REVISTA 58

 

Embed or link this publication

Description

REVISTA 58

Popular Pages


p. 1

º POLO DO TIJUCA É o terceiro melhor time sub-17 do Brasil e dele sai o embaixador do Tijuca na CBC

[close]

p. 2



[close]

p. 3

Editorial NOVEMBRO 2017 / ED. 58 Paulo Maciel Presidente O centenário Tijuca rejuvenesceu, sem perder as raízes Nesta revista, quem manda é a nova geração. Ela se infiltrou de maneira a deixar claro que está aqui para mostrar o seu valor. E o que se vê é uma moçada de primeira linha e linhagem familiar, revelando ao Brasil e ao mundo, a excelência nas várias categorias esportivas aqui praticadas e na gestão dos setores. E ainda tem mais: um dos nossos promissores atletas do polo é um Embaixador da CBC – Confederação Brasileira de Clubes - com a missão de se preparar e estimular outros jovens para as Olimpíadas de Tókio. Mas a coisa não pára por aí. A criançada também está dando o que falar, na Escola de Educação do Tijuca. Ali, está sendo realizado um trabalho moderno e dinâmico, em meio aos esportes, à natureza exuberante e ao entretenimento, com um “parquinho” agora modernizado e especialmente preparado para uma recreação saudável e livre de impurezas, trabalho realizado por uma das mais conceituadas firmas do ramo ambiental. Em tempo: No Dia da Criança, o clube foi a sede da alegria. TIJUCA TÊNIS CLUBE

[close]

p. 4

Conselho diretor Presidente Paulo Germano Maciel Vice-presidente Geral Hildo Magno da Silva Vice-presidente de Administração Gilberto Carneiro da Silveira Vice-presidente do Edifício Leonardo Pereira Carlos Alípio de Almeida Vice-presidente de Esportes Aquáticos Aluízio Antônio Gomes de Souza Vice-presidente de Esportes Terrestres Jorge Amaro da Silva Vice-presidente de Interesses Internos Mário Lúcio Pontes Bastos Vice-presidente de Jogos Recreativos André de Carvalho Chagas da Silva Vice-presidente de Marketing e Divulgação Edvaldo Ramos e Sousa Vice-presidente de Patrimônio Alcir da Silva Sampaio Vice-presidente de Secretaria e Comunicações Luiz Carlos Gomes Vice-presidente Sociocultural Marcos Antônio Freitas Vice-presidente de Tênis Paulo César Moreira Cinelli Expediente Jornalista responsável/Editora Alda Rosa Travassos - Reg. 12846 - MT/RJ Fotografia Carol Couto e José Roberto Couto (Zeca) Estagiários Aryane Vilarim e Luisa Simiquel Redação Depto. de Marketing e Divulgação - 4° andar do Edifício-sede do TTC - Rua Conde de Bonfim, 451 - Tijuca - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20520-051. Distribuição gratuita, em mala direta aos associados e em bancas de jornais. Fale conosco Site: www.tijucatenis.com.br E-mail: marketing@tijucatenis.com.br Tel: 21 3294-9300 Publicidade e impressão LL Divulgação Editora Cultura Ltda Tel: 21 27148896 E-mail: lldivulga@gmail.com diagramação: Aryane Vilarim e Luisa Simiquel TIJUCA TÊNIS CLUBE

[close]

p. 5



[close]

p. 6

7 ESPORTES AQUÁTICOS O Polo do Tijuca Extrapola índice NOVEMBRO 2017 / ED. 58 º 15 INTERESSES INTERNOS Posse no Conselho Comemoração do aniversário do Hildo Magno POLO DO TIJUCA É o terceiro melhor time sub-17 do Brasil e dele sai o embaixador do Tijuca na CBC 16 Hildo Magno comemora seu aniversário 20 TÊNIS Secos e Molhados Uma história de 41 anos de sua filosofia 8 MATÉRIA DE CAPA O Polo do Tijuca Extrapola Atleta do segmento e Em- baixadores da CBC Natação 18 COLUNA DO VAVÁ Supremo frango à cubana 22 XADREZ Tijuca Tênis Clube é Campeão Estadual 19 FUTEBOL TRADIÇÃO Pelada da quarta nobre 25 SOCIOCULTURAL Programação de novembro Sucesso do Chá de Maio e participe do Bazar de Natal 31 EVENTOS Confira as fotos da Oktoberfest 34 OLHAR TIJUCANO Investir e Acreditar

[close]

p. 7

CBC: Formando atletas NOVEMBRO 2017 / ED. 58 7 A equipe juvenil de Nado Sincronizado do Tijuca Tênis Clube foi a grande vencedora do Campeonato Brasileiro Interclubes de Nado Sincronizado, que ocorreu na primeira quinzena de outubro, no Clube Paineiras do Morumbi (SP). Desta equipe campeã participaram as atletas Barbara Buzzin, Cristiane Libardi, Luzia Galvez, Maria Eduarda Milward, Rafaela Pradal, e Sara Marinho. A técnica foi Nathalia Esteves e a diretora técnica, Suzanne Bunn. Integrado ao CBC, o Tijuca Tênis Clube participa do Edital de Chamamento de Projetos n.º 06 (Termo de colaboração n.º 85/2016), que viabiliza a contratação de equipes técnicas e multidisciplinares com vigência de 48 meses para nado sincronizado, basquete, natação, polo aquático, tênis e voleibol, além dos esportes paralímpicos bocha e natação. Equipe Juvenil de Nado Sincronizado do Tijuca Tênis Clube vence Campeonato Brasileiro Interclubes TIJUCA TÊNIS CLUBE

[close]

p. 8

Matéria de Capa 8 POLO DO TIJUCA extrapola EM NOVA FASE, JÁ É O 3º MELHOR TIME DE POLO AQUÁTICO SUB-17 DO BRASIL “No último dia 3 de outubro começou uma jornada para uma nova fase do Polo Aquático do TIJUCA TÊNIS CLUBE. Quando embarcamos no avião, jamais imaginávamos que chegaríamos tão longe. Somos, agora, o terceiro melhor time de polo aquático da categoria sub - 17 do Brasil.” Roberto Borel – diretor de Polo Aquático Classificação Final Brasileiro sub 17 / 2017: 1 - ABDA A SP 2 - SESI A SP 3 - TIJUCA TÊNIS CLUBE RJ 4 - SESI B SP 5 - FLAMENGO RJ 6 - PINHEIROS SP 7 - FLUMINENSE RJ 8 - PAINEIRAS SP 9 - ABDA B SP 10 - HEBRAICA SP 11- JUNDIAI SP 12 - BOTAFOGO RJ 13 - INTERNACIONAL SP A REVISTA DO TIJUCA MOSTRA COMO SE DEU A VIRADA, NESTA ENTREVISTA DO JOVEM DIRETOR ROBERTO BOREL Revista TTC - O que isso significa para o Tijuca Tênis Clube? Roberto Borel: Isso significa que agora estamos dentro de um grupo seleto de esportistas em formação de alto rendimento, tudo apoiado pela PAB, CBDA e CBC e, mais do que isso, chegamos onde gostaríamos de chegar desde que começamos o trabalho há quatro anos. Temos uma geração que competiu e, no final de tudo, se sagrou vitoriosa, ficamos atrás TIJUCA TÊNIS CLUBE

[close]

p. 9

9 apenas do BAURU e do SESI (os dois maiores projetos de polo do Brasil) e um dos maiores do Roberto Borel. Hoje temos o apoio da CBC em todas as modalidades olímpicas que o Tijuca Tênis Clube possui. Sem isso seria impossível o desenvolvimento do esporte de alto rendimento amador. Temos que inovar e buscar soluções modernas para não só desenvolver como começar a organizar o esporte, não pensando em resultados imediatistas mas sim a longo prazo, em fortalecer a nossa base, investir em escolinhas cheias, pois é daí que iremos retirar os nossos atletas. Precisamos cuidar dos nossos alunos de escolinha e dar condições para que eles vejam o esporte como uma grande brincadeira e que passem a gostar de praticá-lo, independente de qual modalidade seja. Precisamos que o sócio do TTC ame seu clube, que torça pelas cores branca e vermelha que nos representa e isso ele fará quando vir que seu filho está feliz, praticando sua atividade esportiva. Daí nascerá o verdadeiro atleta tijucano e o mais importante, um grande cidadão para o mundo. Revista TTC: Como isso pode ajudar o TTC? Roberto Borel: Quando você cria uma geração como esta, as outras mais novas ganham um espelho, porque têm ídolos nacionais sendo criados aqui, nesta piscina (como sempre foi e sempre será). Precisamos de mais ídolos para o esporte evoluir, hoje os nossos atletas mais novos têm a possibilidade de treinar com campeões e, para falar a verdade, eles mesmos - os mais novos - já estão começando a vencer mais cedo, pois têm o apoio e o incentivo dos mais velhos. Agora mesmo, enquanto TIJUCA TÊNIS CLUBE

[close]

p. 10

TNimosesosusbu-b1713- iTnedroceairolutMa eelhmorSPTi(mBeradsioleiBrora) sil - técnico Rafael Hall 10 Nosso sub-13 indo à luta em SP (Brasileiro) técnico Leonardo Bastos falamos à Revista TTC, a categoria sub-13 está competindo em São Paulo (sou suspeito para falar deles, pois são o meu xodó, mas acho que eles podem nos surpreender). Semana que vem tem o sub-15 também, ou seja, muita alegria por vir. Revista TTC: O futuro do esporte no Tijuca, como você vê? Roberto Borel: Eu acredito muito, muito mesmo, no poder do esporte, sei que ele pode mudar vidas e vejo isso na prática todos os dias, vejo isso com o meu filho e comigo, somos mais amigos do que nunca e o esporte nos uniu ainda mais. E isso não é só comigo, pois cuidar de um atleta dá trabalho e faz com que seus pais se aproximem mais dos filhos, que os conheçam, hoje, melhor do que outrora e isso não tem preço. Revista do Tijuca: E o Polo Aquático, no ano que vem? Roberto Borel: Já falei, ainda temos duas categorias em andamento: sub 13 e sub 15, que podem nos dar alegrias ainda este ano. Mas se quer uma resposta em relação ao ano que vem, já temos um planejamento que envolve aumentar a escolinha e fazer com que esta fique ainda mais lúdica e agradável para o aluno praticante. Teremos “degustação” de polo durante o verão nas piscinas, para que a molecada conheça o esporte e inicie sua prática, mas tudo isso é só no ano que vem. Precisamos cuidar do final deste ano e olhar para as categorias que faltam competir: o Brasileiro (sub 13 e sub 15) e, em novembro, temos que olhar para o Estadual, onde o TTC já está classificado para fazer três finais: sub-13, sub-15 e sub-17 e falta decidir se vamos para a final na sub-19. Aí, estaremos na final em todas as categorias e com a certeza do dever cumprido. Como podem ver, ainda teremos muita alegria com esses atletas. TIJUCA TÊNIS CLUBE

[close]

p. 11

Natação NOVEMBRO 2017 / ED. 58 Aperfeiçoamento Profissional Tijuca realiza Clínica de Natação para Alto Rendimento Por Marcelo Nascimento 11 Palestrantes recebendo das mãos do técnico Marcelo Almeida e do diretor Antonio Miranda, o certificado de palestrante no 1º Curso de Alto Rendimento em Natação O grupo reunido, antes de iniciar o treinamento Foi realizado nos dias 08 e 09 de setembro, no Tijuca Tênis Clube, um curso de alto rendimento em natação, com palestrantes e técnicos do Minas Tênis Clube, profissionais com várias participações em campeonatos mundiais, Sul-americanos e Copa do Mundo, entre outros. Ambos os técnicos Amaury Machado e Marcelo Vaccari foram técnicos da atleta Fabíola Molina e Amaury teve a honra de ser treinador de Marcos Matioli (medalhista olímpico no revezamento 4x200m livre nas Olimpíadas de Moscou – 1980), onde dois outros nadadores, atletas do Tijuca Tênis Clube, faziam parte: Ciro Delgado e Jorge Fernandes. Segundo o técnico Marcelo Nascimento, este curso foi muito importante para a reciclagem e capacitação dos professores e técnicos do Departamento Aquático. - Teremos, para os próximos anos, vários cursos de aperfeiçoamento. O Tijuca, hoje, é uma potência nas categorias de base e, com o apoio do presidente Paulo Maciel e de sua diretoria teremos, num futuro próximo, mais atletas participantes em jogos olímpicos. Professor Menescal Pedrinha com o técnico Amaury Machado Aula na piscina, durante a clínica TIJUCA TÊNIS CLUBE

[close]

p. 12

Luiz Gabriel Silva em grande fase 12 O atleta (esq) com a medalha de prata, no Chile Mais uma convocação para o nosso campeão Luiz Gabriel Silva representar o Brasil, agora pelo COB – Comitê Olímpico Brasileiro, na disputa dos Jogos Sul-Americanos da Juventude em Santiago, no Chile. É mais uma recompensa pelo excelente Clube, nessa competição. Me dediquei bastante resultado obtido no Campeonato Brasileiro aos treinamentos depois que voltei da Colômbia do ano passado. No dia 25 de setembro (Sul-Americano de Natação) e tivemos um bom Luiz Gabriel embarcou para São Paulo, onde resultado no Estadual de Inverno, onde consegui se juntou ao restante da Delegação Brasileira e, após um treino e palestra, a equipe partiu para o Chile em busca de novas conquistas. - Estou um pouco ansioso, é uma satis- bater dois recordes, nos 50m e 100m peito. Estou um - Lembramos que Luiz Gabriel conquistou três pouco medalhas (ouro, prata, bronze) no Sul-Americano Juvenil, em Cali - Colômbia, em abril deste ano, ansioso revela o técnico. fação e uma responsabilidade muito grande represen tar o Rio de Janeiro e o Tijuca Tênis TIJUCA TÊNIS CLUBE

[close]

p. 13

Equipe Tijucana no Troféu Chico Piscina 13 Da esq. para a dir.: João Pedro, Alexandra Cerbino, técnico Marcelo Almeida, Alexandre Adum e Luiz Gabriel. E nesta maratona de treino e competições ainda temos o Troféu Chico Piscina - isso mesmo, Luiz Gabriel retorna do Chile dia 09 de outubro e embarca com a seleção do Rio de Janeiro para Mococa, interior do estado de São Paulo, para disputar o Troféu Interfederativo Chico Piscina, uma das competições mais importantes no cenário nacional, por onde já passaram os principais nomes da natação brasileira. Nesta competição, o Tijuca Tênis Clube enviou quatro representantes, além de Luiz Gabriel: Alexandre Adum, Alexandra Cerbino, e João Pedro Cortez - que representou o Rio de Janeiro nos Jogos Escolares da Juventude, conquistando a medalha de prata na prova mais tradicional da natação: os 100m livres - e o nosso técnico Marcelo Almeida. Atleta do Tijuca João Pedro Cortez, com a nadadora Etiene Medeiros, nos Jogos Escolares da Juventude TIJUCA TÊNIS CLUBE

[close]

p. 14

Projeto Embaixadores O que é o projeto? No início de 2017, por conta do evento “Nova CBC: Rumo 14 a Tóquio 2020”, lançamos o projeto Embaixadores CBC, em parceria com os clubes filiados. Esta iniciativa tem o objetivo de se definir um atleta olímpico ou paralímpico formado ou em formação que seja o porta-voz do clube quanto aos assuntos relativos à política de formação em ações de divulgação pré-combinadas entre o Clube e o CBC. Como são escolhidos os Embaixadores? Qual o perfil? As atividades do Embaixador estão relacionadas à publicidade que podemos e devemos dar aos projetos em cada clube, seja por meio de nosso site, redes sociais/ações com imprensa e com a estratégia de inteligência de Marketing. Por isso, o perfil deste atleta é de alguém desembaraçado, seja para a participação em eventos, seja dando depoimentos ou participando de alguma outra ação de Marketing. O ideal imaginado pelo CBC é de atletas que já tenham uma história com o clube com perspectivas de continuidade em sua formação como atleta, neste Ciclo Olímpico/ Paralímpico, pois como Embaixador CBC, gostaríamos de acompanhar, em específico, sua trajetória nestes quatro anos. É este atleta que personificará a essência da política de formação de atletas (seja olímpico ou paralímpico) até os próximos Jogos. Entrevista com Lucas Santiago Borel dos Santos: DESDE QUANDO FAZ PARTE DO CLUBE? Desde os cinco anos de idade. POR QUE O ESPORTE É IMPORTANTE PARA VOCÊ? No esporte me sinto muito feliz e encontro verdadeiros amigos. QUAL A SUA META PARA TÓQUIO 2020? Treinar muito para conseguir competir. E SUA PRINCIPAL QUALIDADE? Sou muito amigável, difícil não gostar de mim. Atuação do Embaixador(a) CBC O engajamento com o público deve ser feito pela participação em eventos do CBC quando solicitados e acertado com o clube, posts em redes sociais que divulguem a política de formação de atletas do clube/CBC, entrevistas ou campanhas específicas, sempre utilizando as hashtags #cbc #comitebrasileirodeclube #soudeclube ou #embaixadorcbc Quem pode participar? Atletas dos clubes filiados ao CBC que participem da política de formação de atletas por meio dos Editais de Chamamento de Projetos, dos clubes formadores. Para isso, basta o clube enviar a soli citação para nomeação pelo email: comunicacao@cbclubes.org.br Monitoramento de Performance O Embaixador (a) é o representante de um produto genuíno do clube: o atleta. Por isso, sua performance deve ser monitorada, bem como a rentabilidade no uso de sua imagem e retorno dos investimentos feitos com dinheiro público. É a sua evolução a representação da efetividade da política de formação de atletas do CBC em parceria com os clubes formadores. QUAL O SEU PRINCIPAL DESAFIO COMO EMBAIXADOR CBC? Fazer com que as pessoas entendam a importância do esporte, na vida de cada um. Lucas Santiago Borel dos Santos é Embaixador da CBC representando o Tijuca Tênis Clube TIJUCA TÊNIS CLUBE

[close]

p. 15

Interesses Internos NOVEMBRO 2017 / ED. 58 Posse na Presidência 15 Mário Lúcio Pontes Bastos nomeado Vice-Presidente de Interesses Internos Mário Lúcio Pontes Bastos pertence a uma linhagem nobre, no Tijuca Tênis Clube – é filho do inesquecível Grande Benemérito Paulo Ferreira Bastos e de Edialeda Pontes Bastos. Sua irmã é a criativa professora e coreógrafa Gisele Bastos, do Ballet do TTC. Seu pai, Paulo Bastos, exerceu com grande competência o cargo de presidente do Conselho Deliberativo do Tijuca, sempre com muita lisura, competência e notório saber, deixando uma marca de qualidade e realizações. Como assessor da presidência, Mário Lúcio vem se destacando na produção de eventos de porte, na agremiação. Mário, após assinar o termo de posse, entre o presidente Paulo Maciel (esq.) e o vice – presidente Geral Hildo Magno e na presença de membros da diretoria do TTC TIJUCA TÊNIS CLUBE

[close]

Comments

no comments yet