Revista-Comercio-Industria-Abril-2017

 

Embed or link this publication

Description

Revista-Comercio-Industria-Abril-2017

Popular Pages


p. 1

1

[close]

p. 2

2

[close]

p. 3

3

[close]

p. 4

ÍNDICE EDIÇÃO N°141 - ABRIL / 2017 CAPA Casa Deliza, com loja virtual COMÉRCIO A disputa nas prateleiras CONTABILISTAS Posse no Sincoar e na Aescar HOMENAGEM Título para Jacques Benchetrit 08 10 A partir deste mês, a Casa Deliza inaugura seu programa especial de compras online com opções de entrega ou retirada de produtos. Empresários de Araraquara apostam na venda de produtos diferenciados para concorrer com preços dos grandes supermercados. Da Redação 05 | Sônia Maria Marques mostra em seu artigo que a Santa Casa da cidade deu um salto para a qualidade Editorial 07 | Jornalista Ivan Roberto Peroni faz uma avaliação dos desencontros gerados na volta da Beneficência 14 Eduardo Bonifácio Martins e Daniel Stoque Pecin assumiram as duas entidades representativas dos contabilistas na cidade. Modelo 17 | A Juniorlândia, que fica num Estado chamado Objetivo Júnior, acaba de eleger seu novo prefeito: João Pedro 19 Um dos fundadores da Fundecitrus, recebe merecidamente o título de Cidadão Araraquarense, da Câmara Municipal. Aniversário 33| A Ótica Lupo, centenária loja da cidade, mostra uma história de luta e trabalho de Edmundo Lupo Autora do hino recebe homenagem Dia 21 de março é comemorado o Dia do Hino de Araraquara. A fim de celebrar os 200 anos da cidade, na data, o Museu Histórico e Pedagógico Voluntários da Pátria realizou merecidamente uma homenagem ao Hino de Araraquara e à sua autora, Aparecida de Jesus Godoy Aguiar. A atividade – realizada pelo Lions Clube de Araraquara Fonte Luminosa, em parceria com a Secretaria Municipal da Cultura e Fundart – foi aberta a todos os interessados. O Dia do Hino de Araraquara é comemorado anualmente em 21 de março. A data foi oficializada por Lei municipal em 2016. Os versos escritos por Aparecida de Jesus Godoy Aguiar representam o passado, o presente e o futuro da “Araraquara ensolarada”. Este ano a autora foi homenageada com uma comenda pelo Lions Clube de Araraquara Fonte Luminosa. O prefeito Rubens Cruz foi quem promulgou uma lei Aparecida Aguiar municipal oficializando a composição de autoria da Professora Aparecida como o Hino de Araraquara no dia 21 de março de 1972 (lei municipal nº 1.866). Uma justa homenagem à autora do hino. Lição de casa Família Macris tem forte ligação com Araraquara; Vanderlei, pai de Cauê, sempre foi bem votado por aqui. O deputado estadual Roberto Massafera, líder da bancada do PSDB na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, conduziu o partido em março durante eleição vitoriosa do tucano Cauê Macris para a Presidência da Casa. Macris teve 88 dos 94 votos possíveis. 4

[close]

p. 5

LIDERANÇA SINDICAL DEBATE SinHoRes: 35 anos depois João Zana vai ao Fórum 26 66 Arrojados em seus projetos, José Carlos Pascoal Cardozo e sua diretoria tornam o SinHoRes em uma instituição modelo na cidade. Titular da Delegacia da Receita Tributária, João Zana participa da quarta edição do Fórum de Desenvolvimento Econômico, criado pela RCIA. Sindicato Rural 45| Encontro no Sítio Três Ramos define a participação da Prefeitura Municipal na Feira do Produtor Rural em 2017 Vida Social 69| Maribel Santos destaca em sua coluna os fatos sociais que aconteceram em março na cidade O silêncio e os novos caminhos Em um sítio de assentado, a 40 quilômetros de Araraquara (Assentamento Monte Alegre), a juventude de vários estados brasileiros, teve a oportunidade, em março, de debater sobre organização partidária, a construção da Juventude Petista no estado e a consolidação de uma nova agenda de direitos, de igualdade e combate e todo tipo de discriminação, como machismo, o racismo e o preconceito aos LGBTs. Durante três dias ocorreu a primeira edição do Acampamento da Juventude Petista com os participantes refletindo sobre a questão das drogas, a juventude trabalhadora, o movimento estudantil e a geração de emprego e renda. O secretário estadual da juventude, Erik Bouzan, explicou que o objetivo do acampamento é proporcionar aos participantes espaços de diálogo sobre política e cultura para resgatar a capacidade de mobilização e organização da juventude. Um dos participantes do evento que custou mais de 15 mil reais, foi o prefeito Edinho Silva; lá era aguardado o ex-presidente Lula, que só não apareceu porque três dias depois seria ouvido pelo Juiz Sérgio Moro em inquérito na Lava-Jato. O acampamento reuniu mais de 500 jovens. DA REDAÇÃO por: Sônia Maria Marques Santa Casa e o grande salto para a qualidade No final de fevereiro, a Santa Casa de Misericórdia de Araraquara completou 115 anos de atividades. A iniciativa do Coronel João Almeida Leite de Moraes atravessou o tempo e se consolidou pela solidariedade dos seus irmãos que entendiam já naquela época, a necessidade de um centro de atendimento médico-hospitalar para a população. É verdade que a Santa Casa, a exemplo da Beneficência Portuguesa, teve suas fases críticas, porém sobreviveu a todas, graças ao que o Conêgo Lourenço Cavallini chamava de “Banco da Divina Providência”. Os tempos modernos contudo, exigiram gestões mais ousadas, o emprego da alta tecnologia dos equipamentos e um atendimento mais humanizado. Neste cenário, a presença do médico Walter Cury Rodrigues foi fundamental, aliada naturalmente ao empenho político de Roberto Massafera que como deputado estadual, teve um apego à causa filantrópica e revitalização do hospital. Hoje, quem passa pela frente da Santa Casa, observa a mudança ocorrida para o embelezamento do projeto arquitetônico que se manteve. Mas, não foi apenas a parte física que exigiu esse processo de transformação; praticamente todos os setores, notadamente o médico, que passou a caminhar de maneira mais organizada e as parcerias, uma delas com a Uniara, fortaleceram a imagem desta instituição centenária. Podemos dizer que a Santa Casa vive quem sabe, a fase mais saudável de toda sua existência e os serviços de alta complexidade que presta, lhe dão credibilidade para alçar voos arrojados apesar da caótica situação da Saúde Pública no País . Diretor Editorial: Ivan Roberto Peroni Supervisora Editorial: Sônia Marques Editor: Matheus Vieira (MTB 67.923/SP) Diretor Comercial: Humberto Perez Depto. Comercial: Gian Roberto, Silmara Zanardi, Heloísa Nascimento, Anderson Rovina Design: Carolina Bacardi, Bete Campos Tiragem: 5 mil exemplares Impressão: Grafinew - (16) 3322-6131 A Revista Comércio, Indústria e Agronegócio é distribuida gratuitamente em Araraquara e região * COORDENAÇÃO, EDITORAÇÃO, REDAÇÃO E PUBLICIDADE Fone/Fax: (16) 3336 4433 Rua Tupi, 245 - Centro Araraquara/SP - CEP: 14801-307 marzo@marzo.com.br Na entrada da propriedade assentada, a faixa anunciando a realização do evento da juventude petista que existe, resiste e troca ideia 5

[close]

p. 6

6

[close]

p. 7

EDITORIAL por: Ivan Roberto Peroni Está chegando um projeto salvador para a reabrir a nossa Beneficência Portuguesa Ao completar 103 anos de fundação em 2017, a Beneficência Portuguesa de Araraquara sofreu em março mais uma das suas desilusões, motivada pelo desencontro de informações e atitudes isoladas que conspiram contra os princípios de uma instituição centenária. Entre o desenrolar de um projeto motivado por uma empresa chamada Gestal e um interessado em colocar o carro na frente dos bois, estavam cerca de três mil trabalhadores enfileirados pelas ruas da cidade, buscando emprego em um momento de tristeza e solidão para a economia brasileira. No domingo, 12 de março, ao folhear O Imparcial e ver a manchete “João Batista da Silva: o homem que vai reabrir a Beneficência”, sentí que os ventos vindos do norte finalmente sopravam favoravelmente para solucionar uma das mais dramáticas crises de ordem econômica e social já observadas nos últimos 10 anos em Araraquara. Parafraseando, ou então, mantendo o sentido original do discurso e carreira de Sassá Mutema, imaginei estar diante do “Salvador da Pátria”, mesmo que ele tenha dito ao jornal: “Ainda não somos oficialmente os novos responsáveis pelo hospital, mas posso afirmar que dificilmente esse negócio não ocorra”. De fato. Um ou dois dias depois das declarações, a Beneficência Portuguesa abriu suas portas para receber mais de 3 mil pessoas interessadas em entregar currículos e ver no fim do túnel uma luz a iluminar seus novos caminhos. Mergulhados num sol senegalesco e o calor de 35 graus Celsius, homens e mulheres atravessaram horas de espera, buscando compreender em uma simples troca de olhar e palavras, porque estamos num País de 13 milhões de desempregados. Sofrimento a parte, as especulações cruzaram a cidade. Umas dizendo que a Gestal já havia acertado a transferência da presidência com os conselheiros. Outras que a ideia do grupo seria de contratar 350 pessoas para fazer funcionar o hospital. Louve-se a iniciativa da Gestal, que se apresenta na rede social como empresa capacitada a oferecer soluções para gestão hospitalar. No caso em questão, revitalizar a instituição nascida com o sangue e o suor dos portugueses da cidade no início do século 20, até parece louvável, porém, os caminhos por ela (Gestal) implantados para essa retomada não foram os mais adequados, pois suas ações iniciais se transformaram num espetáculo teatral. Se a intenção da empresa é realmente reativar a Beneficência, é evidente também que antes de recolher currículos, seriam quatro os pilares em que a Gestal poderia apresentar publicamente seu projeto salvador e pedir apoio: Ministério Público, Justiça do Trabalho, Prefeitura Municipal e o sindicato que cuida dos interesses dos empregados em empresas de saúde, afinal há pendências em todos estes setores. Ora, se fez isso é sinal que todos estão bem intencionados, então, vamos acreditar que a iniciativa é séria e a ela devemos mobilizar a opinião pública para tornar real o que parece um sonho. O que Araraquara não pode aceitar é que aqui se chegue e se plante esperanças em uma terra que parece não ser de ninguém, afinal, estamos falando de um hospital com mais de 100 anos de vida, de patrimônio invejável, de técnicos de enfermagem, enfermeiras, auxiliares e médicos, que deram a ele, suas próprias vidas, a exemplo dos profissionais de limpeza e administração. Que a Gestal venha, desempenhe seu papel com transparência e sem ferir os sentimentos daqueles que estão necessitados de um emprego. 7

[close]

p. 8

REPORTAGEM DE CAPA Na sua Casa, Deliza. Páscoa 2017. As marcas de chocolates mais afamadas já estão nas prateleiras. Uma experiência enogastronômica que começa com apenas um clique. Uma das maiores novidades que o site irá trazer para os clientes no mês de abril, será a famosa e tradicional marca de chocolates Ofner que também poderá ser encontrada nas lojas físicas. O novo formato de atendimento da Casa Deliza é o site de vendas que disponibiliza aos clientes das cidades de Araraquara e São Carlos o sistema de compras online com opções de entrega ou retirada de produtos. Com navegação segura, simples e bem intuitiva, a loja virtual pode ser acessada pelo aplicativo SiteMercado ou pelo site da Casa Deliza. Para efetuar o pedido, basta escolher os produtos, a forma de pagamento e agendar o período que você pretende recebê-los em casa ou então buscar em uma das lojas. O valor mínimo do pedido é de R$100,00, o frete é gratuito para todas as compras e há mais de 12 opções de pagamento, que será realizado através de cartão de crédito, vale-alimentação ou dinheiro – somente durante o ato da entrega. Segundo o proprietário da casa, Marcelo Deliza, a proposta é facilitar o dia-a-dia dos clientes, divulgar ofertas especiais e mostrar a constante busca por novidades que é um dos principais 8 A Casa Deliza reúne os melhores rótulos de vinhos das principais vinícolas do Brasil e do mundo, além de ampla variedade em whiskies, vodkas e muitas outras bebidas nacionais e importadas. compromissos da Casa com seu público. “Estamos sempre em busca dos melhores sabores, do alto nível de qualidade e também das inovadoras ferra

[close]

p. 9

A Casa Deliza dispõe de uma boutique de carnes que oferece desde o corte tradicional até ao mais sofisticado mentas de atendimento que permitem a compra de produtos das melhores marcas do mundo com apenas alguns cliques”, explica. PRESENTES E NOVIDADES PARA A PÁSCOA 2017 Uma das maiores novidades que o site irá trazer para os clientes no mês de abril, será a famosa e tradicional marca de chocolates Ofner que também poderá ser encontrada nas lojas físicas. De acordo com Marcelo Deliza, a chegada da marca é uma das grandes apostas da Páscoa 2017 por oferecer variedade de sabores e formatos com embalagens exclusivas que irão surpreender quem busca um presente diferenciado. Além desta, há cerca de 15 outras marcas de chocolates nacionais e importados com diferentes linhas de ovos, bombons, caixas de presentes, Colomba Pascal Il Vecchio Forno, o tradicional bolo, trazido da Itália: sabor suave embalado em uma linda lata colomba pascal e opções light, diet, sem lactose e zero. Além das opções para presentear, a Casa Deliza também selecionou os melhores ingredientes para o almoço de Páscoa. O tradicional bacalhau do Porto é a principal escolha para quem quer garantir a qualidade e o sabor legítimo da comemoração. Outro fator importante que garante a qualidade do pescado, segundo Marcelo Deliza, é a venda refrigerada – única forma de evitar contaminação e garantir o consumo saudável de acordo com as normas da Anvisa. Para acompanhar o peixe, você também irá encontrar uma coleção de azeites dos principais produtores do mundo com graduações de acidez adequadas a preços convidativos. Os produtos da linha Ofner Gourmand são feitos artesanalmente, sem conservantes e ingredientes rigorosamente selecionados, preservando as propriedades do chocolate e garantindo a qualidade de cada item CASA DELIZA ARARAQUARA Rua Major Carvalho Filho, 2133 / Jd. Primavera - (16) 3331.3100 CASA DELIZA SÃO CARLOS Avenida Dr. Carlos Botelho, 2395 / Centro - (16) 3419.1001 LOJA VIRTUAL: www.casadeliza.com.br APP: SiteMercado e selecionar a opção Casa Deliza A Casa Deliza oferece uma seleção de azeites das marcas mais renomadas do mercado, além de famosas cartas de vinhos que combinam com o bom gosto 9

[close]

p. 10

ECONOMIA ‘Por uma Páscoa com gostinho diferenciado’, projetam lojistas Proprietários da Cacau Show e Casa Deliza, em nossa cidade, focam na venda de produtos especiais para agradar diferentes e exigentes paladares. Chocolate é uma paixão mundial. E, claro, o brasileiro faz parte desta tendência. E nenhuma data ilustra tão bem seu consumo como a Páscoa. Porém, com a crise econômica e o aumento tributário em cima da fabricação do produto, os preços para vendas tornamse altos, assustando o cansado bolso do brasileiro. Dentro deste cenário, outra situação surge como opção para aqueles clientes que fazem questão de não deixar a data passar em branco e adoçar a vida: a compra de produtos diferenciados, que normalmente são mais saborosos que as marcas triviais e são comercializados a preços similares. Ana Carolina de Lima, proprietária das duas lojas da Cacau Show em Araraquara, afirma que, neste ano, sua grande aposta para esta Páscoa são os ovos trufados. Com várias opções de um farto recheio, cada peça custa em torno de R$ 49, valor similar a um produto de marca famosa vendida em grandes redes de supermercados. Suzana leva um ovo de páscoa para atender toda família Por conta de seu custo benefício, a linha infantil com brindes promete agradar a criançada e também os pais. Essa é uma das estratégias utilizadas na Páscoa deste ano. Por conta do seu custo benefício kits infantis são ótimas opções para agradar pais e filhos 10

[close]

p. 11

LINHA ZERO E INFANTIL Nas prateleiras novo visual para a Páscoa Outras opções de chocolates em bombons e barras aparecem no cardápio, estas comercializadas por pouco mais de R$1. “Além de comprar um chocolate de primeira categoria, o consumidor encontra todo conforto em um atendimento exclusivo, que vai ajudar o cliente a fazer a melhor escolha na hora de comprar para alguém ou para você mesmo”, afirma. À frente da Casa Deliza, Marcelo Deliza diz que este ano a ideia é abrir o leque, pois além da tradicional venda de ovos e caixas de bombons, os tabletes, colombas, entre outros itens, tanto nacionais como importados, figuram como ótimas escolhas. “Temos chocolates dos mais variados, alguns italianos, belgas, enfim, para os diversos paladares e sabores. Também temos ovos de páscoa, mas em uma escala menor; posso dizer que nenhuma marca famosa vai aparecer em nossas prateleiras. Buscar outras opções para enfrentar o grande varejo é uma única opção que nos resta”, explica Deliza. Para 2017, Ana Carolina também enxerga as linhas ‘zero acúçar’ e ‘zero lactose’, além de pacotes infantis (com direito a brindes que variam de amplificador de som, fone de ouvido, touca, cesta de basquete e até bolsa) um sucesso de vendas. “São ovos maravilhosos, com suas receitas seguras e extremamente saborosas. As opções para agradar as crianças também estão com uma procura grande, afinal os brindes são de qualidade assegurada, então os pais enxergam como uma boa opção de custo benefício”, finaliza a proprietária que faz questão de convidar as empresas a conhecerem os planos especiais de desconto que a Cacau Show tem para elas. Cada ano que passa a Páscoa entra em um processo de revitalização com produtos diversificados, observando-se as mudanças nos formatos e nas embalagens A Páscoa começou bem mais cedo em muitos estabelecimentos comerciais da cidade; era início de março e tudo estava pronto para esperar o consumidor 11

[close]

p. 12

SOLIDARIEDADE NA PÁSCOA Ongs locais arrecadaram chocolates e guloseimas Somos Noéis e Sementes Solidárias promoveram campanhas em diversos pontos da nossa cidade; distribuição ocupou orfanatos e também bairros da periferia. Para fazer a Páscoa das crianças carentes de Araraquara mais feliz e saborosa, os grupos Somos Noéis e Sementes Solidárias protagonizaram, nas últimas semanas, campanhas que visavam a arrecadação de chocolates e produtos relacionados em uma lista. Por exemplo, o Somos Noéis estava desde março, em supermercados da cidade e em pontos estratégicos, pedindo a doação de guloseimas como bonbons, balas, entre outros doces, para montar kits especiais, entregues aos pequenos(as) nos dias 8 e 15 de abril. “Nossa distribuição atinge crianças do Águas do Paiol, Adalberto Roxo, São Rafael e Victório de Santi, entre outros bairros. Conseguimos superar nossa expectativa e chegamos a marca de mais de mil quinhentos kits”, conta Jane Palombo, integrante dos Somos Noéis. Feliz com o volume de doações auferidas, Jane completa: “Além da quantidade de doces que recebe- Ivanildes Santos (esq) e Jane Tito Coimbra Palombo, membros do grupo mos, trocamos sorrisos, olhares, desejos de Bom Dia; Feliz Páscoa, Boa Sorte. Sentimos o amor de Deus se manifestando grandemente mais uma vez. O que mais arrecadamos foi o incentivo para realizar este trabalho cada vez melhor”, conta uma das 20 integrantes dos Somos Noéis. Vale lembrar que o grupo é hoje um dos mais conhecidos em atividade na cidade, trabalhando há praticamente uma década em ações fraternas durante todo o ano. “Estamos a todo vapor, sempre. Somos gratos a todos que entendem a necessidade do movimento e colaboram”, finaliza. O parceiro do grupo Oscar dos Santos Neto, recebe doação feita por uma criança Neli Possetti, integrante do grupo e a parceira Rebeca De Prince durante a ação SEJA SOLIDÁRIO Acesse o site: www.cmdcararaquara.com.br Até o dia 28 de abril, os declarantes de Imposto de Renda, pessoa física somente, que fazem suas declarações, em Araraquara, poderão destinar parte de seu imposto de renda ao Comcriar – Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. As Pessoas físicas que entregam a declaração pelo Modelo Completo podem deduzir 3% do Imposto de Renda devido, desde que efetivem o pagamento do Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf) até o último dia do prazo para entrega da declaração de ajuste. TRANSFORME SEU IMPOSTO DE RENDA EM NOVAS OPORTUNIDADES DE VIDA! 12

[close]

p. 13

FAZENDO EM CASA O grupo Sementes Solidárias, literalmente, colocou a mão na massa. Isto é, sua produção de ovos de páscoa foi caseira, tudo isso a partir de matéria prima arrecadada por conta de doações de clientes em pontos estratégicos de Araraquara. Assim, em dois domingos, 26 de março e 2 de abril, os voluntários participaram da realização, com direito a muito amor e, claro, sabor de chocolate. Com espaço para muitos sorrisos, a distribuição ocorreu no dia 9. “Nós fizemos os ovos e entregamos no Orfanato Renascer. Eles são nossa prioridade sempre, pois fazemos visitas e arrecadações regulares para eles. Também distribuímos para crianças de baixa renda que moram em bairros como Vale Verde, por exemplo”, conta Gabriela Martins, membro do grupo. Esta foi a quarta campanha de Páscoa da Sementes Solidárias. Recentemente, o nome da ONG mudou, antes batizada de Sementes do Amanhã. Páscoa do ano passado da ‘Sementes Solidárias’ no Orfanato Renascer Trabalho feito em bairro periférico em 2016 Criança feliz com a chegada do coelho 13

[close]

p. 14

REUNIÃO FESTIVA A festa do Sincoar e da Aescar para posse das suas diretorias Eduardo Bonifácio Martins (SINCOAR) e Daniel Stoque Pecin (AESCAR), em jantar festivo e no mais alto estilo, foram empossados no final de março como presidentes das duas entidades que representam os contabilistas e as empresas de serviços contábeis de Araraquara. Marcos Henrique Duó, Dagoberto Silvério da Silva, Wladimir Carlos Bersanetti Rodrigues, Vereador Tenente Santana, Eduardo Bonifácio Martins, Daniel Stoque Pecin, Manoel Oliveira Maia, José Augusto Picão, João Zana, Orlando Bonifácio Martins e Geraldo Luís Tampellini, durante apresentação do Hino Nacional Brasileiro, na sede do Grêmio dos Contabilistas em Araraquara A posse das diretorias do Sindicato dos Contabilistas de Araraquara e Região (SINCOAR) e da Associação das Empresas de Serviços Contábeis de Araraquara e Região (AESCAR), ocorrida em 24 de março, na sede de campo do Grêmio dos Contabilistas, foi marcada pela amizade, companheirismo e muita emoção. As entidades representativas de uma das mais nobres atividades profissionais - a contabilidade - buscaram este ano a revitalização das suas diretorias, porém, sempre contando com a proximidade daqueles que ajudaram a construir o SINCOAR e a AESCAR, comentaram seus presidentes. Eduardo, filho de Edna Frajacomo e Orlando Bonifácio Martins, que assumiu o Sindicato dos Contabilistas, tem 41 anos de idade, é sócio proprietário do Escritório Visão. Já Daniel, que preside a AESCAR, comemorou 20 anos de carreira em fevereiro; é filho de Vera Lúcia Stoque e Paulo Luiz Pecin e sócio no Escritório Modelo de Assessoria Contábil. A mesa principal foi formada pelos presidentes empossados, mais o vereador Tenente Santana, representando Eduardo Bonifácio Martins assumiu a presidência do SINCOAR 14 a Câmara Municipal; Manoel Oliveira Maia, presidente da FECONTESP; Wladimir Carlos Bersanetti Rodrigues, diretor do SESCON Regional Araraquara; José Augusto Picão, conselheiro do CRC São Paulo; Dagoberto Silvério da Silva, Daniel Stoque Pecin é o presidente da AESCAR nos próximos três anos

[close]

p. 15

presidente do Sindicato dos Contabilistas de Campinas; João Zana, delegado da DRT 15 da Secretaria Estadual da Fazenda; Orlando Bonifácio Martins, diretor da JUCESP Regional Araraquara; Marcos Henrique Duó, ex-presidente da AESCAR e Geraldo Luís Tampellini, expresidente do SINCOAR. As duas diretorias nos próximos três anos estarão assim constituídas. SINCOAR TRIÊNIO 2017/2019 DIRETORIA Presidente: Eduardo Bonifácio Martins Vice: Ronaldo Paganini de Oliveira 1º Secretário: Orlando Bonifácio Martins 2° Secretário: Vítor Luís Tampellini 1° Tesoureiro: Roberto Aiello Fonari 2° Tesoureiro: Marcos Cristiano Martins 1° Diretor Social: Geraldo Luís Tampellini 2° Diretor Social: Valter Renato Moraes 1° Diretor Cultural: Luiz Carlos Velludo 2º Diretor Cultural: Paulo Luiz Pecin SUPLENTES DA DIRETORIA Marcos Henrique Duó José Roberto de Castro Marcelo Fais Geraldo Stivanatto Júlio Fernando Pascoal Basso José Antonio da Silva Maria Regina Fonari Moura Wladimir Carlos Bersanetti Rodrigues Donizete Fuzari Benedito Salvador Carlos CONSELHO FISCAL Marcos César Garrido Paulo Roberto de Andrade Francisco José Formariz SUPLENTES CONSELHO FISCAL Rita de Cássia Servidoni Sperafico Roberto Mantegassi José Antonio Ioca DELEGADOS REPRESENTANTES Eduardo Bonifácio Martins Orlando Bonifácio Martins Suplentes de Delegados Representantes Ronaldo Paganini de Oliveira Geraldo Luís Tampellini “É uma classe que tem participado do desenvolvimento da cidade e mostrado com a seriedade dos seus serviços, a prosperidade do sindicato e da associação que congrega as empresas contábeis” Vereador Tenente Santana “Confesso que tenho enorme paixão por esta cidade e me preocupei em pesquisar sua história para lhes mostrar como ela é importante para todos nós”. Manoel Oliveira Maia, presidente da FECONTESP ao lado da esposa Beth “No segmento contábil, Araraquara é um exemplo pelos serviços que presta. Isso engrandece nossa atividade”. José Augusto Picão, do Conselho Regional dos Contabilistas SP “O SESCON deseja aos dois novos presidentes, sucesso nesta jornada; o que vemos hoje é uma demonstração de força e de entendimento Wladimir Carlos Bersanetti Rodrigues, diretor regional do SESCON Araraquara AESCAR TRIÊNIO 2017/2019 DIRETORIA Presidente: Daniel Stoque Pecin Vice: Wladimir Carlos Bersanetti Rodrigues 1º Secretário: Valter Renato Moraes 2º Secretário: Paulo Henrique Girasol 1º Tesoureiro: Luiz Carlos Velludo 2º Tesoureiro: Marcos Cristiano Martins 1º Diretor Social: Marcos Henrique Duó 2º Diretor Social: Ronaldo Paganini Oliveira 1º Diretor Adjunto: Vitor Luiz Tampellini 2º Diretor Adjunto: Thaís Formariz Marques CONSELHO FISCAL Geraldo Luís Tampelini José Antonio Ioca João Paulo Marconato SUPLENTES CONSELHO FISCAL Maria Zilda Scotton Paulo Roberto de Andrade Marcelo Fais SUPLENTES DA DIRETORIA Paulo Luiz Pecin Roberto Aielli Fonari Denilson Altemari José de Paula Trindade Cristiane Zavitoski Conceição José Roberto de Castro PDJMúaoaluinrolcoiziFoeHetreAennnFartuoniqzdnauioorei PBParrsaacdmoeabllliilBlBa ao snsaov in a dDhperoaemnWsiieedlnaleadSngtitmoeeqiidaruameCAaPMreElcaSoiCrsncABoeResA)rHsneaednenrserépitiqtaoiusR(eaeosDdSpuruoimógsuaa(eerxsa)- Eduardo Bonifácio Martins homenageia o expresidente Geraldo Luís Tampellini, que está ao lado da esposa Márcia e filha Larissa O encontro serviu para promover o congraçamento da classe em nossa cidade 15

[close]

Comments

no comments yet