Jornal Santuario Sao Jose Operario Junho 2017

 

Embed or link this publication

Description

Jornal Santuario Sao Jose Operario Junho 2017

Popular Pages


p. 1

PARÓQUIA SANTUÁRIO SÃO JOSÉ OPERÁRIO S ãJoornaJl osé OperárioCAPÃOREDONDO-DIOCESEDECAMPOLIMPO ANO XIII - EDIÇÃO Nº 167- 10.000 EXEMPLARES - DISTRIBUIÇÃO GRATUITA - JUNHO - 2017

[close]

p. 2

Página-2 Jornal São José Operário Com Jesus somos mais que vencedores Junho - 2017 EDITORIAL Ocalendário santoral, no mês de junho, por celebrar co: “...não sou a luz, mas conheço quem dela veio. Sou apenas um profeta”. a memória de santos que, O terceiro santo junino, além de reverenciados no São Pedro, o pescador do culto litúrgico, ocupam um mar de Tiberíades, foi ele- lugar especial na comemo- vado por Jesus à condição ração cultural que se man- de “pescador de homens”, tém muito viva na Região pedra sobre a qual edifi- Nordeste. Santo Antônio, cou a sua igreja. Também São João e São Pedro, san- por disposição do próprio tos do povo cultuados res- Jesus, exerceu a primazia pectivamente, nos dias 13, que se estende aqueles que 24 e 29 de junho na cultura o sucederam, ao longo da e é expressão de religiosi- história, hoje exercida pelo dade popular. O primeiro Papa Francisco, em rela- santo junino é Santo An- ção ao universo de mais tônio a quem reverenciam, de 4.800 (quatro mil e oi- de maneira muito especial, tocentos) Bispos católicos, os namorados, uns invo- em todo o mundo. Estes cando-o em preces cons- santos são intercessores cientes. Veneram-no os po- nossos, nessa longa tra- bres, por lhes distribuir o vessia que fazemos entre pão de cada dia, “o pão de a história e a eternidade, Santo Antônio” que conti- porque também eles trilha- nua a ser distribuído, em ram o caminho da santida- seu nome, em todas as igre- de, conhecendo atropelos jas franciscana do mundo. e adversidade. Cada um, O segundo santo popular, de tão destacado, deu o nome, ao mês – “mês de São João”. São João Batista é um santo que tem seu nome escrito nas páginas do Evangelho e dos Atos dos Apóstolos. João Batista. João Batista é uma figura identificada por sua personalidade, como encontramos nas escrituras com os traços peculiares de sua personalidade a Jesus Cristo, ao construir, de forma comprometida, a face terrestre do Reino de Deus. As comemorações juninas estão muitos distantes desse aspecto distintivo de sua vida, a santidade que é, precisamente, o ponto a ser imitado por nós. Viva os nossos santos juninos! e no cancioneiro católi- EXPEDIENTE Diretor Geral Monsenhor João Batista Diretor de atendimento aos Benfeitores: Jurandi Nunes Jornalista Responsável: Mário de Freitas - MTB 36.907 Revisões e Correções Pe. Carlos Lozada Edson Filipe Diagramação José Andrade Alves Publicação mensal da Paróquia: Santuário São José Operário Rua Alfredo Ometecídio, 32 Cep.: 05869-170 Capão Redondo- SP www.santTuearli.o5sa8o7jo3s-e2o0pe0r9ario.org.br santuario@santuariosaojoseoperario.org.br O teor das matérias é de responsabilidade de seus autores. Todas as pessoas são voluntárias Festa da Eucaristia po e sangue de Cristo remonta mentos e foi instituído na Úl- ao século Xlll. Esta solenida- tima Ceia, quando Jesus disse: de litúrgica foi Instituída pelo “Este é o meu Corpo… Este é Papa Urbano IV(1262-1264), através da bula “transiturus”, de 11 de Agosto de 1264, para ser celebrada na Quinta-feira após a festa da Santíssima Trindade, que acontece  no domingo depois de Pentecostes. Urbano IV, antes de ser escolhido Papa, foi Cônego de Liége (Bélgica) e se chamava Tiago Pantaleão de Troyes, o mesmo que recebeu o o cálice do meu Sangue… fazei isto em memória de mim” (Mt 26,26). Quem pediu que nós ao longo dos tempos e da história celebrássemos s Eucaristia foi o próprio Cristo.  A Igreja católica cumpre este mandato até hoje, para perpetuar a presença salvadora de Jesus na história.   O texto bíblico mais evidente e claro sobre a doutrina da Eucaristia é o capítulo 6 de São João. segredo das visões da Freira Ju- Todo ele é um discurso euca- liana de Liége, que pedia uma rístico de Jesus que disse “Eu No dia 15 de Junho, celebraremos a solenidade de “Corpus Christi”. festa da eucaristia no calendário litúrgico. Esta solenidade entra no calendário litúrgico da Igre- sou o pão vivo descido do céu. Quem come a minha carne e bebe o meu sangue permanece A expressão latina “Corpus Christi” tão utilizada nesta ocasião significa Corpo de Cristo. É uma festa que celebra a presença real e substancial de ja para evidenciar e enfatizar a presença real do Senhor Jesus no pão e no cálice consagrados. Conta à história que um sacerdote chamado Pedro de Praga, em mim e eu nele” (Jo 6, 56). A Eucaristia é a realização da promessa de Jesus que disse: “Eis que estarei convosco até a consumação dos séculos” (Mt 28). Cristo na Eucaristia. É realizada na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade que, por sua vez, acontece no domingo seguinte de Pente- muito piedoso e zeloso pastoralmente, vivia angustiado por dúvidas sobre a presença real No antigo testamento o povo foi alimentado pelo Maná, no deserto. Hoje, é alimentado de Cristo no pão consagrado.  com o próprio corpo e sangue Decidiu então ir em peregrina- de Cristo. Jesus, Pão do céu e costes. É uma festa de preceito, ção ao túmulo dos Apóstolos médico celeste que cura e liber- isto é, devemos participar da Pedro e Paulo em Roma, para ta todos aqueles que o buscam. celebração da Missa neste dia. pedir o dom da fé. Ao passar Só ele é capaz de preencher A procissão pelas vias públicas por Bolsena (Itália), enquan- os nossos vazios existenciais atende a uma recomendação do Código de Direito Canônico (Cân. 944) que determina ao Bispo diocesano que a providencie, onde for possível, “para testemunhar publicamente a veneração para com Santíssima Eucaristia, principalmente na solenidade do Corpo de Sangue de Cristo”.  É recomendado que nestas datas, a não ser por causa grave e urgente, não se ausente to celebrava a Santa missa, foi novamente acometido pela dúvida. Na hora da consagração veio-lhe a resposta em forma de milagre: A sagrada hóstia branca transformou-se em carne viva, respingando sangue, manchando o corporal (pano branco no qual é colocado as sagradas espécies consagradas), o sanguíneo (paninho de limpar o cálice)  e a toalha do altar. Por e plenificar nossa vida. Façamos parte do seu discipulado! A vida cristã consiste em viver em Jesus Cristo, com Jesus Cristo e por Jesus Cristo neste mundo, ou seja, fazer da vida uma Eucaristia para os irmãos, como Fez o Senhor Jesus.  Que o Senhor Jesus, visibilizado pelo dom celestial da Eucaristia, aben- çoe nossas famílias e todo o nosso povo brasileiro. da diocese o Bispo (Cân. 395 SS3). Em muitas cidades portuguesas e brasileiras é costume ornamentar as ruas por onde solicitação do Papa Urbano IV, os objetos milagrosos foram para Orvieto em solene procissão. Esta foi a primeira procis- Card. Dom Orani João Tempesta Arcebispo Metropolitano do - Rio de Janeiro passa a procissão com tapetes são. Em 11 de Agosto de 1264, ANUNCIE AQUI de colorido vivo e desenhos de o Papa lançou de Orvieto para inspiração religiosa. Esta festi- o mundo Católico o preceito vidade de longa data se consti- de uma festa solene em honra Este espaço está reservado para você! tui uma tradição no Brasil, principalmente nas cidades históricas, que se revestem de práticas antigas e tradicionais e que são embelezadas com decorações de acordo com costumes locais. A origem da solenidade do Cor- do corpo e sangue do Senhor.  A festa de “Corpus Christi”, é um convite para uma meditação sobre o valor e a importância da Eucaristia em nossa vida. A Eucaristia é um dos sete Sacra- 5873-2009 santuario@santuariosaojoseoperario.org.br Faça-nos uma visita na Secretaria do Santuário www.santuariosaojoseoperario.org.br

[close]

p. 3

Junho - 2017 Jornal São José Operário Com Jesus somos mais que vencedores Página-3 Construção da Casa de Recuperação São José Operário Conheça um pouco da história e local onde será construida. OMonsenhor João Batista, pediu para o Missionário Thiago, contar um pouco da história e local onde será construída a Casa de Recuperação São José Operário. O projeto Mãe que Acolhe foi fundado no dia 15 de Janeiro de 2007, pelo Padre Valdir Rodrigues de Brito e pelo Casal Consagrado e Missionário Thiago e Rita Colares. Após variadas experiências com retiro para jovens, casais, aonde a problemática das Drogas se acentuava cada vez mais. E a confirmação para iniciarmos este trabalho veio após uma experiência no ano de 2005 na Fazenda da Esperança em Guaratinguetá – SP, com os fundadores Nelson e Frei Hans. O Projeto Mãe que Acolhe é FILIADO a Caritas Diocesana de Campo Limpo e Administrado pela Comunidade Católica Missionária Senhor dos Passos, aonde tem sede PRÓPRIA no Município de Juquitiba – SP. O que é o Centro Terapêutico Mãe que Acolhe? A proposta do Projeto Mãe que Acolhe é a de recuperar pessoas dependentes de álcool e drogas defendendo sempre a liberdade que temos a escolher e construir nosso destino. Sobre o projeto através da ação evangelizadora e Missionária da CCMSP, que tem como Carisma “ir a todos” queremos mais concretamente assumir os sofrimentos e as dificuldades de nossos irmãos, sobretudo aqueles que sofrem com dependências químicas, que tem destruído e continua a destruir não só a vida dos jovens, mas de seus familiares. Por este motivo, e com nossa Mãe Espiritual Beata Madre Tereza de Cal- cutá queremos assumir os “pobres de Deus, nossos irmãos” para que com o nosso pouco, possamos aliviar as dores e sofrimentos destes nossos irmãos, se fazendo assim “tudo para todos”. Madre Tereza, nossa inspiração todo o Projeto Mãe que Acolhe é inspirado na vivência Evangélica da Santa “Madre” Tereza de Calcutá, que deixou seu Convento em busca de servir a Cristo nos mais necessitados, nos irmãos esquecidos pela sociedade. Pode acontecer que não sejamos capazes de dar muitos, mas se alegria os 10 anos de fundação. Para esta festa esteve presente conosco em nosso Sítio São João Paulo II, o Bispo Emérito Dom Emílio Pignoli, que presidiu a Santa Missa e abençoou a Pedra Fundamental do Refeitório do Centro Terapêutico que receberá o nome de Dom Emílio como agradecimento por seu apoio desde o início de nosso Projeto. Este Refeitório será construído com a colaboração dos casais do ECC de nossa Diocese de Campo Limpo. Após a bênção encerramos com a Costela no Chão, um almo- no entanto oferecermos as ço beneficente para o iníalegrias que brotam de um cio das obras do Refeitório coração, de amor a servi- Dom Emílio Pignoli. Agraço de Deus, é a intensidade decemos aos que estivedo amor que colocamos em ram conosco prestigiando nossos gestos, que os torne este evento, agradecemos algo belo para Deus”. Santa aos nossos colaboradores, “Madre” Tereza de Calcutá amigos e padrinhos durante Projeto Mãe que Acolhe faz estes 10 anos, e agradece10 anos! No último dia 15 mos aos filhos Acolhidos e de Janeiro, o Projeto Mãe seus familiares que fazem que Acolhe celebrou com nossos trabalhos valerem www.santuariosaojoseoperario.org.br a pena! Deus abençõe cada um! O que fazemos? Nosso Centro Terapêutico acolhe somente dependentes do sexo masculino, com faixa etária de 18 a 50 anos de vida. Atualmente atendemos 38 vagas, temos como meta para 2018 atendermos um total de 72 vagas. O Método do Trabalho Terapêutico dentro do CT é fundamentado em um tripé: Trabalho, Convivência e Espiritualidade. Onde o Trabalho irá ajudar os acolhidos na valorização do seu esforço, de buscar na dignidade sua reintegração a sociedade; na convivência entre pares, a solucionar os conflitos gerados no dia a dia, igualmente enfrentarão em suas casas, trabalho e lazer; na espiritualidade este encontro com Deus e consigo, a busca pelo equilíbrio de suas emoções, a cura de traumas e feridas causadas antes ou depois da drogadicção. As atividades terapêuticas são todas voltadas para mudanças de hábitos, concentração, restauração física, aprendizado cultural e motivacional, atividades pacificadoras e de entrosamento do grupo, e nossa filosofia é Católica Apostólica Romana. Caso precise de mais informações sobre o Plano Terapêutico, a triagem e o acolhimento, entre em contato conosco: Contatos: (11) 4683-3973 4681-5145 / 99870-4347 Missionário Thiago

[close]

p. 4

Página-4 Jornal São José Operário Com Jesus somos mais que vencedores Sua Palavra e Seu Corpo Junho - 2017 OSenhor, vosso Deus, vos nutriu com o maná, que vós não conhecíeis” (Dt 8, 2) Estas palavras de Moisés referem-se à história de Israel, que Deus tirou do Egito, da condição de escravidão, e por quarenta anos guiou no deserto em direção à terra prometida. Uma vez estabelecido na terra, o povo eleito chega a uma certa autonomia, um certo bem-estar, e corre o risco de esquecer os tristes acontecimentos do passado, superados pela intervenção de Deus e Sua infinita bondade. Por isso, as Escrituras os exortam a recordar, fazer memória de todo o caminho feito no deserto, no tempo de fome e desconforto. O convite de Moisés é o do retorno ao essencial, à experiência da total dependência de Deus, quando a sobrevivência foi confiada em suas mãos, para que o homem compreendesse que “ele não vive somente de pão, mas de toda palavra que sai da boca do Senhor “(Dt 8, 3). Além da fome física que homem traz dentro de si, há uma outra fome, uma fome que não pode ser satisfeita com alimentação normal. É a fome de vida, fome de amor, fome de eternidade. E o sinal do maná – como toda a experiência do Êxodo – continha em si também esta dimensão: era a figura de um alimento que satisfaz esta fome profunda que há no homem. Jesus nos dá esse alimento, mais do que isso, é Ele mesmo o pão vivo NAKA C. R. C. 104884 CONTABILIDADE Assuntos Fiscais Assistência Jurídica Serviços de Contabilidade Fones: 5872-1466 - Email: sen100@uol.com.br Rua Abílio César, 299 - CEP 05881-020 Capão Redondo - São Paulo / SP que dá vida ao mundo (cf. Jo 6,51). Seu corpo é verdadeira comida sob as espécies do pão; o Seu sangue é verdadeiramente bebida sob as espécies do vinho. Não se trata apenas de um alimento com o qual sacia os nossos corpos, como o maná; o Corpo ofertas de alimentos que não são do Senhor e que, aparentemente, satisfazem mais. Alguns são nutridos pelo dinheiro, outros com sucesso e a vaidade, outros com poder e orgulho. Mas a comida que nos alimenta e que realmente nos satisfaz é “Não se trata apenas de um alimento com o qual sacia os nossos corpos, como o maná; o Corpo de Cristo é o pão dos últimos tempos, capaz de dar vida, e vida eterna, porque a substância deste pão é o amor” de Cristo é o pão dos últimos tempos, capaz de dar vida, e vida eterna, porque a substância deste pão é o Amor. Na Eucaristia se comunica o amor de Deus por nós: um amor tão grande que nos alimenta com o Seu próprio ser; amor gratuito, sempre disponível a cada pessoa com fome e necessitada de revigorar suas forças. Viver a experiência da fé significa deixar-se nutrir pelo Senhor e construir a própria existência não sobre bens materiais, mas sobre a realidade que não perece: os dons de Deus, a Sua Palavra e Seu Corpo. apenas aquela que o Senhor nos dá! O alimento que o Senhor nos oferece é diferente dos outros, e talvez ele não pareça tão saboroso como os alimentos que nos oferece o mundo. Por isso, sonhamos com outras refeições, como os judeus no deserto, que lamentavam pela carne e as cebolas que comiam no Egito, mas eles esqueceram que as refeições eram feitas na mesa da escravidão. Eles, nos momentos de tentação, tinham memória, mas uma memória doente, uma memória seletiva. Se olharmos à nossa volta, Cada um de nós, hoje em percebemos que há tantas dia, pode perguntar-se: e eu? Onde gostaria de comer? Em qual mesa eu quero me alimentar? Na mesa do Senhor? Ou sonho em comer alimentos saborosos, mas na escravidão? Qual é a minha memória? Aquela que o Senhor me salva, ou aquela do o alho e das cebolas da escravidão? Com qual memória sacio a minha alma? O Pai nos diz: “Eu te alimentei com o maná que você não conhecia”.  Recuperamos a memória e aprendamos a reconhecer o pão falso que ilude e corrompe, porque é fruto do egoísmo, da autossuficiência e do pecado. A  Hóstia é o nosso maná, mediante a qual o Senhor nos dá a Si mesmo. A Ele nos dirijamos com confiança: Jesus, defenda-nos das tentações do alimento mundano que nos torna escravos; purifica a nossa memória, para que não permaneça prisioneira na seletividade egoísta e mundana, mas seja memória viva de tua presença na história de seu povo, memória que se faz “memorial” do teu gesto de amor redentor. Amém. Papa Francisco Boletim da Santa Sé Realizamos serviços de reparos e reformas: Acabamento, Pintura, Hidráulica e Elétrica. Instalação de Porta Lisa ou Camarão, Pintura e Aplicação de Textura, Colocação de Papel de Parede e Recuperação de Móveis. Consulte-nos Tel.: 5873-3506 - Cel.: 99280-6409 Contato: rrreparos@outlook.com Ricardo ou Regina rrpradoreformas www.santuariosaojoseoperario.org.br ANUNCIE AQUI Este espaço está reservado para você! 5873-2009 santuario@santuariosaojoseoperario.org.br Faça-nos uma visita na Secretaria do Santuário

[close]

p. 5

Junho - 2017 Jornal São José Operário Com Jesus somos mais que vencedores Página-5 Esta angustiado, triste e preocupado? Só Deus basta. Amigos do San- tuário, nada existe que es- cape a Deus, nada pode impedir seu amor, pois Ele quer que toda a hu- manidade se salve. Meus irmãos e amigos, Deus não rejeita ninguém . Mesmo antes de sermos chamados a salvação, somos todos objetos do amor eterno de Deus. Mas só depende de nós aceitarmos os convites que Ele nos faz e dedi- carmos nossa existência aos valores que não se extinguem: como os do Evangelhos… Meus amigos, parece inacreditável abandonarmos nossa fé por causa do dinheiro, uma novela ou uma partida de futebol!. Jesus nos disse uma coisa muito sábia: “ONDE ESTÁ O TEU TESOURO, LÁ TAMBÉM ESTÁ O TEU CORAÇÃO” (Lc 12, 34). se por exemplo, ao invés de ir a uma aula de catequese, a um culto, vamos ao cinema. O mais importante para nós, é o cinema… Podemos até tentar nos enganarmos com desculpas de que precisamos nos divertir, mas no fundo sabemos que não damos o devido valor ao Grande tesouro. Embora estejamos cons- cientes do valor do Reino de Deus, deixamos para depois a renúncia de determinados hábitos e de formas erradas de comportamento. Me dá a impressão que perdemos um tempo precioso de vivermos uma qualidade de vida e de cultivarmos a alegria, de nos dedicarmos ao Reino de Deus. Meus amigos, abramos os nossos olhos… não nos deixemos dominar por valores que nos leva a perdição. Busquemos a Cristo. Mudemos de vida e de atitudes. Somente Cristo é o nosso ideal de vida eterna… já é hora de mudarmos tantas coisas dentro do nosso catolicismo e de nossas igrejas locais que não estão nos ajudando para ser cristãos responsáveis… Olhamos demasiados o secundário e deixamos de lado o principal… diz o Cristo Salvador: “ CONDUTORES CEGOS! COAIS UM MOSQUITO E ENGOLIS UM CAMELO” (Mt 23, 24). meus queridos amigos, o mal de tudo isso, é que estamos convertendo muitas práticas religiosas em meros espetáculos e exibicionismo e triunfa- lismo… amigos, denunciemos e evitemos tudo aquilo que nos possa ferir a essência do nosso catolicismo, e do nosso cristianismo. Sejamos autênticos… Nada de falsidade, hipocrisias (dizer uma coisa e fazer outra…). Não convertamos as nossas orações, as nossas festas religiosas, as nossas devoções a Maria ou a qualquer santo, em algo vazio, é algo humano aonde o que menos nos interessa é Deus e a Pessoa de Cristo… eu sempre acreditei que muitas vezes, nos faltam coragem para demonstrar publicamente o que somos ou o que queremos sê-lo… é urgente, urgentíssimo, que nos agarremos fortemente somente ao essencial, do nosso cristianismo ou da mensagem que nos trouxe Jesus Cristo. E o nosso essencial, a nossa meta e o nosso único ideal é Cristo e a Sua Palavra Bíblica. É quase necessário que todos unamos o humano com o divino. O essencial e o secundário… todos tem o seu valor essencial para todos e cada um de nós. QUANDO MAIS EN- TENDEMOS O AMOR DE DEUS POR NÓS, MAIS AMOR DE- MONSTRAMOS AOS OUTROS… Um abraço fiel do amigo Pe. Nilson da Silva Vigário Paroquial EAsmpaaçnohã - Cyber Café - Tai Chi Chuan - Acumpultura - Florais - Massoterapia BISCUIT - PROMOÇÃO: 1ª AULA GRÁTIS Refrigeração Bom Clima Assistência Técnica Especializada Câmaras e Balcões Frigoríficos, Freezer, Geladeiras e Máquinas de Lavar Telefone: 5873-2618 Av. Comendador Santana, nº 959 Tel. 5873-3032 / 9308-1486 - Sr. Augusto R. Marco Basaiti, nº 8 - Capão Redondo www.santuariosaojoseoperario.org.br

[close]

p. 6

Página-6 Jornal São José Operário Com Jesus somos mais que vencedores Junho - 2017 Construção da Casa de Recuperação São José Operário, com bênção da Pedra Fundamental e início da construção Firmação do compromisso Monsenhor com a Pedra Fundamental nas mãos Monsenhor asperge com água benta Local da construção A Pedra Fundamental já foi coberta com a terra www.santuariosaojoseoperario.org.br

[close]

p. 7

Junho - 2017 Jornal São José Operário Com Jesus somos mais que vencedores Página-7 Testemunho Testemunho do “Filho” Lucas que esteve em tratamento conosco, ele que é Paroquiano da Paróquia Nossa Senhora das Graças (Padre Nelson). E VOCÊ tem grande parcela do tratamento deste filho. Juquitiba 18 de Abril de 2017 “Meu Deus todos os dias eu me pergunto por que me entreguei ao pecado se a tua casa sempre foi o meu refúgio. Bênção da Pedra Fundamental Pois todas as vezes que falo com o Senhor alegre fica o meu coração, mas infelizmente por um momento que eu me esqueci de ti, cai nessa vida de ilusão. Todos os dias ao me olhar no espelho, vejo como estou arrependido, por ter abandonado a sua casa e entregado a minha vida ao inimigo, eu já não aguentava mais chegar em casa bêbado, drogado e ver minha mãe triste a chorar, então dobrei meus joelhos, o Senhor me deu conselhos e vi que já era hora de parar. Colocação da Pedra Fundamental Hoje sou muito grato a ti Senhor, por ter me guiado até aqui, no Mãe Que Acolhe, que acalmou o meu coração, que acreditou em mim e me levantou do chão, por ter me reensinado a andar no caminho certo. A não tomar atitudes desesperadas quando estiver passando por um deserto. Por erguer minha cabeça, por fazer eu parar de murmurar. Por ter me ensinado que a vida com Jesus é muito mais feliz, por a me amar. Obrigado equipe terapêutica: Tiago, Jéssica e Rita, graças a vocês e ao Projeto, saio daqui com 7 meses e 12 dias, um homem novo e restaurado, obrigado pela oportunidade que vocês me deram e vou abraçar com muito amor, quero crescer junto com esse Projeto maravilhoso de Deus”. Que Deus abençoe vocês e ao Padre Valdir. Membros do Conselho Paroquial do Santuário e os que moram nas Casas de Recuperação já construídas www.santuariosaojoseoperario.org.br Amo vocês. Ass: Lucas Vinicius (Gordão)

[close]

p. 8

Página-8 Jornal São José Operário Com Jesus somos mais que vencedores Junho - 2017 PROGRAMAÇÃO DA PARÓQUIA SANTUÁRIO SÃO JOSÉ OPERÁRIO www.santuariosaojoseoperario.org.br

[close]

p. 9

Junho - 2017 Jornal São José Operário Com Jesus somos mais que vencedores Página-9 Eu adoro Jesus na Eucaristia em que outros comigo podem fazer também adoração; Posso me aproximar dele sozinho, só nos dois. Então Jesus que me ensinou a procurá-lo sozinho vai me ensinar a estar com Ele todo tempo. Precisamos também de tempo reserva- do para estar com Ele. Até para nossa saúde psicológi- Caros irmãos, prazer conversarmos mais um pouco sobre ca precisamos reservar tempo para a Paz, para o sono, para o descanso. Também para nossa saúde espiritual nossa vida madura na fé. precisamos do encontro com Jesus, no silêncio. Costu- Hoje gostaria de falar mamos dizer que Jesus não um pouco sobre nossa con- é surdo e não precisamos versa com Jesus, e mais do falar alto para Ele nos ouvir que conversa, sobre adoração quando falamos com Ele. ao Santíssimo Sacramento. Nossos momentos Quantos momentos da de adoração ao Santíssimo nossa vida temos para ado- Sacramento devem ser mo- rar a Jesus na Hóstia Consa- mentos em que Ele fale co- grada! Em nossa paróquia, nosco e nós com Ele. Nos- alguns momentos são ofi- so coração precisa sentir ciais e outros são espontâ- sua presença e não vai ser neos, que podemos chegar na tempestade, na trovoada na igreja e mesmo sozinhos, (cf. Jó 4,15) Ele vai nos ou- isto é, com Jesus adorá-lo. vir na bonança (cf Jó 4,16). Nas 2ª feiras às 19h30, após a missa. Nas 5ª feiras das Gostaria de introdu- 17h às 18h. São momentos zir neste trecho o que o Ca- com Jesus que podemos ma- tecismo da Igreja Católica nifestar nossa fé. A fé de que no parágrafo 448 nos diz: na hóstia consagrada exposta no altar, no Ostensório, é Jesus vivo, que nos escuta, nos consola, nos orienta e nos mostra o amor e a misericórdia de Deus por nós. “Bem cedo, nos Evangelhos, determinadas pessoas se dirigem a Jesus chamando-o de “Senhor”. Este título exprime o respeito e a confiança dos que se ache- Acreditando nisso, gam a Jesus e esperam dele vamos todos os dias que po- ajuda e cura. Sob a moção demos para realizar esta fé do Espírito Santo, ele ex- Alcoólicos Anônimos que temos e que tanto bem prime o reconhecimento do faz, aos que o procuram Mistério Divino de Jesus. unidade serviço Fundada: 10/06/1935 assiduamente no Sacrário. No encontro com Jesus res- recuperação ( Grupo Reconstrutores de Vida de A. A. ) suscitado, ele se transforma Formado: 22/07/1973 Se alguém que você conhece estiver com problemas com bebidas Alcoólicas ‘ Procure-nos ’ Então nos momentos em expressão de adoração: que sinto necessidade de es- “Meu Senhor e meu Deus!” tar com Ele, falar com Ele (Jo 20,28). Assume então Reuniões: 2ª, 3ª, 4ª, 6ª às 20h - Sábado às 19h e pedir conselhos a Ele me uma conotação de amor Informações: 3315-0216 / 3315-0040 dirijo a igreja, que pode ser e afeição que tornar-se-á Rua Abílio César, 26 Sala 05 nestes momentos de ado- peculiar à tradição cristã: CEP: 05881-020 Jd. Soraia - Capão Redondo - SP DESDE JANEIRO /2016 ração ou fora do momento “É o Senhor! (Jo 21,7).” www.santuariosaojoseoperario.org.br Percebemos que adorar Jesus, “O Senhor” é o mesmo que adorar na Hóstia Consagrada. Mesmo porque Jesus nos diz “Isto é o meu Corpo”, é Ele mesmo. Quando vamos para este momento dizemos: Adoração a Jesus no Santíssimo Sacramento. Neste momento encontramos o próprio Jesus. Quão bonito e importante este momento para perdermos tempo, deixando de ouvi-lo enquanto falamos. O encontro com o Senhor, agora, é para sentar próximo dele e deixar o nosso ouvido pronto para ouvir, agora e conseguir ouvir depois no dia a dia e nos momentos conturbados que o dia pode nos se apresentar. Como num transito, no escritório, no estudo, na lida do dia. Nestes momentos com mais facilidade ouvirei sua voz porque habituamos nosso ouvido a ouvi-lo bem. Entre tantos sons estaremos melhor preparados para este som que não precisa ser sonorizado no nosso exterior, bastando que ele se faça no nosso ouvido espiritual. Neste momento nos colocamos nas casas com Jesus, com Marta, Maria e Lázaro que tem esta oportunidade. Cf. Lc 10,38, e no acolhimento dos discípulos ouvindo Jesus falar-lhes nas retiradas para em particular ensinar as coisas da vida e do Pai cf. Mt 5,2. Aproveitemos bem estes momentos. Tanto os momentos promovidos com outros irmãos quanto os que estivermos sós com Ele Pe. Wagner Fernandes Padre Aux. do Sant. São José Operário

[close]

p. 10

Página-10 Jornal São José Operário Com Jesus somos mais que vencedores ANUNCIE AQUI Este espaço está reservado para você! 5873-2009 santuario@santuariosaojoseoperario.org.br Faça-nos uma visita na Secretaria do Santuário Junho - 2017 MELLO FARMA DROGARIAS Medicamentos e Perfumaria em geral Telefone: 5872-6763 Rua Abílio Cesar, nº 3 Capão Redondo - SP CAFÉ COHAB Maria Rodrigues Vieira Panificadora Pães, Doces, Salgados Bolos,Tortas e muito mais Aceitamos encomendas Rua Abílio Cesar, nº 179 - Jd. Jangadeiro LOJAS KENZO Enxoval para bebê e roupa infantil Tel.: 5873-2620 Av. Comendador Santana, nº 957 Capão Redondo - SP MELLO FARMA DROGARIAS MELLO - 2 MEDICAMENTOS E PERFUMARIA EM GERAL Disk-entrega grátis 5873-8309 5873-8094 9.4642-6669 R. Henrique Sam Mindlin, nº 39 Capão Redondo - SP ADVOCACIA * Civil * Trabalhista Arabela Santos (Advogada) * Família * Criminal e Empresarial * Aposentadoria E-mail: arabelasantos@uol.com.br RUA JOÃO ROBALO, 17 - JD SORAYA SÃO PAULO - CEP 05881-000 FONE/FAX 5873-4588 / 5873-2320 - CEL. 9136-9382 ANUNCIE AQUI Este espaço está reservado para você! 5873-2009 santuario@santuariosaojoseoperario.org.br Faça-nos uma visita na Secretaria do Santuário www.santuariosaojoseoperario.org.br

[close]

p. 11

Junho - 2017 Jornal São José Operário Com Jesus somos mais que vencedores Página-11 Os mais sinceros votos de Paz aos Dizimistas do mês de Junho/2017 SANT. DIOC. SÃO JOSÉ OPERÁRIIO ELZA P. COELHO DOS ANJOS LINDAILZA DOS SANTOS MARIA NILDA MENEZES ANDRÉ LUIS P. DE ANDRADE AGEMIRA M. VASCONCELOS ERICA CRISTINA S. GAMA LINDALVA PAULINA MARIA NILZA COSTA SANTOS ANTONIA SORES NASCIMENTO AILTON RODRIGUES DA SILVA ESTELINA C. DE L. OLIVEIRA LUCAS RIBEIRO DOS SANTOS MARIA SEBASTIANA DIAS LOPES ANTONIA SOARES SILVA ALAN MOREIRA HONORATO EULALIA RIBEIRO MACHADO LUCIANA DE FÁTIMA GAMA DA SILVA MARIA SUELI MOTA GONÇALVES ANTONIO PAULO R. DA SILVA ALCIDA PEREIRA DA SILVA LIMA EVERALDO DA SILVA LICURGO LUCINÉIA FELIPE DOS SANTOS MARIA TEODORA DA SILVA BENIZETE ALVES DIAS ALEX MOREIRA FREIRE EVILEN COELHO MARIANO LUCINEIDE DA CONCEIÇÃO MARTINS MARIA VANILDA DA ROCHA CORINA Mª DE ARAÚJO SILVA AMANDA RODRIGUES GOMES FABIO EDUARDO NEVES LUIS CARLOS SANTOS MARIZETE C. DOS REIS SEPULVIDA EDNOLIA ELIAS SANTOS AMARO MANOEL DE OLIVEIRA FÁTIMA MAGALHÃES CHAVES LUIS FABIO DA SILVA MARTA HELENA L. OLIVEIRA FRANCISCA DE FÁTIMA A. DE SOUZA AMILSON RAMOS DE MORAES FÁTIMA MARIA COELHO LUIS CARLOS DE SOUSA MATEUS DE LIMA LEITE GABRIELLE CARVALHO CARDOSO ANA CLARA CLARINDA DOS SANTOS FLAVIA VALÉRIA DA CONCEIÇÃO LUIZA ALVES DE CASTRO NAIR ROSA SILVEIRA GILMAR CAIAFA DE ARRUDA ANA FERRREIRA CAMPOS DOS SANTOS FRANCIELDO DUARTE DE OLIVEIRA LUZIA DO CARMO DA SITRA NILDINHA DE JESUS SANTANA IRENE FERREIRA DE LIMA ANA MARIA PIRES MAROTTA FRANCISCA DE SOUSA FERREIRA MANOEL RODRIGUES DOS ANJOS NOEMIA BARBOSA DOS SANTOS JAIR SARAIVA MARTINS ANA MOURA DA SSILVA FRANCISCA ELIANE COSTA PAIVA SOUZA MARCIA CRISTINA DE A. ANULINO NONATO CESAR VICENTE MUNIZ JEFFERSON SOUZA PEREIRA ANA TEREZA LISBOA FRANCISCA FERNANDES BEZERRA MARCO AURÉLIO FABRIS OSMAR ROGÉRIO ROCHA JOANA JOAQUINA DE SOUZA ANANIAS DE PAULA FRANCISCO ANULINO SOBRINHO MACOS ANTONIO PEREIRA SANTOS OTACILIO ANDRADE DE CARVALHO JOÃO ANTONIO MAGALHÃES ANANIAS OLIVEIRA GOMES FRANCISCO CHARLES ALVES MARGARIDA GOMES DA SILVA PAULINO MANOEL DOS SANTOS JOSEFA MARIA DOS SANTOS ANDERSON CORDEIRO DE A. JUNIOR FRANCISCCO DE ASSIS M. SANTOS MARIA ALVES DO NASCIMENTO PAULO CESAR FARIAS DE AQUINO KARLA KAROLINE DA COSTA BRITO ANTONIA DAS GRAÇAS CARDOSO DE SÁ FRANCISCO FERREIRA DA SILVA FILHO MARIA ALZIRA P. DOS SANTOS PAULO JOSÉ DO NASCIMENTO KELLY ELIAS DOS SANTOS ANTONIA DE FAVARI TONASSI FRANCISCO LICURGO MARIA AP. JESUS DE MARIA PAULO LUCINDO DO CARMO LUCIMAR BARBOSA DOS SANTOS ANTONIO ERIVALDO FRANCISCO QUINTINO MARIA AP. SANTOS KRUGER PEDRO MARTINS DE SOUSA MARIA AMÉLIA ANTONIOMARCOS C. DOS SANTOS FRANCISCO RODRIGUES DA SILVA MARIA APARECIDA C. D. QUERUBINA L. VENÂNCIO MARIA ARLENE PEREIRA FALCÃO ANTONIO RAMALHO DOS SANTOS FRANCISCO TRINDADE MOREIRA MARIA APARECIDA DE JESUS QUITÉRIA A. PINHEIRO CARVALHO MARIA DOMINGOS MARTINS ANTONIO ROBERTO DE CAMPOS GESIANE PINHEIRO DOS SANTOS MARIA APARECIDA RAMALHO RAFAELA GOMES SANTOS MARIA ESTELA FELIX DA SILVA ARLINDA ELISA MORGADO JANUÁRIO GIVANILZA DOS SANTOS MARIA BERNADETE GOMES DOS ANJOS RAIMUNDA ANDRADE TEIXEIRA MARINA FERNANDES BENEDITO ARCANJO VIEIRA GUSTAVO HENRIQUE DIAS PAIVA MARIA BERNADETE VENANCIO MEIRELES RAIMUNDA RODRIGUES CHAGAS MARINA FONSECA ALVES BRUNA EVELINE DE SOUZA ILDACI ALVES DIAS MARIA CABRAL DE OLIVEIRA RENATO ALVES SANTOS NICOLY CARVALHO COSTA CARLOS APARECIDO PEREIRA INES SOUSA DE OLIVEIRA MARIA CARMELUCIA DE O. CUSTÓDIO RENATO J. DA SILVA REGINA LUCIA FELICIO DE OLIVEIRA CARLOS DENIS IRAILDE PEREIRA DE SOUZA MARIA DA SILVA DIAS ROBSON APARECIDO DE LIMA REINAL JOSÉ DOS SANTOS CARMEM SILVIA DA SILVA IRENE SERGIO DE SOUZA MARIA DAS DORES M. SILVA ROSA KEIKO ROBERT FELIPE COSTA PESSOA CELINA MARINHO PEREIRA ISABEL DA SILVA SOUZA MARIA DAS DORES SARAIVA ROSA MARIA RAMOS ALVES CHARLES DOS SANTOS JAILSON JOSÉ LINO DOS SANTOS MARIA DAS GRAÇAS BENTO SILVA SARA DE JESUS MIRANDA CAPELA SÃO VOCENTE CLAUDIA ALMEIDA SANTOS JANETE C. C. STAPF MARIA DE L. DA SILVA SEBASTIÃO PAPILE AILTON JOSÉ DE SOUZA CLAUDIA DE ALMEIDA JEROLINA FERNANDES DA SILVA MARIA DE LOURDES D. NASCIMENTO SELMA CASTELANELLI DE AZEVEDO ARLINDA LOPES VIEGAS CLECIA ALVES DA FONSECA JOANA MARIA DE LANA MARIA DE LOURDES DA SILVA SHIRLON GONÇALVES DA SILVA DULCE DE FÁTIMA RIBEIRO SUZART CONCEIÇÃO CLAUDIO DOMINGOS JOANITA CORDEIRO MARIA DE LOURDES DE JESUS SOCORRO DE SOUZA BATISTA EUNICE COSTA PRADO CREUZA ALVES JOÃO BATISTA R. DA ROCHA MARIA DE LOURDES DOS REIS OLIVEIRA SONIA REGINA DE ANDRADE GILMARIO ROSA DE JESUS CRISTIANA CASAES JONY RODRIGUES MARTINS MARIA DE LOUREDES SILVA AVELINO SUELI APARECIDA PAULA DA SILVA JOSÉ MARCIO l. FARIA CRISTIANA GONÇALVES R. PAZ JOSÉ ADÃO DA COSTA MARIA DO AMPARO DA FONSECA TARCISIO FELIX DA SILVA LENICE BESERRA DA SILVA CRISTIANE APARECIDA DE SOUSA JOSÉ IVANILDO DA SILVA MARIA DO SOCORRO LOPES COSTA TEREZA FRANCISCA V. DE MATOS LUCAS LOURENÇO SILVA DANIELA DO L. DAMASCENO JOSÉ RAIMUNDO E MARIA IRANI MARIA FACILA MARCELINO TEREZINHA LUIZA CANDIDO MARCIA FERNANDES NEVES DANIELA MAIA DA CONCEIÇÃO JOSÉ RICARDO PEREIRA MARIA HELENA PROFETA THALYTA RODRIGUES LIMA MARIA DE LOURDES SOUZA DANILO LIMA DOS SANTOS JOSÉ RONALDO RAMOS MARIA HOSANA DE FARIAS UMBERLANDO DINIZ DA SILVA MARIA DO CARMO CERQUEIRA DEUSDETE NUNES QUEIROZ JOSEFA BARRETO DINIZ MARIA IVANY BRANDÃO VAGNER R. R. DE SOUSA MARIA DO SOCORRO G. ATAÍDE DILMA FADEL JOSEFA FELIX CORDEIRO MARIA IVONETE B. DO NASCIMENTO VALCI SOARES LIMA MARIA ISABEL N. ALVES DIRCE LOPES JOSEFA GOMES DA SILVA COSTA MARIA IZABEL DOS SANTOS S. V. VALDIMIR ALVES DE OLIVEIRA OSVALDO MORAES DA SILVA DIVINA MARI SILVA JOSEFA M. DE SIQUEIRA MARIA JOANI GUEDES BARBOSA VALERIANA COSTA SENA PAULO HENRIQUE DA COSTA DJALMA FRANCISCO DE SOUZA JOSEFINA NASCIMENTO MARIA JOSÉ ALVES DE OLIVEIRA VANTUIL RAMOS DE LIMA PEDRO DE OLIVEIRA DJALMA NOVAES SANTOS JOSILAINE DE OLIVEIRA LINO MARIA JOSÉ DA CONCEIÇÃO RODRIGUES VERA LUCIA BARBOSA PEREIRA ROSELI APARECIDA DE MORAIS EDITE MARIA DE JESUS COSTA JUDITH HELENA DO NASCIMENTO MARIA JOSÉ DOS SANTOS VERONICA SANTOS DAMASCENA ROSEMAR LOURDES DA SILVA EDNALDO BARBOSA DOS SANTOS JUREMA MARIA DE LOURDES SILVA MARIA JOSÉ DOS SANTOS II WALLAS ROCHA DE SOUZA ROSIVALDO SOUZA DE MENEZES EDSON DANTAS CHAVES KAUANE AP. GONÇALVES MARIA JOSÉ MELO SILVA SANTOS WANDERLI MUNIZ DO NASCIMENTO SILVANO MONTERIO EDSON PEREIRA CANDIDO KAUÊ AP. GONÇALVES MARIA JOSÉ SANTOS WILMAR RIBEIRO DOS SANTOS SIMONE GARCIA EDVANILSON ELIAS DA SILVA LARA SOPHIA M. DE JESUS MARIA LAUDECI LINO DOS SANTOS YOLANDA NISHIMURA SONIA LIMA FLORENTINO ELENICE DOS PASSOS REIS LAURENTINO JOSÉ DE SANTANA MARIA LUCIA ARAÚJO ZENAIDE PEREIRA DE SILVA TEREZA DA SILVA DOVIGUE ELEUZA MARIA N. SILVA LEONICE GARCIA CARDOSO MARIA LUCIA PEREIRA S. FERREIRA VICTOR JOSÉ GONÇALVES ELISANGELA ALVES NOGUEIRA LEONOR PINHEIRO DA SILVA MARIA LUIZA DAMASCENO GOMES CAPELA SÃO PEDRO ELISANGELA Mª DA S. SOUZA COELHO LILIANE GOMES DE SOUZA MARIA NANCY DE AMORIM ALBERTINA OTILIA M. DE OLIVEIRA “Pagai integralmente os dízimos ao tesouro do templo, para que haja alimento em minha casa” (Malaquias 3, 10) www.santuariosaojoseoperario.org.br

[close]

p. 12

www.santuariosaojoseoperario.org.br

[close]

Comments

no comments yet