Jornal Via Tecnológica 30ª Edição

 

Embed or link this publication

Description

Jornal Via Tecnológica 30ª Edição

Popular Pages


p. 1

Faculdade de Tecnologia de Botucatu Ano 8 nº 30 abr/mai/jun. 2018 Escritório de Carreiras promove diversas atividades na Fatec Botucatu Conforme edição número 28 do Via Tecnológica, desde o 1º semestre de 2017 a FATEC Botucatu vem implementando o Escritório de Carreiras - um projeto que tem por objetivo auxiliar os alunos dos diversos cursos da Faculdade de Tecnologia de Botucatu a planejar e gerenciar suas carreiras profissionais. Esperase que com isso eles possam desenvolver as habilidades e competências necessárias para o gerenciamento de suas carreiras por toda a sua vida profissional. Além das atividades de Orientação Profissional e Mentoria de carreira – realizadas individualmente, são desenvolvidas atividades coletivas com o intuito de atingir o público alvo com maior amplitude. Neste1ºsemestrede2018aconteceramdiversasatividades: Prof.ª Alessandra ministra atividade do Escritório de Carreiras na Fatec Botucatu Sensibilização dos alunos a participar do projeto e aplicação do “Jogo de Competências” para traçar perfil de competências junto aos alunos do 1º ciclo. Utilizando um jogo online, a atividade realizada pelas professoras Letícia Negrisoli, Leticia Diniz e Ana Lucia Marcondes teve por objetivo traçar um perfil de competências comportamentais, a fim de conhecer o perfil dos alunos ingressantes e auxiliar na execução dos trabalhos de Orientação Profissional. Inteligência Emocional e as vantagens de seu desenvolvimento para o Relacionamento Interpessoal com os alunos de 2º ciclo. Esta foi uma atividade vivencial, de reflexão e estimulação do aprimoramento das habilidades e competências necessárias para um bom relacionamento interpessoal realizada pelas professoras Letícia Negrisoli, Leticia Diniz e Ana Lucia Marcondes Organização e Planejamento na vida acadêmica e profissional com os alunos de 3º ciclo. Uma atividade reflexiva e prática realizada pelas professoras Adriane Belluci Belório de Castro e Letícia Negrisoli, que teve por objetivo despertar o aluno para a necessidade de organização, planejamento e gestão do tempo para um desempenho satisfatório das atividades diárias. Realizada uma reflexão com os alunos acerca do tempo objetivo e subjetivo, das características do tempo na contemporaneidade e suas implicações no cotidiano. Executado junto aos alunos planejamento de estudo para auxiliar na organização. A capacidade de realizar escolhas e as diversas possibilidades de atuação profissional com os alunos de 4º ciclo. Tecnologia, Inovação e o perfil profissional alunos do 5º ciclo. Ambas realizadas pela professora Letícia Negrisoli, as atividades tiveram o objetivo de despertar o aluno para as diversas possibilidades de atuação profissional e a necessidade de conhecê-las amplamente, conhecer o perfil do tecnólogo e suas intersecções com a Inovação e a Tecnologia para a realização de escolhas assertivas e satisfatórias. Planejamento da carreira profissional aos alunos do 6º ciclo Realizado pela Coach Alessandra Pupim teve por objetivo propor uma reflexão ao aluno acerca da carreira profissional bem como seu planejamento. Oficina de produção de currículo aos alunos de Gestão Empresarial Ministrada pelas professoras Ana Lucia Marcondes, Letícia Negrisoli e Leticia Diniz. Após breve introdução sobre os tipos de currículos existentes e seus objetivos, os alunos puderam escolher e fazer seus currículos com a orientação e auxílio das professoras. Alunos do 6º Ciclo refletem acerca da carreira profissional

[close]

p. 2

O SENAR - Serviço Nacional de Aprendizagem Rural é uma entidade de direito privado, paraestatal, mantida pela classe patronal rural, vinculada à Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil – CNA e administrada por um Conselho Deliberativo tripartite. Integrante do chamado Sistema S, tem como função cumprir a missão estabelecida pelo seu Conselho Deliberativo, composto por representantes do governo federal e das classes trabalhadora Nascido do desejo de estimular o corpo discente através de oportunidades de conhecimento de áreas de atuação nos mais diversos segmentos que envolvem o profissional do Agronegócio, este projeto possibilita aproximar alunos e empresas do setor, conhecer melhor as áreas de atuação profissional; cria oportunidades para estabelecer novos contatos profissionais (networking) e novas parcerias para desenvolvimento de estágios e pesquisas. Foi idealizado e proposto pelo coordenador do curso, Prof. Dr. Fabio B. Tonin. Após apresentação do conceito junto a direção, houve aprovação imediata. Em reunião com os representantes de classe, eles puderam entender a proposta e opinar, inclusive sugerindo algumas empresas que seriam interessantes e motivadoras para o projeto. Nessa reunião surgiu o nome de batismo para o projeto: AGROAÇÃO. A ideia é trazer para a Faculdade um profissional a cada mês: representantes de empresas, instituições ou órgãos públicos, empreendedores, pesquisadores e outros que, por meio de um bate-papo, apresentem sua área de atuação, produtos, segmento de mercado, permitindo espaço para questionamento dos alunos e professores presentes. Em 08 de maio foi realizado o primeiro encontro. Recebemos a ilustre visita do Dr. Jean Guilherme Fernandes Joaquim, auditor fiscal federal e chefe da UTRA - Unidade Técnica Regional da Agricultura, Pecuária e Abastecimento* da Regional Botucatu, órgão público de âmbito Federal que presta serviços ligados ao MAPA – Ministério da Agricultura, Abastecimento e Pecuária. Na data estiveram presentes alunos e professores de todos os ciclos do curso no Auditório do Bloco A, somando mais de 120 participantes. O evento foi coroado de sucesso, gerando repercussões positivas e pôde-se observar a satisfação do público. “Eventos como este podem trazer um grande diferencial para a vida profissional dos futuros tecnólogos, pois ainda durante o curso eles podem conhecer áreas até então desconhecidas, ou não apresentadas e buscar oportunidades de estágio, conhecer mais sobre o segmento e direcionar seu foco de estudo” afirma, realizado, o Professor Tonin. *mais informações em: http://noticias.universia.com.br/ e patronal rural. Atende, gratuitamente, mais de 3 milhões de brasileiros do meio rural, todos os anos, contribuindo para sua profissionalização, integração na sociedade, melhoria da qualidade de vida e para o pleno exercício da cidadania. O curso de Agronegócio da Fatec Botucatu é parceiro de longa data do SENAR, graças aos esforços e contribuições do ex-coordenador Prof. Osmar Delmanto. Agora sob nova coordenação ainda serão mantidas essas oportunidades inclusive como possibilidade de estender nossos braços para a comunidade ao redor, como através do Programa “Empresário Rural”. O Programa “Empresário Rural” constitui de um curso que foi idealizado para preparar o homem do campo de forma a desenvolver suas competências empresariais, utilizando instrumentos gerenciais de forma objetiva para planejar, organizar, dirigir e controlar sua empresa. Vale ressaltar que o curso é totalmente apostilado, com material de altíssima qualidade, fornecido gratuitamente aos participantes. Durante o curso, o grupo aprenderá com exemplos reais colocados em exercícios nos materiais didáticos, e na parte prática farão os mesmos exercícios aplicando os conhecimentos adquiridos em uma propriedade rural, à campo de fato. Fazendo todo o diagnóstico da propriedade, levantamentos referentes a infraestruturas, custos, etc., de tal maneira que este trabalho final obtido ficará para a propriedade onde foi realizado o estudo, de forma gratuita também. Isto é, a propriedade que aceitar abrir suas porteiras para este estudo receberá no final o trabalho todo realizado gratuitamente. Estes tipos de informações são de grande importância para execução futura de qualquer projeto na propriedade, facilitando inclusive acesso a créditos rurais. No último dia 15 de maio a Fatec recebeu o Eng. Agrônomo João Emílio, facilitador do programa deu todas as explicações necessárias sobre o curso e sugeriu que fosse formada uma turma exclusiva formada somente por alunos do curso de Agronegócio. Até o fechamento desta edição, a turma ainda não era conhecida. Nas próximas edições poderemos informar o andamento destaque/noticia/2006/06/09/439628/unespbotucatu-abriga- do curso. Importante destacar que a entidade oferece outros unidade-tecnica-regional-da-agricultura-pecuaria-e- cursos e treinamentos gratuitos. Os interessados podem abastecimento.html procurar o SENAR de Botucatu na Rua João Passos nº 1800. 02

[close]

p. 3

PROGRAMA NOVOS TALENTOS A parceria entre Fatec Botucatu e Consciência Soluções e Tecnologia começa a gerar bons resultados. A empresa, em conjunto com a FATEC, selecionou estudantes com bom desempenho na universidade para fazer parte do Programa Novos Talentos. O Programa tem o intuito de acelerar o conhecimento de estudantes que gostam da área de programação, com muita orientação e atividades práticas lideradas pelo gestor de TI Sergio Maciel Cornelio. Atualmente, todos estão bem motivados e abertos para receber informação e conhecimento, e a Consciência acredita que em pouco tempo o departamento de Tecnologia poderá contar com profissionais muito bem qualificados para integrar a equipe. A Consciência Soluções e Tecnologia está no mercado há 26 anos, com unidades nas cidades de Botucatu e São Paulo e clientes em todo território nacional. É uma empresa voltada ao desenvolvimento de soluções tecnológicas ligadas à organização de empresas de diversos ramos de atividades. Certificada MPS.BR, é uma empresa comprometida com o resultado de seus clientes e com o desenvolvimento de seus colaboradores. Recentemente a empresa entrou em contato com a Fatec Botucatu em busca de profissionais na área de TI: - Das vagas, 01 Analista Programador Delphi com remuneração de R$ 5.000,00 a R$ 6.000,00 (conforme experiência e conhecimento) e 01 Desenvolvedor .Net Web, com remuneração de R$5.000,00 a R$7.000,00 (conforme conhecimento e forma de contratação). Mais informações sobre a empresa podem ser encontradas no site www.consciencia.com.br. 03

[close]

p. 4

Onde está você? Coluna do Egresso Luiz Augusto Biazon 14ª Turma do Agronegócio Biazon e uma de suas ferramentas, ao fundo. Aluno da décima quarta turma do Curso Superior de Tecnologia em Agronegócio, que se iniciou em fevereiro de 2015 e cuja colação de grau se deu em março de 2018, Luiz Augusto Biazon há nove anos convive com atividades ligadas ao Agronegócio. Trabalha na Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, e iniciou suas atividades como Reparador Geral na Seção de Conservação e Manutenção. Há quatro anos, a Seção cresceu e se transformou no Setor de Manutenção. Em todo período de suas atividades, realizou vários trabalhos voltados ao auxílio de alunos de Pós-Graduação, principalmente na montagem de equipamentos de irrigação. Em todas as edições da Agrifan – Feira voltada para a agricultura familiar, Biazon auxiliou o Prof. Dr. Scalope da FCA na montagem e na demonstração dos equipamentos para irrigação. O convívio diário com pesquisa, desenvolvimento e professores e alunos da FCA foi a grande motivação para cursar uma faculdade. Num dia do segundo semestre de 2014, no centro da cidade, teve a oportunidade de presenciar alunos e professores da Fatec divulgando o Vestibular. Confessa que à época ainda não sabia do Curso do Agronegócio, porém não teve dúvida alguma e “num piscar de olhos” decidiu se inscrever - “com bastante entusiasmo”, em suas próprias palavras. Aprovado, em fevereiro do ano seguinte iniciou sua vida acadêmica. Emocionado, Biazon confidencia que “após três anos de muito sacrifício e dedicação, trabalhando e estudando, alcancei meu objetivo de concluir um curso universitário. Foi muito importante pessoal e profissionalmente para mim, porque no último dia 16 de janeiro deste ano, para minha grata surpresa, fui convidado pelo Diretor de Serviços do departamento, para assumir uma vaga de Supervisor, com a responsabilidade de tornar possível e viável toda parte operacional hidráulica e elétrica necessárias para o bom andamento dos estudos e pesquisas. A Fatec mudou a trajetória da minha vida profissional, principalmente. Agradeço aos senhores professores doutores, mestres e especialistas e toda a equipe de colaboradores da Fatec, em particular ao Prof. Dr. Tonin, por terem me passado não só o conhecimento teórico, mas também as experiências de vida. Foi muito bom ter conhecido a Fatec”. Biazon encerrou suas palavras desejando um forte abraço a todos! A Fatec e todos os seus funcionários desejam muito sucesso ao egresso Biazon! 04

[close]

p. 5

1º ENCONTRO CLUSTER - TIC O Parque Tecnológico Botucatu com objetivo de apoiar as empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação - TIC, visando a integração destas com o ecossistema empreendedor e inovador de Botucatu e região, instituiu o “Cluster de Tecnologia da Informação e Comunicação – TIC Botucatu”. O diretor da Fatec Botucatu, Prof. Celso Fernandes Joaquim Júnior, participou da mesa de abertura do evento. A Fatec Botucatu é parceira na criação do Grupo de TIC que originou o encontro ocorrido no último dia 25 de abril no Parque Tecnológico e teve a participação de professores, alunos e auxiliares docentes da faculdade. O objetivo do evento foi estimular as empresas a atuarem em conjunto por meio de ações que proporcionem o aperfeiçoamento do setor. O encontro ficou marcado pela apresentação de três palestras, cujos palestrantes e títulos foram: Élvis Fusco, coordenador do Centro de Inovação Tecnológica de Marília (CITec-Marília), que falou sobre “Inovação nas empresas de Tecnologia da Informação”; David Pinheiro, diretor de Tecnologia da Informação e Comunicação da Solutudo Brasil Franchising, que abordou o tema “E-commerce no Brasil e seus desafios”; além de Alexandro Ribeiro, fundador da Anima Games, que contextualizará a “Como a Realidade Virtual mudará a forma que vemos o mundo”. Como é de costume, antes da apresentação das palestras os participantes foram recebidos pelos organizadores e foram servidos coffee-breaks nos intervalos. Parabéns aos organizadores do evento que mais uma vez foi um imenso sucesso. Você Sabia? Cluster é um termo em inglês que significa “aglomerar” ou “aglomeração” e pode ser aplicado em vários contextos. No caso da computação, o termo define uma arquitetura de sistema capaz combinar vários computadores para trabalharem em conjunto ou pode denominar o grupo em si de computadores combinados. Cada estação é denominada “nodo” e, combinadas, formam o cluster. Em alguns casos, é possível ver referências como “supercomputadores” ou “computação em cluster” para o mesmo cenário, representando o hardware usado ou o software especialmente desenvolvido para conseguir combinar esses equipamentos. https://www.opservices.com.br/o-que-eum-cluster/ 05

[close]

p. 6

Treinamento ISO Em parceria do curso de Agronegócio junto ao SBC (Serviço Brasileiro de Certificação), a Fatec de Botucatu sediou no dia 28 de março uma capacitação sobre FUNDAMENTOS DA NORMA ISO/IEC 17065:2013, importante tema para a gestão da qualidade em produtos relacionados ao setor. Participaram desde treinamento, docentes do curso de Agronegócio com área de atuação relacionada, alguns alunos que buscam este tipo de aperfeiçoamento, além dos colaboradores da empresa SBC. Atualmente o SBC possui em seu quadro de funcionários (foto) alguns que já se formaram na Fatec Botucatu e outros que ainda estão à caminho do diploma de tecnólogo. Além deles, o recém contratado Giovani Mateus (Agronegócio), que na data estava à serviço da empresa em outro estado. O município de Botucatu tem se destacado no segmento de certificações, sediando algumas empresas com destaque no cenário nacional e internacional do agronegócio e que no montante englobam diversos selos relevantes ao mercado moderno. Há algum tempo o SBC vem oferecendo vagas para estágios e empregando alunos da Fatec Botucatu. Eventos como este são de grande importância para a Fatec, ao aproximar corpo discente e docente a profissionais e empresas atuantes em diferentes elos das cadeias produtivas, mostrando aos alunos em curso as inúmeras possibilidades de atuação do profissional Tecnólogo em Agronegócio. Da esquerda para direita: o facilitador Gilberto Andrade da Global PCS; Renan Rodrigues (ADS), Lucas Arruda (Agronegócios), Matheus Dias (Agronegócios), Danilo Pereira (Agronegócios), Anselmo Basques (Agronegócios e Informática), Ariane Fantazia (ADS), Patrícia Santos (Agronegócios). 06

[close]

p. 7

O recém contratado Giovani Mateus (Agronegócio), que na data estava a serviço da empresa em outro estado. 07

[close]

p. 8

Copa Solidária A 3ª Copa Solidária foi um grande sucesso. Graças à iniciativa de Rodrigo Pereira de Morais, aluno do curso de Produção Industrial que, após autorização da Diretoria da Fatec, visitou todas as salas de aula da faculdade para divulgar a campanha solidária, foram arrecadadas na Fatec 200 caixas de bombons de chocolate. A contribuição da Fatec se somou a outras 360 caixas de bombons arrecadadas em outras empresas, que foram distribuídas para as entidades assistenciais de Botucatu: Instituição Adolescer , IDE - Associação de Assistência à Infância e Juventude, Projeto Social CDHU, CEI – Professora Rosemary Cassetari Ribeiro e Instituição Nutras. Parabenizamos ao Rodrigo pela iniciativa e também a todos que contribuíram com esta campanha, que proporcionou às entidades e aos assistidos uma Páscoa mais inclusiva e recheada de calor humano. Foto de uma das entidades contempladas, com Rodrigo ao centro. EXPEDIENTE Via Tecnológica é um jornal da Faculdade de Tecnologia de Botucatu. Site: www.fatecbt.edu.br Av. José Ítalo Bacchi, s/n Jardim Aeroporto Botucatu (SP) (14)3814.3004 Diretor: Prof. Dr. Celso Fernandes Joaquim Júnior Vice-Diretor: Prof. Dr. Roberto Antonio Colenci Organizador: Prof. Esp. José Augusto Rota Diagramação: Fernanda L N A Azevedo Colaboradores: alunos, professores e funcionários da Fatec-Botucatu. Edição Digital Fale conosco: jornal@fatecbt.edu.br 08

[close]

Comments

no comments yet