Revista RADAR 113

 

Embed or link this publication

Description

Edição online da Revista RADAR nº 113

Popular Pages


p. 1

Revista RADAR 1 Outubro 2016

[close]

p. 2

Revista RADAR 2 Outubro 2016

[close]

p. 3

Revista RADAR 3 Outubro 2016

[close]

p. 4

ÍNDICE ELEIÇÕES 2016 HOMENAGEM Radar está de volta mensalmente. Estamos entregan- Veja os números das Sêo Alcides da Padaria do o terceiro exemplar desta reto- 20 8 6 18 eleições e como ficou recebe Título de a Câmara de Cidadão Benemérito Presidente Venceslau 12NOTICIÁRIO GERAL JESUS Resumo de notícias sobre temas variados MISERICORDIOSO Presidente Venceslau mada existencial da revista. Esta edição foi uma delícia concebê-la. Primeiro, porque temos uma capa onde aparecem o maravilhoso Jesus Misericordioso que foi colocado na entrada da cidade. Segundo, porque estamos trazendo os nú- 14 10 ganha imagem na entrada da cidade meros das eleições de Presidente Venceslau e região, e você pode FUTEBOL AABB e P2 realizam campeo- nato de futebol BASQUETE Pela segunda vez o time adulto disputa final do estadual SAÚDE Dr. Roberto Nakata fala sobre colesterol guardar esse exemplar com cuidado, para sempre ter em mãos quais são os novos vereadores da cidade e quantos votos tiveram cada um. society feminino Destacamos ainda, matérias de es- portes, sobre o Hospital Regional do Câncer, o que significa e faz a 26HOSPITAL DO CÂNCER Hospital Regional do SINCOMERCIÁRIOS Sindicato realiza Câncer completa 13 jantar que premia anos comerciários e ajuda a Corrente do Bem, o jantar dançante do Sincomerciários e matéria especial sobre a primeira mulher eleita como prefeita na cidade de Caiuá. Com essa revista, também estamos lançando o nosso plano de as- Santa Casa sinaturas que já pode ser adquirido 4 pelo telefone 99767-3813 ou 997678239. Estamos de volta todos os me- CAPA Nossa capa traz a imagem de Jesus Misericordioso que foi instalado no trevo ses e cheios de alegria por conseguir estabelecer novamente este contato com você nosso leitor querido. principal de Presidente Venceslau Obrigado CRÉDITOS DA CAPA Toninho Moré Produção: Thadeu Arias Fotografia:Thadeu Arias Outubro 2016 24 Revista RADAR EXPEDIENTE Projeção Revistas e Prop LTDA-ME Direção: Isabel Cristina M. D. Moré Rua: Henrique Dias, 163 Fone: (18) 3271-6795 E-mail: isabel.more@hotmail.com CNPJ: 19.492.054/0001-40 Presidente venceslau-SP CTP, Impressão e acabamento CIPOLA - Inteligência Gráfica Rua: Átila Bitencourt, 152 Fone: (18) 3311-0510 www.cipola.com.br Presidente Prudente - SP Direção de Jornalismo: Toninho Moré Direção de Arte/Criação: Thadeu Arias Atendimento: Isabel Moré / Isabelle Campos Designers: Thadeu Arias Diagramação: Thadeu Arias Fotografia: Toninho Moré / Thadeu Arias Comercial: Homero Silva / Toninho Moré Redação: Cláudio Almeida / Gustavo Moré / Toninho Moré Jornalista Responsável Gustavo Dantas L. Moré MTB 54.156/SP Tiragem 1.000 exemplares Término desta edição 11h15 do dia 26/10/2016

[close]

p. 5

Revista RADAR 5 Outubro 2016

[close]

p. 6

ELEIÇÕES ELEIÇÕES EM PRESIDENTE VENCESLAU Jorge Duran reeleito e mudança na Câmara Municipal Outubro 2016 Revista RADAR 6 Jorge Duran reeleito com uma esmagadora vantagem diante de Claudemir Garcia. Uma mudança significativa nos vereadores da Câmara Municipal. Assim foram as eleições em Presidente Venceslau, no último dia 02 de outubro. Na prefeitura tudo continua do jeito que está, já entre os vereadores uma dança de cadeiras. O atual prefeito Jorge Duran (PSD) disputou a eleição contra o candidato Claudemir Garcia (PSDB). Durante toda a campanha Duran foi favorito a reeleição. Ao lado de Osvaldo Melo (PT), o prefeito venceslauense obteve 74,93%, com 14.914 votos. Claudemir Garcia e seu vice Major George (PMDB) ficaram com 25,07%, com 4.989 votos. Foi uma vitória esmagadora e já esperada por toda a população de Presidente Venceslau. Vale lembrar que Jorge Duran conseguiu muitos eleitores durante os quatro anos à frente da prefeitura. Em 2012, ele se elegeu com uma vantagem de apenas 57 votos sobre o então prefeito Ernane Erbella. Duran se torna protagonista de duas eleições bem diferentes. A mais disputada da história de Presidente Venceslau em 2012 e a mais tranquila em 2016. Na Câmara Municipal a renovação foi interessan- te. O biomédico Gustavo Freire (PV), foi o mais votado com 794 votos. Desde que começaram as campanhas, Gustavo já era cotado para ter votação expressiva. O segundo mais votado foi João Paulo da Academia (PSD), com 780 votos. João Paulo já foi vereador em dois mandatos e chega para o terceiro. É interessante pensar que em 2012, João Paulo obteve 869 votos, quase 100 a mais do que nesta eleição e mesmo assim não conseguiu se eleger. Dos vereadores atuais, apenas cinco conseguiram se reeleger. Raphael do Fórum (PPS), Mestre Tota (PHS), Tufy Jr. (PSDB), Adelino Cabeleireiro (PT) e Lê Pregão (PSD) conseguiram uma boa votação e são os vereadores que continuam no mandato de 2017 a 2020. Os outros vereadores eleitos foram Gustavo Freire (PV) e João Paulo da Academia (PSD), já citados acima, Lucimara Dias (PV), Tenente Dourado (PDT), Luciano Ramos (PSD), Beto Coelho (PHS), Cola Colinha (PMDB) e Percy (PP). Antes das eleições o Blog do Toninho Moré e o Portal de Notícias Agora Venceslau fizeram uma análise sobre os vereadores que poderiam se eleger e tam-

[close]

p. 7

bém falou sobre o quociente eleitoral. A matéria citou o nome dos 13 vereadores eleitos. A única surpresa ficou por conta do PSDB, na análise era previsto que o partido elegesse dois vereadores, mas Eliseu Bayer, atual presidente da Câmara Municipal, e João Monteiro, que já foi vereador em outras oportunidades e vice-prefeito não obtiveram uma boa votação e o partido que em 2012 elegeu quatro vereadores, esse ano fez apenas uma cadeira. As surpresas positivas foram os nomes de Luciano Ramos (PSD) e Percy (PP), citados na matéria. Luciano na análise disputaria uma vaga com Lê Pregão e João Paulo da Academia. O partido acabou elegendo os três vereadores. Percy foi o vereador eleito com menos votos e disputou uma segunda vaga da sua coligação e levando a melhor sobre Gil da Ótica (DEM). Números das eleições em Presidente Venceslau Presidente Venceslau tem 29.525 eleitores. Desse total, apenas 75,46% compareceram as urnas, chegando a um total de 22.281 votantes. Para prefeito e vice foram contados 19.903 votos válidos, 1.519 votos nulos e 859 votos brancos. Para eleger os vereadores foram 19.828 votos válidos, chegando a um quociente eleitoral de 1.525 votos. Foram 1.619 votos nulos e 834 brancos. Para entender melhor o quociente eleitoral, cada coligação precisava de 1.525 votos para eleger um vereador. O quociente eleitoral é a soma dos votos válidos dividido pelo número de cadeiras na Câmara Municipal, no caso de Presidente Venceslau são 13. VEREADORES ELEITOS NOME VOTOS Gustavo Freire (PV) 794 João Paulo da Academia (PSD) 780 Raphael do Fórum (PPS) 743 Roberlei Cola Colinha (PMDB) 588 Mestre Tota (PHS) 567 Luciano Ramos (PSD) 562 Lê Pregão (PSD) 523 Lucimara Dias (PV) 483 Beto Coelho (PHS) 477 Tufy Jr. (PSDB) 463 Tenente Dourado (PDT) 451 Percy (PP) 342 Adelino Cabeleireiro (PT) 324 Divisão na Câmara Em 2017, a Câmara Municipal de Presidente Venceslau vai começar bem diferente politicamente para o prefeito Jorge Duran do que em 2013, quando assumiu a prefeitura. Na época começou o mandato sem a maioria na Câmara. Já no ano que vêm, o prefeito provavelmente terá nove vereadores ao seu lado. Com isso ele terá a maioria das cadeiras e muito possivelmente o presidente do legislativo também deverá estar do lado do prefeito. Cenário político A grande surpresa do eleitorado logo após as eleições, depois de visualizar e perceber as grandes festas e foguetórios do candidato a prefeito reeleito, foi receber a notícia de que a Prefeitura de Presidente Venceslau está com as finanças totalmente comprometidas. Não demorou menos que 10 dias para que o prefeito anunciasse pela primeira vez dentro de sua gestão o atraso dos salários do funcionalismo e pior o seu pagamento escalonado em duas quantias. De imediato a notícia agiu como uma “bomba” de descontentamento entre os servidores municipais e criou uma dúvida sobre a segunda gestão do prefeito Jorge Duran. Diferente de seu antecessor Ernane Erbella, Duran chega no final da sua primeira gestão com a administração no vermelho, sem dinheiro no cofre. Quando saiu da prefeitura, Erbella entregou a gestão um R$ 1.800.000,00 em caixa. Depois de uma campanha curta, ruidosa e de favoritismo, Duran terá que provar que de fato mereceu receber uma quantidade de votos tão expressiva, agora sim demonstrar que é um grande prefeito.n Revista RADAR Outubro 2016 7

[close]

p. 8

CIDADE HOMENAGEM Sêo Alcides da Padaria é Cidadão Benemérito de Presidente Venceslau Outubro 2016 Revista RADAR 8 Todos os anos a Câmara Municipal de Presidente Venceslau faz homenagem a uma pessoa que não seja nascida na cidade, mas tem um relacionamento importante com a comunidade. Neste ano o homenageado com o Título Honorífico de Cidadão Benemérito é o Senhor Manoel Maria Alcides Gomes Figueiredo, 87 anos, conhecido por todos com o Sêo Alcides da Padaria. Estiveram presentes na sessão solene do legislativo venceslauense, os vereadores Alessandro Claro de Faria (Lê Pregão), Ezequias Dassie, José Carlos da Silva (Zé Carlão), Nilson Branquinho Scalon, Rafael Balhestero Jr., Serafim Gomes Ferreira, Tufy Nicolau Jr., Vandeir de Novaes e o prefeito Jorge Duran, que esteve na mesa principal com o presidente da Câmara Municipal Elizeu Bayer, o secretário João Dassie e outras autoridades. Os vereadores Adelino Cabeleireiro e Mestre Tota, não estiveram presentes mas justificaram a ausência. Tradicionalmente a cerimônia faz parte do aniversário da cidade, e Presidente Venceslau comemorou no dia 02 de setembro, 90 anos de emancipação político administrativo. O vereador Lê Pregão fez discurso ao homenage- ado. Zé Carlão falou sobre o aniversário da cidade. O autor do projeto que deu a origem a homenagem foi João Dassie que também falou aos presentes. Um dos pontos altos foi a música com apresentação do cantor Rai, que interpretou um poema do Padre Fábio de Melo, e as canções “Pai” de Fábio Júnior e “Romaria” de Renato Teixeira. A filha Luciane falou em nome da família. O prefeito Jorge Duran fez um discurso elogiando a indicação e parabenizando o homenageado por uma vida tão nobre na comunidade. Ao final, o homenageado fez um breve discurso abordando como foi a sua chegada a Presidente Venceslau. O senhor Manuel Maria Alcides Gomes Figueiredo, conhecido por todos na cidade como “Senhor Alcides da Padaria”, tem 87 anos e é nascido em Portugal. Chegou ao Brasil em 1951. É casado há 60 anos, com Lucília Marques Lontra Maçarico. Em 1964, depois de morar um tempo em São Paulo, abriu a Padaria Super Pão em Presidente Venceslau e desde então é um dos mais antigos empresários da cidade. Tem os filhos Maria Cristina, Paulo César e Luciane. Sempre foi um homem de comunidade. n

[close]

p. 9

OBRIGADO POPULAÇÃO VENCESLAUENSE Outubro 2016 Revista RADAR Estou muito feliz pelo resultado que tive nas últimas eleições. Chego desta forma a minha quinta legislatura na Câmara Municipal. Tive 567 votos após ter ingressado em uma sigla nova, o PHS. Fiquei entre os cinco vereadores que conseguiram se reeleger neste duro pleito de 2016. Era evidente que a população estava buscando algo novo para a Câmara Municipal e o fato de ter me escolhido para ficar é uma honra para mim e para as pessoas que represento. Ser vereador numa comunidade como a de Presidente Venceslau onde as pessoas são inteligentes, comunicativas e demonstram um papel cívico importante não é uma tarefa fácil. É preciso ir além, buscar inovação e criatividade no contato com as pessoas, olhar a cidade como um todo. O vereador deve ser atento a todos os atos do legislativo, fiscalizar e além disso participar com a sociedade e executivo na viabilização de projetos importantes e viáveis para a comunidade. Durante todo esse tempo estive presente na vida de Presidente Venceslau, dentro das possibilidades que a minha humildade permite, realizando eventos, encontros, e promoções sempre na busca de obter recursos e dividendos para as pessoas mais necessitadas. Como poucos, sei dos principais problemas da cidade, especialmente aqueles que estão ligados no íntimo de cada ser humano, dentro das áreas de maior pobreza da cidade. Reitero aqui, neste texto, que continuarei fiel as minhas convicções políticas, ao meu comportamento e trato com as pessoas. Serei o Tota de sempre, aquele que veio da roça, da Vila Luiza e com o passar do tempo fui um aprendiz eficaz da escola que é essa terra. Obrigado a todos os meus amigos e amigas que a mim confiaram seus votos. Estou a disposição de todos. Ademir de Souza da Silva Mestre Tota 9

[close]

p. 10

NOTICIÁRIO GERAL Outubro 2016 Revista RADAR CRISE PEGANDO A crise que assola o país, o mundo virtual e as dúvidas e incertezas sobre o futuro, estão fazendo que muitos empresários fechem as portas de seus negócios e pensem em outras formas de se manter no mercado. Com isso estão aparecendo muitas lojas fechadas no centro de Presidente Venceslau. Outro detalhe que incomoda, são as diversas placas de “aluga-se” e “vende” espalhadas pela cidade. continuar para este próximo grupo de legisladores. Alguns eleitores, além de falar na diminuição de salários, também comentam sobre queda do número de cadeiras. Estamos prevendo muita conversa pela frente. CÂMARA RENOVADA Ninguém esperava tanta surpresa Luciano Ramos, Percy e Colinha. PEQUENO, AGRADÁVEL E INTERESSANTE Tem um novo livro circulando na INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO Tem porta fechando na área central da cidade, mas o setor imobiliário de venda de terreno vem crescendo em Presidente Venceslau. A cidade está ganhando um condomínio fe- assim. A Câmara Municipal de Pre- chado com cinco prédios na Volta sidente Venceslau passou por uma ao Mundo, o condomínio Petrona grande renovação para a próxima 10 Garden de alto padrão ao lado do legislatura. Políticos tradicionais Residencial Petrona, e mais outros como Ezequias Dassie, Serafim três investimentos da mesma área. Gomes e Eliseu Bayer, não conse- Boas oportunidades para quem guiram votos suficientes para se ainda não tem um terreno para manter na casa nestes próximos construir a sonhada casa própria. quatro anos. Além destas faltas, R$ 1.800.000,00 O prefeito Jorge Duran está preo- outros nomes que também se consideravam certos entre os 13 vereadores, ficaram de fora. praça em Presidente Venceslau. Maria Ângela D’Incao, integrante da AVL - Academia Venceslauense cupado com as finanças públicas. A coisa se degringolou depois das OITO NOVOS NOMES de Letras, acaba de lançar o livro “Álbum da Turma do Bosque”. Ela eleições. Nos comícios ele não co- A renovação da Câmara Municipal é a organizadora do trabalho que mentou a situação financeira da tem 64 páginas, recheadas de tex- prefeitura e logo após a vitória co- tos de sua mãe Arthurzina D’Incao, meçaram os boatos das demissões, dela e do professor Elly Roberto de principalmente dos comissiona- Oliveira e ainda de fotos antigas, dos. Motivo: caixa vazio. Lembran- que rementem o leitor a uma via- do o passado, quando saiu, Ernane gem ao passado, relembrando os Erbella deixou R$ 1.800,000,00 de velhos tempos de convívio de jo- dinheiro e ativos da prefeitura. Du- vens no antigo Bosque, hoje Pra- ran não está deixando está quantia ça Miguel Brisolla de Oliveira. Na para si mesmo, herdará dívidas. história “O Velho e o Tempo”, o pro- de Presidente Venceslau passou fessor Elly Roberto de Oliveira, que DOR DE CABEÇA Muitos dos vereadores que não foram eleitos em Presidente Venceslau, passaram por aquela polêmica questão da diminuição dos salários. Foi algo desgastante. Pelo que estamos vendo o assunto deve dos 50% das cadeiras da casa. São 13 vereadores no total, destes, oito são novos nomes, sendo que apenas um deles, João Paulo Rondó, já ocupou a cadeira de vereador. Entre os outros novos, três estiveram numa eleição pela primeira vez, atualmente mora na Chapada dos Guimarães no Mato Grosso, escreve “A coisa mais gostosa para um velho é relembrar o que viu, viveu, leu e ouviu. O saudosismo é a característica dos românticos”.

[close]

p. 11

REDES SOCIAIS E POLÊMICA Tudo o que cai na rede social e tem interesse público, vira polêmica. Quem mais sofre com estas questões são os profissionais de imprensa. O Blog do Toninho, uma das maiores referências de notícias rápidas da região, mostrou que a instalação da Imagem de Jesus na entrada da cidade e até da existência de uma cachoeira em terras venceslauenses, podem virar pontos de discussão, discórdia e até algumas briguinhas. São as redes sociais “voando” baixo na área de informação. PINHEIRÃO MARGINAL RAIMUNDO LEONARDI Em janeiro, apesar de Presidente Venceslau ter prefeito reeleito, o cenário político se modifica totalmente. Jorge Duran precisa se debruçar em projetos importantes da cidade. Dentre eles estão a marginal Raimundo Leonardi que liga os dois trevos principais pela Rodovia Raposo Tavares e o trevo do Vencesville, que vem separando a cidade do bairro de maneira hostil e desagradável. São pontos delicados para o prefeito que precisam ser resolvidos com urgência. Ficou chique e bacana o estande de vendas da Cooperótica no Pinheirão Master em Presidente Venceslau. Está aberto desde o dia 21 de outubro e chama a atenção de todos os clientes do supermercado pela diversidade e beleza dos produtos. Uma boa iniciativa dos irmãos empresários Wagner e Rennan. AVENIDA JORGE TIBIRIÇÁ REPRESENTATIVIDADE POLÍTICA Estas duas grandes obras e a irritante e desastrosa via vicinal que liga Presidente Venceslau ao Bairro Campinal, demandarão muita representatividade do prefeito junto ao governador Geraldo Alckmin. Terá que provar, por exemplo, que Alckmin é verdadeiramente seu amigo, como o prefeito alardeou durante o seu último governo com fotos e propagandas divulgadas pela mídia local. COOPERÓTICA NO Uma avenida que precisa de cuidados especiais é a Jorge Tibiriçá em Presidente Venceslau. A parte da avenida que tem canteiros centrais tem o piso deteriorado, ruim e desgastado pelo tempo e intenso fluxo de veículos que diariamente passam por essa importante avenida. Desde a época do prefeito Tacinho que não recebe recapeamento, e olhem que passam por dia nesta via, mais de 10 mil veículos entre carros e motos. Revista RADAR Outubro 2016 11

[close]

p. 12

Revista RADAR Outubro 2016 CAPA 12 JESUS MISERICORDIOSO Presidente Venceslau ganha imagem de Jesus Misericordioso no trevo principal da cidade Desde o dia 11 de outubro, Presidente Venceslau tem uma imagem de Jesus Misericordioso A comunidade católica da cidade repete o gesto de muitas outras comunidades que resolveram colocar uma imagem de Cristo na entrada da cidade. Em nossa região, várias têm este tipo de referência, incluindo as duas mais próximas, Piquerobi e Caiuá, onde estão imagens de Cristo Redentor. A história da imagem de Jesus Misericordioso na cidade teve início há muitos anos na Câmara Municipal, através de indicações dos então vereadores da época Ezequias Dassie e Antônio Mendes Peixinho. O projeto não teve andamento porque a área solicitada para colocar a imagem não era da cidade e sim do estado e desde então esta vontade católica ficou encrustada na Câmara. Mais recentemente, por ação de Lucimara Dias, católica fervorosa, e com apoio dos padres Wilson Lobo e Benjamin Jr. a ideia teve andamento. Lucimara descobriu que a área onde havia o desejo de implantar o Cristo era do estado e não da municipalidade como se pensava. Depois da conversa que teve com os dois párocos, recebeu o reforço providencial de Luciane Guimarães, que já havia feito um requerimento de solicitação para a viabilização do projeto na rotatória do trevo. Munida deste documento e outros solicitados junto aos responsáveis pela área, Artesp e Cart, Lucimara conseguiu a partir de setembro do ano passado, o espaço necessário para a colocação da imagem de Jesus Misericordioso na entrada da cidade. Diante da autorização, e com o devido aviso e pedido ao prefeito da cidade, Jorge Duran, Lucimara e Luciane se reuniram com os padres que organizaram uma comissão para a arrecadação dos recursos necessários para bancar o projeto. Foi feito um Livro Ouro, e cada integrante das paróquias interessado em participar, fazia uma doação que lhe era conveniente. Não foi difícil amealhar todos os recursos e adesões. Um detalhe curioso deste projeto fica por conta do dia de sua assinatura junto a firma que iria providenciar a imagem, a Pietá de Londrina. Foi feito no dia 22 de fevereiro de 2016, o mesmo dia que há 85 anos, a Santa Faustina, solicitava para que artistas pintassem

[close]

p. 13

uma imagem de Jesus Misericordioso. A escolha da imagem foi feita pelo Padre Wilson. O projeto de Armando Melchior. A administração das finanças foi feita pelo padre Rodrigo Ajovedi. O custo total foi de R$ 49,5 mil. O pedestal tem 4 metros de altura e a imagem 6 metros. Total de 10 metros. A construção teve início no dia 5 de setembro e foi concluída no dia 9 de outubro. Os principais colaboradores foram Nildo Corral que fez o trabalho de bate-estaca. A Construtora KF providenciou o Mulk para manejar as peças do pedestal e imagens. Antenor cuidou da parte elétrica juntamento com o engenheiro Luis Challouts. Carlos Murua coordenou a construção que foi feita pelas mãos do ótimo pedreiro Edmar Cavallari e seus ajudantes. A arrecadação total chegou aos R$ 64,300,00 com 163 doadores. A comissão que trabalhou em tudo isso foi formada por Lucimara Dias, Luciane Guimarães A. Francisco, Edson Barbosa, Ângela Barbosa, Maria Helena Villa, Geraldo Jubileu e Aníbal Luna Ferreira. Dia da entrega da imagem Tudo ficou pronto dois dias antes. O desejo da comissão que montou a imagem era entregá-la num dia especial, e escolheu fazê-lo na véspera do Dia de Nossa Senhora Aparecida, 11 de outubro. Para tanto, a comunidade católica se reuniu na entrada da cidade entre os seus líderes, o Bispo Diocesano de Presidente Prudente, dom Benedito Gonçalves dos Santos, os padres Wilson Lobo, Rodrigo Ajovedi e Benjamin Jr. Uma cerimônia religiosa especial foi realizada de frente a imagem, que depois de abençoada pelo bispo, foi entregue à população. Um leve contratempo marcou o momento, quando o pano que cobria toda a sua estrutura, emperrou no alto da cabeça do Cristo, e os organizadores tiveram que chamar a empresa de energia da cidade para desenroscá-lo. Foi apenas um detalhe, que não retirou o brilho da festa religioso e muito menos do ilustre Senhor que temos agora na entrada da cidade para receber todos moradores e visitantes, Jesus Misericordioso. A História de Jesus Misericordioso Nosso Senhor Jesus Cristo desceu do céu e se fez um de nós para revelar o amor e a misericórdia de Deus. Os quatro Evangelhos relatam abundantemente fatos em que Jesus se revela misericordioso. Porém, como se não bastasse, e como a humanidade tem dificuldade para crer na misericórdia de Deus, Jesus Misericordioso se revelou recentemente, no Século XX, a Santa Faustina Kowalska. Essas revelações são reconhecidas pela Igreja e trazem esperança na misericórdia de Deus mas, também, responsabilidade sobre nossos atos. A santa que viu Jesus No ano de 1930, na Polônia, Jesus Misericordioso apareceu a Santa Faustina, que era freira da Congregação das Irmãs de Nossa Senhora da Misericórdia. Santa Faustina, Maria Faustina Kowalska, nasceu na Polônia no ano de 1905, e sempre teve uma vida dedicada a Deus e à Igreja. Entrou cedo para o convento, em 1925, e quando fez os votos perpétuos acrescentou em seu nome Faustina do Santíssimo Sacramento, por causa de sua grande devoção a Jesus na Hóstia Santa. Sempre rezava pelos doentes e agonizantes, pedindo a Deus o perdão de seus pecados e a sua conversão. As aparições Quando Jesus apareceu a Santa Faustina disse: “Agora é tempo de misericórdia”. Pediu para que ele escrevesse assim: “Antes de vir como justo juiz, venho como Rei da Misericórdia. Agora prolongo os dias de misericórdia, mas ai daqueles que não reconhecerem o tempo da minha visita”. Jesus Cristo apareceu várias vezes a Santa Faustina, sempre pedindo especial atenção para os agonizantes e pecadores do mundo inteiro. Três horas da tarde Jesus falou a Santa Faustina sobre a hora em que ele foi morto na cruz: “Às três horas da tarde implora a minha misericórdia especialmente pelos pecadores, e ao menos por um breve tempo reflete sobre a minha Paixão e Morte, especialmente sobre o abandono em que me encontrei no momento da agonia. É a hora de grande Misericórdia para o mundo. Permitirei que penetres na minha tristeza mortal. Nessa hora Nada negarei à alma que me pedir pela minha Paixão”. Morte de Santa Faustina Santa Faustina morreu 13 anos depois de entrar no convento, no dia 05 de outubro de 1938, aos 33 anos, após sofrer muito, mas sempre entregando seus sofrimentos a Jesus e rezando o terço da misericórdia em oferecimento as almas de todos os pecadores do mundo inteiro. n Revista RADAR Outubro 2016 13

[close]

p. 14

ESPORTE FUTEBOL SOCIETY AABB e PII realizam campeonato de futebol society inédito em Presidente Venceslau Outubro 2016 Uma competição inovadora entre dois clubes está sendo realizada e obtendo bastante su- zer uma competição de alto nível. Os jogos são disputados nas segundas-feiras no campo da P2 e nas cesso em Presidente Venceslau. Começou agora em quintas no campo da AABB. outubro o 1º Campeonato de Futebol Society Catego- “A competição é inédita em Presidente Vences- ria Livre entre equipes da AABB (Associação Atlética lau. O nosso objetivo é unir os dois clubes, fazer um Banco do Brasil) e Associação dos Funcionários da campeonato amistoso e de alto nível. Todos os atletas Penitenciária II. foram alertados sobre a importância de disputar os 14 No total são cinco equipes de cada clube divididas em dois grupos. Os times estão misturados em duas jogos com lealdade e acima de tudo, criar um vínculo de amizade entre os associados dos dois clubes”, dis- chaves. Na primeira fase, as equipes da Chave Branco se José Miguel Aidá, diretor da AABB. jogarão contra os times da Chave Azul e se classifi- O início do campeonato foi no dia 06 de outubro e cam as duas primeiras de cada chave. a previsão é que a final seja disputada no final do mês O campeonato está sendo organizado por Adílson de novembro. Abaixo estão as equipes de cada clube Pézão, pelo lado da P2, e José Miguel Aidá, da AABB. divididas as duas chaves. n O objetivo é unir os clubes de maneira amistosa e fa- Revista RADAR

[close]

p. 15

Revista RADAR 15 Outubro 2016

[close]

Comments

no comments yet