Jornal Zona Oeste em Foco - Central Parque & Cia. 2015 - Ed. 55

 

Embed or link this publication

Description

Ed. 55

Popular Pages


p. 1

ANO 11 Nº 55 JAN/FEV-15 Valorizando a região e agregando conhecimento www.jornalzonaoesteemfoco.com.br Central Parque, São Marcos, Itanguá I e II, Arco-Íris, Verde Vale, Piazza Di Roma e Jd. Tulipas chama a atenção em oficina Carro de corrida Páginas 6 Página 4 Página 8 Página 10 e 11 Projeto Vigilância Solidária será implantado no Piazza Di Roma Quadra de malha no Central Parque completa 25 anos Carnaval viveu época áurea quando existiam os corsos

[close]

p. 2



[close]

p. 3

NOSSO FOCO Projeto Vizinhança Solidária será implantado no Piazza Di Roma I e II Página 4 03 Clube de Malha do Central Parque comemora jubileu de prata Página 8 Studio Atual está com matrículas abertas e novos cursos Página 5 Escola de inglês e espanhol Fisk está com matrículas abertas Página 10 Pensar positivo é o primeiro passo para o sucesso ano está no começo e muitas são as oportunidades para os comerciantes e empresários ampliarem o seu negócio. É importante pensar positivo e não perder as oportunidades. Recepcionar bem o cliente acreditando no seu potencial é meio caminho andado para uma boa venda. O cliente quer ver sempre o sorriso no rosto do comerciante e a confiança é o motor do vendedor. Muitas são as datas sazonais existentes e o planejamento é importante para avaliar as oportunidades. Porém, o comerciante deve também observar seu empreendimento em busca de falhas e, consequentemente, correções. Nunca é tarde para definir estratégias e o foco tem que ser sempre o crescimento com qualidade. O sucesso é o grande objetivo e que este ano seja produtivo para todos. Feliz 2015. Saiba o que é coaching e conheça os seus benefícios para a vida profissional Página 5 Carnaval viveu momentos de glamour na época dos corsos Página 10 e 11 Oficina mecânica de primeiro mundo dá manutenção em carro de corrida Página 6 Programe-se conferindo a Agenda em Foco desta edição Página 18 O Foco Empresarial traz as novidades do setor na região Página 7 Tenham todos uma ótima leitura. EXPEDIENTE - Ano 11 - nº 55 Jan/Fev 2015 - Tiragem: 9.000 Exemplares Fone: 3329-7596 Editor: Marcos Tadeu Stachewski | Comercial: Paula Pacheco - Fone: 3013-1331, Sérgio Augusto Grillo - Nextel: 7835-4523 ID 92*163128 Jornalista Responsável: Cida Muniz MTB: 42990/SP | Arte Final/ Diagramação: João Paulo, Carlos Castro, Marcus Fidêncio e Matheus Stachewski | Distribuição gratuita porta a porta: Central Parque, São Marcos, Itanguá I e II, Arco-Íris, Verde Vale, Piazza Di Roma e Jardim Tulipas. Impressão: Gráfica Santa Edwiges - Fone: 99724-2449 Jornal Zona Oeste em Foco - R. Léo Migliorini, 88 Sala 1 - Wanel Ville IV - Fone: 3329-7596 | zonaoesteemfoco@terra.com.br | www.jornalzonaoesteemfoco.com.br www.facebook.com/jornalzoemfoco | Crédito fotos: Cida Muniz e Sérgio Augusto Grillo. As matérias assinadas não refletem necessariamente a opinião do jornal.

[close]

p. 4

04 Segundo o comandante da Primeira Companhia da Polícia Militar, capitão Alexandre Oliveira, nas ruas do Jardim Tulipas com maior adesão ao projeto Vizinhança So- pós o sucesso da implantação do projeto Vizinhança Solidária da Polícia Militar no Jardim Tulipas, com a diminuição da criminalidade, teve início em janeiro as reuniões para que os moradores dos jardins Piazza Di Roma I e II também possam ter esse benefício. Assim como aconteceu com a implantação do projeto no Jardim Tulipas, a Associação de Moradores e Proprietários dos bairros, presidida por Manoel Borges, é quem está realizando a intermediação da PM com os moradores. A primeira reunião para discutir o Projeto no Piazza Di Roma ocorreu no dia 12 de janeiro na casa de um morador e teve a participação de cerca de 70 moradores. Já no dia 14, o encontro foi na creche do bairro e contou com a presença de cerca de 150 pessoas, sendo que 20 delas já preencheram a ficha de adesão. A Piazza Di Roma começa a implantar projeto Vizinhança Solidária peitos e acionar a Polícia Militar. Conforme o Borges, a ideia é que a Associação tenha uma central que comande essas redes sociais. Para o comandante Oliveira, a Associação é um canal facilitador, mas bairros que não têm entidade representativa, também podem aderir ao projeto que de início tinha como foco o comércio. O capitão considera que comerciantes poderiam se unir visando esse contato maior com a Polícia Militar. A área da Primeira Companhia da Polícia Militar é ampla, abrangendo a Zona Leste e Sul. O policiamento não é fácil, principalmente porque essas duas regiões têm muitas entradas e saídas, com rotas de fuga. Oliveira comentou que a Prefeitura deve começar a implantar em abril uma “muralha eletrônica”, utilizando câmeras para fazer a vigilância em pontos estratégicos. Comerciantes e a população em geral que tiverem interesse em implantar o projeto Vigilância Solidária, podem procurar a sede da Primeira Companhia, na avenida Américo de Carvalho, 3585. Informações pelo telefone 3202-7245. SEGURANÇA Comandante Oliveira, Manoel Borges e sargento Ribeiro Queda da violência lidária, a queda nos índices de violência foi de 85% e, no geral, a segurança melhorou em 55%, isso porque ele foi implantado há apenas três meses. Borges comenta que o Piazza Di Roma I e II têm 19 ruas, sendo que cada uma terá um líder e cinco agentes, havendo dois coordenadores gerais, um para cada bairro, que responderão para uma comissão e terão contato direto com o coordenador do projeto da PM, sargento Ribeiro. Caberá também a Polícia e a coordenação, preparar os relatórios e montar palestras para que os moradores conheçam um pouco do modus operandi de pessoas suspeitas e possam acionar a PM. Os moradores do Piazza Di Roma, assim como os do Jardim Tulipas, utilizarão redes sociais como Facebook e Whats App para se comunicarem em casos sus- Redes sociais

[close]

p. 5

SAÚDE Academia Studio Atual está com matrículas abertas A Academia Studio Atual iniciou as aulas essa semana e está de portas abertas esperando por você. Faça uma aula experimental gratuita em um dos cursos oferecidos: ballet, jazz, sapateado, zumba, pilates, ritmos e treinamento funcional, além das novas turmas de dança de salão e dança do ventre iniciante, e a mais nova modalidade aula de capoeira para todas as idades. Além disso, a Studio Atual conta com aulas de ballet e sapateado infantil em horários alternativos, à tarde e aos sábados, se o seu filho estuda de manhã esta é a melhor opção para uma prática de atividade educativa e prazerosa! Com uma ótima infraestrutura, o local acaba de inaugurar a sua terceira sala de aula, um ambiente mágico e encantado voltado para as pequenas bailarinas. A academia também trabalha com iluminação, decoração e coreografia para festas e casamentos. Confira os preços promocionais e descontos para famílias, além de isenção da taxa de matrícula. SERVIÇO Academia Studio Atual - Rua Professora Guida Mares, 270, Central Parque (próximo ao Supermercado Central). Telefones 3329-7773, 99763-7016 e 997441738 (whatsapp). Facebook: Studio Atual / StudioAtual Camila Fábio. Email: studioatualsorocaba@hotmail.com. Horário de Funcionamento: segunda a sexta das 8 às 11 horas e das 16h às 22 horas e aos sábados das 9 às 13 horas. A AMAS (Associação Amigos dos Autistas de Sorocaba) vai realizar em abril a sua Sétima Caminhada de “Conscientização do Autismo”. A entidade é declarada de utilidade pública municipal e tem sua sede na rua Nova Odessa, 20, no Jardim Vera Cruz, e atendimento terapêutico na rua Luiz Gabriotti, 201, no Wanel Ville. AMAS prepara caminhada de conscientização A intenção da AMAS é levar cerca de 3 mil pessoas para o evento que será realizado em abril. Para isso, a entidade busca patrocínio para a confecção das camisetas. A cota de patrocínio é de R$ 700,00. Para colaborar entre em contato com a entidade através do telefone 3222-2356. SERVIÇO Quando se tem prazer no trabalho, o desenvolvimento e crescimento profissional torna-se uma consequência, a pessoa que faz o que gosta tem muito mais entusiasmo, motivação, envolvimento e traz os melhores resultados. As suas habilidades e competências são utilizadas no potencial máximo e isto a torna mais feliz em sua vida como o todo. Aposte em seu talento, em algo que faz de melhor, não tenha medo de arriscar, não se acomode, busque novos desafios transforme sua vida, acredite: você é capaz de muitas coisas da qual nem imagina. Não deixe para depois, aproveite a energia de um novo ano, novas promessas, uma nova vida e tire estes planos do papel ou apenas dos pensamentos, coloque-os em prática! Para que você encontre o seu caminho, trace metas e planos, tenha um profissional para te assessorar para que nas novas trilhas tenha confiança e assertividade nas escolhas que fizer. Acredite no seu talento ARTIGO 05 Agende uma sessão gratuita. Ana Paula da Silveira Executive e Life Coach certificada pelo SBcoaching, formada em Administração e pós graduada em gestão de pessoas. E-mail: coach.anasilveira@gmail.com; skype: anasilveiraa; facebook: aprcoaching; Site: http://sbcoaching.com.br/ocoach/anapaula_silveira/ diferenciais/depoimentos; telefones 3016-3897 ou (11) 97313-6313. Torne a sua vida muito mais leve e feliz! O coaching pode te ajudar a encontrar esta resposta ou aprimorar ainda mais o seu talento. COACHING - Coaching é um processo que utiliza técnicas e ferramentas cientificamente comprovadas, que tem começo, meio e fim, faz o cliente (coachee) refletir, tomar ações continuas e positivas para que ele amplie suas realizações e conquistas, seja pessoal ou profissional, com ajuda de um profissional especializado, o coach. O QUE NÃO É COACHING: Terapia, aconselhamento, psicologia, consultoria, mentoring, autoajuda. Benefícios do coaching • Aprimorar o planejamento pessoal e profissional; • Aumentar sua autoconfiança, autoconhecimento, autoestima; • Eliminar pensamentos limitantes; • Alcançar resultados positivos em diversas áreas; • Qualidade de Vida; • Melhores relacionamentos.

[close]

p. 6

06 em oficina mecânica especializada em veículos importados andar nas vias por não ter placa, nem documentos para circular pelas ruas. Quando participa de alguma corrida, o Audi é levado até a pista por um guincho. Normalmente o proprietário do carro participa de corridas em Interlagos, Capuava e Mogi Guaçu. Cerca de trinta Audis A3 participaram da categoria DTCC. EnEduardo Andrieta e Wilson Roberto Oliveira Silva tre a adaptação Quem passa pela avenida Mário José Aze- está que o carro é todo ventilado, vedo Almeida, no Piazza Di Roma, não tem evitando o aquecimento. Com facilicomo não prestar atenção em um carro de dade ele chega a 230 quilômetros corrida que fica estacionado em frente da ofi- por hora. A rotação é de 6.500 cina WRA. O veículo, um Audi A3, já disputou RPM. O Audi A3 original tem 200 a DTCC (Driver Touring Car Cup), uma catego- cavalos. Já o carro de corrida ria de corrida que durou apenas um ano e era tem 380 cavalos, contando que somente de carros desta marca. o peso também foi diminuído de Eduardo Andrieta, 40 anos, e Wilson Rocerca de 1.500 quilos, para mil, ele berto Oliveira Silva, 34 anos, dois mecânicos apaixonados por carros, inauguraram há cer- é rebaixado tendo muita aderência nas ca de dois meses a oficina especializada em curvas. O carro voa, atingindo a 100 quilômecarros importados e passaram a dar manuten- tros em 4,8 segundos. Podendo competir com uma Ferrari, levando em consideração o peso ção no Audi A3. O veículo fica na oficina, porque não pode e a potência. Silva é um apaixonado por carros. Aos quatro anos já ia até o vizinho que tinha uma oficina mecânica para observar o seu trabalho e, no início da adolescência, entrou na profissão e foi se especializando. Já Andrieta deixou a profissão de publicitário para se dedicar a sua paixão por carros. Há três anos a dupla se conheceu. Há oito meses resolveram montar a oficina e o negócio vai muito bem. O foco são carros importados. Por isso o serviço e os equipamentos são de primeira. A máquina de alinhamento e balanceamento chamada Hanter é inédita na cidade. No Brasil existe apenas duas. Ela permite o alinhamento e balanceamento perfeito, sendo que o serviço pode demorar até uma hora e meia. O preço pode ser salgado: R$ 277,00 o alinhamento e R$ 125,00 o balanceamento, mas o foco são os carros importados e de colecionadores. Essa máquina consegue até simular o pneu no asfalto com o peso do carro sobre ele. O alinhamento é realizado na parte dianteira e traseira. Questionados o porquê escolheram o Piazza para abrir a oficina, a resposta foi clara, pela tranquilidade. Os mecânicos recebem carros de toda a parte do estado, prova que há clientes para um serviço de primeira. Carro de corrida chama a atenção AUTOMOBILISMO Paixão por 4 rodas

[close]

p. 7

FOCO EMPRESARIAL 07 paula_pacheco@terra.com.br Favorita Sorvetes é inaugurada no Wanel Ville Imobiliária Casabranca inaugura unidade no Cerrado JP Utilidades e Distribuidora tem de tudo em utilidade domésticas A JP Utilidades Domésticas e Distribuidora é o comércio que faltava no Piazza Di Roma e adjacências. De propriedade de Luiz Cirino, a empresa oferece para os clientes utilidades domésticas, material de higiene e limpeza, embalagens, papelaria, brinquedos e presentes. Instalada na rua Délcio Ferreira de Azevedo, 650 (em frente ao supermercado Caetano), a loja se diferencia pelo atendimento personalizado oferecido por Luiz e seu sobrinho Jônatas Rainha. Jônatas Rainha e Luiz Cirino Jair Guilherme da Silva Maria Helena e Andréia Pinheiro Esse calor merece um sorvete e agora os moradores do Wanel Ville e região ganharam a Favorita Sorvetes, de propriedade das empresárias Andréia Pinheiro e Maria Helena de Oliveira Vieira. Além dos deliciosos sorvetes Ski Mel, a Favorita Sorvetes também tem milk shake, sucos, bebidas em geral, lanches natural, salgados e o delicioso açaí. A sorveteria fica na rua Manoel Soares da Silva, 43, Wanel Ville II, telefones 33296173 e 3329-6174. Vá se refrescar na Favorita Sorvetes. Armarinhos Milego está funcionando no Jd. Vera Cruz A Casabranca Mercado Imobiliário inaugurou a sua quarta unidade em Sorocaba, agora no Cerrado, na avenida Armando Pannunzio, 1530, sala 5. Segundo o gerente de vendas, Jair Guilherme da Silva, a filial vai atender a todos os clientes da Zona Oeste, que vem tendo um crescimento significativo no ramo imobiliário. Com certeza a Casabranca vai ampliar seus negócios, conquistando locadores e locatários da região, atendendo também seus clientes na compra e venda de imóveis. Restaurante e Creperia Zanardo em novo endereço Cristiane Colaso Alexandre de Souza Marcos Roberto Zuccolotto e Carla Roberta Bonani Zuccolotto No dia 6 de dezembro o casal Marcos Roberto Zuccolotto e Carla Roberta Bonani Zuccolotto, inauguraram na avenida Salvador Milego, 362, Jardim Vera Cruz, o Armarinhos Milego, uma loja completa que, além de produtos típicos de armarinho, como agulhas e linhas, têm material de papelaria, presentes, brinquedos, produtos de utilidade doméstica e enfeites, tendo ótimas promoções para o volta às aulas. Conheça e confira esse presente que a Zona Oeste ganhou. Big Esfiha – A primeira esfiharia com chocolateria da região Duas tentações estão unidas agora no Jardim São Marcos. Foi inaugurada no dia 20, a primeira esfiharia com chocolateria da região, a Big Esfiha, de propriedade do Bill, que tem vasta experiência na área. A Big Esfiha fica na avenida Santa Cruz, 14, mas se você desejar também pode pedir pelo delivery, através do telefone 3012-1293, das 8 à zero hora, diariamente. É de ficar com água na boca. Para melhor atender aos clientes, o Restaurante e Creperia Zanardo está atendendo agora na rua Ernestina Vieira Neves, 361, Jardim São Marcos. Alexandre de Souza e sua sócia Cristiane Colaso conquistaram os clientes pelo ótimo atendimento e a qualidade dos produtos e, agora no novo endereço, prometem agradar mais ainda. Parabéns pelo sucesso. Bill e sua esposa Kelly Cristina Ribeiro

[close]

p. 8

08 ESPORTE Quadra de malha no Central Parque completa 25 anos em 2015 O Esporte Clube Central de Ma- que pagam uma mensalidade de lha completa em 2015, o seu Jubi- R$ 10,00, valor irrisório para manleu de Prata (25 anos). Fundado ter as dependências do local, por pela união de amigos, o Clube, em isso, Ricci quer atrair novos sócios seu início, era apenas uma qua- para manter a tradição do Clube e dra de areia, onde os apaixonados pelo esporte se reuniam para disputar algumas partidas em uma área pertencente à empresa que loteou o bairro. Pedro Santana de Oliveira, o Coca, é um dos remanescentes do grupo de amigos, já presidiu a entidade e hoje é o técnico da equipe. O placar Pedro Santana de Oliveira, o Coca, e Diogo Ricci do Clube foi feito por ele, que colocou um interrup- da malha na região. O presidente tor para cada luz da marcação de também está em busca de novos pontos. Um trabalho artesanal que patrocínios para a quadra e planemostra a paixão deste esportista ja em seu mandato, que começou pela malha e o clube. este ano e termina em 2016, fazer O presidente hoje do Clube é uma reforma na parte externa. Já o Diogo Ricci, 28 anos. Essa reno- bar que funciona no Clube foi arvação é salutar para o esporte rendado. que mantém a sua tradição. Ricci O jogo afirma que praticamente nasceu Hoje as quadras de malha são dentro do Clube, pois o seu pai, asfaltadas e pintadas com tinta Davanir Ricci, um dos sócios fun- esmalte. Já a malha pesa cerca de dadores e também presidente da 870 gramas e tem 11 centímetros entidade, o levava ao local sempre de diâmetro. Na quadra são quaquando criança. tro jogadores por equipe, dois de O Clube tem cerca de 30 sócios cada lado, sendo que no intervalo todos os componentes do time, obrigatoriamente, são substituídos. Além dessas substituições o técnico pode fazer mais duas se julgar necessário. Dois juízes atuam na partida, um de cada lado do campo. Em média, cada membro da equipe faz 24 jogadas. O jogo dura entre 1h20 e 1h30. O objetivo do jogo é derrubar o pino e isso vale 4 pontos, se a malha ficar perto do pino a equipe ganha 2 pontos. Em um campeonato, se a equipe vencedora atingir mais de 100 pontos, ganha três pontos, e se tiver menos de 100 pontos receberá pela partida apenas dois pontos. Ricci deixa claro que a malha é um esporte que pode ser praticado por pessoas de todas as idades e de ambos o sexo, porque o que vale é adquirir o jeito de jogar e não a força. O Esporte Clube Central de Malha disputa os campeonatos organizados pela Liga Sorocabana de Malha, entre os principais títulos que já conquistou estão o primeiro lugar no Campeonato Citadino e o quarto lugar no Campeonato Estadual. Anualmente a equipe representa Araçoiaba da Serra nos Jogos Regionais. A malha é considerada um esporte quase individual e clássico, porque, apesar de ser jogado em equipe, cada jogador tem uma atuação ímpar. A torcida tem um papel importante. Enquanto na bocha o silêncio é fundamental, na malha é o barulho que conta visando atrapalhar a concentração do adversário. Os treinos no Esporte Clube Central de Malha, situado na rua Santos de Oliveira, são as terças, quintas e sábados das 19 às 22 horas. Essa é a oportunidade para os interessados nesta modalidade se tornarem sócios. Mais do que praticar esse esporte, frequentar o campo é fazer novos amigos. Para mais informações entre em contato com o presidente através do telefone 98173-0866. Novos sócios Quadra é asfaltada e depois pintada com tinta sintética

[close]

p. 9

09

[close]

p. 10

10 EDUCAÇÃO TÚNEL DO TEMPO Unidade Fisk Wanel Ville está com inscrições abertas Saber um segundo idioma é fundamental para ser inserido no mercado de trabalho e quanto antes a pessoa começar, melhor. A escola Fisk Wanel Ville, está com matrículas abertas para os cursos de inglês e espanhol. A diretora da escola, professora Andréa Catel, frisa que os cursos da Fisk são voltados para a conversação e que o professor, desde a primeira aula, fala o inglês ou espanhol com o aluno. Outro diferencial é que a maioria dos professores tem experiência no exterior, inclusive, a escola tem um professor nativo americano, que ministra aulas para turmas de nível avançado. A Fisk Wanel Ville também oferece a seus alunos intercâmbio para a Califórnia, nos Estados Unidos. A Fisk tem cursos para crianças a partir dos quatro anos de idade, onde aprendem brincando. As unidades também têm cursos para adolescentes e adultos. uanto riso, oh, quanta alegria. Mais de mil palhaços no salão... Essa música de Zé Keti animou os Pierrôs e Colombinas pelos salões durante muitos carnavais e até hoje chama a atenção dos saudosistas. O Carnaval, que este ano será no dia 17 de fevereiro, mudou muito nas últimas décadas e perdeu o seu glamour. O publicitário e jornalista Rui Batista Albuquerque Martins, a convite do Zona Oeste em Foco, aceitou reviver os momentos gloriosos desta festa pagã e entrou no túnel do tempo para relembrar os corsos carnavalescos que animavam o Carnaval em Sorocaba. Segundo Rui Albuquerque, “os chamados corsos carnavalescos nasceram na Europa. Alguns historiadores sustentam que foi na década de 20 do século passado, quando foi iniciada a fabricação do automóvel. Principalmente em conversí�veis, todos enfeitados com flores, os Q Corso, lança perfume e guerras de confetes faziam a alegria do Carnaval foliões devidamente fantasiados desfilavam ao público, que permanecia nas calçadas. E eles trocavam a chamada ‘batalhas de confetes’. E esse evento deu sequência aos cortejos das grandes sociedades carnavalescas, que desfilavam pelas ruas, com charretes enfeitadas de flores, no século 19”. Esses cortejos ganharam força no final do século 19, quando “batalhas de flores” foram realizadas no sofisticado carnaval de Nice, na França. No Brasil, relembra Rui Albuquerque, os corsos foram iniciados em 1907, no Rio de Janeiro, “quando as filhas do então presidente Afonso Pena utilizaram o carro presidencial para desfilarem na avenida Beira-Mar. Porém, na Cidade Maravilhosa, onde o glamour dava vida ao carnaval e, consequentemente, ao corso, os ricos e famosos deixaram de participar na década de 40, iniciando o declí�nio do evento”. No interior brasileiro, entretanto, o corso continuou sendo realizado até o final da década de 60. “Em Sorocaba, carros conversí�veis, caminhonetes e caminhões devidamente decorados e com muita gente fantasiada, o corso percorria as ruas centrais e o povo se concentrava principalmente na rua XV de Novembro, a fim de realizar a “batalha de confetes”, jogar serpentinas e disparar o lança-perfume, que incomodava por alguns instantes quando os jatos atingiam o olho, mas perfumava o ambiente e causava sensação de bem estar ao atingir o corpo suado, pois o lí�quido era gelado”, conta o jornalista. Rui Albuquerque, que foi presidente da ASI No interior Os cursos Fisk Wanel Ville – Avenida Paulo Emanuel de Almeida, 366, Wanel Ville, telefone 3234-5222. Fisk Trujillo – Avenida General Osório, 275, Trujillo, telefone 3231-7700. Em 1903 o Corso era realizado com charretes

[close]

p. 11

TÚNEL DO TEMPO (Associação Sorocabana de Imprensa) por dois mandatos, não sabe precisar quantos veí�culos participavam do corso sorocabano, mas certamente eram mais de 100. “Na época, as fantasias dominavam as ruas da cidade, com pierrôs, colombinas, palhaços, morcegos, esqueletos brancos pintados sobre trajes negros etc. Alguns veí�culos apresentavam decoração e fantasias riquí�ssimas, com performances de foliões que importavam trajes belí�ssimos da França”. De acordo com Rui Albuquerque, no centro da cidade havia grande movimento, “pois o Clube União Recreativo, o Cí�rculo Í�talo Brasileiro (então em edifí�cio baixo) e o Sorocaba Club ‘bombavam’ e, na praça Coronel Fernando Prestes, as bandas Carlos Gomes e Dimas de Mello se revezavam para animar centenas de foliões que dançavam ao redor do coreto. Era uma festa alegre, com raras brigas e não havia a sexta-feira de carnaval. Começava no sábado e terminava rigorosamente às 24 horas da terça-feira. A maioria da população era católica e, na quarta-feira, formava fila nas igrejas para gravar a cruz de cinzas e do perdão na testa”. “O clima do carnaval era de muita alegria”, relembra Rui Albuquerque. “Quando a cidade despertava no sábado de carnaval já se ouvia guizos soando, pois foliões fantasiados penduravam vários deles para chamar a atenção do público. Ainda, havia muito riso quando surgiu o ‘sangue do diabo’, uma tintura que era atirada nas pessoas, principalmente em quem vestia branco. Porém, em poucos segundos o vermelho desaparecia, como fosse mágica. Em algumas cidades do interior, como Apiaí�, onde nasci, as pessoas fabricavam ‘laranjinhas’, que eram bolas de cera carregadas de lavanda. 11 Clima de alegria à saúde e transtornos aos foliões que se tornavam violentos. O então presidente Jânio da Silva Quadros assinou um decreto proibindo lança-perfumes nos salões e, mais tarde, em meados do século passado, foi proibida a comercialização do produto”. De acordo com o jornalista “a proibição foi bem aceita pela maioria dos brasileiros, que sofriam com a violência e acidentes fatais causados pelo lança-perfume, que acelera até 180 batimentos por minuto a frequência cardí�aca. Embora o cheiro seja agradável dando uma sensação de que ele não causa mal algum, a droga Em 1952 a maioria das pessoas destrói células do cérebro, provoca desmaios e usava fantasia nos bailes Eram atiradas nos foliões e, além de refrescá- convulsões e o enfraquecimento dos ossos. Age -los, perfumava-os com um cheiro da Coty”, no sistema nervoso central e causa zumbidos e alucinações, seu efeito começa a ser sentido conta o publicitário. Já o lança-perfume surgiu em 1904, no de 5 a 10 segundos depois de inalado e dura de Rio de Janeiro e rapidamente conquistou 30 segundos até 10 minutos, dependendo da os brasileiros. “Começou nos corsos e, de- resistência da pessoa”. Rui Albuquerque recorda com saudade do pois, ganhou os salões de bailes. Foi um dos tempo de jovem, quando tomava sí�m bolos do carnaval. Ele era carona em algum veí�culo. “Um viapresentado em embalagem zinho da rua Amazonas, que posde latão na cor bronze ou em suí�a um caminhão Reo, gostava de frascos de vidro, que, sempre participar e nos munia de confecausavam acidentes”. tes para as batalhas. Recordando, O lança-perfume nada mais senti o perfume e o frescor do lanera que droga manufaturada com ça-perfume, mas, principalmente, solventes quí�micos, tendo como recordei o Milton Tebet, com suas base o cloreto de etila. “O lí�quido, fantasias fantásticas e premiadas; ao entrar em contato com o ar, o Pedrinho Salomão José, que coevapora-se em alguns segundos. mandou por longos anos as festas Já em 1961, conta Rui Albude Momo do Recreativo e da ciquerque, “o jornalista Flávio dade; e a nossa Guyma Baddini, Cavalcanti fez ampla campanha sambista do Salgueiro por muitos contra o produto, pois os folicarnavais. Recordar e perceber ões passaram a misturá-lo com Rui Batista de como a vida é bela. Que aventura bebidas alcoólicas ou cheiráAlbuquerque Martins deliciosa”, conclui. Jornalista e publicitário -lo, causando sérios problemas

[close]

p. 12

12 Negócios • Produtos • Serviços Academia de Ginástica Água e Gás - Distribuidores Assistência Técnica Acessórios para Celulares Adega Ar Condicionado Aulas de Música Advocacia Artigos Esportivos e Suplementos Confira nossas ofertas • As melhores marcas com os melhores preços • Roupas e artigos esportivos Auto Center NUTRITION RED E SH O P R. Daria Galvão da Silva, 154 • Jd. Sta. Barbara Tel: 3202-1481 • 99648-6188 VERY 99838-4272 • 98817-7455 DELI Assistência Técnica Água e Gás - Distribuidores ELETRÔNICA área sob consulta Consertos em TV e TV LCD, Som e Vídeo Nacionais e Importados SEVEN 3012-0560 Compra · Venda · Troca Rua Carmem Miranda,136 Antiga Rua H - Júlio de Mesquita

[close]

p. 13

Negócios • Produtos • Serviços Auto Center e Borracharia Bazar, Roupas e Acessórios Chaveiros 13 Borracharia e Centro Automotivo Neguinho Super Promoção de Férias PNEUS • ESCAPAMENTO ALINHAMENTO • BALANCEAMENTO MECÂNICA 3217-6220 • ID: 55*959*2521 • 35*23*51467 R. Estado de Israel, 186 - Jd. Ipiranga (ao lado da Casa do Cidadão) Auto Mecânica Bolos, Doces e Salgados Disk Entulhos CAÇAMBAS e TERRAPLENAGEM ALUGUEL DE CAÇAMBAS PERMANÊNCIA DE 7 DIAS COMERCIAIS, INDUSTRIAIS, CONSTRUTORAS E RESIDENCIAIS Caçambas de 4,5m³, 5,5m³ e 6,5m³ www.meneguelcacambas.com.br / contato@meneguelcacambas.com.br Av. Dr. Américo Figueiredo, 3892 - Júlio de Mesquita Atendemos Sábados até as 16h e Feriados até as 12h 3018.7302 / 99711.1720 3019.4580 / 85*249977 Automóveis - Som e Acessórios Calhas, Rufos e Pingadeiras Disk Pizzas Bazar e Papelaria Casa de Carnes Disk Ração Chaveiros Escola de Educação Infantil • BALLET • ED.FÍSICA • MUSICALIZAÇ ÃO • SUCATA • CULINÁRIA KIDS • INFORMÁTIC A AULAS EXTRA S: • INTEGRAL • 1/2 PERÍODO • HORÁRIOS FLEXÍVEIS NÃO COBRAMOS TAXA DE MATRÍCULA SOB NOVA DIREÇÃO R. JOÃO JOSÉ DUARTE, 360 • JD. SÃO MARCOS escolabrincaeeducasorocaba@gmail.com TEL: 3342.6860

[close]

p. 14

14 Negócios • Produtos • Serviços Escola de Música Informática Máquinas de Cartões Escritório de Contabilidade Instituto de Beleza Marcenaria Informática Lanchonete e Disk Lanches Materiais Elétricos Limpeza e Higienização de Estofados Materiais para Construção Manicure e Pedicure Milk Shake

[close]

p. 15

Negócios • Produtos • Serviços Milk Shake Pilates Produtos Personalizados 15 Ótica Podologia Pet Shop e Banho e Tosa Prestação de Serviços ORÇAM E COMP NTO SEM ROMIS SO Restaurantes e Disk Marmitex Aceitamos todos os cartões MANUTENÇÃO RESIDENCIAL Instalação de Ar Condicionado Split Cerca Elétrica - Alarmes - Câmeras Interfone - Automatização de Portões Restauração e Conserto de Móveis Laqueação - Empalhamento de Cadeiras Elétrica - Hidráulica - Jardinagem Consertos & Serviços Alameda das Catléas, 161 - Jd. Simus TEL.: 3011-5694 / 98119-3441 Pilates Roupas e Acessórios Sr. Bugiganga Serviços Elétricos e Hidráulicos *Vazamentos e Reparos Hidráulicos *Ventiladores *Chuveiros *Interfones e Campainhas *Lâmpadas e Tomadas *Instalações Residenciais e Industriais *Serviços Diversos 99729-8559 / 99156-6517 98823-7899 98100-2563

[close]

Comments

no comments yet