Boletim Municipal #28 | Município de Pampilhosa da Serra

 

Embed or link this publication

Description

Atividade Municipal de Julho de 2012 a Janeiro de 2013

Popular Pages


p. 1

festas do Concelho inauguração do Villa Pampilhosa Hotel novo Mapa Judiciário Reforma da Administração Local distribuição gratuita dezembro de 2012

[close]

p. 2

ÍNDICE vias municipais e arruamentos saneamentos e águas proteção civil, ambiente e floresta projetos e obras destaque cultura turismo educação ação social desporto 04. 06. 06. 08. 10. 16. 24. 28. 36. 40. FICHA TÉCNICA DIRETOR :: José Alberto Pacheco Brito Dias (Presidente da Câmara Municipal) EDIÇÃO E PROPRIEDADE :: Câmara Municipal da Pampilhosa da Serra Rua Rangel de Lima 3320-229 Pampilhosa da Serra Telefone_ 235 590 320 / Fax_ 235 590 329 municipio@cm-pampilhosadaserra.pt www.cm-pampilhosadaserra.pt COORDENAÇÃO :: Alexandra Tomé FOTOGRAFIA :: Arquivo Fotográfico da C.M. Pampilhosa da Serra Colaboração especial de José Olivença PROJETO E DIREÇÃO DE ARTE :: Gustavo Brás COPYDESK :: Câmara Municipal de Pampilhosa da Serra IMPRESSÃO :: VigaPrintes / Imagem e Impressão Digital, Lda. TIRAGEM :: 4000 exemplares PERIODICIDADE :: Semestral BOLETIM MUNICIPAL :: #28 / dezembro 2012 DEPÓSITO LEGAL :: 189189/02 DISTRIBUIÇÃO GRATUITA 02

[close]

p. 3

EDITORIAL Caros amigos pampilhosenses e prezados leitores, Atendendo à realidade conjuntural do país e às situações concretas do território concelhio, urge promover e reforçar algumas medidas de apoio direcionadas às famílias pampilhosenses. Nesse sentido, a autarquia através do programa municipal “A Minha Primeira Ajuda”, criado em 2008 no âmbito das “Comemorações dos 700 Anos” com a atribuição de 700 euros por nascimento, pretendeu apoiar a natalidade no concelho e paralelamente o comércio local. Este valor foi sendo reforçado em anos sucessivos, tendo em 27 de novembro último sido deliberado em Reunião de Câmara o aumento do valor a atribuir por nascimento para 1.500 euros. Foi ainda contemplada uma majoração para o nascimento do terceiro filho, com a atribuição de 5.000 euros repartidos por três anos. Estes montantes, destinados a produtos exclusivamente para bebés, são atribuídos através de vales a descontar nos estabelecimentos concelhios aderentes ao programa, bem como nas IPSS do concelho, promovendo por um lado a economia local e por outro o apoio às famílias no pagamento das mensalidades de creche. A esta medida juntam-se muitas outras, que reforçam a atenção especial que o Município tem mantido na sua atividade, como é o caso da oferta dos manuais escolares a todos os alunos do Agrupamento de Escolas, do 1.º ao 12.ºano; o apoio na alimentação e transportes escolares; o Prémio aos Melhores Alunos e ainda a atribuição de Bolsas de Estudo aos alunos que ingressem no ensino superior. Sempre atento às pessoas, e preocupado com a criação do novo mapa judiciário, o Município tem vindo a acompanhar desde o seu início a Reforma Judiciária preconizada pelo Governo. A proposta inicial desta reforma previa o encerramento do nosso Tribunal, intenção que rapidamente repudiámos e fizemos chegar ao conhecimento do Senhor Primeiro Ministro. Da extinção e encerramento inicialmente previstos passou-se para a extinção da Comarca de Pampilhosa da Serra, integrando a Secção da Lousã e a Comarca de Coimbra, mantendo-se em funcionamento o nosso Um abraço Justiça deverá também ser feita ao Villa Pampilhosa Hotel que em 9 de novembro de 2012 formalizou a sua abertura com a inauguração de um dos investimentos privados de maior impacto no nosso concelho. O reconhecimento do valor deste empreendimento ficou bem evidente com as presenças da Senhora Secretária de Estado do Turismo e do Senhor Secretário de Estado da Administração Local e Reforma Administrativa que, nas intervenções que proferiram na cerimónia de inauguração, frisaram a importância do turismo no desenvolvimento do território local e na constatação da riqueza paisagística e da diversidade de recursos naturais que o nosso concelho detém. A marca “Pampilhosa da Serra Inspira Natureza” que o Município tem vindo a promover ao mais alto nível, tem agora uma oferta de excelência que começa a captar novos segmentos de turistas e visitantes e consequentemente a abrir o nosso território a novos segmentos de mercado. Quero por último expressar a minha satisfação pelo reconhecimento que Pampilhosa da Serra está a alcançar ao nível externo e salientar a importância dos agentes locais que em conjunto reinventam novos caminhos, criam novas soluções e inspiram cada vez mais pessoas! Tribunal como Secção de Proximidade onde, de acordo com a Senhora Ministra da Justiça, os pampilhosenses poderão aceder a todas as especialidades processuais anteriormente de acesso limitado à capital de distrito, como é o caso das matérias no âmbito de Família e Menores, Trabalho e Instrução Criminal. Com a entrada em vigor do novo mapa judiciário, ficará ainda garantida a possibilidade da realização dos julgamentos no nosso concelho, assim as partes o queiram e o juiz o determine. Continuaremos a estar atentos e prontos a defender até ao limite a proximidade da Justiça junto das nossas populações. José Alberto Pacheco Brito Dias Presidente da Câmara Municipal 03

[close]

p. 4

VIAS MUNICIPAIS E ARRUAMENTOS Colocação de calçada e pavimentação de arruamentos em Soeirinho Finalização da construção da nova Estrada Alto do Vidual (casa do Guarda) – Malhada do Rei Selagem da estrada de acesso à Quinta da Mata A “Variante a Vidual de Cima” foi aberta ao trânsito no dia 2 de agosto de 2012, permitindo uma ligação mais célere, segura e cómoda das populações do Norte do concelho e dos concelhos vizinhos da Covilhã e Fundão à sede do distrito, Coimbra. O esforço financeiro realizado pelo Município na execução desta obra, cujo valor final ascendeu a 1.961.506,62 €, revela bem a importância da mesma no contexto das acessibilidades intermunicipais, em paralelo com outras infraestruturas. Pavimentação e colocação de cimento nas ruas danificadas pela substituição da conduta de água em Pescanseco Cimeiro Selagem da estrada de acesso à praia e polidesportivo de Camba Reposição de arruamento em cimento no Brejo de Cima Colocação de lombas redutoras de velocidade em Casal da Lapa Selagem da estrada principal de Praçais Execução de muro, para alargamento de via e sustentação de terras em arruamento da Camba; 04

[close]

p. 5

Alargamento de estrada nos Cavaleiros Reparação da estrada para o cemitério em Carvalho Reparação de arruamento em Folgares Inicio dos trabalhos de retificação da estrada Malhadas da Serra Estrada Nacional 112 Selagem da estrada de acesso à Aldeia Fundeira Pavimentação das ruas danificadas pela substituição de conduta de água em Boiças Limpeza de bermas nas Freguesias de Fajão, Unhais-o-Velho, Dornelas do Zêzere, Janeiro de Baixo, Cabril, Pampilhosa da Serra, Portela do Fojo, Machio e Pessegueiro Arruamentos em Unhais-o-Velho Retificação de estrada para acesso a depósito de água em Padrões Pavimentação de largo em Aradas Pavimentação de rua em Fajão Construção de muro para alargamento de estrada de acesso à ETAR em Armadouro Conclusão da retificação e alargamento da Estrada de Pescansecos – Estrada de Fajão e colocação de tout-venant Pavimentação junto ao polidesportivo da Ponte de Fajão 05

[close]

p. 6

SANEAMENTOS E ÁGUAS Finalização dos trabalhos de substituição das condutas de água em Pescanseco Cimeiro Substituição de ramal de água em Machio de Cima Os recursos naturais asseguram em grande medida a qualidade de vida dos cidadãos, sendo fundamental pensar-se a sua utilização de uma forma sustentável. Tem sido também esta a preocupação do Município nos investimentos que realiza no âmbito da gestão integrada que faz dos recursos que coloca ao dispor da população, onde a água desempenha um papel preponderante. Em permanente melhoria estão também os procedimentos adotados pela autarquia ao nível da recolha seletiva, resíduos sólidos urbanos, saneamento de águas residuais e urbanas, saneamento básico, limpeza de fossas, medidas desenvolvidas pela autarquia sempre no pressuposto de garantir as melhores condições de saúde das populações, aliadas à preservação do meio ambiente. Início da substituição das condutas de água na Mata, e colocação de caixas para contadores em todas as habitações da aldeia PROTEÇÃO CIVIL, AMBIENTE E FLORESTA Colocação de Máquinas de rasto nos incêndios “Floresta Caixa, a tua Árvore, a nossa Floresta” Vigilância de 4 Praias pelos Nadadores Salvadores 06

[close]

p. 7

Início da substituição das condutas de água em Vale Serrão Colocação de aquedutos nos Ribeiros Colocação de meias manilhas na estrada em Carvalho Substituição de ramal de água em Brejo de Cima Execução de novas condutas de água nas Boiças Colocação de aquedutos em Praçais e construção de muro Cada vez mais os riscos coletivos inerentes a situações de catástrofe, implicam a implementação de programas de proteção civil, com atividade de carácter permanente e multidisciplinar, capaz, não só de intervir sempre que necessário, como permanecer atenta à resolução dos problemas do dia-a-dia das populações do concelho. Neste sentido, o município está permanentemente no terreno com equipas de Acompanhamento dos serviços de manutenção no CBTT - - Centro de BTT do Casal da Lapa e percursos, durante todo o Verão sapadores florestais, equipas de trabalhos de manutenção da floresta e das estradas florestais, assim como a desenvolver um conjunto de ações que visam a preservação e melhoria do meio ambiente e proteção da natureza. Trabalhos dos sapadores florestais e equipas de Vigilância florestal 07

[close]

p. 8

PROJETOS E OBRAS Colocação de grades junto à Praia Fluvial de Malhada do Rei Início das obras de requalificação do espaço envolvente ao Cristo-Rei No que se refere à execução de obras no concelho, o Município tem estado permanentemente atento, levando a cabo nas várias freguesias obras que vão desde oportunas intervenções, como remodelações, reparações, construção de muros de suporte, até pavimentações, execução de condutas de água, ou colocação de aquedutos, entre muitos outros exemplos de obras fundamentais para dia a dia das pessoas, contribuindo de uma forma geral para a qualidade de vida das populações. Substituição de paragem de autocarro em Porto de Vacas Apoio à coletividade na construção de instalações de apoio ao recinto de festas na Foz do Ribeiro Colocação de portão nas instalações da Secção de Unhais-o-Velho dos Bombeiros Voluntários Execução de muro na Piscina da Camba Construção de muro de suporte de arruamento em Vale Serrão Apoio na construção de Miradouro em Praçais Apoio na reconstrução de casa turística em Machio de Cima 08

[close]

p. 9

Requalificação de todo o espaço envolvente à Escola do Carregal Construção de muro em Carvalho Apoio nas obras de reconstrução da Capela de Nossa Sr.ª de Lourdes em Cabril Construção do edifício de apoio da Escola de Fajão, para cedência ao Corpo Nacional de Escuteiros Apoio na transformação da antiga escola das Meãs em edifício de turismo rural (apoio à coletividade) Reconstrução de muro em Malhada do Rei Colocação de cimento e alargamento do espaço de apoio ao Lagar do Trinhão Construção de muro de suporte de via principal em Brejo de Cima Construção de muro em Padrões Colocação de aquedutos de grandes dimensões para águas pluviais em Trinhão Obras de reparação do edifício das Piscinas Municipais Apoio na requalificação do telhado da sacristia da Igreja do Cabril 09

[close]

p. 10

DESTAQUE Concerto de David Carreira FESTAS DO CONCELHO 2012 XV Feira de Artesanato e Gastronomia O Município de Pampilhosa da Serra promoveu na Praça do Regionalismo, no centro da vila de Pampilhosa da Serra a XV Feira de Artesanato e Gastronomia, que decorreu entre os dias 14 a 18 de agosto. Foram cinco dias de Programação intensa, com muitas atividades dirigidas às várias faixas etárias de visitantes, assim como mostras, concertos e animação…muita animação! O encerramento das Festas de 2012 decorreram com chave de ouro, com a presença do aclamado e reconhecido artista nacional e internacional Tony Carreira no seu programa. Stand do Município Stand do Município No arranque das festividades, os espetáculos contaram com a presença de David Carreira, que apresentou pela primeira vez o seu espetáculo em Pampilhosa da Serra, no dia 14 de agosto. O artista Pampilhosense encantou com a sua atuação no dia 18 de agosto, com os seus sonhos de menino de uma terra na Beira que o viu nascer. O programa contou também com as atuações de José Malhoa, de vários artistas locais, na noite denominada “Made in Pampilhosa” e ainda a final distrital do Concurso “Achas que sabes cantar?” com a presença da representante Pampilhosense. Expositor da Freguesia de Vidual Expositor da Freguesia de Machio Expositor da Freguesia de Cabril Expositor da Freguesia de Pessegueiro Expositor da Freguesia de Janeiro de Baixo Expositor da Freguesia d 10

[close]

p. 11

Marchas de Pampilhosa da Serra Marchas de Armadouro Patrícia Simões, vencedora distrital do concurso “Achas que Sabes Cantar?” Concerto de Tony Carreira As noites dos dias 17 e 18 trouxeram ainda pela noite dentro duas Dance Party, com a participação de vários de Dj´s, Vacaciones, Humberto Felício - The de Kaviar, Dj Mossy e ainda os No Dj´s, um coletivo da antena 3, constituído por Dj Nuno Calado e Dj Filipe Nabais. comemoraram 15 anos de Feira, recordista em presença de expositores, com mais de 80 artesãos, privilegiando sobretudo artesãos que deram a conhecer ao vivo artes e ofícios, tradições e saberes. A par com o artesanato, os visitantes puderam com insufláveis e programação diversa, disponível ao longo dos vários dias das festividades. O Stand do Município, que esteve presente na FIA, foi a grande novidade deste ano na Feira, tendo possibilitado estabelecer a ponte de visita ao território com milhares de visitantes. A participação das Freguesias foi um marco importantíssimo neste certame e um inequívoco contributo para o seu êxito. A Feira de Artesanato e Gastronomia de Pampilhosa da Serra foi em 2012, ano em que se contar com a presença das tasquinhas de Gastronomia Regional, bem como animação, Expositor da Freguesia de Portela do Fojo Oferta de presente por parte da escola de infantes dos Bombeiros Voluntários ao senhor Presidente do Município José Brito de Fajão Expositor da Freguesia de Pampilhosa da Serra Expositor da Freguesia de Unhais-o-Velho 11

[close]

p. 12

DESTAQUE INAUGURAÇÃO DO VILLA PAMPILHOSA HOTEL **** DISCURSO DO SENHOR PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL Recordo há 20 meses atrás, mais precisamente no dia 23 de março de 2011, a cerimónia de lançamento da primeira pedra do Hotel que hoje inauguramos. Um projeto desejado pelos pampilhosenses e um sonho realizado pelo nosso empresário, empreendedor e amigo Rui Olivença. Este sonho começou há algum tempo atrás, numa altura em que era difícil imaginar tão ambicioso projeto no nosso concelho. Mas, o Rui acreditou. Diria mesmo que arriscou! O Município acreditou. Diria ainda que incentivou! Os pampilhosenses acreditaram. Digo agora que se orgulham! E o orgulho é sem dúvida o reconhecimento de um trabalho que foi feito – e bem feito por um homem que viu na Pampilhosa da Serra, a sua Terra Natal, um território de oportunidades. Soube olhar as suas potencialidades, a sua riqueza paisagística, a sua mais-valia para o turismo. Mas, aliado à ideia do projeto foi necessário preparar as condições para o pôr em marcha. O grande investimento que era necessário não demoveu o Rui. O que poderia ter acontecido! Mas não! … O Rui tinha a certeza do projeto que queria levar a cabo e não se deixou intimidar pelas dificuldades e pelos obstáculos. Pelo contrário, procurou soluções e encontrou-as candidatando este projeto ao PROVERE – Programa de Valorização Económica de Recursos Endógenos, que o avaliou e o sinalizou como “projeto âncora”. Foi neste momento que o sonho do Rui, e o nosso sonho, começou a tomar forma. Este foi o primeiro reconhecimento público da qualidade e pertinência do projeto, que no seu percurso teve o apoio de várias entidades. Há 20 meses atrás, com o lançamento da primeira pedra, nascia a base do hotel que hoje se inaugura e que servirá não só o concelho da Pampilhosa da Serra, mas toda a Região Centro de Portugal. O turismo é um dos setores-chave do plano estratégico para o desenvolvimento do concelho, que se distingue hoje pela valorização e inovação dos recursos naturais, das atividades económicas a eles associadas e por uma abordagem inovadora da oferta turística. O ecoturismo é dos segmentos turísticos que maior crescimento tem tido na atualidade. As pessoas procuram cada vez mais uma aproximação à natureza e ao património. E não é esta a nossa maior riqueza? O património natural, cultural, arqueológico do concelho? Mas, sem as pessoas nada faz sentido, nada acontece. Por isso há que dar destaque às nossas gentes. A hospitalidade, a generosidade e a simpatia com que recebem transforma este concelho numa referência. Pampilhosa da Serra possui paisagens únicas, que o Município considera como 12

[close]

p. 13

A inauguração do Villa Pampilhosa Hotel no dia 9 de novembro de 2012 representou um marco para a Pampilhosa da Serra e uma iniciativa impar a nível empresarial, com a realização de um investimento de cerca de 4,5 milhões de euros, trazendo para o concelho uma oferta de alojamento de qualidade, colocando à disposição uma unidade hoteleira de quatro estrelas. oportunidade de desenvolvimento local sustentado. Por isso investiu em iniciativas e projetos de caráter eminentemente turístico, voltado para a natureza, dos quais destaco: - A inserção de Fajão e Janeiro de Baixo na Rede das Aldeias do Xisto; - O alargamento e a requalificação no concelho da Rede de Praias Fluviais, duas das quais (Pessegueiro e Pampilhosa da Serra) mereceram este ano por parte da Quercus o galardão de OURO entre 11 praias do interior a nível nacional. Mas a qualidade e a excelência vai mais além. A Praia Fluvial de Janeiro de Baixo, para além de estar classificada como praia acessível, dispõe igualmente de qualidades únicas com a oferta de um Parque de Campismo com bungalows. Permitam-me ainda referir que a Praia Fluvial da Pampilhosa é um ex-líbris do concelho, pois para além de ser praia acessível dispõe de excelentes condições e de um enquadramento único, no centro da Vila. - Destaco ainda a integração do concelho na “Grande Rota do Zêzere” - constituída por sete percursos que formam uma rota pedonal regional entre a nascente e a foz do Rio Zêzere - através de um percurso que liga a Vila da Pampilhosa ao Pico de Cebola e Fajão a Janeiro de Baixo, cruzando na Barragem de Santa Luzia com o Centro de BTT, uma infraestrutura homologada e que dá apoio às provas e atividades no âmbito da bicicleta todo o terreno. O Turismo Natureza é sem dúvida um segmento da nossa economia local em pleno desenvolvimento, que promovemos e divulgamos externamente com a marca “Pampilhosa da Serra Inspira Natureza!”. Com uma campanha de marketing aguerrida, temos participado há já alguns anos na FIL, através da Feira Internacional do Artesanato (FIA), na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), e apostado intensivamente na divulgação da marca em vários canais da especialidade. A aliança entre o território e este hotel é perfeita, beneficiando os dois da qualidade de ambos. O território merecia uma unidade hoteleira de qualidade superior e o hotel não poderia ter surgido em local mais adequado ao seu target. Da ideia nasceu a forma. Hoje inauguramos um grande empreendimento turístico que trouxe à Região do Interior Centro de Portugal e ao concelho de Pampilhosa da Serra, que tantos recursos turísticos possuem, alojamento de excelência: um hotel de quatro estrelas com 52 quartos, restaurante, bar, salas de reunião e zona de bem-estar, com SPA e piscina interior dinâmica aquecida: ESTE É O VILLA PAMPILHOSA HOTEL! Obrigado Rui Olivença. Parabéns Pampilhosa da Serra! José Brito 09-11-2012 13

[close]

p. 14

DESTAQUE A JUSTIÇA NA PAMPILHOSA DA SERRA NOVO MAPA JUDICIÁRIO A apresentação proposta para o Tribunal de Pampilhosa da Serra no “Ensaio para a Reorganização da Estrutura Judiciária” foi claramente repudiada pelo Município de Pampilhosa da Serra, tendo encetado diligências aos mais variados níveis, no sentido de se insurgir perante a intenção de extinção do Tribunal. As “soluções à medida” preconizadas pelo documento foram de imediato reclamadas pela autarquia, com base nas especificidades geográficas locais e apresentadas junto das entidades competentes. No entanto, a solução apresentada na nova proposta de reorganização do mapa judiciário, que previa a extinção de 54 tribunais e a criação de 27 extensões, uma delas em Pampilhosa da Serra, que ficaria a depender do Tribunal de Coimbra, foi também contestada pelo Município, que apresentou uma proposta no sentido de a ligação a Coimbra ser substituída pela dependência da Lousã. Nesse sentido, a solução preceituada pelo Governo passa pela extinção da Comarca de Pampilhosa da Serra, mantendo o funcionamento do Tribunal, enquanto Secção de Proximidade e permanecendo como Extensão da Comarca da Lousã. Esta solução, embora não sendo a defendida pela autarquia, possibilitará a realização dos julgamentos no concelho, uma vez que quem decidirá o local da sua realização será o Juiz Presidente e os advogados das partes. Por outro lado, haverá representatividade autárquica no novo órgão a criar, denominado “Conselho Consultivo da Comarca”. Desta forma e depois de muita refutação por parte do Município, foi alcançado um resultado que, embora não sendo o ideal, minimiza o efeito negativo das medidas anunciadas e traz claras vantagens para a população, na medida em que existe um transporte público diário entre as localidades de Lousã e Pampilhosa da Serra. 14

[close]

p. 15

01. 02. 03. 04. 05. 06. 07. 08. 09. 10. freguesia de Cabril freguesia de Dornelas do Zêzere freguesia de Fajão freguesia de Janeiro de Baixo freguesia de Machio freguesia de Pampilhosa da Serra freguesia de Pessegueiro freguesia de Portela do Fojo freguesia de Unhais-o-Velho freguesia de Vidual REFORMA DA ADMINISTRAÇÃO LOCAL Divisão Territorial de Freguesias Atual 10 freguesias 07. 06. 05. 08. 07. 06. 08. Atendendo à importância que a Reforma Administrativa do Poder Local proposta pelo Governo assume no contexto da organização territorial do concelho, o Município de Pampilhosa da Serra começou desde logo, a partir do Documento Verde da Reforma da Administração Local, a trabalhar no sentido de encontrar a melhor e mais consensual solução para o concelho de Pampilhosa da Serra e para as suas populações. 03. Neste sentido, o executivo camarário deliberou na reunião ordinária de 11 de outubro de 2011 criar duas comissões 09. para o estudo, acompanhamento e apresentação de propostas para o que seria a nova divisão territorial do concelho de Pampilhosa da Serra. 02. 10. Foi criada uma Comissão a Norte do concelho e outra comissão a Sul, de forma a torná-las mais 04. 01. céleres e eficazes no trabalho de análise, discussão e apresentação de uma proposta participada para a definição de um novo mapa autárquico concelhio. A proposta centrou-se na redução de 2 a 3 Freguesias, baseada na matriz do Documento Verde da Reforma Administrativa Local e nas especificidades do território. Posteriormente, esta mesma proposta foi levada à votação das Assembleias de Freguesia a agregar, tendo sido aprovada favoravelmente. O consenso verificado nas respetivas freguesias permitiu levar a proposta à Reunião de Câmara e posteriormente à Assembleia Municipal, onde obteve também aprovação por unanimidade. Do trabalho realizado, o Município elaborou um documento, sob a forma de “Contributo para o Novo Mapa Autárquico do Município de Pampilhosa da Serra”, enviado em 29 de 03. novembro de 2011 à Secretaria de Estado da Administração Local. 09. Mais tarde, com a promulgação da Lei n.º 22/2012 de 30 de maio, que aprovou o regime 02. jurídico da reorganização administrativa territorial autárquica, surgiram novos critérios, 04. 01. colocando em causa a redução de apenas duas freguesias. Nessa sequência, os órgãos municipais foram novamente chamados a pronunciar-se, pelo que o Município procurou contestar e justificar à luz da realidade concelhia a manutenção da proposta inicial de redução de apenas duas freguesias no concelho, pelo que foi apresentado no âmbito da “Pronúncia sobre a Reorganização Administrativa Territorial Autárquica do Concelho de Pampilhosa da Serra – Reorganização Administrativa do Território das Proposta de Novo Freguesias” a ênfase nesta solução, como sendo a Mapa das Freguesias melhor e mais consensual para o concelho, com base 8 freguesias nas características territoriais e história administratiMachio agregado a Portela do Fojo va de cada freguesia. Vidual agregado a Fajão 15

[close]

Comments

no comments yet