A Senda - Fevereiro de 2016 - FEEES

 

Embed or link this publication

Description

A Senda - Fevereiro de 2016 - FEEES

Popular Pages


p. 1

A Senda federação espírita do estado do espírito santo ANO 93 No 176 FEVEREIRO 2016 A espiritualização do Ser: exigências do momento atual imagem: blogdajuxavier.com Fabiano Santos escreve com sabedoria sobre este importante assunto - página 4 Conselho Federativo Estadual se reunirá em fevereiro página 6 - Atendimento ao Jovem em conflito com a Lei GRUPO DE VISITA JERONYMO RIBEIRO página 5 Semana Espírita de Guarapari página 5 CONGRESSO ESPÍRITA MUNDIAL página 7 Inauguração de mais uma casa espírita página 6 36º EMEES acontecerá em Guarapari página 3 SENDA JOVEM página 3 FEEES terá nova Diretoria em março página 8 Editorial • ESPIRITISMO NO VESTIBULAR? • página 2

[close]

p. 2

Editorial Espiritismo no Vestibular? EXPEDIENTE “(...) Os vestibulandos da UNESP, na prova de conhecimentos específicos, realizada em 15 de novembro último, encontraram uma questão que citava O Livro dos Espíritos. Em seu enunciado, trazia uma reflexão entre dois textos que se contrapunham para explicar as capacidades morais e intelectuais do homem. O outro texto, em contraposição ao trecho de O Livro dos Espíritos [questão 370], fora extraído de um artigo da revista Superinteressante, assinado pelo ex-ministro da Justiça Nelson Jobim (Um dom de Gênio? maio de 2015), no qual o autor cita pesquisa do neurologista alemão Helmut Steinmetz, pesquisador da Universidade Henrich Heine, de Dusseldorff, que comparou cérebros de um grupo de 30 músicos com os de outros 30 que não se dedicavam à arte musical. Na conclusão do cientista, o virtuosismo dos primeiros seria explicado por um acentuado desenvolvimento do lobo temporal esquerdo... Nos músicos, esse tamanho pode ser duas vezes maior, diz o texto. (...) Os professores responsáveis pela questão prepararam uma resposta que abrangeu um entendimento sobre a explicação da Doutrina Espírita e a resposta à questão 370 e deixou aos vestibulandos o questionamento acerca do texto de Jobim. Os maiores gênios, sábios, poetas e artistas não são gênios senão porque o acaso lhes deu órgãos especiais?” 1 A SENDA DIRETORIA DA FEEES PARA O TRIÊNIO 2013/2016 Presidente Dalva Silva Souza Vice-Presidente de Administração Valmir Gomes do Nascimento Vice-Presidente de Doutrina Maria Lúcia Resende Dias Faria Vice-Presidente de Unificação Rose Mary de Souza Thiengo Vice-Presidente de Educação Luciana Teles de Moura Conselho Fiscal: Maria de Lourdes Neves Geraldo Teixeira da Costa Eliomar Borgo Cypriano Suplentes Roberto José Damaceno José Guido Nascimento Filho DEPARTAMENTOS Comunicação Social Rodrigo Salatiel Brasileiro Orientação Mediúnica Cristina Soneghet Simon Atendimento Espiritual Eliana Schmidt Castelani Estudo Sistematizado José Ricardo do Canto Lírio Infância e Juventude Edmar Reis Thiengo Assistência e Promoção Social Solange de Oliveira Nascimento ÓRGÃO INFORMATIVO DA FEDERAÇÃO ESPÍRITA DO ESPÍRITO SANTO C.N.P.J. 28.150.936/0001-18 Insc. Estadual 081.162.73.1 Rua Álvaro Sarlo, 35 - Ilha de Santa Maria Vitória/ES - CEP 29051-100 Tel: (27) 3222-2117 / 3222-7551 Fax: (27) 3222-6509 e-mail: feees@feees.org.br www.feees.org.br Projeto Gráfico Studio Rodrigo Resende Edição Renata Guizzardi Diagramação JMBCoutinho Revisão Dalva Silva Souza Impressão Gráfica Comercial - 27 3722-0566 - Colatina-ES www.graficacomercial.art.br A experiência, ainda rara, merece realce. Vale considerar, ainda, que, de há bom tempo, pesquisadores de nomeada validam e ampliam os fundamentos espíritas, quando deles não compartilham quase que por inteiro. Vejamos:2 - 1) A intuição, considerada pelo Espiritismo como a primeira expressão da mediunidade, faculdade natural a todo ser humano, é explicada pela física quântica, segundo o professor Amit Goswani, catedrático da disciplina na Universidade de Oregon, como inteligência espiritual. 2) - A glândula pineal, citada pelo Espírito André Luiz no livro Missionários da Luz, como a que detém ascendência sobre o sistema endócrino e é base essencial nos processos mediúnicos, tem reconhecidas muitas dessas propriedades desde o descobrimento, em 1958, pela equipe de Aaron Lerne, da Universidade de Yale-USA, da melatonina, hormônio por ela produzido. 3) - Em 1947, na obra No Mundo Maior, André Luiz noticia que o sistema nervoso central humano se constitui de três cérebros: o inicial ou subconsciente – local dos hábitos e dos automatismos; o córtex motor ou consciente – que ambienta as experiências do agora, o esforço e a vontade atuais; e os lobos frontais – onde o Espírito desenha o futuro, o ideal e a meta superior. Sobre o assunto, o médico e neurocientista Paul Mac Lean, conclui, vinte anos depois, considerações em interessante simetria com as lições do autor espiritual. 4) - Em Obreiros da Vida Eterna (1946), de novo, André Luiz ensina que no quarto ventrículo cerebral (antiga fossa romboidal) se encontra a sede da alma. Trinta e sete anos mais tarde, Wilder Penfield, um dos maiores neurocirurgiões do século passado, conclui pela mesma informação no seu livro O Mistério da Mente. O fato ocorrido na Universidade Estadual de São Paulo, ainda incomum, é marca que realça e consolida o Pensamento Espírita como hipótese de trabalho no ambiente acadêmico, abrindo clareiras nas salas de pesquisas onde, certamente, oferecerá excelente contributo na construção de paradigmas inovadores para a compreensão mais ajustada das possibilidades e do propósito da vida, em toda a sua complexidade, no campo da cosmologia, da ecologia, da medicina, da sociologia, da filosofia, da educação, da religião, enfim, não há fronteira a que a Doutrina Espírita não chegue e oferte lição iluminativa e amorosa – o que, aliás, já acontece desde a sua inauguração no cenário do mundo. Destaque-se, porém, o apontamento do Codificador que dá, em justa medida, a excelência da mensagem espírita3: “O Espiritismo é acima de tudo uma questão de princípios; é forte sobretudo por suas consequências morais. Ele se faz aceito não porque fira os olhos, mas porque toca o coração.” 1. Jornal Folha Espírita. Janeiro 2016 2. Memórias do III Congresso Espírita Brasileiro. Atualidade científica da obra psicografada por Chico Xavier. Marlene Nobre. FEB 2010 3. Viagem Espírita 1862. Allan Kardec 2

[close]

p. 3

Fevereiro 2016 Os diários de Belinda e Alex A dica da coluna deste mês é mais novo livro da equipe da Área de Infância e Juventude da FEEES, “Os Diários de Belinda e Alex”. O livro é editado e distribuído pela AME Editora de Minas Gerais e foi produzido especialmente para o EMEES “Sou + Família”, por isso mesmo, terá seu lançamento oficial no 36º EMEES – Encontro de Mocidades Espíritas do Espírito Santo, que ocorre durante o carnaval, de 6 a 9 de fevereiro. O livro conta a história de personagens que vivenciam desafios familiares e o desenrolar dessa história nos apresenta a vida dos protagonistas Alex e Belinda. O livro é duplo, dividido ao meio, de um lado com a história de Belinda em capa rosa e do outro, o diário de Alex com a capa verde, porém ambos são apaixonantes e surpreendentes. E você pode começar a leitura por qualquer um dos lados. Legal, né?! Ai vai um resumo das histórias de Alex e Belinda e os temas de cada diário... BELINDA Quem será Belinda? Uma adolescente como qualquer outra, diante dos problemas da vida? Membro de uma família como a sua ou a minha, com histórias de amor e de conflito? Um espírito imortal, passando por provas e expiações em um planeta marcado por contradições? Ou por que ela não pode ser tudo isso ao mesmo tempo? Belinda vê sua vida se transformar quando conhece uma paciente misteriosa que estava internada no hospital onde começou a estagiar. E os sonhos com um rapaz louro que adora orquídeas também a deixam confusa. Diante do desafio de entender essas conexões da vida, Belinda precisa aprender a conviver com as próprias limitações, na tentativa, muitas vezes frustradas, de seguir os preceitos da Doutrina Espírita que orienta seus passos desde cedo. Esta história, contada pela protagonista na forma de um diário, explora profundos ensinamentos do Espiritismo, tais como a eficácia da lei de causa e efeito, a amplitude do conceito de família e a beleza das múltiplas encarnações. De uma maneira lúdica e com um texto fácil de ler, temas como adoção, aborto, ingratidão filial, indiferença, ciúme e rivalidade entre irmãos, novas configurações familiares, desencarnação de crianças, e muito outros, são trazidos à tona no contexto da convivência familiar e no contato de Belinda com amigos do Centro Espírita e seus colegas de Universidade. ALEX Por que a vida de Alex é marcada por tantas dificuldades? Primeiro o pai foi assassinado, quando ele mal tinha entrado na adolescência. Pouco tempo depois sua mãe casou novamente, Senda Jovem por Michelle Sales Notícias e levou para morar com eles não apenas o padrasto, mas também os três filhos do marido. O problema é que Alex não simpatiza nem um pouco com nenhum deles e sente muito ciúmes da mãe. O que o anima? Apenas os sonhos que costuma ter com uma jovem misteriosa e o ideal de se tornar médico para honrar a memória do pai. Você encontrará nas páginas do diário desse jovem atormentado uma verdadeira lição de vida, que comprova que a nossa existência não começa com o nascimento e, nem tampouco, termina com a morte. Os desafios de superar a si mesmo e de ajudar os amigos em seus próprios dilemas, torna a história de Alex muito próxima da história de cada um de nós. Temas como obsessão e mediunidade, violência, alcoolismo, infecções sexualmente transmissíveis, prostituição, entre tantos outros, são tratados sob a ótica das relações familiares. Lendo “Os diários de Belinda e Alex” você vai descobrir as conexões entre as vidas desses dois jovens e poderá ainda conhecer mais sobre alguns temas abordados nessa obra através de vídeos exclusivos com depoimentos de estudiosos disponibilizados através do sistema de QRCodes, Você vai se emocionar ao reconhecer a beleza da vida, a grandiosidade da misericórdia divina e a importância de se valorizar, cada dia mais, as relações familiares. Eu amei o livro, e tenho certeza que você também vai amar! Aproveita, o livro já está disponível na livraria da FEEES, corre lá! Tem um evento ou dica legal pra divulgar pra juventude? Manda pra gente! comunicacao.jornalismo@gmail.com O 36º EMEES acontecerá em Guarapari Este ano, o Encontro de Mocidades Espíritas do Estado do Espírito Santo - EMEES - não se realizará nas dependências do IFES Campus Vitória, como tradicionalmente acontece. Motivos de força maior impediram a cessão daquele espaço. O 36º EMEES acontecerá em Guarapari, onde haverá três polos de atividades. O alojamento será na escola municipal Ignez Massad Cola, situada à Rua Vinte e Três, 1044, Itapebussu. A uma quadra de distância, na mesma rua, fica a faculdade Pitágoras, onde serão desenvolvidas as atividades pedagógicas, com a abertura do dia em seu auditório. As atividades artísticas serão realizadas, à noite, no auditório do SESC, espaço que oferece 1050 confortáveis lugares na plateia, o que nos possibilitará receber as famílias dos jovens e os espíritas da cidade para assistirem a essas apresentações. O credenciamento será feito na Escola Municipal de Ensino Fundamental Ignez Massad Cola. Veja o vídeo que a coordenação do encontro preparou em https://www.youtube.com/ watch?v=MIFMNM_BDJk 3

[close]

p. 4

A SENDA A espiritualização do Ser: exigências do momento atual Fabiano Santos Dando cumprimento ao que Allan Kardec registrou em várias oportunidades quando falou das fases do Espiritismo e da sua perenidade, precisamos responder aos Novos Tempos com ações concretas e transformadoras, construindo uma visão de mundo centrada no Ser espiritual. Enquanto essa consciência não for plena e nos perdermos em discussões inúteis, repetindo erros de outrora, não estaremos cumprindo a missão que nos foi designada. De uma vez por todas, devemos compreender a mensagem consoladora e libertadora, revivendo o Evangelho de Jesus, entendendo o Espiritismo em sua essência e colocando em prática seus ensinamentos. Na Revista Espírita de setembro/1858, Kardec, numa reflexão intitulada Propagação do Espiritismo, escreveu que o Espiritismo não se implantaria instantaneamente no seio da sociedade, por mais justa e bela fossem suas ideias, e estabeleceu quatro fases para a sua propagação: 1º - O da curiosidade, no qual os Espíritos batedores hão desempenhado o papel principal para chamar a atenção e preparar os caminhos. 2º - O da observação, no qual entramos e podemos chamar também de período filosófico. O Espiritismo é aprofundado e se depura, tendendo à unidade de doutrina e constituindo-se em Ciência. 3º - O período de admissão, no qual o Espiritismo ocupará uma posição oficial entre as crenças oficialmente reconhecidas. 4º - O período da influência sobre a ordem social. A Humanidade, então sob a influência dessas ideias, entrará num novo caminho moral. Considerando que, no texto, datado de 1858, Kardec afirmou que o Espiritismo se encontrava no 2º período, podemos inferir que nos encaminhamos para vivenciar o 4º período, estabelecendo um novo modelo de vivência do Ser. Ainda sobre o assunto, num artigo publicado em dezembro de 1863, na edição da Revista Espírita, Kardec assegura que o último período será o da regeneração social, que apresentaria uma geração imbuída de ideias novas para preparar o caminho do triunfo da união, da paz e da fraternidade entre os homens. Estamos, pois, sendo convidados a construir esse 4o período. “Espíritas, o futuro é vosso e de todos os homens de coração e devotados. Não vos assustem os obstáculos, porquanto nenhum há que possa embaraçar os desígnios da Providência. Trabalhai sem descanso e agradecei a Deus o ter-vos colocado na vanguarda da nova falange. É um posto de honra que vós mesmos solicitastes e do qual é preciso vos mostreis dignos pela vossa coragem, pela vossa perseverança e pelo vosso devotamento.” (Allan Kardec – Obras Póstumas). No texto Reflexões sobre o futuro do Movimento Espírita, André Luiz Peixinho (Federação Espírita da Bahia) disse que “o Espiritismo deve gerar uma visão de mundo centrada no ser espiritual, ainda que o mesmo se manifeste em condições ditas materiais. Podemos dizer, na atualidade, que o seu papel histórico é provocar uma revolução paradigmática, capaz de colocar o espírito como matriz da realidade. [...] Embora reconhecendo as contingências evolutivas dos trabalhadores espíritas e seus esforços, na atuação do Movimento Espírita, pensamos que o mesmo pode avançar para melhor refletir a busca dos objetivos primaciais do Espiritismo, gerando mais amplas, complexas e facilitadoras formas de organização e vivência dos ensinos.” A marcha da transformação da Humanidade é inexorável; precisamos ficar atentos tanto à chegada dos novos tempos, quanto à missão dos Espíritas, pois, nesse processo de mudanças, nada poderá embaraçar os desígnios da Providência. A imobilidade, em lugar de ser uma força, torna-se uma causa de fraqueza e de ruína, para quem não segue o movimento geral; rompe a unidade porque aqueles que querem ir adiante se separam daqueles que se obstinam em permanecer atrasados (Allan Kardec). A partir de onde se processarão essas transformações que influenciarão a humanidade? Sem dúvida, a partir dos Centros Espíritas, reunidos em torno das Federativas, que integram o Movimento Espírita, dentro de uma visão de união e de revivescência do Cristianismo Primitivo. No Brasil, a importância do Movimento Espírita está ligada à sua missão de Pátria do Evangelho, como nos transmite Humberto de Campos, Espírito, na obra mediúnica Brasil, coração do mundo, Pátria do Evangelho, visando, dentro do ideal cristão e pelo exemplo, à “(...) espiritualizar o ser humano, espalhando com os seus labores e sacrifícios as sementes produtivas na construção da sociedade do futuro. (...)”. Então, duas questões cruciais, nesse contexto, apresentam-se no momento: 1) O Movimento Espírita, a partir dos Centros Espíritas, tem cumprido seu papel no sentido de que o Espiritismo exerça influência sobre a ordem social, como preconizado por Kardec? 2) O Movimento Espírita, a partir dos Centros Espíritas, tem exercitado a revivescência do Cristianismo Primitivo, em sua essência; espiritualizando o ser humano na construção de uma nova sociedade? Para a execução do projeto paradigmático espírita se faz necessária uma análise do momento atual do Movimento Espírita, identificando novas formas de atuação. Nessa busca, a Federação Espírita do Estado do Espírito Santo – FEEES, no Encontro de Trabalhadores Espíritas 2015- ENTRAE, levou para discussão o tema central Construindo Hoje o Futuro do Movimento Espírita, analisando presente, passado e futuro do Movimento Espírita, numa agenda de discussões que enfocou: a realidade, os desafios e as respostas para o agora; tendo como inspiração o pensamento de vanguarda de Kardec. O momento é de iniciar a construção de uma ambiência de supremacia do Ser espiritual; com novas demandas e desafios, dando respostas cada vez mais complexas à sociedade, mas que contribuirão para a transformação evolutiva da Humanidade. Não podemos nos esquecer da grande missão de acolher – consolar – esclarecer – orientar todos aqueles que procuram os Centros Espíritas. Não precisamos formar doutores em Espiritismo para que o indivíduo possa tomar a decisão a partir do conhecimento espírita. Logo, não é só o domínio profundo de um conhecimento específico, mas será a maneira como esses conhecimentos se relacionam com o mundo externo – mundo real exterior – e com o mundo interno – mundo real interior. Enfim, é como o conhecimento espírita permite uma leitura do mundo e uma relação saudável e positiva com o que trazemos nos refolhos d’alma... É como o conhecimento nos ensina e nos aproxima do que somos realmente e a proceder a uma trajetória de transformação libertadora da consciência. (Álvaro Chrispino – Família, Juventude e Educação – uma visão espírita). 4

[close]

p. 5

Fevereiro 2016 Notícias GRUPO DE VISITA JERONYMO RIBEIRO Atendimento ao jovem em conflito com a Lei fotos: divulgação Feees JOÃO `Álvato (conhecido como Prof. Josa), Jonatan, Arlindo Leal e Aloisio Prado NTHALYA Valejo (gerente pedagógica do IASES) discutindo sobre o plano pedagógico MESA formada por: Arlindo Leal, Dalva Silva Souza, Solange Nascimento, Janete Pantaleão (juiza da 2ª Vara da Infância-Serra) e Nathalya Valejo Realizou-se na sede da Feees, no dia 6 de dezembro de 2015, mais um Seminário do Atendimento ao Jovem em Conflito com a Lei. O encontro foi coordenado por Solange Nascimento de Oliveira, diretora da Área de Assistência e Promoção Social Espírita da Federação e contou com a colaboração dos trabalhadores do Grupo de Visita Jeronymo Ribeiro, coordenado por Arlindo Leal. Foram momentos de reflexão e emoção que permitiram a percepção da importância das ações que o grupo vem desenvolvendo, não só nas visitas semanais aos espaços em que esses jovens são recolhidos, como também pela oferta a eles do Curso de Designer, como alternativa de reinserção social e integração ao mercado de trabalho, graças à parceria da Feees com a Vara de Penas Alternativas. Semana Espírita de Guarapari A 21ª Semana Espírita de Guarapari iniciou a todo vapor no dia 17 de janeiro de 2015 no SESC dessa cidade. A Abertura foi feita pelos membros das Residências Inclusivas do Movimento Paz Espírito Santo, chamados carinhosamente de Meninos da Paz. Eles cantaram e encantaram a todos, distribuindo biscoitinhos para os presentes e fazendo coreografias. Todos se emocionaram bastante com a apresentação. O palestrante que abriu a Semana Espírita de Guarapari foi o psicólogo mineiro Emerson Pedersoli, que deixou um rastro de carinho e simpatia a todos presentes nos dias em que esteve em Guarapari, distribuindo mineirice! O tema geral da Semana foi A FAMILIA E OS DESAFIOS DA ATUALIDADE, apresentado pelo conferencista convidado para a sessão de abertura. Já na segunda-feira, o tema foi “O Novo Perfil da Família”. Os Conselheiros do Instituto de Divulgação Espírita agradecem penhoradamente aos patrocinadores que ajudaram na manutenção do Evento, ao Conselho Regional Espírita e à querida FEEES, que esteve presente na pessoa de Maria Lucia Rezende (Vice-Presidente de Doutrina), que teceu alguns comentários abrindo os trabalhos da noite de abertura. fotos: divulgação FEEES MENINOS dA Paz SESSÃO de abertura - Maria Lúcia, representando a FEEES, teceu comentários PÚBLICO atento à sessão de abertura A Senda Onde as informações sobre o universo espírita são precisas e atuais. 5

[close]

p. 6

Agenda A SENDA Dia 13/2, Reunião Ordinária do C. F. E. Os representantes dos Conselhos Regionais Espíritas (Coordenadores, 1º e 2º secretários), os Vice-Presidentes e Diretores das Áreas Estratégicas da FEEES estão convocados para Reunião Ordinária do Conselho Federativo Estadual que será realizada em 13 de fevereiro de 2016, na sede da Federação. Estarão em pauta importantes assuntos: ajustes na proposta para o novo estatuto e para o Regimento Interno da FEEES; avaliação dos resultados das atividades desenvolvidas durante a atual gestão e apreciação do Programa de Trabalho elaborado em parceria com os CREs para a próxima gestão. Inauguração de mais uma Casa Espírita fotos: divulgação Feees O Núcleo de Estudos Espírita “Maria de Nazaré” abrirá suas portas à Comunidade de Mathilde, Alfredo Chaves, no dia 20 de fevereiro de 2016, às 17h, com a palestra de Hélio Tinoco sobre Maria, Mãe de Jesus. A reunião de inauguração contará também com a presença da presidente da FEEES, Dalva Silva Souza. Participe! Atividades de Estudo da CEJAPE em 2016 A CEJAPE convida a todos para retomarem as atividades de estudo em 2016. Iniciantes ou não, todos são sempre bem-vindos à nossa casa. • Estudo de O Livro dos Espíritos - todas as terças-feiras - 19h • Estudo Série Psicológica Joanna de Angelis - começo dia 11/02 - quinta-feira - chegada 19h15 com início às 19h30 • ESDE - segundas-feiras: Ano I - 22/02 - 19h30, Ano II - 15/02 - 20h30, Tomo Único - 15/02 - 20h Reunião pública na FEEES Após o Carnaval, serão reiniciadas as sessões públicas da Feees, às terças-feiras, às 20h. A equipe de trabalho preparou uma novidade: Serão compartilhados os resultados dos estudos do Núcleo de Estudo e Pesquisa do Evangelho - NEPE. Serão momentos importantes de reflexão sobre os ensinamentos de Jesus estudados à luz do Espiritismo. NÃO PERCA! O início será no dia 16/02 com o tema Buscai Primeiramente o Reino de Deus e Sua Justiça, que será desenvolvido por Dalva Silva Souza. No dia 23/02, Valdete Peixoto Barbosa falará sobre A Parábola do Semeador. FEVEREIRO-2016 • Programação de Palestras na FEEES Dia 01 - 14h30 Dia 08 - 14h30 Dia 15 - 14h30 Dia 22 - 14h30 Dia 29 - 14h30 Observe os Conselhos CARNAVAL Como Evitar Nossas Aflições A Misericórdia O Evangelho em Nossas Vidas Paulo César Castellani NÃO HAVERÁ PALESTRA Oswaldo Viola Filho Altino Valadão Leite Sirley Drumond Louro 6

[close]

p. 7

Fevereiro 2016 Notícias foto: divulgação Feees Evangelizando com o Teatro ERALDO e Patrícia em cena emocionante CONGRESSO ESPÍRITA MUNDIAL Estamos a oito meses do 8º Congresso Espírita Mundial ... Pessoas de 19 países já estão inscritas até agora, perfazendo 45 % da capacidade da sala Tejo do Meo Arena, onde se realizará o evento. O Programa é constituído de temas sobre a importância da valorização da vida em diversas das suas formas... Serão 3 dias de partilha de experiências, amizade e conhecimentos enriquecedores e de aprimoramento moral para todos nós. Garanta a sua inscrição com brevidade, para não perder a oportunidade e procure pacotes de viagem. Nossa companheira Geruza Azevedo Rodrigues, da Casa Espírita Cristã, está organizando grupos de viagem. Há três roteiros para sua escolha: Portugal, Portugal e Paris, Portugal e Áustria. Faça contato: vixgeruza@gmail.com Telefones: 3227-7110 / 98812-1112 (Vivo) Outras ofertas que chegaram à redação de A Senda: New IT - Profissionais em Turismo três roteiros: Portugal; Portugal e Grandes Cidades da Espanha; Portugal, Espanha e Paris. Contatos com Ana Maria Bozano: amnbozano@gmail.com - Telefones: (21) 2438-1013 / 99961-5986. Lourdes Martins Intercâmbio e Viagens - lourdesmartins2257@gmail.com - (27) 3227-7792 / 99971-3784, três roteiros: PORTUGAL e GRÉCIA; PORTUGAL e ESPANHA; PORTUGAL, FRANÇA, SUÍÇA e ÁUSTRIA. Picorelli Turismo: (32) 32154934 - mônica@picorelliturismo.com.br, oferece 2 roteiros: PORTUGAL e ESPANHA; PORTUGAL e GRÉCIA. O Grupo Espírita Fraternidade, de Iúna (GEFI), primando pela utilização da arte como profícuo canal de educação cristã e difusão da Doutrina Espírita, mais uma vez encantou a comunidade iunense com uma peça teatral. Nas comemorações do Natal, o Grupo apresentou a peça “Lições para a Vida”. O texto assinado por Eraldo Amorim, traz reflexões sobre os desdobramentos dos dramas familiares na esteira da reencarnação, realçando os princípios da lei de amor. O elenco conta com Adalcy Junior, Amanda Alcure, Patricia Lembranza, Danilo Lamas e Eraldo Amorim, além da participação especial e direção de André Lobo. A convite do Grupo Espírita de Ibatiba, o grupo se apresentará naquela cidade no dia 28/02, por ocasião dos festejos do aniversário do GEI. Área de Atendimento Espiritual da FEEES Durante o ano de 2015, a Área de Atendimento Espiritual da Feees, sob coordenação de Eliana Schmidt Castellani, dirigiu o trabalho de palestras e passes realizado às segundas-feiras, na sede da Feees, a partir das 14h30. Avaliando o trabalho, verificou-se que um público de 1493 pessoas estiveram presentes a essas reuniões, ao longo do ano, e foram realizados 36 atendimentos fraternos. Esse é um trabalho mantido graças à colaboração de dedicadas pessoas, voluntárias do bem. Que Jesus continue a fortalecer a todas elas! Em 2016, o trabalho continua sem interrupção, venha conhecer! Campanha em prol da dinamização do Espiritismo do Espírito Santo Se você já percebeu a importância do movimento espírita, para que a Doutrina Consoladora do Cristo chegue a todos os corações, seja um patrocinador das ações de divulgação espírita. Preencha a ficha abaixo e envie-a à Federação Espírita do Estado do Espírito Santo. Você receberá em sua própria casa o CARNÊ DE COLABORADOR. PROPOSTA DE COLABORADOR NOME: ENDEREÇO: BAIRRO: CIDADE: FONE: (residencial) CPF: ASSINATURA: (comercial) CEP: ESTADO: VALOR DA CONTRIBUIÇÃO: 7

[close]

p. 8

Aconteceu Corrigindo nossa falha fotos: divulgação Feees A SENDA Na edição de janeiro, duas matérias ficaram prejudicadas por falha da equipe/A Senda. Nesta edição, queremos reparar esse erro. A foto do “Multiencontro” realizado pelo 11º CRE, no Grupo Espírita Auta de Souza (Piúma), em 12/12/2015, foi colocada como ilustração do encontro acontecido em Vargem Alta, no Centro Espírita Trabalho, Amor e Luz, em 13/12/2015. Aqui estão as duas fotos e nosso pedido de desculpas aos nossos leitores. Foto 1 - Encontro dos trabalhadores do 11º CRE no Grupo Espírita Auta de Souza Foto 2 - Dalva Silva Souza, presidente da FEEES; Jurema Abranches, Coordenadora do 4º CRE; companheiros do Coral Espírita Nero Abranches e trabalhadores do Centro Espírita Trabalho, Amor e Luz, de Vargem Alta FEEES terá nova diretoria em março O ano de 2015 foi um período de preparação da nova gestão da FEEES. Uma comissão designada pelo Conselho Federativo Estadual discutiu as metas e objetivos do Plano Estratégico para a gestão 2016-2019, sob a coordenação de Valmir Gomes do Nascimento e Marcos André da Gama Bentes e foi amplamente divulgado o período para a inscrição de equipes candidatas ao pleito, que se encerrou no dia 31 de janeiro, tendo ocorrido o registro da seguinte equipe: Presidente: Dalva Silva Souza Vice-presidente de Administração: Maria Lúcia Resende Dias Faria Vice-presidente de Unificação: José Ricardo do Canto Lírio Vice-presidente de Educação: Luciana Teles de Moura Vice-presidente de Doutrina: Alba Lucínia Sampaio CONSELHO FISCAL – Titulares: Maria de Lourdes das Neves, João Batista Bragança, Antônio César Lellis; Suplentes: Oswaldo Viola Filho, Darlan Bastos, André Luiz Machado. 8

[close]

Comments

no comments yet