Guia de Prevenção as Drogas

 

Embed or link this publication

Description

DIGA NÃO AS DROGAS - Autor: Enisio Matte

Popular Pages


p. 1

ÍNDICE 01 - TÓXICOS 02 - DEPENDÊNCIA DE TÓXICOS 03 - AS PRINCIPAIS DROGAS PSICOTRÓPICAS 04 - DROGAS PSICOTRÓPICAS 05 - PSICOTRÓPICOS 06 - CALMANTES E SEDATIVOS 07 - TRANQUILIZANTES 08 - ALCOOLISMO 09 - INALANTES 10 - HEROÍNA 11 - ANFETAMINAS 12 - ESTERÓIDES ANABOLIZANTES 13 - DOPING EM ATLETAS 14 - COCAÍNA 15 - CRACK 16 - MERLA 17 - MACONHA 18 - CIGARRO 19 - LSD - ÁCIDO LISÉRGICO 20 - ESCTASY 21 - ANTI-COLÉRGICOS 22 - OVERDOSE 23 - FOLDER SOBRE AS INFORMAÇÕES SOBRE PREVENÇÃO Á ENTORPECENTES. 24 - BIBLIOGRAFIA DO TRABALHO ELABORADO SOBRE PREVENÇÃO À ENTORPECENTES

[close]

p. 2

01 TÓ X I C O S É SEM DÚVIDA, NO TERRENO FÉRTIL DO JARDIM DE INFÂNCIA QUE DEVEM LANÇAR AS PRIMEIRAS SEMENTES DE VALORIZAÇÃO DA VIDA E AUTO-ESTIMA DE ADVERTÊNCIA SOBRE OS “VÍCIOS” QUE ESVAZIAM A HUMANIDADE. ASSIM PROCEDENDO, A CRIANÇA ATINGIRÁ A ADOLESCÊNCIA, QUE É UM PERÍODO CRÍTICO E DECISIVO DA VIDA, EM CONDIÇÕES DE REPELIR OS CONVITES DOS AGENTES DO MAL. NOSSA MAIOR PREOCUPAÇÃO, É DE ALERTAR A MOCIDADE SOBRE OS MALEFÍCIOS DOS ENTORPECENTES NO ORGANISMO. OS T Ó X I C O S A PALAVRA TÓXICO É DE ORIGEM GREGA(TOXIKON) E SIGNIFICA, PRIMITIVAMENTE,“VENENO DE FECHA”. Comumente emprega-se a palavra“droga“no sentido de tóxico, o que não é exato. Droga, sob o ponto de vista de médicos, é toda a substância empregada na cura, alívio ou prevenção de doenças. Equivale a medicamento ou fármaco, o qual em ”dose excessiva”pode provocar intoxicação. PARA A ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE, A TOXIMANIA É: “UM ESTADO DE INTOXICAÇÃO PERIÓDICA OU CRÔNICA, NOCIVA AO INDIVIDUO E À SOCIEDADE, PROVOCADO PELO CONSUMO REPETITIVO DE UMA DROGA,NATURAL OU SITÉTICA”.

[close]

p. 3

DEPENDÊNCIA DE TÓXICOS 02 É A NECESSIDADE DE USO CONTINUADO DE UMA DROGA, CUJA INTERRUPÇÃO REPENTINA PROVOCA DISTÚRBIOS FÍSICOS OU PSÍQUICOS. A DEPENDÊNCIA É FÍSICA : Quando as drogas alterando o metabolismo orgânico, obrigam o usuário a continuar consumindo tóxico, caso contrário, sobrevem uma crise ou síndrome de abstinência. OS TÓXICOS que causam dependência física, dizemos que causam“VÍCIO”.EXEMPLO: Delirium tremens, que atinge o ébrio inveterado. DEPENDÊNCIA É PSÍQUICA: Quando o consumo é repetido de uma “DROGA”que cria o invencível desejo de usá-la pela satisfação que produz. A falta do tóxico deixa o usuário abatido, em lastimável estado psicológico. Os tóxicos que causam dependência psíquica dizemos, que causam “HÁBITOS” .EXEMPLO: A nicotina, os barbitúricos, as anfetaminas,etc... . É IMPORTANTE LEMBRAR O QUE DISSE “PAULO ROCHA” OS TÓXICOS MATAM AS SUAS VÍTIMAS NO VERDOR DOS ANOS, ANTES DE AMADURECEREM PARA A VIDA.

[close]

p. 4

AS PRINCIPAIS DROGAS 03 PSICOTRÓPICAS AS PRINCIPAIS DROGAS PSICOTRÓPICAS,E QUE SÃO USADAS DE MANEIRA ABUSIVA, DE ACORDO COM A CLASSIFICAÇÃO MENCIONADA AQUI, ESTÃO RELACIONADAS ABAIXO: DEPRESSORES DA ATIVIDADE DO SISTEMA NERVOSO CENTRAL:  ÁLCOOL;  SONÍFEROS OU HIPNÓTICOS(drogas que promovem o sono), BARBITÚRICOS; ALGUNS BENZODIAZEPINICOS;  ANSIOLÍTICOS(acalmam; inibem a ansiedade). As principais drogas pertencentes a essa classificação são os benzodiazepínicos . Exemplo : Diazepam, Lorazepam, etc.  OPIÁCEOS ou NARCÓTICOS(aliviam a dor e dão sonolência). Exemplo :Morfina, Heroína, Codeína, Meperidina, etc.  INALANTES ou SOLVENTES(Colas, Tintas, Removedores, etc.). ESTIMULANTES DA ATIVIDADE DO SISTEMA NERVOSO CENTRAL ANOREXÍGENOS(Diminuem a fome). Principais drogas pertencentes a essa classificação são as anfetaminas. Exemplo:Dietilpropriona, Femproporex,etc. COCAÍNA – CIGARRO(Tabaco) PERTURBADORES DA ATIVIDADE DO SISTEMA NERVOSO CENTRAL   DE ORIGEM VEGETAL : * Mescalina(do cacto mexicano) * Tetra Hidrocanabinol(da maconha) * Psilocibina(de certos cogumelos) * Lírio(Trombeteira,Zabumba(saia branca) DE ORIGEM SINTÉTICA: * L S D 25 * Êxtase(Ecstasy) * Anticolinérgicos(Artane, Bentyl)

[close]

p. 5

DROGAS PSICOTRÓPICAS 04 ATUALMENTE A MEDICINA DEFINE DROGA COMO SENDO: QUALQUER SUBSTÂNCIA QUE É CAPAZ DE MODIFICAR A FUNÇÃO DOS ORGANISMOS VIVOS, RESULTANDO EM MUDANÇAS FISIOLÓGICAS OU DE COMPORTAMENTO. MAIS COMPLICADA É A DEFINIÇÃO DE PSICOTRÓPICO: PERCEBE-SE CLARAMENTE QUE ELA É COMPOSTA DE DUAS OUTRAS PALAVRAS: PSICO: É uma palavra Grega(Psyche) que significa nosso psiquismo(o que sentimos, fazemos e pensamos, enfim o que cada um é). TRÓPICO:Aqui, relaciona-se com o termo tropismo que significa ter atração por. MAS ESTAS ALTERAÇÕES DO NOSSO PSIQUISMO NÃO SÃO SEMPRE NO MESMO SENTIDO E DIREÇÃO. OBVIAMENTE ELAS DEPENDERÃO DO TIPO DE DROGA PSICOTRÓPICA QUE FOI INGERIDA. E QUAIS SÃO OS TIPOS? 1- UM PRIMEIRO GRUPO É AQUELE DE DROGAS QUE DIMINUEM A ATIVIDADE DO NOSSO CÉREBRO, OU SEJA, DEPRIMEM O FUNCIONAMENTO DO MESMO, O QUE SIGNIFICA DIZER QUE A PESSOA QUE FAZ USO DESSE TIPO DE DROGA FICA ”DESLIGADA”, “DEVAGAR”, DESINTERESSADA PELAS COISAS. POR ISSO ESTAS DROGAS SÃO CHAMADAS DE: * 2- DEPRESSORAS DA ATIVIDADE DO SISTEMA NERVOSO CENTRAL. 2- NUM SEGUNDO GRUPO DE DROGAS PSICOTRÓPICAS ESTÃO AQUELAS QUE ATUAM POR AUMENTAR A ATIVIDADE DO NOSSO CÉREBRO, OU SEJA, ESTIMULAM O FUNCIONAMENTO FAZENDO A PESSOA QUE SE UTILIZA DESSAS DROGAS FIQUE”LIGADA” , “ELÉTRICA”, SEM SONO. POR ISSO ESSAS DROGAS RECEBEM A DENOMINAÇÃO DE: * ESTIMULANTES DA ATIVIDADE DO SISTEMA NERVOSO. 3- FINALMENTE, HÁ UM TERCEIRO GRUPO, CONSTITUÍDO POR AQUELAS DROGAS QUE AGEM MODIFICANDO“QUALITATIVAMENTE” A ATIVIDADE DO NOSSO CÉREBRO ; NÃO SE TRATA, PORTANTO, DE MUDANÇAS QUANTITATIVAS COMO A DE”AUMENTAR” OU ”DIMINUIR”A ATIVIDADE CEREBRAL. AQUI A MUDANÇA É DE QUALIDADE! O CÉREBRO PASSA A FUNCIONAR FORA DO SEU NORMAL, E A PESSOA FICA COM A MENTE “ PERTURBADA”. POR ESTA RAZÃO ESTE TERCEIRO GRUPO DE DROGAS RECEBE O NOME DE: * PERTURBADORES DA ATIVIDADE DO SISTEMA NERVOSO CENTRAL.

[close]

p. 6

PSICOTRÓPICOS PSICOTRÓPICOS: 05 São drogas, naturais ou sintéticas,que possuem um tropismo psicológico, isto é, são capazes de influir nos processos mentais ou emocionais, modificando a atividade psíquica. CLASSIFICAÇÃO DOS PSICOTRÓPICOS ESTIMULANTES:Benzedrina,Pervitin,Dexedrina,Dexamil,Hipofagim, Moderex. TRANQUILIZANTES:Gardenal,Valium, librium,Dienpax,Diazepan, Nenputal. ALUCINÓGENOS: L S D, Mescalina e Psicolina. PSICOTRÓPICOS(do Grego Psyche–Espírito e tropos-ação). Estimulantes: São até receitados por médicos,principalmente para moderar o apetite, combater a depressão psíquica e prevenir o cansaço nas tarefas difíceis, são as famosas “BOLETAS”, usadas inclusive por motoristas que viajam à noite,estudantes nas vésperas de exames e por pessoas de vida noturna. Tranqüilizantes: São drogas sintéticas que agem como depressores do sistema nervoso central, são o grupo dos barbitúricos, e são muitas vezes receitados para combater a ansiedade e a tensão emocional; em doses elevadas produzem sonolência e prostração. As conseqüências sociais desta dependência são desastrosas: acidentes, intoxicação e mortalidade prematura. Alucinógenos : Ou drogas psicodélicas são aquelas que produzem alterações mentais,emocionais e do comportamento,semelhante às que se manifesta nas psicoses.

[close]

p. 7

CALMANTES E SEDATIVOS 06 OS BARBITÚRICOS DEFINIÇÃO:Sedativo é nome que se dá aos medicamentos capazes de diminuir a atividade de nosso cérebro, principalmente quando ele está num estado de excitação acima do normal. O termo SEDATIVO é sinônimo de CALMANTE OU SEDANTE. Quando um sedativo é capaz de diminuir a dor ele recebe o nome de analgésico. Já quando o sedativo é capaz de afastar a insônia, produzindo o sono, ele é chamado de HIPNÓTICO ou SONÍFERO. Quando um calmante tem o poder de atuar mais sobre estados exagerados de ansiedade, ele é denominado de ANSIOLÍTICO. Quando algumas destas drogas que são capazes de acalmar o cérebro hiperexcitado dos epilépticos. São as drogas ANTIEPILÉTICAS, capazes de prevenir as convulsões destes doentes. SINAIS DENUNCIADORES DE USO DE BARBITÚRICOS EFEITOS IMEDIATOS:         Sonolência, menos tensas. Calma e relaxamento. Diminuição de raciocínio e de concentração. Fala pastosa. Incoordenação motora. Irritabilidade. Angustia e ansiedade. Delírios. EFEITOS NO RESTO DO CORPO: EFEITOS A LONGO PRAZO: Os barbitúricos são quase que exclusivamente de ação central(cerebral), isto é, não agem nos nossos demais órgãos. Assim, a respiração, o coração e a pressão do sangue são afetados quando o BARBITÚRICO, em dose excessiva, age nas áreas do cérebro que comandam as funções dos órgãos.

[close]

p. 8

TRANQUILIZANTES 07 DEFINIÇÃO: Existem medicamentos que têm a propriedade de atuar quase que exclusivamente sobre a ansiedade e tensão. Estas drogas foram chamadas de“tranqüilizantes”, por tranqüilizar a pessoa estressada, tensa e ansiosa. Atualmente, prefere-se designar estes tipos de medicamentos pelo nome de ANSIOLÍTICOS,ou seja, que destroem a ansiedade.De fato, este é o principal efeito terapêutico destes medicamentos: diminuir ou abolir a ansiedade das pessoas, sem afetar em demasia as funções psíquicas e motoras. Antigamente o principal agente ansiolítico era uma droga chamada meprobamato que praticamente desapareceu das farmácias com a descoberta de um importante grupo de substâncias: OS BENZODIAZEPÍNICOS. SINAIS DENUNCIADORES DE USO DE ANSIOLÍTICOS EFEITOS IMEDIATOS: Diminuição de ansiedade.  Indução de sono.  Relaxamento muscular.  Redução do estado de alerta. EFEITOS A LONGO PRAZO:  Dificuldade de aprendizagem e memória.  Desligada do meio ambiente e dos estímulos externos.  Hipotonia muscular(mole).  Nas mulheres grávidas ocasionam defeitos físicos no feto.

[close]

p. 9

ALCOOLISMO 08 O QUE É O ALCOOLISMO: O alcoolismo ocorre quando o uso de bebidas alcoólicas ocasiona prejuízos ao individuo, à sociedade ou a ambos. Ou seja, quando a pessoa apresenta problemas de saúde, de relacionamento ou com a sociedade por ficar alcoolizado. As bebidas alcoólicas, ou seja, contendo álcool etílico, são conhecidas há muito tempo, sendo a droga mais antiga utilizada pelos homens. Em certos padrões, seu uso por adultos é legal e aceito pela sociedade. Apresentar alterações de comportamento por consumo excessivo ou o consumo crônico é um problema social e médico freqüente no Brasil. QUAIS SÃO OS PREJUÍZOS OCASIONADOS PELO ÁLCOOL: O ÁLCOOL AFETA TODAS AS FUNÇÕES DO ORGANISMO. Seus efei- tos ficam mais intensos quando é usado juntamente com calmantes. O álcool ocasiona uma aparente excitação, mas é um depressor do sistema nervoso central. Em pequenas doses pode ocasionar sensação de bem-estar, excitação, facilidade de comunicação. Em quantidades maiores aparecem a irritabilidade,sonolência, tontura, ataxia(dificuldade de caminhar), que podem ficar mais graves, com perda de consciência,anestesia, coma profundo e morte por depressão respiratória. O QUE FAZER SE ENCONTRAR UM AMIGO ALCOOLIZADO Leve-o para casa; não o deixe dirigir automóvel ou moto. Se estiver inconsciente(desmaiado),leve-o para um pronto socorro. Não o deixe nadar; é prejudicial dar banhos frios. Passe um agasalho por seu corpo para mantê-lo aquecido. Se estiver agitado, não use remédios calmantes. Se desmaiar, deite-o de lado para evitar que aspire, caso vomite. O uso de café forte não melhora a intoxicação.

[close]

p. 10

INALANTES 09 Os inalantes em sua maioria deprime o Sistema Nervoso Central(SNC), com efeitos agudos parecidos com os do álcool. Os solventes e inalantes:um perigo para os nervos. A palavra SOLVENTE significa substância capaz de dissolver coisas e INALANTE é toda substância que pode ser inalada, isto é, introduzida no organismo através da aspiração pelo nariz ou boca. Todos os solventes ou inalantes são substâncias pertencentes a um GRUPO QUÍMICO chamado de hidrocarbonetos, tais como o tolueno, xilol, n-hexana, tricloroetileno, acetato de etila, etc. OBSERVAÇÃO: UM PRODUTO MUITO CONHECIDO NO BRASIL É O LOLÓ OU O“CHEIRINHO DA LOLÓ”. ESTE É UM PREPARADO CLANDESTINO, POR PESSOAL DO SUBMUNDO, À BASE DE CLOROFÓRMIO, MAIS ÉTER E UTILIZADO SÓ PARA FINS DE ABUSO. TEMPO DE DURAÇÃO DOS SOLVENTES E INALANTES: O início dos efeitos, após a aspiração, é bastante rápido,de segundos a minutos no máximo em 15 a 40 minutos já desaparecem; assim o usuário repete várias vezes para que as sensações durem mais tempo.  Inalados em grande quantidade ocasionam excitação e euforia.  Perturbações auditivas e visuais.  Tonturas, náuseas, espirros e as faces podem ficar avermelhadas.     EFEITOS A LONGO PRAZO: EFEITOS IMEDIATOS: Redução acentuada do alerta. Incoordenação ocular( não consegue mais fixar os olhos nos objetos). Queda da pressão e sonhos estranhos. Apresentar surtos de convulsões, destruição de neurônios. SINAIS DENUNCIADORES DE USO DE SOLVENTES E INALANTES: O usuário fica em confusão, desorientado, voz meio pastosa, visão embaçada, perda do autocontrole, dor de cabeça, começa a ouvir ou ver coisas, palidez, a fala engrolada.

[close]

p. 11

H E R O Í N A 10 A HEROÍNA é uma substância seminatural obtida a partir da modificação química da morfina que, por sua vez, é sintetizada a partir do ÓPIO. Para alguns usuários, a HEROÍNA também é usada com objetivo de aumentar a auto-estima e diminuir o desânimo. Os OPIÓIDES (ópio,morfina,codeína,heroína e fentanil), em geral são usados para diminuir sensações como dor, e ansiedades. A HEROÍNA PODE SER INJETADA, INALADA OU FUMADA. TEMPO DE DURAÇÃO DOS EFEITOS DA HEROÍNA: Uma injeção intravenosa provoca maior intensidade e início de euforia em (7 a 8 segundos), enquanto a injeção intramuscular causa a sensação mais lentamente(5 a 8 minutos). A injeção intravenosa rápida da heroína produz calor na pele e sensações no baixo ventre, semelhantes a um orgasmo sexual. Esta sensação dura 45 segundos.     EFEITO TOTAL DA HEROÍNA: De 6 a 8 horas. EFEITOS IMEDIATOS DA HEROÍNA: Bem estar, euforia e sensação de intenso prazer. Diminuição de dor, fome, respiração. Altas doses podem causar náuseas, vômitos e intenso prurido(coceira). O usuário sente-se aquecido, pesado e sonolento. EFEITOS A LONGO PRAZO:  O usuário precisa cada vez mais da droga para obter o mesmo efeito.  Diarréia, náuseas, vômitos, cãibras, transpiração.  Quando o usuário interrompe o uso da heroína, vem a abstinência. QUAL O TRATAMENTO DO USUÁRIO DE HEROÍNA: Drogas substitutivas, como a metadona e naltrexona, que são medicações bloqueadoras dos efeitos da heroína, morfina e outros opióides. O PREÇO DA HEROÍNA: Na sua forma pura, como um pó branco, a grama custa R$350.00.

[close]

p. 12

ANFETAMINAS BOLINHAS – REBITES 11 As anfetaminas são drogas estimulantes da atividade do sistema nervoso central, isto é, fazem o cérebro trabalhar mais depressa, deixando as pessoas mais “ acesas ”, ” ligadas ” com ”menos sono”, “elétricas”,etc. É chamada de REBITE principalmente entre os motoristas que precisam dirigir durante várias horas seguidas sem descanso, a fim de cumprir prazos pré-determinados. Também é conhecida como “ BOLINHA ” por estudantes que passam noites inteiras estudando, ou por pessoas que costumam fazer regimes de emagrecimento sem o acompanhamento médico. AS ANFETAMINAS MAIS USADAS: Nos USA a metanfetamina(uma anfetami- na) tem sido muito consumida na forma fumada em cachimbos recebendo o nome de “ ICE ”(gelo). Outra anfetamina conhecida pelo nome de ECSTASY, tem sido uma das drogas com um consumo crescente nos USA. No BRASIL os nomes comerciais à base de drogas tipo ANFETAMINAS são: Dietilpropiona ou Anfepramona(Dualid S,Hipofagin S, Inibex S). Fenproporex ( Desobesi-M, Lipomax AP, Inobesin). Mazindol(Dasten, Absten-Plus,Diazimil, Dobesix). Metanfetamina (Pervitin). Metilfenidato(Ritalina). SINAIS DENUNCIADORES DAS ANFETAMINAS: EFEITOS IMEDIATOS :  Perde o apetite , insônia, alucinações.  Taquicardia e aumento da pressão sanguínea.  Euforia e fala mais rápida.  Delírio persecutório, agressiva e irritadiça com os outros.  Temperatura do corpo aumenta e convulsões. EFEITOS A LONGO PRAZO :  Midríase(os motoristas à noite ficam com os olhos ofuscados pelos faróis).  Paranóia.  Astenia e depressão.  Pele pálida.

[close]

p. 13

ESTERÓIDES ANABOLIZANTES 12 DEFINIÇÃO:Os esteróides anabolizantes, mais conhecidos apenas com o nome de ANABOLIZANTES. São drogas relacionadas ao ”HORMÔNIO MASCULINO TESTOSTERONA”, fabricado pelos testículos. OS ANABOLIZANTES POSSUEM VÁRIOS USOS CLÍNICOS, NOS QUAIS SUA FUNÇÃO PRINCIPAL É A REPOSIÇÃO DA TESTOSTERONA NOS CASOS EM QUE POR ALGUM MOTIVO PATOLÓGICO TENHA OCORRIDO UM DÉFICIT. OS ANABOLIZANTES TEM A PROPRIEDADE DE AUMENTAR OS MÚSCULOS, POR ESSE MOTIVO SÃO MUITO PROCURADOS POR ATLETAS OU PESSOAS QUE DESEJAM MELHORAR A PERFORMANCE E A APARÊNCIA FÍSICA. ESTERÓIDES ANABOLIZANTES:Podem ser tomados na forma de comprimidos ou injeções. No comércio brasileiro os principais medicamentos à base dessas drogas e utilizados com fins ilícitos são: ANDROXON, DURATESTON, DECA-DURABOLIN.  Dores nas juntas, tremores, acne severa.  Aumento da pressão sanguínea.  Icterícia e tumores no fígado. SINAIS DENUNCIADORES DE USO DE ANABOLIZANTES  No homem : Os testículos diminuem de tamanho, redução de espermatozóides, impotência, infertilidade, calvície, desenvolvimento de mamas,ou dor para urinar e aumento da próstata.   Na mulher : Crescimento de pêlos faciais, alterações ou ausência de ciclo menstrual, aumento do clitóris, diminuição dos seios, voz grossa.

[close]

p. 14

DOPING...x...ATLETAS 13 DEFINIÇÃO: É o uso de substâncias naturais ou sintéticas visando a melhora do desempenho em competições. Este objetivo é ilícito e por isso são feitos testes de doping durante competições. COMO SÃO USADOS: Geralmente são usados por via oral ou parenteral (injetáveis). Alguns usuários fazem abuso de preparações farmacêuticas disponíveis para veterinária.       QUAIS DROGAS SÃO CONSIDERADAS DOPING EM ATLETAS Estimulantes: pseudoefedrina, efedrina, anfetamina, etc. Narcóticos: morfina, codeína, propoxifeno, etc. Agentes anabolizantes:testosterona, nandrolone, stanozonol,etc. Diuréticos: hidroclorotiazída, furosemide, etc. Betabloqueadores: propranolol, atenol, etc. Hormônios peptídeos e análogos: eritropoetina, corticotropina. O QUE SÃO ESTERÓIDES ANABOLIZANTES: São hormônios sintéticos que, quando comparados à testosterona (hormônio masculino natural),tem maior atividade anabólica(promovem crescimento). POR QUE OS ESTERÓIDES ANABOLIZANTES SÃO USADOS Por indicação médica são usados no tratamento da anemia, hipogonadismo e angioedema hereditário. O uso ilícito por atletas, freqüentadores de academia ou pessoas de baixa estatura é feito na crença de que essas drogas:      Aumentam a massa muscular e aumentam a força física. Diminuem o tempo de recuperação entre os exercícios intensos. Aumentam a agressividade. Melhoram a aparência e melhoram a performance sexual.

[close]

p. 15

14 C O C A Í N A A COCAÍNA É O PRINCIPAL ALCALÓIDE DAS FOLHAS DE COCA, ARBUSTO DA FLORA DO PERU E DA BOLÍVIA. COCA NA LÍNGUA DOS INCAS SIGNIFICA A PLANTA. SEU NOME CIENTÍFICO É ERYTHROXYLON. APESAR DO ELEVADO PREÇO DA COCAÍNA, SEU CONSUMO CONTINUA AUMENTANDO, ESPECIALMENTE ENTRE AS PESSOAS DA ALTA SOCIEDADE. C O C A Í N A COCAÍNA : Extraída das folhas de coca – A cocaína pura é um pó branco. Seu uso mais freqüente é por inalação, mas também usa-se injetado nas veias. O uso via intravenoso é perigoso(OVERDOSE). DURAÇÃO E EFEITOS: O efeito da cocaína dependendo da qualidade do refino, é de 3 a 5 horas, mas o efeito de sensação de grande força muscular, euforia, alerta e alucinações visuais, auditivas e tácteis, duram somente de 45 a 60 minutos. EFEITOS IMEDIATOS:  Paranóia.  Aumento da pressão sanguínea. Taquicardia.  Diminuição da fadiga, da fome e da sensibilidade à dor. EFEITOS A LONGO PRAZO:  Mucosas nasais corroídas.  Dependência e lesões cerebrais.  Perda de peso e alterações hormonais SINAIS DENUNCIADORES DO USO DE COCAÍNA: A cocaína produz intensa dependência psíquica, provoca por via nasal, coriza, renite, inflamação,ulceração da mucosa nasal e emagrecimento.

[close]

Comments

no comments yet