Informe São Conrado - out a dez/2017

 

Embed or link this publication

Description

Órgão Oficial de Informação dos Moradores e Amigos de São Conrado

Popular Pages


p. 1

SÃO CONRADOINFORME ANO XXXIII | OUTUBRO A DEZEMBRO 2017 Órgão Oficial de Informação dos Moradores e Amigos de São Conrado Representantes de Associações do RJ e entidades de Classes MOVIMENTO “ACORDA, RIO!” F oram realizadas duas reuniões abertas do movimento intitulado “Acorda, Rio!” nos salões do Hotel Royal Tulip, em São Conrado. A última em 24/10/2017, contou com a presença de mais de 80 representantes de diversas Associações de Moradores e outras entidades organizadas da sociedade. Os trabalhos foram abertos por José Britz, presidente da AMASCO – Associação de Moradores de São Conrado, que passou a coordenação para Delair Dumbrosck – presidente da CCBT – Câmara Comunitária da Barra da Tijuca, estando a mesa a Regina Chiaradia, presidente da AMABA – Associação de Moradores de Botafogo e Heitor Wegmann Jr. – da AMAJB – Associação de Moradores e Amigos do Jardim Botânico. Após exaustiva discussão, ficou aprovado o modelo do adesivo para automóveis com os dizeres “ACORDA, RIO! – O Aumento do IPTU Vai Ter Troco”. O design se aproxima da figura do “Pão de Açúcar” com detalhes em vermelho. Foi também aprovado a produção de peças em forma de “pirulito”, onde estarão exibidas as fotos dos vereadores que votaram a favor do aumento do IPTU e inclusive a do prefeito. Delair Dumbrosck informou que está buscando outras contribuições que viabilizem as produções peças do movimento. Regina da AMAB, ficou encarregada de coordenar as doações de contribuições a serem efetuadas pelas Associações e pessoas físicas. O plenário após debater, decidiu encaminhar ao Prefeito Marcelo Crivella, uma solicitação de audiência para após a manifestação do dia 26, para que seja discutida a desordem urbana que vem se apresentando na cidade, com o comércio descontrolado de camelos, e a volta do transporte de Vans, construções irregulares e outros problemas. Caso haja insucesso na realização da audiência, o movimento ACORDA, RIO!, discutirá um novo manifesto de rua contra tal situação. Diversas manifestações foram feitas pelas lideranças da AMAB, AMASCO, VIVALEME, AMAIPANEMA, AMAJB, AMAROSAS, CCBT, AMACOPA, ABIH/RJ, AMORIO2, ABM, CCRV, AMHU, AMAGLORIA, AMOUR, AMAVE AMOCAD, CRECI/RJ, entre outras. Como ficou definido, foi realizado em 26 de novembro o manifesto público em frente ao Copacabana Palace. Os 31 vereadores que votaram pelo reajuste do IPTU foram "enterrados" simbolicamente no ato "Acorda, Rio", que contou com a presença de cerca de 30 associações de moradores na praia de Copacabana, na manhã de domingo, em frente ao hotel. As fotos dos políticos em cartazes em forma de pirulitos, com os respectivos partidos, estavam riscadas. Já a imagem do prefeito do Rio foi inserida em uma boia no formato de um abacaxi. O ato teve o apoio de um carro de som, que tocou, entre outras canções, músicas de Chico Buarque, como "roda viva". Cerca de 50 pessoas participaram, e gritaram "vai ter troco", em referência à próxima eleição. O cartaz no carro de som dizia que "o aumento do IPTU vai ter troco". Com este protesto, o movimento “ACORDA, RIO”!, espera que aqueles que foram votados e eleitos para deliberarem em favor da sociedade, pensem duas vezes antes de negociarem com o executivo os seus interesses pessoais em troca de votos. Natal no Fashion Mall! Natal é no Shopping Fashion Mall, você não precisa sair de São Conrado para fazer suas compras de Natal, conforto e comodidade no Shopping mais charmoso da cidade. Além das compras, seu filho pode tirar uma foto com o Papai Noel. O bom velhinho está de domingo a sexta, das 15h às 21h e aos sábados, das 10h às 22h. Tem também oficinas infantis aos sábados e domingos de dezembro, das 15h às 19h. E então, vale ou não vale a pena dar uma passada no Fashion Mall neste Natal?

[close]

p. 2

COISAS COLETIVAS E PESSOAIS Pesquisa de Opinião C om o fim das obras da nova pista do Elevado das Bandeiras e dos túneis do Joá, foram criados dois novos retornos, um em direção à Barra e outro com saída para Estrada do Joá, que dá acesso a Estrada da Canoa. Com as intervenções efetuadas, o retorno antigo em frente ao Posto Shell, que dá acesso a Igreja, ao mercado Zona Sul e adjacências, que já era perigoso, tornou-se ainda mais perigoso. Por conta disso, a Prefeitura optou por fechar este retorno, o que foi contestado por todos que o utilizam para retornar aos seus lares e usar o comércio local. Posto isso, a Amasco contestou junto ao Prefeito da época, Eduardo Paes, que em reunião realizada no Hotel Royal Tulip, comprometeu-se em criar um projeto para construção de um novo retorno, próximo ao Gávea Golfe antes da Rua Capuri, e que somente após a construção desse novo retorno o antigo seria fechado. Assim foi feito, o projeto foi criado, o retorno antigo não foi fechado, mas até hoje, passados quase dois anos, e apesar da luta da Amasco o projeto do novo retorno não foi executado e a Prefeitura atual não responde as nossas solicitações. Diante dessa situação e do constante e cada vez maior perigo de um acidente de grandes proporções no atual retorno, em frente ao Posto Shell, a Amasco fez, democraticamente, uma pesquisa de opinião para saber quem seria contra ou a favor do imediato fechamento do retorno atual, mesmo sem a construção do novo retorno. Para conhecimento de todos segue resultado dessa pesquisa com o envio de aproximadamente 700 e-mails: Responderam: 130 pessoas sendo: 4 Contra o fechamento 100 pessoas 4 A favor de fechamento 26 pessoas 4 e não souberam responder 4 pessoas. Portanto, a maioria é contra o fechamento do retorno. A Amasco vai continuar lutando para que o novo retorno, recuado em relação ao antigo, seja construído possibilitando assim o fechamento do retorno em frente ao Posto Shell. ATITUDES DE CIDADÃO! A Amasco não é órgão público e não tem poder executivo, mas é certamente um forte elo entre o cidadão e o poder público na busca das melhorias para o seu bairro. INFORME SÃO CONRADO Órgão oficial de Informação da Associação dos Moradores e Amigos de São Conrado - AMASCO Estrada da Gávea, 899/2º Piso - CEP. 22610-901 São Conrado - RJ - Tel.: 3322.0421 - 3322.0130 DIRETORIA DA AMASCO: Presidente - José Britz 1º Vice-Presidente - Luiz Cattapan 2º Vice-Presidente - José Carlos Sena 3º Vice-Presidente - Marlene Parente Diretora Jurídica - Maria Edina Portinari Diretor Tesoureiro - Hélio Queiroz Tesoureiro adjunto - Arlindo Charbel Diretor Secretário - Marcio Ardelio de Souza Secretário Adjunto - Luiz Alexandre Bisaggio Dir. Comunicação e Marketing - Felipe Roberto Barbosa Dir. Comum. e Marketing Adjunto - Maria F.A. Camerini CONSELHO DE MORADORES: Presidente - Carlos Sposito Vice-Presidente - Epaminondas Souza CONSELHO FISCAL: Bernardo Niskier Gilberto Telles Hage Roberto Magalhães E-MAIL: amasco@amasco.org.br HOME-PAGE: http://www.amasco.org.br FACEBOOK: www.facebook.com/saoconrado.amasco WHATSAPP: 99577-3851 DISTRIBUIÇÃO: Interna e gratuita no bairro de S. Conrado TIRAGEM: 3 mil exemplares COLABORADORES: Marcio Morais SECRETARIA, PUBLICIDADE E DISTRIBUIÇÃO: Márcio Morais e Leandro Cruz ASSESSORIA DE IMPRENSA: Canal C. Tel.: 2256-5887 COMPOSIÇÃO: Esther Damasceno Cosendei FOTOLITO E IMPRESSÃO: Imo’s Gráfica Tel.: 2450-3505 Ä O Lixo: Não jogar lixo na rua. Procurar a coletora mais próxima. Se não achar, levar o lixo para casa e colocar na lixeira, depois de ensacar e depositar ao lado de seu portão nos dias de coleta da COMLURB. A Cidade, a Saúde, a Higiene e o Meio Ambiente agradecem. Ä As Calçadas: Calçada conservada é dever de todos! Conservar sua calçada, não deixar lixo, nem buracos é ter uma atitude consciente. Além de enfear o bairro você pode causar acidentes, como torções e tombos aos transeuntes. Ä Os Animais: Não deixe que os animais que você conduz sujem as calçadas. Caso você não consiga educar seu animalzinho de estimação, carregue sempre um saco plástico para recolher os dejetos e evite danos desagradáveis ao pisar em uma caca. Você pode ser a próxima vítima! Ä As Árvores: Não destrua árvores! Além de sua beleza natural, elas têm a capacidade de melhorar a qualidade do ar, o que contribui para nossa qualidade de vida. Elas serão importantes quando o verão chegar. Nada como uma boa sombra em dias quentes. Ä As Lixeiras: Não destrua as lixeiras e papeleiras (maioria laranja) colocadas nas ruas da cidade! Elas são de suma importância para manutenção da limpeza de nossas vias. Quando você tiver um lixo, onde irá depositálo se não tiver uma lixeira por perto? Ä A Praia: Não suje sua praia! Não leve seu animal de estimação na areia, pois isso pode contribuir para a transmissão de doenças por conta de dejetos e bactérias deixadas por eles. Evite piqueniques na areia. Se o fizer, recolha todo o lixo produzido e o despeje na lixeira mais próxima. Em último caso leve para casa e coloque em sua lixeira. Ä Os Carros: Reduza a velocidade onde houver travessia de pedestres, não avance os sinais de trânsito, respeite as placas de sinalizações e assim você estará respeitando a vida. Lembrese, que na multidão que atravessa as ruas, pode estar algum ente querido de sua convivência. Telefones Úteis s Bombeiros ......... (Samu 192)...................................................193 s Cedae água/esgotos.0800.282.1195.(195)..2332.1387/2332.2810 s Comlurb - Remoção Entulho ................................................. 1746 s Companhia Estadual de Gás (CEG) .........................0800.0247766 s Centro de Cidadania Rinaldo de Lamare...............3111.1082/1030 s Defesa Civil..........................................(199)....(1746)...2258.8868 s Detran ...............................Informações...............3460.4042/4040 s Disque Dengue....(Tele-Dengue).............................................1746 s Disque Denúncia (Segurança Pública)...........................2253.1177 s Disque Luz (Luz da Rua)........................................................ 1746 s Disque Sinal.......................................................................... 1746 s Disque Poda (Comlurb)......................................................... 1746 s Fashion Mall (Administração)........................................2111.4427 s Fiscalização Sonora................................................................1746 s Grupo Busca e Salvamento (Barra)........................2333.4402/4492 s Guarda Municipal..................................................................1746 s Hospital Miguel Couto................................3111.3781/3712/3715 s Hotel Royal Tulip .........................................................3323.2200 s Igreja de São Conrado...................................................3322.0560 s Light.........................................................................0800.21.0196 s Posto Reciclagem Rocinha.............................................3323.5515 s Posto Saúde Gávea......................................2274.2796/2989/6495 s População de Rua...................................................................1746 s Prefeitura Reclamações Gerais(luz, buraco, sinal, ônibus, etc)1746 s Procon(Centro).........................................................................151 s Táxi......... (Fashion Mall)...............................................3322.0065 s Telemar/OI .........................................................................103.31 s Vigilância Sanitária.................................................................1746 POLÍCIA MILITAR E CIVIL s Quartel General(Q.G.)..........................................2333.2634/2501 s 23º BPM (Sala de Comando)..........................................2334.6714 s 23º BPM (Sala de Operações) .......................................2334.6725 s 23º BPM (P-2)............................................................... 2334.6717 s Oficial do dia.................................................................2334.6722 s Cabine.......(Praça São Conrado)...................2420.4687-2420.4745 s Delegacia da Mulher.....................................................2332.9998 s Delegacia de Polícia (15a Gávea).................2332.2913-2332.2912 DEFESA DO MEIO AMBIENTE s Comissão Meio Ambiente Câmara Municipal.......3814.2145/2147 s Fiscalização Meio Ambiente (Denúncias).....2503.2795-2503.2796 s Ibama.................3077.4302/4321/4320/4323/4295/0800.61.8080 s Instituto Est. Floresta (IEF)...................2282.1252.r.262.2240.7655 s Patrulha Ambiental........................................................2498.1001 SUPERETENDÊNCIA E REGIÕES ADMINISTRATIVAS s ZONA SUL.....(subzonasul@pcrj.rj.gov.br)....................2274.4049 s VI RA (São Conrado)..(viralagoa@pcrj.rj.gov.br).............2294.8130 s XXVII RA (Rocinha).(ra27rocinha@rio.rj.gov.br)....3322.6823/1019 02 INFORME SÃO CONRADO | OUT A DEZ 2017

[close]

p. 3

.:. Editorial FATOS RELEVANTES E ste ano já está próximo de seu final. Dezembro é a ocasião para se comemorar as Festas de Fim de Ano e de se avaliar nossas realizações, de rever nossas frustações e de definir novos objetivos. São Conrado é um bairro com uma área habitável pequena, e uma grande área de floresta tropical que está a cada dia mais ameaçada e invadida. Os três níveis do poder público mostram-se lenientes, pusilânimes e prevaricam no trato da coisa pública. O crescimento desordenado das favelas é uma de suas consequências. A violência pública é outra. A falta de saneamento básico presente em São Conrado com a existência de canais de esgoto a céu aberto, esgoto in natura jogado na nossa praia, obras públicas mal projetadas ou mal executadas, como são os casos da ciclovia Leblon – São Conrado; a repetida destruição da calçada e rampa de acesso no início da praia; e, a destruição da extremidade da galeria de cintura no final da praia que poderia ter acabado com o despejo de águas pluviais e servidas no Pepino. É permanente e ininterrupto o crescimento das favelas em torno do bairro de São Conrado, em detrimento da preservação da Mata Atlântica. Atualmente, próximo a São Conrado, nota-se o crescimento das favelas da Vila Verde, da Matinha e da Canoa. A favela do Vidigal já está descendo a montanha e é questão de tempo para que ela atinja mais um trecho da Avenida Niemeyer, já em São Conrado. Outro fator que vai favorecer a consolidação das favelas é a Lei n° 13.465/2017, também conhecida como a lei do direito real de laje. Essa lei, a par de conceder o título de propriedade ao morador, autoriza que possa ser comercializado o direito de construção de um outro andar sobre a laje. Em consequência do fato de ser uma associação de moradores, a atuação da Amasco é realizada, basicamente, como canalizadora e porta voz do interesse e dos pleitos dos moradores e tendo o poder público como contraparte. Por essa razão, os resultados do trabalho da Amasco nem sempre se fazem visíveis ou obtêm resultados rápidos. Além dos fatos acima, que nos parece os mais graves atualmente, ainda existem inúmeros outros problemas de ordem urbana e de projetos não realizados que permanecem na luta do dia a dia da Amasco e que com certeza findaremos esse ano e iniciaremos o próximo ano a todo vapor na busca de realizações que possam valorizar e manter o patrimônio, a segurança e o bem-estar de nossos moradores. A Amasco precisa e permanece contando com o apoio e participação de todos. Boas Festas e que nossas esperanças se realizem em 2018. A Diretoria Tapume colocado na Elevatória da CEDAE na Niemeyer TAPUMES DA CEDAE Como mostra a fotografia, a CEDAE colocou tapumes no entorno de sua Elevatória de Esgotos, localizada na Avenida Niemeyer, estendendo-os até o meio-fio e ocupando totalmente a calçada de pedestres, prejudicando quem precisa atravessar a ponte que liga a Av. Niemeyer a Av. Aquarela do Brasil. Já fizemos várias solicitações a CEDAE para recuo do tapume e solicitamos ajuda também a Prefeitura, mas ainda sem sucesso. Alô CEDAE quando é que vocês vão recuar esse tapume? CHAVEIRO TRANK PORTAS LTDA. 24 Horas CHAVES NA HORA - TROCA DE SEGREDO Colocamos Fechaduras Papaiz - Doberman Trincos de Segurança - Olho Mágico CONSERTOS DE FECHADURAS 3322.7528 (Horário Comercial) e 99777.4431 Av. Almirante Álvaro Alberto em frente ao nº 100 IMÓVEIS Venda - Locação Focando nos clientes, trabalhamos em parcerias com empresas e corretores. Desde 1957 Administrando Relações Humanas Tel 2262-0044 965-410-131 Av Rio Branco 156 Grp 1714 - Centro - Edf Av Central - Rio-RJ Estação Metrô Carioca - www.sionimoveis.com.br - Creci-J-328 03OUT A DEZ 2017 | INFORME SÃO CONRADO

[close]

p. 4

CONSERVAÇÃO EM AÇÃO Após solicitação feita pela Amasco, a 6ª Gerência de Conservação do Alto da Boa Vista está realizando uma varredura na orla de São Conrado, recolocando placas de concreto que haviam desaparecido da borda do calçadão e das rampas de acesso à praia. Foi solicitado também a recuperação dos bancos e recolocação de tampão de águas pluviais faltante. Nossos agradecimentos a Dr. Pulo Gutemberg, que gerência a Divisão de Conservação e aos seus subordinados pelo bom trabalho quem vem realizando no bairro. MERCADO PERSA A Amasco tem comunicado constantemente a Prefeitura o enorme camelódromo montado em baixo do Viaduto Mestre Manoel e de famílias morando no espaço gradeado para evitar invasões. Além disso, são colados cartazes de shows, como mostra a fotografia, emporcalhando ainda mais aquele espaço que tem a calçada totalmente bloqueada por ambulantes. A prefeitura, através da SEOP e da Comlurb, realizou algumas operações, mas assim que a prefeitura vira as costas, toda a parafernália volta para o local. É necessário montar operações diárias para que o problema seja solucionado. Alô Prefeitura! Funcionários da Conservação na orla da praia PLACA CAIU! A placa que aparece na foto da matéria, de indicação para Barra e Leblon e para o estacionamento do Fashion Mall, que ficava no triângulo ao lado Shopping, caiu devido a corrosão de seus suportes de ferro e encontra-se deitada no local. A Amasco já comunicou a CET-Rio para que faça o recolhimento da placa e recoloque uma nova placa, que é de suma importância para orientação dos veículos que passam pelo local. Ambulantes em baixo do Viaduto Mestre Manoel OPERAÇÕES DA SEOP A Secretaria de Ordem Pública – SEOP esteve em operação em vários logradouros do bairro, onde realizou o reboque de carros abandonados e em locais não permitidos. Também fez o recolhimento de bugigangas, cadeiras e mesas armazenadas ilegalmente nas calçadas. Os logradouros beneficiados foram: Ruas São Leobaldo, Amandino de Carvalho, Golfe Clube, Henrique Midosi, Avenida Jaime Silvado e Estrada da Canoa. Placa ao lado do Fashion Mall 04 INFORME SÃO CONRADO | OUT A DEZ 2017 Reboque na rua Amandino de Carvalho

[close]

p. 5

AMASCO RESPONDE amasco@amasco.org.br Pergunta: Morador reclama do pouso de asas deltas em faixas de areia, fora da área permitida para o pouso. Resposta: A Amasco encaminhou a reclamação ao Voo Livre que reconheceu a questão e explicou que isso acontece devido ao fenômeno meteorológico denominado “windshear”, que torna extremamente perigoso ou mesmo inviabiliza o pouso no início da praia, mas que isso acontece esporadicamente. Pergunta: Morador reclama da escuridão na ponte nova, que liga a Avenida Niemeyer a Av. Aquarela do Brasil. São três postes baixos com duas luminárias em cada um. Quer saber se a Amasco pode ajudar? Resposta: A Amasco já efetuou duas reclamações junto ao canal 1746 da prefeitura, e até o fechamento desta edição o problema ainda permanecia. Vamos insistir junto com Rio Luz, pois são postes instalados recentemente. Pergunta: Moradora envia fotografia e reclama do avanço da favela do Vila Verde na mata em frente a Boate Emoções, na Estrada da Gávea. Pergunta o que a Amasco pode fazer? Resposta: A Amasco já comunicou o fato as autoridades competentes que já tentaram demolir construções no local, mas são impedidos por liminares concedidas aos invasores por promotores públicos. A Amasco continua buscando alternativas para solucionar o problema. Pergunta: Morador reclama das constantes festas realizadas em casa da Estrada da Canoa, nº2180, com carros estacionados pela rua, causando risco de acidentes, som alto, incomodando os moradores e risco à preservação da mata. Informa que já tem uma nova festa anunciada para o dia 10 de dezembro, com cobrança de ingressos. A Amasco pode ajudar? Resposta: A reclamação foi encaminhada para a Superintendência da Zona, para que acione os órgãos competentes a fim de realizarem uma fiscalização no local e saber de há autorização para esse tipo de evento. Pergunta: Morador disse que o gradil de proteção da ciclovia, na região do emboque (lado São Conrado) do Túnel de São Conrado não existe mais. O gradil aparentemente não caiu por motivos naturais e sim pela ação criminosa de pessoas que se utilizam do local. Resposta: A Amasco encaminhou o problema para a Superintendência da Zona, afim de acionar o órgão competente para solução do problema. Pergunta: Moradora reclama de carros abandonados na Avenida Aquarela do Brasil. Se parecemos fortes, seremos ainda mais “ “fortes quando você se juntar a nós. Um Peugeot (cor prata e um vermelho). Exatamente um atrás do outro. Resposta: A Amasco encaminhou a informação ao setor responsável da SEOP que tem feito um bom trabalho, recolhendo veículos abandonados no bairro. Pergunta: Morador informa balanço das crianças instalado na Praça São Conrado está quebrado há meses. Disse que aguardo a colaboração da Amasco para conserto do mesmo. Resposta: A Amasco encaminhou solicitação a Fundação Parques e Jardins e a Superintendência da Zona Sul para solucionar o problema. REUNIÕES DA AMASCO A Diretoria da Amasco se reúne toda terça-feira em sua sede, no Fashion Mall, sempre às 17h30. Se você tem alguma sugestão ou reclamação, entre em contato: Telefones: 3322-0421 e 3322-0130 E-mail: amasco@amasco.org.br Site: www.amasco.org.br Facebook: www.facebook.com/ saoconrado.amasco Whatsapp: 99577.3851 Canteiro no retorno em frente ao Posto Shell CANTEIRO PREJUDICIAL E nquanto o novo retorno prometido pela Prefeitura não é construído, o retorno em frente ao Posto Shell não pode ser fechado, pois quem se dirigi ao posto, ao mercado ali localizado, a Igreja e a Rua Embaixador Gabriel Landa, não teriam acesso ao seu destino. Além da sinalização precária do retorno, que sai dentro da Autoestrada, com veículos em alta velocidade e sem faixa de aceleração adequada, agora os moradores reclamam de um novo obstáculo que é o canteiro gramado no retorno.Como está bastante elevado, acaba prejudicando a visão dos motoristas que estão no retorno, tentando acessar e atravessar a Autoestrada. A Amasco já solicitou a Prefeitura a redução da altura desse canteiro mostrado na fotografia da matéria. FARMÁCIA HOMEOPÁTICA DESEJAMOS A TODOS UM NATAL DE PAZ E ANO NOVO COM MUITA SAÚDE. www.gianhomeopatia.wix.com/farma Entregamos em Domicílio ESTRADA DA GÁVEA, 847 Lj.107 (saída C do metrô) WHATSAPP 99606-9780 TEL: 3322.5884 TELEFAX: 3322-5004 VD Corretora e Consultora Imobiliária Apartamentos para venda em São Conrado, Praia, Cond. Green, Village, Leblon, Ipanema , Gávea e Jardim Botânico. vvitoria2000@yahoo.com CRECI/RJ: 053870 (21) 99991-1532 05OUT A DEZ 2017 | INFORME SÃO CONRADO

[close]

p. 6

AMASCO EM AÇÃO A AMASCO, sempre que possível, tem interagido diretamente com as autoridades públicas para buscar as soluções dos problemas, sem passar por intermediários hierárquicos. Isso demanda tempo e persistência, pois as agendas governamentais são, quase sempre, lotadas. Nas últimas semanas a AMASCO esteve nas seguintes reuniões de trabalho: a SÃO CONRADO PRESENTE - Reunião com o Coronel Felipe, da Casa Civil, sobre orçamento para possível implantação do projeto de segurança São Conrado Presente. Em 05/10/2017. a GÁVEA GOLFE - Reunião realizada para tratar de assuntos relativos as construções existentes em terrenos do Gávea, junto à mata, possíveis invasões e realizações de festas com som altíssimo, músicas funks e outras. Em 10/10/2017. a FUNDAÇÃO PARQUES E JARDINS ARBORIZAÇÃO Reunião realizada em frente a Churrascaria Oasis para vistoria nos Jardins do canteiro central, que necessitam de rega e replantio de algumas árvores e arborizações. Em 23/10/2017. a ACORDA, RIO! - Reunião realizada no Hotel Royal Tulip com diversos representantes de associações de moradores do Rio de Janeiro, quando foi debatida a questão do aumento do IPTU, aprovado recentemente pela Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro. O movimento “Acorda, Rio!” foi criado para organizar ações de repúdio ao citado aumento, divulgar os nomes dos vereadores que votaram a favor, contrariando os interesses da população e cobrar do prefeito providências para impedir a desordem urbana que está sendo instalada na cidade. Em 24/10/2017. a ACORDA, RIO! - Reunião realizada pelo grupo de trabalho do movimento “Acorda, Rio!” para delinear ações a serem executadas pelo movimento. Em 06/11/2017. a CET-RIO - Reunião realizada com André Ormond, da CET-Rio, onde foi tratado o possível recuo do radar da Autoestrada Lagoa-Barra, em frente à rua Herbert Moses, o funcionamento do radar da Av. Niemeyer, a colocação de quebramolas na Estrada da Gávea, a sincronização dos sinais da Av. Aquarela do Brasil e a implantação de novo retorno na Autoestrada Lagoa-Barra. Em 09/11/2017. a 23º BPM - Reunião com o novo comandante do 23º Batalhão de Policia Militar, Coronel Ruy Sergio França de Oliveira, que convidou representantes de todas as Associações de sua área de atuação para participarem desse encontro na sede do Batalhão. Em 10/11/2017. a FASHION MALL - Reunião realizada para tratar assuntos relativos ao entorno do Shopping, como pintura da faixa de pedestres, criação de rampa par cadeirantes e delimitação da área de estacionamento de motocicletas. Em 13/11/2017. a ACORDA, RIO! - Reunião realizada pelo grupo de trabalho do movimento “Acorda, Rio!” para delinear ações a serem executadas pelo movimento. Em 23/11/2017. a ACORDA, RIO! - Reunião realizada com o Superintendente da Zona Sul, Marcelo Maywald, para percorrer o bairro e tomar conhecimento dos problemas do dia a dia e poder atender o bairro com eficiência. Em 24/11/2017. a ACORDA, RIO! - Manifestação em frente ao Hotel Copacabana Palace, com cartazes que estampavam o rosto dos vereadores que votaram a favor do aumento do IPTU e outras reivindicações de ordem urbana. Em 26/11/2017. aCONSELHO COMUNITÁRIO DE SEGURANÇA Delegados da 11ª, 14ª e 15ª Delegacias da Polícia Civil, o Comandante do 23º Batalhão de Polícia Militar e a Guarda Municipal. Mantemos atuação constante na busca por um aprimoramento na segurança e na manutenção do bairro. Os encontros ocorrem na última quinta-feira de cada mês. Em 30/11/2017.. Lembramos que as reuniões da Diretoria da Amasco são abertas aos moradores e, principalmente, aos Conselheiros. Elas ocorrem todas as terças-feiras, às 17h30, na sede da AMASCO, no Fashion Mall. Venha discutir os problemas e, acima de tudo, propor soluções criativas e viáveis. Junte-se à nossa frente de batalha e seja um associado da AMASCO. Balanço localizado na Praça São Conrado BALANÇO QUEBRADO O balanço que fica localizado na Praça São Conrado já está quebrado, possivelmente por falta de manutenção ou vandalismo. A Amasco já solicitou a Fundação Parques e Jardins e a Superintendência da Zona Sul o conserto desse importante instrumento de diversão das crianças que frequentam a Praça. Vamos continuar cobrando a solução do problema. 06 INFORME SÃO CONRADO | OUT A DEZ 2017 Calçadão da praia BANCOS DO CALÇADÃO CORROÍDOS Conforme mostra a fotografia da matéria, os bancos do calçadão da orla de São Conrado estão em sua maioria corroídos pelo tempo e com suas ferragens à mostra. Já encaminhamos para a Divisão de Conservação da área do bairro, a 6ª Gerência de Conservação do Alto Boa Vista, que vem realizando um ótimo trabalho de recuperação das placas de concreto do calçadão e das rampas, para que inclua também, a recuperação dos bancos.

[close]

p. 7

FATOS RELEVANTES EM 2017 Este ano já está próximo de seu final. Dezembro é a ocasião para se comemorar as Festas de Fim de Ano e de se avaliar nossas realizações, de rever nossas frustações e de definir novos objetivos. São Conrado é um bairro com uma área habitável pequena e uma grande área de floresta tropical que está a cada dia mais ameaçada e invadida. Os três níveis do poder público mostram-se lenientes, pusilânimes e prevaricam no trato da coisa pública. O crescimento desordenado das favelas é uma de suas consequências. A violência pública é outra. A falta de saneamento básico presente em São Conrado, com a existência de canais de esgoto a céu aberto, esgoto in natura jogado na nossa praia, obras públicas mal projetadas ou mal construídas, como são os casos da ciclovia Leblon – São Conrado, a repetida destruição da calçada e rampa de acesso no início da praia e a destruição da extremidade da galeria de cintura no final da praia que poderia ter acabado com o despejo de águas pluviais e servidas no Pepino fazem parte de uma lista quase interminável de problemas com que somos obrigados a conviver e testemunhar.É permanente e ininterrupto o crescimento das favelas em torno do Bairro de São Conrado em detrimento da preservação da Mata Atlântica. Atualmente, próximo a São Conrado, nota-se o crescimento das favelas da Vila Verde, da Matinha e da Canoa. Além disso, a favela do Vidigal já está descendo a montanha e será questão de tempo para que ela atinja outro ponto da Av. Niemeyer, já em São Conrado. Outro fator que vai favorecer a consolidação das favelas é a Lei n° 13.465/2017, também conhecida como a lei do direito real de laje. Essa lei, a par de conceder o título de propriedade ao morador, autoriza que possa ser comercializado o direito de construção de um outro andar sobre a laje. Em consequência do fato de ser uma associação de moradores, a atuação da Amasco é realizada, basicamente, como canalizadora e porta voz do interesse e dos pleitos dos moradores, tendo o poder público como contraparte. Por essa razão, os resultados do trabalho da Amasco nem sempre se fazem visíveis ou obtêm resultados rápidos. CONQUISTAS: A Amasco ganhou a ação judicial que moveu, em 2013, contra a Prefeitura para a retirada do terminal de ônibus da Av. Aquarela do Brasil. Posteriormente o mesmo terminal foi instalado na Av. Niemeyer e também retirado. Foi abortada a tentativa da Prefeitura de construir habitações populares do Programa Minha Casa Minha Vida dentro do bairro de São Conrado. Instalação de Radar no final da Av. Niemeyer para redução da velocidade dos veículos que costumam derrapar na curva antes do SuperMarket caindo no canal ali existente. Reativação do prédio do Hotel Nacional, afastando o perigo de invasão e que agora atrairá investimentos e serviços para o Bairro. Interação com os proprietários do imóvel do Hotel Meliá Nacional para equacionar o ruído dos “chillers” (equipamentos de ar condicionado) que tanto incomodavam os moradores das proximidades. AÇÕES E REALIZAÇÕES: A Amasco deu entrada no Ministério Público em uma petição solicitando esclarecimentos por parte do Corpo de Bombeiros do Estado sobre o aumento da capacidade máxima da lotação, de 700 para 1700, da quadra da Escola de Samba Acadêmicos da Rocinha, sem que tivesse havido qualquer obra que justificasse os Alvarás de Funcionamento emitidos pelo Corpo de Bombeiros. Recuperação e recolocação das placas de concreto no calçadão e rampas de acesso à praia para servir como guarda-corpo no início da praia. Manutenção da segurança e melhora na vigilância por parte das Polícias Civil (11a. e 15a. DP) e Militar (23o BPM), graças aos diligentes e permanentes contatos com esses policiais. Atuação junto à Prefeitura para realizar operações para retirada de veículos abandonados no bairro e recolhimento de mobiliário armazenados em logradouros públicos. Ações junto à Prefeitura para retirada do comércio ilegal implantado sob o Viaduto Mestre Manoel e adjacências. Combate para eliminar a lavagem de veículos na rua em frente ao Acesso C da Estação do Metrô. Gestões para construção de novo retorno na autoestrada em frente à entrada do Gávea Golf Club e o consequente fechamento do atual retorno próximo ao Posto Shell. Recolocação de quebra-molas no lado par da Estrada da Gávea antes da passagem sob a Autoestrada e pintura de faixa para travessia de pedestres e cadeirantes nos acessos em torno do Fashion Mall e na Av. Prefeito Mendes de Moraes. Atuação em conjunto com diversas associações de moradores da Zona Sul para organizar um protesto no dia 26 de novembro, em frente ao Hotel Copacabana Palace, contra o aumento do valor do IPTU, já a partir de 2018, e detratar o prefeito autor do projeto e os vereadores que votaram favoravelmente a essa lei. Plantio de novas árvores no jardim do canteiro central da autoestrada Lagoa Barra criado após a construção da nova pista do Elevado das Bandeiras e túneis do Joá,próximo a Churrascaria Oasis.Sibipiruna, Aldrago, Ipês amarelo, roxo e rosa. DIA A DIA: Contatos permanentes com a CET-Rio, Secretaria Municipal de Conservação, CEDAE, Comlurb, Superintendência da Zona Sul, VI Região Administrativa, 11a. DP, 23º BPM e Canal 1746 da Prefeitura para solicitações de serviços e manutenção da área de São Conrado. FRUSTAÇÕES: Apesar dos esforços empenhados, a obra de duplicação da capacidade de bombeamento da Estação Elevatória da Cedae continua parada. A Cedae alega falta de recursos. A tentativa de uma parceria entre o Hotel Meliá Nacional e a Cedae não teve êxito. O hotel faria o investimento e seria compensado na prestação dos serviços de água e esgoto. O recrudescimento da violência e dos riscos dela resultados na vizinha favela da Rocinha. A Amasco se solidariza com a população da Rocinha, que é submetida à violência como se ela vivesse em uma guerra civil. Boas Festas e que nossas esperanças se realizem em 2018! Boca de lobo no acostamento da autoestrada BOCA DE LOBO CONSERTADA Por solicitação da Amasco, a Gerência de Conservação do Alto da Boa Vista refez a tampa de concreto da boca de lobo que fica no acostamento da Autoestrada, junto a cerca verde do Gávea Golfe, que havia sido quebrada por veículos pesados que trafegam irregularmente pelo acostamento. Mais uma boa ação da Gerência e Conservação do Alto da Boa Vista. 07OUT A DEZ 2017 | INFORME SÃO CONRADO

[close]

p. 8

CURTAS A Amasco continua travando enorme batalha para que o radar da Avenida Niemeyer, que foi outra batalha ferrenha para sua instalação, seja ligado a energia elétrica e entre em funcionamento. Segundo a CET-Rio a solicitação foi encaminhada para a Light, mas a Light não fez a ligação. A Amasco encaminhou solicitação a Light, através do item reclamações, por diversas e também a ouvidoria. A resposta do Light Virtual é de que devemos procurar a Prefeitura. Vamos continuar lutando! Visto que a integração de prédios do Conrado Green e Village São Conrado não conseguiram realizar o projeto de construção de “speed table” ao lado Fashion Mall, a Amasco vai retomar as solicitações a Prefeitura na tentativa da repintura da faixa de pedestres na Povina Cavalcanti. Moradores da Estrada da Canoa reclamam que morador, que está dentro da mata em terrenos do Gávea Golfe, utiliza aparelhos e caixas de som potentes tocando músicas funks altíssimas que perturbam o silêncio alheio. Ninguém consegue dormir até altas horas da madrugada. Ações foram solicitadas ao Gávea Golfe para solução do problema. Moradores da Estrada da Gávea reclamam que está voltando de forma sorrateira e gradativa as lavagens de vans e outros veículos em frente ao Estação do Metrô. Cidadãos abrem os ralos de águas pluviais e usam água de mina, que foi encanada, exatamente para evitar essas lavagens, destruição do asfalto e a baderna no local, recém urbanizado. A Amasco retomou o processo para construção de um novo retorno na Autoestrada, que permita o fechamento definitivo do perigoso retorno existente em frente ao Posto Shell. O projeto foi feito na gestão anterior da Prefeitura e está parado até hoje. A luta será continuada. Continuam em andamento as reuniões do grupo de trabalho com representantes de Associações da Zona Sul e Barra, criado para gerar e coordenar ações do movimento “Acorda, Rio!”, que visam protestar contra vereadores que votaram a favor do aumento do IPTU e contra a desordem urbana vivida pela cidade do Rio de Janeiro. A Amasco solicitou a Ministério Público Estadual, que acione o Corpo de Bombeiros para que respondesse solicitação de esclarecimentos da Amasco sobre divergências na lotação da quadra da escola, que no projeto mostra uma lotação de 700 pessoas e foi dada permissão de 1.700 pessoas pelo Corpo de Bombeiros. Sobre a item acima, o Ministério Público indeferiu solicitação e sugeriu que a Amasco tornasse a solicitar esclarecimentos ao Corpo de Bombeiros. A Amasco já entrou com recurso junto ao Ministério Público Estadual solicitando sua interferência no assunto. Moradores relatam acidentes em retorno perigoso e a Amasco realizou pesquisa de opinião para fechamento ou não do retorno em frente ao Posto Shell, mesmo que o novo retorno prometido no governo municipal anterior não seja construído. Moradores solicitam retirada de erva-depassarinho das árvores, que sofrem com essa parasita no dia a dia. A Amasco solicita as pessoas que façam uma foto da árvore e informe o local para ser enviada ao departamento de arborização. A Amasco tem solicitado, insistentemente, ao departamento de conservação o reasfaltamento dos logradouros de São Conrado, que estão em péssimo estado de conservação. A prefeitura alega que está sem asfalto e sem contratos. Ficaram de atender à solicitação assim que tiverem asfalto. CANTEIRO, REGA E REPLANTIO M oradores estão reclamando que o canteiro de plantas da Autoestrada Lagoa-Barra, em frente ao Churrascaria Oasis, plantado no final das obras de construção da nova pista do Elevado das Bandeiras e dos túneis do Joá, está necessitando de rega e replantio de algumas árvores que morreram ao longo do tempo. A Amasco enviou solicitação a Fundação Parques e Jardins e a Secretaria de Conservação da Prefeitura que prometeram fazer uma fiscalização no local. No fechamento desta edição a FPJ já havia feito o plantio de várias novas árvores. Plantio sendo feito! Novas mudas sendo plantadas! Canteiro em frente a Churrascaria Oasis

[close]

Comments

no comments yet