Agosto/2016

 

Embed or link this publication

Description

Supremo

Popular Pages


p. 1

ano 19 - edição 97 - Julho/2016 Distribuição Gratuita Supremo comemora 10 anos em Caçador

[close]

p. 2



[close]

p. 3

JULHO 2016 Capa Julho 2016 Foto: Studio Bleyer Editorial Sumário 04 - Caçador em cena - O que é Badminton? 06 - Artes - Arte e reciclagem 08 - Gastronomia - Paella a moda brasileira 09 - Espiritualidade - Salmo 12 10 - Ambiental - Desenvolvimento Sustentável – Ações em Caçador-SC 14 -Stylo by Tati 20 - Nivaldo - Olhar Social 22- Aconteceu 23 - Variedades - Edumar Jr. 24 - Turismo- Itaiópolis 26 - Mulheres que fazem - Iraci Figueroa Zardo Caros Leitores: Entramos no segundo semestre e a expectativa de todos os Brasileiros é que nossa economia reaja. Começamos cheio de emoções, pois na primeira semana iniciam as competições dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, em meio a muitas turbulências, com muitas reclamações de algumas delegações, devido as más condições dos alojamentos e pelo terrorismo que andam acontecendo por lá. Porém, esperamos que essa olimpíada possa fazer aquilo que ela se propõe, que é a união de povos e de raças, fazendo um belo espetáculo. Em todo o país começam a aparecer os candidatos a prefeito e vereadores, que o povo brasileiro saiba escolher seu candidato, não pelo que ele tem, mas por aquilo que ele possa fazer pela sua comunidade. O mês de julho foi repleto de comemorações, a Supremo comemorou 10 anos de existência, atletas caçadorenses foram destaque em nível nacional e também internacional, nas modalidades de Badminton e Fisiculturismo, a dança em Joinville, enfim esperamos que o segundo semestre seja repleto de medalhas e conquistas para todos. a Direção EXPEDIENTE Diretor Executivo: Alcir Bazzanella (jornalista -SC 1668 JP) Comercial: Edumar Jr. Diagramação: Giovana Castanheira Bazeggio Administrativo: Thiago Bazzanella Assessoria Jurídica: Gilson Kolross Revista Feeling AB Publicidades - Rua Irmão Guido Gabriel, 119 Fone: (49) 3567-1584 E-mail: redacao@abonline.com.br Caçador - SC - 89.500-000 Este órgão de comunicação não se responsabiliza por matérias ou artigos assinados, bem como por fotos cedidas por terceiros. JULHO 2016 - Feeling 03

[close]

p. 4

Caçador em cena O QUE É BADMINTON? ABC – ASSOCIAÇÃO DE BADMINTON DO CONTESTADO inúmeros prêmios e atletas destaques não apenas a nível nacional como também a nível internacional. Apesar de não ter uma origem exata, muitas pessoas acreditam que o badminton surgiu na Índia, esporte jogado com raquete e peteca. De acordo com vários historiadores, os oficiais ingleses resolveram trazer um jogo muito popular dos indianos para o continente europeu. Ainda de acordo com os especialistas, a população na Índia chamava esse jogo de “Poona”. Por volta de 1870, uma tradicional família da Inglaterra adicionou algumas mudanças no jogo indiano, que passou a ser chamado de badminton. De acordo com o site da Confederação Brasileira de Badminton, existem cerca de 130 nações que são membros da Federação Internacional de Badminton (IBF) nos dias atuais. Hoje o Badminton é o esporte com raquetes mais rápido do Mundo, a velocidade da peteca chegou aos incríveis 493 Km/h. Atletas como Laura Santi Bertotto, Kauan Figueroa Sttocco e Natália Bortolini Stein, são atletas da Associação de nível internacional. Em 2015 foram convocados pela Seleção Brasileira para competir o Campeonato Sul-Americano em Foz do Iguaçu/PR. O Badminton como um todo, traz uma realidade de cultura e respeito ao próximo, é um desafio como prática esportiva, na qual, é totalmente aeróbica, ou seja, ajudará também na saúde de cada um de seus praticantes. Essa modalidade esportiva está sendo praticado há pouco tempo em Caçador, e por esse motivo, alguns praticantes da modalidade no município, sentiram necessidade de estruturar e organizar uma associação, que hoje se nomeia, ABC – Associação Badminton Contestado, que este ano completou 3 anos de existência. Mesmo com pouco tempo a ABC já possui 04 Feeling - JULHO 2016 A associação é administrada por uma diretoria muito competente e atuante como Cristiano Urio, Leandro Ceccatto, Rosane Bortolini Stein, Sandra Spautz, Vander Faria e dos professores e técnicos Marcos Stein e Wilson Domingos. Contato: @badminton.abc (Facebook) Treinamento (Quadra UNIARP) SGegeuanddaaedQeui2nt0a1à6noite

[close]

p. 5



[close]

p. 6

Artes Arte e reciclagem A reciclagem é uma arte que busca sempre transformar em novo o que um dia já foi novo. Giovana Castanheira Bazeggio No dia a dia utilizamos e descartamos muitos materiais sem nem pensar em como eles poderiam ser reaproveitados. Apesar da cultura da coleta seletiva e reciclagem estarem cada vez mais presentes na sociedade, ainda é difícil enxergar um futuro diferente para o produto descartado. Se para uns o produto acaba ali, no lixo, para outros, o lixo é a solução. Não é preciso ser artista nem muito criativo, basta entender a relação entre arte e reciclagem, e imaginar novos produtos a partir dos materiais “velhos”. Por ser um tipo de fonte de renda extremamente sustentável, ambiental e economicamente falando, esse tipo de arte com materiais reciclados atrai cada vez mais adeptos. De decoração natalina a exposições, com um pouco de criatividade, plásticos, pneus, garrafas, latas, papéis e jornais, podem ser transformados em vários produtos. A criação de bolsas, cestas, porta-lápis, carteiras, cadeiras, sofás, puffs, almofadas e até mesmo roupas, estão entre as mais comuns e mais “práticas”. No entanto, há quem ouse mais. Do lixo ao luxo Artistas plásticos aderem, cada vez mais, à criação sustentável. Com a reutilização de materiais para a produção de obras eles atraem os olhares de curiosos e a atenção das pessoas em geral. Muitas vezes, a mudança é tão grande que os produtos finais não se parecem nada com material reciclado. O brasileiro Vik Muniz, conhecido pelo documentário “Lixo Extraordinário”, que trata sobre o trabalho de catadores de lixo em aterros sanitários, é um dos mais renomados e reconhecidos na área. Em suas mãos, o lixo vira obra de arte. Entre suas obras, destaque para os retratos sobrepostos com lixo e o trabalho realizado na Rio+20, no qual as pessoas podiam levar produtos reciclados para o artista compor a sua obra. Em seu último trabalho, o artista plástico utilizou revistas de todos os assuntos para compor imagens de artistas famosos e de personagens anônimos. Foto: magriniartes A Bar at the Folies Bergere After de Edouard Manet, por Vik Muniz. "Na Natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”. Lavoisier

[close]

p. 7

FILÓ – Costumes dos imigrantes italianos. Muita comida típica, cantoria, alegria na festa em homenagem ao Dia do Filò em Caçador – SC - realizada no dia 30 de julho. Na acolhida dos participantes, Mestre Talian Professor Zanella, proferiu as seguintes palavras: “Jesus nasceu em uma manjedoura num estábulo. De igual forma, por extrema necessidade, o Filó nasceu em estábulos na Itália. Colonos miseráveis sem ao menos possuir lenha para o fogareiro, reuniam-se nas longas e rigorosas noites de inverno em estábulos junto com as vacas para aquecerem-se. No Brasil, os imigrantes mantiveram o costume de reunirem-se em famílias à noite após a janta. De início, em meio à mata, na miséria, o Filó assemelhava-se ao da Itália. Muita labuta e sofrimento conseguem produzir e melhorar de vida mantendo a tradição do Filó. No Rio Grande do Sul e em Santa Catarina, principalmente, há um movimento muito forte de resgate desses costumes. Como o Filò atual é público, atende às exigências dos participantes e realizados de maneiras diferentes em cada localidade. No entanto, suas origens são mantidas. O que diferencia é a maneira de organizar as festas. Comida típica, música, cantoria e muita alegria.” Participaram do Filó deste ano alunos do curso de Cultura e Língua Talian em forma de aprendizagem junto a seus familiares inclusive de outras cidades. Esteve presente ao filò, a sra Nedi Terezinha Locatelli da diretoria da FEIBEMO e titular do Colegiado Setorial de Patrimônio Imaterial do Ministério de Cultura. Em que comentou: “Belo exemplo de como a cultura ajuda – e muito – as pessoas a serem mais felizes.” Este filó acontece há 16 anos em Caçador. Os mestres são Aliduino e sua esposa Nair, acompanhados das filhas Kênia e Naira. Aliduino por muitos anos assumiu a condição de presidente da FEIBEMO, Federação de Entidades ÍtaloBrasileiras e de Mestres e Ofícios da Cultura Taliana. Aliduino é – por ora – o único mestre da cultura taliana reconhecido pelo Ministério da Cultura, Mestre Professor Zanella. Informações sobre o que é filò, bem como seu histórico, encontra-se em Artigos no site www.feibemo.com.br e no livro Cròniche D'un Talian disponível nas livrarias de Caçador –SC. Diretoria da FEIBEMO A chegada com o lampião, pois antigamente não havia luz elétrica. JULHO 2016 - Feeling 07

[close]

p. 8

Gastronomia Alcir Bazzanella Paella a moda brasileira Caldo de peixe para cozinhar o arroz: 1 ½ litro de água 1 colher (chá) de açafrão 4 camarões grandes inteiros 04 lagostins 2 cabeças de pescada com a carcaça (casca ou cabeça de camarão) Para a paella: 300 g de carne de frango (cortada em cubos) refogada ½ xícara (chá) de azeite 1 cebola picada 3 dentes de alho picados ½ talo de alho poró cortado em rodelas não muito finas 1 pimentão verde médio em tiras finas 1 xícara (chá) de vagem picada 1 xícara (chá) de alcaparra ½ pimenta dedo-de-moça picada 2 tomates picados sem pele e sem sementes Sal a gosto 1 xícara (chá) de peixe cortado em cubos (badejo, pescada, robalo, peixes de carne mais firme) 2 xícaras (chá) de arroz Caldo de peixe (1 litro mais ou menos) 1 xícara (chá) de lula cortada em rodelas (150 g) 1 xícara (chá) de camarão médio sem casca (150 g) 1 xícara (chá) de vieiras (150 g) 1 xícara (chá) de mariscos (150 g) 2 colheres (sobremesa) de açafrão dissolvido no caldo de peixe 1 colher (chá) de páprica doce dissolvida no caldo de peixe Para a montagem: Tiras de pimentão vermelho (de mais ou menos 3 cm) refogado no azeite e alho amassado 4 unidades de mariscos na concha 4 camarões cozidos 4 lagostins Salsinha picada a gosto Pimentão amarelo e vermelho para decorar Modo de preparo Num caldeirão com a água e o açafrão, coloque os camarões, os lagostins, a cabeça e a carcaça do peixe. Após 5 min de fervura, retire os camarões e os lagostins. Deixe o caldo peixe em fogo baixo. Para a paella: Refogue o frango por uns 10 min. Reserve. Coloque os ingredientes, um a um, começando pela parte central da paellera, ou seja, a parte mais quente da panela e distribuindo pelas laterais. Coloque o azeite e, em seguida, os ingredientes: refogue o frango, a cebola, o alho, o alho poró, o pimentão verde, a vagem, a alcaparra , os tomates, o peixe, o arroz e o caldo. Deixe por cerca de 5 min. Despeje o açafrão e a páprica doce dissolvidos. Com o arroz quase cozido, pare de mexer e decore com os camarões, os lagostins, o pimentão vermelho refogado, os mariscos, a salsinha e as alcaparras .Abafe (com tampa ou papelalumínio)e espere terminar o cozimento do arroz. (Serve 10 pessoas) 08 Feeling - JULHO 2016

[close]

p. 9

Espiritualidade Professor Guerino Bebber Salmo 12 (11):Contra o mundo mentiroso. O salmista, nesta sua oração a Deus (todo salmo contém verdades divinas em forma de oração) está decepcionado com a sociedade do seu tempo e exclama de saída: 'Salva,Yahveh! Não tem mais santos, a verdade desapareceu de entre os homens. Eles na fazem senão mentir, cada um a seu próximo, lábios enganadores, linguagem de um coração duplo'. Parece um profeta bíblico, como Isaías, Jeremias, Ezequiel,reverberando os homens. Mas não deixa de dizer uma verdade válida, e válida para todos os tempos porque trata de um tema universal (que atinge todos os homens de todos os tempos ), esta é, aliás, uma das características de toda palavra de Deus. E o salmista - escritor hábil cuja língua corta como espada - prossegue forte: ' Que Yahveh corte todo lábio mentiroso,corte a língua de quem costuma fazer longas frases, daqueles que dizem: a língua é o nosso forte, nossos lábios são por nós, quem poderá ser nosso mestre?' Diante deste comportamento enganador e prevalecido dos mentirosos, então Deus se levanta e 'em defesa do infeliz que é despojado, do pobre que geme, declara: Eu garantirei a salvação àqueles que dela tem sede', e acrescenta ,contrapondo a verdade de Deus à mentira dos homens (tema central deste salmo): 'as palavras de Yahveh são palavras sinceras, prata nativa que surge da terra, sete vezes purificada'. Que beleza contêm todos os salmos, ricos de conteúdos que servem de guia para um comportamento humano justo, de acordo com a Lei Divina inscrita em nós, vale dizer, de acordo com a nossa natureza, e belamente escritos, os salmos, que dão prazer ao espírito, porque belos à inteligência e agradáveis aos ouvidos. JULHO 2016 - Feeling 09

[close]

p. 10

Ambiental Desenvolvimento Sustentável – Ações em Caçador-SC O Projeto PAES desta edição trás novamente o tema de desenvolvimento sustentável com o objetivo de deixar este assunto sempre presente em nosso dia-a-dia. O desenvolvimento sustentável vem sendo assunto principal de vários encontros mundiais, discutindo e apresentando novas formas de combustíveis, energias sem emissão gases, entre outras, para que possamos ter alternativas além do petróleo, devido à preocupação com as consequências negativas naturais pela abusiva extração dos combustíveis fósseis, bem como pela sua extinção. Os novos tipos de combustíveis e práticas de produção sustentável buscam o desafio de um dueto contemporâneo sustentável, que são: crescimento e desenvolvimento, com objetivos socioeconômicos e melhores condições de vida para a sociedade. Ações devem ser tomadas, podemos acompanhar alguns desastres naturais que já estão saindo do controle, como é caso das recentes queimadas em Goiás, no Canadá, terremotos no Foto: Corpo de Bombeiro MG Mariana MG 05/11/2015 10 Feeling - JULHO 2016 Peru, o desastre da barragem de Mariana em Minas Gerais, aquecimento dos oceanos, aumento das temperaturas está provocando degelo alguns anos e ameaça espécies, muitos reflexos dos atos dos seres humanos. É preciso agir com urgência e com prudência para que possamos oferecer as gerações futuras qualidades dignas de vida na terra. A falta de uma cultura de preservação e sustentabilidade mostra a importância da educação ambiental nas escolas, para a formação de novos cidadãos, não há mais tempo para somente lutarmos contra os desastres, ele tem que diminui de dentro para fora, e essa consciência deve ser plantada na cabeça das novas gerações. A Conferencia das Nações Unidas sobre Desenvolvimento e Sustentabilidade, RIO+20 em 2012 no Rio de Janeiro, após vinte anos da Eco-92, reafirma compromissos da conferencia anterior no documento final, renovação dos compromissos políticos, economia verde, estrutura institucional, estrutura de ação e meios de implementação. Em setembro de 2014, reuniram-se mais de 150 líderes mundiais na sede da ONU, em Nova York, para adotar formalmente uma nova agenda de desenvolvimento sustentável, a agenda foi formada por 17 objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que de acordo com a ONU, deverão ser implementados por todos os países do mundo durante os próximos 15 anos, até 2030 Os dezessetes objetivos para as próximas décadas elaborados pela ONU devem ser dignos de grande observação geral e controle de cumprimento, seguindo o documento elaborado pelas cúpulas mundiais em pró a qualidade de vida da humanidade e das necessidades da terra. Assim, como essas medidas, outras muitas parecidas apareceram na década de

[close]

p. 11

sessenta, já se passaram sessenta e seis anos e o vimos poucas mudanças. Grandes indústrias poluindo o ar, grandes cidades com acúmulos de veículos eliminando gás carbono, e atitudes corruptas por órgãos, municipais, estaduais e federais, burlam as leis e possibilitam crescimentos desordenados e com grandes prejuízos a natureza em um futuro próximo, com demora regeneração. Assim sem cobranças enfraquecem uma luta de tantos anos, a consciência, a cultura ambientalista inexiste em muitas mentes a de haver uma maneira mais intima da sociedade participar efetivamente de ações de desenvolvimento sustentável, assim a educação abre caminhos para conhecimento da sustentabilidade, para o seu entendimento e compreensão. Além do conhecimento e informações, para que possamos adquirir novos hábitos, há uma preocupação com o desenvolvimento agrícola, êxito rural, falta de produção para uma geração que não para de crescer e que precisa de equilíbrio espacial, socioeconômico e ambiental, assuntos que preocupa há décadas, alguns países atuam com auxilio na permanência do campo, outros com facilidades de empréstimos e vários auxílios, porém pequenos ao ponto da dependência de tantos fatores, como climáticos e outros. Para uma produção e negociação de grande porte, existem associações, cooperativas, pessoas preocupadas com as questões externas a agricultura. Estimularia os negócios, a lucratividade, o envolvimento dos pequenos agricultores no negócio. A informação propõe novas estratégias, novas visões para o fluxo dos produtos agrícolas com maior aproveitamento e maiores dividendos aos associados. Caçador se destaca na agricultura familiar, no reflorestamento e condições propícias para o crescimento do desenvolvimento sustentável através de suas florestas e população. Algumas pesquisas estão sendo feitas em relação a possibilidades de novas alternativas de desenvolvimento sustentável para a população da região de Caçador, sendo o turismo sustentável aplicado ao Bosque Modelo Caçador um dos objetos de pesquisa analisados atualmente. Dentro de alguns meses, teremos resultados de uma dissertação de mestrado apontando alguns rumos para uma busca de um desenvolvimento mais sustentável para a região. O Bosque Modelo de Caçador, já tratado em nossas edições anteriores, contempla a gestão do território e os esforços para que nosso município seja gerido de uma forma mais harmoniosa entre preservação e desenvolvimento. Há de se investir sempre no agricultor e sua permanência na terra, assim como bases escolares em relação às questões agrícolas com incentivo dos governos e órgãos privados para que o ciclo da sustentabilidade seja completo e o equilíbrio seja alcançado. A contribuição do artigo desta edição é da mestranda, turismóloga e especialista em administração de empresas Aline Mateus. O Projeto PAES é um espaço aberto para divulgar e informar boas ações e iniciativas de melhoria ambiental e social para nossa região! Aguardamos sua contribuição! JULHO 2016 - Feeling 11

[close]

p. 12

Supremo comemora 10 anos em Caçador Uma solenidade realizada na noite desse sábado (8), no restaurante das Bochas, marcou as comemorações dos 10 anos da empresa Super Supremo, de Caçador. De propriedade do empresário Sidney Lenz, a indústria é considerada uma das maiores e melhores produtoras de filtros para café do Brasil. A história dessa empresa foi escrita através de força de trabalho e perseverança. Conforme explica o empresário Sidney, a falta de dinheiro foi um dos maiores obstáculos. Ele lembra que na época iniciou as atividades da fábrica com apenas R$ 268,00 no bolso, e mesmo com essa situação financeira ele conseguiu superar, e considera o sonho realizado. “Esse dia representa a sensação de dever cumprido, de ter chegado aqui com garra e coragem. Tudo o que idealizei eu consegui fazer, porque quando você tem o capital pessoal, que é a honestidade e a força de trabalho que carrega, você consegue qualquer coisa, e foi assim que eu cheguei até aqui”, destaca. O resultado do compromisso com a qualidade tornou a marca presente em todos os estados do Brasil, com patentes pelo Brasil, Paraguai, Uruguai, Argentina, Chile, Colômbia, México, USA, Canadá e a União Europeia (composta por 27 países). Sidney acrescenta que tudo isso é fruto dos colaboradores. “Para acontecer tudo isso você precisa de bons fornecedores, que entreguem o produto com qualidade, e de 12 Feeling - JULHO 2016 bons funcionários, que consigam desenvolver a partir da matéria prima um bom produto. São peças muito importantes no processo de produção da Supremo”, finaliza o empresário. A Supremo também lançou durante a solenidade, a pedido de clientes, um novo produto, o filtro para café em papel. Após as formalidades e algumas homenagens foi servido um jantar a todos. A solenidade também foi marcada por homenagens. Sidney Lenz, proprietário da empresa, bem como a sua esposa, receberam placas honrosas e flores. Da mesma forma foram homenageados os funcionários com mais de 5 anos de empresa. Os demais colaboradores e todos os fornecedores receberam brindes.

[close]

p. 13

A empresa Supremo esta localizada na rua Nelson Eugênio Busatto, no bairro Bom Sucesso II, e conta hoje com mais de 65 colaboradores diretos e alguns indiretos. Possui mais de 100 marcas próprias. Os filtros para café, por serem recicláveis, não se utilizam de florestas para serem produzidos. O filtro proporciona um café com mais aroma e sabor a qualquer hora do dia porque filtra mais rápido que os demais, uma vez que é produzido com a tecnologia TNT (Tecido Não Tecido). São laváveis podendo ser reutilizados por até cinco vezes sem perder a qualidade do filtro e sem alteração no sabor do café, gerando assim muito mais economia

[close]

p. 14

Com Stylo Taty de Paula Nós da Studio Light buscamos sempre valorizar o trabalho de nossos parceiros e amigos, por este motivo gostaríamos de aproveitar esta edição para mostrar um pouco do trabalho da nossa grande parceira Maristela Cachinski que tem confiado na Studio Light para auxiliá-la em alguns de seus projetos, uma profissional que busca sempre o melhor para seus clientes conciliando bom gosto, conforto e praticidade. Nas fotos podemos conferir um pouco do seu trabalho, onde ela utiliza as luminárias e os LED's para valorizar ainda mais o projeto. Estamos esperando a sua visita! Telefone: 49 3567 8788 A loja Thiago Modas está sempre antenada no mundo da moda e traz os looks dos bloggers mais badalados do momento. São muitas inspirações para você não errar na hora de sair, seja no dia-a-dia ou em alguma ocasião especial. "Sua imagem funciona como um cartão de visita e será uma ferramenta poderosa para alcançar reconhecimento pessoal e profissional", diz o consultor de moda e empresário Thiago Rodrigues. Trabalhando diariamente para compartilhar com você, os must-haves do mundo fashion, as últimas tendências de moda, em até 6x no cartão. Venha nos fazer uma visita nossa loja fica no segundo piso do Apolo Center! Foto: Michel Castro (Xs Excess Comunicação) Andressa Mora e o cantor Sorocaba esbanjam elegância no casamento de Mateus (da dupla com Jorge). A modelo usou um vestido exclusivo da estilista catarinense Karla Vivian. 14 Feeling - JULHO 2016 Siga o instagram @thiagomodas/ Face ThiagoModas/SC e compre também pelo WhatsApp (49) 8827-7494

[close]

p. 15

Com a chegada do inverno e em consequência do clima frio, acostumamos a ficar com os ambientes mais fechados e permanecer em um determinado cômodo da casa que seja mais quentinho ou deixamos o ar condicionado no mais quente possível no escritório, optando por não abrir aquela janela para ventilar o ambiente. Na maioria das vezes não lembramos que isso pode levar a um acúmulo de vírus que desencadeiam diversas doenças respiratórias. No inverno, com o ar mais seco, as vias respiratórias ficam mais irritadas e congestionadas, que levam a alergias, falta de ar e coriza. Com isso, as gripes e resfriados se tornam mais frequentes e podem comprometer o sistema respiratório, levando a doenças como rinite alérgica, crises asmáticas, sinusite, bronquite crônica, enfisema pulmonar e pneumonias. Além das dicas que sempre são válidas como manter o ambiente arejado, para o tratamento das doenças respiratórias existe uma área da fisioterapia que é muito eficaz no processo de tratamento, a Fisioterapia Respiratória, que conta com técnicas não invasivas com o objetivo a melhor captação e transporte do oxigênio, prevenindo, revertendo ou minimizando o quadro da doença. O fisioterapeuta utiliza padrões ventilatórios, manobras manuais e incentivadores respiratórios para aumentar a capacidade ventilatória dos pulmões e expectoração da secreção que se acumula nas vias respiratórias. A Equilibrium Clínica de Fisioterapia conta com a Fisioterapeuta Drª Eliane de Fátima Souza, com pós-graduação em traumato-ortopedia e neuro-funcional. Apresenta uma estrutura completa com inúmeros recursos terapêuticos para atender seus pacientes na reabilitação fisioterápica. A clínica se encontra em novo endereço para melhor atender seus pacientes, agora está situada na Rua José Boiteux, número 97, no Centro de Caçador/SC. Telefone para contato (49) 3563-9252. Na Ilha de Caras, Adriane Galisteu comemora a sua volta à TV, vestindo Karla Vivian Beach Brazil A musa Adriane Galisteu, concedeu uma entrevista exclusiva à revista Caras recentemente. Na matéria em destaque, ela celebra a sua volta à TV e exalta a força feminina. Durante o passeio por Angra dos Reis, Adriane Galisteu posou para o fotógrafo Martin Gurfein, usando um body lindíssimo da marca catarinense Karla Vivian Beach Brazil. A apresentadora Adriane Galisteu, passou a comandar desde o dia 28 de junho, o programa de entrevistas Face a Face, da BandNews, no lugar de João Doria. Quanto aos futuros planos profissionais, ela faz mistério, mas garante que por enquanto está muito feliz com seu canal em um programa de vídeos na web, o #GalisteuSemFiltro, se dedicando à família, incluindo o herdeiro, Vittorio, da união com o empresário Alexandre Iodice, que acompanhou Adriane ao passeio paradisíaco à Ilha. Créditos: Martin Gurfein/ Xs Excess Comunicação. A Prótese de Mama atrapalha a amamentação? Uma pergunta muito freqüente no nosso consultório é se colocar prótese de silicone nos seios pode atrapalhar uma futura amamentação. Quando falamos de implante de silicone temos que separar dois tipos de cirurgias: a cirurgia de somente inclusão da prótese (A) e a cirurgia realizada para levantar a mama e dar forma, após uma queda das aréolas e do tecido mamário (B). A) Prótese de mama: indicada nas pacientes que possuem mamas pequenas e sem ptose (queda) e que desejam aumentar o volume mamário e dar forma. Nesse caso, o implante de silicone pode ser colocado em alguns planos, sendo os mais frequentes o subglandular (embaixo da glândula mamária - o mais realizado) e o retromuscular (abaixo do músculo peitoral), cada um com suas indicações específicas. Assim, não alteramos a glândula mamária, que é onde o leite materno é produzido. Dessa maneira, a paciente amamenta normalmente, devendo ser respeitado um período de pausa, em torno de 12 meses após cirurgia, para amamentar. B) Mastopexia com implante de silicone: indicada nos casos de ptose mamária, com queda das aréolas, sobra de pele e flacidez dos tecido mamário. Após cada ciclo de amamentação, a mama sofre o que chamamos de “degeneração glandular”, onde o organismo inicia uma substituição do tecido glandular da mama por gordura (lipossubstituição). Assim, a mama perde capacidade de sustentação e cai, perdendo forma do colo mamário e projeção das areólas. Quando mais vezes a mulher amamentar, maior a chance de ptose mamaria. Nesses casos, a tendência atual é fazermos uma cirurgia para retirar excesso de pele e tecido mamários, utilizando uma prótese de silicone para dar forma e sustentação para as mamas. Com isso, a amamentação fica prejudicada e, na maioria das vezes, a paciente não consegue mais amamentar. Importante ressaltar que, o correto, é não utilizarmos implantes muito grandes pois, como as mamas já iniciaram um processo de ptose, se colocarmos muito peso irão cair novamente. Próteses médias ou pequenas são muito bem indicadas. Dão forma e contorno naturais, projetando as aréolas. Veja em que qual dessas situações você se encaixa. Procure seu Cirurgião Plástico e boa sorte! Dr. Flávio Burg Membro Especialista da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (49) 3563-0033 / 3567-0996 Caçador (49) 3533-1657 / 3566-4783 Videira dr.flavioburg@gmail.com JULHO 2016 - Feeling 15

[close]

Comments

no comments yet