Jornal Geramigos Zona Sul - Edição 49 - Setembro 2015

 

Embed or link this publication

Description

O Jornal dos Amigos Porto-Alegrenses

Popular Pages


p. 1

A espiritualidade prepara os filhos para tomar boas decisões Reunião pública debate transporte hidroviário para a zona Sul Estudos mostram que a espiritualidade oferece benefícios que promovem a proteção e a saúde Página 3 O Jornal dos Amigos Porto-Alegrenses Zona Sul Ano 5 Setembro de 2015 ◆ Edição nº 49 ◆ Tiragem 10.000 Exemplares ◆ Distribuição Gratuita Programa Hidroviário Municipal prevê várias novas estações hidroviárias ao longo da orla na zona Sul. Página 8 Divulgadas imagens do projeto para o Viaduto Otávio Rocha 68 mil pontas de cigarro são coletadas em quatro semanas Bituqueiras demonstrativas instaladas começam a dar resultado na Capital. Página 9 Imagens da finalização do projeto de restauração do viaduto são divulgadas. Página 4 Facebook terá botão “não curtir” em breve Nova funcionalidade promete deixar a ferramenta mais viciante do que já é hoje. Página 10 Uma indústria em crescimento na crise e os problemas da revitalização da Orla Páginas 6 e 7 Venha fazer o cartão Super Piá! Entrega de rancho grátis Horário de funcionamento: Preparação para alunos ingressarem no IFRS, que é uma iniciativa do Ministério de Educação que oferece qualificação para o ensino médio. Página 12 Curso preparatório para alunos da Restinga SANVICENTE & SARTORI DE SAÚ DE pa NOS tecer! on ac PLA ra hora istos não tem Imprev PROTEJA SU A FAMÍLIA E SEUS FUNC IONÁRIOS Trabalhamos com todos os cartões de crédito! Fernando / Vilson (51) Av. Rio Grande, 325 - Campo Novo - POA/RS seg à sáb das 8h às 21h (sem fechar ao meio-dia) Domingo das 8h às 13h30 e das 15h às 20h30 Estrada Edgar Pires de Castro, 9248 9729 0229 (51) 3266 5439 Box Temperado - Sacadas Coberturas - Espelhos Vidros comuns FONE: 3391.6882 Orçamento e colocação no dia e hora marcada www.sanvicentesartori.com.br planosdesaude.rs@live.com contato@sanvicentesartori.com.br Anuncie na Revista ProcureAche e ganhe uma página no nosso Portal Online! www.procureache.geramigos.com.br (51) 3221.6844 3221.5995 3084.4720 9255.4716 WhatsApp 9255.4720 Praça Osvaldo Cruz, 15 conj. 2713 Ed. Coliseu - Centro/POA 20.000 exemplares Zona Norte Tiragem de 20.000 exemplares ZS + Acesse notícias diárias da sua região em: = 40.000 exemplares todos meses! Pertence ao grupo: Anuncie: Compartilhe essa ideia! (51) 3026-8445 (51) 9100-0440 (51) 9613-6986 (51) 8564-6451 (51) 9814-2056 (51) 8105-4796

[close]

p. 2

2 www.geramigos.com.br Editorial Editorial Na edição do mês de setembro do jornal Geramigos Zona Sul, tratamos da questão da revitalização da orla. Seus problemas, benefícios e a situação atual que envolve a crise nos mais diversos setores da economia, incluindo o do turismo. Especialmente o turismo tem sido um dos setores mais beneficiados em tempos de crise e com a alta do dólar. Investir em turismo é uma decisão inteligente e Porto Alegre deve despontar como uma cidade cada vez mais atraente ao turismo, algo visto notadamente durante os jogos da Copa e após isso. E mais diversidade está ainda por vir: a revitalização da Orla, um projeto bastante ambicioso que, sem dúvidas, irá atrair uma grande quantidade de turistas vindos de diversas partes, de dentro do Brasil, dos países vizinhos e também de outras partes do mundo, fora a rede hoteleira que é uma das melhores do país. Investir no turismo realmente é necessário nesses tempos de crise, e esse é um dos braços que alavancam a econômia, mesmo em momentos mais delicados. Na página 4 falamos sobre mais um processo de revitalização que está a se desenhar pelas ruas do Centro Histórico: a revitalização do viaduto Otávio Rocha, que em diversas frentes tem recebido críticas, porém uma coisa é certa: as mudanças sempre são bem-vindas quando para melhor. É isso que desejamos para Porto Alegre: mudanças sempre para melhor. Boa leitura! Fala leitor e internauta Tentativa de assalto no bairro Teresópolis Bom, não está fácil as coisas no nosso bairro... Cadê o policiamento? Não se vê nem guarda, nem policiamento nas ruas. Hoje praticamente quase fui assaltada na frente da minha casa na rua Silvério Sotto, bem na esquina, um homem moreno de moto preta, capacete preto e óculos. Eu estava quase dobrando a rua, porque tinha levado o meu irmão, o homem pára e ordena para passar o tênis e o celular. Estava sem celular e no fim das contas ele vai embora rápido. Onde vamos parar com toda essa violência e criminalidade!? - Hariane Hellen Calçada irregular “Na travessia de pedestres em frente ao Colégio Protásio Alves, a botoeira localizada no canteiro central fica em meio a uma poça d’água, não facilitando em nada a vida de deficientes visuais e idosos que realizam essa travessia. Na calçada do colégio, a botoeira foi reposicionada - espera-se o mesmo nesse caso. - Cristiano Martins - colab.re Ponto de alagamento - Av. Juca Batista, 2360 - Cavalhada “Neste local existe um ponto de alagamento devido ao nível dos bueiros serem mais altos que o nível da rua e ainda por cima bueiros entupidos.” - Fabiano Bica - colab.re Acesse notícias diárias da sua região em: Pontos de Distribuição Expositores Mercado Caxias - Av. Costa Gama, 5001; Armazém da Esquina - R. Jorge Mello Guimarães, 1116; Loro Supermercados - Loja 3, Av. do Lami, 706; Supermercado Casa Grande - Av. Professor Oscar Pereira, 7381; Mercado Cavalhada - Silvio Silveira Soares, 2429; Supermercado Asun - Av. Bento Gonçalves, 66; Lotérica - R. José de Alencar, 447; PoliclinicaCei Claudino – R. Barão do Triunfo, 175; Mercado Peracchi - Av. Nonoai, 393; Lotérica Teresópolis - Av. Teresópolis, 3294; Supermercado Nacional –Teresópolis Super Três – Av. Teresópolis, 3742; Teresópolis Tênis Clube - Av. Eng. Ludolfo Boehl, 388; Colégio Pastor Dohms - Rua Arnaldo Bohrer, 253; Colégio Bom Jesus - Av. Teresópolis, 2805; Clinica Ortra - Av. Cavalhada, 2166; Colégio Santa Teresa de Jesus - Av. Cavalhada, 2250; Shopping Cavalhada - Av Cavalhada, 2360; Mercado Asun - Av.Cavalhada, 2985; Baú da Sorte Loterias - Av. Cavalhada, 2503; Sacolão Econômico - Av. da Cavalhada, 3370; Lotérica - José de Alencar, 181; Restaurante Tirol - Rua Jose De Alencar, 520; Armelin Confeitaria - Gonçalves Dias, 230; Multi Sorte Lotéricas - Av. Getúlio Vargas, 1668; Escola Maria Imaculada - R. General Gomes Carneiro, 364; Shopping Jardim Verde - Estrada Eduardo Prado, 1954; Supermercado Bom – Av. Campos Velho, 834; Supermercado Pezzi - Av. Dr. Carlos Barbosa, 1311; Ipanemão Loterias - Av. Tramandaí, 480; Farmácias Associadas –Av Tramandaí, 307; Farmácias Associadas - Av. Juca Batista, 2249; Mercado Asun- Av. Juca Batista, 4246; Supermercado Urubatã – Av. Celestino Bertolucci, 50; Lotérica Coringa - Av. da Azenha, 122; Lotérica Ponto da Sorte – Av. Wenceslau Escobar, 1286; Tudo Fácil - Av. Wenceslau Escobar, 2666; Armelin Confeitaria - Otto Niemeyer, 2440; OttoLoterias – Av. Otto Niemeyer, 2535; Super Iko - Av. Otto Niemeyer, 3389; Sacolão Barcelos – Av. Edgar Pires de Castro, 1855; Lotérica Hípica - Edgar Pires de Castro, 1260 L.2; Mini Mercado Moradas – Av. Edgar Pires de Castro, 2260; SuperKan – Av. Edgar Pires de Castro, 1545; Restaurante e Fruteira Kiko – Edgar Pires de Castro, 8517; Supermercado Gomes – Edgar Pires de Castro, 10100; Lotérica Sorte Certa – Rua Cecílio Monza, 11040; Mercado Loro- Heitor Vieira, 293; Agroflora Ungaretti – Rua Tenente Arizoly Fagundes, 50 Todos anunciantes dessa edição também possuem exemplares. Se não encontrar sua edição mensal, faça download em: www.geramigos.com.br/ edicoesanteriores Quer ficar sempre bem informado com o que acontece em sua região? Curta Geramigos no Facebook! Compartilhe essa ideia! /JornalGerAmigos Você fotografou alguma irregularidade no seu bairro? Quer reclamar ou sugerir melhorias? Fazer denúncias? Quer elogiar uma boa iniciativa realizada na sua comunidade? Entre em contato com o Jornal GERAmigos e participe! Nos ajude a construir o Fala Leitor e Internauta, o seu espaço para mostrar o que acontece nos bairros de Porto Alegre. Você pode entrar em contato com a nossa redação através do e-mail: redacao@geramigos.com.br ou pelo telefone (51)3026-8445. Participe! Expediente CNPJ: 11.248.576/0002-70 Av. Borges de Medeiros, 915 sala 202 Zona Sul Telefones: (51) 3026-8445 / (51) 9613-6986 comercial@geramigos.com.br Jornalista Responsável: Angelica Konzen - SRTE-MTE/RS nº 17.297 Jornalista associada a: Redação e Assessoria de Imprensa, Projeto gráfico e diagramação: Josias Soria Godoy Matérias assinadas não expressam necessariamente a opinião do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores. Tiragem: 10 mil exemplares Impressão: Grupo Sinos Periodicidade: Mensal Distribuição: Geramigos Empresa Jornalística Ltda. Locais de circulação - Bairros: Aberta dos Morros, Azenha, Belém Novo, Belém Velho, Camaquã, Campo Novo, Cavalhada, Centro, Cidade Baixa, Cristal, Espírito Santo, Guarujá, Hípica, Ipanema, Jardim Vila Nova, Lageado, Medianeira, Menino Deus, Moradas da Hípica, Nonoai, Ponta Grossa, Serraria, Teresópolis, Tristeza, Vila Conceição e Vila Nova. Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 49 - Setembro de 2015 2

[close]

p. 3

Saúde e Bem Estar www.geramigos.com.br 3 A espiritualidade prepara os filhos para tomar boas decisões Nova Ciência sobre a Criação dos Filhos para uma Vida de Saúde e Prosperidade] revela a razão pela qual pesquisadores das áreas de psicologia e neurologia chegaram à conclusão de que a espiritualidade oferece benefícios que promovem a proteção e a saúde. Hoje em dia, a espiritualidade é um tema discutido com entusiasmo, envolvendo áreas de estudo em universidades, experimentos clínicos, pesquisadores, escritores e editores. A questão fundamental é: Se o seu filho estivesse naquele palco, será que ele conseguiria dizer: “Não”? Em seu livro, Miller escreve: “As pesquisas mostram que a decisão dos pais sobre como abordar a vida espiritual de seus filhos é uma proposição que envolve altos riscos, com implicações para a vida toda”. Conheci Miller há mais de um ano em um congresso patrocinado pelo Instituto de Espiritualidade e Saúde do Centro Médico do Texas, na cidade de Houston. Fiquei impressionado com seu trabalho. Por quê? Porque eu era o músico adolescente mencionado no início desse artigo. Tive a felicidade de ter pais que encorajaram meu desenvolvimento espiritual quando eu era pequeno. Recebi educação espiritual em uma Escola Dominical da Ciência Cristã. Isso me levou a ler uma Lição Bíblica e orar diariamente, o que desenvolveu meu senso espiritual e ajudou a me abster de bebidas alcoólicas e de drogas. Por cultura moral e espiritual tive um ótimo nível de frequência nos ensinos fundamental e médio. Passei por batalhas físicas e emocionais normais de adolescentes, mas nunca perdi um dia de aula por causa de doença. Foi o despertar para a minha espiritualidade e a percepção de que a vida é completa e traz satisfação que fizeram com que eu fosse capaz de recusar drogas e bebida alcoólica. A aceitação da espiritualidade do seu filho é uma proposição que liberta e abençoa. Benefícios e propriedades das nozes Além de deliciosas, as nozes possuem propriedades que ajudam no fortalecimento da defesa do corpo, formação de glóbulos vermelhos, cicatrização, fortalecimento dos ossos e dos dentes, combate ao envelhecimento precoce das células, além de evitar – quando consumidas diariamente em pequenas doses – até 65% do risco de doenças do coração. Esse último benefício está associado à redução provocada pelos seus componentes nas taxas de colesterol e na formação de coágulos no sangue. Além disso, possui propriedades anti-inflamatórias, sendo seu consumo excelente para o combate às inflamações. Rica em vitamina E, C e selênio – com ação antioxidante – o consumo é auxiliar ainda na prevenção ao câncer. Ainda devido aos antioxidantes, as nozes podem ajudar ainda a melhorar a resistência pulmonar, além de reduzirem os danos causados pelas toxinas inaladas. Seus componentes fito estrogênios ajudam a combater os efeitos da menopausa em mulheres e, além disso, por ser rica em cálcio, a noz fortalece os ossos e os dentes. O que o paciente precisa saber para avaliar se a clinica odontológica onde atua está em dia com as fiscalizações? O mais importante é avaliar o sistema de esterilização padrão e princípios de biossegurança. A lei considera os consultórios odontológicos como locais de risco (Área crítica), e por isso todas as normas e princípios de biossegurança devem ser seguidos criteriosamente para obtenção do Alvará da Saúde do consultório. Cada consultório recebe uma visita anual de um funcionário da vigilância. A licença de funcionamento tem validade por um ano e, no momento da renovação, é feita nova vistoria, que pode ou não ser programada. Além desse alvará da Saúde, a clínica deve ter o Alvará de Localização e Funcionamento, que é a licença concedida pelo Município para que uma certa atividade seja exercida em determinado local. Nenhum estabelecimento poderá funcionar sem prévia licença do município. Fique atento! O Alvará de Funcionamento não equivale ao Alvará de Saúde. Consultórios e clínicas odontológicas necessitam ter essas duas licenças afixadas na parede da recepção com data de validade em dia. Essa deve ser uma exigência de todos os pacientes ao chegar numa clínica! Dra Cibele Stefane Dutra Gontijo de Moura - Implantodontista. CRORS 20718. Fone: (51) 3109-6090 Den�stas Médicos Nutricionistas Psicólogos Keith Wommack Durante uma apresentação musical, cocaína, maconha e tequila foram colocados no palco, aos pés de um jovem guitarrista. Ao final da apresentação, todas aquelas coisas permaneciam intactas. Lisa Miller acha que sabe o porquê disso. Miller, psicóloga e professora da Universidade de Colúmbia, em seu novo livro intitulado The Spiritual Child: The New Science on Parenting for Health and Lifelong Thriving [O Filho Espiritual: A Keith Wommack é professor de Ciência Cristã e Comitê de Publicação para o Texas, EUA. Email: brasil@compub.org TENHA UMA RENDA EXTRA COM LUCRO DE 100% SEJA UM REVENDEDOR(A) UP! Aviamos receitas Tudo em até 6x s/ acréscimo Odontologia Cibele Moura CRO/RS 20718 Pop Dente Óculos - Jóias - Relógios - Artigos para presentes - Consertos em Geral Av. Teresópolis, 3173 otica_reis@hotmail.com (51) 3336.6943 www.upessencia.com.br/433148 Empresa brasileira com expansão na América Latina (Peru). essência Av. João Antônio da Silveira, 1900 - Restinga - Em frente a Agência da Caixa 51 Contato: (51) 9394.8641 c/ Euvânia 3109-6090 8651-6558 9200-1946 8269-5571 9799-6090 www.popdente.com.br www.radicom.com.br Ressonância Magné�ca 1,5 Tesla Ressonância Magné�ca de Extremidades Tomografia Computadorizada Densitometria Óssea Mamografia EcografiaConsultas médicas Neurologia e Coluna MATRIZ: Av. Érico Veríssimo, 624 - Menino Deus - Porto Alegre/RS • ZONA NORTE: Rua Álvares Cabral, 65 - Cristo Redentor - Porto Alegre/RS Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 49 - Setembro de 2015 Central de Atendimento fones 321 82 400 | 337 43 500 3

[close]

p. 4

4 www.geramigos.com.br Bairros História do bairro Camaquã Cel. Claudino e a Otto Niemeyer, Esta última, fundamental para a integração do bairro com seus vizinhos Cavalhada e Tristeza, foi criada a partir da lei n°1715 de 18/01/1957 e alterada pela lei n°6841. Seu nome é uma homenagem a um comerciante de Porto Alegre, antigo morador do bairro Tristeza. Com ruas muito calmas em seu interior, o bairro caracteriza-se por não ser muito distante do Centro da capital, sendo uma boa opção para aqueles que desejam ficar longe da agitação, mas não completamente isolados dos espaços mais urbanizados de Porto Alegre. Referências bibliográficas: AHMV- Arquivo Histórico Moysés Velhinho Dados do Censo/IBGE 2000 In: http://www.portoalegre.rs. gov.br SMEC- Divisão da cultura – Divulgação Histórica. Divulgadas imagens do projeto para o Viaduto Otávio Rocha A Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov) divulgou no dia 1º de setembro, as imagens da finalização do projeto de restauração do Viaduto Otávio Rocha que foi realizado pela empresa Engeplus. Segundo o secretário Mauro Zacher, o projeto levou três anos para ser finalizado devido à complexidade da obra: “Corrigiremos os problemas de infiltração, que não foram sanados na última reforma, concluída em 2001. Também investiremos na iluminação do pavimento e criaremos um local de monitoramento para trazer mais segurança”, explicou Zacher. O projeto prevê, entre outros aspectos, pinturas anti-pichações e novas instalações elétricas e hidráulicas. Contará com uma sala de segurança com câmeras, iluminação com lâmpadas LED, piso com adaptações para cadeirantes e deficientes visuais. Segundo Zacher, escadarias e banheiros, atualmente fechados, seriam recuperados e reabertos. Ainda está previsto um memorial no local para contar a história do monumento. O custo estimado da obra é de R$ 33 milhões. O bairro Camaquã foi oficializado em 07/12/1959 através da lei 2022. Seus limites por bairro são a Tristeza, Cristal, Cavalhada e Ipanema. Desde sua inauguração, o bairro conta com uma forte atuação da associação dos moradores. Através desta iniciativa, foi possível a realização de alguns projetos pendentes desde o início do bairro, como por exemplo, maior número de escolas e de espaços de lazer. De caráter predominantemente residencial, a região apresenta um grande número de casas, além de condomínios horizontais e edifícios de, em média, três pavimentos. Atualmente o bairro já se encontra bem estruturado em termos de comércio e serviços, possuindo escolas públicas e privadas de 1º e 2º Graus. O bairro Camaquã situa-se entre as avenidas Wenceslau Escobar e a avenida Cavalhada, e existem vários pontos de movimentação mais intensa como a Cel. Massot, Camaquã, CARNES INSPECIONADAS Temos Carne Bovina, Suína e Aves Carne de Ovelha é Aqui! R$ 19,98 kg R$ Pernil 23,99 kg Paleta R$ 17,00 kg R$ R$ Visite-nos e confira! Ovelha Inteira 18,00 kg 17,98 kg NOVIDADE: 4 Promoção Especial: Filé de Ovelha Kg R$ 18,99 Agora também linguiça de porco com queijo Você encontra só aqui: a melhor linguiça de cordeiro com queijo. Coração: R$ 9,99 kg / Rins: R$ 3,98 kg / Língua: R$ 4,99 kg Exclusividade: Miúdos de Ovelha Meia Ovelha Costela Com Carré Av. Edgar Pires de Castro, 2649 3311.0597 Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 49 - Setembro de 2015

[close]

p. 5

Bairros www.geramigos.com.br 5 Após 16 anos, Porto Alegre volta a ter Zona Rural lidade de vida e à qualificação da cidadania. Porto Alegre é uma das capitais brasileiras detentoras de maiores áreas rurais, caracterizada por sua enorme atividade e grande diversificação da produção primária. Em relação ao caráter social, incrementar o fomento agropecuário propicia a manutenção da mão-de-obra familiar, geração de emprego e renda nas atividades primárias, extrativas, comércio e serviços de apoio, sustenta o Executivo. Outro ponto destacado é o potencial turístico que a região possui, por sua vocação natural de congregar aspectos culturais, sociais, ambientais e gastronômicos, o que representa uma oportunidade para a ampliação de um dos setores que mais crescem na economia mundial. Para o prefeito José Fortunati, a reintrodução da Zona Rural irá proporcionar uma adequação no planejamento para o crescimento ordenado da cidade, respeitando a vocação de suas atividades e suas características ambientais, a fim de evitar impactos à preservação do meio ambiente, assegurando, desta forma, o direito fundamental à cidade sustentável. Emendas Foram apresentadas 15 emendas ao projeto, das quais foram aprovadas as seguintes: 02, 03, 04, 05, 08, 11, 13 Além da emenda nº 01, que havia sido rejeitada pelo parecer conjunto das comissões permanentes, também foram rejeitadas pelo plenário as seguintes emendas: 06, 07, 09, 14. As emendas 10 e 12 foram prejudicadas por conta da rejeição da emenda 09. Assédio sexual – um assunto sempre atual A lei n. 10.224, de 15 de maio de 2001, introduziu no Código Penal a tipificarão do crime de assédio sexual, dando a seguinte redação ao art. 216-A: “Constranger alguém com o intuito de obter vantagem ou favorecimento sexual, prevalecendo-se o agente da sua condição se superior hierárquico ou ascendência inerente ao exercício, emprego, cargo ou função”. A de 1 (um) a 2(dois) anos. Segundo Rodolfo Pamplona Filho, assédio sexual é toda a conduta de natureza sexual não desejada que, embora repelida pelo destinatário, é continuamente reiterada, cerceando-lhe a liberdade sexual. A Organização Internacional do Trabalho desenvolveu uma definição jurídica para este tipo de comportamento: “assédio sexual – insinuações, contatos físicos forçados, convites ou pedidos impertinentes, por exemplo – devem apresentar pelo menos uma das seguintes características: 1) ser claramente uma condição para dar ou manter o emprego; 2) influir nas promoções ou na carreira do assediado; 3) prejudicar o rendimento profissional, humilhar, insultar ou intimidar a vítima. ” PROVA Tarefa difícil é a obtenção de prova para configuração de assédio sexual, já que os fatos dessa natureza ocorram inevitavelmente ou quase sempre entre quatro paredes, entre duas pessoas e às escondidas. Cita-se, como exemplo de provas a serem utilizadas, bilhetes, mensagens eletrônicas, presentes, por meio de testemunhas, exibição de documento, perícias em filmes ou fitas gravadas. O ônus da prova pertence a quem faz a alegação. RESPONSABILIDADE CIVIL Quando um sujeito é obrigado a ressarcir ou reparar os danos ou prejuízos causados injustamente a outrem, está-se Coluna Jurídica Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 49 - Setembro de 2015 A Câmara Municipal de Porto Alegre aprovou, na tarde do dia 14 de setembro, o Projeto de Lei Complementar do Executivo nº 007/14 que institui a Zona Ruralno Município de Porto Alegre e cria o Sistema de Gestão da Política de Desenvolvimento Rural. O projeto teve votação unânime dos 29 vereadores presentes. A proposta restaura a área agrícola da Capital, extinta quando da aprovação do atual Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano e Ambiental da cidade em 1999. A mudança se baseia em um estudo técnico, elaborado por um Grupo de Trabalho constituído pelo Executivo, sob a coordenação da Secretaria Municipal de Urbanismo (Smurb). Finalizadas as atividades, o relatório considerou como Área Rural um espaço territorial que representa cerca de 8,28% do total da área do Município e 17,5% da Macrozona 08, na qual está localizado o zoneamento denominado Área de Produção Primária, com fins de garantir a sustentabilidade, o resgate dos valores históricos, culturais, sociais, econômicos e ambientais dos porto-alegrenses. Do estudo resultou ainda o entendimento de que a Zona Rural, no modelo espacial do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDUA) – Lei Complementar nº 434, de 1999, alterada pela Lei Complementar nº 646, de 2010 –, compreenderá parte da Macrozona 08, na Área de Ocupação Rarefeita (AOR), onde se concentram áreas de preservação e produção primária. Dessa forma, al- gumas unidades e subunidades da Macrozona 08 do PDDUA passarão a ser denominadas Subunidades e Unidades de Estruturação Rural, mantendo o mesmo Regime Urbanístico previsto para a Zona de Uso denominada Área de Produção Primária. De acordo com a justificativa do projeto, com a reintrodução da Zona Rural será possível viabilizar os licenciamentos ambientais pelos órgãos governamentais, linhas de crédito para as diversas atividades de produção primária, uma vez que os interessados ficaram impedidos de se habilitar legalmente por falta da previsão legal da Zona Rural no Plano Diretor atual. No mesmo sentido, com a inserção legal da Zona Rural, a Política Nacional de Crédito Rural será franqueada para o setor, pois desde a extinção da Zona Rural, em 1999, a atividade passou a ser desconsiderada e impedida de viabilizar projetos de solicitação de créditos de investimento e de custeio pelas instituições financeiras. Pela proposta, com a reintrodução da Zona Rural, será criado um Sistema de Gestão da Política de Desenvolvimento Rural, integrado ao Poder Executivo, com a finalidade de implementar o Plano de Promoção Econômica, visando à dinamização da economia da cidade, à melhoria da qua- referindo a chamada responsabilidade civil, resguardado pelos artigos 186, 927 e parágrafo único do Código Civil Brasileiro. RESPONSABILIDADE DO EMPREGADOR A responsabilidade do patrão decorre de seu poder diretivo em relação aos seus empregados. Cumpre observar que a responsabilidade atribuída ao empregador por ato de seus empregados, permite intente ação regressiva contra o causador do dano. O artigo 932 do Código Civil Brasileiro indica os responsáveis pela reparação civil. DANO MATERIAL E MORAL O dano material é todo aquele suscetível de valoração econômica, abrangendo, tanto o dano emergente quanto o lucro cessante (artigo 402 do Código Civil Brasileiro), já o dano moral também chamado de dano expatrimonial é aquele que resulta da violação do direito geral de personalidade, sendo presumida a dor daí decorrente. “Danos morais. Assédio sexual. Demonstrada a conduta de conotação sexual não desejada, praticada pelo chefe, de forma repetida, acarretando consequências prejudiciais ao ambiente de trabalho da obreira e atentando contra a sua integridade física, psicológica e, sobretudo, a sua dignidade, resta caracterizado o assédio sexual, sendo devida a correspondente indenização por danos morais” (TRT, 17. Região, RO 1118.97, Ac 02.07.98, Rel. Carlos Rizk) Verificamos que uma das maiores dificuldades enfrentadas pelos assediados, é a questão do ônus da prova, dificultando a iniciativa de denunciar tal falto. Apesar da lei ressaltar que os requisitos para o assédio sexual, a existência de relação de subordinação com o assediador e assediado, hoje a justiça reconhece assédio sexual entre empregados com a mesma hierarquia. 5

[close]

p. 6

6 www.geramigos.com.br Reportagem Especial Uma indústria em crescimento na crise e os Com seguidos anos de crescimento, a indústria do turismo e entretenimento mostra força e sobrevive às crises econômicas em diversas partes do mundo. O turismo é naturalmente a maneira de mostrar e projetar a imagem de um país, uma cidade ou região para milhões de turistas potenciais e para formadores de opinião em todo o mundo. A indústria do turismo é o negócio do futuro, cria oportunidades e impulsiona novos negócios em qualquer parte. Que o digam a China, a Costa Rica, os Emirados Árabes, a África do Sul, entre outros. Conforme a OMT – Organização Mundial do Turismo, o turismo é a maior fonte de divisas para 40% das nações, um dos cinco maiores geradores de riquezas para 83% dos países, é o responsável por 7% de todas as vendas externas e de 11 % da força de trabalho no mundo movimentando próximo de 2 trilhões de dólares. O impacto economico do turismo é significativo e imediato. É a atividade que traz os maiores benefícios e impacta positivamente nos mais diversos setores econômicos. No local onde o viajante estiver os impactos se fazem sentir rapidamente. Ao abastecer no posto de combustível, no uso do telefone, nos restaurantes e bares, ao comprar em lojas, desde lembranças e souvenires a produtos de maior valor agregado. Tudo gerando impostos e empregos. O dólar alto significa uma oportunidade para alguns setores da economia e o turismo está aí incluído. A diferença cambial favorece o turismo doméstico. O segmento é grande gerador de emprego e renda. Na situação presente o turismo terá o destaque e a importância merecidos. Conforme a Embratur o potencial interno do Brasil é de mais de 50 milhões de turistas. Segundo o Ministério do Turismo, 7 em cada 10 brasileiros pretende fazer turismo dentro do Brasil. Nesse universo o Estado gaúcho e Porto Alegre se destacam com uma rede hoteleira de excelente qualidade. Conforme o POA Convention & Visitors Bureau, a cidade é a terceira colocada do país em eventos e congressos. A cidade precisa de equipamentos e atrações diversificadas que complementem as existentes. Com mais atrações, os visitantes e turistas congressistas e de negócios estarão motivados a trazer a família aumentando o tempo de permanência e o gasto médio na cidade e na região. Para a cidade de Porto Alegre existem boas perspectivas. A revitalização da Orla e as obras no Cais do Porto estarão prestes a mudar a paisagem da capital dos gaúchos dando ar de modernidade como aconteceu em cidades semelhantes ao redor do mundo. Novos equipamentos e atrações turísticas inovadoras funcionarão como destinos turísticos. Uma grande massa de viajantes veranistas e de negócios vindos de países vizinhos e de cidades da metade sul do estado passa nas estradas próximas com destino às praias e a outros estados, mas não param por aqui. Novas atrações motivarão milhares desses viajantes a visitarem Porto alegre em época de verão com milhares de pernoites inclusive quando a ocupação hoteleira é baixa. Eles vão causar impacto econômico no comércio, nos restaurantes e na hotelaria também das cidades vizinhas. Atrações turísticas de qualidade funcionam como ícones e mexem com a imaginação e elevam a autoestima da população de cidades e países. Reni Puls é empresário e consultor em Turismo QUADRA 7 CAMPO NOVO Acesse notícias diárias da sua região em: Quadra society grama sintética e natural, sede com bar, churrasqueira, estacionamento e ótimo ambiente Est. Cristiano Kraemer, 2880 Fone: 9296 8961 / 8507 3036 Compartilhe essa ideia! AV JUCA BATISTA ,2154 | FONE: 3246.7307 RUA BECO DO PALADINO , 77 | FONE: 3245.3245 TELENTREGA 3093-0215 3093-0213 AV JUCA BATISTA, 332 - Lj. 03 www.rotasultintas.com.br Fones: (51) 3246-4662 / 3261-5503 e-mail: rotasul@rotasulpoa.com.br Não fechamos ao meio dia Av. Juca Batista, 332 - Ipanema 6 Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 49 - Setembro de 2015

[close]

p. 7

Reportagem Especial www.geramigos.com.br 7 problemas da revitalização da Orla A Prefeitura de Porto Alegre assinou na manhã de quarta-feira, 9 de setembro, o contrato para a realização da primeira etapa da revitalização da Orla do Guaíba. Na cerimônia, o prefeito José Fortunati afirmou que os trabalhos devem começar ainda em setembro. O Orla Mais Alegre, formado pelas empresas Procon, Sadenco e SH Estruturas Metálicas, é o consórcio responsável pela obra. Esta primeira etapa, que compreende o trecho de 1.320 metros entre a Usina do Gasômetro e a Rótula das Cuias, deve ser concluída no prazo de 12 a 18 meses. Ao todo, o projeto de revitalização da Orla do Guaíba é dividido em cinco fases. Os recursos provêm de um Obra de revitalização da Orla do Guaíba deve começar ainda este mês revitalização da Orla do Guaíba serão instalados tapumes em toda a orla. O bloqueio terá início quando vão começar as intervenções. Segundo um dos responsáveis pelo consórcio Orla Mais Alegre, Caetano Pinheiro, o bloqueio é importante para evitar acidentes e garantir a segurança da população e dos trabalhadores. Ele ressaltou que a expectativa é de que as obras não enfrentem dificuldades na sua execução. Haverá reunião entre os responsáveis pelo consórcio e do Gabinete de Desenvolvimento e Assuntos Especiais (Gades) para discutir os detalhes da intervenção. Segundo o secretáOrla ficará bloqueada Os porto-alegrenses vão rio do Gades, Edemar Tutikian, perder por de 12 a 18 meses o o bloqueio ocorre porque as acesso a um dos cartões pos- obras não serão feitas por tretais da cidade. Isso porque em chos, mas abrangerá toda a exfunção do início das obras de tensão ao mesmo tempo. financiamento junto ao Banco de Desenvolvimento da América Latina – a Corporação Andina de Fomento (CAF). O projeto, do arquiteto Jaime Lerner, prevê construção de passeios, ciclovia, um ancoradouro para barcos de passeio, um restaurante e seis bares, quatro deques, duas quadras de vôlei, duas de futebol e duas academias ao ar livre, vestiário, playground, além de duas passarelas metálicas com jardim aquático, iluminação especial com fibra ótica e lâmpadas de LED e central de segurança com a Guarda Municipal para videomonitoramento da região. O movimento Cais Mauá de Todos ingressará no Supremo Tribunal Federal (STF), nesta semana, com um mandado de segurança para evitar a continuidade da concessão da região à iniciativa privada. Em encontro realizado na quinta-feira, 17, um grupo formado por arquitetos, urbanistas e sociólogos apresentou um conjunto de falhas técnicas e estruturais do Estudo de Impacto Ambiental e do Relatório de Impacto Ambiental do Consórcio Cais Mauá. Na sexta, 18, foi prevista uma audiência pública sobre o projeto, quando alguns dos apontamentos serão questionados aos integrantes do consórcio. “Mais uma vez será feito um debate com o projeto fechado”, criticou Milton Cruz, sociólogo. Ele destacou que há falta de informações no estudo e poucas ações efetivas. Citou o impacto que o empreendimento irá gerar no trânsito na região. “Ao invés de propor soluções, repassa ao poder público a responsabilidade por fazer as melhorias”, alertou. De acordo com o arquiteto Cristiano Kunze, algumas intervenções propostas poderiam ser feitas pelo próprio poder público. “Não há uma discussão em como o projeto do Cais será inserido no projeto de revitalização do Centro e como a população Grupo tenta evitar obras no Cais Mauá com ação no STF terá acesso a ele”, apontou. Pôr do Sol Livre Como é possível uma cidade chamada Porto Alegre ostentar um dos portos mais feios e arcaicos do planeta? Como a nossa Orla que poderia ser viva, linda e pulsante continua até os dias de hoje jogada e abandonada aos ratos? E porque precisamos ter um MURO dividindo a população daquilo que temos de mais sagrado: a nossa vista para o Pôr do Sol no Guaíba? Esse movimento luta pela defesa do empreendimento que quer devolver à população seu contato com o CAIS e pela derrubada do Muro da Mauá e de todo o pensamento retrógrado que atravanca o empreendedorismo da cidade e nos torna essa Porto Alegre tão atrasada! Queremos mais contato com a natureza, mas também queremos mais contato com a modernidade. Olhem o visual que estamos perdendo! Como o nosso Cais podia ser lindo, não acham? Vamos abraçar essa empreitada. Vamos redesenhar, transformar e guiar a cidade que vivemos. Mais do que ocuparmos espaços e desfrutarmos do pôr do sol que nos é escondido, o simbolismo desse movimento é fundamental para avançarmos as nossas pautas na sociedade gaúcha. Nós queremos o Cais do Porto Livre Já! Pôr do Sol Livre! Curtam, compartilhem e convidem os seus amigos! Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 49 - Setembro de 2015 7

[close]

p. 8

8 www.geramigos.com.br Bairros Reunião pública debate transporte hidroviário para a zona Sul Urbanismo, Valter Nagelstein, informou que o objetivo é construir, em parceria com a comunidade, meios para a implementação desse novo modal de transporte, e integrar a zona Sul da Capital ao Centro Histórico e Região Metropolitana. “Precisamos retomar a convivência com os nossos mananciais hídricos e integrar Porto Alegre com toda a Região Metropolitana”, destaca. Presente ao encontro que reuniu técnicos da Prefeitura, do governo do Estado, moradores e empresários, o vice-prefeito Sebastião Melo afirmou que a administração municipal está aprofundando o debate para o modal deslanchar na cidade. As estações hidroviárias de passageiros precisam contar com infraestrutura para cativar os usuários, destacou Melo. “Essas paradas necessitam estar próximas de pontos de ônibus e de lotações, além de contar com área para estacionamento. ” A correta implementação do modal hidroviário ajudará na redução do número de veículos nas ruas da cidade”, acrescentou. Já o diretor-presidente da EPTC, Vanderlei Cappellari, destacou a necessidade de haver um sistema de equilíbrio de custo. “O grande desafio é fazer o que fizemos com o transporte rodoviário, com tarifa única. Para Cappellari, o transporte hidroviário é uma alternativa qualificada, que junto com outros modais, irá reduzir o número de carros nas ruas, que já chega a 815 mil. transporte, e sim criar mais uma alternativa”, destaca. De acordo com o arquiteto da Smurb, Marcelo Allet, a prefeitura está formulando critérios e parâmetros para a concepção arquitetônica e a inserção urbanística das estações hidroviárias deste novo sistema de transporte público, concebido para atender inicialmente 16 cidades da Região Metropolitana, incluindo a Capital. Segundo Allet, o próximo passo será identificar os locais para instalação das hidrovias e realizar estudos arquitetônicos preliminares para serem utilizados como referência no projeto final. O arquiteto destaca que como haverá impactos nos locais, será implementada também uma Operação Urbana Programa Hidroviário Mu- Consorciada ao final do processo, com o objetivo de qualificar o nicipal Segundo o técnico da Me- entorno das hidrovias. A reunião também contou troplan, Hélio Schreinert, foi constituído um Grupo de Tra- com a presença do secretário de balho para definir as demandas, Meio Ambiente, Mauro Moura, que foram estimadas em 94 mil do chefe de Governança Metropassageiros. “O transporte hi- politano da Metroplan, Pablo droviário não só transporta, mas Melo, além de Associações de qualifica o turismo. O objetivo Moradores da zona Sul da Canão é resolver o problema do pital. O projeto para implantação de 12 novas estações hidroviárias ao longo dos 75 quilômetros da orla de Porto Alegre foi apresentado na noite do último dia 14, uma segunda-feira, durante reunião pública, na Associação Atlética Banco do Brasil. O projeto técnico compõe o Plano Hidroviário Metropolitano e está sendo elaborado pela Prefeitura de Porto Alegre, por meio da Secretaria Municipal de Urbanismo (Smurb) e da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), em parceria com a Fundação Estadual de Planejamento Metropolitano e Regional (Metroplan/RS). O plano, que prevê a criação de cinco estações na orla Sul, quatro na central e três na zona Norte, foi apresentado pelo arquiteto da Supervisão de Desenvolvimento Urbano da Smurb, Marcelo Allet, e pelo técnico da Metroplan, Hélio Schreinert Filho. O secretário municipal de Incêndio atinge Morro da Apamecor controle das chamas com 12 viaturas. Por volta das 23h, o grupo recebeu o reforço dos bombeiros voluntários de Eldorado do Sul. Devido a intensidade do vento, o incêndio se alastrou rapidamente. O fogo passou por cinco áreas, incluindo o Morro da Apamecor, Alto Erechim e Vicente Monteggia. Conforme o capitão Vinícius Lang, mais de 40 mil litros de água foram utilizados para tentar conter o fogo. — A nossa preocupação maior era não deixar que as chamas chegassem às residências — Os bombeiros levaram mais tros da entrada. Nenhum mora- disse o capitão. de nove horas para controlar dor precisou sair de casa. De acordo com moradores, o — É a legítima noite do ter- bairro estava sem água, o que dium incêndio que atingiu a vegetação do Morro da Apamecor, ror. Tínhamos a impressão de ficultou a ajuda da comunidade. próximo aos bairros Teresópolis que o fogo estava chegando no Mesmo assim, um grupo de pese Nonoai, na zona sul de Porto condomínio. É a terceira vez em soas foi até o local para auxiliar Alegre, que ocorreu no último oito anos que esse mato incen- os bombeiros. deia — conta Clarice da Costa, As prováveis causas do grandia 14, uma segunda-feira. Conforme a corporação, o 43 anos, assessora de desembar- de incêndio se devem a queima de lixo ou até mesmo a cigarúltimo foco de fogo que foi con- gador. trolado fica na parte de trás do Desde às 17h30min, quando ros que jogados ainda acesos Condomínio dos Montes, local o Corpo de Bombeiros foi acio- podem, em combinação com que, segundo os bombeiros, as nado, cerca de 60 integrantes o vento, desencadear grandes chamas chegaram a cinco me- da corporação trabalharam no queimadas. Desfile cívico de alunos na Restinga Na véspera do feriado de 7 de Setembro, estudantes realizaram no dia 4, sexta-feira, o desfile comemorativo da Semana da Pátria no bairro Restinga, na zona Sul de Porto Alegre. Participaram alunos de 35 escolas municipais, estaduais e particulares da região. A caminhada pela Esplanada da Restinga foi embalada por 25 integrantes da banda da Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Aramy Silva e contou a com a participação de mais de 1000 estudantes. Realizado desde 2005, o desfile da Restinga integra o calendário oficial da Semana da Pátria de Porto Alegre. “O objetivo da atividade é reunir as instituições de ensino do bairro para celebrar o patriotismo”, comentou a titular da Secretaria Municipal de Educação (Smed), professora Cleci Maria Jurach. De acordo com a secretária, o desfile prepara os estudantes para a cidadania e para a vida em sociedade. “A escola possibilita a vida em grupo e o desenvolvimento de uma cidadania responsável, nela incluindo direitos e deveres.” O estudante Juan Rocha Rodrigues, de 15 anos, da Emef Aramy Silva, toca bumbo na banda da escola há três anos. “É emocionante participar do desfile da Semana da Pátria. Estamos sem nosso professor regente e mesmo assim ensaiamos durante o ano todo para estar aqui e fazer bonito”, salientou Juan. A cada edição, os alunos desenvolvem trabalhos nas escolas sobre um tema proposto para o desfile. Neste ano, as tarefas tiveram como foco O Nosso Jeito de Mudar o Mundo, que também foi tema do desfile. 8 Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 49 - Setembro de 2015

[close]

p. 9

Bairros www.geramigos.com.br 9 68 mil pontas de cigarro são coletadas em quatro semanas partamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU), recolheu 27 mil bitucas. Além das 39 bituqueiras públicas, foram instaladas no dia 28 de agosto, outras duas bituqueiras móveis no Mini Bar, localizado na rua General João Telles, 541. Os equipamentos podem ser utilizados pelos frequentadores do bar durante o horário de funcionamento do local. Conforme o coordenador do projeto, Flavio Costa Leites, o Mini Bar é o primeiro parceiro comercial do Poa Sem Bituca. “Estamos em contato com dezenas de empresas, bares e restaurantes e nossa expectativa é a mais positiva possível com relação a um grande número de bituqueiras em Porto Alegre”, destacou. O diretor-geral do DMLU, André Carús, ressaltou que grande parte do volume de pontas de cigarro acabava no chão. “Com os números do primeiro mês de funcionamento já podemos ver a dimensão do problema. Porto Alegre tem cerca de 250 mil fumantes e grande parte das bitucas produzidas acabava no chão, dificultando a limpeza por parte dos garis. Esta ação, além de dar destino adequado às bitucas, mostra a crescente sensibilização por parte dos fumantes”, disse. O projeto O Poa Sem Bituca é inédito no país, sendo o primeiro que tem como parte de sua estratégia a instalação de bituqueiras em toda a cidade, bem como o recolhimento das pontas de cigarro, a partir de parceria com o poder público. As bitucas coletadas pela Eco Prática são encaminhadas para empresa de coprocessamento e aproveitadas na geração de energia para a produção de cimento. Por meio de convênio, o DMLU autorizou a Eco Prática a instalar bituqueiras nas lixeiras tipo bolinha. Cabe destacar que não há transferência de recursos públicos para esta ação. to Bitucas coletadas em agos- 1ª semana: 5 mil - 2ª semana: 12 mil - 3ª semana: 24 mil - 4ª semana: 27 mil Cerca de 68 mil pontas de cigarro foram recolhidas no mês de agosto. Desde a implantação do projeto Poa sem bituca, com a instalação de 39 bituqueiras demonstrativas no Centro Histórico, 27,2 quilos de resíduos receberam destinação adequada. Somente na última semana de agosto a Eco Pratica, coordenadora do projeto Poa Sem Bituca e parceira do De- O Brasil vai seguir avançando. PROGRAMA de INVESTIMENTO em LOGÍSTICA. 198,4 BILHÕES DE REAIS EM INVESTIMENTOS PROJETADOS. R$ bilhões para 7 mil km de estradas 66,1 R$ bilhões para 7,5 mil km de ferrovias PORTOS 86,4 R$ bilhões para portos e terminais privativos 37,4 R$ bilhões para 4 aeroportos 8,5 RODOVIAS FERROVIAS AEROPORTOS Uma infraestrutura de transportes integrada e moderna vai trazer mais agilidade na distribuição da produção brasileira, mais competitividade nas exportações e mais qualidade nos serviços prestados à população. Além de gerar emprego e renda para os brasileiros e impulsionar o crescimento do país. É assim que o Brasil vai seguir avançando. Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 49 - Setembro de 2015 9

[close]

p. 10

10 www.geramigos.com.br Tecnologia Facebook terá botão “não curtir” em breve usado pelos usuários para mostrar empatia e solidariedade. O novo recurso está sendo testado pela equipe do Facebook e deve chegar em breve para alguns usuários da rede social. Ainda não há nenhuma resposta sobre como a funcionalidade irá afetar o alcance das publicações no Facebook. Atualmente, o número de curtidas impacta diretamente sobre a quantidade de pessoas que verão os posts de perfis e páginas. Outra questão que se levanta é a forma como o botão será utilizado. Será que autores de posts terão a opção de incluir ou deixar de incluir o botão? O mesmo ocorreria com o botão “curtir”. Não sabemos. Só o tempo dirá, mas uma coisa é certa: o Facebook tem buscado ultimamente inovar bastante, com uma série de novas funções que vão deixando a rede social cada vez mais robusta e “inteligente” digamos assim. Só que, claro, como qualquer outra tecnologia, é preciso ter cautela e criatividade sempre. Procon App é indicado ao prêmio internacional Smarties Dentre centenas de aplicativos de mais de 30 países, o Procon App é um dos selecionados para concorrer ao prêmio Smarties 2015 da Mobile Marketing Association na categoria Social Impact. A premiação será em Nova York, durante a semana da publicidade, nos dias 28 e 29 de setembro. Lançado em março deste ano, o aplicativo possibilita que cidadãos busquem informações e façam denúncias ao Procon Municipal a partir de iphones, ipads e aparelhos com o sistema Android. Desde o seu lançamento, foram registrados 1384 atendimentos por meio do app somados a mais 6130 solicitações feitas via site. O órgão registrou também 4697 atendimentos presenciais. O Procon App é resultado de uma parceria entre Procon Porto Alegre, #POAdigital e Companhia de Processamento de Dados do Município de Porto Alegre (Procempa) e foi desenvolvido pela agência Queen Mob. Os botões de “curtir”, “comentar” e “compartilhar” ganharão companhia no Facebook. Mark Zuckerberg, fundador da rede social, revelou durante uma conversa com jornalistas no dia 15 de setembro, terça-feira, que a função “não curtir” está sendo trabalhada internamente. Há anos que o Facebook recebe pedidos para criar um botão “não curtir”. Ele não foi criado até então porque a companhia sempre o viu como uma ferramenta que poderia gerar ódio e negatividade entre os usuários. Porém, Zuckerberg afirmou que é complicado “curtir” um post sobre a crise dos refugiados sírios, por exemplo, ou a notícia de falecimento do parente de um amigo. Justamente por isso que o novo botão não estará disponível em todos os posts e servirá para demonstrar pêsames na notícia da morte de alguém, perda de emprego ou outras situações desagradáveis. O “não curtir” poderá ser CURSOS DE INFORMÁTICA E PROFISSIONALIZANTES ATENDEMOS ALUNOS DE 9 A 90 ANOS Assistência Técnica: Notebooks / Impressoras / Computadores Internet / Redes / Wireless / Remoção de Vírus Lan House / Recarga de Cartuchos AV. JUCA BATISTA, 2203 - IPANEMA 3250.3013 8111.9232 9503.1831 9437.5847 10 Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 49 - Setembro de 2015

[close]

p. 11

Bairros 11 Informe Publicitário Dmae apresenta obras e explica plano de saneamento na zona Sul de junho e que, até o final de 2016, garantirá melhor qualidade nas águas do arroio do Salso e do arroio Passo Fundo, afluente do arroio Cavalhada. Nas comunidades, o benefício imediato será o fim dos esgotos em valas ou nas redes pluviais, garantindo menos problemas de saúde à população. Para a cidade, será uma quantidade maior de esgoto sendo encaminhada para o tratamento na Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Serraria, melhor qualidade na captação de água da Estação de Tratamento de Água (ETA) Tristeza e menos poluição chegando ao Lago Guaíba na zona Sul. A obra no entorno da rua Carlos Mutoni levará 18 meses, terá dois quilômetros de redes para 220 ligações domiciliares. No Cristal/Cavalhada, a obra deverá terminar em um ano, com 1,6 quilômetros de redes para 280 ligações domiciliares. No total, cerca de 39 mil pessoas serão beneficiadas. Os recursos a fundo perdido são do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) via Caixa Econômica Federal (CEF). NOVA ILUMINAÇÃO DAS PRAÇAS E PARQUES: MAIS QUALIDADE DE VIDA DIA E NOITE EM PORTO ALEGRE. O Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) está apresentando o Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) de Porto Alegre nas reuniões de trabalho técnico-social com as comunidades beneficiadas pelas obras do departamento. No dia 31 de agosto, aconteceu o encontro com os moradores do entorno da rua Carlos Mutoni, em Belém Velho, e no dia 1º de setembro, com uma comunidade dos bairros Cavalhada e Cristal que habita as proximidades da av. Icaraí. O objetivo da equipe do órgão é proporcionar às pessoas, além das informações específicas que influenciam na vida cotidiana, um melhor entendimento sobre as obras previstas para sua região e o benefício delas para a cidade. O Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) deverá ser concluído até o fim deste ano, com a consolidação dos trabalhos realizados pelo Dmae, Departamento de Esgotos Pluviais (DEP) e Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU). Haverá um conselho que tratará do tema. Na pauta dos encontros esteve o coletor-tronco de esgotamento sanitário que começou a ser implantado no mês Prefeitura lança novo edital para bicicletas compartilhadas mais de 692 mil viagens foram realizadas. Ao todo, 156.980 cadastros no site ou aplicativo foram efetivados. Com o uso das bicicletas, 251,24 toneladas de dióxido de carbono deixaram de ser emitidas na atmosfera. Atualmente, o sistema possui 40 estações e 400 bikes. Deivdo ao sucesso do BikePOA, a tendência é que, realmente, o serviço seja ampliado, ao passo que novas ciclovias saem do papel também. Foi publicado no Diário Oficial de Porto Alegre (Dopa), na edição do dia 31 de agosto, o novo edital para o BikePoa, sistema de bicicletas compartilhadas da cidade, que funciona desde setembro de 2012. A nova licitação ocorre dia 21 de setembro, às 10h. O pregão eletrônico será realizado pela Secretaria Municipal da Fazenda. O preço pelo serviço deverá ser mantido. Hoje, o usuário pode optar pelo passe diário, a R$ 5, ou mensal, a R$ 10. Desde a implantação do BikePoa, Cinco estações com mais procura pelos usuários: 1 – Usina do Gasômetro 2 – Redenção UFRGS 3 – Praia de Belas Shopping 4 – Barra Shopping 5 – Menino Deus (Viaduto Dom Pedro I, rua José de Alencar) Parque Iluminado: Eu Curto, Eu Cuido é a ação da Prefeitura que está qualificando a iluminação de parques e praças da cidade. O objetivo é promover a melhor ocupação do espaço público, aumentando a segurança e as opções de lazer para a população. Só em 2014 foram instalados 1.941 novos pontos de iluminação em 107 praças da Capital. Até o final do ano, será entregue a revitalização da iluminação nos parques Redenção, Mascarenhas de Moraes e outras 29 praças de Porto Alegre. OBRAS CONCLUÍDAS: 121 novos pontos de luz. MARINHA DO BRASIL: 619 novas luminárias em 301 postes e 80 projetores nas quadras esportivas. PARCÃO: 360 pontos de iluminação. PRAÇA CARLOS SIMÃO ARNT (ENCOL): OBRAS EM ANDAMENTO: REDENÇÃO: 600 novos pontos de luz e nova rede subterrânea. PARQUE MASCARENHAS DE MORAES: 147 novas luminárias totalizando 219. Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 49 - Setembro de 2015 11

[close]

p. 12

12 www.geramigos.com.br Educação Curso preparatório para alunos da Restinga disponibilizadas 50 vagas para estudantes dos anos finais do ensino fundamental das escolas municipais da Restinga (Vereador Carlos Pessoa de Brum, Senador Alberto Pasqualini, Nossa Senhora do Carmo, Professor Larry José Ribeiro Alves, Lidovino Fanton e Mario Quintana). O curso é realizado em parceria com o Centro de Promoção da Infância e da Juventude (CPIJ), que fornece os educadores, e ocorre no Campus Restinga no período de 31 de agosto a 4 dezembro, de segundas a sextas-feiras. Organizadas em duas turmas de 25 alunos, uma pela manhã, das 8h30 às 11h30, e outra pela tarde, das 13h30 às 16h30, as aulas contemplam os conteúdos do núcleo comum do Ensino Médio: linguagens, códigos e suas tecnologias (Língua Portuguesa), Matemática e suas tecnologias (Matemática), ciências da natureza e suas tecnologias (Biologia, Física e Química) e ciências humanas e suas tecnologias (História e Geografia). Segundo a coordenadora do Cidade Escola, Maria Cristina Garavelo, o programa atende ao interesse de muitos alunos do Bairro Restinga. “A possibilidade só potencializa um desejo que eles já tinham, aumentando suas chances de entrar nesse espaço de educação. Fortalecemos tanto as áreas do conhecimento quanto a questão da perspectiva do aluno e da sua autoestima”, afirma. O primeiro encontro teve a seguinte programação: uma visitação aos espaços do instituto, explicação do projeto, apresentação da proposta pedagógica da IFRS, informações preparativas para a prova do processo de ingresso no campus e a distribuição de provas de anos anteriores. Estiveram presentes na aula inaugural, além de Maria Cristina, o Padre Rodrigo Scaravonatto, diretor da CPIJ, a equipe pedagógica da instituição e Vitor Ribeiro, coordenador adjunto de Ensino Fundamental da Smed. O processo seletivo do Instituto Federal do Rio Grande do Sul ocorrerá no dia 6 de dezembro deste ano. A Secretaria Municipal de Educação, por meio do projeto Cidade Escola – que contempla atividades para ampliar e qualificar a aprendizagem dos alunos da rede –, iniciou no dia 31 de agosto, o curso que visa a preparar alunos para o processo seletivo de ingresso no Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS), vinculado ao Ministério da Educação. Foram Acesse notícias diárias da sua região em: Compartilhe essa ideia! MACEDO Salgadinhos p/ Festa MINI R$ R$ 29 ,00 MÉDIA R$ GRANDE R$ O CENTO 16,80 31,80 41,80 Estrada do Lami, 517 - tel.: 3259-1907 Filial Belém Novo: Av. Heitor Vieira, 579 - tel.: 3508-6658 Criação e desenvolvimento de sites! Tenha um site inteiramente seu para divulgar seu negócio, marca, empreendimento e tornar-se visível na Web! Soluções completas para você e seu negócio: cuidamos da parte de registro de sites, hospedagem e mídias sociais! Em 5 etapas simples: Briefing com o cliente Criação do layout Codificação para a web Programação e banco de dados Checklist e fase de testes Utilize ferramentas de uso prático e simplificado em qualquer lugar e dispositivo! Ligue e consulte condições: (51) Com a confiança e credibilidade: 3026-8445 12 Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 49 - Setembro de 2015

[close]

Comments

no comments yet