Please Add a Title

 

Embed or link this publication

Popular Pages


p. 1

revista trimestral da cmi secovi-mg ano 5 nº 17 ago set out 2011 foco grande desafio para o mercado imobiliário prazo corretor associado entenda o projeto de lei que regula o trabalho desses profissionais crescimento ao norte instalação de grandes polos atrativos transformam a região

[close]

p. 2

editoria o mercado imobiliÁrio sem quebra-cabeÇa o pqex programa de qualidade e excelÊncia empresarial maior prÊmio do mercado imobiliÁrio mineiro que estÁ na sÉtima ediÇÃo e jÁ certificou as principais empresas do setor comeÇou sua temporada 2011 atravÉs desta iniciativa a cmi/secovi reconhece as empresas que investem na capacitaÇÃo dos seus funcionÁrios por meio dos cursos palestras e atividades oferecidas pela entidade incentivando as associadas a se qualificarem cada vez mais os certificados azul prata ouro e master sÃo cobiÇados entre as empresas do mercado imobiliÁrio conquistar um desses prÊmios alÉm de ser um reconhecimento e motivo de orgulho representa dar um passo importante no fortalecimento da imagem da empresa perante a comunidade e demais associadas da cmi/secovi É um verdadeiro selo de qualidade que atesta a capacidade da empresa que o detÉm o resultado É a conquista de novos clientes atraÍdos pela excelÊncia dos serviÇos prestados vocÊ que É do setor imobiliÁrio conheÇa a cmi/secovi e venha tambÉm fazer parte dessa valorosa entidade e da histÓria de minas gerais patrocinado por gold imÓveis lopes pimenta netimoveis pacto administradora rb imÓveis sancruza netimoveis triunfo corretora de seguros 31 www.secovimg.com.br 3055.5353 a cmi/secovi-mg atua em prol de um mercado imobiliÁrio mais fortalecido e competitivo defendendo os interesses dos segmentos que representa venha conhecer a cmi/secovi-mg e ajude vocÊ tambÉm a construir o futuro de minas gerais apoio realizaÇÃo agosto/setembro/outubro verbocriativa

[close]

p. 3

editorial foco a revista foco imobiliário é uma publicação trimestral da câmara do mercado imobiliário e sindicato das empresas do mercado imobiliário de minas gerais cmi secovi-mg endereço para correspondência rua tabaiares 12 4º andar floresta cep 30150-040 belo horizonte mg telefax 31 3055-5353 e-mail secovi@secovimg.com.br www.secovimg.com.br nova publicação para o setor É com grande satisfação que a cmi secovi-mg apresenta ao mercado mineiro a nova revista foco imobiliário com projeto editorial e gráfico renovados a publicação que chega às suas mãos tem como objetivo falar sobre os temas de maior relevância do setor nas próximas páginas você poderá conferir textos sobre incorporação loteamento venda e administração de imóveis e administração de condomínios É com a força e com a credibilidade da marca cmi secovi-mg que aceitamos o desafio de ampliar o nosso público leitor oferecendo informações abrangentes sobre os principais temas de interesse do mercado imobiliário mineiro o lançamento da nova foco imobiliário coincide com um dos melhores momentos da indústria da construção civil em minas a retomada a partir de 2004 tem rendido possibilidades de negócios e também desafios o setor que se firma como um dos mais importantes para o processo de desenvolvimento do país tem convivido com mazelas estruturais como a burocracia e a falta de mão de obra qualificada para não se deixar abater pelos problemas as construtoras têm investido em capacitação e/ou importação de empregados e também em novas tecnologias que garantam a produtividade e a entrega dos empreendimentos dentro de prazos definidos nos contratos no entanto atrasos ainda têm ocorrido motivando denúncias junto aos órgãos de defesa do consumidor na matéria de capa o mercado imobiliário reage à investida do poder público de intervir via projeto de lei para coibir os atrasos na entrega de imóveis que foram adquiridos na planta por acreditar que tal dispositivo não solucionará o problema de fato além de negar a concessão de alvarás de construção para as construtoras que estiverem nessa situação a medida também prevê reduzir de 180 para 60 dias o prazo complementar para esse tipo de ocorrência a multa de 0,5 do imóvel para cada mês de atraso após o período complementar de 180 dias é um dispositivo mais eficiente e que não compromete o processo de crescimento do setor que tem enfrentado problemas estruturais de diversas ordens com a coragem necessária para vencê-los e consolidar-se como uma das forças econômicas do estado sindicato das empresas do mercado imobiliário de minas gerais secovi-mg presidente ariano cavalcanti de paula vice-presidentes evandro negrão de lima júnior incorporadoras/construtoras jader nassif gonçalves loteadoras josé de filippo neto corretoras leonardo da mota costa administradoras de condomínios reinaldo altimiras nogueira branco administradoras de imóveis diretores alcyr costa júnior administradoras de condomínios alexandre medeiros rennó jurídico relações com o mercado e imprensa cássia amorim ximenes queiroga expansão eventos e desenvolvimento social jamerson albuquerque leal desenvolvimento profissional josé carlos manetta loteadoras otimar ferreira bicalho relações com poderes constituídos e institucionais vinícius Ângelo araújo administrativo e financeiro gerente administrativo e financeiro edilaine dutra coordenador de relacionamento e cursos lowell revert ficha técnica produção editorial e gráfica interface comunicação empresarial jornalista responsável délio campos coordenação editorial veronica anselmo soares reportagem camila bessa camila leopoldino david amorim e luciana sampaio comercial lowell revert 31 3055-5353 projeto gráfico interface comunicação empresarial impressão gráfica impressões de minas tiragem 10 mil exemplares ariano cavalcanti de paula presidente da cmi secovi-mg 3

[close]

p. 4

índice 08 perfil 06 14 18 20 síndico destaque administração dinâmica e sustentável manutenção as vantagens do gás canalizado vida contemporânea negócios migram para a internet mundo sustentável coleta seletiva feita em casa consultora orienta profissionais do mercado imobiliário 21 24 25 26 28 viver bem alimentação equilibrada com o relógio legislação 10 capa corretor autônomo com aval da lei delegacias regionais autonomia e amplitude para as regiões loteadoras novo rumo para o crescimento da cidade artigo novidades no setor hoteleiro brasileiro construtoras buscam alternativas para minimizar atrasos em obras confira ainda 05 curtas 15 novidades 30 indicadores 4 agosto/setembro/outubro

[close]

p. 5

curtas administraÇÃo lanÇamento sistema de declaração de votos on-line uma das maiores administradoras de condomínios do país passou a oferecer aos condôminos uma comodidade extra a declaração de votos on-line a nova ferramenta permite aos moradores declarar os seus votos antecipadamente durante o prazo de convocação caso não possam frequentar pessoalmente a assembleia a ordem do dia é carregada no sistema e os condôminos podem declarar os votos até a data da realização da assembleia já que a presencial não pode deixar de ser efetivada dessa forma os votos declarados on-line podem ser computados em adição aos da assembleia presencial empreendimento de luxo em furnas o condomínio fica às margens da represa de furnas meio ambiente conceitos de sustentabilidade em edifícios a fundação vanzolini oferece o curso de atualização de alta qualidade ambiental aqua operação e uso de edifícios comerciais e de serviços o treinamento é dirigido a arquitetos engenheiros empreendedores gestores e profissionais que exerçam funções nas áreas de pesquisa consultoria gestão projetos e obras o objetivo é introduzir conceitos para que um empreendimento em uso atinja um desempenho de alta qualidade ambiental com duração de 24 horas o curso apresenta o sistema de gestão do empreendimento em operação perfil de desempenho de um edifício controles interpretação dos requisitos e a autoavaliação do atendimento aos objetivos de desempenho da qualidade ambiental do prédio as inscrições podem ser feitas até o dia 28 de setembro pelo site www.vanzolini.org.br e as aulas serão ministradas de 3 a 5 de outubro em são paulo agosto/setembro/outubro foi lançado em agosto o condomínio vitória náutico residence empreendimento de luxo situado em formiga às margens da represa de furnas a 220km de belo horizonte o vitória náutico residence possui 700 mil m² de área total 80 mil m² de área verde preservada e 856 lotes a partir de 480m² com preço médio de r 120 mil o vgv do empreendimento é de r 120 milhões ele terá ampla área de lazer bar panorâmico espaço gourmet piscina adulta e infantil quadra de tênis quadra de vôlei e peteca campos de futebol gramado e de areia salão de jogos brinquedoteca espaço zen espaço fitness píer e heliponto os moradores poderão praticar mergulho pesca wakeboard entre outros esportes e apreciar as belezas naturais da região como os cânions e o próprio lago de furnas tecnologia prédio com 36 elevadores um edifício que está sendo construído em brasília df vai receber 36 elevadores atlas schindler para realizar o transporte vertical dos futuros moradores dos prédios o empreendimento será o primeiro condomínio prime de brasília com padrão seis estrelas os equipamentos prometem representar uma nova geração de elevadores desenvolvida para edifícios residenciais e comerciais com projetos que dispensam a construção da casa de máquinas dessa forma o espaço nobre da cobertura do edifício é liberado o que proporciona novas alternativas de utilização para uma área de grande valor 5

[close]

p. 6

síndico destaque atitude sustentável e bom relacionamento a andré administração mais dinâmica e profissional lém de políticas para promover a boa convivência entre os moradores melhorar a segurança diminuir as despesas e preservar o meio ambiente foram objetivos de andré luiz silva quando assumiu o cargo de síndico do condomínio piazza primavera em belo horizonte em menos de um ano no cargo ele incentivou o uso racional da água e energia elétrica nas áreas comuns e implantou medidas como a coleta do óleo de cozinha que trouxeram benefícios tanto para o condomínio quanto para a qualidade de vida de seus moradores sempre participativo nas reuniões andré se tornou síndico por incentivo de alguns vizinhos seu primeiro desafio quando assumiu o cargo em setembro de 2010 foi resolver problemas que o condomínio vinha enfrentando como infiltração no pilotis assumi o cargo com foco específico de uma administração mais dinâmica e profissional explica 6 agosto/setembro/outubro

[close]

p. 7

síndico destaque servidor público bacharel em direito e em ciência da computação ele afirma não encontrar dificuldades para conciliar sua profissão e as atribuições de síndico mas sua principal meta é buscar soluções eficazes que agradem à maioria É preciso ter paciência para entender que cada morador tem seu ponto de vista cabe ao síndico ponderar filtrar decidir conforme o interesse da coletividade e saber que as decisões não agradarão a todos mas que é preciso ser firme pensar no bem comum é essencial para uma boa gestão principalmente no nosso caso com 52 unidades ressalta rumo à sustentabilidade em seu mandato andré luiz se preocupou em adotar novas ações que além de beneficiar os moradores visam preservar o meio ambiente recentemente a coleta seletiva do óleo de cozinha foi implantada e novos projetos como a adequação da localização e modelo das lâmpadas em áreas comuns está em via de implantação com o objetivo de otimizar a iluminação e reduzir o consumo de energia não renovável estamos divulgando as novidades e fazendo o trabalho de conscientização de cada morador a preservação ambiental é fruto de pequenos gestos cotidianos afirma segundo andré desde que assumiu o cargo o condomínio recebeu diversas melhorias aquisição de nova sauna e um novo aparelho de aquecimento de piscina troca da iluminação de emergência instalação de circuito fechado de tv além da redução de custos com renegociação de valores de contratos com fornecedores e prestadores de serviços nossos próximos planos são implantar o aquecimento solar e reforçar a segurança no entorno do condomínio por meio do programa rede de vizinhos em parceria com a pmmg além de melhorar a iluminação dos jardins adianta receita de sucesso para acertar nas decisões e encontrar as soluções mais adequadas ele busca orientação de outros síndicos e profissionais da área para administrar é preciso ter paciência e profissionalismo sabendo que se trata da moradia de cada condômino um local que deve ser seguro e agradável aprendi muito e pretendo melhorar naquilo que fiz certo e rever os erros de modo a não repeti-los caso os moradores precisem estou à disposição para colocar minha experiência novamente a serviço do condomínio conclui agosto/setembro/outubro 7

[close]

p. 8

perfil em busca do aprimoramento profissional maria clara izidoro é responsável por capacitar profissionais do mercado imobiliário f azer com que o cliente tenha exclusividade e se sinta único É dessa forma que desde 2005 maria clara izidoro consultora em rh orienta profissionais do mercado imobiliário para que a empresa seja destaque no mercado e esteja apta a oferecer um atendimento diferenciado e de qualidade ao seu público a plena empresarial empresa de maria clara é referência em desenvolvimento humano e educação empresarial responsável por realizar um treinamento com os empregados recém-contratados com o objetivo de alinhar os valores da empresa desenvolver competências e formar equipes de alta performance esse tipo de treinamento é um investimento inicial que irá trazer bons frutos futuramente explica maria clara a consultora acompanha o crescimento e desenvolvimento do mercado imobiliário mineiro há mais de uma década sempre na busca pelos melhores profissionais do setor para ela os consultores imobiliários estão ganhando confiabilidade e espaço no mercado ao investir na construção de relacionamentos e na venda pessoal lo sólido com a empresa já que este é um profissional autônomo tem que haver uma relação madura de diálogo constante entre o corretor e a imobiliária enfatiza maria clara além disso é imprescindível ter um diferencial entender o mercado as leis e estar apto a fazer um atendimento personalizado e de qualidade atualmente cresce quem está capacitando a mão de obra ressalta para maria clara o corretor imobiliário também precisa ter paciência saber equilibrar o marketing pessoal e ter boa capacidade de negociação além de possuir jogo de cintura para conciliar interesses É importante que esse profissional tenha consciência de que não está lidando com qualquer decisão do cliente e sim com um processo de alta complexidade afirma para ela uma das funções mais importantes do corretor é esclarecer e orientar o cliente sobre o imóvel para que ele faça sempre a escolha certa É preciso ter um nível de profissionalismo muito alto frisa novo posicionamento a abertura de empresas pelos próprios corretores é uma tendência forte no contexto atual por isso um dos principais desafios é fazer com que o corretor de imóveis tenha um víncu8 agosto/setembro/outubro vida pessoal mesmo com todo empenho e dedicação na área maria clara sempre separa um tempo para o lazer a mineira de belo horizonte adora música entre seus estilos preferidos estão jazz mpb e samba de raiz um dos seus maiores hobbies é cantar já fez aulas de canto e já se apresentou em diversos locais na capital.

[close]

p. 9

informe publicitário ganho de capital e a adequada forma de interpretação temos observado dúvidas constantes sobre a matéria ir pessoa física incidente sobre o ganho de capital obtido nas operações imobiliárias a interpretação incorreta da legislação tem levado alguns contribuintes a recolherem o ir a maior ou vezes a menor não sendo raro as situações de notificações da receita federal do brasil por falta de recolhimento do ir ou omissão de informações as dúvidas surgem das partes envolvidas na operação de compra e venda,geralmente do vendedor e sobretudo por parte das imobiliárias sócios gerentes e corretores nada mais natural que existam dúvidas uma vez que são diversas as regras a serem aplicadas e as mesmas distribuídas numa legislação esparsa algumas regras são cumulativas e outras isoladas conforme o caso concreto a título de orientação procuramos resumir as regras mais importantes que envolvem tal matéria gerando um roteiro simples e objetivo para rápida análise diante do fato concreto 1 ganho de capital É a diferença positiva entre o valor de venda do imóvel e o valor de custo lançado na declaração de ajuste anual/declaração de irpf do vendedor 2 data de aquisição É a data da transferência do bem contrato de compra e venda ou escritura ou a data da abertura da sucessão 3 valor de custo É o valor em reais constante da declaração de ajuste anual dirpf porém temos que considerar que não se pode simplesmente atualizar o valor do imóvel as atualizações ao valor foram permitidas na declaração de irpf 1991/1992 e a partir de 01/1996 haverá redução do ganho de capital conforme garantido pela lei 11.196/2005 podem ser acrescidas ao valor do imóvel as benfeitorias e reformas sob risco de comprovação através de documentos idôneos nf´s e rpa 4 valor da venda É o preço efetivo da operação de venda ou cessão de direitos 5 isenção existem 3 regras básicas para se obter isenção que o analista do caso concreto poderá aplicar 5.1 são isentos do irpf os ganhos de capital decorrentes de a alienação do único imóvel que o titular possua b valor de alienação não superior a r$440.000,00 c que o alienante não tenha efetuado nos últimos cinco anos outra alienação neste caso devem ser aplicadas as regras acima de forma cumulativa ou seja a venda do imóvel para obter isenção de ir deverá atender integralmente as 3 condições exigidas 5.2 são isentas as operações de vendas que se enquadrarem nos arts 38 39 e 40 da lei 11.196/2005 a alienação de qualquer imóvel no valor de r$35.000,00 considerando este valor como unitário no mês a venda de vários imóveis neste limite de valor leva à perda de isenção b alienação de imóvel residencial por pf residente no país de qualquer valor se nos 180 dias seguintes à celebração do contrato o proprietário adquirir imóveis residenciais localizados no país neste caso se apenas parte do dinheiro for empregada na aquisição de imóveis residenciais haverá imposto sobre o lucro apurado na parcela restante proporcionalidade na venda de mais de um imóvel conta-se o prazo a partir da celebração da 1a operação e o uso do benefício somente é possível uma única vez a cada 5 cinco anos 5.3 reduÇÃo do ganho de capital na prática é como se fosse uma isenção · na aquisição de imóvel até 1969 haverá redução do ganho de capital em 100 portanto não haverá incidência de ir tal regra considera que de 1969 a 1988 há redução de 5 ao ano há ainda a figura da não incidência que na prática será o não pagamento do inss semelhante à isenção que será nos seguintes casos i ­ os ganhos de capital decorrentes de indenização desapropriação por reforma agrária ii ­ a permuta de unidades imobiliárias objeto de escritura pública · atenÇÃo quando houver pagamento de torna na permuta o novo imÓvel terá por valor de custo o valor do custo do imóvel anterior valor pago na torna iii ­ as transferências causa mortis e as doações em adiantamento da legítima entendemos que se observadas as regras acima grande parte das dúvidas recorrentes serão sanadas caso a dúvida subsista deve ser consultado um contador com conhecimento da matéria ou advogado tributarista para encontrar o enquadramento correto da regra jurídica ao caso concreto av cristiano machado 640 3º andar sagrada família belo horizonte mg tel 31 3421-1991

[close]

p. 10

capa superar desafios para cumprir prazos o aumento expressivo da demanda por imóveis a partir de 2004 rendeu à indústria da construção civil mineira além de dividendos e bons negócios desafios alguns deles são a profissionalização da cadeia produtiva a burocracia e a falta de mão de obra qualificada três aspectos que juntos determinam a execução de um projeto dentro do prazo estipulado em contrato e evitam prejuízo para empresas e consumidores 10 agosto/setembro/outubro

[close]

p. 11

capa d iante desse cenário de aquecimento da demanda e déficit de mão de obra e de fornecimento de materiais o atraso na entrega dos imóveis tem se convertido em mais um problema para o qual as e m p re s a s buscam soluções os consumidores conscientes de seus direitos por terem adquirido o bem na planta têm buscado os programas de orientação e proteção ao consumidor procons segundo a coordenadora do procon de belo horizonte maria laura san tos o descumprimento da oferta a não entrega do bem no prazo definido em contrato é a reclamação relativa ao setor imobiliário que mais tem aumentado nos últimos anos diferente da aquisição de outros bens o imóvel é uma compra que tem grande carga emocional e expectativa da parte do consumidor analisa a coordenadora causas e remediações segundo o vice-presidente das incorporadoras cmi secovi-mg evandro veiga negrão de lima júnior além do aumento da demanda pelo produto imóvel e do processo de adaptação da cadeia produtiva a esse novo cenário fenômeno que não acontece do dia para a noite as construtoras também esbarram em um atraso médio de seis meses provocado pelos órgãos públicos responsáveis pela análise e liberação do projeto para execução além de manter os clientes informados sobre a obra as construtoras devem se preparar para pagar a multa contratual prevista para o atraso enfatiza na regra atual as empresas têm até 180 dias após a data prevista pelo documento para liberar o imóvel para o consumidor passado esse prazo devem pagar 0,5 do valor do bem por mês de atraso conforme previsto no contrato assinado entre as partes ele reconhece que atrasos na entrega acima de 180 dias estão acontecendo mas acredita que é possível serviços gráficos criação de logomarca papelaria institucional cartões de visitas envelopes saco e ofício papéis timbrados pastas blocos de anotação e etiquetas agosto/setembro/outubro impressão e criação em um só lugar solicite ainda hoje o seu orçamento rua dos tabaiares 16 loja 01 bairro floresta 3492 2383 www.impressoesdeminas.com.br contato@impressoesdeminas.com.br 11

[close]

p. 12

capa reduzir parte do impacto negativo a surpresa do atraso gera desgaste emocional para o consumidor o que deve ser minimizado mesmo que o imóvel com o atraso fique mais valorizado ressalta legislação acirrada para tentar reduzir essas ocorrências o presidente da câmara dos vereadores de belo horizonte vereador léo burguês apresentou em maio o projeto de lei 1.576/2011 que visa punir as construtoras que atrasam na entrega dos empreendimentos com a proibição da concessão de novos alvarás de construção a proposta também reduz o prazo limite de 180 para 60 dias a medida não recebe o apoio de negrão de lima para quem essa sanção não solucionará o problema dos atrasos para isso existe a multa contratual que deve ser paga proibir a concessão de outro alvará não faz sentido porque o lançamento de um novo empreendimento não atrapalha a execução do anterior visto que a obra não começa imediatamente explica o vice-presidente do sindicato da indústria da construção civil do estado de minas gerais sinduscon-mg andré campos avalia que o atraso na entrega das obras é fruto do processo de retomada do setor que experimen tava estagnação desde a década de 1980 para ele as condições econômicas do país e a legislação que passou a considerar a moradia um direito fundamental do cidadão somada à oferta de crédito nunca antes vista são fatores que devem pesar na balança quando se trata do processo de adaptação da cadeia produtiva a curva ascendente da produção é fantástica entre 2004 e 2010 afirma além desses fatores há que se considerar também o trâmite dos projetos na prefeitura no cartório na cemig e na copasa que chegam a totalizar seis meses de espera por parte das construtoras a ligação de um padrão demora em média 30 dias a prefeitura continua com o mesmo número de funcionários para atender a um segmento que está o déficit de mão de obra é um dos grandes desafios no mercado imobiliário 12 agosto/setembro/outubro

[close]

p. 13

capa produzindo infinitamente mais com isso a aprovação dos projetos e a concessão do habite-se também é um processo lento exemplifica boas perspectivas a tendência segundo o dirigente é que a situação se estabilize dentro de 12 meses em relação à ansiedade do consumidor normalmente os contratos já incluem cláusulas relativas aos atrasos superiores aos 180 dias regulamentares há também a figura do patrimônio de afetação que blinda o empreendimento impedindo que o terreno possa ser hipotecado penhora do ou mesmo ser dado como garantia para qualquer negócio diferente de outros segmentos industriais a construção civil ainda tem de considerar o fator natural e questões sociais que acabam interferindo de forma direta ou indireta na sua produtividade a temporada de chuvas e uma greve do transporte coletivo podem comprometer o cronograma da obra geralmente as obras demoram entre 18 meses e 3 anos e nesse período pode acontecer muita coisa assinala mas uma coisa é certa campos garante que mesmo com atrasos não há risco de que os imóveis não sejam entregues como já aconteceu no passado para maior facilidade e segurança na hora do pagamento você pode utilizar os cartões de crédito agosto/setembro/outubro informaÇÕes e inscriÇÕes 31 www.universidadesecovimg.com.br 3055.5353 13

[close]

p. 14

manutenção comodidade encanada i magine acender a churrasqueira ou a lareira com um simples clique e aquele banho dos deuses para relaxar ter em casa confortos como esses e outros está cada vez mais fácil basta um sistema de aquecimento central diferencial que as construtoras mineiras têm incluído em seus empreendimentos para aumentar o valor agregado do imóvel e garantir a satisfação dos clientes na shv gás empresa que detém a marca supergasbras os contratos com construtoras totalizam 24 dos negócios da companhia no país para fornecimento a granel de gás liquefeito de petróleo glp há uma tendência de crescimento em função do boom imobiliário das parcerias com as maiores construtoras e devido aos eventos que acontecerão no país nos próximos anos destaca o gerente de negócios a granel marcos moisés em condomínios a instalação da tubulação de gás é feita no início da obra a construtora entra em contato com a supergasbras que apresenta um projeto de viabilidade técnica e comercial se aprovado inclui ainda o fornecimento do material serviço e mão de obra especializada para execução da obra o fornecimento de gás é por comodato e o consumo médio para instalação do sistema em condomínios é de 300kg de consumo de glp por mês garantia de segurança as instalações são construídas de acordo com as normas da associação brasileira de normas técnicas abnt já o abastecimento é automático em relação à segurança a shv gás é de acordo com a abnt a empresa mais segura do segmento nos últimos 14 anos enfatiza o coordenador de negócios a granel de são paulo jonas capacle um dos diferenciais da supergasbras é a oferta de assistência técnica para os clientes antes durante e após a instalação do sistema os condomínios podem contar também com um serviço de atendimento que funciona 24 horas além dos vasilhames de 45 quilos a empresa também pode fazer a instalação de tanques estacionários com capacidade a partir de 190 quilos de gás o serviço de fornecimento de gás é garantido por um seguro da sulamérica seguros em caso de sinistro causado pela instalação o cliente estará coberto instalações da supergasbras são construídas segundo as normas da abnt 14 agosto/setembro/outubro

[close]

p. 15

novidades secovicred internet primeira cooperativa de crédito do mercado imobiliário mineiro no dia 8 de agosto foi realizada a assembleia de fundação da cooperativa de crédito da cmi secovi-mg secovicred o encontro reuniu os fundadores da cooperativa para a sua oficialização além da aprovação do estatuto e eleição da diretoria a secovicred será presidida pelo presidente da cmi secovi-mg ariano cavalcanti de paula e terá como vice-presidente o fundador da entidade maurício chebly a cooperativa aprovada em maio pelo banco central surgiu da constatação de que o mercado imobiliário gera muitas receitas para os bancos com taxas e serviços como a cobrança de aluguéis taxas de condomínios promissórias e emissão de boletos de pagamento entre outros a secovicred é a primeira cooperativa de crédito do mercado imobiliário em minas gerais e a entrada em operação está prevista para janeiro de 2012 até lá a cooperativa deverá contratar um executivo para a gestão da entidade e cumprir as exigências estipuladas pelo banco central a meta é chegar a 300 cooperados e ao valor de r 500 mil em créditos concedidos até o final de 2012 portal nacional de negócios imobiliários em breve o mercado imobiliário brasileiro vai ganhar uma nova ferramenta para os negócios um portal nacional de vendas de imóveis o site será semelhante ao primeira vista da cmi secovi-mg e ao chave fácil do secovi-pr que disponibilizam aos seus associados um espaço para anunciar seus imóveis para locação e venda o portal já nascerá com cerca de 80 mil imóveis cadastrados somente com a contribuição de mg e pr e perspectivas de rápido crescimento para se tornar o maior do brasil o projeto já tem a adesão firmada com vários secovis rj pr mg sp go rs sc df pe ba to es rn e uberlândia e conta também com a participação de outras entidades o foco do portal nacional será o cliente que poderá encontrar no site as primeiras informações sobre a unidade que procura o internauta fará a busca do imóvel da forma como quiser com acesso a informações genéricas sobre a unidade de seu interesse depois será remetido ao site do anunciante para obter informações adicionais fundadores da secovicred em assembleia que oficializou a cooperativa e definiu sua diretoria parceria cmi/secovi-mg e pbh recolhem mais de 17 mil faixas ilegais a cmi secovi-mg está engajada no combate contra a colocação de faixas com anúncios imobiliários nas ruas prática ilegal prevista na lei 81616/03 do código de postura de belo horizonte no intuito de evitar esse tipo de ação a entidade mantém em parceria com a prefeitura de belo horizonte um programa que disponibiliza profissionais para a retirada dos suportes no primeiro semestre deste ano foram retiradas cerca de 17 mil faixas da capital no ano passado o número chegou a 30 mil faixas recolhidas a proibição dessa prática vem do fato de que ela pode gerar danos ao consumidor uma vez que não há garantias da veracidade das informações disponíveis nas faixas os riscos são muitos porque não é possível ter certeza de que os anunciantes são profissionais registrados no conselho regional de corretores de imóveis explica o diretor da cmi secovi-mg jamerson leal além disso não há a garantia de que realizaram consultas sobre quem colocou o imóvel à venda tais como cnpj cpf e de registro dos imóveis completa segundo leal esses são procedimentos que toda negociação imobiliária requer a população pode auxiliar os fiscais da secretaria de regulação urbana da pbh com denúncias pelo telefone 31 8584-2169 ou pelo e-mail retiradadefaixas@yahoo.com.br agosto/setembro/outubro 15

[close]

Comments

no comments yet