Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

 

Embed or link this publication

Description

Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

Popular Pages


p. 1

99 Obras no entorno da Arena do Grêmio estão paradas devido a descumprimento da OAS Seguem obras noturnas na Ceará. Leia mais na página 05. Com um ano de obra, ponte sobre o Guaíba chega a 28% de conclusão. Saiba mais na página 10. Consultório Itinerante é inaugurado no bairro Sarandi. Leia mais na página 03 As dificuldades financeiras que a construtora OAS vem enfrentando, enfim, afetaram as obras do entorno da Arena do Grêmio. A empresa deveria ter recomeçado em outubro o prolongamento da avenida A. J. Renner e da avenida Padre Leopoldo Brentano até as proximidades da Freeway. Leia na página 07.

[close]

p. 2

Nessa edição de novembro do jornal Geramigos Zona Norte focamos muito em o b r a s , t a nt o a s q u e v e m andando e sendo executadas como as que ficaram pelo caminho, estão parados e, não só o poder público, como o privado também está em dívida com a população, como ocorre em nossa matéria principal sobre as obras que a OAS é responsável no entorno da Arena do Grêmio em um empasse que vem se arrastando há muitos meses. Mas nem só de obra estagnada vive nosso jornal de novembro. As obras da t r i n ch e i r a n a C e ar á , p or exemplo, seguem a noite e a todo o vapor, assim como os corredores de ônibus da Bento Gonçalves e da Protásio Alves que a prefeitura promete concluir mês que vem. Outra notícia que é tratada com muita expectativa pelo povo porto-alegrense é o metrô. Agora, a prefeitura diz que a obra sairá sim, mas não estipula prazos para os processos. A obra da segunda ponte sobre o Guaíba também abordada esse mês. após um ano de trabalho, 23% da obra está concluída. Além dessas notícias, ai n d a te m o s a s obr a s d o Shopping Total, RefizPOA, a iluminação de Natal do Parque Moinho de Ventos, entre muitas outras informações nessa edição do Geramigos. Lhe desejamos uma boa leitura. Diagramação: Fernando Cunha Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

[close]

p. 3

Unidade de Saúde Jardim da Fapa recebe espaço Aconchego Mãe-Bebê A Unidade de Saúde Jardim da Fapa (rua Cristal da Paz, 146, bairro Mario Quintana), na zona Norte de Porto Alegre, passa a contar c om u m novo e sp a ç o d e aleitamento materno. O espaço Aconchego Mãe-Bebê, uma iniciativa que estimula o aleit amento mater no, foi inaugurado no último dia 13, pelo prefeito José Fortunati e o secretário municipal de Saúde, Fernando Ritter. A cerimônia marcará ainda a entrega oficial das novas inst alaçõ es da unidade de saúde. O espaço Aconchego mãe-bebê é um ambiente temático confortável e acolhedor, com poltrona, trocador, cabideiro, pufe e decoração infantil. A ideia é melhorar os indicadores de saúde, promover a qualidade de vida e reduzir o adoecimento e a mortalidade materna e infantil, estimulando a amamentação pelo menos até os seis meses de vida e ao longo de dois anos ou mais, complementando com uma alimentação saudável. Desenvolvido pela área técnica de nutrição da S e c re t ar i a Mu n i c ip a l d e Saúde, a iniciativa busca assegurar o fortalecimento do vínculo mãe-bebê e a prática do aleitamento. Profissionais de saúde da unidade fazem o acompanhamento. O trabalho envolve as equipes de saúde da Rede Amamenta e Alimenta Brasil, do Ministério da Saúde. As informações são compartilhadas no grupo de gestantes, nas consultas de pediatria, pré-natal e e n fe r m age m , n a s a l a d e vacinas e em oficinas com os trabalhadores da Estratégia Amamenta Alimenta Brasil. Reforma geral - Um conjunto de obras e melhorias integram a reforma geral pela qual passou a Unidade de Saúde Jardim da Fapa. A área de unidade foi ampliada de 151 metros quadrados Consultório Itinerante é inaugurado no bairro Sarandi Ocorreu no último dia 10 no Centro Humanístico Vida, no bairro Sarandi, a inauguração oficial do projeto Consultório Itinerante. A parceria, que abrange diversos órgãos públicos, oportunizará aos alunos de escolas municipais e estaduais de Porto Alegre atendimentos oalmológicos e odontológicos. As consultas serão efetuadas dentro dos consultórios produzidos para este projeto. Uma triagem inicial será feita para definir o grau de necessidade de tratamento de cada estudante. No caso dos atendimentos oalmológicos, quem tiver necessidade do uso de óculos terá a oportunidade de recebê-los no próprio Consultório Itinerante. Caso seja identificada a necessidade de um tratamento mais complexo, os alunos serão encaminhados para as unidades de referências das famílias. O mesmo processo serve para os atendimentos odontológicos. Entre os parceiros envolvidos estão o Ministério da Educação (MEC), Ministério da Saúde (MS), Secretaria Estadual da Saúde do Rio Grande do Sul (SES/RS), Secretaria de Educação do Estado do Rio Grande do Sul (Seduc/RS), S e c r e t a r i a Mu n i c i p a l d e Educação (Smed), Secretária Municipal da Saúde (SMS) e Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA). para 266 metros quadrados. Além da troca do piso, de toda a rede elétrica e construção de um muro, a unidade ganhou dois consultórios, um gabinete dentário e escovódromo, dois banheiros (um para deficientes), sala de arquivo, almoxarifado, sala de esterilização, sala de administração, sala de grupos e ainda dois espaços adequados para lixo. Sete novos aparelhos de ar condicionado garantem a climatização dos ambientes. A US recebeu novo mobiliário e dois portões, sendo um eletrônico. A reforma geral custou R$ 362 mil. Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

[close]

p. 4

História do bairro Navegantes O Bairro Navegantes é um dos mais antigos da cidade. Sua localização já era nítida nas plantas da cidade no final do s é c u lo XIX. As or igens e ocupação da região estão ligadas ao trajeto para as colônias alemãs a partir 1824 e, em meados do século XIX, a ocupação do bairro já era digna de nota. Desde seu início, o bairro Navegantes já demostrava sua importância devido à ligação que fazia entre o Centro da cidade e a região de imigração (vale do Rio dos Sinos), além da antiga Estrada de Baixo em direção a Gravataí, Santo Antonio e Osório. Em 1874, houve a implantação da Estrada de Ferro Porto Alegre – Novo Hamburgo, o que dinamizou bastante o bairro, sobretudo após a inauguração da primeira Estação Navegantes, por volta de 1886. Ainda no século XIX, a região revelou-se com forte vocação industrial, e especialmente a partir de 1890, quando várias indústrias da Capital instalam-se no bairro. O cres cimento indust r ia l contribuiu para o aumento da população, pois seus moradores, em sua maioria operários, p a ss ar am a h abit á - l o e m função da proximidade com seus locais de trabalho. Em 1875, é criada a capela consagrada a Nossa S e n hor a d o s Nave g ante s , devoção introduzida pelos imigrantes portugueses poucos anos antes. No entanto, a 72 construção da capela só ficou pronta em 1897, erguida em terreno doado pela senhora Margarida Teixeira de Paiva, dona de vastos terrenos na região. A capela foi elevada a condição de Paróquia em 1919, já na sua atual sede. Em frente à Igreja, está localizada a Praça Navegantes, onde é realizada uma das maiores expressões religiosas da cidade: de acordo com a fé católica, é comemorado no dia 2 de fevereiro a devoção a Santa Padroeira da Capital – Nossa Senhora dos Navegantes. Cessão de área permitirá construção de moradias na Vila Liberdade Em ato na Associação de Moradores da Vila Liberdade (Amovil), no bairro Humaitá, foi assinado na manhã desta sextafeira, 13, o termo de cessão de uso de um terreno do estado do Rio Grande do Sul para o município de Porto Alegre. A transferência, firmada pelo prefeito José Fortunati e pelo secretário estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Gerson Burmann, era aguardada desde o incêndio que atingiu a vila, em janeiro de 2013, e permitirá a construção de 700 moradias em uma área de 48.300 metros quadrados. (fotos) Com a assinatura, o Departamento Municipal de Habitação (Demhab) poderá realizar os estudos de sondagens para a conclusão do projeto de infraestrutura, que embasará a seleção pública para escolher a empresa que executará as obras. "Poderemos, agora, construir as moradias que a Vila Liberdade necessita. Esse é um ato importante da luta social pela moradia na cidade de Porto Alegre", disse o prefeito. Ele lembrou o engajamento histórico da comunidade nas assembléias do Orçamento Participativo. "A plenária realizada aqui é uma das principais da cidade, sempre com grande participação e envolvimento daslideranças",observou. A assinatura do documento contou com a presença de moradores. O incêndio de 2013 atingiu 90 casas, desalojando 194 famílias, sendo que a maioria encontra-se amparada pelo aluguel social viabilizado pela prefeitura em residências próximas. "Só tenho a agradecer, esta é uma conquista com que sonhamos há muito tempo. A prefeitura enxergou a nossa causa e levantou essa bandeira junto conosco", destacou o presidente da Amovil, Erlon Nogueira de Lima. "Esse ato é um marco da confiança que essa comunidade depositou no poder público municipal", disse o diretorgeral do Demhab, Everton Braz. Um dos grandes impactos urbanísticos para a região do bairro Navegantes foi a construção da ponte sobre o Rio Guaíba, inaugurada em 1958. C om a nova e dific aç ão, a tradicional Praça Navegantes ficou em baixo de uma das elevadas, mas se manteve centro dos festejos realizados anualmente em honra da Santa Padroeira. Oficialmente, o bairro Navegantes foi criado pela lei nº 2022 de 07/12/1959, sendo seus limites oficiais assim estabelecidos: rua Voluntários da Pátria, da esquina da Av Brasil até o seu prolongamento por uma linha na direção oeste/leste, seguindo a margem atual do rio até encontrar a rua Dona Teodora; desta até a Praça do Bombeador; deste segue pela avenida Ceará até a avenida Brasil; desta até encontrar novamente a rua Voluntários da Pátria. Porém em 1988 o decreto de lei nº 6218 altera os limites norte do bairro que passa a ser definido a partir do Cais Marcílio Dias no sentido até o ponto de encontro das ruas Voluntários da Pátria e Dona Teodora. Atualmente, a região mantém seu caráter industrial, entretanto ampliou o setor de s er viços. No bair ro est á localizado um dos maiores centros comerciais da cidade, o Shopping DC Navegantes, que atende tanto aos moradores do bairro quanto à redondeza, com seu comércio, restaurantes, teatro e, mais recentemente, um campus da faculdade IPA. Obras dos corredores da Bento e Protásio serão concluídas em dezembro Começou no final de outubro mais uma etapa da troca de pavimento do corredor de ônibus da avenida Protásio Alves, em Porto Alegre. O serviço será executado num trecho de 30 metros no cruzamento da rua Cristiano Fischer. O bloqueio parcial no cruzamento irá durar 45 dias. Os ônibus serão desviados para a pista lateral, nos dois sentidos. Outra obra em corredor de ônibus que está sendo realizada é na avenida Bento Gonçalves, embaixo do viaduto da Terceira Perimetral. Obra também deve ser concluída até o fim do ano. O serviço está 99,8% finalizado. A troca de pavimento mais atrasada é a da avenida João Pessoa. Apenas 60% do reparo foi realizado. A previsão de conclusão é para junho do an o qu e ve m . A e mpre s a responsável está trocando 15 placas de concreto que apresentaram defeito, no trecho entre a rua Venâncio Aires e o viaduto Imperatriz. Outras cinco placas já tinham sido refeitas pela construtora, depois de falhas encontradas. Após a realização deste reparo, a prefeitura irá autor izar a realização da troca de pavimento do asfalto antigo pelo novo. Sobre a publicação da licitação de construção das novas paradas e dos ônibus BRTs, a prefeitura informa que até o final do ano irá divulgar quando irá ocorrer. Sobre os veículos, as principais características devem ser o chassi Mercedes-Benz; baixa emissão de gases poluentes; Câmbio automático; carroceria com 23m de comprimento; capacidade total para 166 passageiros, sendo 62 sentados; arcondicionado; acessibilidade por rampa de acesso pela porta central; box para cadeirante; dois conjuntos de portas duplas para desembarque; pintura diferenciada; câmera de monitoramento interno. Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

[close]

p. 5

Avança a execução das obras noturnas da avenida Ceará Os trabalhos, na obra da trincheira da avenida Ceará, estão em plena execução e o cronograma prevê a conclusão no segundo semestre de 2016. Devido à localização dos canteiros de obras, próximo a uma das cabeceiras da pista do Aerop or to Internacional Salgado Filho, a Infraero e o V Comando Aéreo Regional da Aeronáutica (Comar) impuseram restrição de horário de funcionamento do equipamento de escavação. "É a obra mais complexa das 14 grandes obras viárias que estamos realizando na cidade justamente pela localização; tem um viaduto, é rota de pouso e decolagem de aeronaves, ao lado do Trensurb, e também pelas características do solo. Mas é esse empreendimento que vai resolver um dos grandes gargalos do trânsito na cidade, que é um ponto ainda mais crítico que o conhecido "xis da Rodoviária", no Centro. Vamos eliminar semáforos, dando melhor mobilidade e mais rapidez ao fluxo de veículos", explicou Fortunati ao lembrar que pelo local passam veículos que chegam à Capital vindos pela Free Way, do Vale dos Sinos, da Serra, além de ser a região do aeroporto e de várias empresas pelas quais circulam caminhões de grande porte. A estimativa é de que 75 mil veículos passem por dia pelo local. A equipe de engenheiros responsável pela obra ressaltou que o empreendimento passou por alguns ajustes. O projeto teve que ser revisto devido ao tipo de solo, de argila mole, e também às peculiaridades da região. A técnica inicialmente prevista, com tirantes e lamelas pré-moldadas, foi substituída pela escavação e concretagem in loco. Polímero está sendo injetado nas paredes laterais de contenção para dar mais estabilidade para a escavação, que pode chegar a 11 metros de profundidade em alguns trechos. Nesta fase estão sendo exec ut adas as contençõ es laterais nos dois trechos, um de cada lado do viaduto - uma das etapas mais complexas da intervenção viária. Quando for finalizada, os dois canteiros de obras "se encontrarão", o trânsito, em três pistas, será desviado todo para a lateral direita, no sentido aeroportoCentro, e iniciará a escavação do eixo principal. "Estamos com o trabalho num ritmo acelerado. Nos últimos dias, a chuva atrapalhou. Foram 21 dias com os trabalhos parados. Mas os maiores entraves já foram superados e nossa previsão é concluir o empreendimento no segundo semestre do ano que vem", disse o secretário municipal de Gestão, Urbano Schmitt. Também acompanharam a visita o secretário municipal de Obras, Mauro Zacher, o engenheiro responsável pela obra, Carlos Otero, equipes técnicas da prefeitura e da empresa que está executando o empreendimento. Situação At u a l m e nt e , e s t ã o sendo executadas as paredes de diafragma da passagem subterrânea, com ser viços realizados à noite. Mas, a obra tem período de 24h e sempre com produção, mesmo com as chuvas, que atrapalharam bastante, em razão do terreno ser de argila mole, dificultando as escavações. Durante o dia estão sendo implantadas as redes de drenagem pluvial. O estaqueamento da estrutura da futura casa de bombas da trincheira está concluído. A casa de bombas é uma estrutura de concreto armado que abrigará o conjunto de equipamentos que bombearão as águas pluviais que acumularão na pista da trincheira em dias de chuva. A obra A obra é conhecida como trincheira da avenida Ceará e integra uma das cinco intervenções ao longo da Terceira Perimetral. Com extensão de 315 metros e largura de nove metros, o trecho será rebaixado em aproximada-mente cinco metros e meio, chegando a oito metros o vão na parte mais profunda. O fluxo da avenida Ceará, sentido bairro-Centro, passará por baixo da avenida Farrapos. O valor total é de R$ 32 milhões. A empresa responsável é a Consórcio Farrapos. Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

[close]

p. 6

Prefeitura garante metrô de Porto Alegre, mas sem prazo para a execução A prefeitura não trabalha mais com prazos para o início das obras e da operação do metrô de Porto Alegre. Neste momento, um dos principais entraves da construção do sistema na Capital é econômico, já que a crise nas finanças é estadual e federal. C o n f o r m e o secretário municipal de Gestão, Urbano Schmitt, o projeto já está concluído, com o modelo e o tipo de operação definidas, que estão sendo acompanhados através da consultoria da empresa Metros Ligeros de Madrid S.A., que também é responsável pela operação do metrô da capital espanhola. De acordo com o cronograma inicial, a previsão era que o edital de licitação previsão era que o edital de licitação licitação da Parceria Público-Privada (PPP) da construção do metrô fosse lançado em 2016. Além da elaboração da concorrência pública, o projeto necessita de licenças ambientais e municipais. Somente após todas essas etapas as obras começariam, com duração de cinco anos. A implantação do metrô na Capital vem sendo discutida desde 2011, quando o projeto foi incluído no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Obras no Shopping Total As obras estão a mil no Shopping Total. entre este ano e o próximo, nove lojas serão inauguradas. Algumas, como a Hospitalar ATS deve abrir as portas ainda esse mês de novembro. a empresa é especializada em apoios à i n t e r n a ç ã o d o m i c i l i a r, monito-ramento de pacientes crônicos, gestão de saúde em grupo e ambulatório. A ATS se instalou no quarto e no quinto andares de um dos prédios históricos que compoem o Total. Tu m e l e r o H o m e C enter é uma das mais comentadas entre as que inaugurarão. A unidade de 2,5 mil metros quadrados deve abrir em dezembro, essa será a primeira loja da rede operando em um shopping. O espaço amplo da loja também inclui a preservação de uma parede das instalações originais, mas tem construção nova no projeto. O conjunto terá um skylight que valoriza a arquitetura O café colonial Bela Vista, tinha inauguração prevista para setembro, mas será preciso um pouco mais de tempo para concluir alguns trabalhos de restauração. Investimento A participação financeira do governo gaúcho na construção do metrô ainda segue em aberto. O governo federal vai repassar R$ 1,77 bilhão. Já a prefeitura ingressará com R$ 690 milhões. Cabe ao Estado financiar R$ 1,08 bilhão. O total de investimento público é de R$ 3,54 bilhões. O restante será pago pela iniciativa privada, que poderá explorar o serviço por mais 25 anos. Por meio de nota, o governo do Estado afirma que "está em contato permanente com a prefeitura e a União para atuar passa a ser elevada. em conjunto no projeto do metrô. No momento, é reconhecido que as três instâncias enfrentam dificuldades econômicas para viabilizar o projeto. Trajeto O modelo mínimo do metrô prevê a ligação entre o Centro Histórico e a Fiergs, na zona Norte. Do centro ao Terminal Triângulo, o modelo de construção planejado é o Shield, que é subterrâneo e não necessita de alterações no t r â n s i t o. Já d o Te r m i n a l Triângulo até a Fiergs, a via passa a ser elevada. vivo Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

[close]

p. 7

Obras no entorno da Arena do Grêmio estão paradas devido a descumprimento da OAS As dificuldades financeiras que a construtora OAS vem enfrentando, enfim, afetaram as obras do entorno da Arena do Grêmio, em Porto Alegre. A empresa deveria ter recomeçado em outubro o prolongamento da avenida A. J. Renner, da avenida Padre Leopoldo Brentano até as proximidades da Freeway. Também deveria ter reiniciado os trabalhos para instalação de rede de água, esgoto e estação de bombeamento de esgoto na via, até a avenida Farrapos. O T e r m o d e Compromisso firmado pela pre fe itu r a , c ons t r ut or a e Ministério Público prevê oito obras que são responsabilidade da empresa. Segundo o acordo, se os serviços não fossem realizados ou houvesse execução parcial das obrigações estabelecidas, a construtora receberia multa diária de R$ 5 mil. Os prazos iniciaram em dezembro de 2014 e vão até agosto de 2017. De acordo com a pre f e it u r a e o M i n i s t é r i o Público, duas obras que estavam previstas chegaram a ser realizadas conforme o calendário previsto: a rua 02, entre a rua 01 e o avenida A. J. Renner; e o começo dos trabalhos das redes de água e esgoto da A. J. Renner e do prolongamento da Voluntários da Pátria Porém, a OAS apresentou um Plano de Recuperação Judicial, que foi aprovado pela Justiça no mês passado. Mesmo com essa medida, a Procuradoria Geral do Município informa que os prazos do termo não foram suspensos e seguem valendo. Tanto o Ministério Público como a prefeitura entraram como credores no processo de recuperação da OAS, porém, a fila de credores é longa e não há qualquer perspectiva de recebimento dos valores devidos. A Rádio Gaúcha entrou em contato com a construtora, que ainda não informou os Confira quais são as oito obras de responsabilidade da OAS: 1. Prolongamento da Avenida A. J. Renner, da Avenida Padre Leopoldo Brentano até as proximidades da Freeeway. Também está previsto a instalação de rede de água, esgoto e estação de bombeamento de esgoto na via, até a avenida Farrapos; 2. Criação de quatro "laços de quadra", ou retornos, na interseção da Avenida A. J. Renner com a Rua Dona Teodora; 3. Reformulação da rótula da da Avenida A. J. Renner com a Av. Padre Leopoldo Brentano; 4. Ampliação da interseção da Avenida Farrapos com a Avenida A. J. Renner. Havia a previsão de construção de um túnel, mas o projeto foi descartado, pois área apresenta solos moles; 5 . Impl ant a ç ã o d o terminal de ônibus na interseção da Avenida A. J. Renner com a Ave n i d a Pa d re L e op o l d o Brentano. Terá vagas para 27 ônibus, prédio administrativo, área de manobras, parada coberta com capacidade para 3 veículos; 6. Conclusão da duplicação da Avenida Padre Leopoldo Brentano desde a Avenida Voluntários da Pátria até Avenida A. J. Renner (obra parcialmente já executada pela prefeitura); 7. Prolongamento da Avenida Voluntários da Pátria, entre a Avenida Padre Leopoldo Brentano até o futuro prolongamento da Avenida A. J. Renner; 8. Construção de uma rua entre a Avenida A. J. Renner e o contorno da Arena do Grêmio. Com a prefeitura ficou a duplicação da avenida Ernesto Neugebauer e da rua José Pedro Boéssio. As licitações devem ser lançadas até o fim do mês. motivos da paralisação das obras. Em abril de 2012, o prefeito José Fortunati, o procurador-geral do município, João Batista Linck Figueira, e sete secretários municipais assinaram, com representantes da construtora, um termo de compromisso onde a prefeitura assumia a responsabilidade por todas as obras na região. O Ministério Público do Rio Grande do Sul questionou a assinatura do documento e prometeu ingressar na Justiça. Em agosto de 2013, a prefeitura estimava que todas as obras custariam R$ 128 milhões. Já em novembro de 2014, o termo foi revogado. Um m ê s d e p o i s , a prefeitura abriu mão de 30% das melhorias que seriam realizadas no entorno da Arena para garantir um acordo com a construtora. Entre as justificativas para abrir mão dessas obras estava o temor que a discussão judicial poderia se arrastar por mais de uma década, o que protelaria a necessidade da realização das melhorias. De acordo com a prefeitura, esses 30% de obras não são tão significativos se comparados com a e sp e r a p el o ju l g ame nto definitivo da ação. A justificativa foi aceita pelo Ministério Público. Eloi Freitas - Construção Civil Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

[close]

p. 8

São poucos? Pr. Bruno T. Seitz E-mail: btseitz@terra.com.br LBV arrecada doações para campanha de Natal Com o objetivo de oferecer um Natal mais digno e feliz a milhares de famílias em situação de vulnerabilidade social, a Legião da Boa Vontade promove a edição 2015 da Campanha _Natal Permanente da LBV — Jesus, o Pão Nosso de cada dia!_. A iniciativa visa arrecadar mais de 900 toneladas de alimentos não perecíveis a serem entregues, em cestas, no período de 7 a 23 de dezembro, a 50 mil famílias atendidas pelos programas socioeducacionais da LBV e as apoiadas por organizações parceiras da Instituição em todo o Brasil. As doações para a campanha podem ser feitas pelo _site _WWW.LBV.ORG/DOE, pelo telefone 0800 055 50 99 ou em uma das unidades de atendimento da Instituição no Brasil (os endereços podem ser consultados no _site_ da LBV). Dezenas de artistas também estão apoiando a campanha em uma grande corrente por meio do "Desafio Solidário". Saiba mais acessando os perfis da Legião da Boa Vontade nas redes sociais: Facebook ( L B V B R A S I L ) , Tw i t t e r (@LBVBRASIL) e Instagram (@LBVBRASIL). Vida após o parto Pr. Eliseu Teichmann E-mail: eliseu@comcristo.org.br No telejornal o locutor informa que, em determinado lugar, longe ou perto, caiu um avião. E completa, dizendo que a maioria dos passageiros morreu e que poucos se salvaram. Se você estivesse nesse voo, não gostaria de ser um desses “poucos”? Certa vez alguém perguntou a Jesus: “Senhor, são poucos os que se salvam?” (Lucas 13.23). Uma pergunta curiosa e interessante. A que estaria se referindo quem formulou a questão? A Bíblia nos diz que todos pecaram (Romanos 3.23) e que o salário do pecado é a morte (Romanos 6.23). Isso significa que, se não houver uma forma de salvação, estamos perdidos. Será que a pessoa referida estava pensando nisso? “Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e são muitos os que entram por ela; pois a porta é estreita, e o caminho que conduz à vida, apertado, e são poucos os que a encontram” (Mateus 7.13-14). São palavras de Jesus, no Sermão da Montanha. O que ele está dizendo é que só há dois caminhos: um espaçoso, fácil de ser trilhado, mas que leva à perdição; o outro é apertado e difícil, mas leva à vida eterna. Jesus também disse: “Eu sou a porta. Se alguém entrar por mim, será salvo” (João 10.9). Na verdade, ele é a única porta e o único caminho para a salvação (João 14.6). Na nossa vida diária pouco nos preocupamos com o nosso lado espiritual, nossa alma imortal, nosso ser. Estamos mais interessados na vida material, em nosso bem estar, em ter. Cremos que, se trabalharmos (ou formos espertos) poderemos ter tudo o que precisamos. As preocupações com a alma ficam adiadas até que surja uma calamidade em nossa vida e isso nos faça lembrar que há um Deus a quem vamos prestar contas. Por isso, o profeta anunciou: “Buscai o Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto. O ímpio deve deixar o seu caminho, e o homem mau, os seus pensamentos; volte-se para o Senhor, que se compadecerá dele; volte-se para o nosso Deus, porque é rico em perdoar” (Isaías 55.6-7). Por que não ser um dos “poucos”? Nem sempre a maioria tem razão... O mês de novembro é marcado pelo feriado do Dia de Finados. Apesar de parecer apenas mais um feriado, é um dia diferente, em que, com carinho e saudades, nos lembramos de nossos queridos que faleceram. Também é um dia diferente porque nos faz pensar na vida e na morte. Mesmo que muitos acreditam que tudo termina na morte, permanece a pergunta: seria possível ter vida após a morte? Recordo de uma história que parece lançar luz sobre esta pergunta. O título é: "Vida após o parto". Já ouviu falar? É assim: No ventre de uma mulher grávida dois gêmeos dialogam: - Você acredita em vida após o parto? - Claro! Há de haver algo após o nascimento. Talvez estejamos aqui principalmente porque nós precisamos nos preparar para o que seremos mais tarde. - Bobagem, não há vida após o nascimento. Afinal, como seria essa vida? - Eu não sei exatamente, mas certamente haverá mais luz do que aqui... Talvez caminhemos com nossos próprios pés e comeremos com a nossa boca. - Isso é um absurdo! Caminhar é impossível. E comer com a boca? É totalmente ridículo! O cordão umbilical nos alimenta. Além disso, andar não faz sentido pois o cordão umbilical é muito curto - Sinto que há algo mais. Talvez seja apenas um pouco diferente do que estamos habituados a ter aqui. - Mas ninguém nunca voltou de lá. O parto apenas encerra a vida. E afinal de contas, a vida é nada mais do que a angústia prolongada na escuridão. - Bem, eu não sei exatamente como será depois do nascimento, mas com certeza veremos a mamãe e ela cuidará de nós. - Mamãe? Você acredita em mamãe? Se ela existe, onde ela está? - Onde? Em tudo à nossa volta! Nela e através dela nós vivemos. Sem ela não existiríamos. - Eu não acredito! Nunca vi nenhuma mamãe, por isso é claro que ela não existe. - Bem, mas às vezes quando estamos em silêncio, posso ouvi-la cantando, ou senti-la afagando nosso mundo. Eu penso que após o parto, a vida real nos espera; e, no momento, estamos nos preparando para ela. Você sabe que existe vida após o parto porque vive a vida após o parto. Agora, olhando apenas a partir de antes do parto, fica difícil de acreditar que possa ter vida depois dele. Parecido é com nossa vida aqui. Olhando só na perspectiva do que vivemos no momento, fica difícil de acreditar que existe vida após a morte. Mas... O Senhor Deus que deu vida ao ser humano, não o criou apenas para passar uma breve existência aqui no mundo. Ele preparou algo para além da morte. Pode ser que você duvide de tudo isso. De qualquer forma, Deus ama você e quer que você também receba esta nova vida. Esta vida Ele dá através de Jesus Cristo. Creia! Para Deus não há impossíveis! CONVIDAMOS você para participar do FESTIV AL DE ADVENTO!Umaoportunidadeparaouvirbeloshinosde Natal. Dia: 29 de dezembro de 2015. Horário: 20h. Local: TemplodaCongregaçãoCristo-IgrejaEvangélicaLuterana doBrasil-Av.PresidenteFranklinRoosevelt,730(aoladodo ColégioConcórdia). Fone:3342-1408. Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

[close]

p. 9



[close]

p. 10

Após um ano de trabalho, obras da ponte do Guaíba estão 23% concluídas As obras da nova ponte do Guaíba estão 23% concluídas. Os trabalhos estão sendo realizados há um ano. De acordo com o cronograma oficial, ainda faltam 24 meses para o término da nova travessia. Poré m , p ar a qu e o calendário seja cumprido, tanto as construtoras envolvidas na obra quanto o Departamento Nacional de Infraestrutura de Tr a n s p o r t e s ( D n i t ) e a Prefeitura de Porto Alegre têm muito trabalho pela frente. O principal desafio é o reassentamento das 998 famílias atingidas diretamente. As obras da nova ponte já avançam na região. Porém, os reassentamentos estão ainda longe de ocorrer. Dos três terrenos que irão receber as novas casas, apenas um já foi adquirido pelo Dnit e liberado pela Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam). Ele está localizado na rua Ernesto Neugebauer, na Zona Norte de Porto Alegre. Essa área foi invadida em setembro de 2014. Os casebres contam até com iluminação clandestina. Neste endereço está prevista a construção de aproximadamente 150 casas das Vilas Tio Zeca e Areia. A prefeitura de Porto Alegre ainda não liberou o E s tu d o d e Vi abi l i d a d e Urbanística (EVU) da área. Dessa forma, as obras de infraestrutura do terreno não podem começar. Ainda não há definição das empresas que irão realizar a construção das novas moradias e o Dnit descarta usar vilas de passagem para abrigar temporariamente os moradores. A infraestrutura deste terreno será feita por uma empresa que será contratada pelo Dnit. Já as casas serão viabilizadas por um contrato com a Caixa Econômica Federal. Além desse terreno, o Dnit ainda precisa adquirir os outros dois. Um deles, na região das ilhas, vai abrigar 500 famílias. A outra área fica na região da Rua D o n a Te o d o r a c o m R u a Voluntários da Pátria. Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

[close]

p. 11

Prazo para aderir ao RefisPoA vai até 30 de novembro Os contribuintes de Porto Alegre que possuem débitos com o Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) poderão regularizar suas pendências junto ao fisco aderindo ao RefisPoA até 30 de n o v e m b r o. A o p ç ã o p e l o pagamento pode ser à vista ou parcelado, com redução de até 80% de multas e juros nas negociações. Descontos - A redução dos valores dos juros e multa será de 80% para pagamento à vista, 70% para pagamento em até 12 parcelas e 60% para pagamento em até 24 parcelas. Prazo - O RefisPoA iniciou em 13 de outubro e o prazo para aderir ao programa vai até 30 de novembro. Os contribuintes de ISSQN poderão ainda fazer denúncias espontâneas (confissões de dívida) de fatos geradores ocorridos até 31 de agosto de 2015, aproveitando os descontos. Agendamento - A S e c re t ar i a Mu n i c ip a l d a Fazenda (SMF) atenderá todos os contribuintes interessados nesse prazo por meio de agendamento no site do Refis: (www.portoalegre.rs.gov.br/refi spoa), tornando o atendimento ágil e evitando filas. Outras informações podem ser obtidas pelo Fala Porto Alegre, no 156, opção 4, ou na Loja de Atendimento da SMF, na Travessa Mário Cinco Paus, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30. " C o m a a c e nt u a d a retração da economia, a adesão ao RefisPoA cria condições para que as empresas regularizem suas dívidas e contribui para o aumento da receita da prefeitura", disse O secretário municipal da Fazenda, Jorge Tonetto, no lançamento do RefisPoA. Av. Pres. Franklin Roosevelt, 476 A Vinícola Porto Velho personaliza Vinhos e Espumantes (Champanhas) Gran Chardon Cinco Estrelas com o nome e logomarca (logo po) da sua empresa. Fones: (51) 3471.7137 3471.8224 | 3471-1845 3439-3583 | 9187.5749 Rua Esperança, 36 | Bairro Parque Brasília - Cachoeirinha/RS Os vinhos e espumantes (champanhas) Gran Chardon Cinco Estrelas são elaborados com uvas das melhores safras, para sa sfazer os mais exigentes paladares. Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

[close]

p. 12

Educação e Lazer Parcão será iluminado e decorado para projeto Brilha Porto Alegre Para atrair turistas e enaltecer o clima natalino na cidade, o projeto Brilha Porto Alegre está confirmado para este ano. A iniciativa prevê lançamento com a chegada do Papai Noel no Shopping Total, espetáculo circense no Araújo Vi a n n a e i lu m i n a ç ã o e decoração do Parque Moinhos de Vento, o Parcão, destaque da edição de 2015. As ações querem colocar a Capital no mapa da rota turística de final de ano e aumentar o consumo no comércio da cidade. A abertura das atividades será no dia 27 de novembro. O Parcão deve receber cenografia artística, pórtico de luzes, arcos iluminados e uma grande árvore de natal de sete metros de altura a partir do dia 1° de dezembro. A iniciativa é elaborada a partir de parceria entre S i n d i l o j a s Po r t o A l e g r e , Câmara de Dirigentes Lojistas, Sindicato de Hospedagem e Alimentação de Porto Alegre e Região (Sindha) e prefeitura para tornar a cidade mais receptiva e alavancar o fluxo no varejo nesta época do ano. Na mira desta edição estão os argentinos, que devem passar pela Capital a caminho das praias catarinenses no verão e os gaúchos rumo ao espetáculo Natal Luz em Gramado. Lançado livro sobre os 25 anos do Orçamento Participativo Foi lançado no último dia 15 de novembro, na 61ª Feira do Livro de Porto Alegre, o livro Orçamento Participativo de Porto Alegre – 25 anos, de autoria dos jornalistas Poti Campos e Nubia Silveira. A publicação conta a trajetória do Orçamento Participativo (OP) desde seu início, em 1989, e também sua permanência após a saída da sigla partidária que esteve à frente da administração municipal, sendo responsável pela sua implantação e continuidade, por 16 anos. Trata também da inspiração para a realização da primeira edição do Fórum Social Mundial, que em 2016 completará 15 anos. Responsável pela SMGL em 2005 e atualmente à frente da mesma pasta, que é uma das r e s p o n s á v e i s p e l o O P, o s e c re t ár i o C e z ar Bus atto destaca a consciência das comunidades em reconhecer que o Orçamento Participativo é uma conquista. “Já em 2004 eles diziam que o OP era a ferramenta deles que servia para trazer benefício às comunidades”, diz. Coloque o nome da sua empresa além da sua rua ou do seu bairro. Tenha sua marca, mensalmente, em 60 mil exemplares do Jornal Geramigos e da Revista ProcureAche em TODA A CIDADE de Porto Alegre e online. Esteja à frente do seu concorrente e aumente sua visibilidade por um preço que cabe no seu bolso. Faça uma consulta hoje mesmo! Geramigos Zona Sul 10 mil exemplares Geramigos Zona Norte 10 mil exemplares ProcureAche Zona Sul 20 mil exemplares ProcureAche Zona Norte 20 mil exemplares Jornal Geramigos Zona Norte - Ano 12 - Edição 99 - Novembro de 2015

[close]

Comments

no comments yet