A Senda - Fevereiro de 2015 - FEEES

 

Embed or link this publication

Description

A Senda - Fevereiro de 2015 - FEEES

Popular Pages


p. 1

A Senda federação espírita do estado do espírito santo ANO 92 No 1634 FEVEREIRO 2015 35º EMEES - Encontro de Mocidades Espíritas do Espírito Santo divulgação Feees O 35º EMEES enfatizará os 150 anos do livro O Céu e o Inferno. JOVENS SEMEADORES DE ESPERANÇA - novo livro será lançado no EMEES página 7 PROJETO RESIDÊNCIAS INCLUSIVAS Ação que promove o bem e constroi a Paz página 8 Encontro de Mocidades Espíritas do Espírito Santo - EMEES página 6 Projeto LIVRARIA MÓVEL - parceria da FEEES com o Movimento Paz-ES página 5 Aniversário do Grupo da Fraternidade Espírita Jeronymo Ribeiro - 40 anos de fundação - página 7 20ª Semana Espírita de Guarapari iniciou as comemorações pelo Sesquicentenário de O Céu e o Inferno - página 4 página 2 • Nós e a Pátria do Evangelho, hoje... e amanhã • -

[close]

p. 2

Editorial EXPEDIENTE A SENDA Nós e a Pátria do Evangelho, hoje... e amanhã Mais um ano se inicia e, de novo, o movimento federativo estadual se movimenta para a realização das atividades programadas para 2015, começando com a reunião ordinária do Conselho Federativo Estadual e o sempre esperado EMEEES – Encontro de Mocidades Espíritas do Estado do Espírito Santo, marca registrada do vigor, da sensibilidade e do interesse da juventude espírita para as graves lições e responsabilidades que lhes são ofertadas e que lhes convocam, desde já, o esforço pessoal e coletivo hoje, amanhã e depois. Este ano se desdobrará em agenda intensa e rica de realizações. Em março, a assembleia geral ordinária da FEEES e o Encontro de Presidentes de Centros Espíritas – ENPRECE; em maio, iniciam-se os ENTRAES – Encontros de Trabalhadores Espíritas, culminando, em setembro, com a realização do nosso Congresso Espírita Estadual, ao lado de tantos outros eventos de significativa importância a se realizarem, ao longo do ano, pela própria federativa estadual e pelos Conselhos Regionais e suas filiadas, numa demonstração inequívoca da convergência de propósitos e da união ao Ideário Espírita, como convém. Se é verdade que o Centro Espírita é fundamento na sustentabilidade do movimento de unificação, indispensável considerarmos a relevância do componente humano – nós, os espíritas – nesse esforço inadiável de disseminar, em bases legítimas, os Ideais do Consolador Prometido, não somente no ambiente espírita, mas onde nos encontrarmos, a começar do ninho familiar, passando pela experiência profissional e chegando no largo trato social, em que as relações, modernamente, desconsideram origens e limites na busca incessante e, às vezes quase insana, de interagir ou agredir, de agregar valores (às vezes sem valor algum), de compartilhar expectativas e ideais, possibilidades e sonhos. Não é pouca coisa. É projeto de vulto ao qual devemos nos engajar com amorosa dedicação, sob pena de não atendermos ao empenho espontaneamente assumido. Por conta disso, oportuno, aqui, “ouvir” judicioso apontamento do saudoso Francisco Cândido Xavier a respeito do Brasil, hoje e nos dias do porvir. Extraímos seu apontamento de sua entrevista, em 21 de dezembro de 1971, no programa Pinga-fogo da antiga Rede Tupi de Televisão: - Chico, em relação à situação do Brasil, em termos gerais, em que a Espiritualidade Maior pode instruir-nos a respeito? “- Estamos, hoje, em meio a uma crise moral de grandes proporções, o que de modo geral ampliaria os problemas cotidianos de uma nação qualquer, assim como se faz conosco. A conscientização de nossa condição de corresponsáveis por tudo que se passa ao nosso redor é o que deve prevalecer. Passamos por uma revisão de conceitos morais e éticos e, neste momento, o esforço de cada membro da nossa sociedade deve estar orientado no sentido de melhor cumprir com os deveres e obrigações de cidadão, com muita disciplina, vontade de melhora geral, trabalho e muita, mas muita, oração. O pensamento cristão deve prevalecer sempre.” 1 (Grifo nosso) Em outra ocasião – 25 de maio de 1973 – na cidade paulista de Guarujá, Chico Xavier atende à seguinte indagação da imprensa local: - O Senhor poderia traçar um retrato futurista do Brasil? “- Admitimos que a civilização cristã do Brasil está destinada a representar um papel dos mais importantes no futuro da Humanidade. Isso, porém, depende dos brasileiros que, naturalmente, necessitam preservar o sentido religioso da civilização que recebemos das nossas formações evangélicas. (...) No Espiritismo estamos dentro de explicações mais amplas. Nós somos obrigados a reconhecer que a formação cristã do Brasil nos garante um futuro maravilhoso de bênçãos, mas dependendo do homem, por que o homem é o colaborador de Deus. Deus é o criador mas o homem é o cocriador.” 1 (Grifo nosso) Indiscutível a necessidade da capacitação do lidador espírita e do uso adequado e competente de processos e recursos para a boa gestão das instituições e do movimento federativo a fim de serem atendidos os objetivos a que se propõe o Espiritismo e do qual, em boa medida, somos (ou devemos ser) fiadores. Essencial, e inadiável, porém, o esforço individual na autoiluminação e nas práticas sociais em ajustada sintonia com o Evangelho, sem o que, a destinação feliz desenhada para o Brasil pode resultar minguada... sob nossa responsabilidade. 1. Celeiro de Redenção. Haroldo Dutra e outros. Ed. Ser. Curitiba. 2014 – Estudos e reflexões sobre o livro “Brasil, Coração do Mundo, Pátria do Evangelho”, de Humberto de Campos/Chico Xavier. DIRETORIA DA FEEES PARA O TRIÊNIO 2013/2016 Presidente Dalva Silva Souza Vice-Presidente de Administração Valmir Gomes do Nascimento Vice-Presidente de Doutrina Maria Lúcia Resende Dias Faria Vice-Presidente de Unificação Rose Mary de Souza Thiengo Vice-Presidente de Educação Luciana Teles de Moura Conselho Fiscal: Maria de Lourdes Neves Geraldo Teixeira da Costa Eliomar Borgo Cypriano Suplentes Roberto José Damaceno José Guido Nascimento Filho DEPARTAMENTOS Comunicação Social Rodrigo Salatiel Brasileiro Orientação Mediúnica Cristina Soneghet Simon Atendimento Espiritual Eliana Schmidt Castelani Estudo Sistematizado José Ricardo do Canto Lírio Infância e Juventude Edmar Reis Thiengo Assistência e Promoção Social Solange de Oliveira Nascimento ÓRGÃO INFORMATIVO DA FEDERAÇÃO ESPÍRITA DO ESPÍRITO SANTO C.N.P.J. 28.150.936/0001-18 Insc. Estadual 081.162.73.1 Rua Álvaro Sarlo, 35 - Ilha de Santa Maria Vitória/ES - CEP 29051-100 Tel: (27) 3222-2117 / 3222-7551 Fax: (27) 3222-6509 e-mail: feees@feees.org.br www.feees.org.br Projeto Gráfico Studio Rodrigo Resende Edição Renata Guizzardi Diagramação JMBCoutinho Revisão Dalva Silva Souza Impressão Gráfica Comercial - 27 3722-0566 - Colatina-ES www.graficacomercial.art.br 2

[close]

p. 3

Fevereiro 2015 Notícias divulgação Feees O Céu e o Inferno - 150 anos Essa é a quarta obra do pentateuco Kardequiano. Nesse trabalho, o codificador faz um exame comparado das doutrinas sobre a passagem da vida corporal à vida espiritual, sobre as penalidades e recompensas futuras, sobre os anjos e demônios e outros temas. Ela está dividida em duas partes. Na primeira, são doze capítulo interessantíssimos sobre a o entendimento humano da justiça divina e a nova visão que o Espiritismo propicia sobre o assunto. Na segunda e última parte do livro, em oito capítulos, há numerosos exemplos acerca da situação real da alma no momento da morte e, depois, na dimensão espiritual. As histórias selecionadas por Kardec estão precedidas por um estudo sobre o passamento, que apresenta esclarecimentos detalhados sobre o que acontece ao ser humano no momento da morte. Os episódios narrados, depois, foram colhidos em depoimentos de Espíritos que falaram como estão vivendo na realidade maior da vida. Há os que se revelam felizes; há os que permanecem em condições medianas, nem tão felizes, nem atormentados; há os que informam os sofrimentos que os afligem. Alguns dos sofredores entendem que o que lhes acontece no mundo espiritual decorre das escolhas que fizeram na vida material e se mostram arrependidos, mas há aqueles que permanecem com os corações duros, distantes da possibilidade de fazer cessar os tormentos que os infelicitam. Enfim, as histórias ilustram a visão nova do universo que a Doutrina Espírita nos propicia. É um livro imprescindível a todos os que desejarem responder para si mesmos à pergunta: o que nos aguarda depois da morte física? Este ano, o movimento espírita, aproveitando as comemorações do Sesquicentenário de O Céu e o Inferno, retoma todos esses temas para estudar mais detidamente o assunto. A Semana Espírita de Guarapari, em janeiro, deu o pontapé inicial. Este mês, o Encontro de Mocidades Espíritas – Emees – vai trabalhar o assunto numa linguagem jovem. Em setembro, o 12º Congresso Espírita Estadual trará conferencistas renomados para compartilharem seus estudos sobre o assunto. Enfim, o ano promete. Fique ligado e participe! 3

[close]

p. 4

A SENDA 20ª Semana Espírita de Guarapari foto: divulgação Feees Membros da organização na companhia de Andrei Moreira, sentado no canto esquerdo inferior da foto foto: divulgação Feees foto: Hamilton Garcia Muitos participantes da semana foram fotografados no Espaço Interativo Equipe organizadora com o expositor Emerson Pedersoli e Maria Lúcia, Vice-Presidente de Doutrina da FEEES 4 A 20ª Semana Espírita de Guarapari foi um sucesso de público, graças a união da equipe organizadora, que não poupou esforços, transmitindo a todos alegria e competência! Neste ano de 2015 que se inicia, foi feita uma singela homenagem aos 150 anos do livro O Céu e O Inferno. A Semana se iniciou com a exposição de Emerson Pedersoli, psicólogo mineiro, que encantou a todos com seu sotaque e simpatia! Ele foi seguido por Aloisio Silva, membro do movimento espírita capixaba, que falou sobre O Céu, O inferno e o Purgatório. Como professor de História, Aloisio fez uma bela abordagem. Depois, veio Jason de Camargo, gaúcho e ex-presidente da Federação Espírita do Rio Grande do Sul. Jason deixou profundas reflexões sobre Anjos e Demônios segundo o Espiritismo. O encerramento teve a presença de Andrei Moreira, cuja fluência e competência doutrinária encantaram a todos que estiveram presentes. As atrações artísticas desta 20a Semana Espírita foram: Junior Vidal, na abertura, e o Maestro e cantor lírico Inarley Carleti, no encerramento. Além disso, para animar a Semana e envolver os participantes, contou-se também com o Espaço Interativo, organizado por jovens do movimento espírita capixaba, bem como a presença de Ediane, com a banca intitulada ¨Arte Espírita, Eu Apoio¨.

[close]

p. 5

Fevereiro 2015 Notícias Livraria Móvel, em Apiacá, sul do estado - Projeto Paz Interior De 20 a 24 de janeiro, a Federação Espírita do Estado do Espírito Santo, em parceria com o Movimento Paz ES, levou ao sul do estado uma livraria espírita móvel com o objetivo de divulgar a Doutrina Espírita e gerar incentivo para o desenvolvimento de ações de paz. A Livraria Móvel foi organizada em uma tenda, montada na praça Alice de Souza, no centro de Apiacá, oferecendo aos moradores o contato com livros e mensagens espiritualizantes, além da oportunidade de ouvirem belas apresentações de música de Rafael Vicentini. Alguns moradores das Residências Inclusivas administradas pelo Movimento Paz também participaram do evento, como parte do processo de sua ressocialização. Eles distribuíram panfletos e cativaram o público com sua alegria e simpatia. José Ricardo do Canto Lírio, diretor do DESDE/ FEEES, pronunciou palestras na praça e na Fraternidade Espírita Joanna de Ângelis, refletindo sobre espiritualidade e paz. foto: divulgação Feees Equipe do Movimento Paz-ES (com a camisa do projeto) e moradores de Apiacá Sugestões de Livros LIVRARIA DA FEEES TRABALHO MEDIÚNICO Este livro, em linguagem simples e de fácil compreensão, oferece sugestões que auxiliam na implantação e manutenção de um trabalho mediúnico equilibrado e produtivo. Apresenta experiências que facilitam a interlocução entre os dois planos da vida, oferecendo particularmente ao dialogador elementos para a compreensão e aperfeiçoamento da sua tarefa de interação com Espíritos sofredores e obsessores. CRIANÇAS MÉDIUNS Noite após noite, o Espírito Charles produzia pancadas tentando se comunicar. Até que um dia, umas meninas espertas, as irmãs Fox, conseguiram conversar com Charles. Assim surge a notícia, em todo o mundo, das famosas meninas médiuns. O que ninguém poderia imaginar é que esses “fenômenos” dariam origem ao início do estudo de Allan Kardec, na elaboração de uma nova ciência: o Espiritismo. CELEIRO DE REDENÇÃO Se comparássemos Brasil, Coração do Mundo, pátria do Evangelho – a desafiadora obra de Humberto de Campos – a um oceano, certamente Celeiro de Redenção seria uma navegação audaz por suas águas. Equipados com os engenhos e as artes de seu tempo, nossos marujos escrivães tomaram a pena para registrar, durante sua odisseia literária, impressões e sentimentos retidos no coração; idéias e elucubrações vertidas do cérebro. R$ 35,00 R$ 12,90 R$ 30,00 5

[close]

p. 6

Agenda Reunião Ordinária do CFE A reunião ordinária do Conselho Federativo Estadual vai se realizar no dia sete de fevereiro, na sede da Feees, para apreciar e avaliar os resultados das atividades desenvolvidas no ano de 2014 e estabelecer diretrizes para os eventos deste ano, com destaque para o Encontro do Trabalhador Espírita e o Encontro de Presidentes de Casas Espíritas. Estão convocados os membros da Diretoria Executiva da Feees, os Diretores dos Departamentos e membros das Comissões Executivas dos Conselhos Regionais Espíritas. A SENDA Vem aí o 1º Encontro Jurídico Espírita do Espírito Santo Acontecerá em Vitória, de 10 a 12 de abril com o tema “Novas zEstruturas Econômicas, Sociais e Educacionais”. Para mais informações, acesse www.aje-es.org.br FEVEREIRO-2015 • Programação de Palestras na FEEES Dia 02 - 14h30 Dia 03 - 20h Dia 09 - 14h30 Dia 10 - 20h Dia 16 - 14h30 Dia 17 - 20h Dia 23 - 14h30 Dia 24 - 20h O Rico Vigilante Tereza Fafá Entre a Fé e a Razão Antônio Carlos Cerutti Os Obreiros do Senhor Inez Batistuta Novaes A Compaixão Adriana Sarmento FERIADO DE CARNAVAL - Não haverá reunião FERIADO DE CARNAVAL - Não haverá reunião Justiça ou Castigo? Giselda Azevedo Rodrigues Jesus Consolando Nossas Aflições Sirley Louro Programação de Palestras AMEEES - Fevereiro 2015 Dia 04 - 20h Como lidar com a Morte Dia 11 - 20h A Saúde e a Paz de Consciência Dia 18 - 20h FERIADO 6 Ana Catarina Tavares Loureiro Wilson Ayube Lopes Departamento de Saúde Mental Dia 25 - 20h Autoconhecimento

[close]

p. 7

Fevereiro 2015 Notícias foto: divulgação Feees Marlene Nobre retorna à Pátria Espiritual ANIVERSÁRIO Grupo da Fraternidade Espírita Jeronymo Ribeiro PROGRAMAÇÃO Grupo da Fraternidade Espírita Jeronymo Ribeiro comemora 40 anos de fundação. Palestras comemorativas aos domingos, às 18h, no mês de fevereiro. Dia 01 - O caminho da fé ao amor Ana Catarina Tavares Loureiro-(ES) Dia 08 - Não se turbe o vosso coração Rita Core- ( RJ) Dia 15 - O Homem de Bem Nilson Mendonça- (ES) Dia 22 - A Justiça Divina Segundo o Espiritismo - 150 anos do Livro “O Céu e o Inferno“ Celio Allan Kardec de Oliveira- ( MG) Endereço: Rua Henrique Laranja, 57, Centro, Vila Velha. Desencarnou na tarde do dia 5 de janeiro, no litoral paulista, a dra. Marlene Rossi Severino Nobre. Nascida no interior de São Paulo, em 1937, era viúva do deputado Freitas Nobre e deixa dois filhos e netos. A líder espírita foi fundadora do C.E.Cairbar Schutel, em São Paulo, e da Associação Médico-Espírita (de São Paulo, do Brasil e a Internacional); juntamente com Freitas Nobre fundou também a o jornal e a Editora “Folha Espírita”. Dra. Marlene é também autora de vários livros. Desde abril era membro do Conselho Nacional das Entidades Especializadas da FEB, órgão instalado em 2014. Foi feita uma homenagem à Dra Marlene Nobre no dia 07 de janeiro, dia do seu sepultamento, na sede da FEEES, com o auditório repleto, ocasião em que foi apresentado um vídeo que emocionou a todos, com a palestra que a Dra Marlene proferiu no último MEDNESP em Goiânia com o título “Em Busca do Arquétipo Divino”. Foram proferidas algumas palavras de agradecimento e reconhecimento por tudo que a Dra Marlene representou para o movimento médico-espírita e para o movimento espírita em geral..Ela foi fundadora e presidente da Associação Médico-Espírta Brasileira e Internacional. Foi uma incansável batalhadora da luta contra a implantação do Aborto no Brasil. Teve vários livros publicados que são referências para estudos espíritas e conduziu com muita maestria, sensibilidade, firmeza e espírito científico o movimento médico-espírita buscando sempre a convergência entre a ciência e o amor, entre o conhecimento e o sentimento. Foi lida uma mensagem do Dr Bezerra pela psicografia do Dr Roberto Lúcio em que ele se dirige aos membros das AMEs dizendo que “o momento é de serenidade e oração; que a fragilidade do seu aparelho físico já não comportava o vigor do seu espírito; que cuidem de viver e honrar toda a bagagem e herança que ela lhes deixou; que prossigam com a certeza de que no momento certo e oportuno ela retornará à charrua, fazendo-se farol a orientá-los para a continuidade e que cada um devolva-lhe em carinho, serenidade e esforço, de modo que nada se perca daquilo que foi proposto”. Que possamos homenageá-la todos os dias da nossa vida, fazendo o que ela nos recomendou sempre: servir em nome de Jesus. Wilson Ayub Lopes - Presidente da AMEEES 15/02 - Lançamento do novo livro JOVENS - Semeadores de Esperança “Você já pensou em ler textos de conteúdo evangélico, com uma linguagem jovem e moderna e, além disso, em forma de contos? É isso mesmo! Este livro é cheio de estórias fictícias de jovens, encarnados e desencarnados, que, como todos nós, buscam vivenciar as dificuldades e encontrar o caminho do bem. Este é o terceiro trabalho realizado pela equipe do DIJ/FEEES, em colaboração com a AME-MG que, desde 2013, tem lançado livros com o conteúdo trabalhado nos Encontros de Mocidades Espíritas do Espírito Santo (EMEES). Este livro focaliza o tema do 34° Emees, “Semeadores de Esperança”, que foi escolhido em homenagem ao Sesquicentenário de O Evangelho Segundo o Espiritismo. O lançamento de “Jovens Semeadores de Esperança” está marcado para o próximo EMEES, que ocorrerá ainda este mês. Venha você também colher essas sementes de esperança. Procure seu exemplar na livraria da FEEES.” Visite a Bibioteca Jacques Aboab A Feees coloca à disposição dos estudiosos do Espiritismo o acervo da Biblioteca “Jacques Aboab”. Todas as quartas-feiras, das 14h às 17h30, Marcelo Lacerda estará na Feees à disposição do público interessado. Há mais de mil títulos para empréstimo. Aproveite! Onde as informações sobre o universo espírita são precisas e atuais. 7 A Senda

[close]

p. 8

Aconteceu PROJETO RESIDÊNCIAS INCLUSIVAS A SENDA Ação que promove o bem e constroi a Paz foto: divulgação Feees Participantes do projeto animadíssimos com a festa de Reveillon A ressocialização de pessoas portadoras de deficiências mentais mobiliza o esforço do movimento espírita capixaba nesse projeto que é administrado pelo Movimento Paz-ES, mas cuja filosofia de trabalho é oferecida pela Federação Espírita do Estado do ES. A ação evangelizadora dos residentes, a princípio, desenvolvida por equipe de voluntários da Feees dentro das próprias residências, depois que eles ganharam maior mobilidade social, vem acontecendo na Fraternidade Espírita Jardim Camburi. Homens e mulheres excluídos da vida em sociedade por muitos anos têm, agora, a oportunidade de desfrutar da convivência social, graças ao aprendizado que vêm desenvolvendo desde 2012, ano em que o termo de parceria assinado pelo Movimento Paz-ES com o IASES possibilitou o início dessa nova vida para essas vinte pessoas. Foi emocionante a participação dos residentes do projeto na festa do Reveillon promovida na Praia de Camburi. Pela primeira vez, eles puderam participar de momento de tanta alegria e assistir ao show de fogos que festejou o início deste ano. Para mais informações, consulte www.paz-es.org.br. 8

[close]

Comments

no comments yet