City's Book Hortolândia 2018

 

Embed or link this publication

Description

Magazine talking about political and economical issues.

Popular Pages


p. 1

Educação E Tecnologia Education, SCIENCE AND Technology Investimentos Em Tecnologia Investments in Technology Desenvolvimento Econômico ECONOMIC DEVELOPMENT A retomada do crescimento The resumption of the growth SEGURANÇA SECURITY Novas Viaturas e Capacitação New Vehicles and Trainning Edição Especial Bilingue - Special Bilingual Edition Circulação Internacional - International Distribution 2018 citysbook.com

[close]

p. 2

UMA EMPRESA FEITA SÓ PARA CUIDAR DE VOCÊ. Você merece a maior indústria farmacêutica do Brasil. Merece o maior Centro de Pesquisa e Desenvolvimento de Medicamentos da América Latina. Merece cientistas de renome internacional. Merece investimentos em projetos sociais e culturais. A EMS é gigante quando o assunto é saúde. A sua saúde. EMS.COM.BR EMSFARMACEUTICA

[close]

p. 3



[close]

p. 4



[close]

p. 5



[close]

p. 6

CITY’S BOOK HORTOLÂNDIA 2018 é uma Co-Realização: Realização Apoio Institucional EXPEDIENTE Direção Administrativa/Relações Públicas Victor Falcão - CONRERP-SP 4421 contato@citysbook.com Relações Governamentais Beatriz Barbosa beatriz.barros@usp.br Publisher Wanderley Moreno - MTB 6286/SP www.wglobal.com.br Captação de Patrocínios Rebeca Teixeira Assistente Administrativa Valéria Rocha da Cruz Estagiária em Publicidade Victoria Lohanna comunicacao@citysbook.com Releases: Prefeitura Municipal de Hortolândia Fotografias Prefeitura Municipal de Hortolândia Reginaldo Prado Conselho Editorial José Alves da Gama Wanderley Simão Assessoria Jurídica Contábil MB Serviços Contábeis mb.servicos@terra.com.br Traduções Inglês Ana Paula Cirino www.traducaojuramentada.com EDUCAÇÃo E tECnoloGIA EDUCAtIon, SCIEnCE AnD tECHnoloGY Investimentos Em Tecnologia Investments in Technology DESEnvolvImEnto EConômICo EConomIC DEvEloPmEnt A retomada do crescimento The resumption of the growth SEGURAnÇA SECURItY Novas Viaturas e Capacitação New Vehicles and Trainning CAPA Vista Noturna trevo de acesso a um dos centros empresariais de Hortolândia. Edição Especial Bilingue - Special Bilingual Edition Circulação Internacional - International Distribution 2018 citysbook.com FACEBOOK CITY’S BOOK Distribuição Nacional e Internacional Empresa de Correios e Telégrafos DRT/SP VIP DF Logística e Distribuição Mailing Maná Group Agradecimentos Agradecemos a Deus, a Prefeitura de Hortolândia-SP através de todos suas secretarias e departamentos, especialmente a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo na pessoa do Sr. Dimas Correa Pádua. Às empresas parceiras que contribuíram para a realização deste projeto. Nota da Redação Todos os anúncios foram veiculados mediante prévia autorização das empresas. Fica vedada a utilização, sem prévia consulta, de textos e fotos em outro veículo de comunicação, bem como a utilização deste material ou conteúdo para a realização de eventos ou promoções em nome do Maná Group e seus projetos. Recomendamos confirmar qualquer contato. O projeto City’s Book tem como foco a promoção do município em destaque, sem nenhuma conotação político-partidária. MANÁ GROUP CEA – Centro Empresarial Araguaia I Alameda Araguaia, 2044. Bloco 01 - 16º Andar – CJ. 1609 Alphaville | Barueri SP. CEP 06455-000 Tel. 11 2826-1694 | w w w . c i t y s b o o k . c o m

[close]

p. 7

OPINION The resumption of growth has already arrived in Hortolândia Hortolândia emerges as one of the main cities of the metropolitan region of Campinas and the state of São Paulo. Next to Viracopos international airport and important highways. Its industrial vocation is notorious, with emphasis on the areas of technology, rail transportation and food for example, coupled with the great offer of services, which culminates in an environment conducive to economic development. Starting the third term, the administration of Mayor Angelo Perugini is focused on providing all the necessary structure for the resumption of growth and the provision of quality public services. We will repeat the same strategy that has already worked, prioritizing the attraction of new companies, possible concessions of tax incentives, constant dialogue with the corporate, professional qualification of the population and small entrepreneur valuation. On the one hand, the government talks with companies to generate more jobs, and we’re already doing it. On the other hand, we will qualify the population to meet the local demands besides supporting the opening of new businesses. This edition of City’s Book Hortolândia 2018 is being delivered in an important moment, we can already see signs of resuming our growth, this magazine will be a strategic tool to present the city to future investors. Come talk to us, Hortolândia is open doors to welcome you. Enjoy reading. OPINIÃO A retomada do crescimento já chegou em Hortolândia Hortolândia desponta como uma das principais cidades da região metropolitana de Campinas e do estado de São Paulo. Próxima ao aeroporto internacional de Viracopos e de importantes Rodovias. Sua vocação industrial é notória, com destaque às áreas de tecnologia, transporte ferroviário e alimentação por exemplo, somada a grande oferta de serviços, o que culmina em um ambiente propício para o desenvolvimento econômico. Iniciando o terceiro mandato, a gestão do prefeito Angelo Perugini está focada em oferecer toda a estrutura necessária para a retomada do crescimento e a oferta de serviços públicos de qualidade. Iremos repetir a mesma estratégia que já deu certo, priorizando a atração de novas empresas, possíveis concessões de incentivos fiscais, diálogo constante com o empresariado, qualificação profissional da população e valorização do pequeno empreendedor. De um lado, o governo conversa com as empresas para gerar mais empregos, e já estamos fazendo isso. Do outro, vamos qualificar a população para atender as demandas locais além de apoiar a abertura de novos negócios. Esta edição City’s Book Hortolândia 2018 está sendo entregue em um momento importante, já podemos notar sinais da retomada de nosso crescimento, essa revista será uma ferramenta estratégica para apresentarmos a cidade à futuros investidores. Venha conversar conosco, Hortolândia está de portas abertas para recebê-lo. Aproveite a leitura. Dimas Correa Pádua Economista e Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Hortolândia SP. Economist and Municipal Secretary of Economic Development and Tourism of Hortolândia SP. HORTOLÂNDIA-SP/BRAZIL CITY´S BOOK 2018 7

[close]

p. 8

HORTOLÂNDIA São Paulo - Brazil TABLE OF CONTENTS 14 CITY PRESENTATION Profile and Information. 30 ECONOMIC DEVELOPMENT The resumption of growth in Brazil and in Hortolândia. 38 EDUCATION, SCIENCE AND TECHNOLOGY Technology investments for municipal schools. 46 HEALTH Hospital Mário Covas, adopts typed prescription. 56 INCLUSION AND SOCIAL DEVELOPMENT Various activities at the Best Age Centers. 62 CULTURE, SPORTS AND LEISURE Book Club - Incentive to reading and discussion. 70 SECURITY City Hall reinforces security with the delivery of two new vehicles and trains 22 new guards for ROMU. 78 MAYOR INTERVIEW Mayor Angelo Perugini. Sponsors Patrocinadores AMSTED MAXION – Pág. 84 BCS CONSTRUTORA – Pág. 57 CAF – Pág. 11 CAMPCARNE – Pág. 15 CITROSUDESTE– Pág. 59 DELL – Pág. 39 EMS – Págs. 02, 48 e 50 FCA/MOPAR – Págs. 24 e 25 GRUPO PEREIRA – Págs. 4 e 64

[close]

p. 9

SUMÁRIO APRESENTAÇÃO DA CIDADE 10 Perfil e Informações. Desenvolvimento Econômico 16 A retomada do crescimento no Brasil e em Hortolândia. Educação, CIÊNCIA E TECNOLOGIA Investimentos em tecnologia para escolas municipais. 34 Saúde 42 Hospital Mário Covas, adota receituário digitado. Inclusão e Desenvolvimento Social Diversas atividades nos Centros da Melhor Idade. 52 Cultura, Esportes e Lazer 58 Club do livro – Incentivo à leitura e discussão. Segurança Prefeitura reforça segurança com a entrega duas novas viaturas e capacita 22 novos guardas para a ROMU. 66 ENTREVISTA COM O PREFEITO 74 Prefeito Angelo Perugini HORTOLÂNDIA São Paulo - Brasil GRUPO QUAGLIO – Pág. 31 HORTO AMBIENTAL – Págs. 43 e 72 MAGNETI MARELI – Pág. 35 MOINHO HORTOLÂNDIA – Pág. 53 REACHLOCAL – Pág. 63 SANTA IZABEL – Pág. 69 SHOPPING HORTOLÂNDIA – Pág. 83 VECCON – Pág. 17

[close]

p. 10

APRESENTAÇÃO DA CIDADE PERFIL E INFORMAÇÕES Hortolândia-SP 2018 Contexto Histórico Os primeiros capítulos da história de Hortolândia têm início entre os séculos XVIII e XIX, com o cultivo de café e algodão nas terras que, à época, eram conhecidas como bairro Jacuba. O nome, em tupi-guarani significa “água quente” (y-acub), baseia-se em um pirão feito com farinha de mandioca, cachaça, açúcar e mel, muito apreciado por viajantes que passavam pela região. Em 1872, com a inauguração da estação ferroviária de Campinas, o local passa a integrar o caminho dos trens. A Estação Jacuba só vem depois, sendo instalada em 1917. Em 1947, surge o primeiro loteamento, o Parque Ortolândia, pertencente a João Ortolan. O empreendimento começa a trazer urbanização para o território que viria a se tornar a futura cidade. 10 HORTOLÂNDIA-SP/BRAZIL CITY´S BOOK 2018

[close]

p. 11



[close]

p. 12

APRESENTAÇÃO DA CIDADE Em 1953, o vilarejo Jacuba é alçado a distrito do município de Sumaré. O nome Hortolândia é adotado apenas em 1958. Emancipação Com o crescimento local, na década de 1980, devido à instalação de grandes indústrias atraídas pelos incentivos fiscais, a região de Hortolândia é responsável por mais de 60% da arrecadação do município de Sumaré. O desejo por melhorias na infraestrutura e preocupações na área social da da região levam a população a um movimento pró-emancipação, em busca de maior autonomia política. Em 19 de maio de 1991, por meio de plebiscito, a maior parte dos eleitores vota a favor da emancipação. Surge, assim, o município de Hortolândia. Localização Diferenciada para Investimentos Localizada na RMC (Região Metropolitana de Campinas), Hortolândia possui grande potencial para o desenvolvimento econômico, sendo uma das cidades do interior de São Paulo que mais crescem. É o 5º Vista aérea Hortolândia antiga. PIB da região metropolitana de Campinas, conta com uma economia consolidada. A área de comércio e serviços é bem estruturada e responsável pela maior parte do emprego na cidade. Hortolândia também abriga importantes indústrias do cenário nacional e mundial, com destaque para as áreas de tecnologia, transporte sobre trilhos, farmacêutica, alimentícia entre outras. Hortolândia possui acessos rodoviários estratégicos. 12 HORTOLÂNDIA-SP/BRAZIL CITY´S BOOK 2018

[close]

p. 13

Vista aérea Hortolândia nos dias de hoje. Hortolândia conta com mais de 500 indústrias, em torno de 2.800 pontos comerciais, inclusive dois shopping centers, e cerca de 3.000 prestadores de serviço em atividade. Além disso, Hortolândia abriga hospitais, parques socioambientais, escolas, universidades, bibliotecas, bares, hotéis e diversos restaurantes, garantindo qualidade de vida a seus habitantes e visitantes. SOBRE HORTOLÂNDIA A cidade possui fácil acesso a importantes rodovias do país como Rod. Anhanguera, Rod. Dos Bandeirantes, Rod. Dom Pedro, entre outras além de ser vizinha do aeroporto de Viracopos em Campinas. DISTÂNCIAS À PARTIR DE HORTOLÂNDIA • Fundação: 19 de maio 1991 • População estimada em 2017, total: 215.281 moradores • Área territorial: 62.416 km² • Densidade Demográfica: 3.449 habitantes/km² • Prefeito (mandato 2017 a 2020): Angelo Augusto Perugini (PDT) Fonte: IBGE-2017 e Prefeitura de Hortolândia SP. Aeroporto Internacional Viracopos Campinas: 33 km Rodoanel Mario Covas: 99 km São Paulo capital: 115 km Aeroporto Internacional de Guarulhos: 134 km Porto de Santos: 205 km HORTOLÂNDIA-SP/BRAZIL CITY´S BOOK 2018 13

[close]

p. 14

CITY PRESENTATION PROFILE AND INFORMATION Hortolândia-SP 2018 Old Station, today Memory Center Prof. Leovigildo Duarte Jr. Historical Context The first chapters of Hortolândia’s history began between the eighteenth and nineteenth centuries, with the coffee and cotton cultivation in the lands that at the time were known as Jacuba’s neighborhood. The name, which in Tupi-Guarani means “hot water” (y-acub), is based on a fish porridge made from manioc flour, “cachaça”, sugar and honey, much appreciated by travelers passing through the region. In 1872, with the inauguration of the Campinas’ train station, the place starts to integrate the trains’ way. Jacuba Station only comes later, being installed in 1917. In 1947, appears the first settlement, “Parque Ortolândia”, which belongs to João Ortolan. The enterprise begins to bring urbanization to the territory that would later become the future city. In 1953, Jacuba’s village is raised to the district of Sumaré’s county. The name Hortolândia was adopted only in 1958. Emancipation With the local growth, in the 1980s, due to the installation of large industries attracted by tax incentives, Hortolândia’s region is responsible for over 60% of Sumaré’s county income. The desire for improvements in infrastructure and concerns in the social Old aerial view. area of the region lead the population to a pro-emancipation movement, in search of greater political autonomy. On May 19, 1991, through a plebiscite, most voters vote for emancipation. Appears, therefore, Hortolândia’s county. Differentiated Location for Investments Located in the RMC (Metropolitan Region of Campinas), Hortolândia has great potential for economic development, being one of the fastest growing cities in São Paulo’s countryside. It is the 5th GDP of Campina’s metropolitan region, with a consolidated economy. Commerce and services area is well structured and responsible for most of the employment in the city. Hortolândia also houses important industries of national and world scenario, with emphasis on the areas of technology, rail transportation, pharmaceutical, food, among others. Hortolândia has more than 500 industries, around 2,800 commercial points, including two shopping malls, and about 3,000 active service providers. 14 HORTOLÂNDIA-SP/BRAZIL CITY´S BOOK 2018

[close]

p. 15

In addition, Hortolândia houses hospitals, social and environmental parks, schools, universities, libraries, bars, hotels and several restaurants, guaranteeing quality of life to its inhabitants and visitors. SOME INFORMATION ABOUT HORTOLÂNDIA • Fundação: May 19, 1991 • Estimated population in 2017, total: 215.281 inhabitants • Territorial area: 62.416 km² • Demographic density: 3.449 inhabitants/km² • Mayor (mandate 2017 to 2020): Angelo Augusto Perugini (PDT) Source: IBGE-2017 and Prefeitura de Hortolândia SP. The city has easy access to important highways in the country such as Rod Anhanguera, Rod. Dos Bandeirantes, Rod Dom Pedro, among others, besides being close to Viracopos airport in Campinas. DISTANCES FROM HORTOLÂNDIA Viracopos International Airport Campinas: 33 km Rodoanel Mario Covas: 99 km São Paulo capital: 115 km Guarulhos International Airport: 134 km Port of Santos: 205 km HORTOLÂNDIA-SP/BRAZIL CITY´S BOOK 2018 15

[close]

Comments

no comments yet