Revista Fácil - Edição 176

 

Embed or link this publication

Description

O Crescimento turístico do Nordeste

Popular Pages


p. 1

ANO XXI - 2017 - Edição 176 - R$ 8,00 - www. revistafacil.net O crescimento turístico do Nordeste FÁCIL | Lazer e Negócios NE 1

[close]

p. 2



[close]

p. 3

Sumário CAPA 06O crescimento turístico do Nordeste 28Bonito/PE O crescimento turístico do Nordeste 06 Alagoas 08 Bahia 09 Ceará 10 Maranhão 14 Pernambuco 16 Paraíba 20 Piauí 21 Sergipe 21 Rio Grande do Norte 22 Fácil News 26 Coluna Abrajet/PE 27 Bonito/PE 28 Japaratinga 32 Coluna PB 36 32 Japaratinga/AL Edição 176| Ano XXI | Maio / 2017 www.revistafacil.net | FÁCILTV - www.faciltv.tv Expediente Presidente Fernando La Greca Diretora de Negócios Nilza Guerra Diretora de Produção Ana La Greca Editor de Turismo Luiz Felipe Moura Colaboradores de Fotos Evaldo Parreira Ivaldo Régis Roberto Souza Colaboradores Gilson B. Feitosa Horácio Abiahy Yluska Regina Quesado de Almeida Jaques Cerqueira Leandro Ricardo Ney Anderson Roberta Monteiro Silvio Romero Rogério Almeida Colaborador São Paulo Renato Cury Fone: 11 2864.1636 Administração Rua D. Maria Vieira, 88-E - Ilha do Retiro Recife-PE - CEP 50830-020 Tel. 55 81 3039.0594 | 3039.0595 Redação Tel. 55 81 3039.0595 redacao@revistafacil.net Comercial Tel. 55 81 3039.0594 comercial@revistafacil.net Assinaturas Tel. 55 81 3039.0594 Auditada por Baker Tilly Brasil Ceará Sucursal Fortaleza Diretor Mario Pinho Rua Coronel Manuel Albano, 900, torre V, Sl. 405 Maraponga - Fortaleza - CE Tel. 85 32 98 1506 | 85 98856 5149 OI 85 99764 4290 TIM | 11 96031 2011 OI/SP Brasília | Rio de Janeiro | São Paulo Linkey Representações e Publicidades Ltda. (61) 3202-4710/ 9984-9975/ 8423-0318 linda@linkey.com.br Contato São Paulo: Maria Marquezini (11) 99701-5278 | 97284-1919 98288-1919 mmarquezini@linkey.com.br A Fácil Lazer e Negócios Nordeste é uma publicação da EBI - Editora Brasileira de Imprensa Ltda Opinião dos colunistas não reflete necessariamente a opinião da Revista. Proibida a reprodução total ou parcial de matérias ou fotos sem a autorização da Revista. FÁCIL | Lazer e Negócios NE 3

[close]

p. 4

EMPET 4FÁCIL | Lazer e Negócios NE

[close]

p. 5

TUR

[close]

p. 6

O crescimentoTurismoNordeste turístico do Nordeste Por Ana Paula Silva - Fotos Divulgação Salvador - BA Maceio - AL 6 FÁCI L | Lazer e Negócios NE Canions do Xingó - SE Fernando de Noronha - PE João Pessoa - PB

[close]

p. 7

A Região Nordeste do Brasil vem demonstrando nesses 21 anos em que a Revista Fácil Lazer & Negócios Nordeste circula, que não é constituída apenas por um litoral exuberante, mas é rica em manifestações culturais, possui importantes patrimônios históricos e oferece uma gastronomia singular. Com a participação de cada Estado, a Região mostra porque está em cena como papel principal no turismo doméstico e internacional. Bem diversificado culturalmente, o Nordeste cresce e ganha cada vez mais notoriedade no cenário turístico brasileiro e internacional. São nove Estados que compõe a Região, mas uma diversidade bem acima disso no que se refere às opções de turismo e lazer. Conhecido por sua receptividade, o Nordeste oferece aos visitantes experiências singulares, destinos que se renovam a cada viagem. Na década de 90 a representatividade do Nordeste era baixa no setor de turismo. Cidades como Recife e Salvador, representavam pouco mais de 10% entre as cidades mais visitadas do Brasil. Com ações como o Prodetur/NE, houve investimentos em infraestrutura para alavancar o turismo na Região. Em 2005, o Nordeste já apresentava um bom crescimento, estando em terceiro lugar entre as regiões visitadas no país. Entre os anos de 2002 e 2013, o fluxo turístico basicamente dobrou, indo dos 15,9 para 29,2 segundo dados estimados da Fundação CTI/NE. Já o capital gerado pela atividade turística na Região evoluiu dos cerca de R$ 5 milhões para mais de R$ 18 milhões em dez anos. O setor aéreo registrou alta considerável entre os anos de 2006 e 2015. No Nordeste a movimentação anual de passageiros que era de 9.775.771 foi para 31.736.130. E no ano de 2016, a Região foi eleita a favorita para viagens nacionais. Os Estados com maior representatividade são Bahia, Ceará e Pernambuco, que juntos representam mais da metade da movimentação turística da Região. No setor hoteleiro, o Nordeste se destacou, favorecido pela extensa faixa litorânea e o clima tropical, o que proporcionou a implantação de novos resorts nos últimos anos. Cerca de metade dos resorts atuais no Brasil estão distribuídos entre os estados do Nordeste. Na gastronomia, a Região também cresceu nos últimos anos, tendo hoje uma culinária regional e internacional digna dos apreciadores da alta gastronomia. O turismo cultural e religioso aumentou com a divulgação de manifestações culturais como o frevo, o carnaval, as festividades juninas, os folguedos e os eventos religiosos, como as romarias. Os estados seguem atuando no desenvolvimento do turismo. Materiais com informações sobre os roteiros para os turistas internacionais foram expostos na Europa e novas ações de promoções turísticas serão disponibilizadas na Brazil National Tourism Mart (BNTM) 2017, importante Feira de Turismo organizada pela CTI/NE, que será realizada no Estado da Bahia. E a cada ano outros investimentos são trazidos para o setor turístico, a exemplo da ampliação do número de voos internacionais com partida/chegada nas capitais do Nordeste, novos investimentos na rede hoteleira, no turismo de negócios e nas ações de marketing para divulgação dos destinos turísticos no mercado estrangeiro. E os investimentos trazem retorno na visibilidade da Região Nordeste. Segundo o Prêmio Travellers’ Choice, realizado pelo site TripAdvisor, a Baía do Sancho, localizada em Fernando de Noronha/PE foi eleita a melhor praia do mundo. Além disso, Jijoca de Jericoacoara, situada no Estado do Ceará, ocupa a terceira posição na categoria “Melhores Destinos em Alta do Mundo”. O Nordeste mostra, assim, grandes perspectivas, não apenas no cenário turístico nacional, mas no turismo internacional também. Nesta matéria veremos as belezas únicas de cada Estado, o desenvolvimento do segmento turístico e as ações das Secretarias especializadas no Setor para promover a Região número um em favoritismo e múltipla em seus atrativos. Ponta Negra - Natal/RN Canoa Quebrada - CE Lencois Maranhenses - MA Parque Nacional Serra da Capivara - PI FÁCIL | Lazer e Negócios NE 7

[close]

p. 8

Turismo Nordeste Cidade de Penedo/Al (Foto Divulgação) Canion do Rio São Francisco (Foto Divulgação) Piranhas, cidade histórica de Alagoas (Foto Divulgação) Bem-vindo a Alagoas Praias, quilombos, costa de corais, cidades históricas. Sim, é possível encontrar tudo em um único Estado. Das mais belas praias situadas em Maceió e Maragogi, passando por áreas de proteção ambiental até os famosos Quilombos que remontam ao século XVII, Alagoas demonstra crescimento pela sua diversidade cultural e atrativos turísticos. A cidade de Maceió ganha destaque com suas praias apropriadas para surf, stand up paddle ou windsurfe. No bairro do Pontal da Barra é possível fazer passeios de barco para a Lagoa Mundaú e conhecer vilas de pescadores e as rendeiras que fazem o bordado filé, um típico artesanato alagoano, patrimônio cultural do estado. Outra região convidativa é a chamada de Costa dos Corais, que fica situada no Litoral Norte. Dentre os pontos turísticos estão a praia de Maragogi, conhecida como Caribe brasileiro com suas piscinas naturais e a APACC (Área de Proteção Ambiental Costa dos Corais) que é a maior unidade de conservação federal da Marinha do Brasil. Na APACC é possível mergulhar para contemplar os belos corais bem como conhecer e fazer um passeio pelo Santuário do Peixe-Boi. As praias do Francês, Barra de São Miguel e Coruripe, situadas no litoral Sul, são conhecidas pelas belezas de suas águas, coqueirais e falésias. O pólo gastronômico da Massagueira, onde estão situados mais de 25 restaurantes, aguça o paladar dos visitantes, com diversos pratos feitos a base de frutos do mar e molho de coco, tendo como destaque o sururu. Para os turistas mais aventureiros, há as trilhas nas cidades ribeirinhas de Traipu, Delmiro Gouveia (Mirante do Talhado), Piranhas e Olho D’Água do Casado. É possível praticar espor- tes radicais nessa região. Os passeios pelas águas do Velho Chico permitem o mergulho nas águas doces entre as formações rochosas. E a Rota do Cangaço possibilita ao visitante andar pelo caminho por onde Lampião, Maria Bonita e seus cangaceiros foram caçados. Outros atrativos de Alagoas são os Quilombos, na Zona da Mata do Estado, sendo o mais conhecido o Quilombo dos Palmares, localizado no município de União dos Palmares. O passeio para a Serra da Barriga permite o contato com a identidade do povo quilombola. Praia do Gunga (Foto Divulgação) Praia do Gunga (Foto Divulgação) Maragogi (Foto Divulgação) Maragogi - Piscinas naturais (Foto Divulgação) 8 FÁCI L | Lazer e Negócios NE

[close]

p. 9

Em Porto Seguro, o Brasil foi descoberto Porto Seguro (Foto Divulgação) Porto Seguro (Foto Divulgação) Costa do Sauípe (Foto Divulgação) Pelourinho - Centro Histórico (Foto Divulgação) Acarajé Vatapá Bahia a terra para todos os gostos Maior estado da Região, a Bahia é, sem dúvida, o que mais se destaca no que se refere ao turismo. Salvador foi a mais bem avaliada pelos turistas entre as capitais do Nordeste, incluindo setores como Limpeza Pública e Segurança Pública. Nas questões relacionadas à infraestrutura turística, obteve índice favorável de 94,7% para os restaurantes, 96,2% para os alojamentos e sua hospitalidade foi avaliada positivamente em 96,5%. Atrativos não faltam no Estado. Rico por sua diversidade religiosa, a Bahia abriga igrejas históricas, como a Igreja Nossa Senhora da Misericórdia, situada em Porto Seguro, além de realizar uma das mais tradicionais festas católicas do Brasil, a Romaria do Bom Jesus, que acontece no mês de agosto no município de Bom Jesus da Lapa, também conhecido com a capital baiana da fé. Na cidade de Cachoeira ocorre anualmente a Festa da Boa Morte, um marco do sincretismo religioso, uma mistura entre o catolicismo e o candomblé. No bairro do Pelourinho, em Salvador, a arte entra em cena no belo conjunto arquitetônico tombado como patrimônio pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura). Na Costa do Descobrimento, é oportunizado ao turista conhecer o local onde nasceu o Brasil. Nas praias de Porto Seguro e Eunápolis é possível praticar ecoturismo ou esportes de aventura. Em Salvador, outro convite é o passeio de escuna para a Baía de Todos-os-Santos, maior baía do Brasil, para contemplar suas ilhas. Outro ponto turístico é Recôncavo Baiano, uma região composta por vários municípios da Bahia. Para os amantes e apreciadores de ambientes naturais, a Chapada Diamantina, localizada no centro do Estado, mais precisamente no município de Lençóis, torna-se um convite difícil de ser resistido, especialmente pela Cachoeira do Buracão e pelo Pico do Barbado, ponto mais alto do Nordeste. Para se Chapada diamantina (Foto Divulgação) aventurar ainda mais, o Arquipélago dos Abrolhos oferece possibilidades de mergulho em cavernas e chapeirões, além da contemplação do nado exuberante das baleias Jubarte. Com uma forte influência africana e portuguesa, a culinária baiana se reveste de fortes temperos. Os pratos mais tradicionais são acarajé, vatapá, abará, sarapatel, xinxim de galinha e as moquecas. Os turistas usufruem de bons estabelecimentos como os restaurantes Casa de Tereza, da renomada chef de cozinha Tereza Paim, e Amado, ambos localizados em Salvador. Na Costa do Sauípe está situado o maior complexo hoteleiro do Brasil. O local abrange uma área de lazer com 21 piscinas, o Sauípe Resorts, Premium, Pousadas, Kids e Spa, além do Vila Nova da Praia que oferece deliciosas opções gastronômicas, vários serviços e lojinhas, numa reprodução de uma cidade do interior da Bahia. O setor de turismo de negócios também recebe investimentos no Estado. Em 2016 a cidade de Salvador recebeu o Banco Brasileiro de Eventos, uma iniciativa do Brasil Convention & Visitors Bureau para atrair mais eventos para o país, tanto nacionais quanto internacionais. De acordo com o Ministério do Turismo (MTur), a Bahia recebeu, só no ano passado, cerca de 600 mil visitantes de outros países e mais de 10 milhões de turistas brasileiros. O reconhecimento levou o Estado a ser homenageado com o Prêmio Silvia Zorzanello, entregue pelo Grupo Excelencias durante a Feira Internacional do Turismo (Fitur) 2017, realizada em Madri, na Espanha. Viver a Bahia é mais que conhecer a história de um povo; é conhecer a história do próprio Brasil. É ver obras de arte a céu aberto margeado por lindas praias; é poder ver a diversidade cultural e religiosa, mas ter sua tradição respeitada. É entender o entrelace da história de vários povos, sejam indígenas, afrodescendentes ou de outras origens, sabendo que a Bahia, e a terra para todas as gentes, sempre terá um espaço para seus novos visitantes. FÁCIL | Lazer e Negócios NE 9

[close]

p. 10

Turismo Nordeste A diversidade turística do Estado Cearense Teatro José de Alencar(Foto Divulgação) Praia do Futuro (Foto Evaldo Parreira) Fortaleza (Foto Divulgação) Ponte dos Ingleses (Foto Divulgação) Centro Cultural Dragão do Mar (Foto Divulgação) No ano de 1994 estreava a novela Tropicaliente, exibida pela Rede Globo, projetando os cenários turísticos do Ceará para o Brasil. Reconhecido como um dos grandes destinos turísticos da Região Nordeste, o Estado desenvolve-se cada vez mais no setor, desde lugares mais conhecidos como Fortaleza, Aquiraz e Jijoca de Jericoacoara, até novos roteiros, a exemplo da Região do Cariri e das praias mais paradisíacas de Flecheiras e Icaraí de Amontada. Segundo dados da Secretaria de Turismo do Estado (Setur), nos últimos 20 anos o setor apresentou um excelente desenvolvimento. Em 1995 o Ceará recebeu 773 mil turistas. Já no ano de 2016 esse número passou dos três milhões. Esse aumento é resultado dos projetos desenvolvidos para a promoção dos setores turísticos do Estado, desde a criação do Beach Park em 1985 à inauguração do Centro de Eventos do Ceará, em Fortaleza, no ano de 2012. Este último empreendimento oportuniza ao Estado uma boa perspectiva para o turismo de negócios, com a realização de importantes eventos, além de promover um aumento na ocupação da rede hoteleira em períodos de baixa estação. O Beach Park, localizado no município de Aquiraz, é um dos mais importantes empreendimentos do Estado, eleito, em 2016, como o segundo melhor parque de diversões e aquáticos da América do Sul. No local, estão o Acqua Beach Park Resort, as Suites Beach Park Resort, Wellness Beach Park Resort, Ocean Beach Park Hotel e Spa by L’Occitane. Beach Park 10 FÁCI L | Lazer e Negócios NE

[close]

p. 11

Canoa Quebrada (Foto Divulgação) Juazeiro do Norte (Foto Divulgação) Chapada do Aararipe no Crato (Foto Divulgação) Em Fortaleza, além das belas praias, outros pontos turísticos são a Catedral Metropolitana de Fortaleza, o Parque Estadual Marinho da Pedra da Risca do Meio e o Parque Adahil Barreto. Dentre os destinos famosos do Estado, destacam-se a praia do Porto das Dunas, em Aquiraz, e as praias de Morro Branco, em Beberibe, cenário de várias produções televisivas. Beach Park Lagoa Azul - Jericoacoara (Foto Divulgação) Em Canoa Quebrada, o visitante pode fazer passeios de buggy, apreciar as falésias, andar pelas dunas ou visitar a Broadway de Canoa Quebrada. Na região do Cariri o atrativo é o município de Santana do Cariri, a capital cearense da paleontologia, onde os visitantes podem conhecer o Museu de Paleontologia da Universidade Regional do Cariri, o Casarão Cultural e a Igreja Matriz de Senhora Sant’Ana. Outro ponto de destaque é o Pontal de Santa Cruz, na Chapada do Araripe, uma reserva ecológica que abarca grutas, fontes naturais, e sítios paleontológicos. Em Jericoacoara, os turistas são atraídos pelos banhos nas águas cristalinas enquanto estão deitados nas redes, bem como pela praia de Pedra Furada e a Duna do Pôr do Sol. O Estado também é favorecido no turismo de aventura. “Nossas condições climáticas (tempo e vento) também atraem muitos praticantes de esportes como kitesurfe, windsurfe e surfe”, ressaltou Arialdo Pinho. O secretário de Turismo do Estado, Arialdo Pinho, também ressaltou a importância da divulgação para o aumento de visitas de turistas, destacando que “o Ceará tem ampliado a presença nos eventos do trade turístico e fortalecido a promoção do destino, tanto no mercado nacional, como no internacional”. Os investimentos no setor turístico tem apresentado retorno importante para a economia. O impacto sobre o PIB (Produto Interno Bruto) em 2015 era de 11,6%, gerando uma renda de R$ 12.798,84 milhões. Outra esfera relacionada ao turismo que vem recebendo novos investimentos é o setor aéreo. Neste ano será inaugurado o Aeroporto Internacional de Jericoacoara, no município de Cruz, que facilitará o acesso a um dos destinos mais famosos do Estado. Atualmente, há oito voos internacionais diretos com partida/chegada de Fortaleza, sendo estes para Portugal, Argentina, Colômbia, Alemanha, Itália, Estados Unidos, Guiana Francesa e Cabo Verde. Para Arialdo Pinho, “isso é muito importante para atrair turistas estrangeiros. Temos um grande atrativo que são nossos ventos constantes, principal motivo de muitos europeus escolherem o Ceará como destino”. Com isso, o Ceará abre grandes oportunidades em várias esferas do turismo, seja na área de negócios, lazer, aventura ou cultura, exemplificando o que está registrado no site da campanha: “o paraíso é uma questão de escolha. Aqui você o encontra de todas as formas”. FÁCIL | Lazer e Negócios NE 11

[close]

p. 12

12 FÁCI L | Lazer e Negócios NE

[close]

p. 13

artplan (85) 4012 3030 www.beachpark.com.br FÁCIL | Lazer e Negócios NE 13

[close]

p. 14

Turismo Nordeste Maranhão Terra de Encantos Quem visita o Maranhão dispõe de uma diversidade de atrativos para aproveitar o período em que permanecer na região. No segundo maior estado em extensão territorial do Nordeste, é possível realizar desde o ecoturismo até a prática de esportes de aventura como rapel, canionismo e tirolesa, destacando-se nesta opção o Santuário Ecológico de Pedra Caída no município de Carolina. A prática do surf e kitesurfe ganham destaque nas praias de São Luís e São José de Ribamar. Contudo, para quem deseja realizar várias atividades num único lugar, o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, às margens do Rio Preguiças, é uma excelente opção. Os Lençóis Maranhenses ficam no litoral oriental do Maranhão e tem o município de Barreirinhas como principal portão de entrada. Com dunas de até 40 metros de altura e lagoas de água cristalina, o turista pode, na região, fazer trekking, sobrevoar os Lençóis Maranhenses, fazer um passeio de boia cross no Rio Cardosa ou uma expedição para registros fotográficos nas dunas dos Pequenos Lençóis. Outros locais que podem ser visitados no Estado é o polo Delta das Américas, onde estão o Delta do Rio Parnaíba, Tutóia e Araioses, município do Maranhão que apresenta aos visitantes o artesanato de palha de carnaúba, madeira, cerâmica, ferro e tecido. O Parque Nacional da Chapada das Mesas, uma área de 160.046 hectares de Cerrado localizado nos municípios de Carolina, Riachão, Estreito e Imperatriz, permitem a prática do rapel, canionismo e trekking entre os imensos paredões rochosos do Cerrado brasileiro. Do ponto de vista artístico e cultural, o Estado se destaca. O Centro Histórico da capital, localizado nas ilhas de São Luís, é um dos Patrimônios Mundiais no Brasil declarados pela Unesco. A azulejaria também é destaque na cidade, es- Os azulejos do centro histórico (Foto Divulgação) tando presente em várias construções e sendo considerada um patrimônio do município. Há ainda a importante atração cultural do Estado, o Complexo Cultural Bumba Meu Boi, inscrito no Livro de Registro de Celebrações do Iphan no ano de 2011. O Bumba Meu Boi é uma celebração múltipla que tem como figura central o boi. Como registra o Iphan “essa é considerada a mais importante manifestação da cultura popular do Estado e nessa grande celebração cultural articulam-se várias formas de expressão e saberes, e se confundem fé, festa e arte, em uma mistura de devoção, crenças, mitos, alegria, cores, dança, música, teatro e artesanato, entre outros elementos”. Lenções Maranhense (Foto Divulgação) 14 FÁCI L | Lazer e Negócios NE

[close]

p. 15

O QUE SIGNIFICA FÉRIAS PARA VOCÊ? Você pode achar que férias é só quando a gente não está estudando nem trabalhando. Mas não é só isso: férias significa muito mais. É poder parar para pensar, repensar ou simplesmente não pensar em nada. É carregar a memória e recarregar as energias. É esquecer completamente que o tempo existe. É você livre da rotina e das preocupações. É poder gritar “tô de férias!”. “Tô de férias” não é só uma constatação, é a declaração da sua felicidade: “TÔ-DE-FÉRIAS!”. E se o “tô de férias” vier acompanhado do “tô de CVC”, significa que o mundo vai receber você do melhor jeito, não importando o destino, a época ou se as férias vão durar uma semana ou um mês. Se para você férias significa muita coisa, para a CVC, significa tudo, pois se não for inesquecível, perde todo o significado. Por isso, suas férias têm que ser perfeitas. Tô de férias. Tô de CVC. cvc.com.br FÁCIL | Lazer e Negócios NE 15

[close]

Comments

no comments yet