Folha de Coqueiros edição 180 - Novembro de 2014

 

Embed or link this publication

Description

Folha de Coqueiros edição 180 - Novembro de 2014

Popular Pages


p. 1

ANO XIX nº 180 • NOVEMbro 2014 • SITE: WWW.FOLHADECOQUEIROS.COM.BR FOTO MÁRCIA QUARTIERO Pró-Coqueiros COMEMORA O BOM RESULTADO DA FEIRA                             !          Feira do Cacareco levou um grande número de moradores ao Parque de Coqueiros. Recursos arrecadados serão destinados à construção do centro de convivência. FOTO MARCOS VINÍCIUS Página 9 Usuários do Executivo Bom Abrigo querem o retorno da linha Página 4 Amarelinho Asfalto já Moradores da Paula Ramos fazem abaixo-assinado para pedir melhorias na rua Página 3

[close]

p. 2

2 • Ed itorial PÁGINA 2 • Ar t i g o NOVEMBRO / 2014 • www.folhadecoqueiros.com.br A Quase pronto comunidade de Coqueiros e região está perto de festejar mais uma conquista. O prédio do antigo almoxarifado da Casan, ao lado do Parque de Coqueiros, vai abrigar o Centro Cultural Coqueiros, um local de convivência de moradores e visitantes. Para tanto, o projeto arquitetônico – assinado pelas arquitetas Alda Bernardi, Maria Lúcia Gobbi e Sílvia Lenzi – moradoras do bairro – já se encontra finalizado e agora segue para projetos de engenharia. Projetado dentro de uma visão sustentável, com paredes verdes e telhas ecológicas, o Centro Cultural vai reunir sala para reuniões das associações, espaços para oficinas diversas e exposições, além de um local reservado para memória do bairro. Para contribuir com a reforma do imóvel (já existe uma verba de R$ 450 mil – R$ 200 mil de emenda orçamentária do vereador Pedrão e R$ 250 mil do orçamento no bairro) a Associação de Moradores de Coqueiros promoveu a Feira do Cacareco, no domingo, dia 9, no Parque de Coqueiros. A feira mobilizou a comunidade que fez várias doações entre livros, CDs e roupas como mostra a matéria publicada na página 9. Quase tudo foi vendido numa demonstração de parceria em torno de um só objetivo: conquistar um espaço abandonado para servir de ponto de encontro da vizinhança e um centro de promoção de cultura. O próximo passo será apresentar o projeto ao prefeito César Júnior. Afinal, foi ele que bateu o martelo e decidiu apostar na bela iniciativa dos moradores de Coqueiros. Da editora Trapiche II Em primeiro lugar quero saudar esse jornal Folha de Coqueiros, que olha com respeito e realidade a situação de nosso Bairro. Na última edição novamente veio à tona o assunto o Trapiche que fica na Rua Vereador José do Vale Pereira, atrás do Clube Doze De Agosto. Meu nome foi citado nesta edição e apareci no Jornal em vista de uma reportagem feita à época que apareceu uma Senhora se dizendo dona do Trapiche. Antes dessa correspondência enviei para o Diário Catarinense uma crônica a respeito da morte do Trapiche, pois aquele jornal informava a respeito de seu fechamento, muito embora, um grupo de engenheiros dizia que na verdade uma reforma era viável e possível. Agora através da Folha de Coqueiros vejo que se anuncia uma audiência pública quanto à manutenção ou não do Trapiche. Quero dizer a este jornal que defende nossa comunidade que Florianópolis é a terra do já teve, como dizia meu sogro nascido aqui. Eu repito: Já teve carro passando sobre a Hercílio Luz. Já teve o Miramar como falei. Já teve o Hotel La Porta. Já teve trenzinho puxado a mulas. Já teve o passeio das meninas na quadra onde existia o Palácio do Governo e nós, homens, ficávamos parados em pé, às vezes sentados na murada, vendo-as passar, procurando um flerte. Já teve o carnaval do Clube Doze de Agosto e Lira Tênis Clube e na quarta-feira de cinzas os blocos se encontravam na Praça XV. Já teve o Baile das debutantes nos dois Clubes. Hoje o Clube 12 está fechado. Interditado. O ciclo imutável na vida é o rebentar das ondas do mar na areia. É o ciclo do rio chegando ao mar. O ciclo do dia é ver o sol amanhecer, ao contrário do ciclo do anoitecer onde a noite é iluminada pela lua. Pois bem, deveriam ter ciclos materiais que não fossem da natureza e deveriam ser imutáveis e muitos daqueles que citei, como Miramar, deveria ser construído em uma das tantas beira-mar existentes. A ponte deveria ser reformada em menos tempo do que levou a sua construção e por aí afora. Agora colocaram uma lápide no Trapiche que o pai do Cacau construiu, atrás do Clube Doze. Uma vergonha. Dá pena ver aquela lápide impedindo que se chegue a um dos locais mais belos de paisagem que se tem em Coqueiros. Tínhamos que zelar melhor pela cultura desta terra, e olhem eu nem nasci aqui. Enfim, o que há de se fazer senão tentar mostrar ao futuro que ali na terra do já teve tinha um Trapiche onde muitas pessoas o aproveitavam e realizavam seus sonhos. Aqui em Florianópolis falta vontade política para fazer valer os usos e costumes da nossa Ilha muito menos vontade política de conservá-los. Espero que se houver audiência pública sobre a reforma ou manutenção do Trapiche seja publicada para que toda Coqueiros tome conhecimento e faça valer a ideia de que aqui em Coqueiros a terra do já teve continuou tendo. Carlos Alberto Zago Advogado FOTO GERSON SCHIRMER EXPEDIENTE Distribuição gratuita - Abraão - Bom Abrigo - Itaguaçu - Coqueiros - Vila Aparecida - Capoeiras - Estreito Diretor Comercial: Silvino Barão Goulart - Jornalista responsável/Edição: Sibyla Loureiro - 782/DRT/SC - Textos: Sibyla Loureiro Editoração/Diagramação: Edson Egerland - Departamento Comercial: Ilsa Ruzicki e Silvino Barão Goulart - Impressão: Diário Catarinense Cartas e artigos para Redação: folha@folhadecoqueiros.com.br Redação e Comercial: Rua Abel Capela, 195, sala 12 - Coqueiros - Florianópolis/SC- CEP 88080-250 - Fone (48) 3028-0162 - 3249-0163 Os artigos assinados não refletem necessariamente a opinião do jornal, sendo de inteira responsabilidade de seus respectivos autores. www.folhadecoqueiros.com.br 9RWDQRLQtFLRGRDQRWHPSRVVHGRVGHSXWDGRV HVWDGXDOIHGHUDOVHQDGRUHVJRYHUQDGRUHVHGD GRQD'LOPD(PTXDOYRFrYDL" (XYRXSUDFDVDGR*XHOOiQD 3UDLDGD6ROLGmRPHHVFRQGHU (XWDPEpPYRXQHVVD %DUmR

[close]

p. 3

NOVEMBRO / 2014 • www.folhadecoqueiros.com.br mural Escola ideal 3 Moradores pedem asfalto na Paula Ramos Moradores da Rua Paula Ramos, em Coqueiros, estão promovendo um abaixo-assinado para pedir melhorias na via. Reivindicação antiga da comunidade, a rua, embora usada para tráfego de ônibus, está cheia de buracos e com lajotas soltas ao longo do caminho. “Não entendemos porque a rua está asfaltada na parte de Capoeiras e no lado de Coqueiros está abandonada. Nossos bens estão deteriorando, sem falar no barulho constante de veículos freando em frente aos obstáculos ou caindo nos buracos”, diz José Vitor. Morador há 38 anos do local, seu Neri Avila afirma que a rua nunca esteve tão desprezada. “Na prefeitura consta que toda a Paula Ramos está asfaltada. Isto é uma grande mentira”, denuncia. O vídeo, publicado no Facebook da Folha de Coqueiros, rendeu quase sete mil acessos e vários comentários. Confira abaixo algumas opiniões: “Já foram feitas várias interferências junto à prefeitura, porém nunca fizeram nada para melhorias. Sequer a manutenção. Se fizessem a conservação, a população não se importaria de a via não ser asfaltada”. Antenor Cirtoli (foto). “Parabéns, vizinhos, vamos ver se, agora, sai o asfaltamento da Paula Ramos, pois já tentamos por diversas vezes tal solução sem sucesso. Inclusive, estivemos com o secretário do Continente, no dia do projeto Prefeitura no Bairro, no Parque de Coqueiros, e formulamos nossa reclamação e descontentamento”. Leonardo Schmalz Tatim “A Rua Professor Bayer Filho, a exemplo da Paula Ramos, também não é asfaltada. Onde estão os vereadores eleitos pelo bairro?” Lydia Maria Ramos Costa Procurada pela Folha de Coqueiros, a Secretaria do Continente, através da assessoria de Imprensa, informou que a Casan já reassentou as lajotas que foram retiradas para obras de saneamento no local. Com relação ao asfalto, o secretário Municipal de Obras, Rafael Hahne, disse que “a FOTO MARCOS VINÍCIUS via consta no relatório de ruas a serem pavimentadas na etapa 3 do PAC2. Este relatório foi encaminhada à Caixa Econômica Federal para análise. Após a aprovação, será feito o processo licitatório”. FOTO DIVULGAÇÃO Equipe do Posto de Saúde de Coqueiros - representada pela enfermeira Juliana Araújo Martins, a cirurgiã-dentista Cláudia Lopes Menegazzo e pelas agentes comunitárias de saúde Eneida Daitx Magnus e Maria Cristina Madeira – realizou atividades educativas referentes ao Outubro Rosa e DSTs no Supermercado Imperatriz. Juliana explicou aos funcionários os tipos de doenças existentes e as formas de prevenção, e falou ainda como evitar o câncer de mama. Outras atividades foram realizadas pela unidade para mulheres na faixa etária de risco, e também ao grupo de tabagismo que se reúne nas terças-feiras no posto. Ao todo são sete participantes, incluindo usuárias de outros centros de Saúde como Vila Aparecida e Abraão. Na foto, o grupo realiza caminhada no Parque de Coqueiros. Outubro Rosa Zelita Chamone* Nesta época de renovação de matrícula, é comum a corrida às escolas em busca daquela que satisfaça o sonho familiar de viabilizar às crianças um ensino de qualidade. Com certeza, em vários momentos a família pensa e questiona: “como será uma escola ideal”? A preocupação mais coerente deve ser a do bem-estar das crianças em todos os sentidos. É importante uma escola que, além da preocupação com o ensino-aprendizagem atualizado, viabilize outras questões que também devem ser prioritárias, como a segurança e diálogo constante e facilitado com os pais ou responsáveis. Uma escola aberta tem obrigatoriamente a presença dos responsáveis pedagógicos para oportunizar ao visitante o conhecimento do Projeto Político Pedagógico (P .P .P .). Este é um ponto primordial que oportuniza mostrar as ações da escola e os procedimentos adotados. Por meio deste projeto, há condições de avaliar se é uma escola apenas conteudista e superespaçosa ou se é uma instituição que tem nos pilares a afetividade, o desenvolvimento do pensar, do interagir e do socializar para uma aprendizagem efetiva. Também é importante conhecer a formação dos professores, quais as metas de investimento, se há capacitação nas reuniões pedagógicas, se há paradas pedagógicas em horários de aula, se é cobrada taxa extra para a colônia de férias, se há os ditos feriados emendados, entre outras questões. São quesitos que vão sinalizar se a escola, efetivamente, está dando o constante passo dentro da modernidade educacional. A escola ideal precisa ter como premissa a busca pela excelência pedagógica, interpessoal, processos específicos, organizações distintas, além dos pilares norteadores proporcionando instrumentos cada vez mais produtivos. Através da transparência adotada pela escola é que as pessoas vão conhecer e compreender a estrutura e funcionamento dela, como também a escola passa a conhecer a expectativa de cada família. Estas premissas levam a escola a monitorar as outras variáveis que fazem parte do cotidiano dela, como, por exemplo, mudanças que venham ocorrer na comunidade (principalmente relacionada à segurança). Em decorrência, buscar possíveis oportunidades, tendências econômicas e ajuste pedagógicos. Só visitando a escola, amadurecendo a ideia, trocando informações e conhecendo o grupo educacional é que a família chegará, sem pressa, a uma escolha sem frustrações. Zelita Chamone é coordenadora do Centro Educacional e Recreativo Quatro Estações. É pedagoga com formação em psicopedagogia, terapia da fala e educação especial. HQR FRQWUDWXUQ 5XD0DO$UWKXUGD&RVWDH6LOYD&RTXHLURV HVTXLQDFRPD5XD3DSD-RmR3DXOR;;,,, ZZZIDFHERRNFRPIDQSDJHQRVVRPXQGR_)RQH    a QDVIHULDV/XJDUGHFULDQFD 

[close]

p. 4

4 geral NOVEMBRO/ 2014 • www.folhadecoqueiros.com.br Executivo Abraão muda trajeto e linha Bom Abrigo é desativada FOTO MARCELO BITTENCOURT/agosto de 2008 Por Sibyla Loureiro D epois de 26 anos em operação na região de Coqueiros, o Executivo Abraão – mais conhecido como Amarelinho – mudou a sua rota. Desde o dia 1º de novembro, a linha Abraão está atendendo também o bairro Córrego Grande. Na prática, será uma ligação direta entre o Continente, Centro, Córrego, Trindade e vice-versa. Para tanto, o trajeto foi alterado, especialmente no centro da cidade: ao invés de o Executivo circular pela Avenida Hercílio Luz, por exemplo, o ônibus seguirá direto para o Terminal Cidade de Florianópolis. A partir daí, segue pelas ruas Tenente Silveira, Deodoro e avenidas Osmar Cunha e Othon Gama D’Eça (confira o itinerário no www.consorciofenix.com.br, link horários). Além desta mudança, o Executivo Bom Abrigo, que trafegava nas vias paralelas dos bairros Coqueiros, Itaguaçu e Bom Abrigo, foi desativado. O preço também mudou: de R$ 4,50 para R$ 5,50. As alterações fazem parte do novo sistema de transporte público de Florianópolis. O Consórcio Fênix, que venceu a licitação este ano, assumiu a operação do Sistema Integrado e Mobilidade (SIM) que, entre outras novidades, colocou outras linhas, ampliou os horário e renovou a frota. Todos os novos ônibus estão equipados para atender pessoas com deficiência. “Esse é o primeiro passo de uma longa caminhada em busca de um transporte público mais eficiente, com mais qualidade e conforto para o usuário”, afirmou o prefeito Cesar Souza Junior, acrescentando que a “acessibilidade foi uma das grandes preocupações na nova licitação”. Publicada no Facebook da Folha de Coqueiros, as mudanças do Executivo não foram bem recebidas pelos moradores da região. Confira algumas opiniões abaixo: Sonia Rosa - Que abuso. E temos que engolir mais essa. Karina Melo Vieira - Absurdo desativar a linha Bom Abrigo. Lydia Maria Ramos Costa - E o morador de Coqueiros só se prejudica. Isto tudo para incentivar o transporte público e menos carros nas ruas. Só rindo! Tânia Regina Locks - Passagens mais caras afastam os usuários. Mais qualidade, mais linhas que circulam por toda grande Mudanças envolvem também o aumento da tarifa Florianópolis e passam pelo bairro e passagens mais acessíveis é a solução. Carolina Sena - Ridículo! Pegaram as duas linhas que têm bastante usuários, promoveram essa alteração só pra aumentar a passagem. Duvido que a maioria de passageiros faça o trajeto completo até o Córrego. Osni Proença - Não podem mudar o que está dando certo, e não vejo a necessidade de tirarem o Amarelinho, e isso é sacanagem de R$ 4,50 a R$ 5,50. Vitor e Ana Gevaerd - Lamentável... desrespeito total com os usuários. Claudia Maria Augusto da Rosa Assim tipo perguntar para os moradores de Coqueiros, bom Abrigo e Abraão nada, né? Isso é democracia Cesar Souza Júnior? Cintia Floripa - Manifesto minha insatisfação e indignação pela desativação da linha do transporte executivo Bom Abrigo. A Prefeitura Municipal de Florianópolis não se preocupou em ouvir os usuários do transporte, simplesmente decidiu desativála independentemente dos independentemente dos 26 anos que esteve ativa e da população que contava com esse meio de locomoção. Também ignorou que a maioria dos usuários desce na Avenida Hercílio Luz e arredores do TAC. É dessa forma que a prefeitura motiva a população a deixar o carro em casa? Pelo retorno da linha Bom Abrigo já! Cintia Floripa - Para a minha surpresa o ônibus grande que foi colocado no lugar do Amarelinho não tem nenhuma adaptação. Os degraus são curtos, catraca apertada e dura, bancos da frente altos sem acesso para quem tem deficiência física. Qual o conceito de mobilidade e acessibilidade que a PMF defende com essa mudança? Creio que a população pode ajudar muito a responder... Luis Felipe Nozar - Ótima mudança pra quem mora no Abraão. José Manuel Sappino - Bem melhor. Sempre falei que o Amarelinho de Coqueiros tinha que fazer uma ligação com mais regiões da ilha. Pelo valor que tem. Mais opiniões na seção de Cartas, na página 11. O QUE DIZ A PREFEITURA De acordo com o diretor de Planejamento da Secretaria de Mobilidade Urbana, Vinicius Cofferri, a secretaria está reformulando o serviço executivo e a linha Bom Abrigo faz parte desta reformulação. “A SMMU está recebendo sugestões e reclamações e avaliando caso a caso. Até o início de dezembro o projeto entrará em operação”, informa o diretor. Motorista faz sua última viagem FOTO SIBYLA LOUREIRO Opinião Desde junho de 1988 conduzindo o Executivo Abraão, o motorista Mário Rogério Alves de Souza fez seu último trajeto na sexta-feira, dia 31 de outubro. A partir de agora, ele vai comandar a linha Jardim Atlântico-Santa Mônica. Embora otimista frente ao novo desafio, confessa que está entristecido e já sente saudades da comunidade de Coqueiros. “Procuro nem pensar no assunto. Afinal, fiz muitas amizades e guardo boas lembranças. Já transportei os pais e hoje levo os filhos para o colégio. Dirigi em estrada de paralelepípedo e acompanhei o crescimento do bairro. É uma vida”, revela Mário, 51 anos. Funcionário da Empresa Estrela desde os 19 anos, quando ingressou para trabalhar como cobrador, Mário iniciou a carreira de motorista em linhas intermunicipais, em seguida foi dirigir os antigos “Farofinhas” – que atendiam usuários na temporada de Verão – e depois guiar os Executivos. Morador de Forquilhinha, Mário, com certeza, vai deixar saudades. Dono de uma peculiar paciência e simpatia, sempre foi um motorista exemplar e um cidadão educado. Mário é transferido para o Santa Mônica Quem acredita no futuro, cuida com carinho e segurança! A Clínica Santa Helena completa 20 anos dedicados exclusivamente aos atendimentos de Maternidade e UTI Neonatal, hoje, referências no estado. Obrigado pela confiança. Emergência Ginecológica e Obstétrica 24 horas. Diretor Técnico: José Francisco Zambonato CRM 7779 www.clinicasantahelena.com Rua Álvaro Soares de Oliveira, 117 Jd. Itaguaçu - Florianópolis - SC (48) 3271.4400

[close]

p. 5

NOVEMBRO / 2014 • www.folhadecoqueiros.com.br márcia quartiero mquartiero@gmail.com 5 Desrespeito Sem autorização da Secretaria Municipal do Continente, os responsáveis pelo Colégio Visão resolveram aumentar o muro externo do estabelecimento, construído sobre as pedras, com o intuito de cobrir a parte lateral, que dá para o trapiche da Praia da Saudade. Acionados por moradores, os fiscais estiveram no local e embargaram a obra. Conforme a assessoria de comunicação da Secretaria, após a visita, o colégio “desistiu” de fazer a cobertura e teria se comprometido a derrubar uma viga. Vale salientar que a obra permanece embargada e está sendo monitorada pela fiscalização, que pode ser acionada pelo telefone 3271-7934, mesmo nos finais de semana. Em tempo – O proprietário de duas casas em situação de abandono no final da Rua Vereador José do Vale Pereira providenciou o fechamento do acesso a uma delas e das janelas da outra, cujas basculantes tinham sido roubadas. A iniciativa foi tomada depois de a Folha de Coqueiros acionar a Secretaria Municipal do Continente e, esta, autuar o responsável. Uma demonstração de que é possível obter resultados quando comunidade e órgão público se mobilizam. Por uma boa causa As obras de pavimentação das avenidas Desembargador Pedro Silva e Engenheiro Max de Souza continuam dando dor de cabeça aos motoristas. A boa notícia é que elas agora entram em uma segunda fase, a do recapeamento propriamente dito. De acordo com o responsável pelos trabalhos, pela Secretaria Municipal de Obras, engenheiro Maurício Largura, foram retificados inicialmente os pontos mais críticos para que eles pudessem receber a nova camada de asfalto, de três centímetros. A conclusão está prevista para o dia 8 de dezembro. A pedido do presidente da Associação dos Moradores da Praia do Meio, Itaguaçu e Saudade (Ampims), Marquinhos da Silva, o engenheiro, acompanhado por representantes da empresa licitada para executar a pavimentação asfáltica, esteve no local e se comprometeu a realizar os serviços em uma pista de cada vez e não nas duas, como foi feito na primeira fase. Marquinhos também manifestou sua preocupação com a preservação das chamadas bocas de lobo. Para o vereador Pedro Silvestre, o Pedrão, os transtornos valem a pena, pois de acordo com os engenheiFOTO divulgação ros da Prefeitura será uma pavimentação de boa qualidade, que deve durar pelos próximos 20 anos.  Da esquerda para a direita, José Vitor, o técnico Arley Anselmo e engenheiro Maurício Largura, da Secretaria Municipal de Obras, Marquinhos, da Ampims, e Maurício Lago e Edson Rodrigues, da empresa responsável pela obra Foto Nelson Santiago Obra não tinha autorização Poda necessária Foto Angela Dal Molim A Fundação Municipal do Meio Ambiente (Floram), a pedido da Pró-Coqueiros, promoveu em outubro o trabalho de revitalização lizar a área de lazer. Acionado do trecho final da Rua João pela Folha para saber o porquê Roberto, que desemboca na do terreno ainda continuar sem Jaú Guedes da Fonseca. É as melhorias prometidas, Simas nesse local que a Secretainformou que o órgão aguarria Municipal do Continente dava a liberação dos recursos se comprometeu a construir necessários para essa etapa. Ele uma pequena praça. garantiu que as obras iniciarão O trabalho contemplou a no dia 25 de novembro. poda de árvores e corte de EM TEMPO – O chefe do raízes, que estavam provoDepartamento de Praças e Arbocando desníveis nas calça- Floram atendeu pedido da comunidade rização Pública informou que a das. De acordo com o chefe Floram, em virtude de reclamações de de Departamento de Praças e Arborização Pública, Antônio moradores, promoveu poda e limpeza no canteiro central da Carlos Simas, as árvores plantadas no local, a maioria Ipe Rosa, Avenida Tamandaré. Esse mesmo trabalho foi iniciado na rua são inadequadas. lateral ao Posto Esso de Coqueiros, mas acabou não sendo Na oportunidade, também foi prometido que seria feita uma finalizado porque havia muitos carros estacionados embaixo das limpeza no terreno e plantada grama – primeiro passo para viabi- árvores. Simas se comprometeu a finalizar o serviço em breve. Um buraco para chamar de meu Há quase dois meses, um buraco na calçada da Avenida João Meirelles, feito pela Casan – para consertar a sua própria rede – se mantém “firme e forte” apesar dos vários pedidos de providência feitos pelos moradores do Abraão. Somente a síndica do edifício que fica em frente ao buraco já tem seis protocolos de atendimentos anotados em sua agenda. O máximo que conseguiu foi com que a Casan colocasse um cavalete sinalizando o problema. Fotos Márcia Quartiero Obras agora entram numa segunda fase

[close]

p. 6

6 Guia de Natal NOVEMBRO / 2014 • www.folhadecoqueiros.com.br Tempo de decorar a c FOTO MARCELO BITTENCOURT Por Sibyla Loureiro É tempo de ir às compras e enfeitar a casa para o Natal. Para evitar atropelos de última hora, congestionamento, falta de segurança e de estacionamento nada melhor do que conferir os produtos oferecidos pelo comércio local. Entre os vários segmentos, um dos destaques é a moda. Para tanto, a região de Coqueiros disponibiliza um leque de opções de compras e presentes. Desde roupas femininas, moda íntima, tanto para mulheres como para homens, até lojas especializadas no público infantil podem ser encontrados nos bairros. Sem esquecer das lojas de calçados e de produtos voltados à cama, mesa e banho, como é o caso da Confecções Bettio, na Praia da Saudade. Quem não tem tempo para circular na região, pode contar com várias lojas reunidas em só espaço. No centrinho de Coqueiros, encontramos o Shopping Chamonix que tem opções – na Ewem Meias- de pijamas para a toda a família, lingerie sensual e calcinhas e cuecas coloridas para começar 2015 com muita sorte. Para a criançada, rou- pas e acessórios na Bee Kids. E para a ceia, os clientes podem encontrar uma variedade de produtos direcionados para preparação de bolos, tortas e outros quitutes no Empório Granolê. Outro local que concentra diversos segmentos é o centro comercial A loja BEE KIDS deseja a todos os clientes e amigos um NATAL repleto de alegria, saúde e amor! Que todos os dias do ANO NOVO sejam iluminados para você e sua família! Continuaremos com a mesma dedicação e carinho por nossos clientes e amigos! Esperamos a todos com muitas novidades, a loja está localizada no Mini Shopping Chamonix, Rua Engenheiro Max de Souza, 1451. Neste Natal Seja Original e não deixe para a última hora. Presenteie com cestas da Baunilha Flor. Venha conhecer nossas sugestões ou monte você mesmo a sua cesta! Nosso horário de atendimento é de segunda à sexta das 09:30-12:00/13:30 -19:00 e sábado das 09:00-12:00 hr. (48) 3364-0824 (www.facebook.com/baunilhaflor email: baunilhaflor13@gmail.com) Baunilha Flor , presente em seus momentos.

[close]

p. 7

Guia de Natal 7 casa e ir às compras FOTO DIVULGAÇÃO Gualter Tibaux, em Coqueiros. Ali, a clientela pode conhecer a boutique Lara Rosa, e encomendar cortes de carnes para comemorar o Réveillon. É o Empório Kretzer que ainda oferece especiarias, conservas, doces, azeites e bebidas, tudo da melhor qualidade. Seguindo esta tendência, quase no início do bairro Itaguaçu outro centro comercial vem se destacando na região. Calçados, roupas femininas e infantil, pijamas, biquínis, enfim, uma variedade de presentes para família e amigos. Uma boa dica também é visitar a loja de colchões Ortobom, que fica na redondeza. Ainda podemos citar outros locais como a Galeria das Flores, na Rua Abel Capela, que tem loja de roupas femininas, loja de artesanato e um ateliê de pintura, com diferentes quadros pintados pelo artista plástico Machado. Vale a pena conferir e escolher uma tela como sugestão montadas ao gosto do freguês. Na lista de presentes e para decorar a casa também não podem faltar as flores. Em Coqueiros, é possível encontrar várias sugestões na Floricultura Indaiara. Entre elas, cestas de flores mistas, orquídeas e a tradicional Euphorbia, a flor do Natal. E no bairro Abraão, a Flor e Ser que oferece cestas de café da manhã, chocolates, perfumaria, além dos arranjos de flores. CEIA: Para o Natal, a Mercearia Vó Marcília está recebendo encomendas de frango assado para os dias 24 e 25 de dezembro. Como complemento, aipim frito, batata frita, polenta, salada de batata e farofa. Quem não dispensa uma boa carne de gado, a mercearia ainda oferece cortes de costela, maminha, fralda, contrafilé e linguiça. A casa vai funcionar na véspera e dia de Natal das 8 às 19h. Já para a ceia de Réveillon, a sugestão é fazer reserva no Empório Kretzer. A escolha pode ser entre pernil de porco, lombo recheado e paleta suína. Todos para preparar em casa. um mar de flores Cestas Jardinagem Bouquets Presentes Arranjos Paisagismo Plantas de Jardim Plantas de Interior (48) 3028 2545 8505 2545 Oi 96058889 Tim Rua João Meirelles, 979 - Abraão - Florianópolis de presente. Para quem mora no bairro Abraão, as opções são várias. A começar pelo centro comercial no Edifício Porto dos Corais. Além das tradicionais lojas, acaba de inaugurar mais um endereço voltado ao público feminino, a Arrazzo, com destaque para vestuário de tamanhos grandes. Se a preferência for por presentes ligados à área da alimentação, a Baunilha Flor tem cestas que podem ser ARRAZZO store A mais nova loja de Moda Feminina do bairro Abraão, convida você a prestigiar o lançamento da coleção Verão 2015 que está um ARRASO. Trabalhamos com moda P, M, G e GG e também atendemos ao público Plus Size (G1, G2 e G3). Temos Bolsas e Acessórios. Desde já desejamos a você um Feliz Natal e um Ano Novo repletos de Saúde, Sucesso e Realizações. Abraços da equipe ARRAZZO STORE. Rua Silvio Possobon, 70 - Sala 2 - Abraão - Esquina c/Rua João Meirelles Ed. Porto dos Corais - Em frente à Confeitaria Akitutes 48 3091 1975 modasarrazzostore @arrazzostore 48 8452 5633

[close]

p. 8

8 saúde NOVEMBRO / 2014 • www.folhadecoqueiros.com.br GETI completa 25 anos com intensa programação M Por Sibyla Loureiro FOTO DIVULGAÇÃO ais antigo programa de extensão comunitária do Cefid/Udesc em atividade, o Grupo de Estudos da Terceira Idade (Geti) - voltado à promoção da saúde e qualidade de vida de idosos - acaba de completar 25 anos. Para comemorar a data, uma ampla programação foi desenvolvida desde o mês de setembro. Entre os eventos, pode-se destacar a Campanha Gentileza gera Gentileza - que distribuiu quatro mil flores em várias partes da cidade -, Festival de Ginástica e Dança e Mostra de Talentos Musicais. E para encerrar o ano, dia 1º de dezembro acontece – no auditório do Cefid, em Coqueiros-, a formatura da Universidade Aberta para Terceira Idade (Unati) e do curso de informática. “Promovemos também a palestra Envelhecimento bem-sucedido, além de mobilizar o grupo da Universidade Aberta para um trabalho social. Os alunos da Unati montaram, durante os festivais de Ginástica e de Dança, a Tenda Solidária. Ali foram comercializados trabalhos artesanais e a renda foi revertida para o Orionópolis de São José”, diz a coordenadora do Geti, Giovana Zarpellon Mazo. Ao todo, o Geti mantém 400 idosos, 10 professores e 20 estudantes do Cefid/Udesc. De forma gratuita, hoje são oferecidas 15 ações que envolvem desde a prática de exercícios físicos até atividades socioeducativas, culturais e terapêuticas (veja o quadro). Com exceção da cantoterapia, teatro e universidade aberta, que exigem idade de 55 anos para ingressar nas modali- Mostra musical reuniu vários grupos e apresentação individual Ações • Caminhada • Canto • Dança • Ginástica • Hidroginástica • Informática • Musculação • Natação • Pilates • Yoga • Teatro • Musculação para Idosos com Incontinência Urinária • Fisioterapia para Idosos com Incontinência Urinária • Treinamento de Equilíbrio e Prevenção de Quedas • Universidade Aberta dades, as demais ações requerem idade de 60 anos. “Ao oferecer serviço à comunidade, a universidade está cumprindo um dos seus papéis que é a responsabilidade social. Desse modo, a vivência com a clientela enriquece as pesquisas e forma profissionais com mais qualidade. Em se tratando do trabalho voltado ao idoso, o objetivo é minimizar o envelheci- mento em todos os aspectos físico e social”, explica Giovana, que conta com a parceria do Laboratório de Gerontologia (Lager). Entre as pesquisas que estão sendo desenvolvidas pelo laboratório, uma merece destaque especial. Trata-se do Estilo de Vida de Idosos Centenários, projeto que pretende mostrar como vivem as pessoas com 100 anos ou mais. “Se alguém tiver algum idoso com estas características na família ou tiver conhecimento na sua rede de amigos, pode entrar em contato com o Geti”, solicita Giovana. NOVOS ALUNOS – Os interessados em participar do programa devem se matricular entre os dias 5 e 6 de março de 2015, a partir das 13h30, no Cefid, em Coqueiros. Rua Pascoal Simone, 358, fone (48) 3321-8659.

[close]

p. 9

NOVEMBRO/ 2014 • www.folhadecoqueiros.com.br geral 9 Moradores apoiam a Feira do Cacareco FOTOS MÁRCIA QUARTIERO Por Márcia Quartiero F oi um sucesso a primeira edição da Feira do Cacareco, promovida pela Associação de Moradores de Coqueiros (Pró-Coqueiros), com o objetivo de arrecadar fundos para as atividades da entidade e para a reforma do antigo almoxarifado da Casan, que irá abrigar a futura sede do centro de convivência de Coqueiros. Inúmeros moradores “compraram” a ideia e doaram livros, CDs e artigos como louças, sapatos, roupas, quadros e discos de vinil. Quase tudo acabou sendo vendido no dia da feira (9 de novembro). O pouco que sobrou de livros foi entregue ao projeto que incentiva a leitura nos terminais urbanos e o restante a instituições assistenciais. “Todos foram muito solidários e participaram de várias formas e com o quanto podiam”, observa a secretária da Pró-Coqueiros, Beatriz Kauduinski Cardoso. Para o presidente da entidade, James Lobo, a feira também foi uma oportunidade para conhecer melhor os moradores e estreitar o relacionamento com a comunidade. A atividade foi inserida dentro da programação de encerramento da Semana Lixo Zero, que contou com diversas apre- sentações no canteiro central do Parque, relacionada à educação ambiental, organizadas pela Floram e Instituto Lixo Zero. Também no domingo, o morador Rodrigo Kiko Bungus Ferreira liderou um mutirão de limpeza da pequena praia do Parque de Coqueiros. Projeto entra na fase final Já está em fase final o projeto do centro de convivência, desenvolvido pelas arquitetas Maria Lucia Gobbi, Alda Bernardi e Silvia Lenzi. “Houve um pequeno atraso porque precisávamos de informações da Casan sobre a parte estrutural, necessárias para que pudéssemos fazer mudanças como a retirada da escada interna, que está totalmente fora dos padrões exigidos pelo Corpo de Bombeiros”, explica Alda. Os dados técnicos repassados pela Casan comprovaram a viabilidade de se Associação comemora o sucesso do evento. Objetos foram quase todos vendidos telhas ecológicas, por exemplo”, diz Alda, que fez a apresentação do projeto arquitetônico na última quarta-feira, dia 19, para as entidades comunitárias da região. Na sequência, o documento será entregue ao prefeito César Júnior e, em seguida, encaminhado para elaboração de projetos de engenharia hidráulico, elétrico e estrutural. fazer mais um pavimento. “Todo o projeto está sendo pensado dentro de uma visão sustentável, com parede verde e

[close]

p. 10

NOVEMBRO / 2014 10 Arquitetura! Interiores! • www.folhadecoqueiros.com.br ! ! ! ! ! Av. Max de Souza, 751, lj 102 – Coqueiros Fones: 8445-4445 - 8400-6830 Reformas! ! Restauro! http://arqmarialuiza.wix.com/portfolio! CHAVEIRO Lele Chaves Serviços de chaveiro em geral, automotivo e residencial. Cópias de controle. Atendemos em domicílio. Av. Max de Souza, 1387 – Coqueiros – Posto Shell Fones: 9952-1898 e 3028-5697 Farmácia Essencial Excelente atendimento, diariamente, inclusive feriados e domingos. Das 7h às 23h Av. Dês. Pedro Silva, 2668- sl 03Coqueiros - Fone: 3249-0498 M.S. Moda Intima Venda de roupas íntimas em geral Rua Videira, 27, sl 04- Abraão Fone: 3348-9702 FRETE MACHADO Desmontamos seus móveis 48 9992-0220 - 48 9983-7080 Fruteira Pauli e Mercearia Atendimento: seg à sexta das 7h às 19h 30 / sáb das 7h às 16h Rua João Meireles, 345 Tele-entrega: 3249-1095 Galeto da Mamma Galeto ao Primo Canto, melhor polenta e tradicional rodízio. Tele-entrega. Confira o cardápio no www.galetodamamma.com.br Rua Plácido de Castro, 201- Bom Abrigo - Fone: 3249-6028 Info Business Infb.com.br [Soluções em Tecnologia & Informática] Atendemos em domicílios e empresas. Serviços em manutenção de computadores, redes, aulas de informática, softwares, websites, recuperação de arquivos e projetos em tecnologia. Informe-se: www.infb.com.br / Fone: (48) 3244.6302 / 9998.7277 DanDog’S Hot dogs, dogs doce, Xdogs, lanches prensados e tradicionais Dogs de camarão e dogs vegano Tele-entrega: 3288-0019 - 3241-4031 - 99075689 – 8450-7415 Rua Estilac Leal, 2242, esq. Ateliê do Pão Sancler Lanches Aberto de seg. a sábado das 18 às 24h Rua Ver. José do Valle Pereira, esq. Eng. Max de Souza - Coqueiros Tele-entrega: 3249-8262 (até 1h) Tá Limpo Supermercados Angeloni e Bom Abrigo- Rua João Meireles, 523 Busca e entrega - Fone: 3249-6407 FARMÁCIAS https://www.facebook.com/maluncarquitetura! FEMININA Vó Marcília Cachorro-quente, cafés e tortas. Mercearia e frango assado. Cerveja em garrafa bem gelada. Diariamente das 8h às 23h Av. Max de Souza, 1149 – Coqueiros Fone: 3244-1525 Rua Dês. Pedro Silva, 2450 - Coqueiros Fones: 3249-0990 e 3249-0011 Recanto das Pedras Especializado em frutos do mar Rua Dês. Pedro Silva, s/n – Itaguaçu Fone: 3249-0766 Rei do Bacalhau Especializado em comida portuguesa Rua Dês. Pedro Silva, 3130- Itaguaçu Fone: 3348-0716Reservas: 3244-1387 Restaurante Avenida Saboroso buffet a kilo Segunda a sábado: das 11h às 14h30 Av. Eng. Max de Souza, 1048 (em cima do Sesi Farmácia) Fone: 3248-6752 S ART HAIR CABELEIREIRO Especializado em tratamentos capilares, química, cortes unisex, progressivas. Manicure e depilação. Rua Silvio Possobon, 70, sala 01, Abraão - Edifício Porto dos Corais Das 9h às 20h de segunda a sábado - Fone: 3025-4147 Sandra Beauty Center Atendimento: de seg. a sábado das 8h às 19h Ed. Coral Center, sala 402 Av. Almirante Tamandaré, 94 - Coqueiros - Fone: 48 3304-7702 Venha conhecer o nosso espaço. JM hair design Especialista em Penteados e Maquiagem - Dia da Noiva e Formanda - Cortes masc/fem/infantil Des. Pedro Silva, 2649 – Coqueiros (48) 3209-1235 www.jmhair.com.br Contato: (48) 88246115! arq.marialuiza@gmail.com ! ! PADARIAS L´EPAN PADARIA E CAFÉ ACESSÓRIOS PARA LOJAS Pró-Loja Manequins e Acessórios para lojas De segunda a sexta das 8h às 12h e das 14h às 18h Rua Des. Pedro Silva, 1990 Fone: 3244-4877 CONFECÇÕES Confecções Bettio Moda em malha em geral Masculina, feminina, infantil, uniformes escolares, presentes, aviamentos, utilidades em geral. Av. Des. Pedro Silva, 1840 – Praia da Saudade - Fone: 3024-5800 FRETES FRUTEIRA Av. Almirante Tamandaré, 106 Coqueiros (ao lado do Teddy Bear e do novo Banco do Brasil) Um espaço super aconchegante com deliciosos pães e bolos artesanais. De segunda a sábado, das 7:00 às 20:30 Fone: 48 3024-7212 Panificadora Princezinha Av. Max de Souza, 1468 - Coqueiros Fone: 3244-0911 Unité Pilates Pilates+ Plataforma vibratória+ TRX+ treinamento funcional+ trabalho aeróbico integrado. Av. Almirante Tamandaré, 94 sala 608 Ed. Coral center Fones: 3240-2323/ 9151-6903 Equipe Ivana Henn A maior rede de Pilates do Brasil agora também na Desembargador Pedro Silva, 2988, Itaguaçu. Fone 30242676. Tekné Studio de Pilates Av. Engenheiro Max de Souza, 1615 Anexo ao Clube Doze Fone: 3025-5822 e 9963-2892 Pisos Mix - Pisos e Revestimentos Especiais Pisos atérmicos e antiderrapantes para áreas externas; piso drenante; bordas para piscinas. Fulget e cimento queimado. Produtos para limpeza, conservação e manutenção de porcelanatos, granitos e mármores. Rua: Des. Pedro Silva, 2668 - loja 01 - Coqueiros - 48 32447761 www.pisomixpisos.com.br SALÃO DE BELEZA ANIMAIS -CLÍNICAS VETERINÁRIAS Clínica Animal Hospedagem diferenciada para gatos. Farmácia veterinária Clínica veterinária e pet shop Rua Joaquim Fernandes de Oliveira, 153 - Abraão - Fone: 3025-5835 FLORIPA PETSHOP O Shopping do seu Bicho Acessórios; Medicamentos Diversas Marcas de Rações Máquina de Cartão a Domicílio Av. Engenheiro Max de Souza, 790 - Loja 02- Coqueiros E-mail: floripapetshop@hotmail.com Tele-entrega: 3039-4010 CONGELADOS Magazzino Di Massa Canelones, empadões, lasanhas, conchas recheadas, pizzas, massas cruas, molhos e carnes. Sobremesas. Av. Max de Souza, 790, lj 05- Coqueiros - Fone: 3879-7949 PILATES GALETERIA CONTABILIDADE O Contabilista Contabilidade de empresas e de condomínios. Imposto de Renda. Rua Des. Pedro Silva, 2596 – 1º andar- sl 1- Coqueiros Fones: 3024-4728 – 9112-9930 – 8408-8625. INFORMÁTICA CORRETOR DE SEGUROS Jorge D.Hexsel Automóvel,Residencial, Condomínios, Empresarial, Vida Fones: 9907-7055 (Vivo) 8429-6299 (OI) 3028-8138 e-mail:jhexsel2004@yahoo.com.br ANIMAIS - PET SHOP Bicho da Casa Produtos e serviços de Pet Shop Rações, Medicamentos, banho e tosa, consultório veterinário, tele-entrega gratuita. Rua João Meirelles, 794 – Abraão Fone: 3348-5334 Vanzella Pet Shop PISOS E REVESTIMENTOS LANCHES CITE - Salão e Estética COSTUREIRAS Consertos Shekinah Conserta-se roupas em geral- bainhas- zipper jaqueta, ajuste, etc. Rua João Meireles, 1067- sl5 Abraão Fones: 4141-3311 / 8423-7012 Italy Eletrônica Manutenção em equipamentos de áudio, vídeo e periféricos de Informática, nacionais e importados. Comércio de peças e acessórios Av. Eng. Max de Souza, 1451 Mini Shopping Chamonix, lj 6 Fone: 3348-4327 Cabelos: Químicas, cortes, penteados Depilação Manicure Estética Facial Horário: 9h às 18h de seg. a sáb. Av. Eng. Max de Souza, 790, SL3 Fone: 3248-0669 Erta Salão de Beleza Unisex e kids - Massoterapia Rua Des. Pedro Silva, 2692, Piso Superior – Coqueiros Fone: 3249-5362 Banho e tosa; médico veterinário; medicamentos; acessórios e rações. Dentes escovados, unhas cortadas, ouvidos limpos e higienizados e tosa higiênica. Rua Capitão Euclides de Castro, 344em frente ao Parque de Coqueiros. ELETRÔNICA RESTAURANTES Restaurante Moca Aberto de 3ª a domingo a partir das 10h até 00h Verão e Inverno Especializado em frutos do mar: Camarão na moranga, à grega; linguado à moda da casa com molho branco; pastel de camarão, de berbigão, aperitivos e porções. Aceitamos cartão de débito e crédito. Fazemos reserva. Rua das Palmeiras, 136- Itaguaçu- de frente para o mar 3240-2331 e 8465-5830 www.sites.google.com/site/vanzellapetshop LAVANDERIAS Musa’s BARBEARIA Renato Barbearia Salão masculino adulto e infantil LOCADORAS Prime Vídeo Locadora Locação de jogos playstation, conversão de VHS para DVD, e locação de filmes blue-ray – Horário diferenciado: das 13h às 24h Av. Almirante Tamandaré, 233 Fones: 3024-3136 e 9913-2738 Cabeleireiro Unisex Mega Hair-Vip- Técnicas de Keratina Microlink Entrelac. p/colocação de telas ou redes com pontos italiano e americano. Horário de atendimento: das 9 às 19h – de terça a sábado Av. Des. Pedro Silva, 2079         Fedoca By Cuca    MERCEARIAS Mercado Freitas Av. Dês. Pedro Silva, 2187 Fone: 3028-8818 Frutos do mar, música ao vivo, estacionamento, à beira-mar, especialidades: camarão à milanesa e moquecas. Ter/sexta- 18h – sab/dom – 12h Praça Praia do Meio – fundos Fone: 3249-0402 Pappatore Forneria Massas e pizzas MANICURE Vaga para manicure com experiência para trabalhar em Coqueiros. Tratar: 8431-0256 e 3248-0669

[close]

p. 11

NOVEMBRO / 2014 • www.folhadecoqueiros.com.br cartas FOTO KOLDEWAY A.C. 11 Ao prefeito de Florianópolis Perigo aos pedestres Conviver com retrocesso é doloroso. Escrevo esta mensagem para externar a minha tristeza ao constatar que a Prefeitura de Florianópolis insiste em andar na contramão das evidências. Evidências estas, escancaradas todos os dias no caos da mobilidade em Florianópolis. Moro no bairro Bom Abrigo e, como muitos, presto meus serviços diariamente na ilha da magia utilizando os “amarelinhos” das linhas Abraão e Bom Abrigo como meio de deslocamento, sobre os quais não poderia deixar de registrar a qualidade dos serviços no que tange ao conforto dos micro-ônibus, trato refinado dos motoristas para com os passageiros e respeito aos horários estabelecidos. Com o início do funcionamento das linhas do “Consórcio Fênix”, que a princípio foi criado para melhorar a vida dos cidadãos, os “amarelinhos” deram lugar aos “amarelões”, ônibus de tamanho padrão que passaram a fazer, até o centro da cidade, a mesma linha dos ônibus normais, ao preço de R$ 5,50, deixando de atender aos usuários dos bairros Bom Abrigo e Itaguaçu. Com isto senhor prefeito, fomos forçados a voltar a utilizar nossos carros contribuindo ainda mais para o afogamento das ruas de Coqueiros que já não suportam o fluxo de veículos nos horários de pico. Bons tempos àqueles em que me orgulhava de utilizar o transporte coletivo e incentivava os amigos a fazerem o mesmo, dadas as facilidades que os “amarelinhos” proporcionavam aos que se deslocavam até a Avenida Hercílio Luz, Praça Pereira Oliveira, Tenente Silveira e adjacências, e com os horários precisos de saída e chegada. Senhor prefeito, se não for possível reverter a situação, e definitivamente tivermos que continuar utilizando os nossos carros, só nos resta agradecer a sua colaboração no sentido de fazer com que contribuamos para piorar a mobilidade na cidade, uma vez que nos foi tirado o meio de transporte, apregoado pelos especialistas, como uma das soluções para a diminuição do caos no trânsito de Florianópolis. Aurea Marilza Rosa Venho por meio deste conceituado jornal Folha de Coqueiros alertar às pessoas que passam diariamente na Avenida Desembargador Pedro Silva, na curva existente próximo ao Restaurante Trintão, que faz tempo não existe segurança das barras de ferro existente para proteção de pedestres, algumas caídas e outras furtadas. Espero que esta denúncia seja atendida pelos responsáveis pela manutenção e resolvam esta situação o mais rápido possível antes que aconteça o pior. Nacor de Oliveira Serapião Filho Faço esse itinerário há anos. O Abraão/Córrego passa longe de casa e do meu local de trabalho. Tenho mobilidade reduzida e a mudança afetou negativamente minha vida. O “amarelinho” era mais confortável e a quantidade de assentos suficientes. Agora o executivo anda praticamente vazio! Deixo como sugestão que o executivo passe pela Capitão Savas que também poderá ser de hora em hora com antes. Se a Folha de Coqueiros dispuser de um canal de comunicação com as autoridades, gostaria que minha reclamação seguisse adiante. Cintia Silveira Prevenir sempre Mudança dos ônibus aqui, uma ação do bairro contrária a estas mudanças, que possamos nos manifestar de forma ampliada, pois juntos somos mais fortes! Flávia Elisa Haut Trabalho neste bairro há mais de 15 anos e estou vendo muita indignação por parte das pessoas em virtude das recentes mudanças dos ônibus. A perda da linha executiva Abraão e Bom Abrigo tem prejudicado muitas pessoas, já que seu itinerário incluía a clínica Santa Helena, o CEFID e outras de interesse da população. Além disso, perdemos também porque a linha passava por Capoeiras, por onde a linha substituta nº. 3001 Executivo Abraão/Córrego Grande, não passa mais, além do aumento do valor da passagem em R$ 1,00. Quero sugerir, Extinção da linha Bom Abrigo Gostaria de me manifestar quanto à extinção da linha do executivo Bom Abrigo. Dependo dessa linha para trabalhar, pois é a que passa mais próxima da minha casa. Peço a todos os moradores de Coqueiros que tomem todas as medidas preventivas em suas casas e condomínios quanto à segurança, pois tive meu carro arrombado na própria garagem do condomínio que moro na Rua Abel Capela. Não podemos nos descuidar em nenhum momento e devemos estar sempre atentos aos portões de nossas residências. Temos que fazer nossa parte, não podemos esperar pelos departamentos de segurança pública, infelizmente. Aproveito para levantar um questionamento: a câmera localizada na Abel Capela esquina com a Conceppta Araújo Figueiredo está funcionando? Aguardo a resposta das autoridades. Hermes Gregório No último dia 12 de outubro, a Apaff Futsal Floripa com a Fundação Municipal de Esporte entregaram mais de 200 brinquedos, sendo 110 brinquedos na Creche Herdeiros do Futuro - no bairro Monte Cristo - e 90 brinquedos distribuídos na Mercearia Ori para crianças do bairro Abraão. Com o apoio do Treinador Campana e do amigo Coelho. O Conselho de Apoio à Comunidade Carente Agradece aqueles que com a mão e o coração colaboraram com a festa Dia das Crianças Empresários, deputados, vereadores, restaurantes, bares, churrascarias, lanches, fruteiras, produtos naturais, papelarias, ateliê de costura, eletrônicas, lavanderias, salões de beleza, barbearias, lojas de móveis, lojas de calçados, confecções, moda íntima, lotéricas, Mesa Brasil, posto de gasolina, bancos, C.E.F , imobiliárias, floriculturas, construtoras, síndicos (as), amigos particulares, voluntários, Folha de Coqueiros, Hamburgueria. Nosso muito obrigado Luiz Gonzaga de Souza Presidente

[close]

p. 12

12                                 mesa farta NOVEMBRO / 2014 • www.folhadecoqueiros.com.br Mercearia Ori lança linha de cachaças especiais FOTO FÁTIMA DAMACENO       m dos mais tradicionais pontos de encontro da região continental, a Mercearia do Ori, localizada no bairro Abraão, decidiu investir numa linha de cachaças artesanais que leva o nome do bar. O lançamento aconteceu dia 31 de outubro e reuniu cerca de 200 pessoas, que puderam degustar o produto, bem como um carreteiro. São cinco diferentes tipos de cachaça: extra premium, premium, carvalho, ouro e prata. “Já tínhamos essa ideia há mais de um ano, mas demoramos uma pouco para implementá-la porque queríamos um fornecedor que garantisse um produto de ótima qualidade”, conta Alex, que junto com o irmão Odorico, é o responsável pela Mercearia. Conforme ele, o destilado é produzido em Luís Alves, por uma das melhores cachaça- Alex: um ótimo presente de final de ano rias do município. A bebida também pode ser adquirida em bonitas embalagens de madeira. “É um ótimo presente de final de ano”, assegura Alex. Com o lançamento da cachaça os dois irmãos mantém Até o dia 30 de novembro é possível experimentar uma tradição que veio do pai Ori, que - quando abriu o bar, uma típica comida de boteco a preços promocionais em 1973 – recebeu o conselho de não servir “caninha”. Ele no Zé Mané, na Praia do Meio. O local aderiu ao não deu ouvidos à recomendação e o acerto dessa decisão festival Bar em Bar, promovido pela Abrasel/SC e está pode ser conferido no número de frequentadores que batem oferecendo a porção de bolinho de linguiça defumada ponto no local. Ao longo de 41 anos, a Mercearia se tornou com 50% de desconto (R$ 12,00). uma referência, servindo manezinhos ilustres como o poeta A promoção é válida nos domingos e segundasZininho e Aldírio Simões. feiras. U Por Márcia Quartiero Bar em Bar FOTO SÉRGIO VIGNES                      $%& '  () *+) $,- + )*+)             ! "#       $ !$ !"  *  !: #! "'( !$  ' ! 9   !6#  ! 6  7!8 ! Tacos Nachos Burritos quesadrillas Saladas Especiais Rua Bento Goiá, 102 - Coqueiros - Fpolis (48) 3364 1586 ) " *#  +,- #  #  (- #.," " *#  ( ##  () #/     &&&'(  )* '#   !  +,-!, 2314 5 .#  !+,-!, / '  !0  !+1,-!,       !" # $ %  ! 01" ("    23-4#5 6  #  3-4# 17 #3-4#8"#  " #3-4#- 5 ,       #17 3-4#- 8"#  " #3-4#-              !  "# $ %" & #'"(  !  "#

[close]

Comments

no comments yet