Prevenção Primaria para Gestantes

 

Embed or link this publication

Popular Pages


p. 1

centro universitÁrio de caratinga ­ unec prevenÇÃo primÁria a gestantes temas importantes sobre a gravidez parto e amamentaÇÃo por felipe e r de carvalho cristian p da c dodÓ professor marco antÔnio gomes 6º perÍodo de psicologia caratinga abril 2011

[close]

p. 2

1 introduÇÃo a gravidez certamente é um dos momentos mais especiais na vida de uma mulher assim como das pessoas que a circundam a gestação o parto o nascimento compõem um emaranhado de memórias vivenciais que fazem parte do percurso de geração de um filho e como tais acarretam mudanças físicas psicológicas sexuais afetivas biológicas entre outras que merecem atenção e cuidado visando à promoção de bem-estar para todos os envolvidos principalmente a gestante e o bebê na mulher ocorrem transformações físicas e emocionais que vão influenciar no seu dia-a-dia pode sentir alegria tristeza ter dúvidas e medos É preciso reconhecer essas mudanças para vivê-las de forma ativa e saudável com harmonia e prazer neste período é importante aumentar seus conhecimentos sobre higiene alimentação e sobre quais são os cuidados especiais inclusive porque existem preconceitos que devem ser desmistificados dentro desta perspectiva objetivamos estruturar um programa de intervenção à nível primário para trabalhar 1 a importância dos cuidados nos três primeiros meses de gestação 2 a importância do pré-natal 3 esclarecer e diferenciar os partos normal e cesáreo e 4 a importância da amamentação 2 justificativa a história que cada mulher grávida traz deve ser acolhida integralmente a partir do seu relato e do seu parceiro são também parte dessa história fatos emoções ou sentimentos percebidos pelos membros da equipe envolvida no pré-natal contando suas histórias as grávidas esperam partilhar experiências e obter ajuda assim a assistência pré-natal torna-se um momento privilegiado para discutir e esclarecer questões que são únicas para cada mulher e seu parceiro aparecendo de forma individualizada até mesmo para quem já teve outros filhos temas tabus como a sexualidade poderão suscitar dúvidas ou necessidade de esclarecimentos o diálogo franco a sensibilidade e a capacidade de percepção de quem acompanha o pré-natal são condições básicas para que o saber em saúde seja colocado à disposição da mulher e da sua família ­ atores principais da gestação e do parto uma escuta aberta sem julgamento nem preconceitos que permita à mulher falar de sua intimidade com segurança fortalece a gestante no seu

[close]

p. 3

caminho até o parto e ajuda a construir o conhecimento sobre si mesma contribuindo para um parto e nascimento tranqüilos e saudáveis escutar uma gestante é algo mobilizador a presença da grávida remete à condição de poder ou não gerar um filho seja para um homem seja para uma mulher suscita solidariedade apreensão escutar é um ato de autoconhecimento e reflexão contínua sobre as próprias fantasias medos emoções amores e desamores escutar é desprendimento de si na escuta o sujeito dispõe-se a conhecer aquilo que talvez esteja muito distante de sua experiência de vida e por isso exige grande esforço para compreender e ser capaz de oferecer ajuda ou melhor trocar experiências sendo assim é importante o contato entre gestantes para a troca de experiências dúvidas medos angústias expectativas enfim de tudo que possa interferir positivamente no bem-estar físico das gestantes e seus fetos também faz-se necessário uma intervenção à nível primário visando prevenir em todos os aspectos da saúde física psíquica psicológica 3 objetivos 3.1 geral intervir junto ao grupo de gestantes a fim de fornecer informações acerca dos cuidados necessários para uma gestação saudável bem como sobre o parto e o processo de amamentação possibilitando o esclarecimento de dúvidas diminuição de angústias desmistificação de alguns medos e acima de tudo bem-estar físico psíquico e emocional permitindo um ambiente saudável e harmonioso para a chegada do bebê 3.2 objetivos específicos informar o grupo sobre a importância dos cuidados nos três primeiros meses de gestação expor às gestantes a importância do pré-natal esclarecer a importância do parto normal diferenciar os partos normal e cesáreo salientar a importância da amamentação desenvolver um cronograma para reuniões do grupo descrever os temas a serem trabalhados nos encontros organizar diversas palestras com temáticas referentes à gestação;

[close]

p. 4

estruturar oficinas que possibilitem à gestante e seu parceiro/família o contato com alguns aspectos relacionados à gestação ao parto aos cuidados peri-natais amamentação proporcionar discussões acerca das emoções que circundam o universo feminino com relação à gravidez 4 gravidez mÊs a mÊs 1º mês sua menstruação está atrasada mais de quinze dias os seios inchados os mamilos sensíveis e escurecidos surgem as náuseas e os vômitos possivelmente um sinal da presença do hormônio da gravidez a gonadotrofina coriônica outros sintomas se juntam a estes aumento da circulação sangüínea aceleração dos batimentos cardíacos queda da pressão arterial e uma produção maior de progesterona tantas mudanças trazem um enorme cansaço e um sono quase incontrolável além da sensação de azia e da vontade de fazer xixi a todo momento para confirmar a gravidez seu ginecologista faz um exame de toque no próprio consultório e um teste laboratorial verifica a dosagem no sangue do hormônio beta hcg resultado positivo parabéns um bebê está a caminho e com ele muitas mudanças na vida de vocês dicas para aliviar os enjôos chupe gelo limão ou bala de hortelã o cigarro está proibido e o consumo de álcool restrito a duas doses por semana não tome qualquer remédio ou faça radiografias sem orientação médica comece a consumir mais alimentos ricos em ácido fólico como feijão grão-debico lentilha espinafre brócolis couve-flor repolho cru cenoura fígado levedo de cerveja pão integral laranja e banana ajudam a prevenir anomalias cardíacas malformações e alterações congênitas 2º mês

[close]

p. 5

o índice mais alto de progesterona influi diretamente nos movimentos intestinais causando a prisão de ventre que em alguns casos se estende até o final da gestação aumentam as células produtoras de leite e os canais que o transportam até os mamilos as mamas crescem ficam muito mais sensíveis e com a temperatura elevada por causa do maior fluxo sangüíneo em toda a região o próprio organismo começa a preparar os seios para a amamentação o corpo ganha formas arredondadas a essa altura você deve ter engordado cerca de dois quilos a média ideal é de 800g a 1kg por mês na visita pré-natal seu obstetra vai pedir os seguintes exames urina fezes hemograma completo tipagem sangüínea e fator rh anti-hiv glicemia de jejum diabetes reação sorológica para citomegalovírus hepatite sífilis rubéola e toxoplasmose teste parasitológico e a primeira ultra-sonografia dicas adote um cardápio equilibrado que garanta os nutrientes necessários para uma gestação saudável intestino preguiçoso abuse de alimentos como germe de trigo mamão ameixa aveia e fibrosos em geral beba pelo menos dois litros de líquido por dia entre sucos vitaminas e água ajuda a evitar os inchaços nos dedos e tornozelos causados pelo mau funcionamento dos rins cuide da beleza hidrate a pele da barriga dos seios das coxas e do bumbum para prevenir a formação de estrias e não saia de casa sem passar protetor solar na gravidez sua pele fica mais sujeita ao aparecimento de sardas e melasmas manchas escuras 3º mês tonteiras palpitações e taquicardia são comuns nesta fase afinal há um litro e meio a mais de sangue circulando pelo seu corpo e percorrendo um trajeto maior para suprir o feto e a placenta.

[close]

p. 6

por causa disso o coração passa a bombear mais rapidamente o fluxo sangüíneo em direção ao cérebro é reduzido e a pressão cai algumas mulheres sentem cãibras principalmente à noite você tem mais de 35 anos hora então de fazer o exame da biópsia do vilocorial para detectar o risco de doenças cromosômicas ou ligadas ao fechamento do tubo neural a salivação aumenta torna-se mais ácida e a gengiva sangra com facilidade exigindo uma higiene bucal cuidadosa as veias mais dilatadas podem provocar o aparecimento de varizes e hemorróidas dicas aumente o consumo de fígado rins ovos trigo integral ameixa uva e vegetais verdes seu corpo está precisando de alimentos ricos em ferro contra as cãibras estenda a perna e flexione tornozelo e dedos dos pés para cima em direção ao joelho uma pitada de sal embaixo da língua ajuda a elevar a pressão e alivia a tonteira comece a preparar os seios para a amamentação ao se enxugar depois do banho friccione os mamilos com a toalha fortalece a pele e evita rachaduras nos bicos sol direto sempre que possível também ajuda 4º mês os enjôos passaram e o risco de aborto também mas tantas mudanças no corpo junto às alterações hormonais mexem com sua estabilidade emocional você está mais insegura angustiada cheia de medos passa do choro ao riso sem motivo aparente É normal também que o desejo sexual se altere para mais ou para menos as causas podem ter origem puramente biológica ou estarem associadas a um medo inconsciente de ferir o bebê durante a relação além dos mamilos você pode notar um escurecimento da pele também na região genital nas axilas em sinais e cicatrizes não se assuste isso acontece por causa

[close]

p. 7

do excesso de produção de melanina algumas mulheres apresentam ainda manchas escuras no rosto seu obstetra vai pedir um novo hemograma nesse período como prevenção se você tem mais de 35 anos ou já é mãe de uma criança com síndrome de down terá que fazer o exame da amniocentese para garantir se o feto sofre ou não de alguma anomalia genética dicas os exercícios físicos são importantíssimos para o bem-estar geral e vão ajudar muito no momento do parto dê preferência à caminhada natação hidroginástica ioga e tai-chichuan procure um curso de preparação de parto e cuidados com o bebê além de fazer uma ginástica específica você conhecerá outras grávidas para trocar dúvidas medos e experiências comuns converse com seu companheiro sobre a vida sexual juntos vocês encontrarão as posições e a freqüência mais indicadas para estes meses tão especiais 5º mês a secreção vaginal aumenta e está mais ácida criando um ambiente propício aos fungos e infecções urinárias sintomas como ardência e coceira no local devem ser comunicados imediatamente ao médico as alterações no metabolismo fazem surgir os chamados desejos pela própria carência de determinadas substâncias no organismo em alguns casos podem estar ligados a fatores emocionais quando a mulher procura uma compensação na comida a pele e os cabelos estão diferentes ressecados ou oleosos demais resolva o problema comprando produtos específicos de preferência à base de compostos naturais novidades na ultra-sonografia além de acompanhar o desenvolvimento da gravidez você certamente já poderá saber o sexo do bebê.

[close]

p. 8

dicas capriche no guarda-roupa e nos cuidados com a aparência sentir-se bem e bonita é fundamental neste momento de tantas transformações atenção à forma nada de exagerar nos doces condimentos nas massas e no sal mesmo quando a vontade parecer incontrolável não é hora de ficar gripada ou de contrair qualquer tipo de vírus evite choques térmicos correntes de ar e ambientes fechados com muita gente e fumaça 6º mês não estranhe alguns desconfortos normais nesta fase as costas doem estão sobrecarregadas pelo peso da barriga e pelas articulações da bacia que vão se afrouxando para facilitar o parto você continua a fazer xixi a toda hora mas agora porque a cabeça do neném passa a comprimir a bexiga para baixo diminuindo sua capacidade de segurar a vontade a temperatura do corpo está mais elevada causando uma transpiração excessiva hora de aumentar o consumo de líquidos e procurar ambientes bem ventilados muito cansada reserve um tempinho depois do almoço ou no final da tarde e dê uma boa cochilada para recompor suas energias comece a pensar na decoração do quarto e no enxoval do bebê qualquer dúvida consulte nossa lista para orientar sua escolha e fique atenta à estação do ano em que seu filho vai nascer para não comprar peças que ele nem chegará a usar dicas nem pensar em diminuir a quantidade de líquidos para fazer menos xixi evite também prender quando sentir vontade de agora em diante lembre de levar lenços de papel na bolsa para as possíveis emergências aumente o consumo de cálcio que fortalece os ossos e dentes seus e do bebê saltos médios sentar-se com a coluna reta dormir em colchão mais duro e não carregar peso ajudam a aliviar as dores nas costas 7° mês

[close]

p. 9

o organismo retém mais líquido a circulação não flui como antes resultado pernas tornozelos e pés inchados o útero crescido pressiona o diafragma causando falta de ar a azia volta e você pode sentir cãibras principalmente à noite os desconfortos são muitos sim mas a barriga linda e enorme anuncia que o bebê já está chegando a partir de agora começam as visitas às maternidades para conhecer os quartos a sala de parto e checar condições de higiene e atendimento É o momento ideal também para fazer o chá-de-bebê e completar assim o enxovalzinho redobre sua atenção ao dirigir os reflexos estão mais lentos e evite viajar de avião a não ser que haja real necessidade neste mês você fará a última ultra-sonografia que além de avaliar as condições da placenta vai confirmar a posição do bebê para o parto dicas contra os inchaços diminua a quantidade de sal na comida e todas as noites antes de dormir mergulhe os pés em uma bacia de água quente com sal grosso o alívio é imediato se você é hipertensa e notar a formação de edemas procure imediatamente o obstetra para diminuir a sensação de peso causada pelas varizes deite sempre com as pernas mais elevadas que a cabeça inclua pacotes de fraldas descartáveis na lista de chá-de-bebê elas serão muito úteis principalmente nos primeiros meses 8º mês maçãs do rosto mais redondas seios encaroçados e muita dor nas costas as pernas também estão pesadas e você tem dificuldades para sentar e levantar ao deitar de barriga para cima a sensação é de falta de ar calma logo logo esses sintomas vão passar e seu bebê estará em seu colo mais do que nunca é preciso aproveitar todo o tempo livre para relaxar ir ao cinema visitar uma amiga ficar em casa lendo ou vendo tv sem deixar de lado as

[close]

p. 10

providências práticas como passar as roupinhas do neném e arrumar as malas para a maternidade É importante também agora escolher junto ao obstetra o tipo de parto mais indicado decidir sobre a casa de saúde e se inteirar de seus direitos legais como a licença-maternidade por exemplo dicas deitar virada para o lado esquerdo melhora a circulação e a respiração experimente um travesseiro extra pode servir de apoio a vida sexual não precisa ser interrompida a não ser por recomendação médica basta encontrar as posições mais confortáveis converse com seu médico sobre o tipo de anestesia que ele vai utilizar e esclareça antecedentes de reações alérgicas seus e da família a qualquer medicamento mantenha por perto e ao alcance de todos os telefones do obstetra e da maternidade descubra também quanto tempo você leva de casa até lá 9º mês o corpo todo pesa você tem dificuldades de se locomover mas deve insistir nas caminhadas e nos exercícios de respiração e relaxamento as dores nas costas a falta de posição para dormir e a ansiedade impedem um sono tranqüilo e constante nestas últimas semanas as visitas ao obstetra passam a ser semanais É o momento de esclarecer todas as dúvidas que ainda existam e escolher definitivamente o tipo de parto a ser feito mais do que nunca fique atenta às manifestações de seu corpo um sangramento agora pode significar o deslocamento prévio da placenta ou seja sua separação do útero antes da hora do parto que deixa o bebê sem oxigênio caso aconteça corra imediatamente para a maternidade final do nono mês a barriga desceu e as contrações que começaram lá pela 28ª semana se intensificam e chegam em intervalos cada vez menores quando acontecerem a cada 10 minutos é hora de seguir para a maternidade com ou sem o

[close]

p. 11

rompimento da bolsa d água logo logo o bebê vai nascer para a alegria geral da família dicas um banho morno de preferência de banheira e um chazinho de camomila antes de deitar ajudam a relaxar e a dormir melhor abasteça a despensa para tão cedo não pensar em supermercado as compras podem ser feitas por telefone ou computador não é hora de carregar sacolas ou empurrar carrinhos abarrotados passe uma tarde no salão de beleza corte os cabelos acerte as sobrancelhas cuide das mãos dos pés faça depilação tudo para receber lindamente o seu bebê 5 cuidados importantes nos 3 primeiros meses da gravidez segundo a ginecologista nadie patrick tolezani o primeiro trimestre é o mais crítico de toda gravidez nessa fase acontece a maioria dos abortos espontâneos e ameaças de aborto um aborto espontâneo é o termo médico para o término acidental de uma gravidez antes da vigésima semana de gravidez a maioria dos abortos espontâneos entretanto ocorre dentro das primeiras 14 semanas de gravidez no decorrer da gestação a morte do feto ocorre devido à doenças maternas vida irregular da mãe tabagismo insuficiência da placenta e por infecções como a toxoplasmose anemia diabetes sem controle e pressão alta por exemplo também são fatores de risco para a gravidez para prevenir essas fatalidades o principal cuidado é o pré-natal ele deve ser feito desde o dia em que a mulher descobre que está grávida e qualquer diferença notada pela gestante deve ser informada ao seu médico É preciso contar tudo para o ginecologista cólica perda de sangue se a criança não se mexer diz nadie vocÊ pode sentir muito sono e tontura para tentar melhorar procure repousar mais.

[close]

p. 12

vontade de urinar muitas vezes não prenda a urina se junto com a vontade de fazer xixi você tiver dor ou ardor procure a unidade de saúde pois você deve estar com infecção urinária tente engolir a saliva ao invés de cuspi-la beba água no intervalo das refeições em pequenas quantidades várias vezes ao dia procure comer em pequenas quantidades e várias vezes ao dia mastigue bem os alimentos no momento do enjôo dê preferência a alimentos mais secos como torradas biscoitos de sal evite sentir cheiros e sabores muito fortes além de alimentos muito quentes pois podem provocar mais enjôo evite passar mais de três horas sem se alimentar muita saliva enjôo procure a unidade de saúde se tiver · vômitos muito freqüentes e fortes · cólicas muito fortes e freqüentes · sangramento pela vagina · corrimento escuro · muito inchaço nos pés nas pernas e no rosto · dor ou ardor ao fazer xixi · dor de cabeça forte e visão embaralhada 6 o prÉ-natal o pré-natal é muito importante para o acompanhamento orientação e esclarecimento de dúvidas da mulher sobre as diversas alterações que ocorrem no seu corpo durante a gravidez e sobre o desenvolvimento do seu bebê É realizado por profissionais de saúde e deve ser iniciado de preferência nos três primeiros meses da gestação toda mulher tem direito a consultas e exames durante sua gravidez neste período é importante que a gestante faça um número mínimo de consultas pré-natais sendo ideal que ela realize seis consultas em todas as consultas os profissionais de saúde verificam o peso da gestante e sua altura estado nutricional pressão arterial tamanho da barriga batidas do coração

[close]

p. 13

do bebê se necessário orientam sobre o uso de medicamentos observam entre outras coisas se há inchaços edemas no corpo da gestante e se ela já tomou as vacinas necessárias até o momento além disso solicitam exames essas ações permitem identificar necessidades para promover a saúde da gestante e de seu bebê a maioria das mulheres tem uma gravidez e parto normal sem problemas de saúde mas o acompanhamento pré-natal também é importante porque permite prevenir identificar e tratar problemas de saúde que possam acontecer no período da gestação ou seja o pré-natal reduz as chances desses problemas complicarem porém cerca de 10 a 20 das mulheres têm complicações na gravidez e precisam ser cuidadas de forma mais constante para que mãe e bebê fiquem saudáveis 7 o parto será parto normal ou cesariana o parto normal é o que toda mulher com saúde deve fazer e é uma vivência profunda para as mulheres a cesariana só deve ser indicada quando houver problemas com a mãe ou com o bebê e não precisa se preocupar com a dor pois existe anestesia para ajudar a controlar a dor no trabalho de parto por que o parto normal é melhor para a mãe · a recuperação é mais rápida e a mulher volta a andar logo após o parto · o risco de infecção é menor · há menos riscos de hemorragia · após o parto normal a mulher se sente melhor o que facilita a amamentação · a cicatriz da cesariana no útero pode ter conseqüências em futuros partos por que o parto normal é melhor para o bebê · a criança não corre o risco de ser tirada da barriga antes do tempo · a criança corre menos risco de problemas respiratórios · o risco de doenças como infecções é menor;

[close]

p. 14

· é mais freqüente o contato pele a pele e o início da amamentação ainda na sala de parto o trabalho de parto no começo as contrações acontecem bem distantes uma da outra depois tornam-se mais intensas e o tempo entre uma e outra vai ficando cada vez menor estar em movimento caminhando ajuda a diminuir a dor assim como o banho morno ou massagens entre uma contração e outra respire profundamente para ajudar seu bebê para o parto normal não há necessidade da raspagem de pelos ou de lavagem intestinal para a cesariana poderá ser necessário aparar os pelos para ver o local do corte durante o trabalho de parto você pode ingerir líquidos e até receber uma alimentação leve a força da gravidade facilita a descida do bebê busque posições confortáveis e relaxe pois a tensão aumenta a dor e a duração do parto quando as contrações estiverem muito freqüentes e o profissional de saúde pedir ajude o bebê a nascer fazendo força para baixo Às vezes é preciso fazer um corte na entrada da vagina que se chama episiotomia para que ela não rasgue com a saída do bebê comparativo parto normal 1 a recuperação é rápida 2 não há dor pós-parto 3 a rápida recuperação deixa a mãe mais tranqüila o que favorece a lactação 4 a alta é mais rápida o que possibilita à mãe retomar seus afazeres prontamente 5 a cada parto normal o trabalho de parto é mais fácil do que no anterior 6 se a mulher vir a sofrer de mioma patologia comum do útero na eventual necessidade de uma operação esta será mais fácil 7 o relaxamento da musculatura pélvica não altera em nada o desempenho sexual parto cirÚrgico 1 a recuperação é lenta 2 há dor pós-parto 3 a recuperação lenta atrasa um pouco a lactação 4 a alta demora mais o que causa atrasos na retomada de suas atividades 5 a cada cesariana o trabalho de parto é mais complicado do que no anterior 6 a operação do mioma neste caso se complica devido às aderências e às cirurgias anteriores 7 qualquer operação cirúrgica pode trazer complicações à saúde o que pode prejudicar a disposição sexual

[close]

p. 15

8 amamentaÇÃo por que amamentar é fundamental para o bebê · ao amamentar você alimenta o bebê e transmite amor e carinho o que é fundamental para o desenvolvimento do seu bebê e para a sua relação com ele · o leite materno está sempre pronto na temperatura certa e não custa nada · o leite materno é forte e protege contra várias doenças e o colostro que é o primeiro leite e que tem cor amarelada protege ainda mais · quanto mais o seu bebê mamar mais leite você vai ter · se seu bebê for amamentado toda vez que tiver fome não precisará tomar chá suco ou outro leite nos primeiros seis meses de vida · para que o bebê sugue bem o leite encontre uma posição em que ele fique tranqüilo e você relaxada e confortável não se apresse deixe o bebê sentir o prazer e o conforto do contato com seu corpo por que amamentar também é bom para a mãe · porque reduz seu peso mais rápido após o parto · ajuda o útero a voltar ao tamanho normal com menos risco de hemorragia e anemia · reduz seu risco de no futuro ter diabetes e câncer de mama 9 cronograma de encontros do grupo de gestantes meses primeiro atividade tema apresentação entre as integrantes dinâmica de grupo exposição da proposta de trabalho no

[close]

Comments

no comments yet