Zefirelo e o cão - Péricles Augusto de Cenço e Carla Pilla

 

Embed or link this publication

Description

Zefirelo e o cão - Péricles Augusto de Cenço e Carla Pilla

Popular Pages


p. 1



[close]

p. 2

Péricles Augusto de Cenço Ilustrações de Carla Pilla

[close]

p. 3



[close]

p. 4

Era uma manhã linda. Zefirelo estava tomando café com os seus irmãos quando escutou sua mãe, dona Jucélia, contar uma história terrível que tinha ouvido na feira, sobre um cão que comia sapos. Na mesa do café ficaram todos alarmados. Zefirelo ficou assustado.

[close]

p. 5

Saindo dali, ele foi conversar com Alfredo, seu amigo pássaro. Ele queria saber se Alfredo tinha ouvido falar sobre aquele cão que comia sapos.

[close]

p. 6

Alfredo não tinha ouvido nada sobre um cão que comia sapos e sim sobre um cão terrível que comia pássaros. Zefirelo ficou mais assustado.

[close]

p. 7

Ele deixou Alfredo e foi falar com Nestor, seu amigo peixe. Nestor também vivia no laguinho e era um peixe muito estudioso. Ele sabia muitas coisas e talvez pudesse contar algo sobre o tal cão, que comia sapos e pássaros.

[close]

p. 8

Nestor não sabia nada sobre um cão que comia sapos e pássaros, mas tinha ouvido falar de um cão horrível que vinha comendo os peixes do laguinho. Zefirelo ficou completamente assustado. Era um cão que comia sapos, pássaros e peixes!

[close]

p. 9

Naquele mesmo dia, dona Jucélia chamou Zefirelo e pediu que ele fosse à feira comprar as coisas deliciosas que ela iria servir no jantar. Zefirelo disse que não podia, mas dona Jucélia insistiu e ele não teve como escapar.

[close]

p. 10

A verdade é que ele estava com muito medo de andar pelo bosque sozinho, com aquele cão terrível solto por aí. Mas não teve jeito. O negócio foi anotar tudo que tinha que comprar – minhocas, mosquitos e algumas folhas de alface – e sair para a feira.

[close]

Comments

no comments yet