Indico N40

 

Embed or link this publication

Description

Revista Indico N40

Popular Pages


p. 1

PREMIUM PREMIUM Parque Nacional das Quirimbas Quirimbas National Park GASTRONOMIA GASTRONOMY Cerveja de mandioca Cassava beer GUIA DE COMPRAS DE MAPUTO MAPUTO SHOPPING GUIDE REVISTA DE BORDO DA LAM LAM’S INFLIGHT MAGAZINE ESTE EXEMPLAR É SEU YOUR FREE COPY . NOV DEZ NOV DEC . SÉRIE IV . Nº 40 . 2016

[close]

p. 2



[close]

p. 3

06 HORIZONTES HORIZONS 18 PREMIUM PREMIUM parque nacional das quirimbas Florestas e ilhas tropicais de sonho quirimbas national park Forests and idyllic tropical islands 28 EVSÃO ESCAPE jardim dos aloés Um B&B de charme e aconchego A quaint and warm B&B 36 OUTRAS PARAGENS OTHER STOPS sandton Cidade jovem e vibrante Young and vibrant city 44 GASTRONOMIA GASTRONOMY 61 GUIA DE COMPRAS DE MAPUTO MAPUTO SHOPPING GUIDE 70 CULTURA CULTURE 18 ÍNDICE CONTENTS 88 PRIMEIRA FILA FIRST ROW Sabores silvestres Wild flavors 94 CLASSES CLASSES ensino à distância A democratização do conhecimento distance learning The democratization of knowledge 98 GPS GPS O Ouro Branco que não engana White Gold that does not disappoint 74 102 ROLAR TAXIING De mãos na natureza With your hands in nature 106 LOUNGE LOUNGE mia couto convida… Lucílio Manjate A nova prosa moçambicana mia couto invites... Lucílio Manjate The new Mozambican prose 109 MUNDO LAM 88 LAM’S WORLD PREMIUM PREMIUM Parque Nacional das Quirimbas Quirimbas National Park GASTRONOMIA GASTRONOMY Cerveja de mandioca Cassava beer GUIA DE COMPRAS DE MAPUTO MAPUTO SHOPPING GUIDE REVISTA DE BORDO DA LAM LAM’S INFLIGHT MAGAZINE ESTE EXEMPLAR É SEU YOUR FREE COPY . NOV DEZ NOV DEC . SÉRIE IV . Nº 40 . 2016 CAPA_teste.indd 1 CAPA xx COVER ricardo franco PROPRIEDADE xx PUBLISHER LAM - Linhas Aéreas de Moçambique SA; www.lam.co.mz; www.facebook.com/VOELAMM; Call Center: +258 21 468 800 Série xx Series IV, nº 40 CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA LAM xx LAM’S BOARD OF DIRECTORS Dr. António Pinto de Abreu (Presidente do Conselho de Administração Chairman of the Board) Dr. António Pinto (Presidente da Comissão Executiva Chief Executive Officer) Dr. Hélder Júlio da Silva Fumo (Administrador do Pelouro Financeiro Chief Financial Officer) Eng.º Carlos Vasco Sitoe (Administrador do Pelouro Técnico Operacional Chief Technical & Operational Officer) Eng.º Faizal Abdulgafar Sacugy (Administrador do Pelouro Comercial e Sistemas de Informação Chief Commercial and Information Technology Officer) Prof. Dr. Manuel Renato Matusse (Administrador Não-Executivo Non-Executive Board Member) Dr. Paulo Guilherme Mingot Negrão (Administrador Não-Executivo Non-Executive Board Member) EDITOR EXECUTIVO xx EXECUTIVE EDITOR Frederico Jamisse COLABORADORES xx CONTRIBUTORS Adelino Timóteo; Amâncio Miguel; Alda Costa; Cristina Freire; Custódio Mugabe; Francisco Manjate; Francisco Noa; Gil Filipe; José Machicane; Jorge Ferrão; Kaysa Johnsson; Laurindos Macuácua; Luís Loforte; Madyo Couto; Marta Curto; Mia Couto; Paola Rolletta; Patrícia Pinto da Cruz; Sangare Okapi; Sónia Sultuane e Ungulani Ba Ka Khosa FOTÓGRAFOS xx PHOTOGRAPHERS Alexandre Marques; Acamo Maquinasse; Benoit Marquet; Chico Carneiro; Dudu Mogne; Filipe Branquinho; João Costa (Funcho); Koos van der Lende; Mauro Pinto; Madyo Couto; Mário Macilau; Mauro Vombe; Ouri Pota; Pedro Sá da Bandeira; Piotr Naskrecki; Ricardo Franco; Ricardo Rangel; Tomás Cumbana; Vasco Célio e Yassmin Forte ILUSTRAÇÃO xx ILLUSTRATION Agostinho Novela e Dionísio Matavel TRADUÇÃO xx TRANSLATION David Miranda, Pangeia - Serviços de Tradução DESIGN Executive Moçambique PRODUÇÃO GRÁFICA xx GRAPHIC PRODUCTION Iona - Comunicação e Marketing, Lda (Grupo Executive) PUBLICIDADE xx ADVERTISING Departamento Comercial xx Commercial Department Ana Antunes (Moçambique Mozambique) ana.antunes@executive-mozambique.com; Pedro Dias 25/10/16 14:44 (Portugal) pdias.contacto@iona.pt ADMINISTRAÇÃO, REDACÇÃO E PUBLICIDADE xx ADMINISTRATION, EDITION AND ADVERTISING Executive Moçambique; Rua Marconi, nº 43, Bairro Polana Cimento, Maputo – Moçambique; Tel.: +258 21 485 652; Telm.: +258 84 311 9150; geral@executive-mozambique.com DELEGAÇÃO EM LISBOA xx LISBON OFFICE Rua Filipe Folque, nº 10 J – 2º drtº, 1050-113 Lisboa; Tel.: +351 213 813 566; Fax: +351 213 813 569; iona@iona.pt IMPRESSÃO E ACABAMENTO xx PRINTING AND FINISHING MINERVA PRINT - MAPUTO - MOÇAMBIQUE Maputo - Mozambique TIRAGEM xx PRINT RUN: 20.000 exemplares 20,000 copies NÚMERO DE REGISTO xx REGISTRATION NUMBER: 08/GABINFO-DEC/2006 3

[close]

p. 4



[close]

p. 5

EDITORIAL EDITORIAL Estimado Cliente Amigo, bem-vindo a bordo da LAM, a Companhia Moçambicana! Dear Customer and Friend, welcome aboard LAM, the Mozambican Company! O ano que está prestes a terminar foi particularmente desafiante devido à actual conjuntura económica do país. Porém, encaramos esta situação adversa como uma janela de oportunidade para aprimorar a criatividade na busca de soluções, visando a melhoria contínua dos nossos serviços. É neste âmbito que introduzimos o check-in online, com o objectivo de proporcionar autonomia ao passageiro e maior celeridade na aceitação da sua viagem, a partir do telemóvel, tablet e computador, bastando conectá-los à Internet. Este serviço é uma das evidências da nossa aposta de tornar a preparação da viagem mais agradável, sendo de destacar, neste caso, a particularidade que tem de contribuir para a redução do tempo de espera no aeroporto, conferindo ao cliente maior extensão do período para fazer o check-in, dado que a versão online pode ser realizada em casa, no intervalo de 36 horas a 1 hora antes da partida do voo. Ainda no domínio de novas plataformas, demos passos importantes para efectivar no próximo ano, de forma antecipada, o upgrade do sistema ISO 9001:2008 para ISO 2015 cuja efectividade mandatória iniciar-se-á em 2018. Estamos empenhados na implementação de outras acções, cujos resultados, em benefício dos clientes, estarão mais evidentes em 2017, ano para o qual desejamos boas entradas e sucessos a todos os nossos clientes. Reiteramos o convite para que voe sempre nesta Companhia Moçambicana, um verdadeiro veículo da Unidade Nacional. The year that is about to end has been particularly challenging due to the country’s current economic context. However, we see this adverse situation as a window of opportunity to enhance creativity in seeking solutions for the continuous improvement of our services. It is under this context that we introduce the online check-in service, with the objective of providing the passenger with autonomy and the ability to more quickly accept his/her flight, from his phone, tablet and computer, simply by connecting them to the Internet. This service is an evidence of our effort to make the preparation for the flight more pleasant and in this case with particular focus on contributing to reduce waiting times at the airport, granting the customer an extension of the check-in period, since the online version may be performed at home, from 36 hours to 1 hour before departure. Still concerning new platforms, we took important steps to upgrade next year, in advance, the ISO 9001:2008 system to the ISO 2015 system, mandatory to become effective in 2018. We are committed to the implementation of other activities, whose results benefiting customers will be more evident in 2017, a year which we wish to be filled with success for all our customers. We reiterate our invitation to always fly in the Mozambican company, a true vehicle of National Unity. Festas felizes e próspero 2017! Happy holidays and a happy 2017! 5 EDITORIAL EDITORIAL ANTÓNIO PINTO PRESIDENTE DA COMISSÃO EXECUTIVA DA LAM LAM’S CHIEF EXECUTIVE OFFICER

[close]

p. 6

ÍNDICO NOV. DEZ NOV. DEC ESTILISTA MACHEVE JR. APRESENTA-SE EM MAPUTO DESIGNER MACHEVE JR. DEBUTS IN MAPUTO O estilista moçambicano António Macheve Jr., radicado em Cape Town, África do Sul, lançou recentemente em Maputo a marca Xipixi, que integra a colecção “Ano do Cavalheiro”, com camisas, calções, laços e lenços. “É a primeira vez que me apresento em Moçambique, oficialmente, embora as minhas peças estejam à venda em algumas lojas há mais de seis meses. Decidi lançar a minha marca na Loja das Meias”, conta o estilista. Com 28 anos, Macheve exibiu, há dois meses, a mesma colecção do Mercedes Benz Fashion Week, em Joanesburgo. As suas peças são feitas à base de tecidos provenientes de Moçambique, África do Sul e Mali. Mozambican fashion designer Anténio Macheve Jr., based in Cape Town, South Africa, recently launched his Xipixi brand in Maputo, part of the “Gentleman of the Year” collection, with shirts, shorts, neckties and neckerchiefs. “It’s the first time I officially present myself in Mozambique, although my pieces have been in sale in some stores for more than six months. I decided to launch my brand at Loja das Meias”, the designer states. At 28, Macheve displayed two months ago the same collection at Mercedes Benz Fashion Week, in Johannesburg. His pieces are made from fabric from Mozambique, South Africa and Mali. MURAL DE MALANGATANA PATRIMÓNIO NACIONAL MALANGATANA MURAL BECOMES NATIONAL HERITAGE “Vovó Chipangara está zangada”, o mural de Malangatana patente na Beira, foi declarado Património Nacional de Moçambique pelo consulado português que em parceria com o Governo moçambicano assumiu o restauro da obra. No ano em que o pintor completaria 80 anos, o restaurador português Fernando Mariano e o moçambicano Jonas Tembe, do Museu Nacional de Arte de Maputo, deram um novo brilho à sua obra. “Grandma Chipangara is angry”, the Malangatana mural present in Beira, was declared National Heritage of Mozambique by the Portuguese consulate, which in partnership with the Mozambican government took over the restoration of the art work. In the year in which the painter would be 80, the Portuguese conservator Fernando Mariano and Mozambican Jonas Tembe, from the National Museum of Art in Maputo, gave new luster to his work. 6

[close]

p. 7



[close]

p. 8

ÍNDICO NOV. DEZ NOV. DEC CASINO POLANA COMEMORA 20 ANOS DE EXISTÊNCIA POLANA CASINO CELEBRATES 20 YEARS OF EXISTENCE O Casino Polana comemorou, no passado mês de Outubro, o seu 20º aniversário. É o primeiro Casino pós-independência em Moçambique que abriu portas em 1996, no Salão Nobre do Hotel Polana. Em 2006, mudou-se para instalações próprias na Marginal de Maputo, destino de eleição para os amantes dos jogos de fortuna e azar. É um espaço de entretenimento, com destaque para a música ao vivo, e onde se pode encontrar máquinas de slots, roleta americana, Black Jack, entre outros jogos, sendo que 2% dos seus lucros anuais são atribuídos à comunidade através de um programa de Responsabilidade Social. Last October, Polana Casino celebrated its 20th anniversary. It is the first post-independence Casino in Mozambique, which opened doors in 1996, at the Grand Hall of the Polana Hotel. In 2006, it relocated to its own facilities by Maputo’s Marginal Road, a destination of choice for gambling lovers. It is an entertainment venue, focusing in live music, and where you can find slot machines, American roulette, blackjack, among other games, and 2% of its annual profits are allocated to the community through a Social Responsibility program. 2% DOS SEUS LUCROS ANUAIS SÃO ATRIBUÍDOS À COMUNIDADE ATRAVÉS DE UM PROGRAMA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL. 2% OF ITS ANNUAL PROFITS ARE ALLOCATED TO THE COMMUNITY THROUGH A SOCIAL RESPONSIBILITY PROGRAM. CURSO DE LITERATURA INFANTO-JUVENIL CHILDREN’S LITERATURE COURSE Literatura infanto-juvenil foi o tema do 28º Curso de Literaturas em Língua Portuguesa realizado no Camões – Centro Cultural Português, em Maputo. O Curso de Literaturas é a realização cultural mais antiga do Camões, em parceria com a Faculdade de Letras e Ciências Sociais da Universidade Eduardo Mondlane que, em edições anteriores, trouxe nomes como José Saramago, José Luís Peixoto ou Afonso Cruz. A 28ª edição destaca, pela primeira vez, o papel da literatura infantil e juvenil na criação e promoção de mais e melhores leitores. Ao percorrer as diferentes fases da produção de um livro infantil, desde a escrita até à sua publicação, passando pela concepção, ilustração e edição, o programa proposto no curso pretende dar voz aos escritores, aos ilustradores e às editoras. O curso reflecte igualmente sobre a importância da literatura para crianças e jovens e experiências de dinamização da leitura em contexto escolar. Children’s literature was the theme of the 28th Portuguese Language Literature Course held at Camões - Portuguese Cultural Center, in Maputo. The Literature Course is the oldest cultural event of the Camões Center, in partnership with the Faculty of Arts and Social Sciences of the Eduardo Mondlane University which, in previous editions, brought names like José Saramago, José Luís Peixoto or Afonso Cruz. The 28th edition focuses for the first time on the role of children’s literature in the creation and development of more and better readers. Going through the different stages of production of a children’s book, from writing to publication, to design, illustration and editing, the proposed program in the course aims to lend a voice to writers, illustrators and publishers. The course also discusses the importance of literature in children and teenagers’ life, and of reading promotion experiences in schools. 8

[close]

p. 9



[close]

p. 10

ÍNDICO NOV. DEZ NOV. DEC FEIRA DO TURISMO TOURISM FAIR Pela primeira vez, a Feira Internacional do Turismo, realizada em Maputo, deixou o espaço da FACIM e decorreu no Centro Internacional de Conferências Joaquim Chissano. “Descobrir Moçambique” foi o tema desta 4ª edição e que contou com a participação de cerca de 150 expositores nacionais e estrangeiros, 14 hotéis, 40 agentes de turismo, dois países vizinhos (África do Sul e Suazilândia), além de diversos operadores turísticos. O evento foi organizado pelo Governo moçambicano, através do Ministério da Cultura e Turismo e do Instituto Nacional do Turismo (INATUR), em parceria com o sector privado. For the first time, the International Tourism Fair, held in Maputo, left the FACIM facility and took place at the Joaquim Chissano International Conference Center. “Discovering Mozambique” was the theme of this 4th edition, which had the participation of around 150 local and foreign exhibitors, 14 hotels, 40 travel agents, two neighboring countries (South Africa and Swaziland), and several tour operators. The event was organized by the Mozambican government, through the Ministry of Culture and Tourism and the National Tourism Institute (INATUR), in partnership with the private sector. “NDINEMA VAI À ESCOLA” EXIBIDA NA MATOLA “NDINEMA VAI À ESCOLA” PERFORMED IN MATOLA “Ndinema vai à escola” é a peça teatral que estará em cena na primeira quinzena de Novembro. Fugindo dos palcos habituais de Maputo, a peça será exibida no Auditório Municipal da Matola e no Parque dos Poetas, município da Matola. Do grupo M’Beu, a peça é destinada a um público infantil mas com uma mensagem de cunho social e uma profunda reflexão para os adultos. É uma adaptação do livro da escritora e romancista moçambicana Fátima Langa. A história centra-se no dilema de uma menor de 6 anos cuja família jamais pensou em mandá-la à escola, mas sim ensiná-la a exercer todas as actividades domésticas como forma de a preparar para um bom casamento. Mas as crianças vizinhas vão mudar o rumo da vida de Ndinema… Encenada por Elliot Alex e produzido por Isabel Jorge, a peça tem a participação dos actores Kwanja Zawares, Yuck Miranda, Celeste Valor, Nené Cumbe e Cesária Vuende. “Ndinema vai à escola” (Ndinema goes to school) is a play that will be on stage in the first half of November. Straying away form the usual stages in Maputo, the play will be performed in the Municipal Auditorium of Matola and at Poets Park, in the municipality of Matola. Created by the group M’Beu, the play is aimed at a young audience but with a socially conscious message and cause for deep reflection in adults. It is an adaptation of the book by Mozambican writer and novelist Fátima Langa. The story focuses on the dilemma of a 6-year old girl whose family never thought of sending to school but instead to teach her how to perform all household activities as a way of setting her up for a good marriage. But the children in her neighborhood will change the course of Ndinema’s life... Staged by Elliot Alex and produced by Isabel Jorge, the play features actors Kwanja Zawares, Yuck Miranda, Celeste Valor, Nené Cumbe and Cesária Vuende. 10

[close]

p. 11



[close]

p. 12

ÍNDICO NOV. DEZ NOV. DEC FESTIVAL NACIONAL DA CULTURA NATIONAL CULTURE FESTIVAL CONVÍVIO SEM TABUS NEM FRONTEIRAS COMING TOGETHER WITHOUT TABOOS OR BARRIERS TEXTO TEXT: FREDERICO JAMISSE FOTO PHOTO: MAURO VOMBE 12

[close]

p. 13

ESPECIAL SPECIAL 1 13

[close]

p. 14

ÍNDICO NOV. DEZ NOV. DEC 1 Mapiko, originária de Mueda (Cabo Delgado), despertou a atenção dos espectadores. Mapiko, from Mueda (Cabo Delgado), caught the attention of viewers. 2 Dois bailarinos que encantaram a plateia do bairro da Munhava. Two dancers who delighted the audience present at the Munhava neighborhood. 3 Bailado Aruangua, interpretado na sessão de abertura do festival. Aruangua dancing, performed at the festival’s 2 opening session. A província de Sofala (mais precisamente as cidades da Beira e do Dondo) vestiu-se de gala, no passado mês de Agosto, para acolher e assistir ao desfile alegórico dos artistas com hábitos, costumes e línguas diferentes. Artistas que vieram de todos os cantos de Moçambique para celebrar a diversidade cultural e fortificar a Unidade Nacional. Foram seis dias de muita dança, canto, troca de experiências e conhecimento mútuo. A 9ª edição do Festival Nacional da Cultura decorreu sob o lema “Celebrando a Diversidade Cultural, Pela Consolidação da Paz e Desenvolvimento”. Niassa é a província que irá acolher a 10ª edição, em 2018. Foram seis dias de muita dança, canto, troca de experiências e conhecimento mútuo. There were six days of lots of dancing, singing, exchanging experiences and mutual knowledge. Sofala province (more precisely the cities of Beira and Dondo) dressed up last August to welcome, and watch the allegorical parade of artists with different ways of living, customs and languages. Artists who came from every corner of Mozambique to celebrate cultural diversity, and strengthen National Unity. There were six days of lots of dancing, singing, exchanging experiences and mutual knowledge. The 9th edition of the National Culture Festival was held under the theme “Celebrating Cultural Diversity for the Consolidation of Peace and Development”. Niassa is the province that will host the 10th edition, in 2018. 3 14

[close]

p. 15



[close]

Comments

no comments yet