Vitrine DERA Março 2017

 

Embed or link this publication

Description

Boas práticas em Educação

Popular Pages


p. 1

DERA Diretoria de Ensino – Região de Araraquara Março de 2017 Vitrine DERA Projeto Garatéa-E Dia Mundial de Conscientização do Autismo Colheita do Projeto Horta – Eletiva Comer bem, faz bem FeCEESP 2016/2017– Technological House Projeto Horta - Colheita Dia Mundial da Atividade Física 0

[close]

p. 2

Projeto Garatéa-E DERA E.E. Prof. Odone Belline A E.E. Odone Belline foi convidada pelo Grupo Zenith, um grupo extracurricular, reconhecido formalmente pela Escola de Engenharia EESC USP- São Carlos, que desenvolve pesquisas na área aeroespacial para participar do Projeto Educacional: Garatéa-E. Nesse Projeto, os alunos do Ensino Médio e do Ensino Fundamental poderão desenvolver e testar experimentos da fronteira com o espaço. Os alunos desenvolverão PongSats e Cansats que irão compor a Carga Útil de uma sonda, a qual será monitorada e lançada pelo grupo. O objetivo do Projeto é colocar os alunos em contato com uma realidade diferente da que vivenciam no dia a dia da Escola, incentivando-os a buscar esse caminho na Ciência. 1

[close]

p. 3

DERA Dia Mundial de Conscientização do Autismo No dia 02/04 comemorou-se o dia Mundial da Conscientização do Autismo e para lembrar esta data e lutar pelos direitos destas crianças a Associação Ampara – Associação de Pais e Amigos do Autista realizou a 1ª Caminhada AMPARA, com concentração no Parque Infantil e finalizando o evento na Prefeitura. Milhares de balões azuis foram lançados ao céu para simbolizar a luta pelo direito dessas crianças. Algo extremamente significativo e maravilhoso. Tivemos a presença de muitos pais com seus filhos, nossos alunos, professores de Educação Especial,Professores Interlocutores e Professores do ensino regular. A cor azul é a cor que representa o Autismo ja que a incidência dessa deficiência é maior nos meninos! TEA é o termo utilizado atualmente para definir as crianças que possuem Transtorno do Espectro Autista, portanto, diante desta nova nomenclatura estabelecida pela Associação Americana de Psiquiatria – DSM-5 –foi excluído o termo Transtorno Global do Desenvolvimento – TGD e passaram a existir critérios clínicos diferenciados e uma nova categoria diagnóstica para definir aquilo que estamos acostumados a chamar simplesmente de “Autismo”. O Autismo não é uma doença grave e transmissível. Não possui causas específicas e não tem cura. Atualmente, estudiosos estão realizando pesquisas sobre o funcionamento do cérebro a fim de encontrar novas possibilidades de tratamento. Podemos dizer que o Autismo seria uma alteração no desenvolvimento, um transtorno neurobiológico que ocasiona dificuldades na interação social. As crianças que possuem o Transtorno do Espectro Autista necessitam de auxilio para superar suas dificuldades na relação com o outro e assim poderem se desenvolver de forma positiva. Como identificar a presença do autismo? Fique atento aos sinais:  evita contato visual (olho no olho);  apresenta interesse exagerado por um tema específico, como por exemplo: dinossauros e comunica-se e interage melhor quando fala sobre este tema;  repete cenas de filme e/ou novelas, palavras e sons fora do contexto;  apresenta aversão a barulhos e sons altos;  reage negativamente diante de qualquer contato físico; 2

[close]

p. 4

DERA  ausência de medo, diante de situações que podem expor ao risco;  compreende tudo ao “pé da letra”;  não compreende expressões que apresentam sentido figurado;  prefere brincas sozinho e sempre procura se isolar dos colegas;  não responde quando é chamado;  mexe os dedos e as mãos de maneira peculiar;  demora para falar e, quando desenvolve a linguagem, esta parece ser diferente;  realiza movimentos repetitivos sem motivo aparente;  possui ritual e rotina própria;  apresenta inflexibilidade quando ocorre a quebra da rotina. O diagnóstico do autismo é clínico e os primeiros sinais costumam estar presentes antes dos 03 anos de idade. A teoria ressalta que por volta dos 18 meses de idade já é possível realizar o diagnóstico. A partir da observação dos primeiros sinais a criança deve ser primeiramente encaminhada ao setor de Saúde Mental Infantil e, posteriormente uma equipe multidisciplinar, composta pó diversos profissionais – fonoaudiólogo, pediatra, psicólogo, neurologista – devem orientar a família sobre o tratamento adequado. É de fundamental importância, neste contexto a relação harmoniosa e positiva entre a escola e a família para um melhor desenvolvimento da criança autista. 3

[close]

p. 5

DERA E.E. Prof. Oacyr Antonio Ellero Colheita do Projeto Horta: Eletiva – Comer bem, faz bem O projeto está sendo desenvolvido com alunos dos 6º e 7º Anos do Ensino Fundamental. O objetivo é viabilizar maior conscientização sobre a importância de se adquirir novos hábitos, visando uma melhor qualidade de vida. Pretende-se envolver, além do próprio jovem, os membros da comunidade escolar e do seu entorno social. Além disso, possibilita a abordagem de diferentes conteúdos curriculares de forma significativa e contextualizada. 4

[close]

p. 6

DERA E.E. Prof. Oacyr Antonio Ellero FeCEESP 2016/2017 – Technological House O projeto Technological House foi desenvolvido na Eletiva Iniciên - Mestres da Ciência, pelos alunos Fabrício Faglione, Vinícius Messias Ferreira da Silva com orientação da professora Rita de Cássia dos Santos e selecionado pela FeCEESP 2016/2017 – Feira de Ciências das Escolas Estaduais entre os trinta projetos finalistas. A Pré-Iniciação científica foi o foco de estudo da Eletiva, visando contribuir com o projeto de vida dos alunos e assim, com seu futuro. O uso da tecnologia no dia-a-dia nos oferece possibilidades de criar projetos utilizando aparelhos que são acionados por sensores integrados a um gerenciador de sistema disponível no celular. Um simples toque na tela aciona e executa os comandos. 5

[close]

p. 7

DERA E.E. Narciso da Silva César Projeto Horta - Colheita Nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental, a horta escolar representa um espaço que pode promover múltiplas vivências entre os estudantes, além de permitir a abordagem significativa e contextualizada de diferentes conteúdos curriculares, na perspectiva da integração das diversas áreas do conhecimento e da consolidação de uma cultura da sustentabilidade. Na E.E. Narciso da Silva César a horta é vista como uma espécie de laboratório a céu aberto, um cenário de aprendizagem que é utilizado pelos diversos professores e funcionários, potencializando atividades pedagógicas junto aos alunos, que promovem entre outros aspectos, reflexões sobre hábitos saudáveis de alimentação. 6

[close]

p. 8

DERA E.E. Dorival de Carvalho Dia Mundial da Atividade Física Dia 6 de abril é comemorado o Dia Mundial da Atividade Física. Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), a inatividade física é o quarto principal fator de risco de morte no mundo e aproximadamente 3,2 milhões de pessoas morrem a cada ano em decorrência disso. A falta de atividade física é um fator de risco chave para doenças crônicas nãotransmissíveis como as doenças cardiovasculares, câncer e diabetes. No mundo, um em cada três adultos não pratica atividade física suficiente. Pensando na conscientização dos alunos e da equipe escolar, a E.E. Dorival de Carvalho realizou algumas atividades e envolveu 380 participantes. 7

[close]

p. 9

DERA Nossa página no Facebook! Visite nossa Página no Facebook e acompanhe mais ações das nossas escolas. facebook.com/deararaquara 8

[close]

p. 10

DERA Vitrine DERA Sua escola pode estar na Vitrine também! Selecione uma boa prática que auxilie na aprendizagem dos alunos ou no bem estar da comunidade e envie para dearanpe@educacao.sp.gov.br até o dia 25 de cada mês. http://deararaquara.edunet.sp.gov.br 9

[close]

Comments

no comments yet