Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

 

Embed or link this publication

Description

João Monlevade, sexta-feira, 6 de outubro de 2017 - Edição 4.170 - Ano XIX

Popular Pages


p. 1

SEXTA-FEIRA 6 DE OUTUBRO - 2017 | R$ 1,00 O Diário do Médio Piracicaba Edição: 4.170 - Ano XIX - Fechamento: 18h00 www.bomdiaonline.com Violência volta ao debate na Câmara Página 3 e 7 “Noite de Gala”: casal vip entrega premiação no Destaque Mineiro hoje Em sua oitava edição que acontece nesta sexta-feira, 6, no Real Esporte Clube, o Destaque Mineiro apresentará a melhor, mais organizada e concorrida promoção do gênero com a presença vip em dose dupla do casal Eliéser Ambrósio e Kamilla Salgado (foto).

[close]

p. 2

BOM DIAsexta-feira, 6 de outubro de 2017 2.opinião EXPEDIENTE BOM DIA • Diretor Responsável: Geraldo Magela Gonçalves (Interino) • Diretor Geral: Luiz Gonazaga de Castro • Comercial: comercial@bomdiaonline.com 3851-1515 • Edição Breno Botelho • Reportagem Kátia Passos • Diagramação/Arte: Sérgio Henrique Braga • Impressão: Gráfica Bom Dia • Colaboradores: Márcio Naoto Suzuki (Up Street) Lúcio Flávio Carlos Augusto - Gugu (Meu Palpite) Thiago Titó (Giro) Marcos Martino (Cenários) • Representante Comercial: Super Mídia Brasil - BH Central de Comunicação - SC Redação e Administração Rua Nossa Senhora Aparecida, nº 152, Sl. 305, Aclimação, CEP.: 35930-028 João Monlevade / MG / Brasil (31) 3851.1515 • Bom Dia online: www.bomdiaonline.com Circulação: Alvinópolis, Barão de Cocais, Bela Vista de Minas, Bom Jesus do Amparo, Catas Altas, Dionísio, Dom Silvério, Itabira, João Monlevade, Nova Era, Rio Piracicaba, Santa Bárbara, São Domingos do Prata, São Gonçalo do Rio Abaixo, São José do Goiabal. FUNDADO EM JULHO DE 1998 Bom Dia Comunicação Ltda - ME. CNPJ.: 24538633/0001-16 Todos os Direitos Reservados bomdia@bomdiaonline.com redacao@bomdiaonline.com Entrevista com Duca Furtado, da dupla Samba na Sola Eu conheci Duca Furtado no FESTIAÇO, Festival da Música que aconteceu em João Monlevade há alguns anos (que falta fazem os festivais para os artistas locais). Naquela ocasião eu já a achei interessante. A maioria dos artistas locais se interessava por rock ou pela MPB mais contemporânea. Mas ela não! Ela gostava é de samba e deixava isso claro. Articulada e racional, ela me surpreendeu ao não reclamar do resultado daquele festival, pois vários que perderam disparam a criticar e a questionar o resultado. Ela foi super cordata e humilde, mesmo com a qualidade que apresentava. Pensei comigo: menina diferente! Fiquei um tempo sem vê-la, ela casou-se e junto com o maridão montou o projeto SAMBA NA SOLA, um trabalho quase sagrado de amor a esse ritmo brasileiro que tem tantas histórias pra contar...e cantar. Mas vamos à entrevista... Marcos Martino - O que você ouvia na infância? Duca Furtado - A minha mãe (risos). Eu ouvia a minha mãe cantando Paulinho da Viola e Pedra Azul, Chico Buarque, Cartola, Milton Nascimento, João Gilberto e Nogueira... Juntas cantávamos todos esses e muitos outros. Também ouvia meu avô e seus companheiros da seresta e choro. Lupicínio, Sérgio Bittencourt, Mário Reis, Dalva de Oliveira, Heitor dos prazeres. MM - Quando é que você começou a sentir que tinha talento para a música? Duca - Nas mesmas rodas de choro e seresta na casa do meu avô. Mas durante a infância e adolescência fui muito criticada pelos colegas por cantar músicas “de velho” e enquanto isso não me incomodava quando criança, acabou por me inibir durante a adolescência. Foi meu marido e parceiro de samba, Daniel, quem me encorajou a assumir o canto como profissão e nos embrenhamos os dois na seara do samba, nossa maior paixão. MM - A sua paixão pelo samba como matriz sonora vem da infância ou é mais recente? Duca - Ela teve origem na infância. Minha mãe e avô tinham um repertório vasto de sambas, e nas rodas, me recordo que eram os sambas que mais me emocionavam. Mais tarde, já adolescente, frequentei muito o Reciclo e o Cartolas em Belo Horizonte, passei a ouvir samba em mp3 (risos) e um universo novo se abriu. Mas quando conheci o Daniel e comecei a mostrar esse universo pra ele, percebemos juntos que aquilo era apenas um pedacinho da riqueza gigante que o samba tem. Pesquisar e descobrir mais sobre toda essa riqueza se transformou em nosso lazer, nosso prazer e mais tarde nosso trabalho. Então acho que vale dizer que o samba é uma paixão da minha vida inteira. MM - Como é que nasceu o samba na sola? Duca - Desse prazer, rs. A gente ouvia samba todos os dias, mas apenas em casa. Nada nos bares, nas festas de amigos, nas festas públicas nas praças. A gente morava no meio da Região dos Lagos no Rio de Janeiro e só ouvia nas ruas o sertanejo, pagode, funk e aquela MPB lado A. O Samba na Sola nasceu da vontade de ouvir o samba na rua. Daniel já era músico há muitos anos e eu tinha boa vontade, RS. Tomou coragem, mas estamos aí há quase 10 anos. MM - Vocês tem banda de apoio ou apresentam-se apenas em dupla? Duca - Sim. Geralmente fazemos os shows maiores com 5 ou 6 músicos, geralmente free-lancers. Mas vem novidade por aí... temos um novo integrante que queremos apresentar ao vivo no Facebook em breve. O trabalho em dupla nasceu da necessidade. Nem todos os bares tem estrutura ou grana pra arcar com o grupo completo. Como amamos o que fazemos e vivemos em parte da renda da musica tivemos que nos adaptar com o projeto Duca Furtado & Dan Soares. MM - O que vocês apresentam no repertório hoje em dia? Clássicos do samba? Duca - Não só clássicos. Tentamos inserir alguns menos conhecidos e diversificar abrangendo diferentes vertentes do samba como o samba de roda, afro-sambas, partido alto, sambalanço e samba de enredo. MM - Vcs tem músicas próprias? Planos de lançá-las? Duca - Sim e a intenção é compor cada vez mais. Em breve estaremos lançando algumas no nosso canal no YouTube. MM - Vcs residiam no Rio de Janeiro. Sentem muita di- ferença com relação ao ambiente artístico de lá e aqui de Minas? Duca - A gente morava próximo à capital e por isso tínhamos acesso freqüente a shows e rodas de samba e choro. É claro que o samba no Rio é bem mais presente que em BH. Sentimos falta disso. Mas no litoral o pagode e o sertanejo reinavam, como reinam aqui. E BH tem hoje ótimos eventos de samba. Acabamos de voltar do show do Moacyr Luz no Quintal da Divina Luz no bairro São Marcos, por exemplo. Foi incrível. MM - Como vem sendo a receptividade do trabalho de vcs na região? Duca - Maravilhosa. As pessoas se encantam e cantam conosco. É legal ver que o “tem que tocar de tudo” é ilusão. MM - Ultimamente temos o estilo sertanejo dominando quase tudo. Vocês abraçaram o samba como ritmo e estilo de vida. Isso pra você é um diferencial ou ... problema? Duca - Um diferencial. Primeiro que pra nós só é válido cantar o que vem da nossa alma, o que toca a gente. Quando pedem sertanejo explicamos com carinho a nossa filosofia. As pessoas geralmente entendem. Um dia desses fui inclusive aplaudida por isso (risos). Desde que surgiu, o samba raiz sempre foi um movimento cultural de resistência (mesmo que nem sempre consciente disso) que não cede aos modismos. Achamos que talvez por isso ele “agoniza, mas não morre” nunca. MM - Onde serão as próximas apresentações do Samba na Sola? Duca - Dia 07/10 estaremos em quarteto na primeira Oktoberfest de João Monlevade às 15h e, no mesmo dia, às 21h no Bar na Lage 67 em Alvinópolis em dupla. Dia 08/10 no Bar do Paulo em Bela Vista. E no dia 21, a partir das 15 horas no Cabritim. Contato para shows : (31) 98926-2752 (22) 99938-8996 (Whatsapp) Website: samba-na-sola. webnod.com e-mail: sambanasola@ outlook.com página facebook : Samba na Sola oficial VAGA DE EMPREGO RCM CONTRATA PESSOAS PORTADORAS DE NECESSIDADES ESPECIAIS Interessados enviar currículo para o e-mail pessoal1@rcmloc.com.br ou entregar diretamente na empresa. RCM Locação de Máquinas Ltda Av. Alberto Lima, 2554, Bairro Sion João Monlevade/MG Fone: (031) 3852-1234

[close]

p. 3

BOM DIAsexta-feira, 6 de outubro de 2017 CONECTE JÁ (31) 3851-0475 Av. Getúlio Vargas, 4.906 www.internetsuper.com.br 3.cidade Violência domina pauta da Câmara de Vereadores Dindão Estudantes realizaram manifestação pelas ruas do centro da cidade na segunda-feira João Monlevade - O assunto “violência” dominou a pauta de discussões da Câmara de Vereadores de João Monlevade nesta semana. Após uma estudante de engenharia da Universidade Estadual de Minas Gerais (UEMG) ser estuprada e covardemente agredida nos arredores do campus monlevadense, o assunto ganhou força com pedido de socorro dos universitários e da presidente da Associação Mulheres e Ação de João Monlevade (AMA), que usaram a tribuna do Legislativo. Eliane rosa Abreu Miranda, presidente da AMA, em seu discurso, lamentou o fato de serem realizadas audiências públicas e outros encontros para discutir o avanço da violência- em especial às agressões contra mulheres – em João Monlevade e ações que freiem essas agressões não serem implementadas de forma efetiva. “Não estamos aqui para apontar dedos e nem culpados. Queremos que ações de fato aconteçam. Vamos retomar as discussões sem esperar que uma nova vítima seja feita no nosso município”, falou enfática. Bastante emocionada, a diretora cultural do Diretório Acadêmico da UEMG, Isabela Silva Camey, falou em nome dos alunos da universidade e pediu ajuda dos vereadores para intermediar recursos que possam ser investidos em segurança nos arredores Kátia Passos da instituição. Ela também pontuou uma série de crimes violentos registrados nos arredores da faculdade nos últimos meses. Entre eles, assaltos a mão armada, furto de carro e até um ônibus com alunos de Rio Piracicaba alvejado numa tentativa frustrada de roubo. “O medo e o desespero tomam conta da gente. Onde está a justificativa disso. Só queremos estudar”, disse entre lágrimas. A estudante lembrou que marginais aproveitam da falta de iluminação nos arredores do campus da UEMG e do mato alto em lotes, para cometerem os crimes. Ela criti- cou ainda a falta de policiamento ostensivo na área e alegou que não só os estudantes da UEMG, mas de todas as outras faculdades da cidade sofrem com a falta de segurança. “Precisamos de ações e de ajuda”, pediu. Isabela entregou um ofício ao presidente da Câmara, Djalma Bastos (PSD), pedindo que a Casa interceda em melhorias ao redor do campus. Um dos pedidos urgentes no documento está o reforço da iluminação das proximidades da avenida Getúlio Vargas até a entrada da universidade. O presidente garantiu que a Casa está de mãos dadas com os alunos e que todos encaminhamentos que possam melhorar a segurança da área serão feitos. Ele pontuou também que há uma hipótese em discussão na qual a avenida Laranjeira (onde ocorreu o estupro da estudante) pode ser incorporada à área dos prédios da UEMG. Com isso, o acesso lateral à faculdade será fechado e contará com uma portaria. “É uma sugestão. Vamos aguardar o desenrolar da situação”, ponderou. Todos os vereadores lamentaram sobre o fato e foram unânimes nos discursos ao apoiarem os alunos. A nossa satisfação é a sua conquista! (31) 3852-2031 (31) 3852-8696

[close]

p. 4

BOM DIAsexta-feira, 6 de outubro de 2017 4.cidade Noite de Gala - Destaque Mineiro acontece nesta sexta-feira João Monlevade - Em sua oitava edição que acontece nesta sexta-feira, 6 de outubro, no Real Esporte Clube, o Destaque Mineiro apresentará a melhor, mais organizada e concorrida promoção do gênero - premiando empresas, instituições, autoridades e personalidades destaques em suas respectivas áreas de atuação. Sob produção e coordenação de Leila Pavan e Mauro Tavares, a versão 2017 apenas confirma o sucesso absoluto do evento, que esse ano tem como Eliéser Ambrósio e Kamilla Salgado vão abrilhantar a edição deste ano Divulgação novidade a participação vip em dose dupla, com o casal Eliéser Ambrósio e Kamilla Salgado. Mantendo a qualidade musical das edições anteriores, esse ano quem agitará a noite de gala é o ex-finalista do The Voice Brasil, Jésus Henrique, sucesso absoluto em todo centro leste mineiro. O Buffet não poderia ser outro senão o Buffet Mercezinha, acompanhados pelos divinos doces e tortas da Giovana Mara chocolates - tudo para marcar a noite. Homenagens Especiais Esse ano personalidades regionais serão homenageadas, com Destaques Especiais, sendo elas Carlos Augusto Arthuso, como Empresário Destaque; Prêmio Mulher de Expressão João Monlevade – Melissa Reis; Prêmio Mulher de Expressão Itabira - Denise Félix; Médica Destaque – Fabiane Campos; Cantor Destaque – Jesus Henrique; Jovem Destaque – Gabriel Dugatti e Destaque Social – Projeto Ação de Assistência Social Filadélfia da Assembleia de Deus. Prefeitura adere à campanha do Outubro Rosa João Monlevade - Tendo pela primeira vez uma mulher à frente do Executivo Municipal, incentivados pela prefeita Simone Carvalho Moreira (PSDB), vários setores da Prefeitura de João Monlevade aderiram à campanha do Outubro Rosa. Diversos servidores e servidoras municipais passaram a usar um lacinho rosa (símbolo da ação), e prédios como o da sede do Executivo, do DAE e das secretarias de Saúde, Assistência Social, Educação e Esportes foram ornamentados com laços e outros ornamentos na cor rosa. O objetivo da campanha é conscientizar sobre a prevenção ao câncer de mama, além de reforçar a atenção à saúde da mulher. A Prefeitura de João Monlevade e vários parceiros se reúnem para comemorar o Outubro Rosa. As instituições preparam um grande evento para o dia 27 de outubro. Estão programadas apresentações artísticas, vacinação, testes rápidos para diagnóstico de doenças infectocontagiosas, orientações e atenção à saúde da mulher. O Outubro Rosa é um movimento mundial que visa chamar atenção para o diagnóstico precoce e o tratamento do câncer de mama. Integram a organização do evento a Fundação Casa de Cultura, a Secretaria Municipal de Saúde, a Associação Por Amor, AMA, CODEM, Lions Clube João Monlevade Centro, Clínica Santa Bárbara, Clínica Acom PMJM O prédio do DAE também faz alusão à campanha Bem Estar, Rover, Centro Educacional Roberto Porto (CERP), Shirley Malta e Yuri Drumond. O evento irá ocorrer no dia 27 de outubro, sexta-feira, às 14h, na Praça do Povo.

[close]

p. 5

BOM DIAsexta-feira, 6 de outubro de 2017 5.política Vereador denuncia possível irregularidade em alvará do Hospital Margarida João Monlevade - O vereador Belmar Diniz, denunciou uma possível irregularidade na emissão do alvará de funcionamento do Hospital Margarida. Segundo o parlamentar, a Gerência Regional de Saúde de Itabira (GRS) liberou o alvará para o hospital sem a realização de uma inspeção sanitária no local. O documento foi assinado pelo diretor da GRS, Alexandre de Faria Martins da Costa (Alexandre Banana), que esteve no Hospital Margarida, no mês passado, para fazer a vistoria e emitiu relatório dias depois apontando melhorias a serem realizadas no local. Acom CMJM Belmar e Revetrie criticaram a situação e cobram a verdade dos fatos Belmar fez duras críticas à situação. Ele, que integra a Comissão de Saúde do Legislativo, contou que foi enviado, em nome da Comissão, ofício para a Secretaria de Saúde Municipal e para a GRS solicitando cópias das inspeções sanitárias das unidades de saúde de João Monlevade e no Hospital Margarida. Num jogo de empurra de uma secretaria para a outra, Diniz apontou que não conseguiu os documentos municipais, apesar de saber da existência dele. Quanto ao alvará do Margarida, os dados ficam restritos ao órgão que fez a inspeção – no caso, a GRS. “A resposta do Alexandre é de que não foi possível fornecer o relatório à Comissão legalmente. Mas ele adiantou que ele mesmo fez a inspeção no dia 4 e o hospital encontra-se em muito boa condição sanitária. Disse ainda que é um dos melhores da região”, declarou Belmar. Segundo o vereador, Alexandre foi mais além. “Ele disse que os relatórios da vigilância sanitária ficam legalmente restritos a quem faz a inspeção e ao inspecionamento. Questionei em qual lei há esse amparo. Até o momento da reunião ele também não me respondeu”, disse o vereador. No entanto, curiosamente após a visita ao hospital, Alexandre Banana alegou que a competência de fiscalizar o hospital é da Prefeitura e não da GRS, segundo a legislação municipal. “Que mentira descabível. Ele [Alexandre] fala que esteve aqui, fazendo a vistoria, foi lá, disse que estava em ótimas condições, libera alvará e diz que fiscalização não é responsabilidade da GRS? O que este cidadão veio fazer aqui?”, questionou o vereador. O presidente da Comissão de Saúde, Revetrie Teixeira, lamentou. “O Alexandre sabe as atri- buições da GRS e suas responsabilidades e ele simplesmente assina o alvará, responde ao vereador que fez a inspeção e dá outra declaração à imprensa. Este cidadão está faltando com a verdade”, afirmou. Sobre a Vigilância, Revetrie também se pronunciou. “Disse à coordenadora que ela está assinando um cheque em branco. Estes relatórios têm que ser apresentados. Queremos acesso aos relatórios, pois estamos atrás da verdade”, afirmou. O diretor da GRS, Alexandre Banana, não foi encontrado pela reportagem para comentar o assunto. Sem garantias de manutenção de emprego Agentes de saúde buscam esclarecimentos na Câmara João Monlevade - O presidente da Comissão de Saúde, Saneamento Básico e Meio Ambiente, Revetrie Teixeira (PMDB), e os demais membros da Comissão, Toninho Eletricista (PHS) e Belmar Diniz (PT), reuniram-se com agentes de saúde no último dia 3, na Câmara Municipal. O encontro teve como intuito esclarecer dúvidas sobre a situação empregatícia dos agentes de saúde, que atuam por meio de processo seletivo. O assessor jurídico parlamentar, Alexandro Pastorini, participou da reunião. As agentes Marli Lacerda, Creusa Souza e Rosália Eugênio, des- Cíntia Araújo/Acom CMJM Agentes destacaram que estão com receio de terem seus contratos encerrados com a prefeitura tacaram que elas e seus colegas de trabalho estão com receio de terem seus contratos encerrados com a Prefeitura a qualquer momento. Segundo elas, foram informadas pela enfermeira supervisora de que não deveriam contrair compromisso de longo prazo, pois, segundo informações, todos os agentes de saúde seriam desligados da Prefeitura por ordem do Ministério Público. Na ocasião, foi esclarecido pelo assessor jurídico de que assim como ocorre com servidores comissionados, a contratação dos agentes se dá a título precário e pode, efetivamente, ser rescindido a qualquer instante, na medida em que por determinação da Constituição da República, o meio de acesso ao serviço público é via concurso público. Diante da inexistência de datas para a ocorrência dos desligamentos, Belmar deixou a reunião para buscar junto à Procuradoria e Recursos Humanos da Prefeitura as informações preci- sas sobre a real situação dos agentes de saúde. Conforme relatado pelo Jurídico ao vereador, a situação está sendo analisada caso a caso, devido a particularidade de cada um. A Prefeitura ainda esclareceu que garante a isonomia a todos os interessados em participar do processo seletivo. “O Jurídico ainda informou que em 20 dias haverá um posicionamento mais concreto sobre a forma como será feito este processo e o que será feito com os atuais ocupantes do cargo”, declarou Belmar. Revetrie destacou o empenho dos agentes no exercício de sua função. “É inegável o trabalho desenvolvido por vocês, que muitas vezes não encontro infraestrutura ou material necessário para exercer a função. Sem contar o vínculo criado junto aos pacientes. Percebe-se que trabalham por amor ao que fazem e enquanto vereador e presidente da Comissão, coloco esta Casa à disposição para prestar o apoio necessário”, declarou, sendo apoiado por Toninho Eletricista e Belmar Diniz. Finalizando, os vereadores colocaram para as agentes que apoiarão a classe em tudo o que for possível, respeitado os limites legais, e tão logo tenham mais informações, as mesmas serão encaminhadas aos agentes.

[close]

p. 6

BOM DIAsexta-feira, 6 de outubro de 2017 6.cidade Nova 381 - DNIT apresentou andamento das obras no Lote 7 Geral - O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes – DNIT realizou na no dia 28 de setembro uma reunião de apresentação do andamento das obras da BR-381/MG no Lote 7, trecho que engloba as cidades de Barão de Cocais, Bom Jesus do Amparo, Nova União e Caeté (KM 389 Rio Una – KM 427 Entr. MG435). As atividades foram apresentadas aos prefeitos, vereadores e representantes das cidades que compreendem o trecho. O evento contou com a Arquivo BD No lote 7, o viaduto de 600 metros se aproxima da conclusão participação de representantes do DNIT, da Gestão Ambiental, da Gerenciadora de Obras e do Consórcio Brasil/ Mota/Engesur (ECB), responsável pelas obras no Lote 7. Andamento das Obras Na ocasião, foram apre- sentados os principais trabalhos no Lote 7, que já está com 54% das obras concluídas. Ao longo dos 37 km serão construídas 4 passagens inferiores, 2 passagens superiores, 5 pontes, 2 viadutos (603m cada), além de passarelas, vias de acesso secundário às comunidades lindeiras e paradas de ônibus. Assim como já é possível presenciar nos trechos liberados para tráfego, todo o Lote será finalizado em pavimento rígido (concreto), que apresenta maior durabilidade e menor custo de manutenção em comparação ao asfalto. Empreendimento Sustentável Em todas as obras de infraestrutura de transportes que executa, o DNIT busca a preservação do meio ambiente nos seus aspectos físicos, bióticos e socioeconômico, realizando levantamentos e acompanhamentos que atendam às determinações dos órgãos ambientais. Com participação ativa em todas as etapas do empreendimento, a Gestão Ambiental explicou o seu papel, por meio dos programas ambientais, que buscam além de mitigar e compensar, assegurar diversos benefícios ambientais e sociais, promovendo, efetivamente, o desenvolvimento sustentável do país. Também foram apresentados os canais de Ouvidoria (urnas, e-mail, site e telefone) entre a população e o DNIT. Outras informações sobre as obras do Lote 7 e as atividades realizadas pela Gestão Ambiental podem ser encontradas no site oficial da Gestora: br381mg.com.br Outubro Rosa: Câmara de João Monlevade apoia a campanha Mais uma vez, a Câmara de João Monlevade adere à campanha do Outubro Rosa. Desde o dia 1º deste mês, o prédio do Legislativo monlevadense está iluminado na cor rosa. Além disso, servidores e vereadores utilizam camisa em alusão à campanha, bem como a fita rosa, símbolo da ação. O objetivo da campanha do Outubro Rosa é conscientizar sobre a prevenção ao câncer de mama, além de reforçar a atenção à saúde da mulher. DEPARTAMENTO DE TRÂNSITO DE MINAS GERAIS - DETRAN/MG EDITAL DE LEILÃO Nº 01132/2017 - CONSERVADOS / SUCATAS APROVEITÁVEIS O ESTADO DE MINAS GERAIS, pelo Departamento de Trânsito de Minas Gerais - DETRAN/ MG, órgão integrante da estrutura orgânica da Polícia Civil de Minas Gerais, em conformidade com o disposto no art. 22, inciso I, e art. 328, Caput, §§ 14 e 15, da Lei Federal Nº 9.503, de 23 de setembro de 1997 (Código de Trânsito Brasileiro); e consoante com a Resolução do Conselho Nacional de Trânsito Nº 623, de 06 de setembro de 2016, torna público que realizará LEILÃO, recebendo o Nº 01132/2017 - CONSERVADOS/SUCATAS APROVEITÁVEIS, de veículos apreendidos por infração de trânsito, presidido pelo Leiloeiro Administrativo FERNANDO LINHARES PEREIRA e demais Leiloeiros Administrativos, descritos na Portaria/Resolução n° 1398/2013, de 24 de Outubro de 2013, que conduzirão a hasta pública, assistido pela Comissão de Leilão do DEPARTAMENTO DE TRANSITO DE MINAS GERAIS, instituída pela Portaria Nº 921/16, publicada no Diário Oficial do Estado de Minas Gerais em 29 de Setembro de 2016, sendo o evento regido pelas normas gerais da Lei Federal Nº 8.666/93 e suas alterações posteriores, no que couberem, para alienação, pela melhor oferta individual de cada bem, no estado em que se encontram, dos lotes de veículos apreendidos e recolhidos nos pátios credenciados e ou vinculados ao DETRAN/MG, de acordo com as regras e disposições deste ato convocatório. O LEILÃO será realizado no COLÉGIO E FACULDADE KENNEDY, situado(a) na Rua Paracatu, 115 - Ginásio - Colégio Kennedy - Bairro Nossa Sehora DA Conceição, Joao Monlevade - MG, no(s) dia(s) 21 de Outubro de 2017, com início dos trabalhos marcados para as 09:30 horas, conforme disposto abaixo: I – no dia 21 de Outubro de 2017, será(ão) colocado(s) a venda e o(s) veículo(s) recolhido(s) no pátio denominado JS SERVIÇOS DE REBOQUE E ESTACIONAMENTO LTDA, compreendendo os lotes de número 1 ao de número 238; A VISITA ao pátio PARA INSPEÇÃO VISUAL dos veículos poderá ser feita pelos interessados no(s) dia(s) 12 a 15 de Outubro de 2017, no horário de 09:00 às 17:00 horas, em seu respectivo endereço, a saber: I – JS SERVIÇOS DE REBOQUE E ESTACIONAMENTO LTDA - VERA CRUZ, situado no(a) Rua Gata Sul, nº 1400 - FUNDOS - FIRMA, Bairro Vera Cruz, Joao Monlevade-MG; O inteiro teor deste leilão poderá ser obtido nos sites: www.iof.mg.gov.br e www.detran.mg.gov. br ou nas dependências do Detran/MG, na av. João Pinheiro, n.º 417, bairro centro, Belo Horizonte/MG. Belo Horizonte, 29 de Setembro de 2017. HAMILTON REIS DE CARVALHO Dr. Hamilton Reis de Carvalho Presidente da Comissão Especial de Leilão DETRAN-MG

[close]

p. 7

BOM DIAsexta-feira, 6 de outubro de 2017 7.polícia Show no Areão tem saldo de 37 celulares furtados Divulgação Pastor Carlinhos comentou o assunto na tribuna da Câmara João Monlevade - Pelo menos 37 celulares foram furtados durante o show da dupla “Jorge e Matheus”, ocorrido no Parque do Areão, em João Monlevade, na última sexta-feira (29). A informação foi passada pela Polícia Militar, depois que o vereador Carlos Roberto Lopes (pastor Carlinhos-PMDB) ter comentado o assunto na tribuna da Câmara, durante a reunião da última quarta-feira (4). Questionado, o major André Pedrosa do Rosário, comandante da Polícia Militar na cidade, disse que a PM ficou responsável em realizar o policiamento da área externa ao evento, com ênfase a todos os acessos e bairros vizinhos, a fim de evitar roubos e furtos de pessoas e veículos. Já a área interna da festa ficou sob responsabilidade de cerca de 100 seguranças particulares. “Na área externa ao evento que ficamos responsáveis não houve nenhum registro de crime. Eu acompanhei pessoalmente todo o evento e devido ter surgido algumas solicitações de furtos no interior do Parque, determinei o remanejamento de alguns policiais para a área interna para buscar identificar os autores. Foram presos dois homens e recuperado um celular”, esclareceu o comandante da Polícia Militar na cidade que pontuou que o público no show girou em torno de 8 mil pessoas. Bandido rouba guichê de empresa de ônibus e foge João Monlevade - Um homem armado roubou todo o dinheiro que estava no caixa do guichê da empresa Presidente. O assalto aconteceu por volta das 19h da última quarta-feira (5), às margens da BR-381, num posto onde a empresa comercializa as passagens de ônibus. O funcionário de 26 anos contou que do local foram levados R$ 562,50 e um celular. Para a polícia, ele contou que o ladrão chegou ao local com capacete na cabeça e uma arma de fogo em mãos. Após o roubo, o marginal fugiu pela BR381, numa moto de cor escura, sentido centro de João Monlevade. Até o momento, ninguém foi preso. Polícia Civil volta a distribuir senhas para carteiras de identidade em João Monlevade João Monlevade - A Delegacia Regional de Polícia Civil reiniciou o agendamento para confecção de carteiras de identidade em João Monlevade. A distribuição de senhas será feita todas as sextas-feiras úteis, às 8h30, na rua Bernardino Brandão, número 180, no bairro Rosário. São 80 vagas. No ato do agendamento é preciso ter em mãos a certidão de nascimento original e a identidade antiga ou o boletim de ocorrência para outras vias e a certidão original para a primeira via. Para agendar para terceiros, além da documentação, deve-se portar documento de identidade comprovando parentesco de primeiro grau.

[close]

p. 8



[close]

Comments

no comments yet