Jornal Geramigos Zona Sul - Edição 48 - Agosto 2015

 

Embed or link this publication

Description

O Jornal dos Amigos Porto-Alegrenses

Popular Pages


p. 1

Qual é o segredo da sua saúde? Turismo de Galpão fará 100 oficinas de cultura gaúcha Confira nessa matéria de Leidi Lessa, o caminho para uma vida saudável e livre de vícios. Pesquisas indicam que ter uma religião e acreditar em algo faz um enorme bem e nos livram de vários perigos. Página 3 O Jornal dos Amigos Porto-Alegrenses Zona Sul Ano 5 Agosto de 2015 ◆ Edição nº 048 ◆ Tiragem 10.000 Exemplares ◆ Distribuição Gratuita Com a proximidade da semana Farroupilha várias formas criativas de descobrir um pouco mais sobre a nossa cultura e história são criadas. Página 5 Ambientalistas questionam mega-empreendimento em Belém Novo Mutirão Tapa-Buraco já utilizou 587,5 toneladas de asfalto Com as chuvas do mês de julho, uma série de buracos surgiram nas ruas e avenidas da Capital forçando uma iniciativa de emergência Página 9 Construção de condomínios de alto padrão na Fazenda Arado Velho, levanta uma série de questões ambientais. Página 8 Removendo Hao123, Ask, Babylon e pragas similares do navegador Um guia completo para você se ver livre da lentidão Página 10 A importância da família na recuperação de dependentes Páginas 6 e 7 químicos Projeto visa fomentar a paixão e o cuidado de crianças pelos animais e bichos de estimação Página 12 Esta Escola é o Bicho retoma palestras em agosto SANVICENTE & SARTORI DE SAÚ DE pa NOS tecer! on ac PLA ra hora istos não tem Imprev PROTEJA SU A FAMÍLIA E SEUS FUNC IONÁRIOS Desentupimento - Limpa Fossa Hidráulica - Elétrica 9109-4400 Ligue: 3248-7809 9773-6580 Fernando / Vilson (51) 8544-6391 Estrada Edgar Pires de Castro, 9248 9729 0229 (51) 3266 5439 Box Temperado - Sacadas Coberturas - Espelhos Vidros comuns Orçamento e colocação no dia e hora marcada www.sanvicentesartori.com.br planosdesaude.rs@live.com contato@sanvicentesartori.com.br (51) 3221.6844 3221.5995 3084.4720 9255.4716 WhatsApp 9255.4720 Praça Osvaldo Cruz, 15 conj. 2713 Ed. Coliseu - Centro/POA Criação e desenvolvimento de Websites na plataforma Wordpress Tenha um site auto-gerenciável em uma das plataformas mais conhecidas e práticas do mercado. Acesse notícias diárias da sua região em: Consulte condições: Compartilhe essa ideia! (51)3026-8445 / (51)9613-6986

[close]

p. 2

2 www.geramigos.com.br Editorial Editorial Na edição do mês de agosto do jornal Geramigos Zona Sul, abordamos um assunto bastante delicado como matéria principal: o papel da família na recuperação de dependentes químicos. Dentre tantas discussões acaloradas a respeito de quem é culpado ou não, as causas de pessoas antes saudáveis serem arrastadas pelo vício e drogas, surge um grande questionamento: até onde vai o papel da família na recuperação de dependentes químicos? Veremos, a partir da página 6, que o cuidado e a preocupação da família e envolvimento na recuperação desses doentes é fundamental para o sucesso no tratamento e a provável cura. Em ambientes onde a família está ausente ou simplesmente tomou a decisão de abandonar seus doentes, veremos que a situação se agrava, regada por culpa e mais depressão, recriando o ciclo todo. Na página 3, Leidi Lessa, traz uma matéria bastante interessante a respeito do segredo da saúde, que muitas vezes está além do plano físico. Veremos que a parte mental é fundamental para uma boa saúde. Acreditar em algo, ter uma religião, etc. já foi, de certa forma, provado pela ciência que traz efeitos positivos sobre a saúde física e mental, sim. Também é um ótimo complemento ao nosso tema central desta edição. Uma ótima leitura a todos vocês e que essa literatura sirva de grande ajuda para as famílias e de inspiração a você, caro leitor, que acompanha nosso trabalho. Fala leitor e internauta Semáforo quebrado “É simplesmente humilhante ser pedestre em Porto Alegre. Os servidores públicos que fazem planejamento tem que entender que cidade/país decente dá prioridade a pedestres e bicicletas. Carro já era, é coisa do passado, tem que dificultar o uso de carro. Nesse cruzamento, o pedestre precisa esperar 2 minutos para atravessar a Borges e depois a Aureliano. É ridículo, é infame, é humilhante, e isso faz com que eu não respeite o sinal. Se eu tiver que esperar mais de 30 segundos pra atravessar a rua, eu vou atravessar com o sinal fechado!!! Maldita cultura terceiro-mundista!!!” - Rodrigo Gruppelli colab.re Calçada irregular “É inacreditável mas o poder público sabe que o povo tá acostumado com o descaso nosso de cada dia. Se existem problemas mais graves, porque iam gastar recursos em arrumar uma simples calçada né? Essa é a cina de ser cidadão no terceiro mundo...” - Rodrigo Gruppelli - colab.re Queimada irregular “Todo dia há queimadas neste morro e ninguém faz nada pois dizem que nada localizaram. Na rua Bispo Willian Thomas, 91, Bairro Teresópolis” - Carlos Notari - colab.re Acesse notícias diárias da sua região em: Pontos de Distribuição Expositores Mercado Caxias - Av. Costa Gama, 5001; Armazém da Esquina - R. Jorge Mello Guimarães, 1116; Loro Supermercados - Loja 3, Av. do Lami, 706; Supermercado Casa Grande - Av. Professor Oscar Pereira, 7381; Mercado Cavalhada - Silvio Silveira Soares, 2429; Supermercado Asun - Av. Bento Gonçalves, 66; Lotérica - R. José de Alencar, 447; PoliclinicaCei Claudino – R. Barão do Triunfo, 175; Mercado Peracchi - Av. Nonoai, 393; Lotérica Teresópolis - Av. Teresópolis, 3294; Supermercado Nacional –Teresópolis Super Três – Av. Teresópolis, 3742; Teresópolis Tênis Clube - Av. Eng. Ludolfo Boehl, 388; Colégio Pastor Dohms - Rua Arnaldo Bohrer, 253; Colégio Bom Jesus - Av. Teresópolis, 2805; Clinica Ortra - Av. Cavalhada, 2166; Colégio Santa Teresa de Jesus - Av. Cavalhada, 2250; Shopping Cavalhada - Av Cavalhada, 2360; Mercado Asun - Av.Cavalhada, 2985; Baú da Sorte Loterias - Av. Cavalhada, 2503; Sacolão Econômico - Av. da Cavalhada, 3370; Lotérica - José de Alencar, 181; Restaurante Tirol - Rua Jose De Alencar, 520; Armelin Confeitaria - Gonçalves Dias, 230; Multi Sorte Lotéricas - Av. Getúlio Vargas, 1668; Escola Maria Imaculada - R. General Gomes Carneiro, 364; Shopping Jardim Verde - Estrada Eduardo Prado, 1954; Supermercado Bom – Av. Campos Velho, 834; Supermercado Pezzi - Av. Dr. Carlos Barbosa, 1311; Ipanemão Loterias - Av. Tramandaí, 480; Farmácias Associadas –Av Tramandaí, 307; Farmácias Associadas - Av. Juca Batista, 2249; Mercado Asun- Av. Juca Batista, 4246; Supermercado Urubatã – Av. Celestino Bertolucci, 50; Lotérica Coringa - Av. da Azenha, 122; Lotérica Ponto da Sorte – Av. Wenceslau Escobar, 1286; Tudo Fácil - Av. Wenceslau Escobar, 2666; Armelin Confeitaria - Otto Niemeyer, 2440; OttoLoterias – Av. Otto Niemeyer, 2535; Super Iko - Av. Otto Niemeyer, 3389; Sacolão Barcelos – Av. Edgar Pires de Castro, 1855; Lotérica Hípica - Edgar Pires de Castro, 1260 L.2; Mini Mercado Moradas – Av. Edgar Pires de Castro, 2260; SuperKan – Av. Edgar Pires de Castro, 1545; Restaurante e Fruteira Kiko – Edgar Pires de Castro, 8517; Supermercado Gomes – Edgar Pires de Castro, 10100; Lotérica Sorte Certa – Rua Cecílio Monza, 11040; Mercado Loro- Heitor Vieira, 293; Agroflora Ungaretti – Rua Tenente Arizoly Fagundes, 50 Todos anunciantes dessa edição também possuem exemplares. Se não encontrar sua edição mensal, faça download em: www.geramigos.com.br/ edicoesanteriores Quer ficar sempre bem informado com o que acontece em sua região? Curta Geramigos no Facebook! Compartilhe essa ideia! /JornalGerAmigos Você fotografou alguma irregularidade no seu bairro? Quer reclamar ou sugerir melhorias? Fazer denúncias? Quer elogiar uma boa iniciativa realizada na sua comunidade? Entre em contato com o Jornal GERAmigos e participe! Nos ajude a construir o Fala Leitor e Internauta, o seu espaço para mostrar o que acontece nos bairros de Porto Alegre. Você pode entrar em contato com a nossa redação através do e-mail: redacao@geramigos.com.br ou pelo telefone (51)3026-8445. Participe! Expediente CNPJ: 11.248.576/0002-70 Av. Borges de Medeiros, 915 sala 202 Zona Sul Telefones: (51) 3026-8445 / (51) 9613-6986 comercial@geramigos.com.br Jornalista Responsável: Angelica Konzen - SRTE-MTE/RS nº 17.297 Jornalista associada a: Redação e Assessoria de Imprensa, Projeto gráfico e diagramação: Josias Soria Godoy Matérias assinadas não expressam necessariamente a opinião do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores. Tiragem: 10 mil exemplares Impressão: Grupo Sinos Periodicidade: Mensal Distribuição: Geramigos Empresa Jornalística Ltda. Locais de circulação - Bairros: Aberta dos Morros, Azenha, Belém Novo, Belém Velho, Camaquã, Campo Novo, Cavalhada, Centro, Cidade Baixa, Cristal, Espírito Santo, Guarujá, Hípica, Ipanema, Jardim Vila Nova, Lageado, Medianeira, Menino Deus, Moradas da Hípica, Nonoai, Ponta Grossa, Serraria, Teresópolis, Tristeza, Vila Conceição e Vila Nova. Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 48 - Agosto de 2015 2

[close]

p. 3

Saúde e Bem Estar www.geramigos.com.br 3 Qual é o segredo da sua saúde? tes podem deixar o vício, como foi o caso do motorista de taxi, que durante anos fumava vários cigarros por dia. Mas, quando soube o quão prejudicial é a nicotina, abandonou o hábito de fumar. Esse exemplo mostra como é imprescindível se conscientizar do domínio e autocontrole inerentes à natureza espiritual de cada um, tanto para prevenir como para deixar o vício. Essas qualidades são provenientes da Mente divina, que é a fonte criadora de todos. Se você estiver enfrentando qualquer tipo de vício, comece sua jornada espiritual rumo à independência, enchendo o coração de amor, compaixão e paciência, buscando a inocência e a pureza espiritual inerentes a cada um. Às vezes, essa jornada é curta, às vezes demorada, mas você pode alcançar o objetivo final de liberdade e de cura, ao manter o pensamento focado nessa meta, sem desistir. Todos temos essa capacidade. Unidade Restinga recebe destaque do Ministério da Saúde Na Semana Mundial de Aleitamento Materno, que se encerrou no último dia 7, sexta-feira, a Unidade de Saúde Restinga foi a primeira do Estado a receber o certificado da Estratégia Amamenta Alimenta Brasil, do Ministério da Saúde. A entrega ocorreu no último dia 5, quarta-feira, durante o 7º Seminário Estadual da Semana Mundial da Amamentação e 2º Seminário Estadual da Estratégia Amamenta Alimenta Brasil, no auditório do Ministério Público Estadual. “A premiação representa o reconhecimento ao trabalho da equipe da Restinga, feito com empenho e comprometimento. Por isso, é um prêmio para as trabalhadoras”, ressaltou a secretária-adjunta de Saúde, Fátima Ali, que fez um agradecimento especial à nutricionista Susana Fernandes Rosa, tutora da estratégia, e à gerência distrital. “A região tem determinantes sociais e áreas de vulnerabilidade bem peculiares, o que valoriza ainda mais este reconhecimento”, avaliou. A nutricionista e coordenadora da área técnica de Saúde Nutricional da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Carmen Lucia Stein, destacou que o objetivo é ampliar o número de tutores para promover novas oficinas com as equipes de atenção básica, possibilitando que outras unidades estejam preparadas para promover o aleitamento e a alimentação complementar saudável. Leide Lessa Chego ao aeroporto de Porto de Espanha, Trinidad e Tobago e logo um motorista me oferece os seus serviços. Muito satisfeito, esse senhor começa a me contar que iria completar 62 anos, estava muito feliz e saudável. Quando lhe perguntei: “Qual é o segredo da sua saúde?”, ele rapidamente respondeu: “Não bebo, não fumo, tenho uma boa esposa, sou casado há 34 anos e sigo uma religião”. Estudos comprovam: os que praticam uma religião têm valores éticos e morais e, portanto, mais facilidade para abster-se de vícios e manter uma vida emocionalmente estável. Caminho para uma vida saudável Vantagens da Caminhada Orientada A caminhada orientada oferece inúmeros benefícios, dentre eles: -Auxilia no controle de diabetes e do colesterol; - Auxilia na respiração de modo adequado à intensidade do esforço; - Contribui para a saúde do coração; - Aplica métodos de identificação e controle da frequência cardíaca; - Intensifica o nível de Aviamos receitas Tudo em até 6x s/ acréscimo Óculos - Jóias - Relógios - Artigos para presentes - Consertos em Geral Av. Teresópolis, 3173 otica_reis@hotmail.com (51) 3336.6943 Empresa brasileira com expansão na América Latina (Peru). esforço percebido; - Incentiva caminhar com eficiência e conforto; - Desenvolve técnicas para a execução correta de exercícios Para classificar a gravidade alongamento e aquecimento. de da sua asma, o seu médico considera a análise clínica TENHA UMA RENDA EXTRA COM LUCRO DE 100% juntamente com os resultados de seus exames. Determinar o SEJA UM REVENDEDOR(A) UP! quão grave é sua asma auxilia o médico a escolher o melhor tratamento. Além disso, a gravidade da asma pode alterar com o passar do tempo, necessitando www.upessencia.com.br/433148 um reajuste da medicação. essência Créditos: Divulgação Web A dependência é um problema. No Brasil, o consumo de álcool tem aumentado, inclusive entre as meninas. Quanto à cocaína, o “consumo mais do que dobrou em menos de 10 anos e já é quatro vezes superior à média mundial”. Muitos jovens recorrem a drogas como cocaína ou maconha, após consumirem bebidas alcoólicas. Estes dados me fazem pensar que evitar o primeiro gole de álcool, o primeiro cigarro Leide Lessa é professora e ou qualquer droga não é uma conferencista da Ciência Cristã privação, mas um caminho e escreve sobre saúde e espiritupara uma vida saudável. alidade. Mas, mesmo os dependen- Saiba identificar os tipos de Asma quatro categorias gerais: Grau 1: sintomas leves e intermitentes até dois dias por semana e até duas noites por mês, em geral com predomínio dos sintomas no inverno, por exemplo Grau 2: sintomas persistentes e leves mais do que duas vezes por semana, mas não mais do que uma vez em um único dia Grau 3: sintomas persistentes moderados uma vez por dia e mais de uma noite por semana Grau 4: sintomas graves persistentes ao longo do dia na maioria dos dias e frequentemente durante a noite. Contato: (51) 9394.8641 c/ Euvânia A asma é classificada em www.radicom.com.br Ressonância Magné�ca 1,5 Tesla Ressonância Magné�ca de Extremidades Tomografia Computadorizada Densitometria Óssea Mamografia EcografiaConsultas médicas Neurologia e Coluna MATRIZ: Av. Érico Veríssimo, 624 - Menino Deus - Porto Alegre/RS • ZONA NORTE: Rua Álvares Cabral, 65 - Cristo Redentor - Porto Alegre/RS Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 48 - Agosto de 2015 Central de Atendimento fones 321 82 400 | 337 43 500 Créditos: Divulgação PMPA 3

[close]

p. 4

4 www.geramigos.com.br Bairros 120 novas vagas de educação infantil no bairro Lageado por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal. Na presença da comunidade e lideranças locais, Fortunati parabenizou a conquista dos moradores que demandaram a escola infantil no Orçamento Participativo (OP). Segundo o prefeito, o OP possibilita eleger as prioridades e necessidades de cada comunidade. A secretária Cleci destacou a união de esforços para a viabilização da instituição, que tem a parceria da Cooperativa Clara Nunes, que cedeu o terreno. Ela ressaltou a importância da creche para a comunidade. “Aqui, nossas crianças terão atenção, carinho, alimentação e educação para a vida”, destacou, lembrando que, atualmente, são atendidas, em turno integral, mais de 26 mil crianças pela rede municipal e conveniadas. Conforme a secretária, a previsão é que a região seja contemplada com mais duas Ieics, a Nossa Senhora das Graças e a Glicério Alves. Mais qualidade de vida para as famílias - Para a doméstica Eliana Steimpaj, a creche irá facilitar a sua rotina. Atualmente, ela leva quatro dos nove filhos para uma creche distante uma hora da sua casa. "Hoje é muito trabalhoso, saio cedo com quatro crianças pequenas. Essa creche será um alívio na vida da gente", afirmou Eliana. Já para a sua vizinha, Suelen Flores, a creche será uma oportunidade de se recolocar no mercado de trabalho. Hoje, ela precisa cuidar dos três filhos pequenos. "Não consigo emprego porque não tenho onde deixar eles. Eu sei que com a creche eles estarão bem cuidados e eu também terei renda e poderei dar uma vida melhor para os meus filhos". Novas instituições - Neste ano já foram entregues cinco novas instituições. Três Instituições de Educação Infantil Comunitárias (Ieics), uma Escola de Educação Infantil (Emei) e uma Escola de Ensino Fundamental (Emef). No total, foram criadas 560 vagas para educação infantil e 600 para ensino fundamental. Créditos: Divulgação PMPA Roteiro Beto Carrero - 02 cafés da manhã, 01 jantar; - Passaporte para o Parque Beto Carrero World. Saída: Toda sexta-feira Horário de apresentação: 21h30min. Horário de saída: 22h Local de embarque: a combinar Pacote inclui: Transporte em ônibus; - Guia de Turismo cadastrado no Cadastur; - Serviço de bordo; - 01 Diária em Hotel Categoria Turística, no Balneário Camboriú; Valor por pessoa: R$ 440,00 a vista. Ou 3 X de R$ 160,00 (no cartão). Mínimo de 30 passageiros. (Obrigatório portar documento de identidade) (O roteiro poderá ser alterado para melhor aproveitamento da programação) www.bonetetur.com.br contato@bonetetur.com.br Fones: (51)3019.0689 / 0665 e (51)8454.5321 / 9964.7364 A comunidade do bairro Lageado, na região Extremo-Sul, comemorou no dia 29 de julho, a construção da Instituição de Educação Infantil Comunitária (Ieic) Clara Nunes. O prefeito José Fortunati e a secretária municipal de Educação, Cleci Jurach, assinaram a ordem de início das obras. A previsão é que a creche comece a funcionar em janeiro de 2016. No local, as crianças contarão com educação em tempo integral, permanecendo na escola por, no mínimo, 10 horas diárias. A creche terá capacidade para atender 120 crianças de zero a cinco anos e 11 meses. Foram investidos R$ 1.027.045,65. Deste valor, aproximadamente R$ 550 mil são provenientes do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), TELENTREGA 3093-0215 3093-0213 AV JUCA BATISTA, 332 - Lj. 03 www.rotasultintas.com.br Fones: (51) 3246-4662 / 3261-5503 e-mail: rotasul@rotasulpoa.com.br Não fechamos ao meio dia Av. Juca Batista, 332 - Ipanema CARNES INSPECIONADAS Temos Carne Bovina, Suína e Aves Carne de Ovelha é Aqui! R$ 19,98 kg R$ Pernil 23,99 kg Paleta R$ 17,00 kg R$ R$ Visite-nos e confira! Ovelha Inteira 18,00 kg 17,98 kg Meia Ovelha Costela Com Carré NOVIDADE: 4 Promoção Especial: Filé de Ovelha Kg R$ 18,99 Agora também linguiça de porco com queijo Você encontra só aqui: a melhor linguiça de cordeiro com queijo. Coração: R$ 9,99 kg / Rins: R$ 3,98 kg / Língua: R$ 4,99 kg Exclusividade: Miúdos de Ovelha Av. Edgar Pires de Castro, 2649 3311.0597 Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 48 - Agosto de 2015

[close]

p. 5

Bairros www.geramigos.com.br 5 Turismo de Galpão fará 100 oficinas de cultura gaúcha te ano serão 100 oficinas e atividades abertas, todas realizadas no ambiente simples, rústico e hospitaleiro de 40 piquetes tradicionalistas. Elas serão oferecidas di ar i amente durante o acampamento, entre 11h e 19h. Os visitantes terão variadas opções. Só na área da gastronomia regional serão oferecidas 16 oficinas diferentes, tais como aprender a preparar o churrasco, especialidade maior da culinária gaúcha; salgar o charque para o arroz de carreteiro; fazer doces regionais como o arroz de leite, a ambrosia e o sagu; e encerrar com um café campeiro ou café de cambona. Importantes elementos da cultura gaúcha, a faca será o tema central de uma oficina prática de afiação e o chimarrão, mais popular bebida dos gaúchos, será apresentado em sua técnica, ritual e simbologia em oficinas de diferentes formatos que abordarão também a história e as lendas em torno da erva-mate. No ambiente campeiro de uma mini fazendinha, a proposta será encilhar e montar cavalos, enquanto em outros piquetes o visitante aprenderá o jogo do truco, descobrirá como o gaúcho faz o nó em seu lenço, assistirá a uma tosquia de ovelha e a apresentações de danças folclóricas podendo ensaiar seus passos, acompanhará palestras sobre lendas e a história do Rio Grande do Sul, entre muitas outras opções. A grande maioria das atividades será gratuita, e algumas terão intérprete para inglês e espanhol. Espaço de Hospitalidade – As inscrições para as oficinas serão realizadas no Espaço de Hospitalidade do Turismo de Galpão, centro de referência de toda a programação do projeto que estará disponível ao público em guias impressos nas versões português, inglês e espanhol. A estrutura, nos moldes de um galpão, estará localizada próximo à entrada principal do Parque Harmonia, ao lado do Centro de Eventos Casa do Gaúcho. O atendimento será diário no local, das 9h às 22h, por uma equipe de recepcionistas e intérpretes. O espaço terá área de convivência, serviço de informações turísticas e atividades culturais relacionadas ao projeto. A localização será sinalizada por 40 placas instaladas na área do Acampamento Farroupilha, com indicações em três idiomas. Da mesma forma, todos os piquetes preparados para receber turistas em oficinas exibirão na área externa dos galpões o selo Turismo de Galpão. Caminhadas guiadas - Outra opção de aproximação e contato com as tradições gaúchas e o ambiente dos piquetes serão as Caminhadas Guiadas, com seis edições este ano. Os roteiros são orientados por um guia de turismo credenciado e percorrem o Parque Harmonia com paradas em piquetes do projeto Turismo de Galpão para visitação e atividades relacionadas à cultura regional. As inscrições também são feitas no Espaço de Hospitalidade do projeto, que será o ponto de partida das Caminhadas Guiadas. Elas ocorrerão dia 10, com saídas às 10h30 e às 15h30; dia 12, com saída às 10h30; dia 17, com roteiros às 10h30 e às 15h30, e dia 19, às 10h30. Dicas para MEI - Microempreendedor Individual Coluna Jurídica O Acampamento Farroupilha, uma das mais populares e importantes manifestações da cultura e das tradições gaúchas que acontece em Porto Alegre de 5 a 20 de setembro, se transformou em um atrativo para visitantes de outros estados e países que encontram, no evento, a oportunidade de conhecer, de um jeito criativo, uma face diferente da cultura brasileira. Realizado anualmente para celebrar a Revolução Farroupilha, de 1835, o Acampamento tem em sua programação, desde 2013, o projeto Turismo de Galpão, expressão autêntica do conceito de Turismo Criativo, que potencializa o evento e as manifestações da cultura local como produto turístico da Capital. Isso acontece com a oferta de oficinas que proporcionam aos visitantes vivências reais com o universo cultural dos gaúchos nos galpões de entidades tradicionalistas que ocupam o Parque Hamonia, onde a festa gauchesca acontece todos os anos. São atividades rápidas de aprendizagem sobre gastronomia, artesanato, danças, lendas, usos e costumes do Rio Grande do Sul. A iniciativa é das secretarias municipais de Turismo e da Cultura, da 1ª Região Tradicionalista e da Fundação Cultural Gaúcha. 100 oficinas - Na edição des- Trabalhadores informais de todo o Brasil, que vivem de pequenos negócios e prestação de serviços, agora já podem formalizar seu microempreendimento. O programa Microempreendedor Individual (MEI), lançado no Ministério da Previdência Social, tem como objetivo formalizar pequenos empreendimentos com faturamento de até R$ 36 mil por ano. Mais de 170 ocupações serão beneficiadas com o MEI, entre elas, cabeleireiras, costureiras, sapateiros, manicures, barbeiros e carpinteiros. Porém, não poderá aderir ao programa quem presta serviços em profissões regulamentadas por lei. Microempreendedores que tenham filiais da empresa, que possuam mais de um empregado ou que tenham ou sejam sócios de outras empresas também não podem participar. Ao formalizar o seu negócio, o microempreendedor terá direito a salário-maternidade, auxílio-doença, aposentadoria por idade, aposentadoria por invalidez e a família ficará protegida com pensão por morte e auxílio-reclusão. Além disso, os trabalhadores poderão pagar menos impostos do que como pessoas físi- cas e ter acesso a crédito nos bancos públicos. O microempreendedor que aderir ao programa terá de recolher os tributos mensalmente, sem precisar pagar a contabilidade e nem emitir nota fiscal. A taxa mensal irá variar entre R$ 51,15 e R$ 57,15, incluindo os impostos federais, estaduais e municipais. De acordo com o ministério, R$ 51,15 será o valor da contribuição previdenciária, R$ 5 de Imposto sobre Serviço (ISS) para a prefeitura (caso o empresário seja um prestador de serviço) e R$ 1 de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviço (ICMS) para o governo estadual (caso a pessoa atue na indústria ou no comércio). A previsão é de formalizar a situação de mais de 11 milhões de brasileiros. No estado de São Paulo, a meta do governo é legalizar, até 2010, 10% dos cerca de 3,2 milhões de microempreendedores informais. Para se tornar um Microempreendedor Individual, o trabalhador pode se cadastrar gratuitamente pela internet, no Portal do Empreendedor . As dúvidas poderão ser respondidas pelos telefones 135 da Previdência Social. Créditos: Divulgação PMPA Quadras da Praça Alexandre Záchia serão revitalizadas No final da tarde do último dia 4, a Secretaria Municipal de Esportes, Recreação e Lazer (SME) firmou convênio para a revitalização de todo o módulo e as quadras esportivas da praça Alexandre Záchia, localizada no bairro Cristal. Participaram da reunião com o secretário de Esportes, José Edgar Meurer, o presidente da praça, Ricardo Angelini, Aida Brito representando a Assessoria Comunitária da Secretaria Municipal de Segurança, e o presidente da Solidários Humanitários Ajudam Cidades Urbanas e Rurais (SHACUR), Luiz Alberto Júnior. O secretário José Edgar Meurer, e o presidente da SHACUR assinaram o convênio que prevê a melhoria na praça. A entidade irá reativar as aulas de dança e yôga, entre outras atividades. O local ainda contará com as artesãs que organizam feiras todos os sábados. Nas quadras de esporte, serão implantadas escolinhas infantis em parceria com o programa Em Cada Campo uma Escolinha, realizado pela SME. Dengue: retomada após férias exige atenção a sintomas Todas as pessoas que viajaram a áreas de risco ou transmissão do vírus da dengue durante as férias de julho devem ficar atentas a eventuais sintomas da doença no retorno a Porto Alegre. Febre alta seguida de pelo menos dois dos seguintes sintomas: dor no corpo, nos músculos, nas articulações, com manchas vermelhas no corpo ou dor no fundo do olho são possíveis sinais da dengue – além das outras duas doenças que têm como vetor o mosquito Aedes aegypti e que começam a ter a circulação confirmada no Brasil – a febre chikungunya e a febre por zika vírus. Áreas como a Região Sudeste do Brasil, em especial São Paulo e Rio de Janeiro, e estados do Nordeste, mantêm a transmissão viral, mesmo com a diminuição dos casos em relação ao outono. Como o inverno no Rio Grande do Sul neste ano apresenta-se atípico, as condições para o desenvolvimento do vetor e do aumento da circulação viral estão favoráveis. Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 48 - Agosto de 2015 5

[close]

p. 6

6 www.geramigos.com.br Reportagem Especial A importância da família na recuperação de Brasil” (BUCHER; Richard, 1988, p.09). Não nos cabe aqui analisar ou refletir sobre os motivos que levam ao uso, abuso ou dependência química, nem discutir sobre políticas públicas que intervenham na distribuição das drogas, descriminalização ou meios eficazes de recuperação. Este artigo trata-se da análise dos dados colhidos junto a um grupo de homens, internos da Casa de Recuperação Nova Vida, dados esses que demonstraram a real motivação pela busca de recuperação. Conforme escreveu Bucher (1998, p. 78) “Quando o drogado se decide por procurar uma ajuda terapêutica, pode-se presumir que a sua motivação contenha um desejo de mudança e de libertação das drogas”. Apesar de toda instabilidade emocional perceptível nos internos, o desejo de mudança sobrepunha as dificuldades. Parece que cada novo dia buscando recuperação trazia consigo uma força renovadora que alicerçava o processo tão doloroso que pode ser a recuperação. Segundo relatou Gikovate (1992, p.70) “Quando um drogado decide se livrar do vício, ai sim ele passará por uma das experiências mais complicadas e dolorosas que se pode ter na vida. Ai sim ele terá de crescer tudo que não cresceu antes”. No projeto realizado sobre o tema: “O que levam os dependentes químicos a procurarem ajuda”, podemos pesquisar quais as reais dificuldades que um adicto encontra na busca pela recuperação, mas principalmente através dessa pesquisa foi possível descobrir com as análises de dados colhidos por meio de questionários e entrevistas as motivações que conduziram e mantiveram os internos da Casa de Recuperação Vida Nova no processo de recuperação por meio de internação. Resultado Os motivos que levaram os internos da Casa de Recuperação Nova Vida procurar ajuda são diversos, mas de acordo com os questionários aplicados em nossa pesquisa o que mais influencia na tomada da decisão é realmente a família, dado que pode ser conferido através do gráfico abaixo relacionado à pergunta de número quatro do questionário: 4 - A que você atribuiu a sua busca pela recuperação? Pesquisando sobre a que atribuem a busca pela recuperação, percebemos que não é nada fácil aceitar que é preciso ajuda, O uso de drogas tem um impacto enorme nas relações sociais e familiares do usuário, portanto para que haja uma possível recuperação, a família é parte fundamental. Podemos afirmar que a família é a motivação para um interno ir além da sua busca, mesmo quando se quer desistir, ela é um ponto de equilíbrio e sustentação, é uma partida para um convívio social saudável. O presente artigo descreve um material elaborado, o qual consistiu em entrevistas, questionários, atividades e gincanas de superação, que foram todos direcionados aos internos que se recuperavam na Casa de Recuperação Vida Nova. O objetivo principal des- ta matéria é ressaltar acima de tudo a importância da família, que muitas vezes se culpam, negam ou se escondem, pois o uso de drogas em seu contexto é uma problemática a mais, porém quando o indivíduo em recuperação vê que apesar de tudo o respaldo da família acontece, busca um melhor tratamento. Referencial A problemática do consumo de drogas no país vem crescendo. Sendo já conhecido que entre as drogas, o álcool é a de maior uso entre os brasileiros. Segundo Duarte e Formigoni (2011, p. 52), em 2005 os dados de um “levantamento apontaram que 12,3% das pessoas com idades entre 12 e 65 anos eram dependentes do álcool”. Os estudos também demonstram o consumo de drogas em faixas etárias cada vez mais precoces. Um conjunto de fenômenos que envolvem o comportamento, a cognição e a fisiologia é o que chamamos de Dependência Química. “Os fenômenos de droga angustiam os pais, preocupam os educadores, interpelam as autoridades, fascinam os jovens. Muitas vozes se levantam para condenar o seu uso, para exigir medidas repressivas mais enérgicas; para punir os grandes traficantes, para doutrinar a juventude para estabelecer programas preventivos... Mas o consumo de drogas continua a alastrar-se pelo mundo, a alastrar-se pelo QUADRA 7 CAMPO NOVO Acesse notícias diárias da sua região em: Quadra society grama sintética e natural, sede com bar, churrasqueira, estacionamento e ótimo ambiente Est. Cristiano Kraemer, 2880 Fone: 9296 8961 / 8507 3036 Créditos: Divulgação Web Compartilhe essa ideia! AV JUCA BATISTA ,2154 | FONE: 3246.7307 RUA BECO DO PALADINO , 77 | FONE: 3245.3245 Av. Edgar Pires de Castro, 2260 - Telefone: 3062-3451 6 Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 48 - Agosto de 2015

[close]

p. 7

Reportagem Especial www.geramigos.com.br 7 dependentes químicos alguns por insistência de amigos, outros poucos por vontade própria e a maioria segundo as respostas obtidas por incentivo dos familiares. Porém, mesmo com esse incentivo o que mais acontece é que a grande maioria quando decidem se tratar passa por sérias dificuldades. O estado em que se encontravam era degradável, viviam como mendigos, chegando a roubar, espancar e até matar inocentes em busca de dinheiro ou objetos para sustentar o vício. Nessa fase é comum o aparecimento de transtornos psíquicos e comorbidades. O dependente químico chega ao local de reabilitação com seu estado emocional bem debilitado, e suas características comportamentais podem incluir a irritabilidade, agressividade, mentiras, diminuição dos cuidados como, por exemplo, de higiene, perda de valores, depressão, síndrome do pânico, esquizofrenia, entre outras. Seu estado físico é também debilitado, ocorre a perda das habilidades motoras, percepção, diminuição da atenção, concentração, memória, alteração do fígado, pulmões, estômago e danos cerebrais. Conforme Papalia (2006, p.453). “O uso pesado da maconha pode danificar o cérebro, o coração, os pulmões e o sistema imunológico, sua fumaça geralmente contém 400 carcinógenos.” Foi nítido a todos os alunos que desenvolveram esse projeto que alguns internos manifestavam sintomas de debilidade física consequente das drogas. Como relata Bucher (1988, p. 82) “uma intoxicação aguda pode se traduzir clinicamente em depressão dos centros nervosos comparada à respiratória e coma. Isto pode ocorrer quando se administra uma dose excessiva de álcool, barbitúricos, ansiolítico e opiáceos (morfina e heroína).” Muitos experimentam a síndrome da abstinência que ocorre pelo ato de renúncia do vício, ela pode causar sérias alterações comportamentais e físicas, pode apresentar sintomas como sofrimento mental, sofrimento físico, mal estar e tem níveis com intensidades diferentes. Como relata Duarte e Formigoni (2006, p. 96). Os principais sintomas de abstinência podem variar de intensidade, desde um leve nervosismo ou irritação, insônia, sudorese (aumento da transpiração), diminuição de apetite e tremores, podendo chegar a um quadro muito grave com febre, convulsões e alucinações (o chamado “delírio tremens” – que não deve ser confundido com simples tremores, também comuns nas fases iniciais da síndrome de abstinência). Os transtornos podem mudar o comportamento da pessoa e esse comportamento pode ser mal interpretado pelos familiares que muitas vezes chamam de “má vontade” ou “falta de vergonha”. Por isso a informação se torna uma arma importante para as famílias. Um dependente lançado a mercê da sorte, sem o apoio da família terá suas chances de recuperação diminuídas consideravelmente. Por outro lado, quando a família não busca uma melhor compreensão sobre a dependência química e recuperação, sua participação no tratamento fica limitada. O dependente viveu muitas situações de trauma que ainda estão presentes e a confiança em si não existe mais. É preciso primeiro recuperar a confiança do indivíduo para então começar a fazê-lo entender a importância de estar ali. A família quase sempre não está preparada para a situação, está desestruturada, cansada, chegaram à exaustão física e psíquica, porém sabem que ainda é preciso lutar. Muitas vezes esses familiares podem ser diagnosticados com uma patologia chamada co-dependência, que não nos cabe aqui relatar tendo em vista que os estudos que deram origem a essa matéria foram aplicados sobre os internos em tratamento e não sobre os familiares, porém é necessário buscar ajuda e orientação com profissionais da saúde, clínicas com regime de internações, grupos de ajuda, etc. Os familiares sabem que são eles que ainda representam o porto seguro daquela pessoa e que precisam estar ali presente e ativos na sua recuperação. Muitos fatores relacionados a problemas sociais, psicológicos e biológicos podem desencadear o abuso das drogas e a dependência química. É a família quem primeiro encoraja o usuário a se tratar, e mesmo a beira do “precipício” está lá como forma de motivação. Muitas vezes o dependente não consegue entender o quanto a família o quer bem e recuperado, mesmo que ela tome partido da situação a fim de ajudá-lo. Apesar de serem muitas vezes as pessoas que mais sofreram com a dependência química do interno, os laços de amor fraternal são em muitos casos maiores que as lembranças de destruição. Para Lopes (1996, p. 78): A família tem um papel de destaque no processo de recuperação do dependente, buscando impedir que o problema avance e auxiliando no tratamento mais adequado para a situação. Em alguns casos, isto torna-se particularmente difícil pela fragilidade com que todos os seus membros chegam a este ponto. Portanto, apesar de toda dificuldade que cerca o problema da dependência química e suas implicações no contexto familiar, identifica-se como fator primordial a participação dos familiares bem como a ajuda na manutenção da recuperação. O processo de recuperação deve levar toda a vida tendo como alicerce o forCréditos: Divulgação Web talecimento dos laços de amor saudável entre dependente em recuperação e familiares. Conclusão Concluímos segundo as análises dos dados e depoimentos durante a aplicação do projeto, que o apoio da família é fundamental para o processo de recuperação. A busca solitária pela recuperação segundo a bibliografia analisada pode recorrer em muitas recaídas, fracassos e por fim a desistência da recuperação. Para os internos da Casa de Recuperação Nova Vida seus familiares desempenham um papel essencial no seu tempo como internos. Os motivos subjetivos pelos quais os internos responderam ao questionário afirmando o papel das famílias podem ser os mais variados como culpa pelo passado, questões relacionadas a desestrutura familiar, necessidade de aceitação, entre outros, porém fica evidente que dentre as muitas faces que a recuperação da dependência química engloba, a participação da família é fundamental. Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 48 - Agosto de 2015 7

[close]

p. 8

8 www.geramigos.com.br Bairros Ambientalistas questionam mega-empreendimento em Belém Novo lisar apenas um empreendimento de forma isolada? Ou devemos analisar como um todo?”, questionou. “O mesmo vale para o Estudo de Impacto Ambiental, que é muito limitado e não abrange a área inteira. Se aterrarmos aquela área, para onde vai essa água que está ali acumulada? Vão alagar os vizinhos que não moram no condomínio?” Conselheira da Região de Planejamento 8, do Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano e Ambiental (CMDUA), Rosane de Marco afirmou ser favorável ao empreendimento. “Desde que sejam cumpridas as restrições apresentadas e as demais demandas de urbanização apresentadas pela comunidade.” Já Eduardo Cezimbra, morador de Belém Novo, reclamou que a zona sul vem sendo invadida pelo concreto e pelo rolo compressor do progresso econômico. “A bolha imobiliária não consegue parar. A falta de planejamento criou o caos no trânsito. E projetos como este promovem a gentrificação.” Créditos: Divulgação CMPA A construção de condomínios de alto padrão na Fazenda Arado Velho, que fica no bairro Belém Novo, na zona extremo-sul da Capital, foi tema de discussão na Comissão de Saúde e Meio Ambiente (Cosmam), na manhã desta terça-feira (11/8). Estiveram presentes na Câmara Municipal de Porto Alegre representantes do Executivo e de entidades em defesa do meio ambiente. Previsto para ser implantado numa área de mais de 420 hectares, o Empreendimento Urbanístico Fazenda do Arado deve contar com cerca de 1,2 mil imóveis. No entanto, Felipe Viana, do Instituto Amigos da Terra Brasil, lembrou que um projeto que tramita na Câmara altera o regime urbanístico na região, autorizando a construção de até 2,3 mil habitações. Ele também apresentou um vídeo com cenas aéreas da região e disse que parte do empreendimento está dentro de uma área de proteção primária. E apontou alguns problemas no estudo de impacto ambiental aprovado. “Existe um projeto tramitando para recriar a Zona Rural em Porto Alegre. Mas, por causa desse empreendimento, a Zona Rural já perderia cerca de 100 hectares”, ressaltou. Questionou, ainda, o impacto causado pelo empreendimento numa área com densa vegetação e banhados. “Qual a metodologia usada para provar que as áreas úmidas não são banhados? E qual a estimativa de aterro da área?” Pelo Centro Acadêmico da Engenharia Ambiental da UFRGS, Iporã Brito Possantti lembrou que os campos de várzea são considerados banhados sazonais. “Os banhados permanentes ficam na beira do Guaíba, mas os campos úmidos são sazonais, ou seja, ecologicamente são banhados e, como tais, são habitat de espécies de banhado.” A engenheira agrônoma Claudia Steiner lembrou que já existe o Terraville na região. “Agora teremos esse outro, e assim por diante. Vão seguir abrindo as portas para novos empreendimentos. Do ponto de vista urbanístico e de desenvolvimento, será que é válido ana- dades habitacionais por hectare. Além disso, a Secretaria de Urbanismo propôs uma diretriz para que seja criada uma espécie de barreira para o crescimento desordenado da cidade em direção ao sul do território.” Falando pela Profill Engenharia e Ambiente, Juliana Taret ressaltou que os estudos para identificar as áreas mais propícias começaram em 2010. “Esta gleba tem características importantes de preservação ambiental. Dos 426 hectares, cerca de 140 hectares são de morros e de uma Reserva Particular de Patrimônio Natural (RPPN), que não serão mexidos. A estimativa que temos é de que apenas 16,4% da área será aterrada”, comentou. Representando a Arado Empreendimentos Imobiliários, Taufil Neto garantiu que a intenção é preservar a maior parte da área. “Nosso projeto é calcado em análises técnicas realizadas pela própria Prefeitura.” Executivo O diretor-geral-adjunto Ronaldo Napoleão salientou a importância do empreendimento para o Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae), que pretende construir uma nova estação de tratamento de água numa área do loteamento que será doada ao Dmae. “A estação de tratamento de água que temos no bairro Belém Novo está no limite. Temos projeto para construir uma nova estação com capacidade para 4 mil litros por segundo. É uma questão estratégica, pois vai atender a 11 bairros, inclusive a Lomba do Pinheiro”, afirmou. O engenheiro agrônomo Paulo Jardim, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Smam), revelou que não acompanhou o processo desde o início. “Sei que o estudo de impacto ambiental tramitou em várias secretarias e foram estabelecidas uma série de restrições até chegar ao aceite”. Segundo ele, a etapa agora é do Estudo de Viabilidade Urbanística (EVU). “Para isso, é necessário também a aprovação de um projeto de lei que altera o regime urbanístico. Ou seja, o empreendimento ainda não tem licença prévia, pois não existe um detalhamento de como será feita a ocupação dos locais dentro do condomínio. Mas as restrições ambientais já estão lançadas para que o empreendimento cumpra.” Vereadores A vice-presidenta da Cosmam, vereadora Jussara Cony (PCdoB), salientou que discussão sobre o empreendimento não começou agora e não deve terminar tão cedo. “Todas as lideranças partidárias entenderam que devemos aprofundar mais o debate.” A vereadora também lembrou que existe uma comissão especial tratando do projeto de recriação da zona rural. “Esta é uma questão que precisa ser avaliada de forma integrada. O parecer dessa comissão especial será importante para a cidade.” O presidente da Cosmam, vereador Marcelo Sgarbossa (PT), acrescentou que uma visita ao local foi marcada para o dia 21 de agosto. “Todos os vereadores estão convidados.” Também participaram da reunião os vereadores Dr. Thiago Duarte (PDT), Kevin Krieger (PP) e Mario Manfro (PSDB). Empreendedores Rudy Fork, fundador da Fork Projetos (escritório responsável), afirmou que o empreendimento será construído dentro de uma área de ocupação rarefeita. “Todas as situações são de baixa densidade e atendem as diretrizes do Plano Diretor, pois teremos cinco uni- Autorizado início das obras da última fase do viaduto São Jorge As obras da última fase do viaduto São Jorge, no cruzamento das avenidas Aparício Borges e Bento Gonçalves, terão início em uma semana. A Prefeitura recebeu do Estado, no último dia 14, a liberação de área pertencente à Brigada Militar para o alargamento da via lateral (sentido Norte-Sul) do viaduto. Com isso, será possível o acesso de veículos que vêm da Bento Gonçalves para a zona Sul. A cedência também envolve área da Brigada Militar para a abertura de rua que irá permitir o acesso de quem se desloca da zona Norte pela Terceira Perimetral e tem como destino a zona Leste pela avenida Bento Gonçalves. Com acesso à rua Manoel Vitorino, esta nova via terá cerca de 70 metros. As negociações para a cedência da área duraram cerca de quatro anos, desde o projeto inicial do viaduto. “Agora resolvemos este último obstáculo. É uma pequena área de terra, mas tem um importância fundamental e de grande impacto na mobilidade”, disse o prefeito José Fortunati. Ele esteve no local acompanhado do secretário de Gestão, Urbano Schmidt e, pelo Governo do Estado, do secretário-geral, Carlos Burigo, do adjunto da Segurança, Alciomar Goersch, e do comandante-geral da Brigada Militar, coronel Alfeu Freitas Moreira. Também estavam presentes técnicos e topógrafos que já deram início à medição. Histórico – Essa é tida como a terceira e última fase de construção do viaduto São Jorge. A primeira etapa foi entregue no dia 26 de março deste ano, para a circulação de veículos. Com 540 metros de extensão, seis faixas de tráfego, rampa com declividade de 8% para veículos e de 6% para corredor de ônibus, garante maior fluidez aos cerca de 90 mil veículos que fazem o trajeto entre as zonas Norte e Sul. A segunda fase, a alça para acesso aos ônibus, foi entregue em 1º de junho. Pelo nível circulam quatro linhas de transporte coletivo que fazem o trajeto entre as zonas Norte e Sul. 8 Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 48 - Agosto de 2015

[close]

p. 9

Bairros www.geramigos.com.br 9 Mutirão Tapa-Buraco já utilizou 587,5 toneladas de asfalto sete dias, foi de R$ 336.892,50. Com base nas planilhas do balanço, o titular da Smov, Mauro Zacher, destaca que as condições das vias são diversas, com mais ou menos buracos e tamanhos diferentes. "Essa diversidade demanda, muitas vezes, que a equipe retorne a uma mesma via, porém em trechos diferentes”, afirma, satientando que é preciso levar em conta ainda que buracos maiores necessitam de maior preparo e tempo para a manutenção. “As equipes estão empenhamais de 150 roteiros em aveni- das em ter a máxima agilidade, das e ruas da Capital. O trabalho dentro das condições técnicas previsto para ser executado em encontradas e seguindo a lógi40 dias deve seguir até o início ca de priorizar as vias de maior de setembro. Em caso de mau intensidade de fluxo”, afirmou. tempo, que impeça o trabalho Entretanto, Zacher garante que das 12 equipes que estão em ati- as ruas secundárias serão atenvidade, esse prazo pode ser am- didas assim que possível. O mutirão Tapa-Buraco pliado. O custo do trabalho, nos funciona em forma de rodízio de um número maior de equipes nas regiões da cidade. As regiões Centro e Leste estão unificadas e somam-se às regiões Norte e Sul. Conforme o balanço, os maiores problemas concentram-se na Centro/ Leste e Sul. Entre as principais avenidas e ruas que já receberam a manutenção do mutirão estão a Mauá, Júlio de Castilhos, Ipiranga, Getúlio Vargas, Borges de Medeiros, Osvaldo Aranha, Protásio Alves, Bento Gonçalves, Sertório, Benjamin Constant, Cristóvão Colombo, Nilo Peçanha, Bernardino Silveira Amorim, Wenceslau Escobar, Cavalhada, Juca Batista, Nilo Wulff, Edgar Pires de Castro e Estrada Belém Créditos: Divulgação PMPA Um balanço parcial do mutirão Tapa-Buraco, realizado pela Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov) para minimizar os efeitos da chuva na pavimentação das vias de Porto Alegre, aponta que já foram utilizadas, entre os dias 23 e 29 de julho, 587,5 toneladas de asfalto em Velho, entre outras. A população pode informar a localização de vias com necessidade de manutenção. As comunicações devem ser feitas pelo telefone Fala Porto Alegre - 156, canal para oficializar a demanda, auxiliando a equipe técnica na vistoria e no mapeamento dos locais com buracos. Também é possível utilizar a a ferramenta de gestão pública participativa Colab (no site www.colab.re ou pelo aplicativo disponível nas versões Android e iOS). Créditos: Divulgação PMPA O Minha Casa, Minha Vida realizou o sonho da casa própria de mais de 9.700 famílias na capital. Já são 186 mil moradias entregues no Estado. Na saúde, 120 profissionais do Mais Médicos beneficiam 400 mil pessoas. E 380 mil recebem medicamentos gratuitos para asma, hipertensão e diabetes. Na educação, mais 1.200 vagas no ensino técnico com o câmpus Restinga. E o Pronatec beneficia, com qualificação profissional, 60 mil jovens e trabalhadores. Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 48 - Agosto de 2015 9

[close]

p. 10

10 www.geramigos.com.br Tecnologia Removendo Hao123, Ask, Babylon e pragas similares do navegador sinstalação. Seja persistente. Alguns destes programas tentam dissuadi-lo da desinstalação com truques como um botão de confirmação um pouco escondido. Não se deixe enganar por tais artifícios. Se você puder, utilize o Revo Uninstaller. O programa complementa a desinstalação normal do programa fazendo também uma limpeza no registro do Windows e detectando outros arquivos que permaneçam na máquina depois da remoção do programa. Passo 2: Limpe seu navegador Procure por extensões que não deveriam estar instaladas no seu browser. No Chrome, isso pode ser feito entrando em Configurações e Extensões. Se achar algo de que não gosta, clique no ícone da lata de lixo para remover. Já no Firefox, isso pode ser feito entrando em Complementos e Extensões. Clique em Excluir para desinstalar algo que não deveria estar lá. Passo 2,5: Restaure as configurações do seu navegador Se nada deu certo, você pode limpar todas as configurações e extensões do seu navegador. No Firefox, isso pode ser feito pressionando o botão indicado na imagem abaixo. Selecione a opção Dados para suporte e clique no botão Restaurar o Firefox. No Chrome, você precisa acessar a área de Configurações e pressione Mostrar configurações avançadas. Role a página até o último item, e pressione o botãoRedefinir configurações. Passo 3: Limpe os atalhos Essa é uma das maiores pegadinhas. Você pode remover os programas, mas ao abrir o seu navegador por meio de um atalho, sua página inicial ainda será a que o software definiu. É recomendável apagá-los e criar novos. Passo 4: Faça uma varredura contra esse tipo de software Este tipo de programa, chamado “Adware”, pode ser detectado e removido por algumas ferramentas específicas. Uma delas é o AdwCleaner, especializado neste tipo de praga. O programa é bem fácil de usar e pode ser baixado por este link: https://toolslib.net/ downloads/viewdownload/1-adwcleaner/ (sem Hao123 :p). Depois de instalar, é só pressionar Verificar para checar se há algum resquício do programa que você quer desinstalar. Depois da varredura, selecione os itens que gostaria de remover e clique em Limpar. Infelizmente, a web é traiçoeira. Fazer downloads no Windows é um campo minado: você nunca sabe quando será pego de surpresa ao instalar um programa que traz consigo outro indesejado (ou mais). Hao123, Ask, Babylon são grandes exemplos, mas há muitos outros. Eles tentam se esconder no instalador de programas legítimos e, quem não está atento, infelizmente, acaba levando a pior. Na maior parte do tempo esses programas não são maliciosos, apesar da maneira pouco ética que usam para se instalar em seu computador. No entanto, eles podem atrapalhar sua conexão com a internet, reduzir o desempenho do seu PC e tudo mais. Resumindo: não é uma boa ideia deixá-los instalados. Portanto, veja como removê-los da sua máquina. Passo 1: Tente a desinstalação normal Alguns desses programas não são tão traiçoeiros quanto parecem. Tente o procedimento normal de desinstalação entrando em Painel de Controle e em Desinstalar um programa. Escolha o software que deseja remover e prossiga com a de- CURSOS DE INFORMÁTICA E PROFISSIONALIZANTES ATENDEMOS ALUNOS DE 9 A 90 ANOS Assistência Técnica: Notebooks / Impressoras / Computadores Internet / Redes / Wireless / Remoção de Vírus Lan House / Recarga de Cartuchos AV. JUCA BATISTA, 2203 - IPANEMA 3250.3013 8111.9232 9503.1831 9437.5847 10 Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 48 - Agosto de 2015

[close]

p. 11

Bairros www.geramigos.com.br 11 História do bairro Cascata De vido à criação da Companhia Carris Ur b a n o s , em 1893, aconteceu o reordenamento das linhas de transporte na cidade. Assim, os bondes do Cascata, então tracionados por burros, eram carros que, segundo relato da época, “poderiam andar para frente e para trás, mudando-se apenas os animais de lugar”. A principal via de acesso ao bairro era a antiga Estrada de Belém, que ligava a região central de Porto Alegre à povoação de Belém Velho, fundada por volta de 1830. Depois de ter vários nomes (Estrada da Cascata, Avenida Cascata), finalmente a via foi rebatizada com o nome de Avenida Professor Oscar Pereira, ex-diretor do Sanatório Belém, que tratava tuberculosos. O povoamento do local se acelerou a partir das décadas de 50 e 60, com a abertura de novos acessos à região (vindos do que hoje são os bairros Vila Nova e Belém Velho), bem como pela instalação de meios de transporte mais eficientes e abrangentes, penetrando pelos morros mais íngremes, atendendo a uma das mais freqüentes reclamações dos moradores do bairro. A essa altura, a ocupação, antes restrita às cercanias da Avenida Prof. Oscar Pereira, passou também a ocorrer nas encostas dos morros da Polícia e do Cascata, através do loteamento dessas áreas. O bairro Cascata foi criado pela lei 2681, de 21 de dezembro de 1963, onde boa parte de seu território era conhecida como Glória. Assim, este bairro recém criado tinha uma estreita relação com os demais que formavam a Grande Glória (Glória, Medianeira e Coronel Aparício Borges). Ainda que haja atualmente no Morro da Polícia uma atividade turística, com trilhas que proporcionam aos visitantes imagens panorâmicas de toda a região sul de Porto Alegre e uma visão geral do Guaíba, sua exploração econômica (seja pela instalação de pedreiras, hoje já desativadas, seja pela implantação de antenas de TV) tirou um pouco do aspecto tranqüilo e campestre do bairro. A origem do nome “Cascata” é baseada, provavelmente, pelo relevo montanhoso da região, fazendo com que os arroios que nascem nos morros tenham várias pequenas cascatas, como o Arroio Águas Mortas, que surge no Morro da Polícia e desce em direção ao sul, para a Avenida Prof. Oscar Pereira. Posteriormente, este arroio passou por um processo de canalização fechada, salvando-o de problemas de poluição que começavam a se avolumar, devido à progressiva ocupação de suas margens e o depósito de dejetos em seu leito. O relevo da região garante, também, o posto de um dos bairros mais altos de Porto Alegre, pela presença dos morros da Polícia (286 metros), do Cascata (267 metros), além de ser circundado pelos morros do Pelado (298 metros) e da Pedra Redonda (279 metros), Dessa forma, a hidrografia do bairro é bastante marcante, com arroios que partem do Morro Pelado e correm em direção aos bairros Coronel Aparício Borges e Partenon, assim como outros que vão em direção sul, nascendo no morro da Polícia e indo em direção noroeste, passando por Glória e Medianeira. Referências bibliográficas: FRANCO, Sérgio da Costa. Porto Alegre: Guia histórico. Porto Alegre: Ed. da Universidade/UFRGS, 1992. JOBIM, Douglas Jefferson dos Santos. Movimento popular da Grande Glória. Série depoimentos. Porto Alegre: Unidade Editorial UE/Secretaria Municipal da cultura, 2000. VILARINO, Maria da Graça e NUNES, Marion Kruse. Carris 120 anos. 2ª edição, Porto Alegre: Unidade Editorial EU/ Secretaria Municipal da Cultura, 1992. Conheça o nosso Plano de Negócios e Gestão em petrobras.com.br/png OTIMIZAR INVESTIMENTOS. FOCAR EM RESULTADOS. SEGUIR EM FRENTE. — Continuamos avançando em direção ao futuro. Divulgamos o Plano de Negócios e Gestão 2015-2019. Diante do cenário atual da indústria mundial de óleo e gás revisamos nossas metas para gerar valor aos acionistas. Vamos investir US$ 130,3 bilhões até 2019 e chegar à produção de 2,8 milhões de barris de petróleo por dia no Brasil em 2020. Estabelecemos prioridades, otimizamos investimentos e estamos focados nos resultados. Seguir em frente é o que a gente faz. Todos os dias. Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 48 - Agosto de 2015 11

[close]

p. 12

12 www.geramigos.com.br Educação Esta Escola é o Bicho retoma palestras em agosto que temos com nossos animais de estimação e, principalmente, ouvimos tudo o que os alunos têm a dizer” explica. Sempre surgem dúvidas, eles querem saber sobre o certo e errado, relatam casos de maus tratos com os animais e se emocionam com o vídeo do "Fulaninho", um cão abandonado nas ruas de uma cidade. “Ao final de cada encontro, distribuímos material para expressarem o que assimilaram na apresentação. E aí somos nós a viver a emoção de desenhos e frases carinhosas em relação a seus bichos de estimação”, Créditos: Divulgação PMPA Com o final do período de férias nas escolas municipais, a Secretaria Especial dos Direitos Animais (Seda) retomou, a partir do último dia 3, o programa Esta Escola é o Bicho. A agenda de agosto está com todas as datas ocupadas o que, segundo a coordenadora pedagógica Tathiana Jaeger, demonstra a boa aceitação das palestras. “Apresentamos as responsabilidades afirma Tathiana. No primeiro semestre deste ano, a Seda ampliou a atuação do programa, ao promover um curso inédito para a formação de professores em educação humanitária voltada ao bem estar animal. “Nossa proposta é ampliar o que se faz hoje, levando experiências que asseguram, inclusive, a presença de animais em sala de aula, como reforço pedagógico”, cita Tathiana. Em três sábados, a iniciativa realizada em parceria com a Secretaria Municipal da Educação (Smed) apresentou trabalhos inovadores, aspectos jurídicos e práticos sobre o tema. “Com certeza voltaremos a esta iniciativa, ampliando o alcance destas palestras”. COM 40 ANOS DE MERCADO POR R$ 45 MIL. BOM FATURAMENTO, LOCALIZADA EM AVENIDA NA ZONA SUL DE PORTO ALEGRE. TRATAR COM ROBERTO: VIDRAÇARIA VENDO (51)9338.3865 Acesse notícias diárias da sua região em: www.geramigos.com.br Curta nossa fanpage no Facebook: /JornalGerAmigos SALGADINHOS P/ FESTA R$ 29,00 O CENTO MACEDO Estrada do Lami, 517 Filial Belém Novo: PROMOÇÃO DE TORTAS!!! MINI MÉDIA GRANDE R$ R$ 16,80 R$ 31,80 41,80 Av. Heitor Vieira, 579 tel.: 3508-6658 Criação e desenvolvimento de sites! Tenha um site inteiramente seu para divulgar seu negócio, marca, empreendimento e tornar-se visível na Web! Soluções completas para você e seu negócio: cuidamos da parte de registro de sites, hospedagem e mídias sociais! Em 5 etapas simples: Briefing com o cliente Criação do layout Codificação para a web Programação e banco de dados Checklist e fase de testes Utilize ferramentas de uso prático e simplificado em qualquer lugar e dispositivo! Ligue e consulte condições: (51) Com a confiança e credibilidade: 3026-8445 12 Jornal Geramigos Zona Sul - Ano 5 - Edição nº 48 - Agosto de 2015

[close]

Comments

no comments yet