Plano de Estudos - 2016-2017

 

Embed or link this publication

Description

Plano, Estudos

Popular Pages


p. 1

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SOUSEL PLANO DE ESTUDOS DO AGRUPAMENTO Ano letivo 2016 / 2017 http://agrupamentosousel.drealentejo.pt/

[close]

p. 2

ÍNDICE NOTA INTRODUTÓRIA -------------------------------------------------------------------------------- 3 A. METAS E OBJETIVOS DO PROJETO EDUCATIVO DO AGRUPAMENTO ------------------------- 5 B. ORGANIZAÇÃO ESCOLAR E CONSTRUÇÃO CURRICULAR ------------------------------------ 6 1. Calendário e horário escolar ------------------------------------------------------------------ 6 2. Opções organizativas – Turmas, distribuição de serviço docente e horários ------------- 7 2.1. Critérios de elaboração das turmas ----------------------------------------------------- 7 2.2. Critérios de distribuição do serviço docente e elaboração de horários ------------- 7 2.3. Avaliação da distribuição do serviço docente ---------------------------------------- 8 3. Planos de estudos -----------------------------------------------------------------------------3.1. Pré-Escolar --------------------------------------------------------------------------------3.2. 1.º Ciclo -----------------------------------------------------------------------------------3.3. 2º Ciclo -----------------------------------------------------------------------------------3.4. 3º Ciclo -----------------------------------------------------------------------------------3.5. Curso Vocacional Básico ---------------------------------------------------------------3.6. Ensino Secundário ------------------------------------------------------------------------ 9 9 9 10 12 14 15 4. Organização Pedagógica -------------------------------------------------------------------4.1. Departamentos Curriculares -----------------------------------------------------------4.2. Gestão das componentes do Currículo ----------------------------------------------- 23 23 24 5. Respostas Educativas ------------------------------------------------------------------------5.1. Educação Especial ---------------------------------------------------------------------5.2. Estruturas de Orientação e Apoios Educativos ---------------------------------------5.3. Biblioteca Escolar ------------------------------------------------------------------------ 24 24 25 25 6. Atividades de Enriquecimento/Complemento Curricular --------------------------------- 26 6.1. Atividades de Acompanhamento e de Apoio à Família no Pré-Escolar ------------26 6.2. Atividades de Enriquecimento curricular no 1º Ciclo --------------------------------- 26 6.3. Atividades de Complemento Curricular no 2º e 3º Ciclos e no Ensino Secundário 26 7. Princípios orientadores para a avaliação das aprendizagens ---------------------------7.1. Critérios globais de avaliação ---------------------------------------------------------7.2. Critérios de Avaliação – Departamentos ---------------------------------------------- 27 27 27 C. AVALIAÇÃO DO PLANO DE ESTUDOS -------------------------------------------------------- 44 Agrupamento de Escolas de Sousel 2

[close]

p. 3

NOTA INTRODUTÓRIA Partindo do pressuposto que o currículo é “o conjunto de conteúdos e objetivos que devidamente articulados constituem a base da organização do ensino e da avaliação do desempenho dos alunos, assim como outros princípios orientadores que venham a ser aprovados com o mesmo objetivo este documento é o resultado de um conjunto de decisões tomadas pelas diferentes estruturas do Agrupamento, quer no domínio da gestão curricular, quer na adequação de estratégias de ensino aos alunos do Agrupamento, quer ainda no que diz respeito ao seu próprio modelo de funcionamento. O Plano de Estudo e Desenvolvimento do Currículo é o documento que consagra as orientações que têm como objetivo operacionalizar “os princípios orientadores da organização e gestão dos currículos dos ensino básico e secundário, da avaliação dos conhecimentos a adquirir e das capacidades a desenvolver pelos alunos e do processo de desenvolvimento do currículo dos ensinos básico e secundário” Consigna-se no Despacho n.º 5306/2012, de 18 de abril de 2012, que o desenvolvimento do ensino será orientado por Metas Curriculares cuja definição organiza e facilita o ensino, pois fornece uma visão o mais objetiva possível daquilo que se pretende alcançar, permitindo que os professores se concentrem no que é essencial e ajudando a delinear as melhores estratégias de ensino. As Metas definidas constituem-se como o documento de referência para o ensino e a aprendizagem e para a avaliação interna e externa. Este documento tem o seu enquadramento legal na seguinte legislação:  Despacho Normativo nº 7-B/2015, publicado no D. R., 2ª série, nº 88, de 7 de maio de 2015, com as alterações introduzidas pelo Despacho Normativo Nº 1/H/2016, de 14 de abril, publicado no D.R. 2ªs série, Nº 73 - Matrículas, Renovações de Matrículas e Constituição de Turmas  Despacho Normativo nº 4 – A/2016, publicado no D. R. 2ª série, nº 114, de 16 de junho – Organização do Ano Letivo  Despacho nº 8294 – A/2016, publicado no D. R. nº 120, 2ª série, de 24 de junho Calendário Escolar  Despacho nº 9265 – B/2013, D.R. nº 134, 2ª série, de 15 de julho de 2013 e Portaria nº 644 – A/2015, D.R. nº 164, série II, de 24 de agosto de 2015 – A.E.C., A. A. A. F. e C.A.F.  Despacho normativo n.º1-F/2015, D.R. nº 66, 2ª série, de 5 de abril de 2016 – Avaliação e certificação dos conhecimentos adquiridos e das capacidades desenvolvidas  Decreto-Lei nº 75/2008, de 22 de abril, alterado pelo Decreto-Lei nº 137/2012, de 2 de julho D.R. nº 126, 1ª série, de 2 de julho de 2012 - Aprova o regime jurídico de autonomia, administração e gestão dos estabelecimentos públicos daeducação pré-escolar e dos Ensinos Básico e Secundário Agrupamento de Escolas de Sousel 3

[close]

p. 4

 Decreto-Lei nº 139/2012, de 5 de julho D.R. 1ª série, nº 129, Portaria nº 292-A/2012 de 26 de setembro, D.R. 1ª série, nº 187 de 26 de setembro de 2012, Despacho n.º 4653/2013, de 3 de abril, D.R.2.ª série, nº 65 - 3 de abril de 2013, Despacho n.º 5945/2014, de 7 de maio, 2.ª série, n.º 87 de 7 de maio de 2014 - Ofertas formativas  Despacho n.º 5945/2014 D.R. série II, nº 87 de 5 de maio de 2014 - Oferta formativa de cursos vocacionais de nível secundário  Despacho n.º 9633/2014 D.R. série II, nº 142 de 25 de julho de 2014 - Calendário da implementação das metas  Portaria nº 225/2012 de 30 de julho D.R. n.º 146, Série I de 2012, retificada pela Declaração de Retificação Nº 55/2012, de 28 de setembro, publicada no D.R., 1ª série, Nº 189 – Ensino Articulado da Música Agrupamento de Escolas de Sousel 4

[close]

p. 5

A. METAS E OBJETIVOS DO PROJETO EDUCATIVO DO AGRUPAMENTO Serão princípios orientadores e base de toda a atividade do Agrupamento, o domínio da Língua Portuguesa, a competência em Matemática e nas novas tecnologias de informação e comunicação, a Educação Especial e a Intervenção Precoce, a educação para a cidadania, a promoção da saúde e segurança, os direitos do consumidor e a proteção do ambiente. Os princípios orientadores da ação pedagógica assentam no seguinte: 1. Desenvolver nos alunos uma sólida formação cívica e pessoal e a criação de laços que conduzam a atitudes humanistas e à coesão social, através de relações interpessoais democráticas; 2. Promover o Saber Ser e o Saber Estar; 3. Capacitar os alunos de mecanismos que visem a procura autónoma e contínua do Saber e de competências que levem ao Saber Fazer; 4. Promover um percurso de formação que fomente a autonomia, a inovação, a criatividade, a crítica e o debate; 5. Capacitar os alunos para o prosseguimento de estudos ou para a integração no mundo do trabalho. Ser uma Escola de referência a nível local e nacional pelo sucesso académico e profissional dos seus alunos, pela qualidade do seu ambiente interno e relações externas e pelo elevado grau de satisfação das famílias, que procura a:  Inclusão, numa perspetiva de aceitação e de valorização da diferençapresente na Escola;  Solidariedade, para as gerações presentes, passadas e vindouras;  Cooperação, desenvolvendo técnicas de ajuda, de comunicação e de escuta e promovendo a interação com os parceiros do Agrupamento;  Responsabilização, numa atitude de reflexão, implicação e desejo de atuar;  Liberdade, respeitando a autonomia de si próprio e do outro;  Sentido de justiça, no respeito por si próprio, pelo outro e pelo ambiente educativo. O agrupamento centra a sua ação no desenvolvimento e aquisição de valores essenciais ao Homem, tais como: competência, responsabilidade, profissionalismo, empenhamento, disponibilidade, tolerância, humanismo, justiça, solidariedade e disciplina. Agrupamento de Escolas de Sousel 5

[close]

p. 6

B. ORGANIZAÇÃO ESCOLAR E CONSTRUÇÃO CURRICULAR 1. CALENDÁRIO E HORÁRIO ESCOLAR O calendário escolar é definido de acordo com as datas publicadas pelo Ministério da Educação e Ciência. A definição do período de funcionamento das escolas do Agrupamento é da competência do Diretor, sob proposta do Conselho Pedagógico, ouvido o conselho Geral e tendo em conta o calendário escolar. Jardins de Infância O horário de funcionamento dos Jardins de Infância é definido, no início de cada letivo. Jardim de Infância Componente letiva Componente de Apoio à Família manhã almoço tarde manhã almoço tarde Horário Sousel 9.00/12.30 12.30/14.00 14.00/15.30 8.30/9.00 12.30/14.00 15.30/18.00 Cano 9.00/12.00 12.00/13.15 13.15/15.15 7.00/9.00 12.00/13.15 15.15/18.00 Casa Branca 9.00/12.30 12.30/13.45 13.45/15.15 7.00/9.00 12.30/13.45 15.15/18.00 Stº Amaro 9.00/12.30 12.30/13.45 13.45/15.15 8.30/9.00 12.30/13.45 15.15/18.00 manhã 9.00/12.30 (intervalo – 10.20/11.00) 1º Ciclo almoço 12.30/14.00 tarde 14.00/16.00 (intervalo -16.00/16.30) 2º, 3º Ciclo e Secundário manhã almoço tarde 8.30/10.00 13.15/14.00 10.00/10.20 10.20/11.50 11.50/13.15 14.15 (Intervalo /12.45 Intervalo 15m 15.00/16.30 15.10/16.40 Agrupamento de Escolas de Sousel 6

[close]

p. 7

2. OPÇÕES ORGANIZATIVAS – TURMAS, DISTRIBUIÇÃO DE SERVIÇO DOCENTE E HORÁRIOS 2.1. Critérios de elaboração das turmas Na elaboração dos horários semanais de cada turma, devem ter-se em consideração as seguintes normas:  Deve procurar-se uma distribuição equilibrada das cargas horárias, tendo em conta o caráter específico de cada disciplina, evitando-se, tanto quanto possível, o lançamento de tempos em dias consecutivos;  Não deverão ocorrer tempos desocupados (furos) em cada um dos turnos, manhã ou tarde, nem tempos letivos de 45 minutos isolados;  A carga horária deve ser distribuída de modo a não ultrapassar, por dia, 8 tempos letivos;  Os horários das turmas de 2º e 3º Ciclos têm, preferencialmente, a tarde de 4ªfeira livre;  As aulas de Educação Física só podem iniciar-se uma hora depois de findo o período que a escola definiu para o almoço;  As disciplinas de línguas estrangeiras não devem ser lecionadas em tempos consecutivos.  As aulas de caráter prático, devem desenvolver-se, preferencialmente e sempre que possível, no período da tarde, permitindo que as aulas teóricas tenham lugar no período da manhã.  As aulas de caráter prático não devem concentrar-se num só dia. 2.2. Critérios de distribuição do serviço docente e elaboração de horários 1. Na distribuição do serviço docente e correspondente elaboração de horários devem ter-se em consideração as seguintes normas:  A distribuição do serviço letivo é da competência do Diretor;  Na distribuição do serviço docente deverá ser assegurada, sempre que possível, a sequência na lecionação das turmas de um mesmo ciclo de ensino, para que a manutenção da mesma equipa pedagógica durante os anos ciclo, incluindo o Diretor de Turma, possa assegurar a otimização dos resultados escolares;  A lecionação das disciplinas sujeitas a provas finais de ciclo deverá ser atribuída, prioritariamente, a professores com experiência nestes anos de escolaridade;  Os tempos destinados a aulas de apoio educativo deverão ser atribuído, preferencialmente, e sempre que possível, ao professor da disciplina / turma, nos tempos supervenientes do seu horário letivo. Quando tal não for possível, poderão Agrupamento de Escolas de Sousel 7

[close]

p. 8

esses tempos ser atribuídos a qualquer outro professor do mesmo grupo de recrutamento ou de outro, desde que possua formação adequada.  A designação do Diretor de Turma deve ter em conta os seguintes critérios: a) Ser preferencialmente um professor profissionalizado, tendo em conta a sua competência pedagógica e relacional; b) Que lecione a totalidade dos alunos da turma. 2. Sem prejuízo do disposto na alínea a) do número anterior, deverá ser nomeado Diretor de Turma o professor que no ano anterior exerceu tais funções na turma a que pertenceram os alunos. 3. O Diretor de Turma beneficiará de uma redução da componente letiva de 1,5 tempos semanais. 4. As horas de redução referidas no número anterior são marcadas no horário do Diretor de Turma sendo uma para atendimento de pais e encarregados de educação e sumariadas em livro próprio para o efeito. 5. Caso o Diretor de Turma se encontre impedido de exercer as suas funções por um período superior a uma semana, é nomeado outro professor da turma, sendo-lhe atribuídos os mesmos direitos e obrigações. 6. No caso do 1.º Ciclo e Pré-Escolar, o professor/educador titular desempenha as funções referidas nos números anteriores, com as devidas adaptações. 2.3. Avaliação da distribuição do serviço docente No final do ano letivo proceder-se á a uma análise da distribuição do serviço docente, estabelecendo-se uma relação entre os resultados obtidos, face ao planeamento efetuado, tendo em atenção os seguintes indicadores:  Resultados escolares obtidos  Ambiente de trabalho  Diversidade de atividades educativas disponibilizadas aos alunos  Cumprimento dos planos curriculares das disciplinas  Condições de segurança da escola Agrupamento de Escolas de Sousel 8

[close]

p. 9

3. PLANOS DE ESTUDOS 3.1. Pré-Escolar Área de Formação Pessoal e Social Área de Expressão e Comunicação - Domínios Expressão Motora Expressão Dramática Expressão Plástica Expressão Musical Linguagem oral e abordagem à escrita Novas Tecnologias Matemática Área de Conhecimento do Mundo Total: 25 horas AAAF (Atividades de animação e apoio à família) 3.2. 1º Ciclo Componentes do Currículo Áreas disciplinares de frequência obrigatória Português Matemática Estudo do Meio Expressões Apoio ao estudo Inglês Oferta complementar (Educação para a Cidadania) Projeto Partilhando valores Educação para a Literacia Financeira TIC e Educação para os Media Educação para o Empreendedorismo Educação Rodoviária Educação para a Saúde Educação para o Consumidor Educação para os Direitos Humanos Educação Ambiental E.M.R.C. é uma área curricular disciplinar, de oferta obrigatória e de frequência facultativa E.M.R.C. (Educação Moral e Religiosa Católica) horas 8 8 3,5 3 1,5 2 1 1  A disciplina de Inglês é obrigatória só para o 3º ano  A disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica (de caráter facultativo) só será lecionada aos alunos da Escola Básica do 1º Ciclo de Sousel Agrupamento de Escolas de Sousel 9

[close]

p. 10

3.3. 2º Ciclo Componentes do currículo Carga horária semanal 5º ano 6º ano Total de ciclo Áreas disciplinares: Línguas e Estudos Sociais - Português (6x45) - Inglês (3x45) - História e Geografia de Portugal (3x45) Matemática e Ciências - Matemática (6x45) - Ciências Naturais (30x45) Educação Artística e Tecnológica - Educação Visual (2x45) - Educação Tecnológica (2x45) - Educação Musical (2x45) Educação Física (3x45) Educação Moral e Religiosa Tempo a cumprir 540 270 135 135 405 270 135 270 90 90 90 135 45 1350 ou 1395 Oferta complementar - Educação para os Valores (1x45) Apoio ao Estudo (5x45) 45 45 225 540 270 135 135 405 270 135 270 90 90 90 135 45 1350 ou 1395 45 45 225 1080 540 270 270 810 540 270 540 180 180 180 270 90 2700 ou 2790 90 90 450 Agrupamento de Escolas de Sousel 10

[close]

p. 11

Ensino Articulado Componentes do currículo Carga horária semanal 5º ano 6º ano Total de ciclo Áreas disciplinares: Línguas e Estudos Sociais - Português (6x45) - Inglês (3x45) - História e Geografia de Portugal (3x45) Matemática e Ciências - Matemática (6x45) - Ciências Naturais (3x45) Educação Visual (2x45) Formação Vocacional - Formação Musical (3x45) - Instrumento (1x45) - Classe de Conjunto (2x45) Educação Física (3x45) Educação Moral e Religiosa (1x45) (facultativa) 540 270 135 135 405 270 135 90 270 135 45 90 135 45 540 270 135 135 405 270 135 90 270 135 45 90 135 45 1080 540 270 270 810 540 270 180 540 270 90 180 270 90 Tempo a cumprir Oferta complementar - Educação para os Valores (1x45) Apoio ao Estudo(5x45) 45 45 45 45 225 225 90 90 450 Agrupamento de Escolas de Sousel 11

[close]

p. 12

3.4. 3º Ciclo Componentes do currículo Carga horária semanal 7º ano 8º ano 9º ano Total de ciclo Áreas disciplinares: Português(5x45) 225 225 225 675 Línguas Estrangeiras 270 225 225 720 - Inglês (3x45) 135 135 135 405 - Língua EstrangeiraII - Espanhol / Francês 135 90 90 315 (3x45) / (2x45) Ciências Humanas e Sociais 225 225 270 720 - História (3x45) 135 90 135 360 - Geografia (2x45) / (3x45) 90 135 135 360 Matemática (5x45) 225 225 225 675 Ciências Físicas e Naturais 270 270 270 810 - Ciências Naturais (3x45) 135 135 135 405 - Físico-Química (3x45) 135 135 135 405 Expressões e Tecnologias 180 180 135 515 - Educação Visual (2x45) / (3x45) 90 90 135 315 - TIC / Educação Tecnológica 90 90 - 180 (2x45) Educação Física (3x45) 135 135 135 405 Educação Moral e Religiosa (1x45) Tempo a cumprir Oferta complementar - Educação para os Valores (1x45) 45 1530 ou 1575 45 45 1485 ou 1530 45 45 1485 ou 1530 45 135 4500 ou 4635 135 Agrupamento de Escolas de Sousel 12

[close]

p. 13

Ensino Articulado Componentes do currículo Áreas disciplinares: Português(5x45) Línguas Estrangeiras - Inglês (3x45) - Língua Estrangeira II - Espanhol / Francês (3x45) / (2x45 Ciências Humanas e Sociais - História (3x45) - Geografia (2x45) / (3x45) Matemática (5x45) Ciências Físicas e Naturais - Ciências Naturais (3x45) - Físico-Química (3x45) Expressões - Educação Visual (2x45) / (3x45 - Educação Física (3x45) Formação Vocacional - Formação Musical (3x45) - Instrumento (1x45) - Classe de Conjunto (2x45) Educação Moral e Religiosa (1x45) Carga horária semanal 7º ano 8º ano 9º ano Total de ciclo 225 225 225 675 270 225 225 720 135 135 135 405 135 90 90 315 225 225 270 720 135 90 135 360 90 135 135 360 225 225 225 675 270 270 270 810 135 135 135 405 135 135 135 405 225 225 270 720 90 90 135 315 135 135 135 405 315 315 315 945 135 135 135 405 45 45 45 135 90 90 90 270 45 45 45 135 Tempo a cumprir Oferta complementar 45 45 45 135 - Educação para os Valores (1x45) Agrupamento de Escolas de Sousel 13

[close]

p. 14

3.5. Curso Vocacional Básico “Produção Alimentar e Gastronomia” Geral 350 Horas Disciplinas Português Matemática Inglês Educação Física 2º Ano (350 Horas) 110 110 65 65 Vocacional A “Hotelaria e Restauração” Módulos Vocacional B “Controlo de Qualidade” Módulos Vocacional C “Segurança e Higiene no Trabalho” Módulos Total: 360 horas 2º ano (360 horas) Aprovisionamento, gestão de stocks e inventariação no serviço de andares (20 Horas) Perfil e potencial do empreendedor (25 Horas) Serviço de restaurante – preparação e execução (30 Horas) Preparação e serviço de bebidas compostas (25 Horas) Serviço de vinhos (20 Horas) Produção, processamento e comercialização de Mel (25 Horas) Análise sensorial básica de vinhos (25 Horas) Olivicultura em modo de produção biológico (20 Horas) Aplicação informática-gestão de projetos (25 Horas) Análise de composição global (25 Horas) Técnicas de planeamento de prevenção de riscos profissionais (40 Horas) Plano de EmergênciaImplementação (40 Horas) Segurança no trabalho Equipamentos (40 Horas) Agrupamento de Escolas de Sousel 14

[close]

p. 15

Prática Simulada: o Atividade Vocacional A (70 Horas) o Atividade Vocacional B (70 Horas) o Atividade Vocacional C (70 Horas) Prática simuladacom orientação e supervisão de pessoal qualificado, em cada secção e em sistema rotativo. (210 horas) 3.6. Ensino Secundário Curso Vocacional de Secundário - nível 4 “Técnico de Turismo Ambiental e Rural” Matriz Curricular Geral (600 horas) Português Comunicar em Inglês Educação Física Complementar (300 horas) Matemática Aplicada Espanhol Alemão 1º ano 150 90 60 1º ano 90 40 20 2ºano 150 90 60 2ºano 90 40 20 Complementar Vocacional (700 horas) módulos 1º ano 3478 - Geografia do Turismo (50 horas) GT 4303 - Ambiente e Recursos Naturais (25 Horas) ARN 4306 - Caraterização da Atividade Agrária (25 horas) CAA 4309 - Atividade Económica (50 horas) AE 2ºano 4305 – Áreas Protegidas (25 horas) AP 3479 – Procura e Oferta Turística (50 Horas) POT 4318 – Contabilidade – princípios contabilísticos (25 horas) CPC 4360 - Fiscalidade (25 horas) FISC Agrupamento de Escolas de Sousel 15

[close]

Comments

no comments yet