Balaio dos Prazeres #24

 

Embed or link this publication

Description

Balaio dos Prazeres #24

Popular Pages


p. 1



[close]

p. 2

BALAIO•PONTOS TURÍSTICOS Publicação da Revista Figuras&Negócios COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 3

Ano 2 - Nº24 - Junho 2017 3 48 horas na áfrica do sul 5 lugares onde comer e beber em Cape Town Bastam três horas e 30 minutos de voo agradável a partir de Luanda para se chegar a Cape Town, conhecida entre os sul-africanos como ‘Mother City’ e universalmente como uma das cidades mais lindas do mundo. Capital legislativa da África do Sul e a sua segunda cidade mais populosa, Cape Town aparece frequentemente nas listas de melhores destinos turísticos do globo pela sua beleza natural, pela variedade das suas atracções turísticas, pela diversidade das suas praias, pela sua história, pela sua arquitectura única, pela sua produção vinícola, pelo seu jazz, e, claro está, pela sua gastronomia e vida nocturna. Para os amantes de boa comida e bom vinho, Cape Town é um excelente destino; é também a cidade mais próxima de Luanda com maior oferta de tanta qualidade. É aqui onde está situado o melhor restaurante do continente, segundo a conceituada lista World’s 50 Best Restaurants; chama-se The Test Kitchen e é o vigésimo-segundo da lista dos melhores do mundo. Mas existem COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 4

4 BALAIO•PONTOS TURÍSTICOS Publicação da Revista Figuras&Negócios inúmeras outras opções deliciosas e acessíveis não só na Cidade do Cabo como nas cidades e vilas adjacentes. A província onde está situada Cape Town, Western Cape, é a maior produtora de vinho no continente e um destino por si só. O LNL esteve recentemente em Cape Town a convite da Wesgro, agência oficial de promoção de investimento, turismo, e comércio da Western Cape, e visitou 13 quintas vinícolas na província; que rica experiência foi conhecer como funciona a produção de vinho de qualidade. Felizmente, entre visitas a quintas, conseguimos também alargar o nosso conhecimento sobre a sempre vibrante cultura gastronómica da cidade. Se apenas ter 48 horas em Cape Town, o que esperamos que nunca aconteça (a cidade merece muitas, mas muitas mais horas), aqui estão alguns locais que valem a pena visitar. E fica aqui uma última dica: a partir de Outubro do ano em curso, Luanda passará a ter voos diários para Cape Town de segunda a sexta. Quem o diz é Peter Hill, CEO da TAAG, na mais recente edição da Revista Austral. Confirmamos a notícia junto da Wesgro em Cape Town. Colaboração LUANDA NIGHT LIFE www.luanda-nightlife.com www.lnl.co.ao COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 5

Ano 2 - Nº24 - Junho 2017 5 Ash Restaurant Palco da nossa melhor refeição em Cape Town durante esta última estadia, o Ash Restaurant é o novo projecto da chef Ash Heeger (já trabalhou com o chef Luke Dale Roberts do Test Kitchen, no Dinner by Heston Blumenthal e no Ledbury, estes dois últimos em Londres) em colaboração com o Publik Wine Bar e Frankie Fenner Meat Merchants (o fornecedor de carne do restaurante). Todos partilham o mesmo espaço: na parte exterior do restaurante e numa secção da sala interior funciona o wine bar, enquanto que há carne à venda ao público no lado esquerdo da sala. O Ash é conhecido por servir excelentes grelhados no carvão e por ter um menu em constante mutação. Na nossa visita, comemos um excelente prato composto por magret (peito) de pato cozinhado no ponto, uma luxuosa perna de pato confitada, bocados minúsculos de fígado de galinha, cenouras grelhadas, e uma série de outros ingredientes que não conseguimos identificar à primeira, mas que deram uma outra dimensão ao prato. Achamos que nunca mais comeremos um prato igual, e daqui a uns dias ou semanas esta criação já não se encontrará no menu. Pagamos R320 pelo prato, a cerveja artesanal, e a gorjeta. Burger & Lobster Localizado na mexida Bree St., no centro de Cape Town, o Burger & Lobster é um bar e restaurante que tem apenas três itens no menu: o hambúrguer (R129), a sandes de lagosta (R147), e uma lagosta inteira (o preço varia). E mais nada. Cada prato é servido com dois acompanhantes: salada e batata frita. Naturalmente, estes três pratos são deliciosos – o chef não tem de pensar em mais nada senão o aperfeiçoamento de cada um deles. Igualmente impressionante é a lista de cocktails do B&L, dividida em quatro secções: aperitif, lobster, burger e digestif cocktails. E sendo isto Cape Town, claro que também há uma lista de vinhos sul-africanos, cervejas locais, e champagne. O cocktail que vê na foto é o Mary Contrary, recomendado para os pratos de lagosta. COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 6

6 BALAIO•PONTOS TURÍSTICOS Publicação da Revista Figuras&Negócios Anura Winery Durante a nossa última visita a Cape Town visitamos 13 quintas vinícolas em Western Cape; a quinta Anura, gerida pela família Bouma, foi um dos destaques. Foi neste idílico vinhedo nos vales de Stellenboch, a cerca de 40 km da cidade, que bebemos alguns dos nossos tintos preferidos, entre eles o Grenache Noir e o Sangiovese. Para além de produzir vinhos, a Anura produz também cerveja ar- fork Restaurant Aprimeira vez que visitamos o Fork, foi durante o mundial de 2010; naquela altura este conhecido restaurante de Long Street já tinha 5 anos de vida. Visitamos o Fork agora em 2017 e continua a ser um dos mais procurados restaurantes desta zona da cidade. O Fork é um restaurante que serve pinchos (como os bascos chamam petiscos) com um toque sul-africano; no menu, os mesmos estão divididos por preço, de R35 a R60 em incrementos de R5. Os garçons sugerem que cada pessoa peça pelo menos dois petiscos, e nós concordamos com a lógica. Este é o lugar ideal para grupos que adoram partilhar tapas acompanhadas por cocktails simples mas elegantes. Se chegar a tempo, vai conseguir uma das mesas no pequeno terraço. COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 7

Ano 2 - Nº24 - Junho 2017 7 tesanal e um leque de molhos gourmet da marca Froggit, incluindo redução de vinho tinto com vinagre balsámico, chutneys e compotas, molho chilli, molho de salada, e vários outros. Faça uma prova de vinhos, prove os queijos e enchidos produzidos na quinta, e marque um tour da mesma. Deixe a visita ao restaurante da quinta, chamado The Trading Post, para o fim: o maravilhoso bife emparelhado com os tintos da casa vão deixá-lo praticamente imóvel. O restaurante está aberto das 9:30 às 16:30, terça-domingo. Vista Marina Este novo restaurante do Waterfront é detido por um imigrante angolano e surpreendeu-nos pela positiva. Muitos restaurantes do Waterfront são conhecidos por serem demasiado caros pela qualidade da comida e serviço (afinal de contas esta é uma das zonas de Cape Town que mais turistas recebe), mas a nossa refeição no Vista Marina valeu a pena. Pergunte sempre pelos especiais do dia; as ofertas de peixe e mariscos são particularmente deliciosas, mas a carne, principalmente o borrego local, não ficam muito atrás. Faça o favor de acompanhar a sua refeição com um dos vinhos sul-africanos da excelente carta. COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 8

8 BALAIO•PONTOS TURÍSTICOS Publicação da Revista Figuras&Negócios Barra do Dande um refúgio entre o rio e o mar Pouco mais de 80 quilómetros separam a cidade de Luanda da comuna da Barra do Dande, na província do Bengo, onde podemos encontrar não só as falésias que concorreram às 7 Maravilhas Naturais de Angola, mas também o sossego e o isolamento das praias da Pambala, dos Namorados e do Sarico, conhecido como Cemitério dos Navios, e do rio Dande, cujas águas desaguam tranquilamente no Oceano Atlântico. |Texto Sebastião Vemba |Fotografias António Gamito Opercurso de Luanda até à Barra do Dande é feito em mais ou menos duas horas, em períodos com trânsito fluído, pela Via Expressa Benfica-Cacuaco, ou pela estrada da Petrangol, embora, mesmo aos fins-desemana, podem sempre ser encontrados pequenos congestionamentos na zona da Vidrul, devido à actividade comercial que ali existe. Mas o stress que se vive no trânsito é logo eliminado quando se chega ao destino, pois a Barra do Dande oferece-nos um refúgio revigorante entre o rio Dande e o mar. Optámos pelo caminho da Via Expressa Benfica-Cacuaco, ao longo do qual o sol nascia sublime e saudavanos com os seus raios amarelo-laranja. Instalámo-nos no aldeamento turístico da Pasárgada, mas a seguir foi para o mar que decidimos rumar, mais propriamente para a praia da Pambala, que fica a 25 quilómetros da sede da Barra do COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 9

Ano 2 - Nº24 - Junho 2017 9 Dande. Pela manhã, na Pambala assiste- se aos movimentos dos pescadores que vivem na região e, agitados e enfileirados, com cordões amarrados à cintura, puxam as redes para garantir o seu sustento. A esta actividade chama-se “banda-banda”, explicou-nos Conceição António Alberto, proprietária de embarcações, que trocou Luanda pela Pambala, onde vive há dois anos. “A minha família toda vive em Luanda e visita-me aos fins-de-semana. Eu prefiro ficar aqui pelo menos um mês inteiro, para depois ficar uns dias em Luanda, porque já não estou acostumada com a agitação da cidade”, confessou Conceição. Aliás, todos os dias, a praia da Pambala é visitada por turistas de Luanda e Caxito (Bengo) que procuram o sossego que ela oferece, e não se importam com os solavancos que apanham durante o percurso que é feito por picada, que começa poucos quilómetros depois da Ponte do rio Dande. Um veículo com suspensão alta, pelo menos, ameniza os impactos dos buracos, fica a dica! Aos fins-de-semana regista-se a maior afluência de turistas. E para desfrutar do melhor que a Pambala oferece, alguns visitantes optam por acampar. No entanto, para tal, aconselha Conceição, é necessário levar “um pouco de tudo”, incluindo água potável, pois esta só chega aos moradores por via de cisternas, e em períodos muito irregulares. Em caso de falta de água, por exemplo, haverá a necessidade de voltar-se à sede da Barra do Dande, onde se podem encontrar pequenas lojas e um COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 10

10 Publicação da Revista Figuras&Negócios BALAIO•PONTOS TURÍSTICOS mercado informal com oferta de bens, também limitada, o que exige uma maior preparação para que se evitem surpresas desagradáveis, embora estas sejam, às vezes, “o sal” das aventuras. Romantismo à beira-mar Mesmo na sede da Barra do Dande, e a menos de um quilómetro da Administração Comunal, fica a Praia dos Namorados, onde é possível contemplar uma beleza ímpar antes de descer-se a pé uma picada acentuada que nos conduz para uma costa despovoada e apaixonante, muito visitada por casais que procuram alguns momentos de romantismo e privacidade. À beira-mar, olhando para o caminho que nos conduz até à praia, percebe-se a imponência das falésias que concorreram às 7 Maravilhas Naturais de Angola. Ao visitar este lugar, viverá durante o tempo que lá estiver um ambiente de sossego. Mas cuide você mesmo dos seus mantimentos, pois não existe serviços de restauração na zona. E por questões de segurança, tratando-se de uma área isolada das povoações, não mergulhe muito longe da beira do mar, pois, em caso de incidente, os socorros podem não chegar a tempo. Infelizmente, não existem guias turísticos desta região, mas, e aproveitando a estadia nesta praia, é possível, com alguma sorte, inteirarse da história da comuna visitando-se a Administração Comunal da Barra do Kwanza, de onde recebemos a autorização para fotografar e contemplar a foz do Dande, a partir da residência oficial do administrador, onde repousa um canhão para contar a História, grande parte dela ainda por escrever. A Barra do Dande é uma das comunas do município do Dande, o mais populoso da província do Bengo, com 217 929 habitantes, equivalente a 62% da população. A principal actividade na Barra do Dande é a pesca, tanto continental como marítima. Propícia para a prática do ecoturismo, tal como o resto do território da província, a Barra do Dande, além das praias, oferece ainda a possibilidade de fazer um passeio tranquilo e terapêutico pelo leito do rio Dande, ao longo do qual se pode contemplar a mata e a vegetação húmida, típica da região. Para essa aventura também não existem serviços de transporte na região, mas, às vezes, os pescadores locais disponibilizam-se para transportar os visitantes, aos quais cobram entre três a seis mil kwanzas pelo passeio, independentemente do número de pessoas. O melhor é contactá-los pelo menos um dia antes. Ao longo do passeio, assiste-se ao voo apressado de aves assustadas COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 11

Ano 2 - Nº24 - Junho 2017 11 Tome Nota Como ir O Bengo tem ligações por estrada com as províncias de Luanda, Uíge e Kwanza-Norte. Para se chegar à Barra do Dande, saindo de Luanda, antes de Caxito, há um desvio à esquerda para ou os mexilhões. Os aldeamentos turísticos onde se hospedar são o melhor lugar para comer. Porém, a escassos metros do Parságada, fica um pequeno mercado gastronómico com várias cozinhas, mesmo à beira do rio, onde se pode comer o melhor da região. a estrada que vai directa até à Ponte do rio Dande, na sede comunal. Onde ficar Tratando-se de uma comuna pequena, e ainda com pouco dinamismo turístico, as opções de alojamento na Barra do Dande são limitadas, mas as poucas que existem oferecem as condições exigíveis Imperdível A Praia da Pambala e o passeio de barco pelo Dande. Este último tem pelo barulho do motor do barco que desliza sobre as águas do Dande, onde existe uma grande variedade de aves aquáticas, com destaque para flamingos, pelicanos, garças e patos. Colaboração LUANDA NIGHT LIFE www.luanda-nightlife.com www.lnl.co.ao um efeito terapêutico muito forte e essencial para o regresso à vida urbana. para satisfazer os hóspedes. Além do Parságada, pode também optar pelo Complexo Turístico Paradíseos. Onde comer A especialidade gastrómica da Barra do Dande é o peixe, sendo muito famoso o cacusso grelhado ou a lagosta e outros frutos do mar, como as quitetas Cuidados a ter Quando for acampar, leve consigo, além de comida, uma bolsa de primeiros socorros, pois os serviços médicos ficam distantes das praias da Pambala e dos Namorados. Preços médios O custo médio de uma refeição é de 2500 kwanzas para o almoço e jantar, 1500 kwanzas para pequeno-almoço. COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 12

12 Publicação da Revista Figuras&Negócios BALAIO•restaurantes O Restaurante Piano Bar Trova & Sabores, conhecido simplesmente como Trova & Sabores, é um restaurante convidativo para amantes de música ao vivo. Situa-se em Talatona na Rua do SIAC, cerca de 300 metros mais em frente. Infelizmente, existe pouca sinalização a indicar o caminho para o restaurante, o que dificultou-nos imenso. |Texto Hélia do Carmo |Fotografias LNL OTrova & Sabores proporciona dois ambientes versáteis aos seus clientes. No terceiro andar, encontra-se um restaurante bastante sofisticado, que oferece música ao vivo às sextas-feiras a partir das 19h00. Logo à entrada está um lounge aconchegante e requintado com duas poltronas de couro, um espelho à esquerda e um painel de madeira com o Pensador. No quarto andar encontrará um terraço aberto com um lounge/bar, proporcionando um ambiente mais relaxado e descontraído. O ambiente no interior do restaurante é confortável, dispondo de uma decoração à base de castanho escuro, dourado e creme e uma área elegante para o Piano Bar. O menu tem uma satisfatória variedade de entradas, e o Salmão Fumado foi a opção escolhida (AKZ 1.950). O salmão veio acompanhado com rodelas de tomate cobertas de queijo derretido. Deu para notar que o salmão estava relativamente seco e o queijo não estava completamente derretido (não sabemos se é ou não propositado). Foi um começo pouco positivo. Após várias escolhas reprovadas Trova & Sabores versátil e aconchegante COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 13

Ano 2 - Nº23 - Maio 2017 13 para o prato principal, devido à falta de ingredientes como choco, garoupa e gambas, pedimos a Lagosta Grelhada, que veio acompanha de Arroz e Batatas fritas (AKZ 5.500). A Lagosta estava satisfatória, com um tempero bem realçado, mas no entanto, estava seca demais. As batatas fritas estavam excelentes, com um sabor intenso à alho, mas não nos foi dito que as mesmas seriam temperadas com alho. O arroz tinha gordura em demasia, o que não foi um ponto positivo na refeição. Para beber, pedimos um Mojito (AKZ 2.250). O cocktail estava com um sabor muito forte à água com gás, estava bastante doce e não se conseguia sentir o sabor da lima. Decepcionou-nos imenso. Como sobremesa, pedimos uma Trilogia de Mousse (AKZ 1.200), que era uma mousse de chocolate, que por sua vez estava medíocre. A sobremesa tinha um sabor exagerado a licor, dando um gosto amargo à mousse. O serviço foi excelente, com garçons prestativos e dispostos a responder todas as questões solicitadas. Estavam também muito bem informados, o que acaba por ser uma raridade cá em Luanda. Apesar da insatisfação em relação a alguns pratos, nós fomos muito bem recebidos e atendidos pela staff. O LNL voltaria a frequentar o restaurante para usufruir da música ao vivo e do Lounge aconchegante. Endereço: Via A2, Quarteirão V, R/Carla nº159 – Rua da SIAC Telef.: 937 157 797/995 227 637 Email: trovasesabores@hotmail.com Horário: Das 16 horas às 22 horas COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 14

14 BALAIO•serviços Publicação da Revista Figuras&Negócios Cabelos Crespos e Naturais um Estilo que realça a Beleza dos Africanos |Texto Yolanda Haitaleseni |Fotografias © DR Pelas ruas de Luanda nota-se as jovens com diversos estilos de penteados, longos e curtos, inclusive as chamadas jubas naturais, aumentando a opção de usar o cabelo natural. A tendência do uso do cabelo crespo está a conquistar as mulheres africanas diminuindo cada vez mais o uso de desfrisantes e outros produtos químicos no cabelo. O cabelo natural acaba por realçar a beleza da mulher africana. Nesta edição mostramos as várias tendências de penteados e tranças para quem usa o cabelo natural. As opções são muitas e em alguns casos revelam-se mais económicas do que o uso de cabelos desfrisados ou recurso a outras técnicas de alisamento. COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

p. 15

Ano 2 - Nº24 - Junho 2017 tranças afro características de angola Tranças de Mão: são bastante conhecidas e muito usadas por senhoras, meninas e até por alguns jovens. São modeladas de forma livre e em vários feitios. Alguns preferem que sejam feitas em tamanho grande e outros mais pequeno. mestres do natural Tranças de linha: para ter um look deste, diferente, você vai precisar de rolos de linhas de coser e um pente para pentear. Separam-se tiras de cabelo que são enfaixadas com a linha de forma contínua da base ao extremo até assumir uma forma de especto. Tranças “Bob”: as mamãs gostam imenso de ver as suas filhas com este tipo de tranças que ficam muito lindas. É charmoso também em adultos, ganharam o estatuto de unisexo e é muito usada por artistas e famosos devido ao seu formato extravagante. Vale a pena experimentar quando pensar em mudar o seu look. Tranças “virada”: característica afro, muito usada em Angola e também por estrelas afro-descendentes do basquetebol e da música no mundo. Ganhou vários apelidos pelos usuários mas no nosso País são as famosas “Viradas”. A foto acima ilustra como estas tranças realçam a beleza e os traços. Cantinho Natural cabeleireiro especializado em cuidados de cabelos naturais e tranças Tel.942 21 20 56 Serviços: Cabelos naturais e tranças, salão de beleza com serviço de aconselhamento; ajudar a mulher a compreender a beleza e importância do cabelo natural e a mudança do estilo de vida que pode trazer por usar o cabelo natural. Crespinha do Nova Vida: Projecto Nova Vida, rua 47, prédio E6, terceiro andar, porta 34. Serviços: Fazemos twist, dedolise, fitagem, bigo afro, tratamento com base de produtos naturais. Atendimento de terça-feira a domingo, das 9H00 às 17H00. Telef.: 939 385 282 Neusa natural: Benfica, rua 16. Atendimento de segunda a sexta-feira, das 9h00 às 17h00, aos sábados das 9h00 às 14h00. Serviços: Tratamento de cabelo natural, penteados, tranças, produtos e encomendas. Telef. 997 755 041. COMPRAS SERVIÇOS BARES RESTAURANTES HOTÉIS PONTOS TURÍSTICOS

[close]

Comments

no comments yet