Presto Revit -BIM

 

Embed or link this publication

Description

Presto Revit -BIM

Popular Pages


p. 1

Presto - Revit Orçamento BIM 5D Softwares Técnicos para Engenharia e Arquitetura www.arkisoft.com.br Presto - Revit otimiza o orçamento de obras integrando estes dois sistemas BIM.

[close]

p. 2

O complemento de Revit para Presto que obtém orçamento automaticamente e realiza todas as tarefas necessárias para a gestão integral de custos. A interação entre Presto e Revit e as distintas opções do Presto – Revit se adaptam a diferentes processos e perfis de uso, desde a utilização do modelo como base única de dados até a colaboração entre equipes independentes. As principais possibilidades do Presto – Revit são: • Gerar as quantidades completas do modelo. • Converter as quantidades no orçamento necessário para avaliar ou licitar o projeto. • Obter áreas úteis e construídas, os parâmetros ou a documentação gráfica da oferta. • Identificar os elementos do modelo Revit no Presto e vice versa. • Inserir no modelo informações que provém do orçamento, incluindo alterações nos parâmetros. • Visualizar graficamente as informações da planta, execução ou certificação • Sincronização entre as alterações no modelo e o orçamento. Linhas de quantificação selecionadas são automaticamente localizadas no Revit. O resultado do orçamento é também um ótimo ponto de partida para obter uma planificação 4D que aproveite as vantagens dos sistemas digitais. Todas as opções do Presto – Revit que não requerem a modificação permanente do modelo Revit, podem ser realizadas utilizando o Revit Viewer.

[close]

p. 3

Obtenha quantitativos estruturados! A necessidade de estruturar mais a informação que se introduz em um modelo BIM referente a sistemas CAD tradicionais, deve ser compensada pela obtenção de resultados muito mais automáticos. O princípio básico para aproveitar as vantagens de um orçamento 5D é a correspondência entre tipos construtivos e unidades de obra, critério recomendado por todos os padrões e manuais de boas práticas e que ocorre de forma natural em qualquer modelo BIM bem realizado. O Presto – Revit organiza os diferentes tipos utilizados em uma Estrutura de Trabalho EAP que segue a mesma organização de categorias e famílias Revit. Esta estrutura, se não for adequada para o orçamento, pode transformar-se automaticamente desde o Presto, em outra estrutura de capítulos mais convencional, como a tabela de preços de bases Brasileiras, como por exemplo Sinapi, Emope, etc. com base na codificação dos tipos e de uma planilha definida pelo usuário. Unidades de obra e quantidades A informação associada aos tipos é reutilizada para formar a unidade de obra, como o código de montagem e seu resumo, a descrição completa, a miniatura e o preço unitário, se estiverem no modelo. A quantidade se calcula em função de critérios de quantificação definidos pelo padrão, para cada categoria, com a unidade de medida mais adequada. Por exemplo, as paredes são medidas por superfície vertical em m², o concreto em m³, os elementos lineares em metros, os aparelhos sanitários em unidades iguais e o aço por seu peso em kg. Desta maneira é possível gerar quantitativos de qualquer modelo desde o primeiro momento, sem introduzir nenhum dado complementar. m³ kg m m² O critério de quantitativo pode ser alterado: • A partir do próprio modelo, criando um parâmetro de usuário com outra unidade de medida, baseada no cálculo do Presto ou acrescentando uma expressão específica para este tipo. • Modificar o critério de quantificação desde o Presto, já que todos os dados geométricos de cada elemento são transportados, mesmo que não se utilize o critério padrão de quantificação. Se o preço unitário está contido no campo correspondente do Revit, o orçamento é obtido já avaliado desde o primeiro momento.

[close]

p. 4

Linhas de quantificação com todas as informações necessárias A identificação de cada elemento e a rastreabilidade entre modelo, orçamento e realidade da obra é uma vantagem básica dos sistemas BIM. No Presto – Revit, cada elemento do modelo dá lugar a uma ou mais linhas de quantificação, que ficam vinculadas entre o orçamento e o modelo. Quantificações estruturadas Nas linhas de quantificação se utilizam dados que constam em todos os modelos de Revit, sem a necessidade de decisões ou esforços específicos do usuário. São exportadas como referência as colunas tradicionais de largura, altura e profundidade, mesmo que não intervenham no cálculo da quantidade. • Para realizar verificações, como a espessura da parede. • Para mudar o critério de quantificação. • Para usar como referência de outras unidades de obra. Outros valores que se preenchem em todas as linhas de quantificação: • Dimensões geométricas complementares às tradicionais, como área, perímetro ou volume. • Planta e nível, orientação de paredes, coordenadas X, Y, Z • Códigos de família e tipo, elemento e identificação no modelo. • Elemento superior, em tipos hierárquicos • Arquivo • Data e hora da seção de trabalho Outros valores das linhas baseiam-se em dados que podem constar, ou não, em cada modelo: • Habitação e área • Marca, diferente para os elementos de um mesmo tipo • Grelha horizontal e vertical mais próximas ao elemento • Opção e variante • Workset ou sub-projeto • Formula de quantificação ou dimensões em parâmetros de usuário Alterações no modelo são aplicadas automáticamlente ao orçamento O comentário se forma automaticamente com a planta, área e habitação, se não está preenchido o campo com este nome no elemento, e se pode compor também usando qualquer outra combinação de campos. O resultado é uma linha de quantificação enriquecida, cuja informação pode ser utilizada pelo responsável do custo para definir melhor o orçamento ou para analisar o conteúdo do próprio modelo. Por exemplo, pode- se realizar simulações de alternativas desde o Presto, já que se pode mudar facilmente entre a opção principal e suas variantes utilizando a ferramenta de análise de tabelas.

[close]

p. 5

Integra orçamento, modelo e obra Ao selecionar uma ou mais linhas de quantificação no Presto, selecionam-se automaticamente os elementos do Revit a que correspondem, se está aberto pelo mesmo modelo, e vice-versa, se são marcados elementos no Revit, selecionam-se as linhas de quantificação no orçamento. Pode-se designar a cor de visualização de cada elemento em função de uma propriedade qualquer do orçamento. Como propriedades predefinidas estão a atividade a que pertencem ou o estado do orçamento: inicial, aprovado, pendente. Também se pode aplicar a cada elemento a cor de sua linha de quantificação, que por sua vez pode ser escolhida em função de qualquer informação que se deseja visualizar, como a fase de certificação ou de planificação. Quantificações de elementos vinculados e lacunas A informação contida no modelo BIM e o uso de sistemas informatizados permite obter resultados muito úteis que manualmente não seriam possíveis. Por exemplo, por trás de cada linha de quantificação de um elemento principal são geradas, opcionalmente, as linhas de seus elementos vinculados, que aparecem em outra unidade do orçamento. • Em cada trecho de parede cortina constam seus painéis e seus montantes. • Nas escadas constam seus trechos, patamares, balaustradas e corrimãos. Os elementos vinculados constam em uma cor específica para cada categoria e não intervém no custo da quantidade da obra. Esta possibilidade permite analisar e verificar o modelo, descartando duplicações e esquecimentos, e tomar decisões sobre o nível de detalhe a que se realizará o orçamento. Em complemento de cada parede constam seus vãos e as carpintarias inseridas. Os vãos inferiores e a superfície escolhida ao gerar o orçamento são descontados; os vãos não descontados aparecem anulados, pelo que se pode mudar o critério para desconta-los ou não tornar a exporta-los.

[close]

p. 6

Obtenha quantitativos estruturados! Quantificação de elementos não modelados As quantificações dos elementos que não estão no modelo podem ser obtidas automaticamente utilizando linhas de transferência, que contém as quantidades resultantes de critérios de quantificação diferentes a uma unidade de obra existente. Por exemplo, é possível obter a pintura de todas as portas mediante uma linha de transferência de medição que contém a suma de superfícies frontais, e multiplica-la por dois. O mesmo pode ser aplicado às fôrmas, somando a superfície frontal e a superfície lateral. Esta integração é dinâmica, pois que trás as alterações no modelo e recalcula automaticamente os resultados derivados. Topografia Corte É gerado um capítulo detalhan- Aterro do o movimento de terras. Acabamentos A quantificação dos acabamentos é feita por diversos procedimentos. • Designando materiais às propriedades de cada habitação em Revit, o Presto - Revit gera capítulos para tetos, pisos e paredes; cada um contém como unidades de obra os materiais utilizados e como linhas de quantificação as habitações de cada material, com a área correspondente. • Obtenha a quantificação detalhada de pinturas, uma opção de Revit que permite designar com grande liberdade acabamentos superficiais e superfícies parciais. As possibilidades para medir áreas e zonas, materiais, peças, camadas e transferência de quantificações permitem outras maneiras de quantificar os acabados superficiais e lineares. Materiais, peças e camadas A quantificação de cada elemento pode ser realizada em todos os níveis, globalmente ou pelos materiais que o compõe. Estas quantificações são, no general, abrangentes, pois deve-se selecionar o nível correspondente ao estado do projeto e ao objetivo do orçamento. Normalmente, o Presto - Revit gera a medição global de cada elemento e um capítulo especial com os materiais, que pode ser desconsiderado se não for necessário. Por outro lado, seus dados podem ser utilizados para quantificar e medir alguns materiais determinados, ou como verificação da qualidade do modelo e do orçamento. O Presto - Revit pode desagregar também todos os componentes em seus materiais, gerando uma estrutura de orçamento distinta e não a quantificação global. Um caso especial permite desagregar somente aqueles elementos, como paredes, pisos e coberturas, que se estruturam habitualmente por camadas, já que cada camada corresponde a um material. Neste caso, as quantificações se ajustam corretamente à situação da camada na parede e são, em geral, distintas da quantificação global da parede. Cada tipo dá lugar a um subcapítulo e cada camada a uma unidade de obra. Para reformular, em uma única unidade de obra, as camadas que aparecem nos diversos tipos de paredes, pode-se utilizar a opção de reestruturação de capítulos. Os materiais geralmente são medidos por superfície, exceto os identificados como madeira e concreto, que se medem em volume, e os metais, em peso. As peças ou partes introduzidas no modelo são obtidas também como materiais.

[close]

p. 7

Da quantificação ao orçamento Se definirmos o campo correspondente ao custo unitário de cada tipo, obteremos o orçamento com valores. Sem embargos, este procedimento é prático e os orçamentos costumam requerer informações complementares ao preço que costumam constar nas tabelas de preços e não tem sentido inserir no modelo, como os textos descritivos, a decomposição de preços, os recursos ou os documentos associados. O código de unidade de obra que corresponde a cada tipo se introduz como código de montagem e o dos materiais como nota chave. O código pode ser escolhido: • Em catálogos em formato Revit gerados com o Presto a partir da tabela de preços desejado. • Selecionando o código diretamente na tabela de preços • Preenchendo o código manualmente no campo correspondente. Os códigos podem ser tomados de uma tabela de preços genérica ou de um interno da empresa e específico do projeto, de maneira que o orçamento seja obtido corretamente codificado desde o início. Uma vez gerado o orçamento, os conceitos se atualizam utilizando a tabela como referência para que se transfira toda a informação complementar e converta-a em um orçamento completo, válido como base para a licitação. Quando não se deseja ou não se pode alterar o modelo, o Presto - Revit utiliza um código provisório. Este código pode ser modificado no Presto - Revit e inserido no modelo para agilizar os processos seguintes. O código também pode ser obtido de objetos de bibliotecas que tenham sido desenhadas pensando em gerar o orçamento. Defina as unidades a partir de um catálogo Filtros e carimbos O processo do orçamento é seletivo, podendo gerar o orçamento do modelo completo ou dos elementos selecionados por qualquer um dos critérios proporcionados pelo Revit. O Presto - Revit adiciona ao Revit alguns filtros baseados em propriedades do orçamento, como a seleção por iniciais do código de montagem, que permite visualizar os elementos a que correspondem no orçamento, a uma unidade de obra ou a um capítulo completo, ou os que não possuem código de unidade de obra associado. A opção de carimbo marca os elementos que tenham sido exportados em una seção de trabalho e permite localizar posteriormente os elementos novos ou os existentes que tenham sido modificados, proporcionando una forma de identificar as alterações no modelo que não podem ser realizadas no Revit e permitindo a exportação seletiva.

[close]

p. 8

Parâmetros É possível exportar os parâmetros associados a cada tipo e a cada elemento, incluindo os parâmetros de usuário e seus valores. Os parâmetros gerais do projeto são transferidos como dados gerais do orçamento. Os parâmetros passam a ser variáveis do Presto, que contém suas propriedades gerais, como o grupo, a unidade de medida, se são “somente leitura” ou compartilhados. Nesta tabela é possível analisar, reagrupar ou eliminar parâmetros, e marcar para que sejam impressos junto a cada linha de quantificação os que sejam relevantes para definir melhor o orçamento e fixar o preço. Para cada elemento, se obtém seus parâmetros e, por outro lado, em cada parâmetro é possível obter a lista de elementos associados ao mesmo, com seus valores. Quando os diferentes elementos de um mesmo tipo correspondem a mais de uma unidade de obra ou possuem preço unitário distinto, dependendo do valor de um parâmetro, um complemento do Presto cria as variantes necessárias. Este caso costuma ocorrer com objetos MEP, como as tubulações, onde um mesmo tipo pode gerar elementos de diferentes diâmetros. Os valores dos parâmetros que não sejam “somente leitura” podem ser alterados no Presto e novamente introduzidos no modelo Revit. Gráficos Para gerar a documentação da oferta a proponentes que não dispõe de Revit, ou quando não se deseja entregar o modelo, o Presto - Revit pode gerar, junto ao orçamento, todas as plantas, cortes e elevações que estejam definidas. É possível adicionar um modelo tridimensional em formato DWFx e um modelo IFC. Alguns visualizadores IFC permitem identificar as linhas de quantificação do orçamento usando o mesmo código GUID proporcionado pelo Presto.

[close]

p. 9

Áreas úteis e construídas As áreas e as habitações são possibilidades do Revit para organizar espacialmente o modelo que, diferente da planta, devem ser definidas expressamente pelo usuário. O uso correto de áreas permite obter áreas construídas ou por usos, enquanto as habitações dão lugar a áreas úteis e acabamentos de pisos. Para calcular corretamente as áreas úteis, pode ser necessário adicionar às proporcionadas pelo Revit, para cada espaço, a área em planta do vão da porta; estes dois valores são facilmente obtidos através das transferências de quantificação já descritas. O Presto - Revit gera capítulos com as áreas e as habitações que tenham sido definidas e suas áreas, o que permite calcular rapidamente a somatória total. Em cada espaço podem constar todos seus parâmetros, como o número de ocupantes ou o volume, e são inseridos como linhas de quantificação, todos os materiais designados como acabamentos de piso, paredes e tetos. Em contrapartida, nas linhas de quantificação de cada elemento Presto - Revit inclui a área e a habitação a que pertence o elemento, incluindo a habitação de origem e destino em elementos entre habitações, como as portas. Além do mais, o Presto - Revit pode criar um parâmetro de usuário para cada elemento, com a área a que pertencem, informação esta que não se obtém diretamente com o Revit. Atividades, fases de planificação e certificação A atividade a que corresponde cada elemento é gerada a partir da planta, sendo que se pode substituir posteriormente por outro campo ou combinação de campos. Desta forma, é possível aplicar, diretamente ao orçamento obtido, todas as opções do Presto para trabalhar com atividades, identificando as unidades de obra ou tipos contidos em cada uma e a lista detalhada de seus elementos. Obtendo o custo total, uma vez definido o custo unitário. A fase designada no modelo a cada elemento é passada ao Presto como fase de planificação, com o mesmo número de ordem. É possível utilizar este valor no Presto ou realizar a planificação no Presto e logo inserir o número de fase em cada elemento do modelo, a fim de visualizar a sequencia temporal da planificação, incluindo ou não uma cor diferente para cada fase. Durante a execução, a fase pode ser utilizada para visualizar a fecha de certificação de cada elemento, ou então é também possível visualizar a certificação pela cor.

[close]

p. 10

Importeação do orçamento para o Revit Muitos dos dados introduzidos ou modificados no orçamento podem ser inseridos automaticamente no modelo do Revit, de forma que a informação fique mais integrada, facilitando o trabalho futuro. Além do mais, dos códigos de montagem, preços unitários, textos ou unidades de medida, como já indicado, é possível modificar os valores dos parâmetros e as fases. O usuário avançado tem assim acesso a operações muito potentes, que poden modificar o modelo massivamente poupando muitas horas de trabalho e sem escrever programas nem macros. Sincronização Modelo - Orçamento $ Você altera o projeto e o Presto - Revit altera o orçamento automaticamente O orçamento pode ser alterado e complementado com todos os recursos do Presto, já que nem sempre todos os componentes do mesmo estão no modelo, ou é necessário aplicar correções manualmente. Os elementos do modelo ficam marcados com a origem "Revit" para diferencia-los das quantificações criadas manualmente ou com outras origens para aplicar operações seletivas posteriormente, como eliminar tudo oque provém do modelo sem alterar os elementos adicionados manualmente. Quando o modelo muda posteriormente à geração do orçamento, é necessário estabelecer um procedimento para sincronizar as alterações da maneira mais efetiva possível. Por exemplo, é possível substituir ou adicionar capítulos completos, usando opções normais do Presto. Quando o número e tipo das alterações é muito grande, uma opção do Presto compara o orçamento gerado em uma situação do modelo com o de versões anteriores, detectando elementos novos, elementos modificados e elementos do orçamento que foram possivelmente eliminados no modelo. A unidade de obra pode ser designada automaticamente aos elementos novos, a partir de elementos do mesmo tipo existentes, ou manualmente. Antes de realizar a integração das alterações, o usuário pode comprovar seu impacto, já que aparecem com valores se os preços unitários estiverem definidos, e autorizar assim as alterações globalmente ou uma a uma.

[close]

p. 11

Planificação 4D O orçamento obtido a partir do Presto – Revit de um modelo BIM realizado corretamente é um ponto de partida excelente para realizar uma planificação por diagrama de barras, já que contém toda a informação necessária, como unidades de obra, localizações de plantas e zonas, recursos e durações. Presto - Revit Resumo dos Principais Recursos Recursos Integração entre sistemas BIM Sincronia nas alterações Dados de corte e aterro Camadas com cores e propriedades Linhas de quantificação inteligentes Definição automática das unidades de projeto Quantitativo estruturado Vinculação de linhas √ √ √ √ √ √ √ √ √ Economize tempo e faça orçamentos mais organizados e precisos!

[close]

p. 12

ARKISOFT Softwares Técnicos www.arkisoft.com.br Av. Paulista, 575, cj 101/2, Jardins, São Paulo Tel.: (11)4106-8288 E-mail: comercial@arkisoft.com Skype: comercial_arkisoft Siga-nos em nossas redes sociais: Softwares Técnicos para Engenharia e Arquitetura www.arkisoft.com.br Presto - Revit otimiza o orçamento de obras integrando estes dois sistemas BIM.

[close]

Comments

no comments yet