Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

 

Embed or link this publication

Description

Sexta-feira, 4 de fevereiro de 2016 - Edição 4002 - Ano XIX

Popular Pages


p. 1

SEXTA-FEIRA 5 DE FEVEREIRO DE 2016 | R$ 1,00 Sol com algumas nuvens, não chove. MÁXIMA: 33ºC MÍNIMA: 19ºC O Diário do Médio Piracicaba Edição: 4.002 - Ano XVII - Fechamento: 19h00 www.bomdiaonline.com Presídio de João Monlevade inaugura sala de aula e biblioteca Bell Silva Divulgação OPERAÇÃO CARNAVAL As operações começam nesta sexta-feira,5, e se estendem até a quinta-feira da próxima semana, 11. Durante esse período, serão realizadas cerca de 200 ações de fiscalização, em trabalho conjunto com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Página 3 Foi inaugurado nesta quarta-feira, 3, na unidade prisional de João Monlevade, o segundo endereço da Escola Estadual Manoel Loureiro. Página 6 O casamento de Rafael e Ana Paula Página 4 Três são presos com LSD e outras drogas Página 7

[close]

p. 2

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016 BOM DIA 2. BOM DIA • Diretor Geral/Responsável: Geraldo Magela Gonçalves • Diretor Financeiro: Luiz Gonazaga de Castro • Comercial: 3851-1515 • Edição Geraldo Magela Gonçalves (Interino) • Diagramação: Sérgio Henrique Braga • Colaboradores: Márcio Naoto Suzuki (Up Street) Lúcio Flávio Carlos Augusto - Gugu (Meu Palpite) Mariana Castro (Tendências) Luciano Estivalet (Gastronomia) Tayana Duarte (Interiores com Estilo) Marcos Martino (Cenários) Luciano Estivalet (Que tal cozinhar?) Thobias Almeida Lusco Fusco • Representante Comercial: Super Mídia Brasil - BH Central de Comunicação - SC Redação e Administração Rua Lucindo Caldeira, nº 159, Sl. 1, Alvorada, CEP.: 35930-028 João Monlevade / MG / Brasil (31) 3851.1515 • Bom Dia online: www.bomdiaonline.com Circulação: Alvinópolis, Barão de Cocais, Bela Vista de Minas, Bom Jesus do Amparo, Catas Altas, Dionísio, Dom Silvério, Itabira, João Monlevade, Nova Era, Rio Piracicaba, Santa Bárbara, São Domingos do Prata, São Gonçalo do Rio Abaixo, São José do Goiabal. opinião EXPEDIENTE A magia do Carnaval carnaval. A certa altura tirei os sapatos e guardei no carro. Acabei também tirando o terno, a camisa, já meio bobo, hipnotizado pela beleza da menina. Pois é. E agora estou aqui na praça em Alvinópolis sentado, pensando em como a vida pode ser surpreendente. Naquele momento ela chega com mais uma caipivodka e me leva de volta ao paraíso com seu delicioso beijo. Meu amigo tinha razão. Carnaval é mágico. EDITAL CONTRIBUIÇÃO SINDICAL RURAL PESSOA FÍSICA EXERCÍCIO DE 2016 FUNDADO EM JULHO DE 1998 Cidademais Comunicações Ltda. CNPJ.: 07.823..807/0001-73 Todos os Direitos Reservados bomdia@bomdiaonline.com Estou aqui sentado no passei de uma grande praça em Alvinópolis. Arranjei uma namorada linda e estou nas nuvens. Mas me belisquei umas 5 vezes e era verdade mesmo. Rosto lindo, lábios de mel e um beijo perfeito. E tudo aconteceu de forma inesperada. Sou advogado, bem sucedido, tenho uma vida bem estruturada e dizem que sou conservador demais. Eu estava fechando o escritório pra ir embora quando um amigo que faz a limpeza do prédio passou puxando papo... - E aí? - E aí o que? - Vai fantasiar de que? - Vou fantasiar de nada não. Detesto carnaval. - Que isso. Carnaval é bom demais. É uma festa cultural - Cultural? Você quer dizer bacanal, né? - Exagero seu. Quem não gosta de dar uns beijos na boca? - Ah tá. E esse monte de pessoas suadas abraçando a gente? - Ah. A gente nem pensa nisso. - Eu acho uma perdição. - Que nada. Tem o lado bom. Tem um lado mágico. Em primeiro lugar é uma festa cultural. Tem cultura nos blocos, nas escolas de samba, nas fantasias. Tem uma espécie de teatro. Carnaval é teatro. Cultura pura. - Eu hein. As pessoas tomam todas e soltam as frangas. - É verdade. Tem muita gente que sai do armário no carnaval. Mas isso é bom também. Deixa a turma vestir de mulher a vontade. - Eu hein. Nem se me matassem. - Que isso, sô. Larga de ser recalcado. Carnaval é um descarrego de 4 dias. As pessoas tem licença pra viver qualquer fantasia. - Eu acho muito perigoso. Sou um sujeito sério, com uma reputação a zelar. - Reputação? Reputação vem de puta...uma pessoa que foi puta reputando...kkk - Engraçadinho hein? - Doutor. Eu quero lhe fazer um convite. Venha passar o carnaval com a nossa turma numa cidade aqui pertinho. É Alvinópolis. Você vai poder se fantasiar do que quiser. Ninguém lá o conhece. Garanto que vai se divertir. - Mas você vai quando? - Agora mesmo. - Será? - Claro. - Então tá bom. Mas eu vou me fantasiar de que? - Uai. Você pode se fantasiar de você mesmo. - De terno e gravata? - Por que não? - Vamos fazer o seguinte. Eu não ia fazer nada mesmo. Vou te levar lá de carro. Se eu resolver, paro pra tomar uma cerveja e venho embora. - Combinado. E fomos pra Alvinópolis. Lá chegando, meu amigo apresentou-se para várias pessoas. Comecei a tomar uma caipi-vodka e fui entrando no clima. Até que uma menina, a mais gata da praça começou a me encarar...e foi se aproximando, até que estávamos conversando e ela me falou que adorou minha fantasia de homem de preto, mas que não ia aceitar que eu apagasse a memória dela. Ficamos por ali bebendo e brincando A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil – CNA, em conjunto com as Federações Estaduais de Agricultura e os Sindicatos Rurais e/ou de Produtores Rurais com base no Decreto-lei nº 1.166, de 15 de abril de 1971, que dispõe sobre a arrecadação da Contribuição Sindical Rural - CSR, em atendimento ao princípio da publicidade e ao espírito do que contém o art. 605 da CLT, vêm NOTIFICAR e CONVOCAR os produtores rurais, pessoas físicas, que possuem imóvel rural, com ou sem empregados e/ou empreendem, a qualquer título, atividade econômica rural, enquadrados como “Empresários” ou “Empregadores Rurais”, nos termos do artigo 1º, inciso II, alíneas “a”, “b” e “c” do citado Decreto-lei, para realizarem o pagamento das Guias de Recolhimento da Contribuição Sindical Rural, referente ao exercício de 2016, devida por força do Decreto-lei 1.166/71 e dos artigos 578 e seguintes da CLT. O recolhimento da CSR deverá ocorrer, impreterivelmente, até o dia 22 de maio de 2016, em qualquer estabelecimento integrante do sistema nacional de compensação bancária. A falta do recolhimento da Contribuição Sindical Rural – CSR, até a data do vencimento (22 de maio de 2016), constituirá o produtor rural em mora e o sujeitará ao pagamento de juros, multa e atualização monetária previstos no artigo 600 da CLT. As guias foram emitidas com base nas informações prestadas pelos contribuintes nas Declarações do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural – ITR, repassadas à CNA pela Secretaria da Receita Federal do Brasil – SRFB, remetidas, por via postal, para os endereços indicados nas respectivas Declarações, com amparo no que estabelece o artigo 17 da Lei nº 9.393, de 19 de dezembro de 1.996, e o 7º Termo Aditivo do Convênio celebrado entre a CNA e a SRFB. Em caso de perda, de extravio ou de não recebimento da Guia de Recolhimento pela via postal, o contribuinte deverá solicitar a emissão da 2ª via, diretamente, à Federação da Agricultura do Estado onde tem domicílio, até 5 (cinco) dias úteis antes da data do vencimento, podendo optar, ainda, pela sua retirada, diretamente, pela internet, no site da CNA: www.canaldoprodutor.com.br. Eventual impugnação administrativa contra o lançamento e cobrança da Contribuição Sindical Rural – CSR deverá ser encaminhada, por escrito, no prazo de 30 (trinta) dias, contado do recebimento da guia, para a sede da CNA, situada no SGAN Quadra 601, Módulo K, Edifício CNA, Brasília - Distrito Federal, CEP: 70.830-021 ou da Federação da Agricultura do seu Estado, podendo ainda, ser enviada via internet no site da CNA: cna@cna.org.br. O sistema sindical rural é composto pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil–CNA, pelas Federações Estaduais de Agricultura e/ou Pecuária e pelos Sindicatos Rurais e/ou de Produtores Rurais. Brasília, 05 de Fevereiro de 2016. João Martins da Silva Júnior Presidente da Confederação

[close]

p. 3

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016 BOM DIA 3. saúde de Carnaval, o plantão de manutenção rodoviária para atender as ocorrências provocadas pelas chuvas e dará continuidade às ações de recuperação dos trechos listados no site www.der.mg.gov. br/saiba-sobre/ocorrencias-nas-estradas-periodo-chuvoso-2015-2016. As 40 Coordenadorias Regionais do DER/MG estarão com equipes de alerta para atuar, caso seja necessário. O trabalho de manutenção rodoviária do DER/MG deverá acontecer em parceria com a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (CEDEC), Policia Militar Rodoviária (PMRv) e prefeituras locais. Para entrar em contato com o DER/MG, no caso de solicitar informações ou comunicar ocorrências, utilize o telefone de serviço do LIGMinas, 155, opção 6 (a partir de telefonia fixa ou móvel, em Minas Gerais), ou ligue para (31) 3303- 7995 (a partir de telefonia fixa ou móvel, fora de Minas Gerais). O atendimento telefônico é realizado todos os dias da semana, entre 6h e 23h59 ou pelo email: atendimento@der. mg.gov.br ou no site acessando o link e atendimento ao usuário: www.der. mg.gov.br/fale-conosco. Começa nesta sexta operação de Carnaval do DER CERCA DE 200 AÇÕES ESTÃO PROGRAMADAS NO PERÍODO ATÉ O DIA 11 Divulgação Minas - As equipes de fiscalização do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER/MG) vão trabalhar para garantir mais segurança aos motoristas e passageiros que pretendem viajar no feriado de Carnaval. As operações começam nesta sexta-feira,5 e se estendem até a quinta-feira da próxima semana, 11. Durante esse período serão realizadas cerca de 200 ações de fiscalização, em trabalho conjunto com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Fiscais das 40 Coordenadorias Regionais estarão empenhados em operações especiais de combate ao transporte clandestino; na fiscalização de linhas regulares; no cumprimento da restrição de circulação para veículos de carga; e em ações que garantam segurança para quem transita pelas rodovias. Veículos de todos os tipos serão abordados para a verificação de documentação, em conformidade com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), e das legislações estaduais, como As operações começam nesta sexta-feira,5 e se estendem até a quinta-feira da próxima semana, 11 o Decreto 44.035/05 e a Lei nº 19.445/11, que regulamentam o transporte fretado e impõem medidas administrativas aos infratores. Pontos turísticos Os principais pontos turísticos do estado, como a Serra do Cipó, Ouro Preto, Diamantina, Pirapora, Mariana, São João Del-Rei, Região Metropolitana de Belo Horizonte e corredores de grande circulação de veículos, como o Triângulo Mineiro, receberão atenção especial. Linhas regulares Com o objetivo de proporcionar viagens com qualidade e segurança, as linhas regulares de transporte rodoviário intermunicipal de passageiros se- rão vistoriadas. As ações ocorrerão em alguns terminais rodoviários do estado e também durante as viagens, em abordagens aleatórias nas rodovias. Na ocasião serão verificados a documentação de porte obrigatório, itens de segurança, além da manutenção e higiene dos veículos. Transporte clandestino Para coibir o transporte irregular, táxis, vans, ônibus e até mesmo veículos particulares também serão abordados. Os motoristas flagrados realizando transporte clandestino podem ser enquadrados por exercício ilegal da profissão e estão sujeitos às penalidades previstas na Lei 19.445/11, que determina multa e cobrança em dobro do valor no caso de reincidência; apreensão do veículo e sua liberação apenas com o pagamento de todas as despesas relativas ao guincho, diárias do pátio de detenção, além de todas as outras pendências do infrator; abertura de processo administrativo e enquadramento no Art. 301 do Código de Processo Penal. Veículos de carga As equipes de fiscalização estarão atentas ao cumprimento da Portaria 3454/16, publicada no Minas Gerais do dia 19/01/16, que restringi o tráfego de veículos de carga (CVC), combinações de transportes de veículos (CTV) e cargas indivisíveis, mesmo portando a Autorização Especial de Trânsito (AET) nas rodovias estaduais de pista simples, sob jurisdição do DER/MG. Esses veículos estarão impedidos de rodar nos seguintes dias e horários: sexta-feira (5/2), de 16h às 24h; sábado (6/2), de 6h às 12h; terça-feira (9/2), de 16h às 24h; e quarta-feira (10/2), de 6h às 12h. Durante o período de restrição, caso algum motorista seja abordado realizando deslocamentos com os veículos impedidos de circular, o infrator fica sujeito às penalidades previstas no Código de Trânsito Brasileiro (art. 187-I, da Lei Federal nº 9.503, de 1997), e à retenção do veículo até o término do horário especificado. Manutenção O DER/MG também manterá em atividade, durante todo o período

[close]

p. 4

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016 O casamento de Rafael e Ana Paula as e oficiaa trocaram alianç ag Br o lh ca Bi a ul Ana Pa Sítio do MoiCarmo Fontana e o os convidados no do çã el fa fa tis Ra l sa sa ta ca ui o m Buffet Barenze. O ram com Em grande estilo, Os noivos recebe eza e capricho do . fin al a ni e mo e (in tri nc lia ma Al ce l rimonia ldo Antão Braga lizaram o enla e a noiva de Gera a excelência do ce a m an co nt ou Fo nt os co a rm nd nho, que ai o e Vilma do Ca cides Fontana Filh noivo é filho de Al Braga. o lh ia Geralda Bica memorian) e Mar

[close]

p. 5

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016 BOM DIA 5. cidade Ações para 2016 são destaques da primeira reunião de Câmara Divulgação João Monlevade - As principais ações que serão desenvolvidas pela Câmara Municipal de João Monlevade em 2016 foram destacadas pelo presidente do Legislativo, Djalma Bastos (PSD), na primeira reunião ordinária do ano. Djalma abriu os trabalhos informando ao público presente o planejamento para 2016. Conforme destacado pelo presidente, a preocupação imediata é com a aprovação do novo Código de Posturas de João Monlevade. O trabalho vem sendo desenvolvido desde 2014. Ao final de 2015, a comissão especial formada por Carlos Gomes (PSB), Guilherme Nasser (PSDB) e Thiago Titó (PMDB) encaminhou ao Executivo a proposta de novo Código. A Prefeitura por sua vez se comprometeu a entregar o Projeto de Lei referente a esta demanda nesta sexta-feira, 5. Por meio do documento, o setor de Vanderlei Miranda pede união para implantação de UAI Divulgação A preocupação imediata é com a aprovação do novo Código de Posturas de João Monlevade Fiscalização da Prefeitura poderá de fato exercer sua função, autuando e multando aqueles que infringirem as leis. Aedes aegypti Outro destaque feito por Djalma Bastos será o combate efetivo ao mosquito Aedes aegypti, por meio do projeto ambiental Broto da Vida. O trabalho de conscientização da população será feito por meio de peças publicitárias e também de casa em casa. “Esta parte será desenvolvida em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde. Os 20 estagiários do Broto da Vida serão cedidos à Vigilância em Saúde, para auxiliar os trabalhos de conscientização”, determinou Djalma. Broto da Vida Ainda sobre o Broto da Vida, o presidente da Câmara reforçou a importância de se regionalizar a causa ambiental, e seu desejo de levar esta ação aos municípios vizinhos. “O mesmo afirmo sobre o Sistema de Inspeção Municipal (SIM). Além de João Monlevade já temos outros dois municípios com este projeto aprova- do. Vamos percorrer os outros Legislativos, a fim de destacar para os vereadores a importância do projeto”, declarou. Novo Regimento Interno será discutido dia 16 O Novo Regimento Interno, documento que define as regras do Legislativo monlevadense foi entregue aos vereadores no final do ano passado. O documento, elaborado por uma comissão de servidores e repassado à uma comissão especial de vereadores, formada por Pastor Carlinhos (PV), Vanderlei Miranda (PR) e Sinval Dias (PSDB), traz a proposta de algumas mudanças. Desta forma, para que o assunto possa ser amplamente discutido junto aos demais edis, haverá uma reunião com todos os vereadores no dia 16 deste mês, juntamente com o Jurídico da Câmara. “Por isso não pautamos ainda o projeto para esta primeira reunião. É importante esta discussão”, disse. Vanderlei propôs a união dos poderes públicos para a implantação de uma Unidade de Atendimento Integrado João Monlevade As dificuldades para emissão de carteiras de identidade em João Monlevade motivaram o vereador Vanderlei Miranda a propor a união dos poderes públicos para a implantação de uma Unidade de Atendimento Integrado (UAI) no município. “Podemos nos unir para que seja implantada uma unidade em Monlevade. Podemos recorrer aos nossos deputados para que nos ajudem nisso”, declarou o vereador durante reunião na Câmara Municipal ontem (3). De acordo com Vanderlei, o sistema utilizado pela Polícia Civil para emissão dos documentos não atende à demanda do município. “São poucas senhas distribuídas. A pessoa vai para a fila muito cedo e corre o risco de não ser atendida”. As UAI’s oferecem aos cidadãos acesso rápido a diversos serviços públicos como Carteira de Identidade, Carteira de Trabalho, Passaporte, emissão de multas de trânsito, Seguro Desemprego, disponibilização de vagas de trabalho, dentre outros. A vinda de uma unidade para Monlevade pode significar um avanço para a região, uma vez que o posto mais próximo fica em Coronel Fabriciano.

[close]

p. 6

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016 BOM DIA cidade Sala de aula é inaugurada em presídio de João Monlevade 6. João Monlevade - O presídio de João Monlevade agora conta com mais uma importante ferramenta na reintegração social dos detentos. Foi inaugurado nesta quarta-feira,3, na unidade prisional da cidade, o segundo endereço da Escola Estadual Manoel Loureiro. Uma sala de aula com capacidade para 15 alunos, por turno, uma sala de professores e uma biblioteca foram construídas na unidade. Os materiais para a construção foram doados pelas empresas, Minas Premoldados, ArcelorMittal e Prefeitura de João Monlevade. A mão de obra ficou a cargo de seis detentos e teve a duração de 10 meses. O projeto foi elaborado pelo diretor da unidade, Fabiano Dutra da Silva, que também será o responsável, juntamente com o quadro técnico de servidores da unidade através do PIR (Programa Individual Ressocializador), para selecionar os apenados que poderão participar do programa de ressocialização, tanto para trabalhar quanto Fotos: Bell Silva Uma sala de aula com capacidade para 15 alunos, por turno, uma sala de professores e uma biblioteca foram construídas para estudar. Através do programa, a cada 12 horas na escola o apenado ganha um dia de remissão de pena. Estiveram presentes autoridades municipais e da Secretaria de Estado de Defesa Social (SEDS). Durante a solenidade foram expostos objetos artesanais confeccionados pelos presos, e um fez apresentação musical, tocando violão e cantan- do canções de bandas como Legião Urbana, Engenheiros do Hawaii, dentre outros cantores da música popular brasileira. Fabiano Dutra disse que o projeto é a realização de um sonho. “É um sonho realizado. Quando assumi a unidade em 2014 já tinha em mente esse projeto. Pra mim é uma das maiores conquistas pessoais e profissionais. Teremos todos os professores de todas as disciplinas escolares e vamos trazer aos reeducandos uma nova visão para que, não tenha em mente apenas o crime. Serão dois turnos (manhã e tarde) com 15 alunos cada e agentes penitenciários darão suporte na segurança dos profissionais de ensino durante as aulas”, pontuou o diretor. O presídio de João Monlevade tem capacidade para 77 detentos, no entanto abriga hoje cerca de 230 apenados, o que já preocupa as autoridades. O Juiz Rodrigo Braga Ramos, da Comarca de João Monlevade, disse que os apenados que já concluíram o ensino médio não poderão participar do projeto. “Esse projeto é muito bom porque além ressocializar o apenado, o Biblioteca construída na unidade prisional já está em funcionamento Estiveram presentes autoridades municipais e da SEDS prepara para um retorno e convívio com a sociedade, além disso, libera vagas na unidade, que tem sido uma das nossas maiores preocupações”, disse o magistrado. “Estamos estudando também um projeto de oficinas para implantar aqui na unidade. A idéia é usar as instalações aqui ao lado, onde funcionava a Delegacia de Polícia Civil. Parece-me que já foi cedido pela Prefeitura e faltam apenas algumas questões burocráticas para a liberação definitiva do espaço. Nossa intenção é proporcionar ao apenado, condições dele ser reinserido, com mais facilidade, no mercado de trabalho após cumprimento da pena”, completou. Segundo a Secretária de Educação, do Município, Helena Perdigão, a princípio o projeto seria executado pela Prefeitura e que faltava apenas a assinatura do contrato. No entanto como o projeto já era uma proposta do Estado, em dezembro ele foi assumido em definitivo pelo governo estadual. “Recebemos um ofício em dezembro da Delegacia Regional de Ensino, em Nova Era, nos agradecendo pela parceria, mas que o Estado assumiria os trabalhos na modalidade EJA (Educação de Jovens e Adultos a Distância). Ele fará a contratação de professores e demais funcionários que forem necessários. Nós vamos dar apoio na questão pedagógica e em projetos específicos como o de leitura, foi o que nos solicitou o diretor do Presídio”, disse Helena.

[close]

p. 7

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016 BOM DIA 7. polícia Essa foi a primeira vez que nós apreendemos esse tipo de droga na cidade”, disse o delegado. Ainda segundo o delegado, os traficantes alugaram um apartamento na Rua do Andrade, no Bairro José Elói, próximo da sede da 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil com o único objetivo de preparar e vender estes tipos de entorpecentes. Nos celulares aprendidos os policiais encontraram diversas mensagens relacionadas ao tráfico de drogas. Investigadores da Polícia Civil estiveram em casas noturnas da cidade, durante as festas, e observaram as movimentações dos suspeitos. Os entorpecentes segundo a polícia, além das casas noturnas, eram comercializados em festas realizadas em repúblicas estudantis da cidade. De acordo com Bernardo de Barros mais pessoas deverão ser presas na cidade pelo envolvimento com o tráfico deste tipo de substância entorpecente. Agora, será investigada a origem destas drogas sintéticas, conhecidas por provocar fortíssimas alucinações nos usuários. Os três homens, segundo Bernardo de Barros, vão permanecer presos preventivamente até o julgamento. PC prende três com LSD e outras drogas Fotos Bell Silva João Monlevade - Uma investigação da Polícia Civil de João Monlevade desencadeou uma operação por volta das 14h desta quarta-feira,3, com a apreensão, pela primeira vez na cidade, de uma grande quantidade de drogas sintéticas. Foram apreendidos 179 pontos de LSD (ácido lisérgico), que é consumida através de pequenos adesivos de papel colocados sobre a pele, 91 comprimidos de ecstasy, porções de maconha e pedras de haxixe, uma balança de precisão, uma porção de sementes de maconha, três Notebooks e dois celulares e R$100,00. Foram presos na operação Hugo Rodrigues Ferreira Silva, 23, Igor Abreu Dias, 22, e o estudante de Engenharia Elétrica da UFOP/João Monlevade, Bruno dos Santos Silva, 18. Eles vão responder pelo crime de tráfico de drogas. Uma mulher de 26 anos também foi conduzida, suspeita de participação. Ela alegou que o amigo, Igor Abreu, teria pedido para que guardasse parte do entorpecente. Segundo o Delegado Regional, Bernardo de Foram presos na operação Hugo, 23, Igor, 22, e o estudante de Engenharia da UFOP, Bruno dos Santos Silva, 18 Foram apreendidos 179 pontos de LSD (ácido lisérgico) e 91 comprimidos de ecstasy Barros Machado, os suspeitos vinham sendo monitorados há pelo menos seis meses. “Polícias civis fizeram diversas diligências no sentido de obter êxito na captura dessa quadrilha que vinha trazendo drogas sintéticas de Belo Horizonte. São drogas de alto poder destrutivo que vinham sendo consumidas em festas, principalmente em casas noturnas.

[close]

p. 8



[close]

Comments

no comments yet