jornal-correiosc-edi807

 

Embed or link this publication

Description

jornal-correiosc-edi807

Popular Pages


p. 1

www.correiosc.com.br / facebook.com/correiosc SEMANAL Tiragem: 5 mil exemplares São José, 17 de novembro de 2017 JORNAL DA REGIÃO METROPOLITANA DE FLORIANÓPOLIS Ano XVIII - Nº 807 PESQUISA Leitores avaliam o Correio de SC O jornal Correio de Santa Catarina recentemente fez uma pesquisa com seus leitores, para conhecer suas opiniões, interesses, críticas e sugestões sobre este veículo, presente há mais de 17 anos na Grande Florianópolis. Cada vez mais o Correio é reconhecido como o principal jornal de São José, mas não somente. Leitores de todas as cidades da região se manifestaram. O destaque principal é o conteúdo próprio das pautas locais, trazendo notícias atuais, relevantes e com credibilidade. Mais de 60% dos leitores afirmam ler todas as semanas o Correio. A maioria também já conhece este periódico semanal há muitos anos. Muitos se tornaram leitores assíduos pela própria distribuição ampla, planejada para que nenhum exemplar seja desperdiçado. Como sugestões, a pesquisa demonstrou uma pluralidade de pautas a serem abordadas: qualidade de vida, mobilidade urbana, gastos públicos, arquitetura e construção civil, esportes, sessão de curiosidades, gastronomia, policial, entre outras. Os dados da pesquisa apontam que 20% dos leitores estão na faixa dos 25 a 34 anos, 53% entre 35 e 50 anos, 20% na faixa de 51 a 60 anos. A maioria possui ensino médio (40%) ou pós-graduação (33%), mas outras etapas de escolaridade também tiveram números expressivos, demonstrando que o Correio possui uma gama variada de leitores de diversas classes. Na avaliação geral do jornal, 60% deram nota 8 ou mais. A pesquisa também levantou dados dos pontos de distribuição. Em cerca de 56% dos estabelecimentos em que há distribuição do Correio, os comerciantes afirmam haver procura pelo jornal. Em 90% deles, cada leitor leva apenas um exemplar. Os outros 10% são de pessoas que levam no máximo dois. Isto significa que não há perdas na distribuição e que o jornal é levado para leitura efetiva. 90% dos estabelecimentos também afirmam que é um diferencial ter a distribuição do Correio no local. Distribuição que, em média, se esgota em 67% dos locais em até 3 dias. A pesquisa nos dá agora mais embasamento para projetos futuros, sempre visando a melhoria. Muitas opiniões e sugestões serão acatadas para reforçar os pilares de credibilidade, ética e responsabilidade que sustentam o Correio. Continuamos abertos a comentários e críticas, assim como a pesquisa no link www.surveymonkey.com/r/k7wgkbx. Agradecemos a todos que participaram e que continuam a ler no Correio as notícias de São José e região. EM SÃO JOSÉ Conselho de Saúde aprova OS Contrato com Organização Social (OS) para operar o Pronto Atendimento da Policlínica de Forquilhinhas, que será inaugurada no começo de dezembro, foi aprovado no Conselho por 8 a 3, e prefeita Adeliana Dal Pont diz que “é uma tentativa” para manter o serviço funcionando 24 horas Divulgação/CSC PÁGINA 3 BEM-VINDO Quem quiser mudas de frutíferas ou exóticas é só ir ao Parque dos Sabiás, bairro Forquilhas, em São José, onde tem 40 mil para escolher, e de graça Afonso Silva, do DEM Câmara tem dois novos vereadores PÁGINA 4 Osmar Hauptli Jr, do PSB PÁGINA 7

[close]

p. 2

2 São José, 17 de novembro de 2017 PRIMEIRA LINHA Agência AL/Divulgação/CSC Delputado João Amin DATAS COMEMORATIVAS A Assembleia Legislativa aprovou projeto de lei de autoria do deputado João Amin (PP) que dispõe sobre a instituição de datas festivas alusivas em Santa Catarina. A proposta objetiva estipular regramento e critérios que sigam a mesma linha adotada pelo Congresso Nacional por meio da Lei Federal. Com a aprovação, a instituição de datas comemorativas estaduais obedecerá ao critério da alta significação para os diferentes segmentos profissionais, políticos, religiosos, culturais e étnicos. A definição do critério será dada, em cada caso, por meio da realização de consultas e audiências públicas, devidamente documentadas, com organizações e associações legalmente reconhecidas e vinculadas aos segmentos interessados. A abertura e os resultados das consultas serão objeto de ampla divulgação pelos meios oficiais, facultando-se a participação dos veículos de comunicação sociais privados. É um projeto para evitar a banalização de datas. Tudo certo: Marcondes no PMDB O deputado Mário Marcondes, do PSDB, poderá assinar ficha de filiação no PMDB ainda esse mês, como ele próprio acredita. Depende apenas de alguns acertos finais com ambas as siglas. Nesta segunda-feira (13/11), por exemplo, ele reuniu-se com a executiva do partido em São José para definir a sua sucessão no comando local do tucanato. Marcondes não foi à convenção estadual do PSDB sábado (11/11) realizada em São José (“tinha um compromisso assumido há dois meses, antes de ser marcada a data da convenção, e avisei o deputado Marcos Vieira, que é o presidente do partido em Santa Catarina, está tudo certo”), faz esse comentário sobre o desafio que terá para se reeleger, em 2018, pois irá para uma legenda forte e é preciso muito mais votos – em torno de 50 mil. “Não me preocupei com isso quando sai do PR para ir para o PSDB e, hoje, também o mesmo trânsito e a mesma tranquilidade me leva às fileiras do PMDB, sem problemas de urna. Urna é para quem tem coragem e para quem gosta Divulgação/CSC Deputado Mário Marcondes (D)) com os vereadores Michel Schlemper (1º plano) e Clonny Capistrano, e o ex-vereador Adriano de Brito: últimos detalhes de eleição. Eu não tenho medo de eleição, não tenho medo de urna e por isso estarei no PMDB, família forte, time forte”. Marcondes dá como certa a filiação de Nego Lima, como é mais conhecido Odilson Vicente de Lima, ao PMDB (é do PSD de Campo Erê), um de seus mais fortes cabos eleitorais no interior. Ex-vereador Adriano de Brito, do PSDB, repete que o seu partido é o PMM (Partido do Mário Marcondes), por isso é inevitável que também siga o destino do seu ídolo: o PMDB. “Tenho tudo para seguir os passos do deputado Mário Marcondes, por ser uma pessoa em quem eu acredito, que é um nome bastante positivo de São José no cenário estadual. O PMDB tem um atrativo maior: as caras novas da política josefense, são cabeças que trazem novas ideias, novos projetos para o município e são meus amigos. Posso citar, entre eles, Sanderson, Michel, Clonny, Lemos e a companheira Aline, todos vereadores do partido. Esse meu namoro com o PMDB já acontece há muito tempo, muito antes do Mário pensar em entrar para as fileiras do partido”. REFERÊNCIA O presidente do PMDB em São José, vereador Clonny Capistra- no faz a sua manifestação sobre o processo de filiação de Marcondes e Adriano, dando a entender que eles já estão no PMDB. Correio – O que falta para o deputado Mário Marcondes e o professor Adriano de Brito assinarem ficha no PMDB? Vereador Clonny Capistrano - Agora temos um deputado com referência na Assembleia Legislativa e da cidade de São José, com todo o respeito aos demais que compõem aquela Casa. O Mário fecha o ano do PMDB de São José de forma especial, demonstra que estamos montando um compromisso com a cidade e o PMDB sai fortalecido. Além do deputado vem todo o grupo político dele nesse movimento que ele faz. 2018 será um ano positivo para São José, em especial para o PMDB, porque terá uma cadeira na Assembleia Legislativa, que vai nos ajudar a impor e trazer projetos de importância para a cidade”. O vereador Michel Schlemper apenas pontua: “O Mário é muito bem-vindo no PMDB de São José”. OS 10 MANDAMENTOS DO PSDB-SC As lideranças do PSDB de Santa Catarina, depois da convenção estadual realizada dia 11/11 em São José, sob o comando do deputado Marcos Vieira (reeleito para o cargo de presidente do partido), divulgaram o que chamam de Carta, onde colocam os rumos que vão tomar em relação às eleições de 2018. A Carta, assinada pelo deputado Marcos Vieira, coloca 10 pontos considerados inarredáveis para os próximos passos do PSDB, que completa 30 anos de fundação no próximo ano. O documento enfatiza que o objetivo é o de revitalizar compromissos históricos, se baseia nos anseios dos militantes e de filiados do PSDB de Santa Catarina, e têm como princípio fundamental uma nova ordem que esteja de acordo com a realidade exigida pela sociedade. A POSIÇÃO 1 – Trabalhar e defender a unidade partidária em qualquer nível. 2 – Apresentar candidato do PSDB ao Governo de Santa Catarina na disputa eleitoral de 2018. 3 – Defender candidatura própria na disputa pela Presidência da República, nas eleições de 2018. 4 – Apoiar o nome do Governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, para candidato à Presidência da República pelo PSDB, nas eleições de 2018. Divulgação/CSC Senador Paulo Bauer, líder do PSDB no Senado; Leonel Pavan, prefeito de Blumenau, Napoleão Bernardes; e o deputado e presidente do partido em SC, Marcos Vieira: desejo comum é candidatura própria ao governo do Estado no próximo ano 5 – Apelar à Presidência Nacional do PSDB para que atue e busque, incansavelmente, a unidade partidária em torno de um projeto próprio, nas eleições presidenciais de 2018. 6 – Apelar para que os princípios e valores que fundamentaram a criação do PSDB sejam reafirmados como compromisso de todos os filiados tucanos. E, ao mesmo tempo, somos favoráveis a toda e qualquer tipo de investigação, in- dependente da sigla partidária a que pertença o investigado. 7 – O PSDB não pode, não deve e não terá jamais compromisso com o erro. 8 – O PSDB de Santa Catarina acredita que o partido exerceu papel fundamental na reconstrução de uma nova ordem política, social e econômica, desde a formação do Governo do atual presidente da República Michel Temer. 9 – O PSDB de Santa Catarina entende que os seus filiados que fazem parte do governo do atual presidente da República Michel Temer já cumpriram com o seu papel dentro do governo. E, por isso, solicitamos à direção nacional do PSDB que delibere pela saída destes filiados (ministros) de suas respectivas funções no governo. 10 – O PSDB de Santa Catarina tem projeto, sabe o que quer e aonde quer chegar. Fundado em 19 de março de 2000. Diretor-editor Belmiro Sauthier Comercial Albano Aquino Edilton Maranhão Pedro Clasen Reportagem Lucas Cervenka Editoração e Arte Ronaldo de Moura Ferro ronaldoferro@gmail.com Tiragem semanal: 5 mil exemplares Circulação: Grande Florianópolis EXEMPLAR GRATUITO Artigos e colunas assinadas não refletem, necessariamente, a opinião do jornal. Correio de Santa Catarina é uma publicação da CSV Editores Associados Ltda. Endereço para correspondência: Rua Coletor Irineu Comelli, 225 Centro Histórico - São José - SC. CEP: 88103-050. Fone: (48) 3241-1252. e-mail: redacao@correiosc.com.br / comercial@correiosc.com.br

[close]

p. 3

São José, 17 de novembro de 2017 Cidades 3 ORGANIZAÇÃO SOCIAL “É uma tentativa”, afirma prefeita Adeliana O Conselho Municipal de Saúde de São José esteve reunido nesta quinta-feira (16/11) para discutir a lei que institui o programa de incentivo às Organizações Sociais de Saúde no município. Os 11 conselheiros aprovaram a lei por 8 votos a 3. A prefeita Adeliana Dal Pont esteve presente e respondeu diversos questionamentos de conselheiros, vereadores e da comunidade que compareceu para acompanhar a discussão. Uma das maiores críticas dos presentes era justamente pela celeridade e falta de debate com que o processo foi conduzido na Câmara de Vereadores, sem passar antes pelo próprio Conselho. O modelo de Organização Social aprovado será implementado no futuro Pronto Atendimento (PA) da nova Policlínica de Forquilhinhas. Não abrangerá o atendimento básico da unidade (andares superiores do prédio), apenas os serviços de urgência e emergência 24h do Pronto Atendimento, que funcionarão no térreo. A Policlínica de Forquilhinhas tem data de inauguração marcada para 9 de dezembro, e o Pronto Atendimento poderá estrear junto, dependendo dos trâmites licitatórios para a esco- Conselho Municipal de Saúde aprovou modelo de gestão para o Pronto Atendimento na Policlínica de Forquilhinhas Lucas Cervenka/CSC Prefeita Adeliana Dal Pont (D) participou do debate do Conselho para explicar o modelo de OS na Saúde lha da empresa que irá gerir o serviço. Até 24 de novembro estão abertas as inscrições para qualificação das empresas. Para a prefeita Adeliana, o grande compromisso de sua administração é colocar de pé e em pleno funcionamento a Policlínica de Forquilhinhas, com o PA 24h – “é a grande obra da minha gestão”, disse ela. Para isso, quer que o modelo de gestão do PA seja o mais eficiente possível, sem aumentar os custos. Caso o município optasse por contratar servidores próprios, o custo total do PA gira- ria em torno de R$ 1,2 milhão ao mês. Em uma primeira consulta de orçamentos de três OS diferentes, os valores levantados pela Secretaria de Saúde foram de R$ 1,143 milhão, R$ 1,319 milhão e R$ 1,251 milhão. JUSTIFICATIVA PELA OS Na campanha para reeleição, Adeliana Dal Pont havia afirmado que não utilizaria “esses subterfúgios de OS” ou modelos semelhantes de terceirização para a área de Saúde. Questionada sobre esta mudança de posicionamento, justificou dizendo que em um Pronto Atendimento 24h não pode haver falta de profissionais por afastamento ou licença que comprometam o serviço. “Todos os dias no meu gabinete vem um decreto dizendo assim: ‘solicito em caráter irrevogável pedido de demissão’. E aí, depois da porta aberta, nós vamos correr esse risco (falta de pessoal). O serviço público não pode simplesmente pedir que outro profissional entre no lugar”, declarou Adeliana ao Conselho. Segun- do a prefeita, para repor um profissional é necessário chamar um concursado ou celetista (ACT), o que pode demorar por lei até 75 dias. Isto não acontecerá com as OS, que terão mais flexibilidade para repor um profissional que falte, por trabalhar com contratos por hora. AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO Atualmente, a efetividade do modelo de gestão terceirizado para OS está em debate no âmbito estadual. Cepon, Hospital Florianópolis e SAMU da Capital são exemplos que estão sob críticas. A preocupação com o desempenho foi apresentada no debate do Conselho nesta quinta-feira. Adeliana respondeu: “É uma tentativa. Eu não to dizendo que vai dar certo”, acrescentando que poderá até mesmo revogar a OS contratada dependendo dos resultados. Pela lei aprovada em São José, o serviço prestado pela OS será acareado a cada três meses por uma Comissão de Avaliação, composta por servidores efetivos da Prefeitura. Haverá também espaço para opiniões da comunidade. Uma retirada da OS, porém, será pouco provável. Em uma de suas viagens à Brasília neste ano, Adeliana se reuniu com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, para pleitear verbas federais para São José. Como colocou ao conselho nesta quinta-feira, Adeliana afirmou que há uma possibilidade do Ministério custear em até R$ 500 mil mensais a operação do PA de Forquilhinhas gerido por uma OS. O Ministério da Saúde, segundo a prefeita Adeliana, só fará isso após um mínimo de três meses de operação e uma avaliação minuciosa do serviço.

[close]

p. 4

4 Cidades 9<‡šÇ UŠ‹™‰•”š• ‹“ ’•‡™ :;F3< Š‹ ‹“ˆ˜• ‰‹”š˜•“›’š›™• Š‹™Ã••™Ç São José, 17 de novembro de 2017 POSSE NA CÂMARA Dois suplentes de ve- reador assumiram (13/11) na Câmara de Vereadores de São José com as galerias lotadas: Afonso Valécio da Silva (DEM) por 15 dias na ca- deira do titular Alexan- dre Rosa, o Velha (DEM); e Osmar Hauptli Júnior (PSB), o Zica Os- mar, no lugar do titular Túlio Maciel (PSC), por 30 dias. Afonso fez 1.070 votos na eleição de 2016; e Zica Osmar 1.192. Ambos usaram a tri- buna pela primeira vez como parlamentares para agradecer a familiares, amigos e eleitores, refor- çando o compromisso de trabalhar por São José. “Em 30 dias deste man- dato quero representar a sociedade josefense e com muito orgulho tra- balhar com dedicação e responsabilidade”, sa- lientou Osmar Hauptli Júnior, que ocupa a 2ª su- plência da coligação PSC Divulgação/CSC Osmar Hauptli Jr e Afonso Silva no juramento comandado pelo presidente Orvino Coelho de Ávila, na Mesa Diretora com presenças do vice-prefeito Neri Amaral, vereadora Cristina de Sousa, vereadora Gilmara Bastos, o diretor do IPrev José Natal e o presidente da Casan, Valer Gallina / PSB / PROS / PT do B. “Todos sabem do meu sonho de ser vereador para continuar o trabalho em busca do melhor para nossa cidade”, falou o vereador Afonso Valécio da Silva, 2º suplente da coligação DEM / PRB / PTB / SD. A posse dos novos legisladores contou com as presenças de diversas au- toridades no Plenário da Câmara. Compuseram a Mesa Diretora, presidida por Orvino Coelho de Ávila, o vice-prefeito Neri Amaral, o presidente da Casan, Valter Gallina, o deputado estadual Mário Marcondes e o atual diretor do Iprev (Instituto de Previdência do Estado de Santa Catarina), José Natal. BOLSA ATLETA CÂMARA DESTACA PROJETO QUE MARCA O ÊXITO DE SÃO JOSÉ NOS JASC A campanha histórica de São José nos Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC), na qual terminou na 5ª posição batendo recorde de medalhas, demonstrou os frutos do trabalho iniciado há anos. Parte desta conquista valorizou o projeto Bolsa Atleta, aprovado pela Câmara de Vereadores em 2013 e aperfeiçoado, através de emendas, no ano seguinte. “Isso tem muito a ver com a ajuda da Câmara, que foi quem deu a força para o Bolsa Atleta. Temos que parabenizar os ex-superintendentes da Fundação Municipal de Esportes e Lazer: a Andréa Grando, a Caroline e a Juliana Graciosa, além do atual comandante da pasta, João David Garcia”, avaliou o presidente do Legislativo, vereador Orvino Coelho de Ávila (PSD). Ao todo, foram 57 medalhas conquistadas PMSJ/Secom/Divulgação/CSC Equipe de judô recebe troféu nos JASC (24 de ouro, 15 de prata e 18 de bronze), deixando São José em quarto no quadro de medalhas, quinto na classificação geral por pontos e terceiro na classificação por troféus conquistados. “Isso mostra que estamos no caminho certo não só de investimento em Bolsa Atleta, mas também com os convênios de rendimento e projetos sociais”, avalia o superintendente da Fundação Municipal de Esportes e Lazer, João David Garcia. Ao final da competi- ção, São José somou 97 pontos ficando atrás apenas de Itajaí (campeão), Blumenau, Chapecó e Joinville. A campanha rendeu ainda nove troféus – cinco de campeão, três de vice e um de terceiro colocado. Os vereadores Edilson Vieira, Carlos Eduardo Martins, Nardi Arruda também destacaram o desempenho da equipe de São José nos Jogos.

[close]

p. 5

São José, 17 de novembro de 2017 Cidades 5 VINHO Os vitivinicultores da Serra catarinense têm motivos de sobra para comemorar. Após ter sida reconhecida esta semana pelo Guia de Vinhos do Brasil como a região que produz vinhos com a melhor qualidade do Brasil, outra boa notícia: a partir do próximo ano as vinícolas vão poder fazer parte do Simples Nacional. Isso significa uma redução substancial na atual tributação do produto, que poderá diminuir de 54% para 14%. “A partir dessa mudança, o vinho nacional ganhará competitividade”, ressaltam Guilherme Grando e Ernani Garcia, diretores da associação Vinhos de Altitude Produtores e Associados, entidade que congrega 20 vinícolas de Santa Catarina em 35 projetos, que produzem dois milhões de garrafas ao ano. Nos últimos 15 anos de atividade o setor vem enfrentado o maior de todos os obstáculos, que é falta de competitividade. “Somos penalizados com o elevadíssimo custo Brasil e uma tributa- ção desleal”, explica Guilherme Grando, diretor da Villaggio Grando e presidente da Associação. A partir de janeiro com o Simples Nacional uma esperança real: a mudança na tributação, além de atender aos apelos do setor, vai estimular a cooperação. “Só temos um caminho no mundo globalizado e competitivo de hoje, que é o de concentrar esforços”, aponta Ernani Garcia, proprietário da vinícola Abreu Garcia, que recentemente ganhou duas medalhas de ouro no encontro nacional do espumante brasileiro. Só poderão integrar o Simples Nacional as vinícolas com faturamento anual de até R$ 3,6 milhões. Nesta faixa entram todas de Santa Catarina. FETAESC 50 ANOS A Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Santa Catarina (Fetaesc) comemora 50 anos no dia 2 de julho de 2018. Para iniciar a contagem regressiva e celebrar a data, a Federação lançou (8/11)), durante o 1º Simpósio de Gestão Sustentável do Agronegócio Familiar, o logo especial de 50 anos. A nova identidade já está estampada na fachada da sede da Fetaesc, localizada na Av. Leoberto Leal, no bairro Barreiros, em São José. O slogan “Trabalhamos para melhorar a qualidade de vida no campo e na cidade” resume as inúmeras ações e atividades que a Federação vem fazendo ao longo das últimas cinco décadas, para proporcionar melhores condições de trabalho e de vida aos trabalhadores rurais. Atualmente, a entidade está presente em 233 municípios catarinenses. DINHERO EXTRA Cerca de 48,1 milhões de trabalhadores no mercado formal devem receber o 13º salário até 20 de dezembro. O volume representa 57,8% dos 83,3 milhões de brasileiros que serão beneficiados pelo pagamento extra. O calendário da gratificação natalina é fixado pela Lei 4.749/1965, e determina que haja parcelamento em duas vezes do pagamento e que a primeira parcela seja quitada de 1º de fevereiro até o dia 30 de novembro, enquanto a segunda, até 20 de dezembro. Serão injetados R$ 132,7 bilhões na economia, segundo estudo do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). MAIS • 59,3 milhões de brasileiros estão com o nome negativado, mostra estimativa do SPC Brasil e CNDLRegião Sudeste concentra o maior número de negativados: 24,34 milhões de consumidores. Número de dívidas cai -4,01% em setembro • A CAOA, maior conglomerado de distribuição e fabricação de automóveis da América Latina, e a Chery, maior exportadora de veículos chineses, se unem em acordo histórico de cooperação para lançar a CAOA Chery, nova montadora 100% nacional. Essa parceria estratégica agrega a tecnologia de ponta da indústria chinesa com a experiência do time de engenheiros e tecnólogos da CAOA, para lançar a nova marca, CAOA Chery, também 100% nacional.

[close]

p. 6

6 Cidades São José, 17 de novembro de 2017 DESAPARECIDOS MPSC adere ao Sistema Nacional de Localização e Identificação Nesta segunda-feira (13/11), 18 Procuradores-Gerais de Justiça do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) assinaram o termo de adesão ao Sistema Nacional de Localização e Identificação de Desaparecidos no âmbito do Ministério Público brasileiro (Sinalid). A iniciativa ocorreu durante reunião realizada em Brasília, entre a presidente do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), Raquel Dodge, e integrantes do Conselho Nacional dos Procuradores-Gerais de Justiça (CNPG). Resultado da criação e ampliação do Programa de Localização e Identificação de Desaparecidos MPSC/Divulgação/CSC Sandro José Neis em reunião com a Procuradora Geral de Justiça, Raquel Dodge (Plid), desenvolvido pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP/RJ), o Sinalid será implementado pelo Conselho em parceria com o MP fluminense. O objetivo é criar um sistema de buscas integrado nacionalmente e desenvolver ações conjuntas e de apoio mútuo às atividades de sistematização de procedimentos, comunicações e registros de notícias de pessoas desaparecidas ou vítimas de tráfico humano, com cruzamento de dados. Com o Plid, no Estado do Rio de Janeiro, 37,48% dos casos tiveram resolutividade. Para o ProcuradorGeral de Justiça catarinense, Sandro José Neis, que também preside o CNPG, a estratégia proporcionará mais agilidade na localização de de- saparecidos. “Mesmo nos tempos atuais, onde temos a internet presente em dispositivos móveis, o número de desaparecimentos continua alarmante. A integração nacional trará maior preci- são na apuração das informações, tornando o trabalho das Instituições mais dinâmico. Assim, esperamos contribuir para reunir muitas famílias novamente”, declarou Neis. NÚMEROS De acordo com o Anuário Brasileiro de Segurança Pública do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, foram registrados 693.076 boletins de ocorrência de pessoas desaparecidas no período de 2007 a 2016. Já em Santa Catarina, no mesmo período, foram registrados 27.578 boletins de ocorrência de pessoas desaparecidas, sendo que em 2016 foram 3.380 casos. A proposta do Sinalid é que, com a adesão nacional das unidades do Ministério Público, os números de soluções tenham aumento substancial.

[close]

p. 7

São José, 17 de novembro de 2017 Cidades Parque dos Sabiás tem 40 mil mudas para doação em São José As árvores desempenham um papel fundamental na qualidade de vida das pessoas. Em São José, a Prefeitura desenvolve um trabalho contínuo de produção, plantio e distribuição de mudas de árvores nativas em busca da qualidade ambiental no município. Desenvolvido pela Fundação Municipal do Meio Ambiente, o trabalho é realizado no Parque Temático dos Sabiás, em Forquilhas, e instrui os cidadãos sobre a forma adequada de semear cada muda. Quem pega mudas distribuídas no Parque Temático dos Sabiás recebe uma cartilha produzida pela Prefeitura com instruções e cuidados que devem ser respeita- dos na hora de plantar. “O plantio de árvores no meio urbano está sob a responsabilidade da gestão pública de cada município, desta forma, é importante instruir o cidadão para que ele não execute um plantio inadequado que acabe causando o confronto das árvores com equipamentos urbanos, fiações elétricas, encanamentos, muros, postes de iluminação, entre outros”, explica a superintendente da Fundação Municipal do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Fernanda Farias. Atualmente existem cerca de 40 mil mudas no Parque. Em média a Prefeitura chega a distribuir mais de 2 mil mudas ao mês, contemplando cerca de 700 pessoas. Parte das mudas produzidas é usada pelo Município na arborização de áreas urbanas, como praças e avenidas, e no reflorestamento de áreas degradadas. Entre as mudas doadas no parque estão árvores frutíferas e ornamentais, como pitanga, araçá, goiaba, cereja, palmeira, entre outras. Cada cidadão tem autorização para levar até 10 mudas durante a semana BENEFÍCIOS • Purificação do ar pela fixação de poeiras e gases tóxicos; reciclagem de gases através dos mecanismos fotossintéticos; Parque tem mudas de pitanga, araçá, goiaba, cereja, palmeira entre outras árvores nativas • Melhoria do microclima da cidade, pela retenção da umidade do solo e doa ar e pela geração de sombra, evitando que os raios solares incidam diretamente sobre as pessoas; • Redução na velocidade do vento e amortecimento de ruídos; • Abrigo à fauna, pro- piciando uma variedade maior de espécies, equilíbrio das cadeias alimentares e diminuição de pragas e agentes vetores de doenças. • Bem-estar psicológico, efeito estético, redução do impacto da água de chuva, auxílio na diminuição da temperatura e preservação da fauna silvestre. 7 PMSJ/Secom/Divulgação/CSC SERVIÇO O quê: Parque Temático dos Sabiás Atendimento: Aberto de segunda a sexta das 8h às 17h. Onde: Rua Francisco Ignácio do Nascimento, bairro Forquilhas, São José Informações: (48) 3247-3330

[close]

p. 8

8 Cidades São José, 17 de novembro de 2017 OCUPAÇÕES CLANDESTINAS Algumas soluções foram apontadas por Promotores e Executivo Divulgação/CSC As ocupações desor- ambos do PMDB, ocupa- denadas (ou clandesti- ram a tribuna para desta- nas) em São José foram car a reunião sobre as pauta de um encontro ocupações desordenadas. (13/11) na Câmara de Ve- Sanderson: “Os secretá- readores de São José, rios sabem o que tem que com participação dos ser feito, mas é aquela promotores de Justiça máxima: onde não tem Marcia Arend e Raul de orçamento e destinação Araújo Santos; a secretá- de recursos, não tem má- ria de Segurança, Defesa gica”. André: “A prefei- Social e Trânsito, Andréa tura não pode deixar Pacheco; a superinten- construir. Quero endos- dente da Fundação Mu- sar o que a promotora nicipal do Meio Ambien- disse: é um erro histórico te e Desenvolvimento Sustentável, Fernanda Vereadores, promotores de Justiça e representantes da Prefeitura se reuniram na última segunda (13/11) e ao longo dos anos o Ministério Público, Justi- Vieira Farias; além do se- Meio Ambiente. “A le- quer lugar civilizado pre- ção das mesmas. (PSB) e Sandra Martins ça, Executivo e Legislati- cretário adjunto da gislação federal (Decreto cisa respeitar seu Plano Ainda participaram (PSDB). vo estão falhando”. SUSP, Michael Rosanel- nº 6514/2008), nos impe- Diretor”. do encontro, os vereado- Clonny Capistrano: li; Guarda Municipal e outros integrantes do Executivo. O encontro, mediado pelo vereador Sanderson de de demolir casa habitada. Além disso, a Fundação tem apenas três fiscais para dar conta de toda a cidade”, afirmou a SUGESTÕES No fim do encontro, res Abel Veiga (PHS), André Guesser (PDT), Antônio Lemos (PMDB), Carlos Eduar- do Martins (PSD), Cristi- REPERCUSSÃO Na Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores “”Para fazer um loteamento regularizado neste município, tem que pagar taxas aprovadas nesta Casa. Enquanto isso, há de Jesus (PMDB), elen- superintendente Fernan- soluções foram aponta- na de Sousa (PRB), Gil- de São José desta segun- criação de ‘favelões’ que cou pontos críticos da ci- da Vieira Farias. Infor- das como o projeto de lei mara Vieira Bastos da-feira (13/11), os ve- trarão impacto na saúde, dade como os loteamen- mou que vão ser feitas enviado à Câmara, que (PSD), Jair Costa (PSD), readores André Guesser na educação e no setor de tos Ana Clara e Benja- ações com todas as secre- visa regularizar o descar- Nardi Arruda (PSD), Os- (PDT), Sanderson de Je- transporte do nosso mumin, a Vila Formosa, o tarias, inclusive a Assis- te de papa-entulho, gran- mar Hauptli Júnior sus e Clonny Capistrano, nicípio”, citou. Dona Wanda, Boa Vista, tência Social, para reur- de responsável pela for- Morro Azul, Colônia banizar algumas locali- mação dos chamados “li- A PEDIDO Santana, entre outras lo- dades, e a primeira inter- xões”, destacado pela secalidades que sofrem venção será no Lotea- cretária Andréa Pacheco. MOÇÃO DE REPÚDIO com as construções irregulares, muitas em áreas de preservação permanente (APP). Entre as principais dificuldades descritas, a falta de pessoal para fiscalizar e a não utilização do poder de polícia por parte do Executivo foram citados pelos promotores e pela superintendente da Fundação Municipal do mento Benjamin. O promotor Raul de Araújo Santos pediu maior ação da prefeitura, usando seu poder de polícia para fiscalizar e dentro da legalidade derrubar as construções sem alvará, especialmente antes de estarem concluídas, que teve sua posição reforçada pela promotora Marcia Arend: “Qual- O vereador Michel Schlemper (PMDB) citou a necessidade de aprovação do Código de Obras do município, enquanto o vereador Sanderson de Jesus (PMDB) solicitou ao Executivo envio à Câmara de quais áreas estão ocupadas de forma irregular, além do número de casas em tais condições e a identifica- O Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público de São José, o SINTRAMSJ, em reunião de diretoria e conselho no dia 14 de novembro de 2017, decidiram por manifestar publicamente seu repúdio em relação à forma como determinadas políticas públicas estão sendo conduzidas pelo Poder Executivo do Município de São José. Tornam-se cada vez mais contundentes as investidas do governo josefense pelo cerceamento da participação democrática e popular nos espaços de discussão pública e coletiva. Tal prática nefasta está sendo constatada em variados ambientes, como nos Conselhos Municipais, plenárias e outros fóruns de debates, prejudicando a articulação de diretrizes adequadas em áreas vitais da administração pública municipal. Episódios recentes, vivenciados e relatados por membros de Conselhos, incluindo servidores municipais e também representantes da comunidade, eviden- ciam o intuito de dificultar a defesa dos interesses dos munícipes junto a essas en- tidades. Em tempo, cabe lembrar que os Conselhos Municipais são formas de CONCURSO atuação popular garantidas pela Constituição Federal de 1988. São espaços de convergência entre os anseios da sociedade e as ações do Poder Público. A Prefeitura de Palhoça publicou (14/11) edital de abertura de três processos seletivos para área da Saúde. Os editais preveem contratação temporária de profissionais como motorista, assistente administrativo, psicólogo, nutricionista, fisioterapeuta, médico, médico veterinário, pediatra e psiquiatra. As inscrições podem ser feitas somente pelo preenchimento completo do Formulário de Inscrição disponível no site www.palhoca.atende.net, no período de 15 a 29 de novembro de 2017, até as 17h. A data prevista da prova é dia 6 de dezembro de 2017, em local e hora a serem divulgados no portal da Prefeitura. COMBATE A ENDEMIAS É válido ressaltar que, sem o envolvimento efetivo da sociedade, bem como a abertura ampla e real ao debate, o resultado será a construção de políticas públicas ineficazes, incapazes de atender as demandas de quem mais necessita. Mais do que isso, dificultar a participação nestes ambientes é desconsiderar as demandas da população, principalmente de uma parcela cujo acesso a serviços essenciais é ainda mais difícil, beirando a negligência por parte do Poder Público. Para que exista uma verdadeira social democracia, cujos preceitos, inclusive, conduzem determinadas ideologias, é preciso invariavelmente ter na prática a defesa das liberdades de expressão e opinião e do direito do cidadão à informação. É preciso estar ao lado da sociedade, do trabalhador, exigindo respeito ao dinheiro público e comportamento ético, coerente e honesto dos governantes e da classe política. Para uma social democracia concreta, genuína, o exercício da política necessita responsabilidade e transparência, sem margem para conluios ou conchavos. Um atendimento rápido em situações de emergência é fundamental para salvar vidas. Com esse objetivo, a Secretaria de Saúde de São José promoveu uma parceria entre a Vigilância Epide- miológica do Município e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para uma capacitação especial da equipe de endemias. Os agentes estão aprendendo técnicas de Suporte Básico de Vida (SBV) para estar preparados para agir em caso de necessidade. A capacitação começou (8/11) e continua e foi 13 de novembro com o treinamento de 42 agentes. O Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público de São José historicamente defendeu e continuará defendendo os interesses dos josefenses, servidores públicos ou não. A entidade se manterá vigilante quanto à abertura e a manutenção de espaços constitucionais e ao cumprimento das obrigações dos Poderes Executivo e Legislativo municipais, e denunciará, se essa for a medida adequada, quaisquer irregularidades que venham a ocorrer. DIREÇÃO SINTRAM-SJ

[close]

p. 9

São José, 17 de novembro de 2017 9

[close]

p. 10

10 Negócios Aqui Tem PRODUTOS & SERVIÇOS São José, 17 de novembro de 2017

[close]

p. 11

São José, 17 de novembro de 2017 Cidades 11 Mais agilidade para a coleta de resíduos Nove novos caminhões compactadores já integram a frota que realiza a coleta de lixo na cidade São José. Os novos veículos permitirão mais agilidade na produtividade e maior segurança operacional. “A nova frota garante mais assiduidade à coleta, pois os novos caminhões dificilmente apresentam falhas, o que permite que o recolhimento dos resíduos seja efetuado em menor tempo e sem causar transtornos aos contribuintes por conta de eventuais atrasos”, afirma o secretário de Infraestrutura, Milton Bley Júnior, reforçando que a nova frota dispõe de caminhões menores para operar em áreas onde o acesso é mais difícil. Entre os novos modelos, um em especial se destaca. Trata-se do caminhão Mikro Acello da Mercedes-Benz, que devido suas dimensões compactas é usado para coletar resíduos em locais de difícil acesso como encostas e morros. “Essa é uma aquisição que nos possibilita coletar em menor tempo uma média 2,5 mil toneladas de resíduos por carga”, explica o gerente regional da Ambiental Limpe- PMSJ/Secom/Divulgação/CSC A nova frota de veículos para coleta de lixo em São José za Urbana e Saneamento Ltda, Jairson José da Silva. Além do Mikro Acello, oito novos caminhões modelo Atego 1719 da Mercedes-Benz também operam no recolhimento de lixo orgânico em São José. Este trabalho conta com o apoio de uma moto e um Fiat Strada para a fiscalização, numa operação que chega a recolher em média 5.150 toneladas de lixo por mês. Além da frota para coleta de resíduos orgânicos, outros quatro veículos tipo Baú são destinados à coleta de lixo seletivo no município. Nesta operação, cerca de 250 toneladas/mês são coletadas, o que equivale a 5% do lixo recolhido na cidade, destinados à reciclagem. DOIS PEDIDOS A coleta de resíduos não inclui o recolhimento de terra, areia, entulho de obras, resíduos industriais perigosos, pneus, podas de árvores e lâmpadas fluorescentes, por isso, solicita-se aos munícipes que tenham cuidado redobrado na hora de embalar o lixo residencial, principalmente, materiais pontiagudos, que devem estar devidamente identificados para evitar acidentes e perigo de corte nos coletores que executam o recolhimento de lixo nos bairros da cidade. Outro pedido importante: a comunidade deve ficar atenta aos dias e horários de coleta em cada região, pois o serviço é realizado diariamente nos bairros Kobrasol e Campinas, e três vezes por semana nos demais bairros, conforme a setorização de cada região. A colaboração da comunidade é fundamental, pois a separação dos resíduos recicláveis resulta em benefícios, como a redução do volume em aterros, redução de extração de recursos naturais e consequente melhoria ao meio ambiente. Para sanar dúvidas referentes aos horários de coleta nos bairros, enviar sugestões ou reclamações, a equipe da empresa Ambiental fica à disposição através do telefone: (48) 3901-3080. Associação AMIGO DOWN EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLÉIA GERAL - RETIFICAÇÃO Onde se lê: “A Presidente da Associação Amigo Down, Organização de Sociedade Civil de Interesse Público, inscrita no CNPJ sob o nº 85.306.991/0001-98...” LEIA-SE: “A Presidente da Associação Amigo Down, inscrita no CNPJ sob o nº85.306.991/0001-98..”. ELIZABETH GOMES ANDRADE PRESIDENTE PDT - PARTIDO DEMOCRÁTICO TRABALHISTA DIRETÓRIO MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ EXECUTIVA MUNICIPAL EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA ELEIÇÃO DOS MEMBROS DO DIRETÓRIO E DA EXECUTIVA MUNICIPAL Nos termos da Legislação em vigor e de conformidade com o Estatuto do PDT, ficam convocados, por este Edital, todos os Membros do Diretório Municipal do Partido Democrático Trabalhista (PDT), deste Município, para reunião do Diretório Municipal, que será realizada no dia 28 de Novembro de 2017, na Câmara Municipal de São José, localizada na Praça Arnoldo de Souza, nº 38, Bairro Centro, São José/SC, com início às 19 horas e encerramento as 21 horas, com a seguinte ORDEM DO DIA: a) Eleição do Diretório Municipal que será constituído de 45 (quarenta e cinco) membros titulares e de 14 (quatorze) membros suplentes; b) Eleição dos Membros da Executiva Municipal; c) Eleição do Conselho de Ética que será constituído de 05 (cinco) membros titulares e de 03 (três) membros suplentes; d) Eleição do Conselho Fiscal que será constituído de 03 (três) membros titulares e 03 (três) membros suplentes; e) Assuntos Gerais. São José, 16 de novembro de 2017. FERNANDO ANSELMO PEREIRA Presidente da Executiva Municipal do PDT FIAÇÃO SUBTERRÂNEA EM MUNICÍPIOS Gilberto Vieira Filho(*) Écomum nos depararmos com fios de energia cortando o céu das grandes cidades. Apesar de necessário para manter iluminadas as ruas e levar eletricidade para as residências, o cabeamento aéreo pode representar dor de cabeça, isso por conta da poluição visual que gera, índice de falhas e do alto custo de manutenção. Entre as soluções mais inteligentes adotadas pelos principais centros urbanos, está a rede subterrânea. Problemas de iluminação não são raros de ocorrer, e inevitavelmente geram contratempos para a população. A boa gestão da iluminação, aliada ao uso de práticas mais eficientes pode tornar situações delicadas como essas menos frequentes. Apesar do cabeamento aéreo ainda representar a maior parte dos sistemas de iluminação no país, a fiação exposta é altamente suscetível ao vandalismo, ventanias e trovoadas. Isso coloca a segurança da população em risco, causa manutenções constantes, encarecendo os custos para manter tudo operando normalmente. No entanto, apesar das desvantagens do cabeamento aéreo, ainda são tímidas as iniciativas para modernizar o sistema. As redes subterrâneas, principal alternativa ao modelo atual, tiveram as primeiras experiências no Brasil ainda em 1938, quando o então Governo Federal solicitou que os cabos de energia aéreos do Rio de Janeiro fossem retirados, o que na época se justificava apenas como medida estética. O procedimento para instalação da rede subterrânea consiste na instalação de dutos enterrados em valas. A mudança garante diversos benefícios, entre eles a redução da poluição visual. O sistema subterrâneo é muito mais duradouro e acaba, em longo prazo, sendo economicamente mais viável. Isto porque os custos com reparos chegam a ser até 80% menores do que na rede aérea, exigindo menos substituições de cabos e consertos mais espaçados. Em Santa Catarina várias cidades já contam com redes subterrâneas. É o caso, por exemplo, de Joinville, São José, Florianópolis e Lages. Outra vantagem das redes subterrâneas é o fato de não serem condutoras de sobretensões, causa frequente da queima de equipamentos nas residências, ou de vandalismo, com o roubo de cabos. (*) Gilberto Vieira Filho, presidente e engenheiro da Quantum Engenharia. LIGUE E ANUNCIE (48) 3241-1252

[close]

p. 12

12 Lazer PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS www.coquetel.com.br © Revistas COQUETEL Evento aberto ao públi- Planeta explorado peco, em que a escola lo Curiosity Parque de samba simula, no nacional com área sambódromo, o des- em SP e no RJ file oficial Fazer (?), mania da pessoa barraqueira Cidade (?), grupo de reggae O plano dividido em 4 quadrantes (Mat.) Onomatopeia do som da sineta Criticar Associações da Europa Medieval que regulamentavam o artesanato, combatendo falsi- John (?), cantor ficações Verbo favorito do materialista Objeto como o aeromodelo Mulher a (?): faxineira, em Portugal Praia de Salvador Reparos Local do carona sobre o cavalo Fracasso Antônio (?), crítico literário O reino biológico de organismos muito simples, como as bactérias e as algas azuis BANCO "(?) de Aluguel", filme de Tarantino Paciente do pediatra Plutônio (símbolo) O (?): o bamba Apelido de "Eduardo" Vir ao mundo Cenário, em francês Ou, em inglês Alagoas (sigla) Capital europeia onde morou Jean Charles Decifra o escrito (?) Fey, humorista Estádio da Portuguesa Secreção apícola A viola, por seu interior Congrega corretores de imóveis (sigla) Leite recente- mente or- denhado (?) Reis, ator brasileiro Solução 62 Edibar - Lucio Oliveira São José, 17 de novembro de 2017 C CINEMA Horários de sábado (18/11) LIGA DA JUSTIÇA • Impulsionado pela restauração de sua fé na humanidade e inspirado pelo ato altruísta do Superman (Henry Cavill), Bruce Wayne (Ben Affleck) convoca sua nova aliada Diana Prince (Gal Gadot) para o combate contra um inimigo ainda maior, recémdespertado. Juntos, Batman e Mulher-Maravilha buscam e recrutam com agilidade um time de meta-humanos. Continente Park: 14:00 17:00 (3D, Dub) | 18:00 18:15 20:00 21:00 23:00 (3D, Leg) Via Catarina: 14:00 16:30 19:00 21:30 (3D, Dub) | 13:30 16:00 18:30 21:00 (Dub) THOR: RAGNAROK • Thor é aprisionado no outro lado do universo sem o seu poderoso martelo e encontra-se numa corrida contra o tempo para regressar a Asgard e travar o Ragnarok – a destruição do seu planeta natal e o fim da civilização Asgardiana – às mãos de uma nova e todo-poderosa ameaça, a implacável Hela. Mas, primeiro, terá de sobreviver a um mortal confronto de gladiadores que irá opô-lo a um antigo aliado e Vingador – o Incrível Hulk! Itaguaçu: 14:00 16:30 19:00 21:30 (Dub) Continente Park: 22:30 (Leg) | 13:30 16:30 19:35 (Dub) | 12:15 15:15 21:15 (3D, Dub) Via Catarina: 14:00 16:30 19:00 21:30 (Dub) DEPOIS DAQUELA MONTANHA • Alex (Kate Winslet), uma jornalista que está indo preparar seu casamento, e Ben (Idris Elba), um doutor voltando de uma conferência médica, iriam pegar o mesmo avião, mas o voo é cancelado e os dois estranhos decidem fretar um jatinho. Durante a viagem o piloto sofre um ataque cardíaco e o avião cai em uma região montanhosa coberta por neve. Um romance começa a ganhar força enquanto eles tentam sobreviver, feridos e perdidos. Via Catarina: 18:40 (Dub) BIG PAI, BIG FILHO • Adam é um adolescente que precisa descobrir o mistério por trás do desaparecimento de seu pai. Para isto ele se aventura numa floresta tentando localizar o pai. Quando ele encontra-o descobre que ele é ninguém mais, ninguém menos, do que o lendário Pé Grande. Ele tem se escondido na floresta há anos para proteger a si e sua família de uma grande corporação que quer fazer experimentos científicos com ele. Pai e o filho começam a passar um tempo juntos e Adam logo descobrirá que ele também tem super poderes, além de sua imaginação. Itaguaçu: 14:00 (Dub) Via Catarina: 14:30 (Dub) GOSTO SE DISCUTE • O chef (Cassio Gabus Mendes) de um restaurante estrelado, mas um tanto ultrapassado, vê toda sua clientela ir para um novo “food truck” em frente ao seu estabelecimento. Para piorar, ele é obrigado a aceitar uma auditora do banco (Kéfera Buchmann) que quer promover uma verdadeira revolução no restaurante. O nervosismo é tanto que leva o chef a perder o seu paladar. Um novo cardápio parece ser a solução para recuperar o restaurante, mas como criá-lo sem sentir gosto algum? Itaguaçu: 16:00 17:40 19:20 UMA RAZÃO PARA VIVER • Robin é um homem ambicioso, vaidoso e cheio de admiradoras. Mas sua vida dá uma guinada quando ele contrai poliomielite e fica paralítico. Agora ele precisa rever todos os aspectos de sua vida e começa uma brava luta para seguir vivendo normalmente com a ajuda de sua esposa, Diana. Continente Park: 16:45 19:30 22:15 (Leg) PAI EM DOSE DUPLA 2 • Após resolverem suas diferenças, Brad (Will Ferrell) e Dusty (Mark Wahlberg) precisam agora lidar com uma nova situação complicada: a súbita aparição de seus pais (John Lithgow e Mel Gibson), que possuem comportamentos bem diferentes. Via Catarina: 21:00 (Dub) MA C E S C ANDA L O NEGRA TER S R T LI M N P CART ES I ANO D I AS AN OR O D C R I A N ÇA I T A PU Ã TA L Õ EB EDU LE CONSERTOS A N C A C A NI N DE F I ASCO ADO C I CERO RF M O N E RA C R E CI A R C A S S IO 2/or. 4/tina. 5/decor. 6/cássio — cícero — itapuã. 8/analisar. 19/corporações de ofício. H HORÓSCOPO Peixes de 20/02 a 20/03 - Algum cansaço devido à agitação das semanas anteriores. Recupere as energias. Vai consolidar a relação. Faça tudo para evitar problemas de ordem legal. Poderá ter alergias. Escorpião de 23/10 a 21/11 - Não passe muito tempo sozinho, saia com os seus amigos ou visite familiares. Respostas positivas para um novo emprego. A garganta pode dar problemas. Câncer de 21/06 a 21/07 - Vai viver momentos como não vivia há muito tempo. Tudo tende a correr bem. Algumas dúvidas, mas essa instabilidade vai passar. Encare as mudanças de forma positiva. Aquário 21/01 a 19/02 - Acredite em si, que tem força suficiente para alcançar as metas. A sua persistência é o que vai valer nos momentos mais complicados. Conseguirá dar a volta e até vai sair ganhando. Libra de 23/09 a 22/10 - Encontrará um novo rumo. Vá mais devagar para não dar um passo grande demais, esta é uma boa hora para conhecer bem a pessoa com quem se relaciona. Dificuldade em dormir. Gêmeos de 21/05 a 20/06 - Estará emotivo e mais sensível do que o normal. Insatisfação com a situação atual vai levar a modificações. O dinheiro chegará para as suas despesas. Pratique esporte. Capricórnio de 22/12 a 20/01 - Novas portas podem abrir-se na sua vida. Sentimentos por alguém que já faz parte do seu ciclo de amizades vão despertar. Não conte com ajudas. Altere hábitos alimentares. Virgem de 23/08 a 22/09 - Semana positiva, mas seja cauteloso com comentários da sua vida pessoal. Chegou a hora de alterar ou até mesmo terminar situações antigas. Escolha as oportunidades que vão surgir. Touro de 21/04 a 20/05 - O período é favorável para limpar de vez o que não lhe traz alegria. Aproveite a companhia dos seus amigos para se divertir. Vai resolver muitos assuntos. Muitos gastos. Sagitário de 22/11 a 21/12 - Vai sentir que a vida lhe sorri e traz novas oportunidades. Não há nada a temer, pois o seu parceiro (a) vai estar de acordo consigo nos momentos mais importantes. Leão de 22/07 a 22/08 - Conte com um fim-de-semana mais tranquilo. Não deixe que a sua insegurança prejudique os bons momentos com o parceiro (a). Mostre mais maturidade. Os rins podem dar problemas. Áries de 21/03 a 20/04 - Semana positiva. Passará pouco tempo em casa: vai sair para conviver com os amigos. Tome decisões importantes. Terá alguns gastos. Dores de cabeça por falta de descanso. I IMAGEM DA SEMANA KCNA/Divulgação/CSC Quer tratorar: A semana foi tranquila para Kim Jong Un. Condenou à morte o presidente americano Donald Trump e posou para foto em fábrica de tratores em Kiyang-dong

[close]

p. 13

São José, 17 de novembro de 2017 13 Timão campeão O torcedor corintiano pode enfim gritar “é campeão” por mais um título do Brasileirão 2017. O Timão foi soberano desde a quinta rodada, quando assumiu a liderança. Esse título foi conquistado com méritos. Foi um conjunto formado por jogadores sem estrelas e capitaneado pelo novato e competente Carille, que calou a boca dos céticos metidos a entenderem de futebol. Até mesmo Jô, que retornou ao clube desacreditado, soube dar a volta por cima e ainda ser o artilheiro dessa temporada. Parabéns a este bando de loucos. Sem uniformidade O campeonato catarinense de 2018 já foi aprovado pela grande maioria dos presidentes de clubes do nosso futebol, mas não houve um consenso geral. O Avaí votou contra a fórmula por pontos corridos. Sinceramente, não sou muito chegado a esta fórmula por entender que, quando um clube começa a disparar na tabela de classificação, o campeonato começa a perder o interesse dos torcedores. É bom que todos saibam que quem aprovou este modelo foram os presidentes dos clubes. Depois não venham reclamar da Federação. O valor da base No início da minha carreira no apito eu ficava almejante por uma escala para trabalhar nas preliminares, onde os clubes da Capital utilizavam os seus juniores. Um time que quer apostar no bom e barato, tem que possuir, antes de tudo, uma categoria de base que possa descobrir bons jogadores. Assim acontecia com o Figueirense e também com o Avaí, que sempre revelavam um grande jogador. Hoje em dia ambos os clubes falham na base, trazendo figurões que nada acrescentam de bom aos seus times. Os clubes precisam pensar mais, muito mais em seus garotos. Futebol em declínio O futebol italiano decaiu nos últimos tempos. Aquele que um dia já foi o mais sedutor dos campeonatos europeus, vê acabrunhar-se cada vez mais diante do campeonato espanhol, alemão, inglês e até mesmo do módico francês. Desde 1958, a Azurra não ficava de fora de uma Copa do Mundo. A Copa da Rússia não terá a presença de um concorrente tão ilustre. A Itália foi despachada pela humilde Suécia, porque não tem uma boa seleção e não fez por merecer a sua classificação. Corda no pescoço Brasileirão acabando e alguns clubes já começam a recolher os cacos desta temporada. E não é só os pequenos. O Flamengo já começa a planejar 2018 e a ideia da sua diretoria é vender, emprestar ou colocar no mercado alguns de seus jogadores que não foram felizes neste ano. Nomes como Alex Muralha, Rafael Vaz, Conca, Rômulo, Mancuello e Gabriel deverão subir na barca. Até o técnico colombiano Reinaldo Rueda pode ser destituído do cargo caso venha a fracassar na Sul-Americana. Não agradou O Figueirense foi até Goiânia e enfrentou um adversário que tinha grandes chances de encostar no G-4. A vitória esteve com o Alvinegro até os 44 minutos do primeiro tempo, quando os donos da casa acabaram achando um gol depois de uma falha lamentável da zaga adversária. Foi um jogo truncado, com poucas oportunidades de gol. Jorge Henrique teve a grande chance de garantir os três pontos, mas errou o chute. Fim de jogo com um empate desimportante para todos no Serra Dourada. Troféu decepção Dois grandes clubes do futebol brasileiro se enfrentaram neste último domingo. Flamengo e Palmeiras merecem o troféu “Decepção do Ano”. Foram os clubes que mais investiram em seus times e devolveram uma ninharia aos seus milhões de torcedores espalhados por este Brasil afora. Faz coisas Esse Avaí realmente faz coisas. O Leão foi a São Paulo para enfrentar um Corinthians praticamente campeão brasileiro, diante de um bando de loucos que invadiu o Itaquera, e perdeu o jogo apenas por 1 a 0, com um gol de Kazim, o gringo da favela, que não marcava há nove meses. Este é um ano nebuloso para o torcedor avaiano, que enfrentou de tudo um pouco e nunca deixou de apoiar o time. Agora é juntar os cacos e reciclar o que é de bom para 2018. O Leão não deverá terminar o ano bem. Drops da arquibancada • O Figueirense vive uma indefinição no seu gol fazendo o torcedor sentir saudades de Wilson. Alex Muralha poderá retornar ao clube em 2018. • Alguns árbitros ocuparam o papel de protagonistas neste Brasileirão. Entre os melhores do apito eu considero o catarinense Bráulio da Silva Machado. • A venda de ingressos para a final da Libertadores entre Grêmio e Lanús se esgotou em pouco mais de quatro horas. Mais de 55 mil torcedores deverão comparecer na Arena gremista no próximo dia 22. • Depois de um empate sem gols na Arena Barueri, o Internacional retornou para a elite do futebol brasileiro sem muita exaltação. Foi um dos piores times da gloriosa história do Inter. • Contra uma Inglaterra desfalcada, a seleção brasileira não passou de um empate em 0 a 0 num joguinho chocho, nesta terça-feira (14/11) no majestoso estádio de Wembley, em Londres. A cerveja está mais barata que a gasolina. Portanto, vamos beber e parar de dirigir. PENSAMENTO DO BAMBI BRASILEIRÃO - SÉRIE A 36ª RODADA 19/11 - DOMINGO - 17:00 Flamengo X Corinthians São Paulo X Botafogo Sport X Bahia Vitória X Cruzeiro Atlético-GO X Chapecoense 19/11 - DOMINGO - 19:00 Santos X Grêmio Atlético-MG X Coritiba Atlético-PR X Vasco 20/11 - SEGUNDA - 17:00 Fluminense X Ponte Preta 20/11 - SEGUNDA - 20:00 Avaí X Palmeiras BRASILEIRÃO - SÉRIE A Clube 1º Corinthians 2º Grêmio 3º Palmeiras 4º Santos 5º Cruzeiro 6º Botafogo 7º Flamengo 8º Vasco 9º Atlético-MG 10º Bahia 11º São Paulo 12º Atlético-PR 13º Chapecoense 14º Fluminense 15º Coritiba 16º Vitória 17º Ponte 18º Sport 19º Avaí 20º Atlético-GO PG J V E D GP GC SG 71 35 21 8 6 48 24 24 61 35 18 7 10 51 30 21 57 34 17 6 11 53 39 14 56 34 15 11 8 37 27 10 55 35 15 10 10 44 35 9 51 34 14 9 11 42 36 6 50 34 13 11 10 43 34 9 50 35 13 11 11 36 43 -7 47 35 12 11 12 43 44 -1 46 34 12 10 12 46 44 2 45 35 12 9 14 45 47 -2 45 35 12 9 14 39 41 -2 44 34 12 8 14 41 46 -5 43 35 10 13 12 46 50 -4 40 34 10 10 14 39 44 -5 39 34 10 9 15 44 51 -7 39 35 10 9 16 34 45 -11 36 34 9 9 16 41 52 -11 36 35 8 12 15 25 46 -21 30 34 8 6 20 33 52 -19 Cartão Rosa Para os diversos grupos de voluntários em toda a Grande Florianópolis que se dedicam a entregar pratos de comida, na madrugada, aos moradores de rua. São pessoas que se dedicam sem querer aparecer ou obter alguma forma de benefício próprio, apenas pela mais humana das virtudes: ajudar o próximo. Cartão Vermelho Para quem não respeitou as obras de reforma do Parque de Coqueiros e propositalmente pisou na tinta fresca e no cimento mole, arruinando os trabalhos. Restou à Prefeitura (Secretaria do Continente) interditar o parque para conseguir terminar o trabalho que deveria ser simples e rápido. OSSI

[close]

p. 14

14 São José, 17 de novembro de 2017 Alex Ribeiro/Bella da Semana/Divulgação/CSC Andrezinho contato@correiosc.com.br - 3241-1252 Corrigindo Na última edição esse colunista publicou algumas informações erradas na nota “Mudanças no PMDB”, e vamos corrigi-las aqui. O vereador mais votado em 2016, Antônio Lemos, que vem colhendo bons frutos, tem tudo para ser candidato a deputado federal pelo partido em 2018, pois colocou seu nome à disposição, e poderá ser uma surpresa nas urnas. E o nosso amigo, suplente de vereador Adriano de Brito, poderá sim assumir na Câmara, caso alguns dos vereadores do PSBD – partido que foi candidato em 2016 – saiam de licença. Adriano de Brito sempre que aparece na Câmara é lembrado pelo presidente Orvino de Ávila por sua brilhante passagem pela casa. Na Ponta de Baixo Está quase tudo pronto para o 1º Festival da Ponta de Baixo, em São José, organizado pela associação de moradores, com data para o dia 26/11. O evento será durante o dia, sem fins lucrativos, com passeios de caiaque e barco, aulas de dança na área, vôlei de praia, massagens e apresentações culturais. Esse tipo de evento é superimportante, pois aproxima os moradores e cria mais identidade entre eles. Está na hora de acabar com isso Eu só queria que alguém me mostrasse onde fica, qual é tipo de criação e plantio que esse pessoal do MST – Movimento dos Sem Terra – tem, e onde estão os seus companheiros que estão com suas terras concedidas pela reforma agrária? Pois eles estão sempre brigando, invadindo ou destruindo fazendas, e nada de produção. Divulgação/CSC Essa semana o suplente de vereador de São José, Afonso Silva, assumiu na Câmara. Afonso é segundo suplente que assumiu após acordos firmados em 2016, entre os filiados do Democratas. Na foto, o vereador Afonso Silva e esse colunista. Pensamento da semana Caminhe com passos firmes em direção aos seus desejos. Lembre-se... A mente cria, o sonho reforça, o coração fortalece, a determinação atrai e a fé conquista. Golpe Um novo golpe envolvendo uma companhia aérea está se alastrando pelo WhatsApp. Uma mensagem tem sido compartilhada nos grupos do aplicativo, onde convida você a entrar em um site para preencher seus dados e ganhar passagens gratuitas válidas para o fim do ano. O link é direcionado a uma página semelhante à da empresa, que pede que os usuários incluam seus dados. Trata-se de uma cópia falsa do site criado por hacker para obter seus dados pessoais. Tomem muito cuidado, pois nem tudo que divulgam por aí é verdade. Senai Challenge A Mobilis Veículos Elétricos participará das duas etapas do Senai Challenge 2017 que ocorrem em Palhoça (18/11), – passeio Pedra Branca – e São José (19/11) – Continente Shopping, sempre das 14h às 19h. O público poderá conferir de perto o primeiro lançamento da start up, o carro elétrico Li, cujo projeto e fabricação foram feitos em Santa Catarina. O Senai Challenge é um grande incentivador do desenvolvimento de projetos inovadores por estudantes da região. Os projetos começam na sala de aula, quando os professores apresentam os desafios aos estudantes, que precisam colocar em prática os conhecimentos adquiridos para ativar os seus planos de ação. Nossa modelo da semana é Sara Alves, 21 anos, mineira, que está deslumbrante no site do Bella da Semana, registrada pelas lentes de Alex Ribeiro. Pelas fotos, certamente fará muito sucesso em sua carreira de modelo. Risoto do Nosso Lar Quero parabenizar os 92 risoteiros, os amigos da organização, à família Petry e principalmente as pessoas que estão à frente do Núcleo, que deram um show no 8º Risoto Solidário, em prol do Núcleo Espírita Nosso Lar e o Centro de Apoio ao Paciente com Câncer, uma instituição que ajuda milhares de pacientes, sem cobrar nada. Quase 3 mil pessoas passaram por lá nos dois dias de evento, e mostrando que somos capazes de fazer o bem sem questionar valores, pois o Núcleo realmente merece essa ajuda. Esperamos você em nossa edição de 2018. Na última semana o advogado e ex-presidente da OAB de São José soprou velinhas e ganhou dos amigos uma grande festa na sede do OAB, como fazem todas às quintas-feiras. Na foto, com os amigos dr. Luiz Mário Bratti, dra. Maria Teresa Badalotti e o aniversariante, dr. José Ventura. Parabéns da coluna. Agora é deputado Com a saída rapidíssima do deputado estadual José Nei Ascari (PSD) para o Tribunal de Contas, quem ganhou a cadeira cativa na Alesc foi o suplente Roberto Salum, do PRB. Salum vem tentando há anos uma vaga, e em seu primeiro discurso como deputado efetivo, já deu porrada no governo do Raimundo Colombo, onde questionou a renegociação das dívidas com a União. Podem esperar mais por aí, pois o homem não tem papas na língua. Grande evento E nesta sextafeira (17/11) acontece mais um grande show na Arena Petry, em Biguaçu, com a dupla do momento, Henrique e Juliano. Certamente será um dos melhores - os camarotes já estão todos vendidos há meses. E por falar na Arena Petry, chegou a informação que quem está de olho no espaço, após deixarem, é o grupo da Fields. Divulgação/CSC

[close]

p. 15

São José, 17 de novembro de 2017 Gente redacao@correiosc.com.br EXPO KUMON Otávio dos Santos da Silva, aluno Kumon, com Edinaldo Ribeiro, coordenador geral do Kumon SC e PR Sábado (11/11) rolou a Expo Kumon 2017, no SESC Cacupé, com as unidades de São José e Florianópolis, que reuniram em um grande evento os alunos para premiá-los pelos seus desempenhos. Com o autodidatismo, esses estudantes estão hoje adiantados em relação às suas turmas nos colégios. Gabriela S. Vergara com o pai 15 Laura Tezoto: concluinte de Português, dois anos adiantada em Matemática e um ano adiantada em Inglês Mariana Martins Aguiar, aluna Kumon Ana Catarina C. Mendes: Medalha Pequenos Leitores Nikole Freitas Costas, aluna de Matemática Fábio de Souza Filho com os pais Liliane Simões, aluna de Inglês Nikole Freitas Costas com a mãe Jussara Arthur e Matheus Kunz Bastiani com os pais Arthur Loch Losso Borges: Medalha Pequenos Leitores Otávio dos Santos da Silva com os avós Edenir Marta Ramos, concluínte de Português Isabel Kretzer Vandresen com os pais Cerimonialistas: Bruno e Leila

[close]

Comments

no comments yet