

[close]

p. 8

bateria de testes nÃo-padronizadas utilizado na clínica programados sequencialmente número de testes pode ser modificado utilização de técnicas gráficas para diminuir ansiedade inicial alternar técnicas projetivas e psicométricas atentos para início e término com material pouco ou não-ansiogênico tempo de administração de cada instrumento.

[close]

p. 9

administração de testes e técnicas foco da testagem ­ sujeito psicólogo deve estar seguro quanto adequabilidade do instrumento familiarização com as instruções manejo do material objetivos proprostos;

[close]

p. 10

questões básicas a considerar revisar particularidades dos instrumentos e características do paciente 2 familiaridade com o instrumento 3 organização do material 4 objetivos da inclusão de cada técnica 1.

[close]

p. 11

administração de testes e técnicas boa iluminação privacidade ventilação silêncio posição adequada do examinando evitação de interferências instruções memorizadas e alguns casos lidas registro de todos os indícios comportamentais explícitos ou implícitos.

[close]

p. 12

levantamento análise interpretação e integração dos dados teste comportamento revisão das observações exame da história clínica recapitular hipóteses e objetivos análise e entendimento dos dados qualitativos e quantitativos seleção de informações que fundamentam as conclusões finais formalização oral e/ou escrita das conclusões.

[close]

p. 13

diagnóstico e prognóstico quadro sintomático história clínica informações para enquadre em alguma categoria modelo médico

[close]

p. 14

diagnóstico examinar dados quadro sintomático história clínica observações do comportamento resultado da testagem pode ser utilizado as classificações oficiais cid 10 e dsm iv prognóstico sobre o curso provável do transtorno planejar intervenção terapeutica adequada.

[close]

p. 15

diagnóstico a formulação psicodinâmica é uma narrativa que descreve a natureza e a etiologia dos problemas psíquicos do paciente hipóteses que poderão ser confirmadas ou não durante o tratamento psicoterápico e que orientam as intervenções dos psicoterapeutas facilita o entendimento do médico da estrutura da personalidade e dos conflitos psicológicos do paciente.

[close]

Comments

no comments yet